Your SlideShare is downloading. ×
Mobilidade elétrica cpfl
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×

Saving this for later?

Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime - even offline.

Text the download link to your phone

Standard text messaging rates apply

Mobilidade elétrica cpfl

429
views

Published on

Apresentação realizada no evento "Perspectivas para a mobilidade elétrica no Brasil" - evento organizado pelo Profuturo/FIA. • Fernando Mano (Diretor de Estratégia da CPFL Energia) apresentou …

Apresentação realizada no evento "Perspectivas para a mobilidade elétrica no Brasil" - evento organizado pelo Profuturo/FIA. • Fernando Mano (Diretor de Estratégia da CPFL Energia) apresentou resultados do projeto de mobilidade elétrica realizado na região de Campinas.

Published in: Technology

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
429
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
4
Actions
Shares
0
Downloads
34
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. São Paulo, 22 de outubro de 2013 Projeto: mobilidade elétrica em Campinas Fernando Mano (Diretor de Estratégia da CPFL Energia)
  • 2. Projeto de Mobilidade Elétrica - Campinas São Paulo, 22 de Outubro de 2013
  • 3. Os principais mercados automotivos já estão estabelecendo metas para a mobilidade elétrica MetasClipping; CPFL nas potencias comerciais de referência Fonte: estabelecidas Em 2015: 1 milhão de veiculos elétricos Em 2020: Infraestutura de recarregamento com 800 mil eletroposto 3 Em 2025: 1,5 milhões de veiculos de zero emissões – 5% da frota californiana Em 2020: Infraestutura de recarregamento com 2 milhões de eletropostos
  • 4. Algumas cidades já incorporam a mobilidade elétrica em seu planejamento de longo prazo A mobilidade CPFL em grandes cidades mundiais Fonte: Clipping; elétrica LONDRES BERLIM SÃO FRANCISCO > Metas 2015: > Integração de sistemas de bike e carsharing eletrico com o sitema público de transporte > Capital do VE dos EUA, com 110 carregadores públicos fornecem energia 100% carbono neutra > 25 mil pontos de carregamento > 100 mil VEs nas ruas 4
  • 5. O Brasil é hoje o 4º maior mercado de veículos e pode ser um player importante no desenvolvimento da mobilidade elétrica O Brasil no mercado mundial de automóveis Grande mercado de veículos (‘000) > O Brasil faz parte da estratégia de crescimento dos grandes fabricantes de automóvel 18.505 2002 2011 > 4º maior mercado do mundo > Crescimento continuado 13.041 > Quase todos tem fábricas em operação ou construção 4.210 3.633 5 3.508 > Uma política nacional para mobilidade elétrica poderia viabilizar fabricação local
  • 6. As empresas do setor elétrico devem atuar de forma pioneira e pro ativa na inserção da Mobilidade Elétrica no Brasil Diretrizes para Mobilidade Elétrica no Brasil 1 INSERÇÃO DA MOBILIDADE ELÉTRICA 3 LEGISLAÇÃO E REGULAÇAO • Promover a utilização e desenvolvimento de tecnologia de Mobilidade Elétrica no Brasil • Apoiar os agentes públicos na adequação da regulação do Setor elétrico para acelerar desenvolvimento da mobilidade elétrica Estratégia veículos elétricos • Preparar empresas do setor para instalação, manutenção e exploração de infraestrutura de recarregamento (eletropostos) 2 INFRAESTRUTURA DE RECARGA E FORNECIMENTO DE ENERGIA 6 • Promover a criação de novos negócios para empresas do setor elétrico 4 NOVOS NEGÓCIOS
  • 7. A maturidade atual da tecnologia nos permite desconstruir alguns mitos em relação ao veículo elétrico MITO VISÃO ATUAL AUTONOMIA > Autonomia muito superior à utilização típica (60-70km) INFRAESTRUTURA > Grande investimentos em uma rede de carregamento > Carregamento em casa/ trabalho com rede pública suplementar PLANEJAMENTO ENERGÉTICO > Não há energia elétrica suficiente para alimentar os VEs > Demanda dos VEs de poucos % na demanda total IMPACTOS NA REDE ELÉTRICA > Pode causar colapso na rede elétrica > Carga pequena e tem pouco impacto na rede CUSTO ELEVADO > Custo ainda é muito elevado e distante de ser competitivo > Política de incentivo aproxima o custo dos veículos tradicionais DESINCENTIVA PRODUÇÃO NACIONAL 7 > Autonomia restringe utilização à poucas situações > Tecnologia estrangeira e compete com produto nacional > Será uma alternativa; Possibilidade de produção local
  • 8. A CPFL vem, desde 2007, acompanhando o desenvolvimento dos veículos elétricos através da associação com pioneiros Mobilidade elétrica na CPFL 2007 - 2012 > Testes com scooters e motos elétricas elétricas > Parceria no projeto de veículos elétricos de Itaipu (Palio) > Aquisição de veículos Think City para uso da CPFL > Desenvolvimento de um protótipo de utilitário pequeno 100% nacional em parceria com o grupo Edra > Testes com o Correios em Campinas (9 meses) > Desenvolvimentos de eletropostos nacionais e baterias 8 Fonte: CPFL
  • 9. Estamos iniciando agora um projeto de demonstração em maior escala, centrado em Campinas e região Projeto de demonstração > Utilização dos veículos em regime de operação real - Período de 4 a 5 anos - Utilização na frota corporativa e operacional - Participação da CPFL e empresas parceiras > Instalação de infraestrutura de carregamento - Em locais da CPFL e empresas parceiras - Em locais públicos - Rede ficará disponível para eventuais outros usuários na região 9 Fonte: CPFL
  • 10. Estamos iniciando um projeto de Mobilidade Elétrica com a Renault procurando testar a incorporação de VE em frotas empresarias Escolhemos a Renault que já oferece uma gama completa de veículos 100% elétricos Twizy Fluence Z.E. Kangoo • 10 Zoe • • • • • Transporte de uso especial (trânsito interno...) Fonte: CPFL Transporte executivo Ideal para frotas das empresas Transporte executivo Veículo para frotas das empresas • Transporte de carga (ex: correios, jornais, etc...) Veículo para frotas das empresas
  • 11. O custo de operação dos veículos elétricos é reduzido Carregamento para 100 km (Fluence) (Kangoo) Residencial Comercial 4,5 a 6 R$ / 100 km Industrial 11 5 a 6 R$ / 100 km 3 a 4 R$ / 100 km (ZOE)
  • 12. Iremos instalar uma rede de carregamento diversificada e desenhada para suportar adequadamente o projeto Diferentes modelos de carregadores Tempo de Carregamento > 4 a 8h de carregamento (até 100%) > 4 a 8h de carregamento (até 100%) > 20-30 min / 80% (Rápido) > 40-60 min / 80% (Semi rápido) 12 Utilização Típica > Individual (Residencial) > Espaços comerciais; escritórios; áreas de lazer; shoppings; estacionamentos > Pontos de operação de empresas > Rodovias, pontos estratégicos urbanos e corredores interurbanos > Locais de conveniência
  • 13. O programa tem como objetivo estudar os impactos e oportunidades da mobilidade elétrica para o setor no Brasil Objetivos do Programa de Mobilidade Elétrica > Impactos na rede elétrica: Regras de conexão dos eletropostos, impacto no planejamento da expansão da rede, “consumidor móvel” > Planejamento energético: Mobilidade elétrica representará um aumento (pequeno) no consumo de energia > Aspectos comerciais: Uma nova forma de consumir energia necessita adequações no relacionamento com o cliente (novos modelos de preço, novos modelos de cobrança, ...) > Aspectos regulatórios: Adequação da regulação do setor elétrico pode acelerar ou frear o desenvolvimento da mobilidade elétrica > Possibilidade de serviços e novos negócios: Instalação e manutenção de eletropostos, operação de redes de eletropostos, desenvolvimento de novos modelos de negócio 13 Fonte: CPFL
  • 14. Evento organizado pelo Profuturo-FIA (www.fia.com.br/profuturo): Pesquisas, Consultorias e Cursos In-Company  Contatos Coordenador: Prof. Dr. James Terence Coulter Wright  profuturo@fia.com.br Tel.: 55 11 3818-4021 Cursos Abertos: MBA Executivo Internacional : A referência no Brasil em MBA para executivos seniores (18 meses)  International MBA : Em inglês para grupos multiculturais, mais de 10 nacionalidades por turma Americas MBA : Aulas no Canada, Brasil, Mexico e EUA, em quatro módulos de uma semana, um a cada três meses