NOVAS OPORTUNIDADES   APRENDER COMPENSA DIRECÇÃO REGIONAL DE EDUCAÇÃO DE LISBOA
<ul><li>A Iniciativa  NOVAS OPORTUNIDADES , integrada no  PLANO NACIONAL DE EMPREGO  e no  PLANO TECNOLÓGICO , tem como  o...
<ul><li>MEDIDAS: </li></ul><ul><li>1. Alargar a rede da oferta de cursos de dupla certificação ao nível dos ensinos básico...
NOVAS  OPORTUNIDADES   Aprender Compensa METAS A atingir pela DREL, para o ano lectivo 2006/2007, relativamente ao n.º de ...
NOVAS  OPORTUNIDADES   Aprender Compensa Direcção Regional de Educação de Lisboa Cursos de Educação e Formação N.º Total d...
<ul><li>MEDIDAS: </li></ul><ul><li>2. Diversificar as ofertas educativas e formativas na rede de escolas do ensino público...
<ul><li>MEDIDAS: </li></ul><ul><li>2. (continuação). </li></ul><ul><li>ESTRATÉGIAS: </li></ul><ul><li>   (continuação): <...
NOVAS  OPORTUNIDADES APRENDER COMPENSA LINHAS ORIENTADORAS - 2006/2007 DIRECÇÃO REGIONAL DE EDUCAÇÃO DE LISBOA
NOVAS  OPORTUNIDADES APRENDER COMPENSA LINHAS ORIENTADORAS - 2006/2007 DIRECÇÃO REGIONAL DE EDUCAÇÃO DE LISBOA
<ul><li>MEDIDAS: </li></ul><ul><li>3. Sensibilizar a comunidade educativa, principalmente os jovens, que frequentam a esco...
<ul><li>MEDIDAS: </li></ul><ul><li>3. (continuação). </li></ul><ul><li>ESTRATÉGIAS: </li></ul><ul><li>   (continuação): <...
<ul><li>ESTRATÉGIAS: </li></ul><ul><li>   (continuação): </li></ul><ul><li>PAIS  </li></ul><ul><li>   Incentivar a promo...
<ul><li>ESTRATÉGIAS: </li></ul><ul><li>   (continuação): </li></ul><ul><li>PROFESSORES   </li></ul><ul><li>   Através da...
<ul><li>ESTRATÉGIAS: </li></ul><ul><li>   (continuação): </li></ul><ul><li>PROFISSIONAIS DE ORIENTAÇÃO   </li></ul><ul><l...
<ul><li>ESTRATÉGIAS: </li></ul><ul><li>   (continuação): </li></ul><ul><li>PROFISSIONAIS DE ORIENTAÇÃO   </li></ul><ul><l...
NOVAS  OPORTUNIDADES   APRENDER COMPENSA <ul><li>CURSOS PROFISSIONAIS </li></ul><ul><li>Decreto-Lei n.º 74/2004, 26/03 </l...
NOVAS  OPORTUNIDADES   APRENDER COMPENSA <ul><li>Modalidade de educação inserida no ensino secundário que se caracteriza p...
NOVAS  OPORTUNIDADES   APRENDER COMPENSA <ul><li>Têm uma matriz curricular constituída por três grandes componentes: </li>...
NOVAS  OPORTUNIDADES   APRENDER COMPENSA <ul><li>Esta modalidade de formação destina-se a jovens que pretendam obter o Ens...
NOVAS  OPORTUNIDADES   APRENDER COMPENSA <ul><li>Os Cursos Profissionais (CP) funcionam em  regime diurno ; </li></ul><ul>...
NOVAS  OPORTUNIDADES APRENDER COMPENSA MATRIZ DOS CURSOS PROFISSIONAIS DIRECÇÃO REGIONAL DE EDUCAÇÃO DE LISBOA
NOVAS  OPORTUNIDADES   APRENDER COMPENSA CURSOS DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO Despacho Conjunto n.º 453/2004, 27/07 (cria e regul...
NOVAS  OPORTUNIDADES   APRENDER COMPENSA    Esta modalidade  destina-se   a jovens com idade = ou >  a 15 anos , que pret...
NOVAS  OPORTUNIDADES   APRENDER COMPENSA TIPO 1 - A: Condições de Acesso:  Inferior ao 4º ano de escolaridade; Duração:   ...
NOVAS  OPORTUNIDADES   APRENDER COMPENSA TIPO 2: Condições de Acesso:  Com o 6º ano de escolaridade, 7º ano ou frequência ...
NOVAS  OPORTUNIDADES   APRENDER COMPENSA TIPO 4: Condições de Acesso:   Com o 9º ano de escolaridade, frequência do 10º co...
NOVAS  OPORTUNIDADES   APRENDER COMPENSA TIPO 5: Condições de Acesso:  Com o 10º ano de um curso do ensino secundário, ou ...
NOVAS  OPORTUNIDADES   APRENDER COMPENSA TIPO 7: Condições de Acesso:  Com o 12º ano de um curso do ensino secundário, de ...
NOVAS  OPORTUNIDADES   APRENDER COMPENSA Matriz Curricular dos Cursos de Educação e Formação Itinerários Tipo 1, 2 e 3  DI...
NOVAS  OPORTUNIDADES   APRENDER COMPENSA Matriz Curricular dos Cursos de Educação e Formação Itinerários Tipo 4, 5, 6 e 7 ...
NOVAS  OPORTUNIDADES APRENDER COMPENSA    Os CEF podem funcionar em  regime pós-laboral ;    Para constituir uma turma é...
NOVAS  OPORTUNIDADES   APRENDER COMPENSA 9.º Ano Escolaridade Obrigatória Acesso 4 exames nacionais Científico Humanístico...
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

RVCC e Novas Oportunidades

59,327 views

Published on

RVCC - Slides

Published in: Education
1 Comment
1 Like
Statistics
Notes
No Downloads
Views
Total views
59,327
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
26,837
Actions
Shares
0
Downloads
790
Comments
1
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

RVCC e Novas Oportunidades

  1. 1. NOVAS OPORTUNIDADES APRENDER COMPENSA DIRECÇÃO REGIONAL DE EDUCAÇÃO DE LISBOA
  2. 2. <ul><li>A Iniciativa NOVAS OPORTUNIDADES , integrada no PLANO NACIONAL DE EMPREGO e no PLANO TECNOLÓGICO , tem como objectivos : </li></ul><ul><li> Aumentar o nível de escolarização dos jovens, reduzindo o abandono escolar antes do termo dos 12 anos de escolaridade e da saída antecipada da escolaridade básica (em 2001, 25% dos jovens com idades entre os 18 e os 24 anos não tinham o 3º ciclo completo e 20% não tinham concluído o ensino básico). </li></ul><ul><li> Melhorar os níveis de qualificação profissional dos jovens. </li></ul>NOVAS OPORTUNIDADES Aprender Compensa DIRECÇÃO REGIONAL DE EDUCAÇÃO DE LISBOA
  3. 3. <ul><li>MEDIDAS: </li></ul><ul><li>1. Alargar a rede da oferta de cursos de dupla certificação ao nível dos ensinos básico e secundário, de forma a que em 2010 estes representem metade da oferta de nível secundário. </li></ul><ul><li>ESTRATÉGIAS: </li></ul><ul><li> A nível nacional têm sido promovidos Seminários sobre esta iniciativa, envolvendo Directores Gerais e Directores Regionais da Educação e do Emprego, Autarquias, Órgãos de Gestão de Escolas e Centros de Formação, dirigentes de Associações Profissionais e Empresários. </li></ul><ul><li> Em Março, a DREL dinamizou reuniões com todos os Presidentes de Conselho Executivo das Escolas Secundárias públicas, prévias às reuniões da rede escolar. </li></ul><ul><li> A DREL começou a divulgar no seu site ( www.drel.min-edu.pt ) relatos de BOAS PRÁTICAS , referentes a percursos qualificantes. </li></ul>NOVAS OPORTUNIDADES Aprender Compensa DIRECÇÃO REGIONAL DE EDUCAÇÃO DE LISBOA
  4. 4. NOVAS OPORTUNIDADES Aprender Compensa METAS A atingir pela DREL, para o ano lectivo 2006/2007, relativamente ao n.º de alunos e ao n.º de turmas dos Cursos Profissionais e dos Cursos de Educação e Formação DIRECÇÃO REGIONAL DE EDUCAÇÃO DE LISBOA
  5. 5. NOVAS OPORTUNIDADES Aprender Compensa Direcção Regional de Educação de Lisboa Cursos de Educação e Formação N.º Total de Escolas (EB23/EBI/ES) = 366 N.º Total de Concelhos = 50 DIRECÇÃO REGIONAL DE EDUCAÇÃO DE LISBOA
  6. 6. <ul><li>MEDIDAS: </li></ul><ul><li>2. Diversificar as ofertas educativas e formativas na rede de escolas do ensino público, evitando as assimetrias locais e regionais e promovendo a satisfação da procura por parte dos jovens. </li></ul><ul><li>ESTRATÉGIAS: </li></ul><ul><li> Recomendações sugeridas às escolas quanto aos critérios para constituição da rede dos Cursos de Educação e Formação e Cursos Profissionais: </li></ul><ul><li>- Considerar a existência de instalações e equipamentos indispensáveis ao funcionamento dos cursos, bem como a existência de um corpo docente disponível, com formação técnica e científica adequadas; </li></ul><ul><li>- Promover o estabelecimento de parcerias , através da celebração de protocolos para potenciar e rentabilizar recursos, resultando em benefício mútuo e numa formação de qualidade; </li></ul>NOVAS OPORTUNIDADES Aprender Compensa DIRECÇÃO REGIONAL DE EDUCAÇÃO DE LISBOA
  7. 7. <ul><li>MEDIDAS: </li></ul><ul><li>2. (continuação). </li></ul><ul><li>ESTRATÉGIAS: </li></ul><ul><li> (continuação): </li></ul><ul><li>- Constituir uma rede de percursos qualificantes adequada às necessidades do mercado de trabalho local (- articulação com Centros de Emprego, - contacto com eventuais entidades enquadradoras de estágio, - linhas orientadoras estabelecidas pelo GIASE quanto às áreas de formação apropriadas às subregiões da DREL; </li></ul><ul><li>- Promover a complementaridade a nível das tipologias e das áreas de formação/ famílias profissionais , evitando a oferta de cursos similares na mesma escola ou entre escolas do mesmo concelho (privilegiar os Conselhos Municipais de Educação e negociar propostas na reunião da Rede Escolar para constituição de turmas. </li></ul>NOVAS OPORTUNIDADES Aprender Compensa DIRECÇÃO REGIONAL DE EDUCAÇÃO DE LISBOA
  8. 8. NOVAS OPORTUNIDADES APRENDER COMPENSA LINHAS ORIENTADORAS - 2006/2007 DIRECÇÃO REGIONAL DE EDUCAÇÃO DE LISBOA
  9. 9. NOVAS OPORTUNIDADES APRENDER COMPENSA LINHAS ORIENTADORAS - 2006/2007 DIRECÇÃO REGIONAL DE EDUCAÇÃO DE LISBOA
  10. 10. <ul><li>MEDIDAS: </li></ul><ul><li>3. Sensibilizar a comunidade educativa, principalmente os jovens, que frequentam a escola ou que já tenham desistido, para as vantagens da adesão às ofertas de dupla certificação, de forma a que a escola, por um lado, possa gerir o equilíbrio entre oferta e procura e, por outro, proporcione respostas educativas diferenciadas e mais adequadas a jovens que manifestem interesse para aprendizagens concretas, de índole técnica/ tecnológica e com metodologias assentes na aplicação prática. </li></ul><ul><li>ESTRATÉGIAS: </li></ul><ul><li> A nível nacional irá ser lançada uma campanha publicitária, referente aos percursos qualificantes; </li></ul><ul><li> Está em construção, à escala nacional e envolvendo o ME e o MT, uma Base de Dados designada SIGO: Sistema de Informação e Gestão das Ofertas Educativa e Formativa; </li></ul>NOVAS OPORTUNIDADES Aprender Compensa DIRECÇÃO REGIONAL DE EDUCAÇÃO DE LISBOA
  11. 11. <ul><li>MEDIDAS: </li></ul><ul><li>3. (continuação). </li></ul><ul><li>ESTRATÉGIAS: </li></ul><ul><li> (continuação): </li></ul><ul><li>- Será em breve publicitado no site da DREL relatos de Boas Práticas referentes a projectos/ actividades de orientação escolar e profissional ; </li></ul><ul><li>- Envolver os agentes educativos que apoiam os jovens na tomada de decisão das suas escolhas vocacionais e na (re)construção do seu projecto de vida: </li></ul><ul><li> SPO/ Profissionais de Orientação; </li></ul><ul><li> Pais/ Encarregados de Educação/ Familiares; </li></ul><ul><li> Professores/ Directores de Turma/ Coordenadores de Curso. </li></ul>NOVAS OPORTUNIDADES Aprender Compensa DIRECÇÃO REGIONAL DE EDUCAÇÃO DE LISBOA
  12. 12. <ul><li>ESTRATÉGIAS: </li></ul><ul><li> (continuação): </li></ul><ul><li>PAIS </li></ul><ul><li> Incentivar a promoção de acções pelas Associações de Pais e Encarregados de Educação junto dos seus associados, em articulação com a comunidade educativa e local; </li></ul><ul><li> Caso a escola não tenha Associação de Pais e Encarregados de Educação, solicitar a colaboração de pais e familiares de alunos para a dinamização em colóquios, debates, exposições e contactos com empresas para angariação de locais de estágio; </li></ul><ul><li> Colaborar na informação, actual e atempada, aos pais sobre as oportunidades de educação e formação. </li></ul>NOVAS OPORTUNIDADES Aprender Compensa DIRECÇÃO REGIONAL DE EDUCAÇÃO DE LISBOA
  13. 13. <ul><li>ESTRATÉGIAS: </li></ul><ul><li> (continuação): </li></ul><ul><li>PROFESSORES </li></ul><ul><li> Através da colaboração dos Coordenadores DT/ DT/ DC na dinamização de acções de informação e divulgação, na escola e comunidade local sobre a oferta a disponibilizar - cartazes, folhetos, anúncios no jornal escolar ou rádio e jornal local, feiras/ semana das profissões... </li></ul><ul><li> Valorização dos cursos implementados pela escola, através de mostras/ exposições dos trabalhos dos alunos que frequentam estes percursos; </li></ul><ul><li> Contribuir para aumentar a adesão dos seus pares à leccionação destas turmas - desmontar estereótipos assentes em preconceitos, que levam à discriminação social entre alunos e entre escolas; </li></ul><ul><li> Avaliar os pontos fracos e fortes na gestão dos cursos e das turmas, partilhando os resultados e as estratégias de superação de dificuldades com os seus pares, de modo a contribuir para um impacto positivo na escola. </li></ul>NOVAS OPORTUNIDADES Aprender Compensa DIRECÇÃO REGIONAL DE EDUCAÇÃO DE LISBOA
  14. 14. <ul><li>ESTRATÉGIAS: </li></ul><ul><li> (continuação): </li></ul><ul><li>PROFISSIONAIS DE ORIENTAÇÃO </li></ul><ul><li> Intervir no acesso e na identificação dos alunos candidatos, no âmbito das suas competências no domínio da orientação escolar e profissional; </li></ul><ul><li> Colaborar na proposta/ organização dos cursos , através do levantamento de necessidades locais de formação, articulando com serviços de emprego e formação da comunidade; </li></ul><ul><li> Divulgar a oferta das escolas que abrange junto da comunidade educativa, assim como, articular com outros estabelecimentos de ensino, colaborando no encaminhamento de alunos, de forma a facilitar a sua transição para escolas com os cursos que mais lhes interessam; </li></ul>NOVAS OPORTUNIDADES Aprender Compensa DIRECÇÃO REGIONAL DE EDUCAÇÃO DE LISBOA
  15. 15. <ul><li>ESTRATÉGIAS: </li></ul><ul><li> (continuação): </li></ul><ul><li>PROFISSIONAIS DE ORIENTAÇÃO </li></ul><ul><li> Intervir, em colaboração com o coordenador do curso, em actividades de aproximação ao mundo do trabalho , elaborando um plano de transição para a vida activa que inclua actividades de exploração vocacional (portfólio pessoal, identificação de competências pessoais, desenvolvidas e transferência de competências), actividades de exploração do mundo do trabalho (visitas de estudo, pequenas experiências de trabalho, preparação para a inserção em contexto real de trabalho) e técnicas de procura de emprego (resposta a anúncios, simulação de entrevista, elaboração de curriculum vitae ); </li></ul><ul><li> Participar nas reuniões da equipa pedagógica (apoio psicopedagógico - delinear estratégias diferenciadas e programas de competências sociais e cognitivas) e do conselho pedagógico (avaliação dos cursos). </li></ul>NOVAS OPORTUNIDADES Aprender Compensa DIRECÇÃO REGIONAL DE EDUCAÇÃO DE LISBOA
  16. 16. NOVAS OPORTUNIDADES APRENDER COMPENSA <ul><li>CURSOS PROFISSIONAIS </li></ul><ul><li>Decreto-Lei n.º 74/2004, 26/03 </li></ul><ul><li>(prevê a criação dos cursos profissionais, nas escolas do ensino regular da rede pública) </li></ul><ul><li>Portaria n.º 550-C/2004, 21/05 </li></ul><ul><li>(consolida a implementação do CP e o seu funcionamento nas escolas da rede pública) </li></ul><ul><li>Despacho n.º 14758/2004, 23/07 </li></ul><ul><li>(define as condições essenciais para o funcionamentos destes cursos) </li></ul>DIRECÇÃO REGIONAL DE EDUCAÇÃO DE LISBOA
  17. 17. NOVAS OPORTUNIDADES APRENDER COMPENSA <ul><li>Modalidade de educação inserida no ensino secundário que se caracteriza por uma forte ligação com o mundo do trabalho; </li></ul><ul><li>São cursos cuja aprendizagem valoriza o desenvolvimento de competências para o exercício de uma profissão; </li></ul><ul><li>Têm uma estrutura curricular organizada em módulos que vão sendo capitalizados, conferindo uma maior flexibilidade e respeito pelos ritmos de aprendizagem de cada aluno; </li></ul>CURSOS PROFISSIONAIS DIRECÇÃO REGIONAL DE EDUCAÇÃO DE LISBOA
  18. 18. NOVAS OPORTUNIDADES APRENDER COMPENSA <ul><li>Têm uma matriz curricular constituída por três grandes componentes: </li></ul><ul><li>- Sócio-cultural com 1000 horas; </li></ul><ul><li>- Científica com 500 horas; </li></ul><ul><li>- Técnica com 1600 horas, sendo 420 em FCT; </li></ul><ul><li>num total de 3100 horas distribuídas por um ciclo de formação com a duração de 3 anos; </li></ul><ul><li>A conclusão de um curso profissional confere ao aluno uma qualificação profissional de nível 3 e um diploma equivalente ao ensino secundário regular. </li></ul>CURSOS PROFISSIONAIS DIRECÇÃO REGIONAL DE EDUCAÇÃO DE LISBOA
  19. 19. NOVAS OPORTUNIDADES APRENDER COMPENSA <ul><li>Esta modalidade de formação destina-se a jovens que pretendam obter o Ensino Secundário e adquirir uma qualificação profissional de nível 3; </li></ul><ul><li>Estão organizados numa sequência de módulos com durações diferenciadas que são geridas de forma flexível e optimizada no âmbito da autonomia pedagógica da escola; </li></ul><ul><li>Os alunos terão que realizar uma Prova de Aptidão Profissional (PAP), bem como a Formação em Contexto de Trabalho (FCT). </li></ul>CURSOS PROFISSIONAIS DIRECÇÃO REGIONAL DE EDUCAÇÃO DE LISBOA
  20. 20. NOVAS OPORTUNIDADES APRENDER COMPENSA <ul><li>Os Cursos Profissionais (CP) funcionam em regime diurno ; </li></ul><ul><li>Para se constituir uma turma é necessário um grupo de 18 alunos (mínimo) até 23 alunos (máximo); </li></ul><ul><li>Esta modalidade tem como objectivo principal preparar os jovens para a inserção no mercado de trabalho, adquirindo uma qualificação profissional e competências de empregabilidade; </li></ul><ul><li>Os (CP) pretendem proporcionar a conclusão do Ensino Secundário, incentivando à aprendizagem ao longo da vida: </li></ul><ul><li>O acesso ao ensino superior não obriga à realização de exames finais nacionais uma vez que estes cursos conferem o acesso ao nível 4 de certificação profissional, através dos Cursos de Especialização Tecnológica (CET). </li></ul>CURSOS PROFISSIONAIS DIRECÇÃO REGIONAL DE EDUCAÇÃO DE LISBOA
  21. 21. NOVAS OPORTUNIDADES APRENDER COMPENSA MATRIZ DOS CURSOS PROFISSIONAIS DIRECÇÃO REGIONAL DE EDUCAÇÃO DE LISBOA
  22. 22. NOVAS OPORTUNIDADES APRENDER COMPENSA CURSOS DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO Despacho Conjunto n.º 453/2004, 27/07 (cria e regulamenta os Cursos de Educação e Formação para Jovens) Rectificação n.º 1673/2004, 07/09 Guia de Orientações (publicado pela DGFV em Março de 2005 - www.dgfv.min-edu.pt) DIRECÇÃO REGIONAL DE EDUCAÇÃO DE LISBOA
  23. 23. NOVAS OPORTUNIDADES APRENDER COMPENSA  Esta modalidade destina-se a jovens com idade = ou > a 15 anos , que pretendam concluir o Ensino Básico ou o Ensino Secundário e adquirir uma qualificação profissional (poderá ser excepcionalmente autorizada a jovens com idade < a 15 anos - Tipos 1 e 2);  Estão organizados numa sequência de etapas de formação - do Tipo 1 ao Tipo 7, consoante as habilitações de acesso, e com durações diferenciadas: - Duração de 1 ano (36 semanas com carga horária total entre as 1020 e as 1380 horas); - Duração de 2 anos (70 semanas com carga horária total entre as 2109 e as 2276 horas); CURSOS EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO DIRECÇÃO REGIONAL DE EDUCAÇÃO DE LISBOA
  24. 24. NOVAS OPORTUNIDADES APRENDER COMPENSA TIPO 1 - A: Condições de Acesso: Inferior ao 4º ano de escolaridade; Duração: 2 anos lectivos (1872 horas); Certificação: 6º ano de escolaridade e qualificação de nível 1. TIPO 1 - B: Condições de Acesso: Superior ao 4º ano e inferior ao 6º ano de escolaridade; Duração: 1 ano lectivo (1125 horas); Certificação: 6º ano de escolaridade e qualificação de nível 1. CURSOS EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO DIRECÇÃO REGIONAL DE EDUCAÇÃO DE LISBOA
  25. 25. NOVAS OPORTUNIDADES APRENDER COMPENSA TIPO 2: Condições de Acesso: Com o 6º ano de escolaridade, 7º ano ou frequência do 8º ano; Duração: 2 anos lectivos (2109 horas); Certificação: 9º ano de escolaridade e qualificação de nível 2. TIPO 3: Condições de Acesso: Com o 8º ano de escolaridade ou frequência sem aproveitamento do 9º ano; Duração: 1 ano lectivo (1200 horas); Certificação: 9º ano de escolaridade e qualificação de nível 2. CURSOS EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO DIRECÇÃO REGIONAL DE EDUCAÇÃO DE LISBOA
  26. 26. NOVAS OPORTUNIDADES APRENDER COMPENSA TIPO 4: Condições de Acesso: Com o 9º ano de escolaridade, frequência do 10º com uma ou mais retenções; Duração: 1 ano lectivo (1230 horas); Certificação: Certificado de competências escolares e qualificação de nível 2. Curso de Formação Complementar: Condições de Acesso: Com o 9º ano de escolaridade e um curso de qualificação inicial de nível 2 ou titulares de um curso de tipo 2 ou 3; Duração: 1 ano lectivo (1020 horas); Certificação: Certificado de competências escolares. CURSOS EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO DIRECÇÃO REGIONAL DE EDUCAÇÃO DE LISBOA
  27. 27. NOVAS OPORTUNIDADES APRENDER COMPENSA TIPO 5: Condições de Acesso: Com o 10º ano de um curso do ensino secundário, ou frequência do 11º ano sem aproveitamento, ou titular de um curso tipo 4, ou 10º ano profissionalizante ou qualificação inicial de nível 2 com formação complementar; Duração: 2 anos lectivos (2276 horas); Certificação: Ensino secundário (12º ano) e qualificação de nível 3. TIPO 6: Condições de Acesso: Com o 11º ano de um curso do ensino secundário ou frequência do 12º ano sem aproveitamento, que pertença à área de formação afim; Duração: 1 ano lectivo (1380 horas); Certificação: Ensino secundário (12º ano) e qualificação de nível 3. CURSOS EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO DIRECÇÃO REGIONAL DE EDUCAÇÃO DE LISBOA
  28. 28. NOVAS OPORTUNIDADES APRENDER COMPENSA TIPO 7: Condições de Acesso: Com o 12º ano de um curso do ensino secundário, de um curso científico-humanístico que pertença a área de formação afim; Duração: 1 ano lectivo (1155 horas); Certificação: Qualificação de nível 3. CURSOS EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO DIRECÇÃO REGIONAL DE EDUCAÇÃO DE LISBOA
  29. 29. NOVAS OPORTUNIDADES APRENDER COMPENSA Matriz Curricular dos Cursos de Educação e Formação Itinerários Tipo 1, 2 e 3 DIRECÇÃO REGIONAL DE EDUCAÇÃO DE LISBOA
  30. 30. NOVAS OPORTUNIDADES APRENDER COMPENSA Matriz Curricular dos Cursos de Educação e Formação Itinerários Tipo 4, 5, 6 e 7 DIRECÇÃO REGIONAL DE EDUCAÇÃO DE LISBOA
  31. 31. NOVAS OPORTUNIDADES APRENDER COMPENSA  Os CEF podem funcionar em regime pós-laboral ;  Para constituir uma turma é necessário um nº mínimo de 10 alunos e máximo de 20;  Esta modalidade tem como objectivo principal preparar os jovens para a inserção no mercado de trabalho , adquirindo uma qualificação profissional e competências de empregabilidade; pretende também proporcionar a conclusão da escolaridade básica e/ou secundária , incentivando à aprendizagem ao longo da vida.  Estão apenas obrigados a efectuar os exames nacionais de Língua Portuguesa e Matemática os alunos que pretendam prosseguir estudos nos Cursos Científico-humanísticos do ensino secundário (Despacho n.º 3971/2006). CURSOS EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO DIRECÇÃO REGIONAL DE EDUCAÇÃO DE LISBOA
  32. 32. NOVAS OPORTUNIDADES APRENDER COMPENSA 9.º Ano Escolaridade Obrigatória Acesso 4 exames nacionais Científico Humanístico Cursos Tecnológicos/CEF/Profissionai Acesso através de exame nacional CET Nível 4 Mercado Trabalho Mercado Trabalho Ensino Superior DIRECÇÃO REGIONAL DE EDUCAÇÃO DE LISBOA

×