• Share
  • Email
  • Embed
  • Like
  • Save
  • Private Content
A importância da liderança para o fortalecimento do discipulado pr. joão germano
 

A importância da liderança para o fortalecimento do discipulado pr. joão germano

on

  • 1,463 views

 

Statistics

Views

Total Views
1,463
Views on SlideShare
1,463
Embed Views
0

Actions

Likes
1
Downloads
23
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    A importância da liderança para o fortalecimento do discipulado pr. joão germano A importância da liderança para o fortalecimento do discipulado pr. joão germano Presentation Transcript

    • 3º OFICINA
    • A BÍBLIA É A PALAVRA DE DEUS?* 32% Não acreditam* 15% Acreditam em Parte* 53% Acreditam
    • LEITURA DA BÍBLIA* 40% Não Lê* 37% Eventualmente* 11% Uma vez por semana* 12% Diariamente
    • Pesquisa realizada pelo editor e jornalista da AbbaPress & Sociedade Bíblica Ibero-Americana, OswaldoPaião, revela uma verdade inconveniente para omundo evangélico: cerca de 50,68% dos pastores elíderes nunca leram a Bíblia Sagrada por inteira pelomenos uma vez.Foram entrevistados 1255 pessoas de váriasdenominações, sendo que 835 participaram de umpainel de aprofundamento. A desculpa alegada? Faltade tempo. Fonte: CPADNEWS
    • “O discipulado écomprometimento com Cristo; por existir Cristo, tem que haver discipulado”.(Dietrich Bonhoeffer)
    • Relativismo e o sincretismo religioso
    • “Nunca antes umasociedade se tornoutão permissiva, tão deslocada e desunida, tão incapaz de manter a ordem, a estabilidade e o equilíbrio”. Mike Breen e Walt Kallestad)
    • “O educador cristãoprecisa conscientizar-sede que estamos vivendo em uma época derevolução de conceitos,idéias, princípios, juízose valores; de mudanças tão profundas e deproporções tão amplas que nem sequer podemos mensurá-la.” Pr. Marcos Tuler
    • A RESPONSABILIDADE É DA LIDERANÇA
    • “É certo que não sãomuitos os chamados a pastorear umagrande congregação ou mesmo ensinar numa classe, mastodos são chamados a participar na tarefa de fazer discípulo”. Pr. Marcos Tuler
    • “Um discípulo maduro tem de ensinar outros cristãos como viveruma vida que agradea Deus, equipando-osa treinar outros para que ensinem outros”. Pr. Marcos Tuler
    • “Todos entramsozinhos nodiscipulado,mas ninguémfica sozinho nele”
    • Charles R. Swindoll
    • “A atividade não substitui a obediência; o viverocupado não pode tomar o lugar da reprodução”. (Keith Phillips)
    • II Timóteo. 2.2.Este texto nos revela um exemploobjetivo de discipulado.Paulo Timóteo Homens Fiéis  Outro s
    • 1 CONTEXTO BÍBLICO NOANTIGO TESTAMENTO Metodologia de Moisés
    • * Josué foi Ensinado e Discipulado desde asua adolescência.* Josué foi Discipulado pelo próprioexemplo de vida de Moisés.* Moisés instituiu Josué como servo seu.* Moisés treinou Josué nas própriasbatalhas.* Moisés instituiu Josué com base nasorientações Divinas.
    • “os alunos podem se esquecer das lições de seus mestres,mas, dificilmente da pessoa que elesrepresentam. Afinal, os melhoresprofessores ensinam as lições da própria vida.” Pr. Marcos Tuler
    • 2CONTEXTO BÍBLICO NONOVO TESTAMENTO
    • “A obediênciaé o primeirodistintivo do discípulo”. Pr. Marcos Tuler
    • 3METIDOLOGIA DE JESUS
    • A - Jesus ensinava por meio deparábolas.B – Jesus ensinava através dopróprio testemunho de vida.C – Jesus estava com os discípulosdiariamente.D – Jesus entendia as diferenças decada discípulo.
    • “O discipulado cristão é umrelacionam ento de mestre e alunobaseado no mod elo de Cristo e seus discíp ulos, no qual o mestre repro duz tão bem no aluno aplenitude da vida que tem em Cristo que o alu no é capaz de treinar outros para que ensinem outros”. (Keith Phillips)
    • 4O DISCIPULADOR E O OBREIRO NA BÍBLIA
    • “O discipulador é alguém que além deinformar, também coopera na formação espiritual do seu aprendiz, tornando-se referência para o discípulo. Podemos entender por discipulador também, o agente cristão guiado por Deus, para orientar os novos convertidos em sua nova caminhada.” (Pr. Aziel Caetano da Silva)
    • “discipulado é uma relaçãocomprometida e pessoal, on de umdiscípulo mais maduro ajuda outrosdiscípulos de Jesus Cristo aaproximarem-se mais dElee assim reproduzirem”(David Kornfield)
    • “Discípulo é oaluno que aprendeas palavras, os atose o estilo de vida de seu mestre com a finalidade de ensinar outros”. Pr. Marcos Tuler
    • 5A IMPORTÂNCIA DO DISCIPULADO NA IGREJA
    • “Cristianismo sem Jesus Cristo vivo, permanece necessariamente um cristianismo semdiscipulado; e cristianismosem discipulado é sempre cristianismo sem Jesus Cristo; é uma ideia, um mito”.
    • “Quando aigreja exala discípulos, inalaconvertidos”
    • “...o discípulado é a única maneira de evitar má nutriçãoespiritual e a fraqueza dos filhos espirituais pelos quais sou responsável. É o único métodoque produzirá cristãos maduros e capazes de reverter adeterioração física e espiritual...” (Keith Phillips)
    • “...através do discipulado, se prepara discípulos para um envolvimento nos ministérios e departamentos da igreja,proporcionando um fortalecimento qualitativo, que resultaránaturalmente na multiplicação de outros discípulos.” (Ewerton Barcelos)
    • 6BENEFÍCIOS DODISCIPULADO
    • “Discipular é a maneira mais rápida e mais segura de mobilizar todo o corpo de Cristo para evangelizar”.(Waylon B. Moore)
    • A - A base da Igreja é constituída napalavra de Deus;B - O entendimento espiritual dos crentescresce gradativamente;C - Não há dificuldade em compreender oscostumes e a doutrina da Igreja;D - A Igreja cresce com qualidade;E - Posteriormente, cada crente começa aproduzir frutos.
    • “O discipulado é o único meio de produzir tanto aquantidade como a qualidade que Deus deseja dos cristãos”. (Keith Phillips)
    • “O discipulador sabe que a responsabilidadecontinua até que seu discípulo chegue à maturidade espiritual, à capacidade de reproduzir”.
    • “Não há chamado mais alto, comissão mais clara no Novo Testamento do que a ordem de reproduzir em outros o caráter que o Espírito de Deus criou em você. Cristo espera que cadacristão produza fruto espiritual”. (Keith Phillips)
    • 7 PREJUÍZOSPOR FALTA DODISCIPULADO
    • A - Não há uma construção de uma baseespiritual bem edificada;B –Encontra-se dificuldade em compreender epraticar os costumes e a doutrina da Igreja;C - A Igreja não cresce com qualidade;D - Não é regra, mas na maioria das vezes, nãoproduz bons frutos;E - Não é regra, mas em muitos casos, o novoconvertido não consegue permanecer firme nocaminho do Senhor.
    • OS MUIT SAEM OS M UIT RAMENT
    • OS PERMANECEM M UIT RAMENT
    • 8DIFERENCIAÇÃO DE OBREIRO NÃO DISCIPULADOR E OBREIRO DISCIPULADOR
    • OBREIRO NÃO DISCIPULADOR OBREIRO DISCIPULADOR Ensina por conceitos e através Ensina por conceitos; da própria vida; Aponta os caminhos; Conduz ao longo do caminho; Forma mais um crente; Forma um discípulo; Quase não visita; Visita constantemente; Promove o desenvolvimento Promove o amadurecimento intelectual; espiritual; Relação pessoal com oRelação coletiva com as pessoas; discipulando; Não acompanha o Acompanha o desenvolvimento desenvolvimento espiritual. espiritual do discipulando.
    • Pr. João Germano Pastor do Distrito 13 - Costa & Silva - Joinville TELEFONES:E-mail: ogermany@ig.com.br 3473-8477 8897-0700Twitter: @dptodiscipulado 9186-7773Site: www.discipulado.adjoinville.org.br