Your SlideShare is downloading. ×
14  18
14  18
14  18
14  18
14  18
14  18
14  18
14  18
14  18
14  18
14  18
14  18
14  18
14  18
14  18
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply
0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total Views
604
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
16
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Internet Segura
  • 2. QUE PRECAUÇÕES DEVEMOS TER AO NEVERGAR NA INTERNET?
    -Não fornecer palavras-passe e nomes de contas a terceiros;
    -Não dar o número de contas bancárias sem ter a certeza da segurança do site ou da pessoa que lhe pediu o número;
    -Não divulgar informações pessoais;
    -Ter cuidado com as fotos que se colocam no hi5, Blogues, MySpace, Facebook, etc.;
    -No caso de ter filhos ter em atenção os sites que ele frequenta e com quem fala.
  • 3. Por que se deve preocupar com a segurança do seu computador?
    Computadores domésticos são utilizados para realizar inúmeras tarefas, tais como: transacções financeiras, sejam elas bancárias ou mesmo compra de produtos e serviços; comunicação, por exemplo, através de e-mails; armazenamento de dados, sejam eles pessoais ou comerciais, etc.
    É importante que você se preocupe com a segurança de seu computador, pois você, provavelmente, não gostaria que:
    -suas senhas e números de cartões de crédito fossem furtados;
    -sua conta de acesso à Internet fosse utilizada por alguém não autorizado;
    -seus dados pessoais, ou até mesmo comerciais, fossem alterados, destruídos ou visualizados por estranhos, etc.
  • 4. Por que iria alguém querer invadir o seu computador?
    A resposta para esta pergunta não é simples. Os motivos pelos quais alguém tentaria invadir seu computador são inúmeros. Alguns destes motivos podem ser:
    -Utilizar o seu computador em alguma actividade ilícita, para esconder a sua real identidade e localização;
    -Utilizar o seu computador para lançar ataques contra outros computadores;
    -Utilizar o seu disco rígido como repositório de dados;
    -Meramente destruir informações (vandalismo);
    -Disseminar mensagens alarmantes e falsas;
    -Ler e enviar e-mails em seu nome;
    -Propagar vírus de computador;
    -Furtar números de cartões de crédito e senhas bancárias;
    -Furtar a senha da conta do seu provedor, para aceder àInternet fazendo-se passar por si;
    -Furtar dados do seu computador, como por exemplo informações do seu Imposto de Renda.
  • 5. Factores de Risco
    -Um dos perigos que se deparam com utilizadores que navegam na web é a possibilidade de um hacker aceder aos seus cookies, pequenos ficheiros de texto armazenados no computador do utilizador pelo servidor da página que visitam. A informação contida nos cookies é, normalmente, relativa à página visitada, que pode incluir usernames e passwords, preferências de navegação, etc.
    -Applets de Java e JavaScripts também podem colocar utilizadores em risco. Apesar da maior parte destes programas, que correm no computador do utilizador, ser inofensiva, podem ser concebidos para roubar informação do sistema e enviá-lo para um indivíduo mal intencionado ou para, simplesmente, danificar o sistema.
  • 6. Factores de risco (continuação)
    -Outra ameaça que se tem tornado uma das maiores na Internet é o phishing. Esta técnica, largamente baseada na denominada “engenharia social”, pressupõe iludir os utilizadores de forma a pensarem que estão a visitar uma página web legítima, quando, na realidade, estão a visitar um conteúdo malicioso. Tal prática torna-se especialmente perigosa quando simula páginas de banca online. Páginas web que imitam na perfeição a aparência e funcionalidade de entidades bancárias bem conhecidas estão a tornar-se, cada vez mais, um lugar-comum na Internet e incitam utilizadores a fornecer informação confidencial que cairá directamente nas mãos de criminosos sem escrúpulos,
    -Também existe toda uma panóplia de vírus capazes de penetrar em computadores que navegam na Internet. Para o fazer, usualmente, exploram vulnerabilidades que lhes permitem instalarem-se no sistema sem que o utilizador se dê conta. O tipo de código malicioso com capacidade para fazer isto inclui muitos Trojans (cavalos de tróia) concebidos para permitir roubo de informação confidencial de computadores afectados.
  • 7. Há muitos perigos na internet uns dos quais:
    Visionamento de material impróprio (ex: pornografia)
    Violação da privacidade
    Encontros “online” com pessoas menos recomendáveis

  • 8. Visionamento de material impróprio
    Dos riscos que “saltam à vista”, a pornografia é, desde logo, o mais conhecido. O acesso é fácil e os materiais abundam. Mais grave, a pornografia infantil é, infelizmente, outro dos problemas da Net, embora o acesso não seja tão fácil como para a primeira.
  • 9. Encontros online
    Por vezes o perigo pode vir de uma conversa aparentemente inocente tida num programa de conversa a distancia, o “chat”.
  • 10. Violação da privacidade
    Privacidade significa o que não é público, todo o ser humano tem direito à privacidade. É importante que as novas tecnologias respeitem este princípio do direito à privacidade e que a internet não se torne num espaço de violações e de desrespeito.
  • 11. ALGUMAS REGRAS QUE OS PAIS DEVEM ACONSELHAR AOS FILHOS
    -Nunca digas as tuas passwords a ninguém.
    -Nunca dês informações sobre ti, de forma a poderes ser identificado (nome, telefone, morada, foto).
    -Não abras e-mails de quem não conheças (pode conter um vírus!).
    -Evita o envolvimento em discussões desagradáveis.
    -Abandona os “chats” se alguém for rude ou desagradável contigo.
    -Nunca deves ter encontros com “amigos” feitos online, sem a presença de um adulto, de preferência os teus pais. (Na realidade não sabes quem esses amigos são).
    -Comporta-te sempre de forma educada.
    -Pede ajuda aos teus pais e/ou aos professores quando tiveres algum problema.
  • 12. O que se deve fazer?
    Em primeiro lugar recomenda-se aos pais que comecem por conversar abertamente com os seus filhos, alertando-os sobre o lado negativo da Internet e aconselhando-os a evitar os seus perigos. Orientar é sem duvida melhor que proibir.
    O crime também existe na Net e está configurado na lei. É assim possível apresentar queixa às autoridades, quando tal se justifique. Embora não seja fácil em algumas situações trazer os culpados perante a justiça, cada vez mais vêm a publico casos em que os criminosos são efectivamente julgados e condenados (pedofilia, tráfico de crianças, crimes informáticos, etc.)
  • 13. Cuidados a ter
    1 - Saia usando Logout, Sair ou equivalente
    2 - Crie senhas difíceis de serem descobertas
    3 - Mude a sua senha periodicamente
    4 - Use navegadores atuais
    5 - Cuidado com downloads
    6 - Atente-se ao usar Windows Live Messenger, Google Talk, AIM, Yahoo! Messenger, entre outros
    7 - Cuidado com e-mails falsos
    8 - Evite sites de conteúdo duvidoso
    9 - Cuidado com anexos de e-mail
    10 - Atualize seu antivírus
  • 14. Cuidados a ter (continuação)
    11 - Cuidado ao fazer compras na internet ou usar sites de bancos
    12 - Actualize seu sistema operacional
    13 - Não responda a ameaças, provocações ou intimidações
    14 - Não revele informações importantes sobre você
    15 - Cuidado ao fazer cadastros
  • 15. Fontes:
    Trabalho realizado por:
    . Jorge Fernandes 8.ºA n.º14
    . Ricardo Oliveira 8.ºA n.º18

×