Apresentacao imprensa 2012

  • 3,354 views
Uploaded on

 

More in: Technology , Business
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
    Be the first to like this
No Downloads

Views

Total Views
3,354
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2

Actions

Shares
Downloads
2
Comments
0
Likes
0

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1.
  • 2. Processo de Ingresso 2012
    Sistema Seriado de Avaliação
    Vestibular
  • 3. PRINCIPAIS CANAIS DE COMUNICAÇÃO
    • http://www.upe.br/processodeingresso/
  • PRINCIPAIS CANAIS DE COMUNICAÇÃO
    ssa.vestibular2012@upe.pe.gov.br
    Ingresso UPE
    @Ingresso_UPE_20
    Telefone: (81)3183.3660
    Fax: (81) 3183.3791
    Assessoria de Comunicação: (81) 3183.3769 – imprensa@upe.pe.gov.br
  • 4. INSCRIÇÕES PARA O PROCESSO DE INGRESSO 2012
    EXCLUSIVAMENTE VIA INTERNET NO PORTAL
    ObrigatórioCPF próprio do candidato e conta de e-mail válida
    Publicação do Edital: 01/07/2011
    Sistema Seriado de Avaliação (R$ 70,00): 15/07 a 15/08/2011
    Solicitação de isenção para o SSA (alunos com NIS): 15 a 20/07/2011
    Resultado das isenções para o SSA: 27/07/2011
    Vestibular (R$ 110,00): 01 a 30/08/2011
    Solicitação de isenção para o Vestibular (alunos com NIS): 01 a 05/08/2011
    Resultado das isenções para o Vestibular: 12/08/2011
  • 5. VAGAS E CURSOS PARA INGRESSO 2012
    Não há alterações em ralação ao ano de 2011.
    Sistema Seriado de Avaliação: 716 vagas
    Sistema Universal: 577 vagas; Sistema de Cotas: 139 vagas
    Vestibular: 2.864 vagas
    Sistema Universal: 2.287 vagas; Sistema de Cotas: 577 vagas
    Total de 3.580 vagas distribuídas entre os cursos de:
    Bacharelado em: Administração, Ciências Biológicas, Direito, Educação Física, Enfermagem, Engenharia Civil, Engenharia da Computação, Engenharia Eletrônica, Engenharia Eletrotécnica, Engenharia Mecânica Industrial, Engenharia Mecânica Mecatrônica, Engenharia de Telecomunicações, Fisioterapia, Medicina, Nutrição, Odontologia, Psicologia e Sistema de Informação;
    Licenciatura em: Ciências Biológicas, Educação Física, Geografia, História, Informática, Letras, Matemática e Pedagogia.
  • 6. ALTERAÇÕES ESTABELECIDAS – INGRESSO 2012
    Considerando a autonomia universitária, a Universidade de Pernambuco, através da Comissão de Concursos Acadêmicos da PROGRAD, reuniu seus principais parceiros: Secretaria de Educação de Pernambuco (SE-PE), Sindicato das Escolas Particulares de Pernambuco (SINEPE) e membros das Bancas de Professores Elaboradores das Provas, que, num trabalho coletivo, acordaram, dando a permissão de se fazer tais ajustes.
  • 7. ALTERAÇÕES ESTABELECIDAS – INGRESSO 2012
    1 - Retirar as questões de proposições múltiplas com alternativas numeradas de duplo zero (0 - 0) a duplo quatro (4 - 4).
    Neste tipo de questão há uma valorização da penalização, uma vez que cada alternativa errada anula uma correta. O que buscamos é uma avaliação que prima pela construção de significados, baseada em habilidades e competências.
    2 - Com a retirada das questões de proposições múltiplas, todas as questões do Sistema Seriado de Avaliação/SSA e do Vestibular passarão a ser de múltipla escolha.
    Elaboradas com múltiplas possibilidades de construção: resposta única e/ou afirmação incompleta, questões de associação, etc.
  • 8. Exemplo 1- Questão de resposta única
    Que tipo de raciocínio expressa o seguinte silogismo:
    O ferro conduz eletricidade
    O ouro conduz eletricidade
    O cobre conduz eletricidade
    Logo, todos os metais conduzem eletricidade
    A) Raciocínio Analítico.
    B) Raciocínio Sintético.
    C) Raciocínio Dedutivo.
    D) Raciocínio Indutivo.
    E) Raciocínio Abdutivo.
  • 9. Exemplo 2- questão de afirmação incompleta
    A crise do feudalismo marcou o advento da modernidade em terras europeias. O desenvolvimento do capitalismo, com a retomada do comércio com o Oriente e o surgimento da burguesia, contribuiu para o agravamento da crise. Nessa perspectiva, é CORRETO afirmar que:
    A) a atuação da burguesia não se restringia aos centros urbanos, sendo os feudos o principal espaço de desenvolvimento de suas práticas comerciais.
    B) a retomada do domínio comercial europeu no Mar Mediterrâneo foi essencial para a afirmação do capitalismo.
    C) as cidades ibéricas, em especial Lisboa e Ávila, monopolizaram o comércio de especiarias orientais via Mar Mediterrâneo.
    D) os turcos-otomanos conseguiram barrar o avanço mercantil europeu no Oriente ao invadirem e conquistarem a França.
    E) as corporações de ofício entraram em crise com o desenvolvimento de uma economia feudal urbana na Baixa Idade Média.
  • 10. Exemplo 3 – questão de resposta múltipla
    O Brasil é um país com notável potencialidade de recursos minerais, contudo se impõem medidas de proteção ao meio ambiente na operação de empreendimentos minerais. Com relação a esse assunto, analise os itens abaixo:
    I. No caso dos projetos de mineração na Amazônia, a fragilidade do ecossistema equatorial torna a região
    ainda mais vulnerável, exigindo, assim, cuidados especiais.
    II. A atividade de mineração, quando mal conduzida, pode ser geradora de sérios impactos ambientais; a
    mineração funciona também como um fator de deslocamento de investimentos.
    III. A rápida expansão e a acelerada mecanização dos garimpos trouxeram consequências sérias, tais como: conflitos com populações indígenas, mineração desorganizada e degradação ambiental.
    IV. Os impactos ambientais da atividade garimpeira materializam-se no assoreamento de drenagens naturais, dispersão de mercúrio metálico e disposição indiscriminada de rejeitos.
    V. A mineração que é feita próxima às áreas urbanizadas, algo, às vezes, frequente no país, traz impactos que decorrem de poeira, vibrações no terreno e barulho.
     
    Assinale a alternativa que contém os itens CORRETOS.
    A) Apenas I e III. B) Apenas II e V. C) Apenas I, III e V. D) Apenas II, IV e V. E) I, II, III, IV e V.
  • 11. ALTERAÇÕES ESTABELECIDAS – INGRESSO 2012
    3 - Supressão das provas específicas (tipo I e tipo II) que existiam tanto para o SSA como para o Vestibular.
    Entendemos que os candidatos devem ser avaliados de forma igualitária e que não há como estabelecer que área do conhecimento é mais relevante que outra.
    4 – Aplicação de provas únicas para todos os candidatos, independente do curso de escolha.
    O diferencial está no domínio que o candidato deverá ter em determinadas áreas do conhecimento, tidas como basilares para sua formação na graduação, e não no nível de prova que é aplicada.
    A aplicação de provas únicas facilitará a distribuição dos candidatos nos prédios onde os exames serão aplicados, sendo utilizado o CEP informado pelo candidato no ato da inscrição.
  • 12. ALTERAÇÕES ESTABELECIDAS – INGRESSO 2012
    5 – Todas as três fases dos SSA passam a ser aplicadas em dois dias consecutivos, passando o número total de questões para 90 (noventa).
    Havia um grande desconforto quanto ao número de questões do SSA 1 e 2 (60 questões) diante do conteúdo programático proposto e da aplicação em um único dia.
    Para o 1º e o 2º anos (SSA)
  • 13. ALTERAÇÕES ESTABELECIDAS – INGRESSO 2012
    Para o 3º ANO (SSA)
  • 14. ALTERAÇÕES ESTABELECIDAS – INGRESSO 2012
    6 – Com a eliminação das questões de proposições múltiplas, o Vestibular passa a ser composto por 140 questões de múltiplas escolhas.
    Entendemos que não deve haver diferenciação quanto ao número de questões das disciplinas avaliadas no Vestibular, com exceção de Filosofia e Sociologia que foram inseridas recentemente no currículo do Ensino Médio e possuem uma carga horária mínima.
  • 15. ALTERAÇÕES ESTABELECIDAS – INGRESSO 2012
    7 – A não declaração da opção da Língua Estrangeira (Inglês ou Espanhol), no formulário de inscrição online, implica na aceitação do Inglês como Língua Estrangeira a ser aplicada na avaliação dos candidatos do SSA 1 (aplicada aos anos posteriores) e Vestibular.
    Compreendemos que a Língua Espanhola como Componente Curricular ainda está em implantação na rede pública de ensino, sendo a Língua Inglesa a mais ofertada na atualidade e os candidatos oriundos de escolas públicas não podem ser prejudicados nesse sentido.
    Para os candidatos do SSA 2 e SSA 3, no ano de 2012, continuamos respeitando a regra posta nos manuais anteriores (Língua Espanhola).
  • 16. ALTERAÇÕES ESTABELECIDAS – INGRESSO 2012
    8 – As alterações nos conteúdos programáticos para este ano contemplam bem mais o Sistema Seriado de Avaliação que o Vestibular, tendo em vista atender a avaliação processual proposta para o SSA, apesar de ambos os conteúdos coincidirem em mais de 90% (noventa por cento).
    Por estarmos num ano de transição dos nossos processos seletivos, acordamos com os segmentos dialogados que as alterações mais pontuais só poderiam ser realizadas nos conteúdos do SSA em 2011, tendo como base as orientações Propostas nos Parâmetros Curriculares Nacionais para o Ensino Médio e as Orientações Teórico Metodológicas propostas pela Secretaria de Educação do Estado de Pernambuco.
    Alterações mais relevantes poderão ser feitas a partir das avaliações aplicadas nos anos posteriores, tanto para o SSA como para o Vestibular.
  • 17. ALTERAÇÕES ESTABELECIDAS – INGRESSO 2012
    9 – O desvio-padrão deixa de ser utilizado no Vestibular. A nota final do candidato, assim como já ocorre no Sistema Seriado de Avaliação/SSA, será composta pelo somatório dos pontos do candidato em cada prova, respeitando-se as regras postas no manual.
    Dá mais transparência ao processo, uma vez que os candidatos poderão efetivamente calcular sua nota por disciplina e o somatório de seus pontos no processo seletivo ao qual concorre.
    A nota dos candidatos passa a ser um somatório de 0 a 100 pontos no Vestibular, assim como é utilizado no SSA.
  • 18. ALTERAÇÕES ESTABELECIDAS – INGRESSO 2012
    VESTIBULAR
    A nota final do candidato será a soma dos pontos por ele obtidos nas provas (pontuadas de 0 a 10 pontos), que terão pesos específicos conforme a escolha do curso do candidato.
    A nota final da prova de língua portuguesa será a média aritmética da prova de conhecimentos específicos em português e a redação, aplicando-se em seguida o peso específico para a disciplina de língua portuguesa.
  • 19. ALTERAÇÕES ESTABELECIDAS – INGRESSO 2012
    TABELA DE PESOS POR CURSO(VESTIBULAR)
  • 20.
  • 21. Vejamos o seguinte exemplo para o VESTIBULAR:
    a)       No vestibular 2012 um candidato teve as seguintes notas nos blocos de disciplinas: Língua Portuguesa = 8; Matemática = 5; Química= 4; Geografia = 6; Física = 4; História = 5; Língua Estrangeira = 5; Filosofia= 4; Sociologia = 5; Biologia = 4 e Redação = 6.
    b)       Caso este candidato esteja concorrendo ao curso de Administração sua nota, no vestibular 2012, seria calculada da seguinte forma: (nota de cada bloco de disciplina x peso de cada disciplina) = {[(8 + 6) ÷ 2]* x 2 + 5 x 2 + 4 x 0,5 + 6 x 1,5 + 4 x0,5 + 5 x 1,5 + 5 x 0,5 + 4 x 0,5 + 5 x 0,5 + 4 x 0,5} = (14+ 10 + 2 + 9 + 2 + 7,5 + 2,5 + 2 + 2,5 + 2) = 53,50 (escore final de classificação do candidato).
    c)       Caso este mesmo candidato, com a mesma pontuação nos blocos de disciplinas, concorra para o curso de Bacharelado em Ciências Biológicas no vestibular 2012, sua nota seria calculada de maneira semelhante, porém com pesos diferentes como apresentado a seguir: (nota de cada bloco de disciplina x peso de cada disciplina) = {[(8 + 6) ÷ 2]* x 2 + 5 x 1 + 4 x 1,5 + 6 x 0,5 + 4 x1 + 5 x 0,5 + 5 x 0,5 + 4 x 0,5 + 5 x 0,5 + 4 x 2} = (14 + 5 + 6 + 3 + 4 + 2,5 + 2,5 + 2 + 2,5 + 8) = 49,50 (escore final de classificação do candidato).
    *Média aritmética das provas de português e redação.
  • 22. ALTERAÇÕES ESTABELECIDAS – INGRESSO 2012
    SISTEMA SERIADO DE AVALIAÇÃO
    • A nota final do candidato será a média aritmética ponderada das notas de cada uma das três fases.
    1ª fase - peso 3
    2ª fase - peso 3
    3ª fase - peso 4
    • As notas dos candidatos da 1ª e da 2ª fase serão o somatório dos números de pontos por eles obtidos no conjunto de blocos de questões das provas de cada uma dessas fases.
    • 23. A nota dos candidatos na 3ª fase será a média aritmética ponderada dos pontos por eles obtidos nas provas e na redação (pontuadas de 0 a 10 pontos), às quais serão aplicados os seguintes pesos:7,5 (7,5 x 0,4 = 3) para as provas dos conteúdos gerais; 2,5 (2,5 x 0,4 = 1) para a redação.
  • Vejamos o seguinte exemplo para o SSA:
    Um candidato obteve 48,70 pontos na 1ª fase (soma dos pontos do conjunto das 10 provas realizadas) e 53,50 pontos na 2ª fase (soma dos pontos do conjunto das 10 provas realizadas) do Sistema Seriado de Avaliação.
    Na 3ª fase sua nota no bloco de disciplinas foi 62,30 pontos (soma dos pontos do conjunto das 10 provas realizadas) e na Redação = 6,0.
    c)  A nota final da 3ª fase do candidato será calculada aplicando-se os pesos 7,5 x (bloco de questões das disciplinas) e 2,5 x (redação). Assim, este candidato obteria a seguinte nota final na 3ª fase: (7,5 x 62,30 + 6 x 2,5) ÷ 10 (soma dos pesos) = (467,25 + 15) ÷ 10 = 482,25÷ 10 = 48, 225 = 48,22 (pelas regras de arredondamento).
    d)  O escore final de classificação para este candidato será: (peso da 1ª fase x nota da 1ª fase + peso da 2ª fase x nota da 2ª fase + peso da 3ª fase x nota da 3ª fase) ÷ 10 (soma dos pesos das fases) = (3 x 48, 70 + 3 x 53,50 + 4 x 48,22) ÷ 10 = (146,10 + 160,5 + 192, 88) ÷ 10 = 499,48 ÷ 10 = 49,948 = 49,95 (pelas regras de arredondamento).
  • 24. ALTERAÇÕES ESTABELECIDAS
    Os candidatos que optaram por entrar primeiro na 2ª entrada e que foram classificados na 1ª entrada, após completarem 25% da carga horária do semestre cursado, permanecerão na 1ª entrada.
    Os candidatos aprovados primeiro na 2ª entrada e que tenham como primeira opção a 1ª entrada, após 25% do semestre em curso, não poderão mais serem remanejados para a primeira opção.
  • 25. ALTERAÇÕES ESTABELECIDAS
    O SISTEMA SERIADO DE AVALIAÇÃO - SSA objetiva o preenchimento de 40% (quarenta por cento) das vagas iniciais totais, oferecidas para todos os cursos de graduação da Universidade de Pernambuco – UPE, por entrada e turno, no ano de 2014.
    Esta alteração contempla os candidatos que se submetem a 1ª fase do SSA em 2011 (triênio 2011-2013) que ingressarão em 2014.
  • 26. Essas alterações visam melhorar o processo seletivo, tornando-o mais justo e transparente, atendendo às demandas propostas pelos parceiros e à sociedade em geral.