Your SlideShare is downloading. ×
0
C1211 a semente
C1211 a semente
C1211 a semente
C1211 a semente
C1211 a semente
C1211 a semente
C1211 a semente
C1211 a semente
C1211 a semente
C1211 a semente
C1211 a semente
C1211 a semente
C1211 a semente
C1211 a semente
C1211 a semente
C1211 a semente
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

C1211 a semente

1,242

Published on

ROTEIRO HOMILÉTICO DO 11.º DOMINGO DO TEMPO COMUM - ANO B …

ROTEIRO HOMILÉTICO DO 11.º DOMINGO DO TEMPO COMUM - ANO B
FONTE: http://www.buscandonovasaguas.com/

Published in: Spiritual
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
1,242
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
1
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. A Liturgia desse domingonos oferece a oportunidadede refletir sobre a Vida e a Ação da Igreja dehoje.As reações e atitudessão as mais diversas…- Uns tradicionais,preocupados com asmudanças, desabafam:"A Igreja não é mais aquela…Se a Igreja não fizeralguma coisa logo,vai perder seus adeptos…"
  • 2. - Outros, que se dizemprogressistas, lutam impacientes com todosos meios,até violentos, para introduzirtransformações mais eficientes…A Palavra de Deus de hojeafirma que o Reino de Deus não é obrados homens, é obra de Deus eque a Comunidade Cristãdeve ter confiança total
  • 3. A 1ª Leitura lembra que a árvore nasce de umpequeno REBENTO. (Ez 17,22-24)O Povo vivia no exílio e na escravidão, sem perspectivas de libertação.O profeta Ezequieltransmite umamensagem de ESPERANÇA:Deus não se esqueceu do seu povo.Ele irá até a Babilônia,tomará um ramo da dinastia de Davi eo plantará no alto de umamontanha da terra de Israel.
  • 4. O pequeno rebentocrescerá e se tornará um cedromagnífico,no qual os passarinhosfarão seus ninhos.- Jesus será o rebentodo majestoso cedro queDeus plantou na Terra.As aves, que vêmpousar em seus ramos,representam todosos povos do mundo,convidados a encontrarsua moradanas suas ramagens.
  • 5. Na 2ª Leitura,Paulo, no final desua vida, cansadopelos anose pelas provações,deseja repousarpara sempre comDeus e com Cristo.Mas está disposto a continuar naluta com todas as suasforças,enquanto Deusquiser.
  • 6. No Evangelho Jesus compara o Reino de Deus a uma SEMENTE. (Mc 4,26-34)- Jesus iniciara com sucesso sua atividade missionária. Todavia o primeiro entusiasmo foi cedendo espaço ao desânimo dos discípulos e às hostilidades dos adversários. Qual seria o futuro da missão de Jesus?- Reflete também a situação das primeiras comunidades cristãs.
  • 7. Após o entusiasmo inicial, sentem-se dominados pelo desânimo, pelas dúvidas, pelas crises e pelo abandono da fé.Marcos usa DUAS PARÁBOLAS de Jesus para superaressas crises da comunidade: A Semente e o Grão de Mostarda.Elas revelam a natureza e a dinâmica do Reino, que estáacontecendona vida de Jesus e continua se realizando na comunidade da Igreja.
  • 8. 1. A Parábola da Sementefixa o ritmo de crescimentodo Reino de Deus: o processo é lento. O colono semeia eaguarda com paciência. A semente vaigerminando e crescendolentamente, mesmo sem a participação dolavrador.* A força vital de Deusage, garantindo o sucesso da colheita, daMissão. Os frutos não dependemde quem a semeou, mas da força dasemente. O crescimento do Reino
  • 9. 2. O Grão de Mostarda destaca o grandioso resultado da ação de Deus.O Reino, uma semente pequena e insignificante no começo,torna-se proposta universal, aberta a todas as nações e povos,que vão aderindo ao projeto de Deus, semeado por Jesus.Assim o Reino de Deus é uma árvore frondosa, ampla e acolhedora.
  • 10. O que dizem essasParábolas para nós, hoje?Elas evocam a forçada Palavra de Deus,na vida e na ação da Igreja.- Certas pessoas andampreocupadas porque os grupos sãopequenos. As comunidadescomprometidas sãocada vez mais raras, as equipes reduzidas,as pastorais caminhandocom pouca gente. Elas têm como referênciauma religião de sucesso, com estádios cheios,celebrações pomposas...
  • 11. - Certos pais e educadoresgostariam que a sementeda Palavra produzisse logo os frutos. Nãoenxergam o resultado. E angustiados seperguntam: "Vale a penacontinuar semeando?"Nas parábolas, Jesus dá uma resposta, que nosrestitui a
  • 12. Após ter semeado, o que nos restafazer? Ser paciente eperseverar… SEMEAR E SABER ESPERAR… Depois de semeada, a semente germina e cresce sozinha em virtude da força que possui em simesma. Não depende dosmétodosutilizados pelo semeador. O tempo da colheita virá, mas só Deus sabe o dia e a hora. Ninguém pode apressar
  • 13. + Qual é a nossa atitude diante do agricultor, que SEMEIA com generosidade e sabe ESPERAR com paciência? - Temos FÉ na força da semente, mesmo não vendo os frutos? - Estamos convencidos de que o Reino de Deus é mais obra de DEUS, do que fruto do trabalho humano?
  • 14. O Reino de Deus é uma pequena semente.Somos convidados a continuar semeando com fé e confiança. Vale a pena semear!... Só assim poderemos colher!... Põe semente na terra, não será em vão... Pe. Antônio Geraldo Dalla Costa CS - 17.06.2011
  • 15. MEU DOMINGO Com a Palavra de Deus Meditada por: Pe. Antônio Geraldo Dalla Costa CS Ilustração: Nelso Geraldo Ferronatto Música: Toda Semente CD7 - Grupo vocal IsaecAcesse o Endereço: http://www.buscandonovasaguas.com

×