Your SlideShare is downloading. ×
0
Separatismo europa
Separatismo europa
Separatismo europa
Separatismo europa
Separatismo europa
Separatismo europa
Separatismo europa
Separatismo europa
Separatismo europa
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Separatismo europa

4,012

Published on

ewsd\cdvd\

ewsd\cdvd\

Published in: Education, News & Politics
1 Comment
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
4,012
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
28
Comments
1
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1.
    • Movimentos separatistas ganham força na U.E
    • Fatores:
    • Fracasso da criação de uma identidade européia.
    • Coesão das identidades nacionais.
    • Possibilidade de reconhecimento automático
    • pela U.E.
    • Economias fortes / estáveis (dos que apóiam
    • a separação)
    • Bloco: deve potencializar os interesses nacionais.
    • Ex.: Segurança energética.
  • 2. Separatismo Belga País dividido: Flamengos (falam holandês) Valões (falam francês) Flamengos: historicamente oprimidos pelos Valões hoje buscam o separatismo. Flandres: Região mais rica (atualidade) Exportação de produtos de ponta. Baixo índice de desemprego. Valônia: Indústria obsoleta. Desemprego elevado (17%)
  • 3. Espanha 17 regiões autônomas que exigem maior autonomia. Catalunha: 73% da população votou pelo aumento da autonomia regional. País Basco: Ação do grupo ETA. Referendo popular convocado para 25/10/08 .
  • 4. Catalunha Província Basca Nordeste da Espanha Sudoeste da França.
  • 5.
    • ETA
    • (Pátria Basca e Liberdade)
    • 1959 – nasce como grupo socialista - nacionalista.
    • Luta contra a ditadura e pela cultura basca.
    • 1975 - Fim da ditadura: maior autonomia da região.
    • Fundação do Herri Batasuna (Unidade Popular)
    • Governo Felipe Gonzales coloca o
    • país no MCE (1986).
    • Ampliação dos investimentos e maior desenvolvimento da Espanha.
  • 6.
    • Fortalecimento da elite local e redução
    • do apoio ao terrorismo.
    • ETA – Propõe a Alternativa democrática e o fim dos atentados.
    • Governo quer a deposição de armas.
    • Após o 11 de março de 2004.
    • Perde apoio popular.
    • Saída de Jose Maria Aznar.
    • Vitória do Partido Operário – Presidente Zapatero.
    • 2007 - retoma os atentados
  • 7. Tchetchênia
    • A Rússia está dividida em:
      • 20 repúblicas autônomas (maioria étnica)
      • 08 regiões autônomas (minoria étnica)
      • Com o fim do Império Soviético há um forte movimento separatista nas regiões com minorias étnicas.
      • A Tchetchênia é o principal foco de tensões
  • 8. Tchetchênia
  • 9. Principais rotas de escoamento da produção de petróleo e gás.

×