A Restauração espiritual tem início

11,463 views
11,248 views

Published on

Estudo No. 10 – A Restauração de Israel

1 Comment
1 Like
Statistics
Notes
No Downloads
Views
Total views
11,463
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
141
Actions
Shares
0
Downloads
156
Comments
1
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

A Restauração espiritual tem início

  1. 1. A Restauração de Israel (Esdras, Neemias e Ester) Estudo 10 A restauração espiritual tem início Neemias 8 e 9 ” E Esdras abriu o livro à vista de todo o povo (pois estava acima de todo o povo); e, abrindo-o ele, todo o povo se pôs em pé.” Ne 8.5
  2. 2. Introdução Estamos diante de uma páginas mais emocionantes e impactantes da Bíblia. Trata-se da reação de um povo à leitura da Palavra de Deus. Valeria a pena o mundo fazer isto novamente. quedar-se diante do Livro de Deus.
  3. 3. Representação Estes três slides seguintes e os números 10 e 22 não devem ser expostos à classe. São apenas de orientação ao professor que fará com a classe ou não, de acordo com suas possibilidades, a representação sugerida.
  4. 4. A história é linda e merece toda nossa reverência ao momento vivido pelo povo de Deus: Fica aqui a sugestão ao professor para dramatizar este momento: Escale alguém para representar a pessoa de Esdras com uma grande Bíblia às mãos. Escale 6 alunos para ficarem à direita dele e 7 outros para ficarem à esquerda. Se possível com um pequeno cartaz à frente com os nomes dos personagens: Uma voz em “off” vai narrando o texto de Esdras 8.1 a 12, pausadamente, enquanto a representação vai se dando e a classe acompanhando o texto que deverá estar exposto.
  5. 5. Na leitura do versículo 5, o representante de Esdras abre a Bíblia que tem em mãos. A classe então é conduzida a pôr-se toda em pé conjuntamente. O representante de Esdras ouvindo a leitura do versículo 6 exclama um louvor a Deus. Por exemplo: Glória ao Senhor!!! Imediatamente a classe é conduzida a dizer como no texto: “Amém! Amém!” As cabeças de todos se inclinam ao final do versículo (os rostos em terra), e a classe é levada a sentar-se. O palco desfaz-se e o professor dá início à lição.
  6. 6. Dizia assim o texto cuja leitura feita pelo narrador deverá ser acompanhada pela classe e mesmo lida em uníssono: ” Então todo o povo se ajuntou como um só homem na praça, diante da porta das águas: e disseram a Esdras, o escriba, que trouxesse o livro da lei de Moisés, que o Senhor tinha ordenado a Israel” (Ne 8.1)
  7. 7. ” E Esdras, o sacerdote, trouxe a lei perante a congregação, tanto de homens como de mulheres, e de todos os que podiam ouvir com entendimento, no primeiro dia do sétimo mês.” E leu nela diante da praça que está fronteira à porta das águas, desde a alva até o meio-dia, na presença dos homens e das mulheres, e dos que podiam entender; e os ouvidos de todo o povo estavam atentos ao livro da lei.” (Ne 8.2,3)
  8. 8. ” Esdras, o escriba, ficava em pé sobre um estrado de madeira, que fizeram para esse fim; e estavam em pé junto a ele, à sua direita… e à sua esquerda…” “ E Esdras abriu o livro à vista de todo o povo (pois estava acima de todo o povo); e abrindo-o ele, todo o povo se pôs em pé.” (Ne 8.4,5) (Nesse momento a classe se levanta)
  9. 9. ” Então Esdras bendisse ao Senhor, o grande Deus…” (O representante de Esdras exclamará: “Glória a Deus!” ”… e todo o povo, levantando as mãos, respondeu: Amém! Amém!” (A classe levantará as mãos e exclamará os améns) ”… E, inclinando-se, adoraram ao Senhor, com os rostos em terra” (A classe sentar-se-á em atitude de oração) (Ed 8.6)
  10. 10. Depois desta leitura em dramatização, a classe estará pronta para o início do estudo propriamente dito. O professor deve aproveitar o momento diferente e de impacto vivido pela classe para então iniciar os seus comentários versículo a versículo. Há muito que retirar de cada um deles. Volte ao texto desde o versículo 1 e vá comentando e retirando as lições que podem e devem ser retiradas para exemplo e incentivo à igreja de Cristo hoje. Veja a seguir alguns comentários que adicionamos à guisa de sugestão para meditação e reflexão.
  11. 11. 1a Parte: Meditando no texto ” Então todo o povo se ajuntou como um só homem na praça, diante da porta das águas: e disseram a Esdras, o escriba, que trouxesse o livro da lei de Moisés, que o Senhor tinha ordenado a Israel” (Ne 8.1) 1) A unidade do povo 2) O louvor em conjunto 3) A sede pela Palavra de Deus 4) A consciência de que a Bíblia é a vontade de Deus para nós.
  12. 12. Meditando no texto ” E Esdras, o sacerdote, trouxe a lei perante a congregação, tanto de homens como de mulheres, e de todos os que podiam ouvir com entendimento, no primeiro dia do sétimo mês.” Ne 8.2 1) A liderança ensina a Bíblia; 2) A todos que têm entendimento; 3) Podemos ver aí o início da EBD; 4) Onde estariam as crianças? As que não tinham entendimento?
  13. 13. Meditando no texto: ” E leu nela diante da praça que está fronteira à porta das águas, desde a alva até o meio-dia, na presença dos homens e das mulheres, e dos que podiam entender; e os ouvidos de todo o povo estavam atentos ao livro da lei.” (Ne 8.3) 1) A duração do culto; 2) A leitura em dois idiomas (?); 3) Daí a presença dos auxiliares ao lado de Esdras;
  14. 14. <ul><li>Meditando no texto: </li></ul><ul><li>” Esdras, o escriba, ficava em pé sobre um estrado de madeira, que fizeram para esse fim; e estavam em pé junto a ele, à sua direita… e à sua esquerda…” </li></ul><ul><li>(Ne 8.4) </li></ul><ul><li>A primeira menção de </li></ul><ul><li>púlpito na Bíblia; </li></ul><ul><li>2) Tinha que existir um, pois o livro era na verdade um rolo; </li></ul><ul><li>3) A presença de outros líderes era para realçar a autoridade de que se revestia o evento. </li></ul>
  15. 15. <ul><li>Meditando no texto </li></ul><ul><li>“ E Esdras abriu o livro à vista de todo o povo (pois estava acima de todo o povo); e abrindo-o ele, todo o povo se pôs </li></ul><ul><li>em pé.” (Ne 8.5) </li></ul><ul><li>O lugar de destaque do pregador da Palavra; </li></ul><ul><li>A reverência para com o texto bíblico; </li></ul><ul><li>O ato de levantar-se em conjunto sem necessidade de ordem para tal demonstra o respeito e louvor à Bíblia. </li></ul>
  16. 16. <ul><li>Meditando no texto: </li></ul><ul><li>” Então Esdras bendisse ao Senhor, o grande Deus e todo o povo, levantando as mãos, respondeu: Amém! Amém!”. E, inclinando-se, adoraram ao Senhor, com os rostos em terra” </li></ul><ul><li>Ne 8.6 </li></ul><ul><li>O louvor que o líder do </li></ul><ul><li>culto deve sempre erguer ao Senhor Deus; </li></ul><ul><li>A resposta e participação do povo de Deus; </li></ul><ul><li>A atitude de reverência que deve ser mantida no cuito </li></ul>
  17. 17. <ul><li>Meditando no texto: </li></ul><ul><li>“ Também Jesuá… e os levitas explicavam ao povo a lei; e o povo estava em pé no seu lugar.” </li></ul><ul><li>(Ne. 8.7) </li></ul><ul><li>O cuidado com o entendimento da Bíblia; </li></ul><ul><li>Verifiquem o número de levitas explicando; </li></ul><ul><li>Comentaristas dizem que uns repetiam em hebraico e outros traduziam para o aramaico; </li></ul><ul><li>Vejam a atenção e a reverência: no seu lugar e em pé. </li></ul>
  18. 18. <ul><li>Meditando no texto: </li></ul><ul><li>“ Assim leram no livro, </li></ul><ul><li>na lei de Deus, distintamente; e deram sentido, de modo que se entendesse a leitura.” </li></ul><ul><li>(Ne. 8.8) </li></ul><ul><li>A busca pelo conhecimento da Palavra de Deus; </li></ul><ul><li>A identificação do texto como texto de Deus para eles; </li></ul><ul><li>Ler “distintamente”: versículo a versículo, inteligível, compreensível; </li></ul><ul><li>“ Dar sentido” à palavra da Bíblia. </li></ul>
  19. 19. <ul><li>Meditando no texto: </li></ul><ul><li>“ E Neemias, que era o governador, e Esdras, sacerdote e escriba, e os levitas que ensinavam o povo, disseram a todo o povo: Este dia é consagrado ao Senhor vosso Deus; não pranteeis nem choreis. Pois todo o povo chorava, ouvindo as palavras da lei” </li></ul><ul><li>(Ne. 8.9) </li></ul><ul><li>Ainda nos impactamos com a leitura da Bíblia? </li></ul>
  20. 20. <ul><li>Meditando no texto: </li></ul><ul><li>“ Disse-lhes mais: Ide, comei as gorduras, e bebei as doçuras, e enviai porções aos que não têm nada preparado para si; porque este dia é consagrado ao nosso Senhor. Portanto, não vos entristeçais, pois a alegria do Senhor é a vossa força” </li></ul><ul><li>(Ne. 8.10) </li></ul><ul><li>Temos ainda verdadeiro regozijo com as vitórias na casa de Deus? </li></ul>
  21. 21. <ul><li>Meditando no texto: </li></ul><ul><li>“ Os levitas, pois, fizeram calar todo o povo, dizendo: Calai-vos, porque este dia é santo; por isso não vos entristeçais. Então todo o povo se foi para comer e beber, e para enviar porções, e para fazer grande regozijo, porque tinha entendido as palavras que lhe foram referidas” </li></ul><ul><li>(Ne. 8.11,12) </li></ul><ul><li>Hoje, temos ainda esta alegria em entender a Bíblia? </li></ul>
  22. 22. Comentários adicionais Dada a maior ênfase que o capítulo 8 nos pedia, as passagens a seguir serão mais rapidamente comentadas. Dar-se-á destaque à Festa dos Tabernáculos, à disposição para confissão e contrição dos líderes, a lembrança da história passada das bênçãos de Deus sobre Israel, e finalmente, à resolução tomada. O professor fará os comentários deixando com os alunos as conclusões que de certa forma já foram expostas versículo a versículo.
  23. 23. <ul><li>2a. Parte: </li></ul><ul><li>Sintetizando o texto </li></ul><ul><li>A volta para o Senhor exige celebração: a Festa dos Tabernáculos – Ne 8.13-18 </li></ul><ul><li>A volta para o Senhor exige também confissão e contrição – Ne 9.1-5 </li></ul><ul><li>A volta para o Senhor exige lembrança do passado – Ne 9.6-37 </li></ul><ul><li>A volta para o Senhor exige resolução firme – Ne 9.38 </li></ul><ul><li>“ Contudo, por causa de tudo isto firmamos um pacto e o escrevemos; e selam-no os nosso príncipes, os nossos levitas e os nossos sacerdotes”. </li></ul>
  24. 24. <ul><li>Conclusões </li></ul><ul><li>Qual tem sido a sua busca pela leitura da Palavra de Deus? </li></ul><ul><li>Você ainda se alegra com a presença no culto ao Senhor? </li></ul><ul><li>Você tem trilhado o caminho da contrição e confissão? </li></ul><ul><li>Você assume compromissos em sua vida íntima e pessoal? </li></ul><ul><li>E em sua vida de dedicação à Deus e à igreja? </li></ul>

×