Your SlideShare is downloading. ×
Desequilibrios ambientais
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×

Introducing the official SlideShare app

Stunning, full-screen experience for iPhone and Android

Text the download link to your phone

Standard text messaging rates apply

Desequilibrios ambientais

8,068
views

Published on

SITE: www.tioronni.com.br …

SITE: www.tioronni.com.br
E-MAIL: tio_ronni@hotmail.com


0 Comments
3 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total Views
8,068
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1
Actions
Shares
0
Downloads
226
Comments
0
Likes
3
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Criado e Desenvolvido por: Todos os direitos são reservados ©2013. www.tioronni.com.br
  • 2. Impactos Ambientais Definições  Impacto Ambiental É um desequilíbrio provocado pelo choque da relação do homem com o meio ambiente surgiu a partir da evolução humana, ou seja, no momento em que o homem começou a evoluir em seu modo de vida.
  • 3. Impactos Ambientais Definições  Impacto Ambiental (Conceito Jurídico) "qualquer alteração das propriedades físicas, químicas e biológicas do meio ambiente causada por qualquer forma de matéria ou energia resultante das atividades humanas que direta ou indiretamente, afetam: I - a saúde, a segurança e o bem estar da população; II - as atividades sociais e econômicas; III - a biota; IV - as condições estéticas e sanitárias do meio ambiente; V - a qualidade dos recursos ambientais.
  • 4. Impactos Ambientais Definições  Impacto Ambiental Será sempre associado a atividade humana? Não! Pois impactos ambientais podem ser resultado de acidentes naturais: a explosão de um vulcão, o choque de um meteoro, um raio, etc. Mas devemos dar cada vez mais atenção aos impactos causados pela ação do homem.
  • 5. Impactos Ambientais 1) Definições  Tipos de Impactos Ambientais Classificação Tipo Em relação aos impactos Benéficos ou prejudiciais (positivos ou negativos) Planejados ou acidentais Diretos ou indiretos Cumulativos ou simples Em relação ao tempo de duração Reversíveis ou irreversíveis Curto ou longo prazo Temporários ou contínuos Em relação à área de abrangência Local Regional Nacional Internacional (Global) Em relação ao potencial de mitigação Mitigáveis Não -mitigáveis
  • 6. Impactos Ambientais Definições  Meio Ambiente É o conjunto de condições, leis, influencia e interações de ordem física, química, biológica, social, cultural e urbanística, que permite, abriga e rege a vida em todas as suas formas. ‘
  • 7. Impactos Ambientais Definições  Desenvolvimento sustentável É o desenvolvimento capaz de suprir as necessidades da geração atual, sem comprometer a capacidade de atender as necessidades das futuras gerações. ‘ O que é preciso para alcançá-lo? Para ser alcançado, o desenvolvimento sustentável depende de planejamento e do reconhecimento de que os recursos naturais são finitos.
  • 8. Impactos Ambientais O ponto “X” do problema A explosão demográfica mundial  População atual do planeta: 5,5 bilhões de habitantes.  Média anual de crescimento: 2%  Se a média for mantida a população do planta dobrará em apenas 36 anos. Perigo! Capacidade máxima planetária de suporte 12 bilhões de habitantes.
  • 9. Impactos Ambientais O ponto “X” do problema A explosão demográfica mundial  Previsões para meados do século XXI  Combustíveis fósseis próximos do limite econômico.  Terras agricultáveis em escassez, perda de solo devido à erosão e aos processos de urbanização.  Produção agrícola saturada.
  • 10. Impactos Ambientais PRINCIPAIS IMPACTOS AMBIENTAIS CAUSADOS PELO HOMEM
  • 11. Impactos Ambientais A questão do lixo
  • 12. Impactos Ambientais A questão do lixo Produção de lixo por dia  EUA: 607 mil toneladas/dia  Brasil: 130 mil toneladas/dia  Alemanha: 80 mil toneladas/dia  Inglaterra: 70 mil toneladas/ dia Produção de lixo por habitante/dia  EUA: 1,8 kg  Brasil (São Paulo): 1,2 kg  Argélia: 0,27 kg  Congo: 0,6 kg  Mundo: 0,7 kg
  • 13. Impactos Ambientais A questão do lixo Lixo (Conceito): É todo material descartado no meio ambiente, proveniente das atividades humanas.
  • 14. Impactos Ambientais A questão do lixo Principais problemas ambientais associados à destinação incorreta do lixo:  Mau cheiro;  Proliferação de animais nocivos e transmissores de doenças (ratos, formigas, moscas e mosquitos);  O chorume produzido na decomposição contamina o solo e o lençol freático, rios e lagoas;  Sua queima libera gases nocivos aos seres vivos;  Morte de animais por sufocamento e/ou alteração das condições climáticas do habitat.
  • 15. Impactos Ambientais A questão do lixo O lixo urbano é um dos maiores problemas ambientais da atualidade, pois os moldes de consumo adotados pela maioria das sociedades modernas provocam o aumento contínuo e exagerado na quantidade de lixo produzido. Vídeo: reciclagem de celulares no Japão.
  • 16. Impactos Ambientais A questão do lixo A ilha de plástico Vídeo: A ilha de plástico no pacífico.
  • 17. Impactos Ambientais A questão do lixo Lixo (Conceito): É todo material descartado no meio ambiente, proveniente das atividades humanas.
  • 18. Impactos Ambientais A questão do lixo Alternativas e soluções: Compostagem A compostagem é um processo biológico em que os microrganismos transformam a matéria orgânica, como estrume, folhas, papel e restos de comida, num material semelhante ao solo, a que se chama composto, e que pode ser utilizado como adubo.
  • 19. Impactos Ambientais A questão do lixo Alternativas e soluções: Compostagem
  • 20. Impactos Ambientais A questão do lixo Alternativas e soluções: Reciclagem A regra dos 3 R’s I. Reduzir: Sempre que possível devemos diminuir a nossa produção de resíduos, pois quanto menos produzirmos, menores serão os problemas para acondicionar, coletar, transportar e dar destino final. II. Reutilizar: Frequentemente podemos reutilizar materiais que no passado seriam simplesmente descartados. III. Reciclar: Significa transformar resíduos em novos produtos. O resíduo é tratado como matéria prima, evitando sua extração.
  • 21. Impactos Ambientais A questão do lixo Alternativas e soluções: Reciclagem
  • 22. Impactos Ambientais A questão do lixo Alternativas e soluções: Destinação correta do lixo Lixão: Não recomendado! São locais onde o lixo é depositado, em grande quantidade, sobre a superfície do solo e a céu aberto, sem qualquer controle sobre os efeitos danosos ao ambiente e a população.
  • 23. Impactos Ambientais A questão do lixo Alternativas e soluções: Destinação correta do lixo Aterro controlado: Não recomendado! Consiste em um lixão coberto por terra, e depois por camadas sucessivas de terra e lixo, mas sem procedimentos de impermeabilização do solo.
  • 24. Impactos Ambientais A questão do lixo Alternativas e soluções: Destinação correta do lixo Aterro sanitário: Recomendado! Obra de engenharia que segue normas rígidas de segurança permite a confinação segura do lixo em termos de controle de poluição ambiental. Vantagens:  Reduz os riscos de contaminação do lençol freático;  Não permite a proliferação de vetores de doenças;  Possibilidade de obtenção de metano para produção de energia;  Reduz o mau cheiro;  Reduz a poluição visual.
  • 25. Impactos Ambientais A questão do lixo Alternativas e soluções: Destinação correta do lixo Aterro sanitário: Recomendado!
  • 26. Impactos Ambientais A questão do lixo Alternativas e soluções: Destinação correta do lixo Aterro sanitário: Recomendado!
  • 27. Impactos Ambientais Atividades Mineradoras
  • 28. Impactos Ambientais Atividades Mineradoras Mineração (conceito) Mineração é um termo que abrange os processos e atividades industriais cujo objetivo é a extração de substâncias minerais a partir de depósitos ou massas minerais. São exemplos de atividades de mineração:  Extração de ferro, manganês, bauxita, ouro, prata,...  Captação de água;  Extração de calcário, granito e quartzo.
  • 29. Impactos Ambientais Atividades Mineradoras Importância A atividade mineral é responsável, direta ou indiretamente pela produção de todos os bens de consumo e infra-estrutura da sociedade moderna.
  • 30. Impactos Ambientais Atividades Mineradoras Importância Bens minerais como calcário, fosfato e potássio são essenciais para possibilitar uma maior produtividade agrícola/hectare, contribuindo para a redução do desmatamento.
  • 31. Impactos Ambientais Atividades Mineradoras Impactos sobre os recursos hídricos
  • 32. Impactos Ambientais Atividades Mineradoras Impactos sobre os recursos hídricos
  • 33. Impactos Ambientais Atividades Mineradoras Desmatamentos
  • 34. Impactos Ambientais Atividades Mineradoras Desmatamentos
  • 35. Impactos Ambientais Atividades Mineradoras Alteração do relevo e da paisagem
  • 36. Impactos Ambientais Atividades Mineradoras Alteração do relevo e da paisagem Serra do curral
  • 37. Impactos Ambientais Atividades Mineradoras Destruição de habitats, espécies e redução da biodiversidade.
  • 38. Impactos Ambientais Agricultura
  • 39. Impactos Ambientais Agricultura Conceito Agricultura é o conjunto de técnicas utilizadas para cultivar plantas com o objetivo de obter alimentos, fibras, energia, matéria-prima para roupas, construções, medicamentos, ferramentas, ou apenas para contemplação estética.
  • 40. Impactos Ambientais Agricultura O papel do Brasil Segundo a FAO (Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação), o Brasil está com a maior disponibilidade de terras agricultáveis sustentáveis. Essa posição implica maior responsabilidade como fornecedor estratégico de produtos agrícolas.
  • 41. Impactos Ambientais Agricultura O papel do Brasil Em 2008 o Brasil exportou 33,3 bilhões de dólares em alimentos processados; em 2009, a despeito da crise mundial, a ABIA estima que as vendas externas devam ficar em torno de 30 bilhões de dólares, o equivalente a 23% de toda a indústria brasileira.
  • 42. Impactos Ambientais Agricultura A fome no mundo é devido à falta de alimento? O Brasil é um país de contrastes: é o 4º produtor mundial de alimentos, mas ocupa o 6º no mundo em subnutrição, perdendo apenas para a Índia, Bangladesh, Paquistão, Filipinas e Indonésia; é o 8º país nos indicadores econômicos e o 52º nos sociais, o que demonstra o desequilíbrio que existe entre o seu potencial econômico e a qualidade de vida da população.
  • 43. Impactos Ambientais Agricultura Os verdadeiros motivos da fome no mundo  A grande diferença de renda e seu contraste: poucos ganham muito e muitos, pouco;  O sub-aproveitamento do espaço rural por atividades agropastoris, enquanto milhões de pessoas não possuem terra para cultivar;  A utilização da terra para uma agricultura comercial de exportação, em detrimento da agricultura voltada para o mercado interno;  A injusta e antidemocrática estrutura fundiária, marcada na concentração de grandes latifúndios nas mãos de poucos;  O difícil acesso aos meios de produção pelos pequenos produtores rurais e população em geral;  A falta de uma política agrária que leve o homem do campo a lá permanecer e produzir;  A influência das transnacionais de alimentos na produção agrícola e nos hábitos alimentares da população.
  • 44. Impactos Ambientais Agricultura Os principais impactos associados. Devido à irrigação  Redução da disponibilidade hídrica em algumas regiões menos favorecidas.  Favorecimento de erosão em regiões de solo descoberto.  Salinização de solos, principalmente em regiões áridas e semi-áridas.  Contaminação dos mananciais devido ao lixiviamento de inseticidas, pesticidas e fertilizantes.
  • 45. Impactos Ambientais Agricultura Os principais impactos associados.
  • 46. Impactos Ambientais Agricultura Os principais impactos associados.
  • 47. Impactos Ambientais Agricultura Os principais impactos associados.
  • 48. Impactos Ambientais Agricultura Os principais impactos associados. Uso da água
  • 49. Impactos Ambientais Agricultura Os principais impactos associados. Sobre a atmosfera  Desmatamentos e redução de áreas de grande biodiversidade (cerrado e floresta amazônica).  Fragmentação de habitats causando a redução da biodiversidade.  Empobrecimento do solo  Desertificação e Erosão do solo
  • 50. Impactos Ambientais Agricultura Alternativas ecologicamente corretas Rotação de culturas É uma técnica agrícola de conservação que visa diminuir a exaustão do solo. Isto é feito trocando as culturas a cada novo plantio de forma que as necessidades de adubação sejam diferentes a cada ciclo.  Consiste em alternar espécies vegetais, numa mesma área agrícola.
  • 51. Impactos Ambientais Agricultura Alternativas ecologicamente corretas Rotação de culturas
  • 52. Impactos Ambientais Agricultura Alternativas ecologicamente corretas Adubação verde Consiste em adicionar ao solo fragmento de espécies leguminosas, visando aumentar o teor de nitrogênio do mesmo, ou o plantio consorciado/alternado de espécies leguminosas e não leguminosas.
  • 53. Impactos Ambientais Pecuária
  • 54. Impactos Ambientais Pecuária Conceito Conjunto de processos técnicos usados na domesticação e criação de animais com objetivos econômicos, feita no campo.
  • 55. Impactos Ambientais Pecuária Visão Geral - Impactos  A pecuária bovina responde por 4/5 dos desmatamentos e queimadas na Amazônia.  Em 50 anos viu-se 70 milhões de hectares de floresta virarem pasto (70 vezes a superfície do Líbano).  No Brasil a pecuária é responsável por cerca de 80% de todo o desmatamento dos biomas.
  • 56. Impactos Ambientais Pecuária Visão Geral - Impactos  O desmatamento de florestas para a aberturas de áreas de pastagens contribuem em torno de 55% com as emissões brasileiras de CO2 devido as queimadas.  Em 30 anos, uma área equivalente à França foi desmatada na região amazônica para dar lugar a áreas de pastagens.  Pecuária – Emissão de metano (Efeito Estufa). o 1 boi libera cerca de 140 kg de metano por ano.
  • 57. Impactos Ambientais Pecuária Visão Geral - Impactos  Compactação do solo devido ao pisoteio do gado.  Empobrecimento do solo.  Favorecimento da erosão e formação de voçorocas.  Contaminação de lagos, rios e lençol freático devido ao transporte de substâncias dos dejetos animais para estes locais.
  • 58. Impactos Ambientais Pecuária Visão Geral - Impactos
  • 59. Impactos Ambientais Pecuária Visão Geral - Impactos
  • 60. Impactos Ambientais Poluição Atmosférica
  • 61. Impactos Ambientais Poluição Atmosférica Os principais gases poluentes
  • 62. Impactos Ambientais Poluição Atmosférica Os principais atividades humanas que poluem a atmosfera.  Queima de combustíveis fósseis;  Queima do lixo;  Queimada de florestas;  Incêndios;  Indústrias (fornos, incineradores, etc.);  Hidrelétricas;  Pecuária.
  • 63.  Monóxido de carbono (CO) o Gás incolor; o Inodoro; o Extremamente tóxico; o Liga-se irreversivelmente com a hemoglobina; o Podendo causar morte por asfixia; o Liberado na queima incompleta de compostos orgânicos. Impactos Ambientais Poluição Atmosférica Os principais gases poluentes
  • 64.  Dióxido de enxofre (SO2) o Produzido em processos industriais e veículos automotores; o Utilizado na produção do ácido sulfúrico; o Pode causar bronquite, asma e enfisema pulmonar; o Reage com o vapor d’água, formando o ácido sulfúrico (H2SO4), que precipita originando a chuva ácida. Impactos Ambientais Poluição Atmosférica Os principais gases poluentes
  • 65.  Dióxido de nitrogênio (NO2)  Liberado principalmente pela atividade industrial;  Provoca bronquite, asma e enfisema pulmonar;  Reage com o vapor d’água e origina o ácido nítrico (HNO3), o que contribui para a formação de chuvas ácidas. Impactos Ambientais Poluição Atmosférica Os principais gases poluentes
  • 66. Impactos Ambientais Consequências das chuvas ácidas  Diminuição do pH em ambientes aquáticos.  Inibe o crescimento de fitoplânctons, prejudicando a cadeia alimentar.  Diminuição da biodiversidade.  Lesões na superfície foliar em plantas.  Interferência no transporte de seiva pelas raízes.  Destruição de bactérias e fungos simbiontes.  Prejuízos à saúde humana (doenças). Poluição Atmosférica Os principais gases poluentes
  • 67. o As camadas de ar mais baixas são normalmente mais quentes, pois absorvem calor irradiado pela superfície terrestre. o O ar quente, por ser menos denso, sobe levando consigo os poluentes. Ao subir o ar torna-se frio e denso e acaba descendo novamente, criando uma corrente de convecção. Ar frio Ar quente Impactos Ambientais Poluição Atmosférica Inversão Térmica
  • 68. o Nos meses de inverno, o solo torna-se mais frio, o que resfria a camada de ar imediatamente acima (inversão térmica). Conseqüências da inversão térmica o Acúmulo de poluentes no ar das cidades; o Doenças respiratórias:  Bronquite  Asma  Enfisema pulmonar  Irritações nas mucosas Impactos Ambientais Poluição Atmosférica Os principais gases poluentes
  • 69. I. Da radiação solar que chega à Terra, parte é refletida pelas nuvens e pela superfície terrestre, enquanto outra parte é absorvida. II. Dessa energia absorvida, grande parte é irradiada na forma de calor (radiação infravermelha) mantendo a superfície terrestre aquecida. III. Vapor d’água, gás carbônico (CO2), metano (CH4), dióxido de nitrogênio (NO2) são os principais responsáveis pela absorção de calor. Impactos Ambientais Poluição Atmosférica Efeito Estufa
  • 70. IV. Este fenômeno que ocorre naturalmente é conhecido como Efeito Estufa. Impactos Ambientais Poluição Atmosférica Efeito Estufa
  • 71. Acúmulo de CO2 Impactos Ambientais Poluição Atmosférica Efeito Estufa
  • 72.  Aumento do Efeito Estufa o Concentração de CO2 na atmosfera  Antes da revolução industrial: 0,029%  Após a revolução industrial: 0,040% 38% de aumento Impactos Ambientais Poluição Atmosférica Efeito Estufa
  • 73. Gás metano (CH4)  Produzido no processo de decomposição da matéria orgânica.  Fontes de emissão:  Pântanos;  Agricultura;  Pecuária (digestão de animais herbívoros). Impactos Ambientais Poluição Atmosférica Efeito Estufa
  • 74. Gás metano (CH4)  Produzido no processo de decomposição da matéria orgânica.  Fontes de emissão:  Pântanos;  Agricultura;  Pecuária (digestão de animais herbívoros). Impactos Ambientais Poluição Atmosférica Efeito Estufa
  • 75. Impactos Ambientais Poluição Hídrica
  • 76.  Promove o aumento da quantidade de nutrientes no ambiente aquático.  Leva à ocorrência da eutrofização. Poluição Hídrica Eutrofização Impactos Ambientais
  • 77. ↑ níveis de Nitrogênio, Potássio e fósforo na água Crescimento populacional de algas, que produzem oxigênio na fotossíntese. Proliferação de bactérias aeróbicas. Redução da concentração de oxigênio da água. Morte de vários animais aquáticos (peixes) Proliferação de bactérias anaeróbicas Produção de gases mal- cheirosos Poluição do rio/lago/mar Poluição Hídrica Eutrofização Impactos Ambientais
  • 78. Lagoa da Pampulha Rio Tietê Poluição Hídrica Eutrofização Impactos Ambientais
  • 79.  Ocorre devido ao acúmulo de algas unicelulares (dinoflagelados)  Muitas vezes o acúmulo dessas algas se deve ao processo de eutrofização.  Em excesso, as algas produzem componentes químicos tóxicos na água, causando a morte de milhares de peixes. (amensalismo). Maré vermelha Peixes mortos Poluição Hídrica Maré Vermelha Impactos Ambientais
  • 80. Impactos Ambientais Perda da Biodiversidade
  • 81. Impactos Ambientais Perda da Biodiversidade Conceito de biodiversidade  A biodiversidade engloba a variedade de genes, espécies e ecossistemas que constituem a vida no planeta.
  • 82. Impactos Ambientais Perda da Biodiversidade Fatores causadores da redução da biodiversidade  Introdução de espécies exóticas. o Ex: Mexilhão dourado, caramujo africano, abelha africana.
  • 83. Impactos Ambientais Perda da Biodiversidade Mexilhão dourado (Espécie Exótica Invasora)
  • 84. Impactos Ambientais Perda da Biodiversidade Fatores causadores da redução da biodiversidade  Fragmentação de habitats
  • 85. Impactos Ambientais Perda da Biodiversidade Fatores causadores da redução da biodiversidade  Fragmentação de habitats
  • 86. Impactos Ambientais Perda da Biodiversidade Fatores causadores da redução da biodiversidade  Caça/Pesca predatória – Tráfico de Animais
  • 87. Impactos Ambientais Perda da Biodiversidade Fatores causadores da redução da biodiversidade  Caça/Pesca predatória – Tráfico de Animais
  • 88. Impactos Ambientais Perda da Biodiversidade Fatores causadores da redução da biodiversidade  Caça/Pesca predatória – Tráfico de Animais
  • 89. Impactos Ambientais Hidrelétricas
  • 90. Impactos Ambientais Hidrelétricas
  • 91. • Algumas críticas:  Destruição de biodiversidade;  Emissão de poluentes atmosféricos;  Alteração das condições físico e químicas da água;  Deslocamento de populações humanas vulneráveis. • Alguns pontos positivos:  Forma barata de produção de energia, principalmente para grandes centros urbanos;  Fonte renovável de energia;  Outras fontes de energia também levam a impactos ambientais. Impactos Ambientais
  • 92. Impactos Ambientais Impactos Medidas mitigatórias Impactos do reservatório em si Inundação de hábitas naturais Criação de áreas compensatórias de proteção Perda de biodiversidade terrestre Resgate de fauna Deslocamento involuntário Reassentamento associado a medidas assintenciais Deterioração da qualidade de água Retirada da vegetação + controle de poluição das águas Mudanças hidrológicas à jusante Controle de liberação das águas Doenças relacionadas à água Uso de medidas de saúde pública Impactos sobre peixes e outras formas de vida aquáticas Controle de liberação das águas + passagens para peixes + controle de pesca Impactos sobre macrófitas Controle da poluição + remoção de espécies invasoras Perda de propriedade cultural Resgate de estruturas e objetos de interesse Sedimentação em reservatórios Manejo da bacia e uso de tecnicas de manejo dos sedimentos Gases de efeito estufa escolha lugar para construção do reservatório + retirada vegetação
  • 93. Impactos Ambientais Ilha das Flores – Documentário – 10 min