Uploaded on

 

  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
    Be the first to like this
No Downloads

Views

Total Views
957
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0

Actions

Shares
Downloads
36
Comments
0
Likes
0

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. AR CONDICIONADO AUTOMÁTICOJ AR CONDICIONADO A AR CONDICIONADO AUTOMÁTICO SEÇÃO ATC C D E ÍNDICEPRECAUÇÕES .......................................................... 5 Ciclo do Refrigerante ............................................. 21 F Precauções em Relação ao Sistema de Proteção FLUXO DE REFRIGERANTE ............................ 21 Suplementar (SRS) “AIR BAG” e “PRÉ- PROTEÇÃO CONTRA CONGELAMENTO ........ 21 TENSIONADOR DO CINTO DE SEGURANÇA” .... 5 Proteção do Sistema de Refrigeração ................... 21 Precauções ao Trabalhar com HFC-134a (R-134a) 5 SENSOR DE PRESSÃO DO REFRIGERANTE 21 G Refrigerante Contaminado ...................................... 5 VÁLVULA DE ALÍVIO DE PRESSÃO ................. 22 Precauções Gerais ao Manusear o Refrigerante .... 6 Componentes ........................................................ 23 Precauções quanto às Conexões de Refrigerante .. 6 SISTEMA DE REFRIGERAÇÃO ........................ 23 H ATC JUNTA DE 1-TOQUE ........................................... 6 Manutenção da Quantidade de Lubrificante no CARACTERÍSTICAS DA CONEXÃO DO NOVO TIPO Compressor ........................................................... 25 DE REFRIGERANTE ........................................... 8 LUBRIFICANTE .................................................. 25 I ANEL EM “O” E CONEXÃO DE INSPEÇÃO E AJUSTE ....................................... 25 REFRIGERANTE ................................................10 CONTROLE DO CONDICIONADOR DE AR ........... 27 Precauções ao Reparar o Compressor ................. 12 Descrição ............................................................... 27 Precauções quanto aos Equipamentos de Serviço . 12 Funcionamento ...................................................... 27 J DISPOSITIVO DE RECUPERAÇÃO / CONTROLES DE MISTURA DE AR .................. 27 RECICLAGEM .................................................. 13 CONTROLE DE VELOCIDADE DO DETECTOR ELETRÔNICO DE VAZAMENTOS 12 VENTILADOR ......................................................27 K BOMBA DE VÁCUO .......................................... 13 CONTROLE DE ENTRADA ................................ 27 JOGO DE MEDIDORES DO COLETOR ............ 13 CONTROLE DE MODO ..................................... 27 MANGUEIRAS DE SERVIÇO ............................ 14 CONTROLE DO DESCONGELADOR ............... 27 L ACOPLADORES DE SERVIÇO ......................... 14 CONTROLE DA EMBREAGEM MAGNÉTICA ... 28 BALANÇA DE PESAGEM DE REFRIGERANTE . 14 SISTEMA DE AUTO-DIAGNÓSTICO ................. 28 PARA AFERIR A BALANÇA DE PESAGEM Descrição do Sistema de Controle ........................ 29 ACR4 ...................................................................15 Funcionamento do Controle .................................. 29 M CILINDRO DE CARGA ...................................... 15 TELA DO MOSTRADOR .................................... 30 Precauções ao Utilizar o Corante de Detecção de AUTO-INTERRUPTOR ....................................... 30 Vazamentos ........................................................... 16 SELETOR DE CONTROLE DE TEMPERATURA IDENTIFICAÇÃO ............................................... 16 (CONTROLE DE TEMPERATURA) (LADO DO ETIQUETAS DE IDENTIFICAÇÃO DO MOTORISTA) ...................................................... 30 VEÍCULO .......................................................... 16 SELETOR DE CONTROLE DE TEMPERATURA Diagramas dos Circuitos e Diagnóstico de Falhas 16 (CONTROLE DE TEMPERATURA) (LADO DOPREPARAÇÃO ........................................................ 17 PASSAGEIRO) ................................................... 30 Ferramentas Especiais .......................................... 17 SELETOR DE CONTROLE DE TEMPERATURA Ferramentas e Equipamentos de Serviço HFC-134a (CONTROLE DE TEMPERATURA E MODO) (R-134a) ........................................................... 17 (TRASEIRO) ....................................................... 30 Ferramentas Comerciais ....................................... 20 INTERRUPTOR DE RECIRCULAÇÃO (REC) ... 30SISTEMA DE REFRIGERAÇÃO ............................. 21 ATC-1
  • 2. INTERRUPTOR DE DESCONGELAMENTO PROCEDIMENTO DE DIAGNÓSTICO DO SISTEMA A (DEF) ..................................................... 30 DE A/C ............................................................... 57 INTERRUPTOR DO DESEMBAÇADOR DO VIDRO Circuito do Motor do Defletor de Modo ................. 59 TRASEIRO ......................................................... 30 FLUXO DE INSPEÇÃO ...................................... 59 INTERRUPTOR OFF (DESLIGAR) .................... 30 DESCRIÇÃO DO SISTEMA ............................... 60 ATC INTERRUPTOR DE A/C .................................... 30 DESCRIÇÃO DO COMPONENTE ..................... 61 INTERRUPTOR DE MODO (DIANTEIRO) ........ 30 PROCEDIMENTO DE DIAGNÓSTICO DO MOTOR SELETOR DE CONTROLE DO VENTILADOR DO DEFLETOR DE MODO ................................ 61 C DIANTEIRO ........................................................ 30 Circuito do Motor do Defletor de Mistura de Ar ..... 64 INTERRUPTOR DE MODO (TRASEIRO) ......... 30 FLUXO DE INSPEÇÃO ...................................... 64 Descarga do Fluxo de Ar ...................................... 31 DESCRIÇÃO DO SISTEMA ............................... 65 D DIANTEIRO ........................................... 31 DESCRIÇÃO DO COMPONENTE ..................... 66 Descrição do Sistema ........................................... 32 PROCEDIMENTO DE DIAGNÓSTICO DO MOTOR INTERRUPTORES E RESPECTIVAS FUNÇÕES DE DO DEFLETOR DE MISTURA DE AR CONTROLE ....................................................... 32 (MOTORISTA) ........................................... 67 E Descrição do Sistema de Comunicação CAN ....... 33 PROCEDIMENTO DE DIAGNÓSTICO DO MOTORDIAGNÓSTICO DE FALHA ..................................... 34 DO DEFLETOR DE MISTURA DE AR Funções de CONSULT-II (BCM) ........................... 34 (PASSAGEIRO) .............................................. 69 F FUNCIONAMENTO BÁSICO CONSULT-II ........ 34 Circuito do Motor do Defletor de Entrada .............. 73 MONITOR DE DADOS ....................................... 35 FLUXO DE INSPEÇÃO ...................................... 73 Como Efetuar o Diagnóstico de Falhas para uma DESCRIÇÃO DO SISTEMA ............................... 74 G Reparação Precisa e Rápida ................................ 36 DESCRIÇÃO DO COMPONENTE ..................... 75 FLUXOGRAMA DE DIAGNÓSTICO .................. 36 PROCEDIMENTO DE DIAGNÓSTICO DO MOTOR TABELA DE SINTOMAS .................................... 37 DO DEFLETOR DE ENTRADA .......................... 75 Localização das Peças do Componente e Conectores Circuito do Motor do Ventilador ............................. 76 H do Chicote ............................................................. 38 FLUXO DE INSPEÇÃO ...................................... 83 COMPARTIMENTO DO MOTOR ....................... 38 DESCRIÇÃO DO SISTEMA ............................... 77 COMPARTIMENTO DE PASSAGEIRO DESCRIÇÃO DO COMPONENTE ..................... 78 I DIANTEIRO ............................................ 39 PROCEDIMENTO DE DIAGNÓSTICO DO MOTOR Diagrama ............................................................... 40 DO VENTILADOR .............................................. 78 Diagrama de Circuito – A/C – ............................... 41 INSPEÇÃO DE COMPONENTES ...................... 82 J Terminais de Controle de Ar Dianteiros e Valor de Circuito da Embreagem Magnética ....................... 83 Referência ............................................................. 48 FLUXO DE INSPEÇÃO ...................................... 83 ESQUEMA DO TERMINAL DO CONECTOR DO DESCRIÇÃO DO SISTEMA ............................... 84 K PINO .................................................................. 48 PROCEDIMENTO DE DIAGNÓSTICO PARA Função de Auto-diagnóstico do Sistema de A/C .. 50 SINTOMA DE EMBREAGEM MAGNÉTICA ....... 84 DESCRIÇÃO ...................................................... 50 INSPEÇÃO DE COMPONENTES ...................... 88 Inspeção Operacional ........................................... 52 Arrefecimento Insuficiente ..................................... 89 L INSPEÇÃO DA FUNÇÃO DE MEMÓRIA .......... 52 FLUXO DE INSPEÇÃO ...................................... 89 INSPEÇÃO DO VENTILADOR .......................... 53 DIAGNÓSTICO DE TESTE DE DESEMPENHO . 90 INSPEÇÃO DO AR DE DESCARGA ................. 53 TABELA DE DESEMPENHO ............................. 92 M INSPEÇÃO DE RECIRCULAÇÃO ..................... 54 DIAGNÓSTICO DE FALHAS PARA PRESSÃO INSPEÇÃO DE DIMINUIÇÃO DE ANORMAL .......................................................... 93 TEMPERATURA ................................... 54 Aquecimento Insuficiente ...................................... 96 INSPEÇÃO DE AUMENTO DE TEMPERATURA .. 54 FLUXO DE INSPEÇÃO ...................................... 96 INSPEÇÃO DO INTERRUPTOR DE A/C .......... 55 Ruído ..................................................................... 97 INSPEÇÃO DO MODO AUTO ........................... 55 FLUXO DE INSPEÇÃO ...................................... 97 Circuito de Alimentação e Massa do Controle de Ar Auto-diagnóstico .................................................... 98 Dianteiro ................................................................ 56 FLUXO DE INSPEÇÃO ...................................... 98 FLUXO DE INSPEÇÃO ..................................... 56 Função de Memória .............................................. 99 DESCRIÇÃO DO COMPONENTE .................... 57 FLUXO DE INSPEÇÃO ...................................... 99 Circuito do Sensor de Temperatura-Ambiente .... 100 DESCRIÇÃO DO COMPONENTE ................... 100 ATC-2
  • 3. PROCESSO DE ENTRADA DA TEMPERATURA- Componentes ...................................................... 121 A AMBIENTE ...................................................... 100 Remoção e Instalação ........................................ 121 PROCEDIMENTO DE DIAGNÓSTICO DO SENSOR REMOÇÃO ...................................................... 121 DE TEMPERATURA-AMBIENTE .................... 100 INSTALAÇÃO ................................................... 121 INSPEÇÃO DE COMPONENTES ................... 102 BOMBA DO AQUECEDOR ................................... 122 ATC Circuito do Sensor de Temperatura Interna do Componentes ...................................................... 122 Veículo ..................................................... 103 Remoção e Instalação ........................................ 123 DESCRIÇÃO DO COMPONENTE .................. 103 REMOÇÃO ...................................................... 123 C PROCEDIMENTO DE DIAGNÓSTICO DO SENSOR INSTALAÇÃO ................................................... 123 DE TEMPERATURA INTERNA DO VEÍCULO .. 103 MOTOR DO DEFLETOR DE ENTRADA ............... 123 INSPEÇÃO DE COMPONENTES ................... 106 Componentes ...................................................... 123 D Circuito do Sensor Ótico ..................................... 107 Remoção e Instalação ........................................ 123 DESCRIÇÃO DO COMPONENTE .................. 107 REMOÇÃO ...................................................... 123 PROCESSO DE ENTRADA ÓTICA ................ 107 INSTALAÇÃO ................................................... 123 PROCEDIMENTO DE DIAGNÓSTICO DO SENSOR MOTOR DO DEFLETOR DE MODO ..................... 124 E DE CARGA SOLAR ......................................... 107 Componentes ...................................................... 124 Circuito do Sensor de Entrada ............................ 109 Remoção e Instalação ........................................ 124 DESCRIÇÃO DO COMPONENTE .................. 109 REMOÇÃO ...................................................... 124 F PROCEDIMENTO DE DIAGNÓSTICO DO SENSOR INSTALAÇÃO ................................................... 124 DE ENTRADA .................................................. 109 MOTOR DO DEFLETOR DE MISTURA DE AR .... 125 INSPEÇÃO DE COMPONENTES ................... 110 Componentes ...................................................... 125 GUNIDADE DE CONTROLE ................................... 111 Remoção e Instalação ........................................ 125 Remoção e Instalação ........................................ 111 MOTOR DO DEFLETOR DE MISTURA DE AR REMOÇÃO ...................................................... 111 (MOTORISTA) .................................................. 125 INSTALAÇÃO .................................................. 111 MOTOR DO DEFLETOR DE MISTURA DE AR HSENSOR DE TEMPERATURA-AMBIENTE ......... 112 (PASSAGEIRO) ................................................ 125 Remoção e Instalação ........................................ 113 CONTROLE VARIÁVEL DO VENTILADOR ......... 126 REMOÇÃO ...................................................... 113 Componentes ...................................................... 126 I INSTALAÇÃO .................................................. 113 Remoção e Instalação ........................................ 126SENSOR DE TEMPERATURA INTERNA DO REMOÇÃO ...................................................... 126VEÍCULO ...................................................... 113 INSTALAÇÃO ................................................... 126 J Remoção e Instalação ........................................ 113 DUTOS E DEFLETORES ...................................... 127 REMOÇÃO ...................................................... 113 Componentes ...................................................... 127 INSTALAÇÃO .................................................. 113 Remoção e Instalação ........................................ 129 KSENSOR ÓTICO ................................................... 114 DUTOS DO CONSOLE E DEFLETORES DO Remoção e Instalação ........................................ 114 CONSOLE ....................................................... 129SENSOR DE TEMPERATURA DE ENTRADA ..... 115 SAÍDA DO DESCONGELADOR ...................... 129 Remoção e Instalação ........................................ 115 DUTO DE DESEMBAÇAMENTO – LADOS DIREITO L REMOÇÃO ...................................................... 115 E ESQUERDO ................................................. 129 INSTALAÇÃO .................................................. 115 DUTO DO VENTILADOR – LADOS DIREITO EMOTOR DO VENTILADOR ................................... 116 ESQUERDO .................................................... 129 M Componentes ..................................................... 116 DUTO DO VENTILADOR CENTRAL ............... 129 Remoção e Instalação ........................................ 116 DUTO DO CONECTOR DO ASSOALHO ........ 129 REMOÇÃO ...................................................... 116 DUTOS DO ASSOALHO – DIANTEIROS E INSTALAÇÃO .................................................. 116 TRASEIROS .................................................... 130FILTRO DO CONDICIONADOR DE AR ............... 117 DUTOS SUPERIORES TRASEIROS .............. 130 Remoção e Instalação ........................................ 117 DUTO DO ASSOALHO – LATERAL TRASEIRO .. 130 FUNÇÃO ......................................................... 117 DIFUSORES .................................................... 130 TEMPO DE SUBSTITUIÇÃO .......................... 117 LINHAS DE REFRIGERANTE .............................. 131 PROCEDIMENTO DE SUBSTITUIÇÃO .......... 117 Procedimento de Serviço HFC-134a (R-134a) ... 131CONJUNTO DA UNIDADE DE AQUECIMENTO E AJUSTE DAS FERRAMENTAS E EQUIPAMENTOSRESFRIAMENTO .................................................. 119 DE SERVIÇO ................................................... 131 Componentes ..................................................... 119 Componentes ...................................................... 133 Remoção e Instalação ........................................ 121 Remoção e Instalação do Compressor ............... 134 REMOÇÃO ...................................................... 122 REMOÇÃO ...................................................... 134 INSTALAÇÃO .................................................. 122 INSTALAÇÃO ................................................... 134NÚCLEO DO AQUECEDOR ................................. 121 ATC-3
  • 4. Remoção e Instalação da Embreagem do Remoção e Instalação do Condensador ............. 140 ACompressor ............................................. 135 REMOÇÃO ....................................................... 139 REMOÇÃO ...................................................... 135 INSTALAÇÃO ................................................... 139 INSPEÇÃO ...................................................... 136 Remoção e Instalação do Evaporador ................ 141 INSTALAÇÃO ................................................... 136 REMOÇÃO ....................................................... 142 ATC FUNCIONAMENTO DURANTE O PERÍODO DE INSTALAÇÃO ................................................... 142 AMACIAMENTO ............................................... 138 Remoção e Instalação da Válvula de Expansão . 142Remoção e Instalação da Mangueira Flexível de Baixa REMOÇÃO ....................................................... 142 CPressão do A/C ................................................... 138 INSTALAÇÃO ................................................... 142 REMOÇÃO ...................................................... 138 Inspeção de Vazamentos de Refrigerante .......... 142 INSTALAÇÃO ................................................... 138 Inspeção do Sistema quanto a Vazamentos Utilizando DRemoção e Instalação do Tubo de Alta Pressão do o Detector Fluorescente de Vazamentos ............ 143A/C .............................................................. 138 Injeção de Corante .............................................. 143 REMOÇÃO ...................................................... 138 Detector Eletrônico de Vazamentos de INSTALAÇÃO ................................................... 138 Refrigerante .............................................. 144 ERemoção e Instalação da Mangueira Flexível de Baixa PRECAUÇÕES AO MANUSEAR O DETECTOR DEPressão do A/C ................................................... 138 VAZAMENTOS ................................................. 144 REMOÇÃO ...................................................... 138 PROCEDIMENTO DE INSPEÇÃO ................... 145 F INSTALAÇÃO ................................................... 138 DADOS DE SERVIÇO E ESPECIFICAÇÕES (SDS) 147Remoção e Instalação do Tubo de Baixa Pressão do Dados de Serviço e Especificações (SDS) ......... 147A/C ................................................................... 139 COMPRESSOR ............................................... 147 G REMOÇÃO ...................................................... 140 LUBRIFICANTE ............................................... 147 INSTALAÇÃO ................................................... 139 REFRIGERANTE ............................................. 147Remoção e Instalação do Sensor de Pressão do ROTAÇÃO DE MARCHA-LENTA DO MOTOR . 147Refrigerante ........................................................ 139 TENSÃO DA CORREIA ................................... 147 H REMOÇÃO ...................................................... 139 INSTALAÇÃO ................................................... 139 I J K L M ATC-4
  • 5. PRECAUÇÕESPRECAUÇÕES PFP:00001 APrecauções em Relação ao Sistema de Proteção Suplementar (SRS) “AIR BAG”e “PRÉ-TENSIONADOR DO CINTO DE SEGURANÇA” EJS006AKO Sistema de Proteção Suplementar, como o “AIR BAG” e o “PRÉ-TENSIONADOR DO CINTO DE SEGU- BRANÇA”, utilizado junto com o cinto de segurança dianteiro, ajuda a reduzir a possibilidade de ferimentosgraves ao motorista e passageiro dianteiro em determinados tipos de colisão. As informações necessáriaspara a reparação segura do sistema podem ser encontradas nas seções SRS e SB deste Manual de Serviço.CUIDADO: C● Para evitar que o sistema SRS fique inoperante, o que poderia aumentar o risco de ferimentos pessoais ou mesmo a morte na eventualidade de uma colisão onde o air bag seria inflado, todos os serviços de manutenção devem ser efetuados em uma concessionária autorizada NISSAN. D● A manutenção inadequada, incluindo a remoção e instalação incorreta do SRS, pode causar feri- mentos pessoais em virtude de uma ativação inadvertida do sistema. Quanto à remoção do Cabo Espiral e do Módulo do Air Bag, consulte a seção SRS. E● Não utilize equipamentos elétricos de teste nos circuitos relacionados ao SRS, exceto se especifi- cado neste manual de Serviço. Os chicotes do SRS podem ser identificados pelos chicotes ama- relo e/ou laranja ou conectores do chicote. EJS006AL FPrecauções ao Trabalhar com HFC-134a (R-134a)CUIDADO:● Os refrigerantes CFC-12 (R-12) e HFC-134a (R-134a) são incompatíveis. Estes refrigerantes jamais devem ser misturados, mesmo que em pequenas quantidades. Caso os refrigerantes sejam mis- G turados, o compressor apresentará falhas.● Utilize apenas lubrificante e componentes especificados para o sistema abastecido com A/C HFC- 134 a (R-134 a). H● Caso seja utilizado um lubrificante diferente do especificado, haverá falhas no compressor.● O lubrificante especificado HFC-134a (R-134a) absorve rapidamente a umidade da atmosfera. Observe as seguintes precauções de manuseio: I ATC– Ao remover os componentes do refrigerante do veículo, vede imediatamente os componentes para diminuir a entrada de umidade da atmosfera.– Ao instalar os componentes do refrigerante no veículo, não remova as tampas até exatamente a conexão dos componentes. Conecte todos os componentes do circuito de refrigerante o mais J rápido possível para reduzir a entrada de umidade no sistema.– Utilize apenas o lubrificante especificado retirado de uma embalagem selada. Feche imediata- mente os recipientes de lubrificante. Caso não sejam corretamente fechados, o lubrificante ficará K saturado de umidade e não mais poderá ser utilizado.– Evite inalar o refrigerante de A/C (vapor ou névoa). Isto poderá irritar os olhos, nariz e garganta. Utilize apenas o dispositivo de recuperação / reciclagem para descarregar o refrigerante HFC- L 134a (R-134a). Caso haja um vazamento acidental do sistema, a área de trabalho deverá ser venti- lada antes de reiniciar o trabalho. Informações adicionais sobre saúde e segurança podem ser obtidas com o fabricante do refrigerante ou do lubrificante.– Não permita que o lubrificante (Óleo do Sistema de A/C Nissan, tipo S) entre em contato com M peças de isopor. Poderão ocorrer danos.Refrigerante Contaminado EJS006AMCaso um refrigerante diferente de HFC-134a (R-134a) seja identificado no veículo, você terá asseguintes opções:● Explique ao cliente que as leis ambientais proíbem a liberação de refrigerante contaminado para a atmos- fera.● Explique que a recuperação do refrigerante contaminado poderia danificar seu equipamento de serviço e o fornecimento de refrigerante.● Sugira que o cliente volte ao local onde o serviço foi efetuado anteriormente, onde houve a contami- nação.● Caso você escolha efetuar a reparação, recupere o refrigerante, utilizando apenas os equipamentos e recipientes apropriados. Não recupere o refrigerante contaminado nos equipamentos de serviço existente. Caso sua instalação não tenha os equipamentos de recuperação apropriados, você poderá contatar um varejista de produtos refrigerantes local para que efetue o serviço. Este refrigerante deve ser descartado de acordo com as leis federais e regulamentos locais. Complementando, deve-se recomen- dar que todos os componentes do sistema de refrigeração do veículo sejam substituídos. ATC-5
  • 6. PRECAUÇÕES● Caso o veículo esteja dentro do período de garantia, a garantia do ar condicionado será cancelada. Queira por gentileza entrar em Contato com o Departamento de Atenção a Clientes NISSAN quanto à assistência.Precauções Gerais ao Manusear o Refrigerante EJS006ANCUIDADO:● Não libere o refrigerante no ar. Utilize equipamentos aprovados de recuperação/reciclagem para recolher o refrigerante sempre que o sistema do ar condicionado for descarregado.● Sempre utilize óculos de segurança e luvas ao trabalhar com qualquer tipo de refrigerante ou sistema do ar condicionado.● Não armazene nem tampouco aqueça o refrigerante em recipientes a temperaturas superiores a 52°C.● Não aqueça o reservatório de refrigerante com chama aberta; caso seja necessário aquecer o recipiente, coloque a parte inferior do recipiente sobre um balde com água quente.● Não deixe cair, não fure nem tampouco incinere os recipientes de refrigerante.● Mantenha o refrigerante longe de chamas descobertas: será gerado gás tóxico em caso de que- ima de refrigerante.● O refrigerante retém o oxigênio, desta forma certifique-se de trabalhar em áreas bem ventiladas para evitar sufocação.● Não efetue teste de pressão ou de vazamentos em equipamentos de serviço de HFC-134a (R-134a) e/ou nos sistemas de ar condicionado, com ar comprimido durante reparações. Algumas misturas de ar e de HFC-134a (R-134a) mostraram-se ser inflamáveis sob altas pressões. Estas misturas, em caso de serem inflamadas, podem provocar ferimentos ou danos materiais. Informações adi- cionais sobre saúde e segurança podem ser obtidas com os fabricantes do refrigerante.Precauções quanto às Conexões de Refrigerante EJS006AOFoi introduzido um novo tipo de conexão de refrigerante para todas as linhas de refrigerante, exceto nosseguintes locais.● Válvula de expansão à unidade de arrefecimento● Tubos do evaporador ao evaporador (dentro da unidade de arrefecimento).● Sensor de pressão de refrigeranteJUNTA DE 1-TOQUEDescrição● Juntas de um toque são juntas de tubo que não requerem ferramentas ao ser efetuada a conexão da tubulação.● Diferente dos métodos de conexão convencional, que utilizam porcas e flanges, não é necessário o torque de aperto controlado no ponto de conexão.● Ao remover a junta do tubo, utilize um extrator.PEÇAS DO COMPONENTE RJIA0970E ATC-6
  • 7. PRECAUÇÕESFUNÇÕES DAS PEÇAS DO COMPONENTE A ● Fixa os anéis em “O”. Tubo (lado macho) ● Fixa a mola de fixação na gaiola. Mola de fixação Mola de fixação prende o tubo (lado fêmea). B Quando a conexão for efetuada corretamente, será ejetada da tubulação (lado macho). (Após a Anel indicador conexão, esta peça não será mais necessária.) O-ring Ponto de conexão dos vedadores do anel em “O”. (Não reutilizável) C ● Veda a conexão, comprimindo-se os anéis em “O”. Tubo (lado fêmea) ● Fixa a conexão da tubulação, utilizando a mola cônica e de fixação. DNOTA:● A mola de fixação não pode ser removida da gaiola do tubo (lado macho).● O anel indicador permanece próximo ao ponto de conexão da tubulação, entretanto, isto não representa E uma falha. (Isto serve para inspecionar a conexão da tubulação durante a montagem de fábrica.)REMOÇÃO F G H I J ATC K SJIA0106E1. Limpe o ponto de conexão da tubulação e instale o extrator. L2. Deslize o extrator no sentido axial da tubulação, e estique a mola de fixação com a parte cônica do extra- tor.3. Deslize o extrator o mais distante possível, de maneira que o diâmetro interno da mola de fixação fique M maior que o diâmetro externo da projeção da tubulação (lado fêmea). A seguir, a tubulação (lado macho) poderá ser desconectada. ATC-7
  • 8. PRECAUÇÕESINSTALAÇÃO SJIA0107E1. Limpe os pontos de conexão da tubulação, e introduza a tubulação – lado macho no lado fêmea.2. Pressione o lado macho da tubulação firmemente de maneira que a saliência da tubulação (lado fêmea) estique a mola de fixação.3. Caso o diâmetro interno da mola de fixação fique maior que o diâmetro externo da saliência da tubulação (lado fêmea), a mola de fixação ficará assentada na saliência. A seguir, ela se encaixa entre a gaiola da tubulação (lado macho) e a saliência do tubo (lado fêmea) para fixar o ponto de conexão da tubulação. NOTA: Quando a mola de fixação assenta-se na saliência e fica encaixada entre a gaiola da tubulação (lado macho) e a saliência da tubulação (lado fêmea), será ouvido um estalido. CUIDADO: ● O ponto de conexão da tubulação (lado fêmea) é fino. Desta forma, ao introduzir o lado macho da tubulação, tome cuidado para não deformar o lado fêmea da tubulação. Introduza vagarosa- mente no sentido axial. ● Introduza tubulação firmemente até que seja ouvido um estalido. ● Após terminar a conexão da tubulação, puxe o lado macho da tubulação com a mão para certifi- car-se de que a conexão não esteja solta. NOTA: ● A conexão da junta de um toque é utilizada nos pontos abaixo. ● Mangueira flexível de baixa pressão ao evaporador (tamanho do anel em “O”: 16) ● Mangueira flexível de alta pressão ao condensador (tamanho do anel em “O”: 12) ● Tubo 1 ao tubo 2 de alta pressão (tamanho do anel em “O”: 8) ● Tubo 2 de alta pressão ao condensador (tamanho do anel em “O”: 8)CARACTERÍSTICAS DA CONEXÃO DO NOVO TIPO DE REFRIGERANTE● O anel em “O” foi recolocado. É também fornecido com uma ranhura para a instalação correta. Isto eli- mina a possibilidade de o anel em “O” ficar preso ou danificado pela peça de correspondência. O sentido de vedação do anel em “O” agora é determinado verticalmente em relação à superfície de contato da peça de correspondência para melhorar as características de vedação. ATC-8
  • 9. PRECAUÇÕES● A força de reação do anel em “O” não ocorrerá no sentido que faz a junta sair, desta forma facilitando as conexões da tubulação. A B C D E F SHA815E G H I J ATC K L M ATC-9
  • 10. PRECAUÇÕESANEL EM “O” E CONEXÃO DE REFRIGERANTE Compressor e Condensador de A/C MJIB0276E1. Válvula de serviço de alta pressão 6. Vedador do eixo do compressor 9. Válvula de serviço de baixa pressão2. Presilha 7. Mangueira flexível de alta pressão do 10. Tubo de baixa pressão do A/C3. Tubo de alta pressão do A/C A/C 11. Válvula de expansão4. Sensor de pressão de refrigerante 8. Mangueira flexível de baixa pressão 12. Mangueira de purga do A/C do A/C5. Condensador ATC-10
  • 11. PRECAUÇÕESNúmeros de Peça e Especificações do Anel em “O” A Tamanho Tipo de do anel em Numero de peça* D mm (pol.) W mm (pol.) conexão “O” B Novo 8 92471 N8210 6.8 (0.268) 1.85 (0.0728) Antigo 10 J2476 89956 9.25 (0.3642) 1.78 (0.0701) Novo 92472 N8210 10.9 (0.429) 2.43 (0.0957) C 12 Antigo 92475 71L00 11.0 (0.433) 2.4 (0.094) Novo 92473 N8210 13.6 (0.535) 2.43 (0.0957) 16 D Antigo 92475 72L00 14.3 (0.563) 2.3 (0.091) Novo 92474 N8210 16.5 (0.650) 2.43 (0.0957) SHA814E 19 Antigo 92477 N8200 17.12 (0.6740) 1.78 (0.0701) E Novo 24 92195 AH300 21.8 (0.858) 2.4 (0.094)*: Sempre verifique no Departamento de Peças as informações mais recentes sobre peças.ATENÇÃO: FCertifique-se de que todo o refrigerante seja drenado para o equipamento de reciclagem e que apressão no sistema seja inferior à pressão atmosférica. A seguir, solte gradativamente a conexão damangueira do lado de descarga, removendo-a. GCUIDADO:Ao substituir ou limpar os componentes do circuito de refrigerante, observe o seguinte.● Quando o compressor for removido, guarde-o na mesma posição em que estava instalado no H veículo. Caso esta instrução não seja observada, o lubrificante entrará na câmara de baixa pressão.● Ao conectar os tubos, sempre utilize um torquímetro e uma chave de apoio. I ATC● Após desconectar os tubos, vede imediatamente todas as aberturas para evitar a entrada de sujeira e umidade.● Ao instalar o ar condicionado no veículo, conecte os tubos na etapa final da operação. Não J remove as capas de vedação dos tubos e outros componentes exatamente antes da conexão.● Deixe os componentes que estiverem armazenados em áreas frias que atinjam a temperatura da área de trabalho, antes que as capas de vedação sejam removidas. Isto evita a formação de con- K densação dentro dos componentes do A/C.● Remova completamente a umidade do sistema de refrigeração antes de abastecer com refrige- rante. L● Sempre substitua os anéis em “O”.● Ao conectar o tubo, aplique lubrificante ao redor dos anéis em “O”, conforme mostrado na figura. Tome cuidado para não aplicar lubrificante na parte roscada. M Nome do lubrificante: Lubrificante para Sistema de A/C, tipo S (DH-OS) genuíno NISSAN ou equi- valente Número de peça: KLH00-PAGS0● O anel em “O” deve ser firmemente fixado na parte marcada do tubo.● Ao substituir o anel em “O”, tome cuidado para não danificar o anel em “O” e o tubo.● Conecte o tubo até que seja ouvido um estalido; a seguir aperte a porca ou parafuso com a mão até esteja completamente fixado. Certifique-se de que o anel em “O” seja corretamente instalado no tubo. ATC-11
  • 12. PRECAUÇÕES● Após conectar a linha, efetue o teste de vazamento e certifique-se de que não haja nenhum vaza- mento pelas conexões. Ao ser detectado o ponto de vazamento de gás, desconecte aquela linha e substitua o anel em “O”. A seguir, aperte as conexões do assento do vedador, de acordo com o torque especificado. RHA861FPrecauções ao Reparar o Compressor EJS006AP● Vede todas as aberturas para evitar a entrada de umidade e materiais estranhos.● Quando o compressor for removido, guarde-o na mesma posição em que estava instalado no veículo.● Ao substituir ou reparar o compresso, observe estritamente as instruções em “Manutenção da Quantidade de Lubrificante no Compressor”. Consulte EC-147, "DADOS DE SERVIÇO E ESPECIFI- CAÇÕES (SDS)".● Mantenha as superfícies de fricção entre a embreagem e a polia limpas. Caso a superfície esteja contaminada com lubrificante, limpe-a, utilizando um pano limpo embebido em thinner.● Após a operação de serviço do compressor, gire o eixo do compressor manualmente mais de 5 voltas em ambos os sentidos. Isto irá distribuir uniformemente o lubrificante dentro do compres- sor. Após instalar o compressor, deixe o motor em marcha-lenta e acione o compressor durante uma hora.● Após substituir a embreagem magnética do compressor, aplique tensão à nova e verifique quanto a funcionamento normal.Precauções quanto aos Equipamentos de Serviço EJS006AQDISPOSITIVO DE RECUPERAÇÃO / RECICLAGEMCertifique-se de seguir as instruções do fabricante quanto ao funcionamento e manutenção da máquina.Jamais adicione refrigerante diferente daquele especificado na máquina.DETECTOR ELETRÔNICO DE VAZAMENTOSCertifique-se de seguir as instruções do fabricante quanto ao funcionamento e manutenção do testador. ATC-12
  • 13. PRECAUÇÕESBOMBA DE VÁCUO AO lubrificante contido dentro da bomba de vácuo não é compatívelcom o lubrificante especificado para os sistemas de A/C com HFC-134a (R-134a). O lado de respiro da bomba de vácuo está exposto àpressão atmosférica. Desta forma, o lubrificante da bomba de vácuo Bpode passar da bomba para a mangueira de serviço. Isto é possívelquando a bomba é desligada após o vácuo e a mangueira estiverconectada nela. CPara evitar esta passagem, utilize uma válvula manual colocadapróxima à conexão entre a mangueira e a bomba, conforme indicadoabaixo. D● Geralmente, as bombas de vácuo dispõem de uma válvula iso- ladora manual. Feche esta válvula para isolar a mangueira de serviço da bomba.● Para bombas sem um isolante, utilize uma mangueira equipada E com válvula de desconexão manual, próxima à extremidade da bomba. Feche esta válvula para isolar a mangueira da bomba.● Caso a mangueira disponha de uma válvula de desconexão F automática, desconecte a mangueira da bomba. Tão logo a mangueira seja conectada, a válvula é aberta e o óleo lubrifi- cante pode sair. GAlgumas válvulas de uma via se abrem quando o vácuo é aplicado efecham-se quando houver uma condição “sem vácuo”. Tais válvulas RHA270DApodem restringir a capacidade da bomba em puxar um vácuo pro- Hfundo e portanto não são recomendadas.JOGO DE MEDIDORES DO COLETOR ICertifique-se de que a face do medidor esteja indicando HFC-134aou R-134a. Certifique-se de que o conjunto de medidores disponhade conexões roscadas ACME 1/2”-16 para mangueiras de serviço.Confirme se o jogo foi utilizado apenas para refrigerante HFC-134a J ATC(R-134a) e lubrificantes especificados. K L SHA533D M ATC-13
  • 14. PRECAUÇÕESMANGUEIRAS DE SERVIÇOCertifique-se de que as mangueiras de serviço estejam exibindo asmarcas descritas (mangueira colorida com faixa preta). Todas asmangueiras devem incluir dispositivos de desligamento positivo(manual ou automático) próximo à extremidade das mangueirasopostas ao medidor do coletor. RHA272DACOPLADORES DE SERVIÇONunca tente conectar acopladores de serviço HFC-134 a (R-134 a)a um sistema de A/C de CFC-12 (R-12). Os acopladores HFC-134a(R-134a) não serão corretamente acoplados a um sistema CFC-12(R-12). Entretanto, em caso de tentativa de uma conexão inade-quada, poderá ocorrer vazamento e contaminação. Giro da válvula de desconexão Válvula de serviço do A/C Sentido horário Abre Sentido anti-horário Fecha RHA273DBALANÇA DE PESAGEM DE REFRIGERANTEComprove se não foi utilizado nenhum lubrificante diferente de HFC-134a (134a) e que os lubrificantes especificados foram utilizados nabalança. Caso a balança controle o fluxo de refrigerante eletronica-mente, a conexão da mangueira deve ser ACME 1/2” – 16. RHA274D ATC-14
  • 15. PRECAUÇÕESPARA AFERIR A BALANÇA DE PESAGEM ACR4 AFaça a aferição da balança a cada três meses.Para calibrar a balança no ACR4:1. Pressione “Shift / Reset” e “Enter” simultaneamente. B2. Pressione “8787”. Será exibido “A1”.3. Remova toda o peso da balança.4. Pressione “0”, e a seguir “Enter”. Será exibido “0,00” e passará para “A2”. C5. Coloque um peso conhecido (dumbbell ou peso similar), variando entre 4,5 e 8,6 kg (10 e 19 lb.) na parte central da balança.6. Digite o peso conhecido, utilizando quatro dígitos. (Exemplo 10 lb. = 10,00, 10,5 lb. = 10,50) D7. Pressione “Enter” – o mostrador retornará ao modo vácuo.8. Pressione “Shift / Reset” e “Enter” simultaneamente.9. Pressione “6” – o peso conhecido na balança é exibido. E10. Remova o peso conhecido da balança. Será exibido “0.00”.11. Pressione “Shift/Reset” para retornar ACR4 ao modo de programa. FCILINDRO DE CARGANão é recomendável utilizar um cilindro de carga. O refrigerante pode ser ventilado em ar da válvula superiordo cilindro ao abastecer o cilindro com refrigerante. Da mesma forma, a precisão do cilindro é geralmente Ginferior àquela de uma balança eletrônica ou àquela do equipamento de reciclagem / recarga. H I ATC J K L M ATC-15
  • 16. PRECAUÇÕESPrecauções ao Utilizar o Corante de Detecção de Vazamentos EJS005AR● O sistema de A/C contém um corante fluorescente para detecção de vazamentos, utilizado para localizar vazamentos de refrigerante. É necessária uma lâmpada ultravioleta (UV) para iluminar o corante ao inspecionar quanto a vazamentos.● Ao utilizar a lâmpada UV para realçar o corante fluorescente, utilize óculos de segurança para proteger- se contra o corante fluorescente.● O detector de vazamento com corante fluorescente não substitui o detector eletrônico de vazamento de refrigerante. O detector de vazamento com corante fluorescente deve ser utilizado juntamente com o detector eletrônico de vazamento de refrigerante (J-41995) para localizar os vazamentos de refrigerante.● Para sua segurança e para a satisfação do cliente, leia e observe atentamente as instruções e pre- cauções de funcionamento informadas pelo fabricante, antes de efetuar o trabalho.● O vedador do eixo do compressor não deve ser reparado em virtude da exudação de corante. O vedador do eixo do compressor deve apenas ser reparado após a confirmação do vazamento com um detector eletrônico de vazamento de refrigerante (J-41995).● Sempre remova qualquer vestígio de corante da área de vazamento após completar as reparações para evitar um diagnóstico incorreto durante um próxima reparação.● Não permita que o corante entre em contato com os painéis pintados da carroçaria ou componentes internos. Caso o corante seja derramado, limpe imediatamente o local afetado com o limpador de corante especificado. Caso o corante fluorescente seja deixado sobre alguma superfície durante um período pro- longado, ele não mais poderá ser removido.● Não pulverize o produto para remover o corante fluorescente sobre superfícies quentes (coletor de escapamento do motor, etc.).● Não utilize mais do que uma garrafa de corante de refrigerante (1/4 onça / 7,4 cc) por sistema de A/C.● Os corantes para detecção de vazamentos em sistemas HFC-134a (R-134a) e CFC-12 (R-12) são dife- rentes. Não utilize corante para detectar vazamentos em sistema de A/C com HFC-134 a (134 a) em sistemas com CFC-12 (R-12) (e vice-versa) pois o sistema de A/C poderá ser danificado.● As propriedades fluorescentes do corante irão permanecer por mais de três (3) anos exceto se ocorrer uma falha no compressor.IDENTIFICAÇÃONOTA:Os veículos com corante fluorescente abastecido na fábrica estão identificados com uma etiqueta verde.Os veículos cujo corante fluorescente não foi adicionado na fábrica estão identificados com uma etiquetaazul.ETIQUETAS DE IDENTIFICAÇÃO DO VEÍCULOA etiqueta de identificação dos veículos cujo corante fluorescente foiadicionado na fábrica está localizada na parte dianteira do capuz. SHA749FDiagramas dos Circuitos e Diagnóstico de Falhas EJS006ASAo fazer a leitura dos diagramas elétricos, consulte:● GI-17, "Como Ler os Diagramas Elétricos"● PG-4, "CIRCUITO DE DIRECIONAMENTO DA ALIMENTAÇÃO DE ENERGIA"Ao efetuar o diagnóstico de falhas consulte:● GI-12, "Como Seguir o Diagnóstico de Falhas"● GI-26, "Como Realizar Diagnóstico Eficiente para um Incidente Elétrico" ATC-16
  • 17. PREPARAÇÃOPREPARAÇÃO PFP:00002 AFerramentas Especiais EJS006ATO formato atual das ferramentas Kent-Moore pode diferir das ferramentas especiais ilustradas aqui. Número da ferramenta B Descrição Nome da ferramenta KV99106200 Para instalar a polia Instalador de polia C D S-NT235 KV99233130 Para remover a polia E Extrator de polia F LHA172 GFerramentas e Equipamentos de Serviço HFC-134a (R-134a) EJS006AUNunca misture o refrigerante HFC-134a (R-134a) e/ou o lubrificante especificado com o refrigerante CFC-12 ATC H(R-12) e/ou respectivo lubrificante.Equipamentos separados e não intercambiáveis devem ser utilizados ao manusear cada um dos tipos derefrigerante / lubrificante. IAs conexões do reservatório de refrigerante, conexões da mangueira de serviço e conexões do equipamentode sérvio (equipamentos que manuseiam refrigerante e/ou lubrificante) são diferentes para o CFC-12 (R-12)e HFC-134a (R-134a). Isto é feito para evitar misturar os refrigerantes / lubrificantes.Os adaptadores que convertem um tamanho de conexão a outro nunca deverão ser utilizados. haverá con- Jtaminação de refrigerante / lubrificante e conseqüentemente falhas no compressor. Número da ferramenta K Descrição Nome da ferramenta Cor da embalagem: Azul claro Marca da embalagem: HFC-134a L (R-134a) Refrigerante HFC-134a (R-134a) Tamanho da conexão: Tamanho da rosca ● Reservatório grande 1/2″-16 ACME M S-NT196 Tipo: Óleo glicol polialquilênico KLH00-PAGS0 (PÁG), tipo S (DH-PS) Aplicação: Compressores de placa Óleo para Sistema de A/C, tipo S oscilante HFC-134a (R-134a) (DH-OS) NISSAN (apenas NISSAN) Lubrificidade: 40 m l (1,4 imp fl oz.) S-NT197 ATC-17
  • 18. PREPARAÇÃONúmero da ferramenta DescriçãoNome da ferramentaEquipamento de recuperação / Função: Recuperar e reciclar e recar-reciclagem / recarga (ACR4) regar refrigerante RJIA0195E Alimentação:Detector elétrico de vazamentos DC 12 V (Acendedor de cigarros) SHA705EB(J-43926)Jogo para detecção devazamento com corante derefrigeranteO jogo inclui:(J-42220)Lâmpada ultravioleta e óculos desegurança (UV)(J-41459)Injetor de corante de HFC-134a(R-134a) Alimentação:Utilize com a ferramenta especial DC 12 V (Terminal da bateria)J-41447, garrafa com ¼ onça(J-41447)Corante fluorescente para dedetecção de vazamentosHFC-134a (R-134a) ZHA200H(Caixa com 24 garrafas com ¼onça)(J-43872)Produto para limpeza de corantede refrigerante Alimentação: DC 12 V (Terminal da bateria) Para inspecionar o vazamento de(J-42220) refrigerante quando o corante fluores-Lâmpada ultravioleta e óculos de cente for adicionado ao sistema desegurança (UV) A/C Inclui: Lâmpada ultravioleta e óculos de SHA438F segurança (UV) ATC-18
  • 19. PREPARAÇÃONúmero da ferramenta Descrição ANome da ferramenta Aplicação: Para HFC-134a (R-134a)(J-41447) Óleo PAGCorante fluorescente para de Embalagem: Garrafa de ¼ de onça Bdetecção de vazamentos HFC- (7,4 cc)134a (R-134a) (Inclui etiquetas auto-adesivas deCaixa de 24, garrafas com ¼ identificação de corante para afixar noonça) veículo após abastecer o sistema C com o corante.) SHA439F D(J-41459)Injetor de corante de HFC-134a Para adicionar ¼ de onça de corante(R-134a) fluorescente para detecção de vaza-Utilize com a ferramenta especial mentos no sistema de A/C. EJ-41447, garrafa com ¼ onça SHA440F F(J-43872) Para limpar derramamentos deProduto para limpeza de corante G corante.de refrigerante SHA441F H ATC Identificação: I ● A face do medidor indica HFC-134aJogo de medidores de coletor (R-134a).(com mangueiras e acopladores) Tamanho da conexão: Tamanho da J rosca ● 1/2″-16 ACME K RJIA0196E Cor da mangueira: ● Mangueira inferior: Azul com faixa LMangueiras de serviço preta● Mangueira do lado de alta ● Mangueira superior: Vermelha com pressão faixa preta M● Mangueira do lado de baixa ● Mangueira de utilidade: Amarela pressão com faixa preta ou verde com faixa● Mangueira de utilidade preta S-NT201 Conexão da mangueira ao medidor: ● 1/2″-16 ACMEAcopladores de serviço Conexão da mangueira à mangueira● Acoplador do lado de alta de serviço: pressão Conexão M14 x 1,5 é opcional ou per-● Acoplador do lado de baixa manentemente fixada. pressão S-NT202 ATC-19
  • 20. PREPARAÇÃO Número da ferramenta Descrição Nome da ferramenta Para medir a quantidade de refrigerante Balança de pesagem de refriger- Tamanho da conexão: Tamanho da ante rosca 1/2″-16 ACME S-NT200 Capacidade: ● Deslocamento de ar: 4 CFM ● Capacidade em mícron: 20 mícron Bomba de vácuo (Incluindo a válvula de ● Capacidade de óleo: 482 g isolamento) (17 onças) Tamanho da conexão: Tamanho da rosca S-NT203 ● 1/2″-16 ACMEFerramentas Comerciais EJS006AV Número da ferramenta Descrição Nome da ferramenta (J-44614) Ferramenta de fixação do disco da Ferramenta de fixação do disco embreagem da embreagem WHA230 ATC-20
  • 21. SISTEMA DE REFRIGERAÇÃOSISTEMA DE REFRIGERAÇÃO PFP:KA990 ACiclo do Refrigerante EJS006AWFLUXO DE REFRIGERANTEO refrigerante flui no modelo padrão, ou seja, através do compressor, o condensador com o reservatório de Blíquido, através do evaporador e de volta ao compressor. A evaporação do refrigerante através do evaporadoré controlada através de uma válvula de expansão equalizada externamente e localizada dentro do alojamentodo evaporador. CPROTEÇÃO CONTRA CONGELAMENTOSob condições de operação normal, quando o sistema de A/C estiver ligado, o compressor funciona conti- Dnuamente; desta forma a pressão do evaporador e a temperatura são controladas pelo compressor de deslo-camento variável V-6 para evitar o congelamento.Proteção do Sistema de Refrigeração EJS006AX ESENSOR DE PRESSÃO DO REFRIGERANTEO sistema de refrigerante é protegido contra pressão excessivamente alta ou baixa através de um sensor de Fpressão de refrigerante, localizado no condensador. Caso a pressão do sistema seja aumentada ou diminuídaabaixo das especificações, o sensor de pressão de refrigerante detecta a pressão dentro da linha derefrigerante e envia um sinal de voltagem ao ECM.O ECM desenergiza o relé do A/C para desacoplar a embreagem do compressor magnético quando a Gpressão no lado de alta pressão detectada pelo sensor de pressão de refrigerante estiver acima de aproxima-damente 2,746 kPa (28 kg/cm2, 398 psi), ou abaixo de aproximadamente 120 kPa (1,22 kg/cm2, 17,4 psi). H I J ATC K L M ATC-21
  • 22. SISTEMA DE REFRIGERAÇÃOVÁLVULA DE ALÍVIO DE PRESSÃOO sistema de refrigerante também é protegido por uma válvula de alívio de pressão, localizada na cabeçatraseira do compressor.Quando a pressão do refrigerante no sistema aumenta atingindo um nível anormal [mais de 2,990 kPa (30,5kg/cm2, 433,6 psi)], o orifício de liberação na válvula de alívio de pressão automaticamente é aberto e libera orefrigerante para a atmosfera. MJIB0323E ATC-22
  • 23. SISTEMA DE REFRIGERAÇÃOComponentes EJS006AY ASISTEMA DE REFRIGERAÇÃO B C D E F G H I J ATC K L M MJIB0209E ATC-23
  • 24. SISTEMA DE REFRIGERAÇÃO1. Saída do descongelador 6. Duto de ventilação central 9. Duto do conector do assoalho2. Duto de desembaçamento – LE 7. Conjunto da unidade do aquecimento 10. Duto do assoalho dianteiro3. Duto do ventilador – LE e resfriamento 11. Duto do assoalho traseiro4. Duto de desembaçamento – LD 8. Difusores do duto do conector do assoalho5. Duto do ventilador – LD ATC-24
  • 25. LUBRIFICANTELUBRIFICANTE PFP:KLG00 AManutenção da Quantidade de Lubrificante no Compressor EJS006AZO lubrificante no compressor circula através do sistema com o refrigerante. Adicione lubrificante no compres-sor ao substituir qualquer componente ou após a ocorrência de um grande vazamento de refrigerante. É Bimportante manter sempre a quantidade especificada.Caso a quantidade de lubrificante não seja mantida adequadamente, poderão ocorrer as seguintes falhas:● Falta de lubrificante: Poderá emperrar o compressor C● Lubrificante excessivo: Arrefecimento inadequado (interferência de troca térmica)LUBRIFICANTENome: Lubrificante para Sistema de A/C, tipo S (DH-PS) NISSAN ou equivalente DNúmero de peça: KLH00-PAGS0INSPEÇÃO E AJUSTE ECUIDADO:Caso seja observado um vazamento excessivo de lubrificante, não efetue a operação de retorno delubrificante. FDê partida ao motor e ajuste as seguintes condições:Condição de Teste G● Rotação do motor: Marcha-lenta em 1.200 rpm● Interruptor de A/C: On● Rotação do ventilador: Posição máxima H ATC● Controle de temperatura: Opcional [Ajuste de maneira que a temperatura do ar de entrada seja 25° a 30°C (77° a 86°F)]● Posição de entrada: Recirculação ( ) I● Efetue a operação de retorno de lubrificante durante aproximadamente 10 minutosAjuste a quantidade de lubrificante de acordo com a tabela a seguir.Procedimento de Ajuste do Lubrificante para Componentes de Reposição Exceto Compressor JApós substituir qualquer um dos seguintes componentes principais, adicione a quantidade correta de lubrifi-cante ao sistema.Quantidade de lubrificante a ser adicionada: K Lubrificante a ser adicionado ao sistema Peça substituída Quantidade de lubrificante Notas L ml (Imp fl oz) Evaporador 75 (2.6) — Condensador 75 (2.6) — Adicionar caso o compressor não tenha M Líquido do tanque 5 (0.2) sido substituído. 30 (1.1) Vazamento grande Em caso de vazamento de refrigerante — Vazamento pequeno *1*1: Caso o vazamento de refrigerante seja pequeno, não será necessário adicionar lubrificante.Procedimento de Ajuste do Lubrificante ao Substituir o Compressor1. Antes de conectar o dispositivo de recuperação / reciclagem no veículo, inspecione os medidores do dis- positivo. Não deverá ser exibida nenhuma pressão de refrigerante. Caso NEGATIVO, recupere o refrige- rante das linhas do dispositivo.2. Conecte o dispositivo de recuperação / reciclagem no veículo. Confirme a pureza do refrigerante no tanque, utilizando o dispositivo de recuperação / reciclagem e o identificador de refrigerante. Caso NE- GATIVO, consulte EC-5, "Refrigerante Contaminado".3. Confirme a pureza do refrigerante no sistema de A/C do veículo, utilizando o dispositivo de recuperação / reciclagem e o identificador de refrigerante. Caso NEGATIVO, consulte EC-5, "Refrigerante Contami- nado". ATC-25
  • 26. LUBRIFICANTE4. Coloque o refrigerante no dispositivo de recuperação / reciclagem de refrigerante. Meça a quantidade de refrigerante colocada no dispositivo de recuperação / reciclagem.5. Drene o lubrificante do compressor antigo (removido) em um recipiente graduado e recupere a quan- tidade de lubrificante drenado.6. Drene o lubrificante do novo compressor em um recipiente separado e limpo.7. Meça uma quantidade igual àquela que foi drenada do compressor antigo para adicionar ao novo. Adi- cione este lubrificante ao novo compressor através da abertura do orifício de sucção.8. Meça uma quantidade de lubrificante novo igual àquela que foi recuperada durante a descarga. Adicione este lubrificante ao novo compressor através da abertura do orifício de sucção.9. Caso o tanque de líquido necessite também ser substituído, adicione uma quantidade adicional de 5 ml (0,2 imp fl oz) de lubrificante neste momento. Não adicione 5 ml (0,2 Imp fl oz) de lubrificante caso esteja apenas substituindo o compressor. RHA065DI ATC-26
  • 27. CONTROLE DO CONDICIONADOR DE ARCONTROLE DO CONDICIONADOR DE AR PFP:27500 ADescrição EJS006B0O controle de ar dianteiro permite a regulagem automática da temperatura interna do veículo. O sistema estábaseado na temperatura ajustada pelo motorista e passageiro, independentemente das alterações da tem-peratura externa.Isto é efetuado através de um microcomputador, também conhecido como controle de ar dianteiro, querecebe sinais de entrada dos seis sensores a seguir: C● Sensor de temperatura-ambiente● Sensor de temperatura interna● Sensor de entrada D● Sensor ótico (um sensor para o lado do motorista e passageiro)● PBR (Resistor de Compensação de Posição. E● Sensor de velocidade do veículoO controle de ar dianteiro utiliza estes sinais (incluindo a temperatura de ajuste) para controlar automatica-mente: F● Volume do ar de saída● Temperatura do ar● Distribuição do ar GO controle de ar dianteiro é utilizado para selecionar:● Volume do ar de saída● Temperatura / Distribuição do Ar HFuncionamento EJS006B1 ICONTROLES DE MISTURA DE AROs defletores de mistura de ar são automaticamente controlados de maneira que a temperatura interna doveículo seja mantida de acordo com um valor pré-estabelecido, pelo ajuste de temperatura, temperatura- ATC Jambiente, temperatura interna do veículo e quantidade de calor solar.CONTROLE DE VELOCIDADE DO VENTILADORA velocidade do ventilador é automaticamente controlada pelo ajuste de temperatura, temperatura-ambiente, Ktemperatura interna do veículo, temperatura de entrada, quantidade de calor solar e posição dos defletores demistura de ar.Quando o interruptor AUTO é pressionado, o motor do ventilador começa a aumentar gradativamente o vo- Llume de fluxo de ar (se necessário).Quando a temperatura do líquido de arrefecimento do motor estiver baixa, o funcionamento do motor do ven-tilador é retardado para evitar a entrada de ar frio. MCONTROLE DE ENTRADAO defletor de entrada é automaticamente controlado pelo ajuste de temperatura, temperatura-ambiente, tem-peratura interna do veículo, temperatura de entrada, quantidade de calor solar e pelo acionamento/desliga-mento do compressor.CONTROLE DE MODOO defletor de modo é automaticamente controlado pelo ajuste de temperatura, temperatura-ambiente, tem-peratura interna do veículo, temperatura de entrada e quantidade de calor solar.CONTROLE DO DESCONGELADORO defletor do descongelador é controlado por: Ao girar o seletor do descongelador para o descongeladordianteiro. ATC-27
  • 28. CONTROLE DO CONDICIONADOR DE ARCONTROLE DA EMBREAGEM MAGNÉTICA WJIA1163EQuando os interruptor de A/C ou DEF forem pressionados, o controle do ar dianteiro leva um sinal ON docompressor ao BCM.O BCM envia o sinal ON do compressor ao ECM, através da linha de comunicação CAN.O ECM avalia se o compressor pode ser ligado, baseado na situação de cada sensor (sinal do sensor depressão do refrigerante, sensor do ângulo do acelerador, etc.). Caso seja avaliado que o compressor pode serligado, ele envia um sinal ON do compressor ao IPDM E/R, através da linha de comunicação CAN.Após receber o sinal ON do compressor do ECM, o IPDM E/R aciona o relé do ar condicionado para que ocompressor funcione.SISTEMA DE AUTO-DIAGNÓSTICOO sistema de auto-diagnóstico está embutido no controle de ar dianteiro para localizar rapidamente a causados sintomas. Consulte EC-50, "Função de Auto-diagnóstico do Sistema de A/C". ATC-28
  • 29. CONTROLE DO CONDICIONADOR DE ARDescrição do Sistema de Controle EJS006B2 AO sistema de controle compreende sensores de entrada, interruptores, controle dianteiro do ar (microcom-putador) e saídas.A relação entre estes componentes é mostrada na figura abaixo: C D E F G H I ATC J K WJIA1279EFuncionamento do Controle EJS006B3 L Controle dianteiro do ar M MJIB0333E ATC-29
  • 30. CONTROLE DO CONDICIONADOR DE ARTELA DO MOSTRADORExibe a situação operacional do sistema.AUTO-INTERRUPTOR● O compressor, defletor de entrada, defletores de mistura de ar, defletores e velocidade do ventilador são automaticamente controlados de maneira que a temperatura interna do veículo atinja e mantenha a tem- peratura selecionada pelo operador.● Ao pressionar o interruptor AUTO, o ar de entrada, ar de saída, velocidade do ventilador e a temperatura do ar de descarga são automaticamente controlados.SELETOR DE CONTROLE DE TEMPERATURA (CONTROLE DE TEMPERATURA)(LADO DO MOTORISTA)Aumenta ou diminui a temperatura ajustada.SELETOR DE CONTROLE DE TEMPERATURA (CONTROLE DE TEMPERATURA)(LADO DO PASSAGEIRO)Aumenta ou diminui a temperatura ajustada.SELETOR DE CONTROLE DE TEMPERATURA (CONTROLE DE TEMPERATURA E MODO)(TRASEIRO)Aumenta ou diminui a temperatura ajustada. O modo também altera do ajuste da área dos pés (completa-mente quente) para a posição intermediária (quente) e para a ventilação em completamente frio.INTERRUPTOR DE RECIRCULAÇÃO (REC)● Quando o interruptor REC está ativado, o indicador do interruptor REC é ligado e a entrada de ar é ajus- tada em REC.● Quando o interruptor REC é desligado, ou quando o compressor é passado de ligado para desligado, o interruptor REC é automaticamente desligado. O modo REC pode ser novamente ativado, ao ser pres- sionado o interruptor REC mais uma vez.● O interruptor REC é acionado quando o interruptor DEF é ligado, ou quando estiver a posição D/F.INTERRUPTOR DE DESCONGELAMENTO (DEF)Posiciona o defletor de ar para a posição descongelamento. Também posiciona os defletores na posição de arexterno.INTERRUPTOR DO DESEMBAÇADOR DO VIDRO TRASEIROQuando o interruptor está ligado, o vidro traseiro é desembaçado.INTERRUPTOR OFF (DESLIGAR)O compressor e o ventilador são desligados, o defletor de entrada é ajustado para a posição de ar externo eos defletores de ar são ajustados para a posição da área dos pés (75% área dos pés e 25% descongela-mento).INTERRUPTOR DE A/CO compressor é ligado ou desligado.(Ao pressionar o interruptor A/C quando o interruptor AUTO estiver ligado, o interruptor de A/C e o compres-sor serão desligados.)INTERRUPTOR DE MODO (DIANTEIRO)Controla os difusores de ar.SELETOR DE CONTROLE DO VENTILADOR DIANTEIROControla manualmente a velocidade do ventilador. Estão disponível sete velocidades para o controle manual(conforme exibido na tela do mostrador).INTERRUPTOR DE MODO (TRASEIRO)Controla o ar / temperatura nos difusores de ar. ATC-30
  • 31. CONTROLE DO CONDICIONADOR DE ARDescarga do Fluxo de Ar EJS006B4 ADIANTEIRO C D LJIA0172E E F G MJIB0284E H I ATC J K L M ATC-31
  • 32. CONTROLE DO CONDICIONADOR DE ARDescrição do Sistema EJS006B5INTERRUPTORES E RESPECTIVAS FUNÇÕES DE CONTROLE MJIB0220E WJIA1237E ATC-32
  • 33. CONTROLE DO CONDICIONADOR DE ARDescrição do Sistema de Comunicação CAN EJS006B7 AConsulte LAN-47, "Tabela de Sinais da Comunicação CAN". C D E F G H I ATC J K L M ATC-33
  • 34. DIAGNÓSTICO DE FALHASDIAGNÓSTICO DE FALHA PFP:00004Funções de CONSULT-II (BCM) EJS006B8CONSULT-II pode exibir cada item de diagnóstico utilizando os modos de teste de diagnóstico mostradosabaixo. Item do teste de Modo de Diagnóstico Descrição diagnóstico BCM Dá suporte a inspeções e ajustes. Os comandos são transmitidos ao BCM para SUPORTE DE TRABALHO ajustar a situação adequada para a operação exigida, os sinais de entrada / saída são recebidos do BCM e os dados recebidos são exibidos. DATA MONITOR Exibe os dados de entrada / saída do BCM em tempo real. Funcionamento de cargas elétricas podem ser verificadas, enviando-se sinais de Inspeção por ACTIVE TEST acionamento a elas. peça SELF-DIAG RESULTS Exibe os resultados do auto-diagnóstico. O resultado do diagnóstico de transmissão / recepção da comunicação CAN CAN DIAG SUPPORT MNTR pode ser lido. ECU PART NUMBER O número de peça da BCM pode ser lido. CONFIGURATION Efetua as funções de leitura / gravação da configuração do BCM.FUNCIONAMENTO BÁSICO CONSULT-IICUIDADO:Caso CONSULT-II seja utilizado sem nenhuma conexão do CONVERSOR CONSULT-II, a falha poderiaser detectada no auto-diagnóstico, dependendo da unidade de controle que efetua a comunicaçãoCAN.1. Com o interruptor de ignição desligado, conecte o CONSULT-II e o conversor CONSULT-II no conector da conexão de dados e ligue o interruptor de ignição. WJIA1078E ATC-34
  • 35. DIAGNÓSTICO DE FALHAS2. Pressione “START” (VEÍCULO NISSAN)”. A B C BCIA0029E D3. Pressione “BCM” na tela “SELECT SYSTEM” (Selecionar sistema). Caso não seja indicado “BCM”, passe para GI-50, "Circuito dos Conectores (DLC) do Link de Dados do CONSULT- E II". F G BCIA0030EMONITOR DE DADOS HProcedimento de Operação1. Pressione “AIR CONDITIONER” na tela “SELECT TEST ITEM”. I J ATC WJIA0468E K2. Pressione “DATA MONITOR” na tela “SELECT DIAG MODE”. L M BCIA0031E ATC-35
  • 36. DIAGNÓSTICO DE FALHAS3. Pressione “ALL SIGNALS” (todos os sinais) ou “SELECTION FROM MENU” (Seleção do Menu) na tela “DATA MONITOR” (monitor de dados). Todos os sinais Monitoram todos os itens. Seleciona e monitora separadamente o item Seleção do menu selecionado4. Quando “SELECTION FROM MENU” for selecionado, pressione os itens a serem monitorados. Quando “ALL SIGNALS” for sele- cionado, todos os itens serão monitorados. WJIA0469E5. Pressione “START” (iniciar).6. Pressione “RECORD” enquanto o monitoramento estiver sendo efetuado, desta forma a situação do item monitorado pode ser gravada. Para interromper a gravação, pressione “STOP”.Lista de Itens do Mostrador Nome do item do monitor Índice “OPERAÇÃO OU UNIDADE” Exibe a situação “IGN Position (ON)/OFF, ACC Position (OFF)” conforme avaliado a partir do sinal IGN ON SW “ON/OFF” do interruptor de ignição. Exibe a situação “COMP (ON)/COMP (OFF)” conforme avaliado a partir do sinal do interruptor do COMP ON SIG “ON/OFF” ar condicionado. Exibe a situação “FAN (ON)/FAN (OFF)” conforme avaliado a partir do sinal do interruptor do motor FAN ON SIG “ON/OFF” do ventilador.Como Efetuar o Diagnóstico de Falhas para uma ReparaçãoPrecisa e Rápida EJS006B9FLUXOGRAMA DE DIAGNÓSTICO SHA900E*1 EC-52, "Inspeção Operacional". ATC-36
  • 37. DIAGNÓSTICO DE FALHASTABELA DE SINTOMAS A Sintoma Referências Página EC-56, "Circuito de Alimentação e Passe ao Procedimento de Diagnóstico de Falhas do Sistema deO sistema A/C não é ligado. Massa do B A/C. Controle de Ar Dianteiro"O mostrador do sistema de A/C está AV-56, "Sistema Passe a “Sistema de Navegação’. Capresentando falha. de Navegação" EC-50, "Função de Auto-O sistema de A/C não pode ser controlado. Passe à Função de Auto-diagnóstico. diagnóstico do D Sistema de A/C"O defletor de ar não é alterado. EC-59, "Circuito Passe ao Procedimento de Diagnóstico de Falhas do Motor doO motor do defletor de modo está do Motor do defletor de modo. Eapresentando falha. Defletor de Modo"A temperatura do ar de descarga não é EC-64, "Circuitoalterada. Passe ao Procedimento de Diagnóstico de Falhas do Motor do do Motor doO motor do defletor de mistura de ar está defletor de mistura de Ar. Defletor de Fapresentando falha. Mistura de Ar"O defletor de entrada não é alterado. EC-73, "Circuito Passe ao Procedimento de Diagnóstico de Falhas do Motor do do Motor doO motor do defletor de entrada está apre- G Defletor de Entrada. Defletor desentando falha. Entrada"O motor do defletor do descongelador está Passe ao Procedimento de Diagnóstico de Falhas do Motor doapresentando falha. Defletor do Descongelador. H EC-76, "CircuitoO funcionamento do motor do ventilador Passe ao Procedimento de Diagnóstico de Falhas do Motor do do Motor doestá apresentando falha. Ventilador. Ventilador" EC-83, "Circuito I Passe ao Procedimento de Diagnóstico de Falhas daA embreagem magnética não acopla. da Embreagem Embreagem Magnética. Magnética" EC-89, Passe ao Procedimento de Diagnóstico de Arrefecimento J ATCArrefecimento insuficiente "Arrefecimento Insuficiente. Insuficiente" EC-96,Aquecimento insuficiente Passe ao Procedimento de Diagnóstico de Falha para "Aquecimento K Aquecimento Insuficiente. Insuficiente"Ruído Passe ao Procedimento de Diagnóstico de Falhas para Ruído. EC-97, "Ruído" Passe ao Procedimento de Diagnóstico de Falha para EC-98, "Auto-O auto-diagnóstico não pode ser efetuado. Auto-diagnóstico. diagnóstico" L Passe ao Procedimento de Diagnóstico de Falha para Função EC-99, "FunçãoA função de memória não funciona. de Memória. de Memória" M ATC-37
  • 38. DIAGNÓSTICO DE FALHASLocalização das Peças do Componente e Conectores do Chicote EJS006BACOMPARTIMENTO DO MOTOR MJIB0155E ATC-38
  • 39. DIAGNÓSTICO DE FALHASCOMPARTIMENTO DE PASSAGEIRO DIANTEIRO A B C D E F G H I J ATC K L M MJIB0326E ATC-39
  • 40. DIAGNÓSTICO DE FALHASDiagrama EJS006BB MJWA0176E ATC-40
  • 41. DIAGNÓSTICO DE FALHASDiagrama de Circuito – A/C – EJS006BC A B C D E F G H I J ATC K L M MJWA0177E ATC-41
  • 42. DIAGNÓSTICO DE FALHAS MJWA0178E ATC-42
  • 43. DIAGNÓSTICO DE FALHAS A B C D E F G H I J ATC K L M MJWA0179E ATC-43
  • 44. DIAGNÓSTICO DE FALHAS MJWA0180E ATC-44
  • 45. DIAGNÓSTICO DE FALHAS A B C D E F G H I J ATC K L M MJWA0181E ATC-45
  • 46. DIAGNÓSTICO DE FALHAS MJWA0182E ATC-46
  • 47. DIAGNÓSTICO DE FALHAS A B C D E F G H I J ATC K L M MJWA0183E ATC-47
  • 48. DIAGNÓSTICO DE FALHASTerminais de Controle de Ar Dianteiros e Valor de Referência EJS006BFMeça a voltagem entre cada terminal e a massa, seguindo Terminaise Valor de Referência para controle dianteiro do ar. MJIB0327EESQUEMA DO TERMINAL DO CONECTOR DO PINO MJIB0159ETERMINAIS E VALOR DE REFERÊNCIA DO CONTROLE DE AR DIANTEIROTerminal Cor do Interruptor Voltagem (V) Item Condição Nº fio de ignição (Aprox.) 1 BR Motor do defletor de modo CW ON Sentido horário Voltagem da bateria Motor do defletor de mistura de ar 2 W ON Sentido horário Voltagem da bateria (motorista) CW Motor do defletor de mistura de ar 3 G ON Sentido anti-horário Voltagem da bateria (motorista) CCW 4 Y Motor do defletor de entrada CW ON Sentido anti-horário Voltagem da bateria 5 O Motor do defletor de entrada CCW ON Sentido horário Voltagem da bateria 6 P Alimentação para IGN ON - Voltagem da bateria Aquecedor do banco (Modelos Aquecedor do banco ON Voltagem da bateria 7 Y ON ALE) Aquecedor do banco OFF 0V Luzes de estacionamento 8 G Iluminação + ON Voltagem da bateria ON Luzes de estacionamento 9 B Iluminação - - ON PIIA2344E ON Interruptor do A/C OFF 5V 10 W Sinal ON do Compressor ON Interruptor do A/C ON 0V Solicitação de descongelamento 11 Y ON - Voltagem da bateria traseiro 12 L Sensor de Entrada ON - 0 - 5V 13 V Massa do sensor ON - 0 - 5V 14 R Motor do defletor de modo CCW ON Sentido anti-horário Voltagem da bateria ATC-48
  • 49. DIAGNÓSTICO DE FALHASTerminal Cor do Interruptor Voltagem (V) Item Condição A Nº fio de ignição (Aprox.) Motor do defletor de mistura de ar 15 P ON Sentido horário Voltagem da bateria (passageiro) CW Motor do defletor de mistura de ar B 16 LG ON Sentido anti-horário Voltagem da bateria (Passageiro) CCW 19 GR Alimentação para BAT - - Voltagem da bateria 20 B Massa - - 0V C Retorno do motor do defletor de 21 V ON - 0 - 5V modo ON Retorno do motor do defletor de 22 SB ON - 0 - 5V D mistura de ar (motorista) 23 G Alimentação do sensor ON - 5V 26 P Retorno do sensor ON - 0V E 27 R Sinal do sensor interno do veículo ON - 0 - 5V 28 W Sensor de temperatura-ambiente ON - 0 - 5V 29 G Sensor Ótico (Motorista) ON - 0 - 5V F PTC relé do aquecedor 1 Relé ON Voltagem da bateria 31 P (Modelos ALE) ON Relé OFF 0V 32 V Controle variável do ventilador ON - 0 - 5V G Motor do sensor interno do veículo 33 BR ON - Voltagem da bateria (+) Motor do sensor interno do veículo 34 O ON - 0V H (-) Interruptor do ventilador ON 5V OFF 35 LG Sinal ON do ventilador Interruptor do ventilador I ON 0V ON Motor do defletor de mistura de ar 36 SB (Passageiro) ON - 0 - 5V retorno J ATC 37 GR Sensor Ótico (Passageiro) ON - 0 - 5V Motor do ventilador OFF Voltagem da bateria 38 B Solicitação do ventilador ON K Motor do ventilador ON 0V PTC relé do aquecedor 2 Relé ON Voltagem da bateria 40 LG (Modelos ALE) ON Relé OFF 0V L 41 L CAN-H ON - 0 - 5V 42 P CAN-L ON - 0 - 5V PTC relé do aquecedor 3 Relé ON Voltagem da bateria 43 BR (Modelos ALE) ON M Relé OFF 0V Aquecedor do espelho retrovisor Aquecedor OFF 0V 44 R ON (Modelos ALE) Aquecedor ON Voltagem da bateria ATC-49
  • 50. DIAGNÓSTICO DE FALHASFunção de Auto-diagnóstico do Sistema de A/C BJS0000XDESCRIÇÃOO sistema de auto-diagnóstico faz o diagnóstico de sensores, motores dos defletores, motor do ventilador,etc.COMO ATIVAR O MODO DE AUTO-DIAGNÓSTICOCONDIÇÃO:O auto-diagnóstico deve ser efetuado a temperaturas-ambientes superiores a 10°C.1. Ligue o interruptor de ignição.Gire o seletor de controle do venti- lador dianteiro no sentido anti-horário e o seletor de controle de temperatura no sentido horário ao mesmo tempo, conforme mostrado na figura e a seguir mantenha-os pressionado por 1 segundo. MJIB0335E2. Libere ambos os seletores e pressione AUTO SWITCH dentro de 3 segundos. MJIB0336E3. A indicação da velocidade do ventilador dianteiro no mostrador irá piscar até que o código de auto-diag- nóstico seja indicado. (O auto-diagnóstico é realizado durante o fluxo da indicação.)4. O código de auto-diagnóstico será indicado no mostrador. (Caso não seja detectada nenhuma falha, será exibido “00”.) Consulte EC-51, "TABELA DE CÓDIGOS DE AUTO-DIAGNÓSTICO".NOTA:O modo de auto-diagnóstico será encerrado após ser pressionado qualquer interruptor relacionado ao con-trole de ar dianteiro. ATC-50
  • 51. DIAGNÓSTICO DE FALHASTABELA DE CÓDIGOS DE AUTO-DIAGNÓSTICO A Code No. Reference page 00 Sem falha – B 02 EE alterado por calibração EC-111, "REMOÇÃO" Falha do circuito do motor do defletor de mistura de EC-67, "PROCEDIMENTO DE DIAGNÓSTICO DO MOTOR 12 ar (motorista) DO DEFLETOR DE MISTURA DE AR (MOTORISTA)" C EC-84, "PROCEDIMENTO DE DIAGNÓSTICO PARA SIN- 20 BCM não está respondendo à solicitação do A/C TOMA DE EMBREAGEM MAGNÉTICA" BCM não está respondendo à solicitação do 21 GW-47, "DESEMBAÇADOR DO VIDRO TRASEIRO" D descongelador traseiro Falha do circuito do motor do defletor de mistura de EC-69, "PROCEDIMENTO DE DIAGNÓSTICO DO MOTOR 22 ar (passageiro) DO DEFLETOR DE MISTURA DE AR (PASSAGEIRO)" E Circuito do sensor interno do veículo fora da faixa 30 (baixo) EC-103, "Circuito do Sensor de Temperatura Interna do Circuito do sensor interno do veículo fora da faixa Veículo" 31 F (alto) 40 Sensor de temperatura-ambiente 1 curto-circuito EC-100, "Circuito do Sensor de Temperatura-Ambiente" 41 Sensor de temperatura-ambiente 1 circuito aberto G 50 Sensor ótico (motorista) circuito aberto ou em curto Sensor ótico (passageiro) circuito aberto ou em EC-107, "Circuito do Sensor Ótico" 52 curto H 56 Sensor de entrada curto-circuito EC-109, "Circuito do Sensor de Entrada" 57 Sensor de entrada circuito aberto Falha no circuito do motor do defletor do I 62 descongelador 80 Falha no coletor CAN LAN-47, "Tabela de Sinais da Comunicação CAN" J 81 Mensagem do BCM CAN faltando ATC Falha do circuito do motor do defletor de entrada EC-75, "PROCEDIMENTO DE DIAGNÓSTICO DO MOTOR 82 (motorista) DO DEFLETOR DE ENTRADA" K 90 Botão emperrado EC-111, "REMOÇÃO". 92 Falha do circuito do motor do defletor de modo EC-59, "Circuito do Motor do Defletor de Modo" L M ATC-51
  • 52. DIAGNÓSTICO DE FALHASInspeção Operacional EJS006BHO objetivo da inspeção operacional é confirmar se o sistema está funcionando corretamente. Condições : Motor funcionando em temperatura normal de operaçãoINSPEÇÃO DA FUNÇÃO DE MEMÓRIA1. Ajuste a temperatura em 32°C (90°F).2. Gire o seletor de controle do ventilador no sentido anti-horário até que o sistema seja desligado.3. Desligue o interruptor de ignição.4. Ligue o interruptor de ignição. MJIB0335E5. Pressione o interruptor AUTO.6. Confirme se a temperatura ajustada permanece na temperatura anterior. MJIB0336E7. Gire o seletor de controle do ventilador no sentido anti-horário até que o sistema seja desligado.Se NEGATIVO, passe ao procedimento de diagnóstico de falha paraEC-99, "Função de Memória".Se estiver OK, continue com a próxima inspeção. MJIB0335E ATC-52
  • 53. DIAGNÓSTICO DE FALHASINSPEÇÃO DO VENTILADOR A1. Pressione o interruptor AUTO. O ventilador deve funcionar em baixa velocidade. Uma pá do símbolo do ventilador deve acender (no mostrador).2. Gire o seletor de controle do ventilador novamente e continue B verificando a velocidade do ventilador e o símbolo do ventilador até que todas as velocidades sejam verificadas.3. Deixe o ventilador em velocidade máxima. CSe NEGATIVO, passe ao procedimento de diagnóstico de falha paraEC-78, "PROCEDIMENTO DE DIAGNÓSTICO DO MOTOR DO MJIB0337EVENTILADOR". DSe estiver OK, continue com a próxima inspeção. EINSPEÇÃO DO AR DE DESCARGA1. Pressione o interruptor MODE quatro vezes e o interruptor DEF.2. Cada indicador de posição deve mudar o formato (no mostra- dor). F G MJIB0338E H3. Confirme se o ar de descarga é acionado de acordo com a tabela de distribuição de ar. Consulte EC-31, "Descarga do I Fluxo de Ar".A posição do defletor de modo será inspecionada na próxima etapa.Se NEGATIVO, passe ao procedimento de diagnóstico de falha para JEC-59, "Circuito do Motor do Defletor de Modo". ATCSe estiver OK, continue a inspeção.NOTA: KConfirme se a embreagem do compressor está acoplada (inspeçãosonora ou visual) e se o defletor de entrada está posicionado em MJIB0284EFresco quando DEF ou D/F for selecionado. L M ATC-53
  • 54. DIAGNÓSTICO DE FALHASINSPEÇÃO DE RECIRCULAÇÃO1. Pressione o interruptor de recirculação ( ) uma vez. O indica- dor de recirculação deve acender.2. Pressione o interruptor de recirculação ( ) mais uma vez. O indicador de recirculação deve apagar.3. Preste atenção quanto à mudança de posição do defletor de entrada (o ruído do ventilador deve mudar levemente).Se NEGATIVO, passe ao procedimento de diagnóstico de falha paraEC-73, "Circuito do Motor do Defletor de Entrada".Se estiver OK, continue com a próxima inspeção. MJIB0339ENOTA:Confirme se a embreagem do compressor está acoplada (inspeção sonora ou visual) e se o defletor deentrada está posicionado em Fresco quando DEF ou D/F for selecionado.INSPEÇÃO DE DIMINUIÇÃO DE TEMPERATURA1. Gire o seletor de controle de temperatura (lado do motorista) no sentido anti-horário até que seja exibido 18°C (60°F).2. Verifique quanto a ar frio nos defletores de ar apropriados.Se NEGATIVO, ouça o ruído do funcionamento do motor do defletorde mistura de ar. Se OK, passe ao procedimento de diagnóstico defalha para EC-89, "Arrefecimento Insuficiente". Caso pareça que omotor do defletor de mistura de ar esteja apresentando falha, passea EC-67, "PROCEDIMENTO DE DIAGNÓSTICO DO MOTOR DODEFLETOR DE MISTURA DE AR (MOTORISTA)" ou EC-69, "PRO- MJIB0340ECEDIMENTO DE DIAGNÓSTICO DO MOTOR DO DEFLETOR DEMISTURA DE AR (PASSAGEIRO)".Se estiver OK, continue a inspeção.INSPEÇÃO DE AUMENTO DE TEMPERATURA1. Gire o seletor de controle de temperatura (lado do motorista) no sentido horário até que seja exibido 32°C (90°F).2. Verifique quanto a ar quente nos defletores de ar apropriados. ● Se NEGATIVO, ouça o ruído do funcionamento do motor do defletor de mistura de ar. Se OK, passe ao procedimento de diagnóstico de falha para EC-96, "Aquecimento Insuficiente".Caso pareça que o motor do defletor de mistura de ar esteja apre-sentando falha, passe a EC-69, "PROCEDIMENTO DE DIAGNÓS-TICO DO MOTOR DO DEFLETOR DE MISTURA DE AR(PASSAGEIRO)". MJIB0341ESe estiver OK, continue com a próxima inspeção. ATC-54
  • 55. DIAGNÓSTICO DE FALHASINSPEÇÃO DO INTERRUPTOR DE A/C A1. Pressione o interruptor de A/C quando o interruptor AUTO estiver ligado, ou no modo manual.2. O indicador do interruptor de A/C acenderá. ● Confirme se a embreagem do compressor é acoplada (ins- B peção sonora ou visual).Se NEGATIVO, passe ao procedimento de diagnóstico de falha paraEC-83, "Circuito da Embreagem Magnética". CSe estiver OK, continue com a próxima inspeção. MJIB0342E DINSPEÇÃO DO MODO AUTO1. Pressione o interruptor AUTO. E2. O mostrador deve exibir AUTO. ● Caso a temperatura-ambiente esteja quente, e a temperatura selecionada seja fria, confirme se a embreagem do compres- F sor é acoplada (inspeção sonora ou visual). (O ar de des- carga e a velocidade do ventilador irão depender das tempe- raturas-ambientes internas do veículo, bem como da tempe- ratura ajustada. GSe NEGATIVO, passe ao procedimento de diagnóstico de falha para MJIB0336EEC-56, "Circuito de Alimentação e Massa do Controle de ArDianteiro", a seguir, se necessário, efetue o procedimento de diagnóstico de falha para EC-83, "Circuito da HEmbreagem Magnética".Caso todos as inspeções operacionais estejam satisfatórias (o sintoma não pode repetido), passe aos testesde simulação de falha em EC-36, "Como Efetuar o Diagnóstico de Falhas para uma Reparação Precisa e IRápida" e efetue os testes conforme indicado para simular o ambiente das condições de condução. Caso osintoma apareça, consulte EC-36, "Como Efetuar o Diagnóstico de Falhas para uma Reparação Precisa eRápida", EC-37, "TABELA DE SINTOMAS" e efetue os procedimentos aplicáveis de diagnóstico de falha. J ATC K L M ATC-55
  • 56. DIAGNÓSTICO DE FALHASCircuito de Alimentação e Massa do Controle de Ar Dianteiro EJS006BJSINTOMA: O sistema A/C não é ligado.FLUXO DE INSPEÇÃO MJIB0343E*1 EC-56, "Circuito de Alimentação e *2 EC-52, "Inspeção Operacional". Massa do Controle de Ar Dianteiro". ATC-56
  • 57. DIAGNÓSTICO DE FALHASDESCRIÇÃO DO COMPONENTE AControle Dianteiro do ArO controle dianteiro de ar possui um microcomputador embutido queprocessa as informações enviadas dos vários sensores necessáriospara que o ar condicionado funcione. Os motores dos defletores de Bmistura de ar, motor do defletor de modo, motor do defletor deentrada, motor do defletor do descongelador, motor do ventilador ecompressor são então controlados. CO controle dianteiro de ar é unificado com os mecanismos de con-trole. Quando os vários interruptores e seletores de temperatura são MJIB0327Eacionados, os dados dão entrada no controle dianteiro de ar. DAs funções de auto-diagnóstico também estão embutidas no con-trole dianteiro de ar para oferecer uma inspeção rápida das falhas no sistema do condicionador de arautomático. EControle de Temperatura do Potenciômetro (PTC)Existem dois PTCs (passageiro e motorista) embutidos no controledianteiro de ar. Eles podem ser ajustados em um intervalo de 0,5° F(1,0°F) na faixa de temperatura entre 18°C (60°F) e 32°C (90°F),girando-se o seletor de temperatura. A temperatura ajustada é exi-bida. G H MJIB0344E IPROCEDIMENTO DE DIAGNÓSTICO DO SISTEMA DE A/CSINTOMA: O sistema A/C não é ligado. J ATC K L MJIB0180E M ATC-57
  • 58. DIAGNÓSTICO DE FALHAS1. VERIFICAR OS CIRCUITOS DE ALIMENTAÇÃO DO CONTROLE DIANTEIRO DE AR1. Desligue o interruptor de ignição.2. Desconecte o conector de controle dianteiro de ar.3. Ligue o interruptor de ignição.4. Verifique a voltagem entre os terminais 6 e 19 do conector M60 do chicote do controle dianteiro de ar e a massa. Terminais Posição do interruptor de ignição (+) Conector do con- (-) OFF ACC ON trole Terminal Nº WJIA1082E dianteiro de ar Voltagem M60 6 Aprox. 0V Aprox. 0V da bateria Massa Voltagem Voltagem Voltagem M60 19 da bateria da bateria da bateriaOK ou NEGATIVOOK >> PASSE PARA 2.NEGATIVO >> Verifique os fusíveis de 10 A [nºs. 8 e 19, localizados no bloco de fusíveis (J/B)].Consulte PG-83. ● Se os fusíveis estiverem OK, inspecione o chicote quanto a circuito aberto. Repare ou substitua, conforme necessário. ● Se os fusíveis estiverem NEGATIVO, substitua o fusível e inspecione o chicote quanto a curto- circuito. Repare ou substitua, conforme necessário.2. VERIFICAR O CIRCUITO DE MASSA CONTROLE DIANTEIRO DE AR1. Desligue o interruptor de ignição.2. Verifique a continuidade entre o terminal 20 do conector M60 do chicote do controle dianteiro de ar e a massa. 20 – Massa: Deve existir continuidade.OK ou NEGATIVOOK >> Substitua o controle dianteiro de ar. Consulte EC-111, "REMOÇÃO".NEGATIVO >> Repare o chicote ou o conector. WJIA1239E ATC-58
  • 59. DIAGNÓSTICO DE FALHASCircuito do Motor do Defletor de Modo EJS006BK ASINTOMA:● O defletor de ar não é alterado.● O motor do defletor de modo não funciona normalmente. BFLUXO DE INSPEÇÃO C D E F G H I J ATC K L M MJIB0345E 1 EC-31, "Descarga do Fluxo de Ar". *3 EC-50, "Função de Auto-diagnóstico *5 EC-61, "PROCEDIMENTO DE DIAG-*2 EC-52, "Inspeção Operacional". do Sistema de A/C" NÓSTICO DO MOTOR DO DEFLE- *4 EC-51, "TABELA DE CÓDIGOS DE TOR DE MODO". AUTO-DIAGNÓSTICO". ATC-59
  • 60. DIAGNÓSTICO DE FALHASDESCRIÇÃO DO SISTEMAPeças de ComponenteOs componentes do sistema de controle do difusor de modo são:● Controle dianteiro de ar● Motor do defletor de modo● PBR (embutido no motor do defletor de modo)● Sensor de temperatura interna● Sensor de temperatura-ambiente● Sensor ótico● Sensor de entradaFuncionamento do SistemaA posição do defletor de modo (ventilação, B/L, área dos pés e descongelamento) é ajustada pelo controledianteiro de ar, através do motor do defletor de modo. Quando uma posição do defletor de modo é sele-cionada no controle dianteiro de ar, a voltagem é aplicada a um dos circuitos do modo do defletor de modoenquanto a massa é aplicada a outro circuito, fazendo o motor do defletor de modo girar. O sentido de giro édeterminado pelo circuito ao qual a voltagem ou massa é aplicada.O controle dianteiro de ar monitora a posição do defletor de modo, medindo-se o sinal de voltagem no circuitoPBR.No modo AUTO, a posição do defletor de modo é ajustado pelo controle dianteiro de ar que determina aposição apropriada, com base nas entradas do sensor de temperatura interno do veículo, sensor de tempe-ratura-ambiente, sensor ótico, sensor de entrada e a temperatura selecionada pelo motorista ou passageiro. WJIA1240EEspecificação de Controle do Defletor de Modo WJIA0434E ATC-60
  • 61. DIAGNÓSTICO DE FALHASDESCRIÇÃO DO COMPONENTE AMotor do Defletor de ModoO motor do defletor de modo está fixado na unidade do aquecedor eresfriador. Ele gira de maneira que o ar é descarregado do difusor,conforme indicado pelo controle dianteiro de ar. A rotação do motor Bé transferida para uma conexão que ativa o defletor de modo. C MJIB0161E DPROCEDIMENTO DE DIAGNÓSTICO DO MOTOR DO DEFLETOR DE MODO1. VERIFICAR O RESULTADO NO AUTO-DIAGNÓSTICO DE CONTROLE DIANTEIRO DE AR EO código de auto-diagnóstico 92 está presente. Consulte EC-50, "Função de Auto-diagnóstico do Sistema deA/C".SIM ou NÃO FSIM >> PASSE PARA 2.NÃO >> PASSAR PARA 3. G2. VERIFICAR OS CIRCUITOS DE ALIMENTAÇÃO E MASSA DO MOTOR DO DEFLETOR DE MODO H1. Desligue o interruptor de ignição.2. Desconecte o conector de controle dianteiro de ar e o conector do motor do defletor de modo. I3. Verifique a continuidade entre o terminal 1 do conector M60 do chicote de controle dianteiro de ar e o terminal 1 do conector M46 do chicote do motor do defletor de modo e entre o terminal 14 do conector M60 do chicote de controle dianteiro de ar e o J ATC terminal 6 do conector M46 do chicote do motor do defletor de modo. 1-1 : Deve existir continuidade. K 14 - 6 : Deve existir continuidade. MJIB0204EASIM ou NÃO LOK >> Substitua o motor do defletor de modo.NEGATIVO >> Repare ou substitua o chicote, conforme necessário. M ATC-61
  • 62. DIAGNÓSTICO DE FALHAS3. VERIFICAR A VOLTAGEM DO SINAL DE REFERÊNCIA PBR1. Desligue o interruptor de ignição.2. Desconecte o conector do motor do defletor de modo.3. Ligue o interruptor de ignição.4. Verifique a voltagem entre o terminal 3 do conector M46 do conector do chicote do motor do defletor de modo e a massa. 3 – Massa : Aproximadamente 5VOK ou NEGATIVOOK >> PASSE PARA 5.NEGATIVO >> PASSE PARA 4. MJIB0205EA4. VERIFICAR O CIRCUITO DA VOLTAGEM DE REFERÊNCIA PBR ENTRE O DEFLETOR DE MODO EO CONTROLE DIANTEIRO DE AR1. Desligue o interruptor de ignição.2. Desconecte o conector de controle dianteiro de ar.3. Verifique a continuidade entre o terminal 3 do conector M46 do chicote do motor do defletor de modo e o terminal 23 do conec- tor M60 do chicote de controle dianteiro de ar. 3 - 23 : Deve existir continuidade.OK ou NEGATIVOOK >> Substitua o controle dianteiro de ar. Consulte EC-111, "REMOÇÃO".NEGATIVO >> Repare ou substitua o chicote, conforme necessário. MJIB0206EA ATC-62
  • 63. DIAGNÓSTICO DE FALHAS5. VERIFICAR CIRCUITO DE REFERÊNCIA DE MASSA PBR A1. Desligue o interruptor de ignição.2. Desconecte o conector de controle dianteiro de ar.3. Verifique a continuidade entre o terminal 2 do conector M46 do B chicote do motor do defletor de modo e o terminal 26 do conec- tor M60 do chicote de controle dianteiro de ar. C 2 - 26 : Deve existir continuidade.OK ou NEGATIVOOK >> PASSE PARA 6. DNEGATIVO >> Repare ou substitua o chicote, conforme necessário. MJIB0207EA E6. VERIFICAR QUANTO A SINAL DE RETORNO PBR F1. Conecte novamente o conector de controle dianteiro de ar e o conector do motor do defletor de modo. G2. Ligue o interruptor de ignição.3. Verifique a voltagem entre o terminal 21 do conector M60 do chi- cote do controle dianteiro de ar e a massa. H4. Pressione todos os modos do interruptor de modo. 21 – Massa : Aproximadamente 0 – 5V IOK ou NEGATIVOOK >> Substitua o controle dianteiro de ar. Consulte EC-111, WJIA1088E "REMOÇÃO". J ATCNEGATIVO >> PASSE PARA 7.7. VERIFICAR O CIRCUITO DE RETORNO PBR K1. Desligue o interruptor de ignição.2. Desconecte o conector do motor do defletor de modo e o conec- L tor do chicote de controle dianteiro de ar.3. Verifique a continuidade entre o terminal 4 do conector M46 do chicote do motor do defletor de modo e o terminal 21 do conec- M tor M60 do chicote de controle dianteiro de ar. 4 - 21 : Deve existir continuidade.OK ou NEGATIVOOK >> Substitua o motor do defletor de modo. Consulte EC-124, WJIA1089E "MOTOR DO DEFLETOR DE MODO".NEGATIVO >> Repare ou substitua o chicote, conforme necessário. ATC-63
  • 64. DIAGNÓSTICO DE FALHASCircuito do Motor do Defletor de Mistura de Ar EJS006BLSINTOMA:● A temperatura do ar de descarga não é alterada.● O motor do defletor de mistura de ar não funciona.FLUXO DE INSPEÇÃO MJIB0346E*1 EC-52, "Inspeção Operacional". *4 EC-67, "PROCEDIMENTO DE DIAG- TOR DE MISTURA DE AR*2 EC-50, "Função de Auto-diagnóstico NÓSTICO DO MOTOR DO DEFLE- (PASSAGEIRO)" do Sistema de A/C" TOR DE MISTURA DE AR (MOTORISTA)"*3 EC-51, "TABELA DE CÓDIGOS DE AUTO-DIAGNÓSTICO". *5 EC-69, "PROCEDIMENTO DE DIAG- NÓSTICO DO MOTOR DO DEFLE- ATC-64
  • 65. DIAGNÓSTICO DE FALHASDESCRIÇÃO DO SISTEMA APeças de ComponenteOs componentes do sistema de controle do difusor de mistura de ar são:● Controle dianteiro de ar B● Motores do defletor de mistura de ar (motorista e passageiro)● PBR (embutido nos motores do defletor de mistura de ar)● Sensor de temperatura interna C● Sensor de temperatura-ambiente● Sensor ótico● Sensor de entrada DFuncionamento do SistemaO controle dianteiro de ar recebe dados da temperatura selecionada pelo lado do motorista e lado do pas- Esageiro. O controle de ar dianteiro então aplica uma voltagem a um circuito apropriado do motor do defletorde mistura de ar, enquanto a massa é aplicada ao outro circuito, fazendo o motor do defletor de mistura de arapropriado girar. O sentido de giro é determinado pelo circuito ao qual a voltagem ou massa é aplicada. O Fcontrole dianteiro de ar monitora as posições do defletor de mistura de ar, medindo o sinal nos circuitos PBRde cada defletor.No modo AUTO, as posições do defletor de mistura de ar, defletor de modo e defletor de descongelamentosão ajustadas pelo controle dianteiro de ar que determina a posição apropriada, com base nas entradas do Gsensor de temperatura interno do veículo, sensor de temperatura-ambiente, sensor ótico, sensor de entrada ea temperatura selecionada pelo motorista ou passageiro.A seguir, é selecionado o funcionamento de HOT/COLD ou DEFROST/VENT ou FRESH/RECIRCULATION. HOs novos dados sobre a posição do defletor retornam ao controle dianteiro de ar. I J ATC K L M MJIB0330EEspecificação de Controle do Defletor de Mistura de Ar WJIA0435E ATC-65
  • 66. DIAGNÓSTICO DE FALHASDESCRIÇÃO DO COMPONENTEMotores do Defletor de Mistura de ArOs motores do defletor de mistura de ar (lados do motorista e pas-sageiro) estão fixados na unidade do aquecedor e resfriador. Estesmotores giram de maneira que o defletor de mistura de ar sejaaberto ou fechado de acordo com a posição ajustada pelo controledianteiro de ar. A rotação do motor é então transferida através deum eixo e a posição do defletor de mistura de ar é então retornadaao controle dianteiro de ar através do PBR embutido nos motores dodefletor de mistura de ar. MJIB0162E MJIB0163E ATC-66
  • 67. DIAGNÓSTICO DE FALHASPROCEDIMENTO DE DIAGNÓSTICO DO MOTOR DO DEFLETOR DE MISTURA DE AR(MOTORISTA) A1. VERIFICAR O RESULTADO NO AUTO-DIAGNÓSTICO DE CONTROLE DIANTEIRO DE ARO código de auto-diagnóstico 22 está presente. Consulte EC-50, "Função de Auto-diagnóstico do Sistema de BA/C".SIM ou NÃOSIM >> PASSE PARA 2. CNÃO >> PASSAR PARA 3. D2. VERIFICAR OS CIRCUITOS DE ALIMENTAÇÃO DO MOTOR DO DEFLETOR DE MISTURA DE AR (MOTORISTA) E1. Desligue o interruptor de ignição.2. Desconecte o conector de controle dianteiro de ar e o conector do motor do defletor de mistura de ar (motorista). F3. Verifique a continuidade entre os terminais 2 e 3 do conector M60 do chicote de controle dianteiro de ar e os terminais 5 e 6 do conector M97 do chicote do motor do defletor de mistura de ar (motorista). G 2-5 : Deve existir continuidade. 3-6 : Deve existir continuidade.OK ou NEGATIVO HOK >> Substitua o motor do defletor de mistura de ar (motorista). MJIB0101EA Consulte EC-125, "MOTOR DO DEFLETOR DE MISTURA DE AR (MOTORISTA)". INEGATIVO >> Repare ou substitua o chicote, conforme necessário. J ATC3. VERIFICAR A VOLTAGEM DO SINAL DE REFERÊNCIA PBR1. Desligue o interruptor de ignição. K2. Desconecte o conector do motor do defletor de mistura de ar (motorista).3. Ligue o interruptor de ignição. L4. Verifique a voltagem entre o terminal 3 do conector M97 do chi- cote do motor do defletor de mistura de ar (motorista) e a massa. M 3 – Massa : Aproximadamente 5VOK ou NEGATIVOOK >> PASSE PARA 5.NEGATIVO >> PASSE PARA 4. MJIB0102EA ATC-67
  • 68. DIAGNÓSTICO DE FALHAS4. VERIFICAR O CIRCUITO DA VOLTAGEM DE REFERÊNCIA PBR ENTRE O MOTOR DO DEFLETOR DE MISTURA DE AR (MOTORISTA) E O CONTROLE DIANTEIRO DE AR1. Desligue o interruptor de ignição.2. Desconecte o conector de controle dianteiro de ar.3. Verifique a continuidade entre o terminal 3 do conector M97 do chicote do motor do defletor de mistura de ar (motorista) e ter- minal 23 do conector M60 do chicote de controle dianteiro de ar. 3 - 23 : Deve existir continuidade.OK ou NEGATIVOOK >> Substitua o controle dianteiro de ar. Consulte EC-111, "REMOÇÃO".NEGATIVO >> Repare ou substitua o chicote, conforme necessário. MJIB0103EA5. VERIFICAR CIRCUITO DE REFERÊNCIA DE MASSA PBR1. Desligue o interruptor de ignição.2. Desconecte o conector de controle dianteiro de ar.3. Verifique a continuidade entre o terminal 1 do conector M97 do chicote do motor do defletor de mistura de ar (motorista) e ter- minal 26 do conector M60 do chicote de controle dianteiro de ar. 1 - 26 : Deve existir continuidade.OK ou NEGATIVOOK >> PASSE PARA 6.NEGATIVO >> Repare ou substitua o chicote, conforme necessário. MJIB0104EA ATC-68
  • 69. DIAGNÓSTICO DE FALHAS6. VERIFICAR QUANTO A SINAL DE RETORNO PBR A1. Conecte novamente o conector de controle dianteiro de ar e o conector do motor do defletor de mistura de ar (motorista).2. Ligue o interruptor de ignição. B3. Verifique a voltagem entre o terminal 22 do conector M60 do chi- cote do controle dianteiro de ar e a massa.4. Gire o seletor de controle de temperatura (lado do motorista) C através de toda a faixa. 2 – 22 : Deve existir continuidade. DOK ou NEGATIVO WJIA1096EOK >> Substitua o controle dianteiro de ar. Consulte EC-111, "REMOÇÃO".NEGATIVO >> PASSE PARA 7. E7. VERIFICAR O CIRCUITO DE RETORNO PBR F1. Desligue o interruptor de ignição.2. Desconecte o conector do motor do defletor de mistura de ar G (motorista) e o conector de controle dianteiro de ar.3. Verifique a continuidade entre o terminal 2 do conector M97 do chicote do motor do defletor de mistura de ar (motorista) e termi- H nal 22 do conector M60 do chicote de controle dianteiro de ar. 22 – Massa : Aproximadamente 0V – 5VOK ou NEGATIVO IOK >> Substitua o motor do defletor de mistura de ar (motorista). Consulte EC-125, "MOTOR DO DEFLETOR DE MISTURA WJIA1248E DE AR (MOTORISTA)". J ATCNEGATIVO >> Repare ou substitua o chicote, conforme necessário.PROCEDIMENTO DE DIAGNÓSTICO DO MOTOR DO DEFLETOR DE MISTURA DE AR K(PASSAGEIRO)1. VERIFICAR O RESULTADO NO AUTO-DIAGNÓSTICO DE CONTROLE DIANTEIRO DE AR LO código de auto-diagnóstico 12 está presente. Consulte EC-50, "Função de Auto-diagnóstico do Sistema deA/C".SIM ou NÃO MSIM >> PASSE PARA 2.NÃO >> PASSAR PARA 3. ATC-69
  • 70. DIAGNÓSTICO DE FALHAS2. VERIFICAR O CIRCUITO DE ALIMENTAÇÃO DO MOTOR DO DEFLETOR DE MISTURA DE AR (PASSAGEIRO)1. Desligue o interruptor de ignição.2. Desconecte o conector de controle dianteiro de ar e o conector do motor do defletor de mistura de ar (passageiro).3. Verifique a continuidade entre os terminais 15 e 16 do conector M60 do chicote de controle dianteiro de ar e os terminais 6 e 5 do conector M100 do chicote do motor do defletor de mistura de ar (passageiro). 15 - 6 Deve existir continuidade. 16 - 5 Deve existir continuidade.OK ou NEGATIVOOK >> Substitua o motor do defletor de mistura de ar (passagei- MJIB0059EA ro). Consulte EC-125, "MOTOR DO DEFLETOR DE MIS- TURA DE AR (PASSAGEIRO)".NEGATIVO >> Repare ou substitua o chicote, conforme necessário.3. VERIFICAR A VOLTAGEM DO SINAL DE REFERÊNCIA PBR1. Desligue o interruptor de ignição.2. Desconecte o conector do motor do defletor de mistura de ar (passageiro).3. Ligue o interruptor de ignição.4. Verifique a voltagem entre o terminal 1 do conector M100 do chi- cote do motor do defletor de mistura de ar (passageiro) e a massa. 1 – Massa : Aproximadamente 5VOK ou NEGATIVOOK >> PASSE PARA 5. MJIB0060EANEGATIVO >> PASSE PARA 4. ATC-70
  • 71. DIAGNÓSTICO DE FALHAS4. VERIFICAR O CIRCUITO DA VOLTAGEM DE REFERÊNCIA PBR ENTRE O DEFLETOR DE MISTURA A DE AR (PASSAGEIRO) E O CONTROLE DIANTEIRO DE AR1. Desligue o interruptor de ignição.2. Desconecte o conector de controle dianteiro de ar. B3. Verifique a continuidade entre o terminal 1 do conector M100 do chicote do motor do defletor de mistura de ar (passageiro) e ter- minal 23 do conector M60 do chicote de controle dianteiro de ar. C 1 - 23 Deve existir continuidade.OK ou NEGATIVOOK >> Substitua o controle dianteiro de ar. Consulte EC-111, D "REMOÇÃO". MJIB0061EANEGATIVO >> Repare ou substitua o chicote, conforme necessário. E5. VERIFICAR CIRCUITO DE REFERÊNCIA DE MASSA PBR F1. Desligue o interruptor de ignição.2. Desconecte o conector de controle dianteiro de ar. G3. Verifique a continuidade entre o terminal 3 do conector M100 do chicote do motor do defletor de mistura de ar (passageiro) e ter- minal 26 do conector M60 do chicote de controle dianteiro de ar. H 3 - 26 Deve existir continuidade.OK ou NEGATIVOOK >> PASSE PARA 6. INEGATIVO >> Repare ou substitua o chicote, conforme necessário. MJIB0062EA J ATC K L M ATC-71
  • 72. DIAGNÓSTICO DE FALHAS6. VERIFICAR QUANTO A SINAL DE RETORNO PBR1. Conecte novamente o conector de controle dianteiro de ar e o conector do motor do defletor de mistura de ar (passageiro).2. Ligue o interruptor de ignição.3. Verifique a voltagem entre o terminal 36 do conector M61 do chicote do controle dianteiro de ar e a massa.4. Gire o seletor de controle de temperatura (lado do passageiro) através de toda a faixa. 36 – Massa : Aproximadamente 0 – 5VOK ou NEGATIVO WJIA1249EOK >> Substitua o controle dianteiro de ar. Consulte EC-111, "REMOÇÃO".NEGATIVO >> PASSE PARA 7.7. VERIFICAR O CIRCUITO DE RETORNO PBR1. Desligue o interruptor de ignição.2. Desconecte o conector do motor do defletor de mistura de ar (passageiro) e o conector de controle dianteiro de ar.3. Verifique a continuidade entre o terminal 2 do conector M100 do chicote do motor do defletor de mistura de ar (passageiro) e ter- minal 36 do conector M61 do chicote de controle dianteiro de ar. 2 - 36 : Deve existir continuidade.OK ou NEGATIVOOK >> Substitua o motor do defletor de mistura de ar (passa- MJIB0063E geiro). Consulte EC-125, "MOTOR DO DEFLETOR DE MISTURA DE AR (PASSAGEIRO)".NEGATIVO >> Repare ou substitua o chicote, conforme necessário. ATC-72
  • 73. DIAGNÓSTICO DE FALHASCircuito do Motor do Defletor de Entrada ASINTOMA:● O defletor de entrada não é alterado.● O motor do defletor de entrada não funciona normalmente. BFLUXO DE INSPEÇÃO C D E F G H I J ATC K L M MJIB0347E*1 EC-52, "Inspeção Operacional". *2 EC-50, "Função de Auto-diagnóstico *3 EC-51, "TABELA DE CÓDIGOS DE do Sistema de A/C". AUTO-DIAGNÓSTICO". ATC-73
  • 74. DIAGNÓSTICO DE FALHASDESCRIÇÃO DO SISTEMAPeças de ComponenteOs componentes do sistema de controle do defletor de entrada são:● Controle dianteiro de ar● Motor do defletor de entrada● Sensor de temperatura interna● Sensor de temperatura-ambiente● Sensor ótico● Sensor de entradaFuncionamento do SistemaO controle do defletor de entrada determina a posição do defletor de entrada com base na posição do inter-ruptor de recirculação.Quando o interruptor de recirculação é pressionado o motor do defletor de entrada gira, fechando a entradade ar fresco e a recirculação de ar dentro da cabina. Caso o interruptor de recirculação seja novamente pres-sionado, o motor do defletor de entrada gira no sentido inverso, permitindo novamente a entrada de ar frescopara dentro da cabina.No modo AUTO, o controle dianteiro de ar determina a posição do defletor de entrada com base na temper-atura-ambiente, na temperatura do ar de entrada e na temperatura interna do veículo. Quando os interrup-tores DEFROST ou OFF são pressionados ou o interruptor de A/C estiver desligado, o controle dianteiro de arajusta o defletor de entrada na posição de ar fresco. WJIA0551EEspecificação de Controle do Defletor de Entrada WJIA0436E ATC-74
  • 75. DIAGNÓSTICO DE FALHASDESCRIÇÃO DO COMPONENTE AMotor do Defletor de EntradaO motor do defletor de entrada está fixado na unidade de entrada.Ele gira de maneira que o ar é puxado pelas entradas ajustadas pelocontrole dianteiro de ar. A rotação do motor é transferida para uma Balavanca que ativa o defletor de entrada. C MJIB0165E DPROCEDIMENTO DE DIAGNÓSTICO DO MOTOR DO DEFLETOR DE ENTRADA1. VERIFICAR O RESULTADO NO AUTO-DIAGNÓSTICO DE CONTROLE DIANTEIRO DE AR EO código de auto-diagnóstico 82 está presente. Consulte EC-50, "Função de Auto-diagnóstico do Sistema deA/C". FSIM ou NÃOSIM >> PASSE PARA 2.NÃO >> Substitua o controle dianteiro de ar. Consulte EC-111, "REMOÇÃO". G2. VERIFICAR O CIRCUITO DE ALIMENTAÇÃO DO MOTOR DO DEFLETOR ENTRADA H1. Desligue o interruptor de ignição.2. Desconecte o conector de controle dianteiro de ar e o conector do motor do defletor de entrada. I3. Verifique a continuidade entre o terminal 5 do conector M60 do chicote de controle dianteiro de ar e o terminal 6 do conector M86 do chicote do motor do defletor de entrada e entre o termi- J ATC nal 4 do conector M60 do chicote de controle dianteiro de ar e o terminal 1 do conector M86 do chicote do motor do defletor de entrada. K 5-6 Deve existir continuidade. 4-1 Deve existir continuidade. MJIB0208EAOK ou NEGATIVO LOK >> Substitua o motor do defletor de entrada. Consulte EC-123, "MOTOR DO DEFLETOR DE ENTRADA".NEGATIVO >> Repare ou substitua o chicote, conforme necessário. M ATC-75
  • 76. DIAGNÓSTICO DE FALHASCircuito do Motor do Ventilador EJS006BNSINTOMA:● O funcionamento do motor do ventilador está apresentando falha.● O funcionamento do motor do ventilador está apresentando falha sob condições de partida a frio.FLUXO DE INSPEÇÃO MJIB0331E*1 EC-52, "Inspeção Operacional". *3 EC-51, "TABELA DE CÓDIGOS DE 4 EC-78, "PROCEDIMENTO DE DIAG-*2 EC-50, "Função de Auto-diagnóstico AUTO-DIAGNÓSTICO". NÓSTICO DO MOTOR DO VENTILA- do Sistema de A/C" DOR". ATC-76
  • 77. DIAGNÓSTICO DE FALHASDESCRIÇÃO DO SISTEMA APeças de ComponenteOs componentes do sistema de controle de velocidade do ventilador são:● Controle dianteiro de ar B● Sensor de temperatura interna● Sensor de temperatura-ambiente● Sensor ótico C● Sensor de entradaFuncionamento do Sistema D E F G H I WJIA1252E J ATCModo AutomáticoNo modo automático, a velocidade do motor do ventilador é calculada pelo controle dianteiro de ar e controlevariável do ventilador com base na entrada do sensor de temperatura interna do veículo, sensor ótico, sensor Kde entrada e sensor de temperatura-ambiente e o controle de temperatura do potenciômetro (PTC).Quando o fluxo de ar é aumentado, a velocidade do motor do ventilador é ajustada gradativamente para evitarum aumento repentino no fluxo de ar. LEm adição ao controle de fluxo de ar manual e ao controle de fluxo de ar automático normal, o controle defluxo de ar de partida, controle de partida de baixa temperatura da água e o controle de partida de alta tem-peratura do compartimento de passageiros estão disponíveis. MControle de Velocidade do Ventilador de PartidaInício a partir da condição de impregnação a frio (Modo automático).Na condição de partida a frio onde a temperatura do líquido de arrefecimento é inferior a 50°C (122°F), o ven-tilador não irá funcionar na velocidade 1 por um curto período de tempo (até 210 segundos). O tempo exatode retardo da partida varia dependendo da temperatura-ambiente e da temperatura do líquido de arrefeci-mento do motor.Na maioria dos casos extremos (temperatura-ambiente extremamente baixa), o retardo de partida do ventila-dor será de 210 segundos, conforme informado anteriormente. Após o líquido de arrefecimento atingir umatemperatura de 50°C (122°F), ou após decorridos os 210 segundos, a velocidade do ventilador irá aumentarpara a velocidade objetiva do ventilador.Partida a partir da condição de funcionamento normal ou impregnação a quente (Modo automático).O ventilador irá iniciar seu funcionamento momentaneamente após o interruptor AUTO ser pressionado. Avelocidade do ventilador irá aumentar gradativamente para a velocidade objetiva durante um período de 3segundos ou menos (o tempo real depende da velocidade objetiva do ventilador). ATC-77
  • 78. DIAGNÓSTICO DE FALHASCompensação da Velocidade do Ventilador – Energia SolarQuando a temperatura interna do veículo e a temperatura ajustada estiverem muito próximas, o ventilador iráfuncionar em baixa velocidade. A velocidade irá variar dependendo da carga solar. Durante condições debaixa (ou nenhuma) carga solar, o ventilador funciona em baixa velocidade. Durante condições de alta cargasolar, o controle dianteiro de ar faz a velocidade do ventilador aumentar.Especificação de Controle da Velocidade do Ventilador WJIA0441EDESCRIÇÃO DO COMPONENTEControle Variável do VentiladorO controle variável do ventilador está localizado na unidade de res-friamento. O controle variável do ventilador recebe uma voltagem dedesbloqueio do controle dianteiro de ar para manter a voltagem domotor do ventilador na faixa de 0 a 5 volts sem escalonamento(aproximadamente). MJIB0166EPROCEDIMENTO DE DIAGNÓSTICO DO MOTOR DOVENTILADORSINTOMA: O funcionamento do motor do ventilador está apre-sentando falha sob controle de velocidade do ventilador de partida. MJIB0064E ATC-78
  • 79. DIAGNÓSTICO DE FALHAS1. VERIFICAR OS FUSÍVEIS AVerificar os fusíveis 15 A [Nº 24 e 27, (localizados na caixa de fusíveis e conexão de fusíveis)]. Quanto aoesquema de fusíveis, consulte PG-80, "CAIXA DE FUSÍVEL E DE RELÉ". Os fusíveis estão em boas condições. BOK ou NEGATIVOOK >> PASSE PARA 2.NEGATIVO >> PASSE PARA 10. C2. VERIFICAR O CIRCUITO DE ALIMENTAÇÃO DO MOTOR DO VENTILADOR1. Desligue o interruptor de ignição.2. Desconecte o conector do motor do ventilador. D3. Ligue o interruptor de ignição.4. Gire o seletor de controle do ventilador para selecionar qualquer modo exceto OFF. E5. Verifique a voltagem entre o terminal 2 do conector M46 do conector do chicote do motor do ventilador e a massa.OK ou NEGATIVO FOK >> PASSE PARA 12.NEGATIVO >> PASSE PARA 3. MJIB0065E G3. VERIFICAR O CIRCUITO DE ALIMENTAÇÃO DO RELÉ DO MOTOR DO VENTILADOR (LADO DO INTERRUPTOR)1. Desligue o interruptor de ignição. H2. Desconecte o relé do motor do ventilador.3. Verifique a voltagem entre os terminais 3 e 6 do conector E28 do chicote do relé do motor do ventilador e a massa. I 2 – Massa : Voltagem da bateria.OK ou NEGATIVOOK >> PASSE PARA 4. J ATCNEGATIVO >> Repare o chicote ou o conector. MJIB0066E K4. VERIFICAR O RELÉ DO MOTOR DO VENTILADORConsulte EC-82, "Relé do Motor do Ventilador". L 3, 6 – Massa : Voltagem da bateria.OK ou NEGATIVOOK >> PASSE PARA 5. MNEGATIVO >> Substitua o relé do motor do ventilador.5. VERIFICAR O CIRCUITO DO RELÉ DO MOTOR DO VENTILADOR (LADO DO INTERRUPTOR) QUANTO A CIRCUITO ABERTO1. Desligue o interruptor de ignição.2. Desconecte o conector do relé do motor do ventilador e o conector do motor do ventilador.3. Verifique a continuidade entre os terminais 5 e 7 do conector E28 do chicote do relé do motor do ventilador e o terminal 2 do conector M94 do chicote do motor do ventilador. 5, 7 - 2 : Deve existir continuidade.OK ou NEGATIVOOK >> PASSE PARA 6.NEGATIVO >> Repare o chicote ou o conector. MJIB0067E ATC-79
  • 80. DIAGNÓSTICO DE FALHAS6. VERIFICAR O CIRCUITO DE ALIMENTAÇÃO DO CONTROLE VARIÁVEL DO VENTILADOR QUANTO A CIRCUITO ABERTO1. Desconecte o conector do chicote de controle variável do venti- lador.2. Verifique a continuidade entre os terminais 5 e 7 do conector E28 do chicote do relé do motor do ventilador e o terminal 1 do conector M96 do chicote do controle variável do ventilador. 5, 7 – 1 : Deve existir continuidade.OK ou NEGATIVOOK >> PASSE PARA 7.NEGATIVO >> Repare o chicote ou o conector. MJIB0068E7. VERIFICAR O CIRCUITO DO SINAL DE CONTROLE VARIÁVEL DO VENTILADOR1. Desconecte o conector de controle dianteiro de ar.2. Verifique a continuidade entre o terminal 32 do conector M61 do chicote de controle dianteiro de ar e o terminal 2 do conector M96 do chicote de controle variável do ventilador. 32 – 2 : Deve existir continuidade.OK ou NEGATIVOOK >> PASSE PARA 8.NEGATIVO >> Repare o chicote ou o conector. WJIA1263E8. VERIFICAR A ALIMENTAÇÃO DO RELÉ DO MOTOR DO VENTILADOR (LADO DA BOBINA)1. Ligue o interruptor de ignição.2. Verifique a voltagem entre o terminal 1 do conector E28 do relé do motor do ventilador e a massa. 1 – Massa : Voltagem da bateria.OK ou NEGATIVOOK >> PASSE PARA 9.NEGATIVO >> Repare o chicote ou o conector. LJIA0080E9. VERIFICAR O CIRCUITO DE MASSA DO RELÉ DO MOTOR DO VENTILADOR (LADO DA BOBINA)1. Desligue o interruptor de ignição.2. Verifique a continuidade entre o terminal 2 do conector E28 do relé do motor do ventilador e o terminal 38 do conector M61 do chicote de controle de ar. 2 – 38 : Deve existir continuidade.OK ou NEGATIVOOK >> Substitua o controle dianteiro de ar. Consulte EC-111, "REMOÇÃO".NEGATIVO >> Repare o chicote ou o conector. WJIA1115E ATC-80
  • 81. DIAGNÓSTICO DE FALHAS10. SUBSTITUIR OS FUSÍVEIS A1. Substitua os fusíveis.2. Ative o motor do ventilador.3. O fusível queima? BSIM ou NÃOSIM >> PASSE PARA 11.NÃO >> Fim da Inspeção. C11. VERIFICAR A ALIMENTAÇÃO DO MOTOR DO VENTILADOR QUANTO A CURTO-CIRCUITO) D1. Desligue o interruptor de ignição.2. Desconecte o conector do motor do ventilador e o conector de E controle variável do ventilador.3. Verifique a continuidade entre o terminal 1 do conector M96 do chicote do controle variável do ventilador e a massa. F 1 – Massa : Não deve existir continuidade.OK ou NEGATIVOOK >> PASSE PARA 12. GNEGATIVO >> Repare o chicote ou o conector. WJIA1264E H12. VERIFICAR O CIRCUITO DO SINAL DE CONTROLE VARIÁVEL DO VENTILADOR1. Desconecte o conector de controle dianteiro de ar.2. Verifique a continuidade entre o terminal 32 do conector M61 do I chicote de controle dianteiro de ar e o terminal 2 do conector M96 do chicote de controle variável do ventilador. 32 – 2 : Deve existir continuidade. J ATCOK ou NEGATIVOOK >> Verifique o motor do ventilador. Se estiver OK, substitua o controle variável do ventilador. K Consulte EC-116, "REMOÇÃO". WJIA1263ENEGATIVO >> Repare o chicote ou o conector. L M ATC-81
  • 82. DIAGNÓSTICO DE FALHASINSPEÇÃO DE COMPONENTESRelé do Motor do VentiladorVerifique a continuidade entre os terminais, fornecendo uma volta-gem de 12 V e massa aos terminais (lado da bobina) do relé. LJIA0068EMotor do VentiladorConfirme quanto a rotação suave do motor do ventilador.● Assegure-se de que não existam partículas estranhas dentro da unidade do ventilador.● Aplique 12 V ao terminal + e massa o terminal – e verifique se o motor funciona livremente e sem ruídos. WJIA1265E ATC-82
  • 83. DIAGNÓSTICO DE FALHASCircuito da Embreagem Magnética EJS006BQ ASINTOMA: A embreagem magnética não acopla.FLUXO DE INSPEÇÃO B C D E F G H I J ATC K L M MJIB0348E*1 EC-52, "Inspeção Operacional". *3 EC-51, "TABELA DE CÓDIGOS DE *5 EC-109, "Circuito do Sensor de*2 EC-50, "Função de Auto-diagnóstico AUTO-DIAGNÓSTICO". Entrada". do Sistema de A/C". *4 EC-100, "Circuito do Sensor de Tem- peratura-Ambiente". ATC-83
  • 84. DIAGNÓSTICO DE FALHASDESCRIÇÃO DO SISTEMAO controle dianteiro de ar controla o funcionamento do compressor com base na temperatura-ambiente etemperatura de entrada, bem como com um sinal proveniente do ECM.Controle de Proteção de Baixa TemperaturaO controle dianteiro de ar ativará ou desativará o compressor, conforme determinado pelo sinal detectadopelo sensor de entrada e sensor de temperatura-ambiente.Quando a temperatura do ar de entrada for superior ao valor pré-ajustado, o compressor será ativado. O com-pressor será desativado quando a temperatura do ar de entrada for inferior ao valor pré-ajustado. O valor pré-ajustado depende da temperatura-ambiente; consulte a tabela a seguir. Compressor ON Compressor OFF Temperatura-ambiente °C (°F) Temperatura de entrada °C (°F) Temperatura de entrada °C (°F) 0 (32) 5.5 (42) 5.0 (41) 10 (50) 4.5 (40) 4.5 (40) 20 (68) 2.5 (37) 2.0 (36) 30 (86) 2.0 (36) 1.5 (35) 40 (104) 2.0 (36) 1.5 (35) 50 (122) 2.0 (36) 1.5 (35)PROCEDIMENTO DE DIAGNÓSTICO PARA SINTOMA DE EMBREAGEM MAGNÉTICASINTOMA: A embreagem magnética não é acoplada quando o interruptor do A/C está ligado. MJIB0328E1. VERIFICAR OS CIRCUITOS DO SENSOR DE ENTRADA E SENSOR DE TEMPERATURA-AMBIENTEVerifique os sensores de entrada e de temperatura-ambiente. Consulte EC-50, "Função de Auto-diagnósticodo Sistema de A/C".OK ou NEGATIVOOK >> PASSE PARA 2.NEGATIVO >> ● Sensor de entrada com falha. Consulte EC-109, "Circuito do Sensor de Entrada". ● Sensor de temperatura-ambiente com falha. Consulte EC-100, "Circuito do Sensor de Temperatura-Ambiente". ATC-84
  • 85. DIAGNÓSTICO DE FALHAS2. EFETUAR O TESTE AUTO-ATIVO AConsulte PG-19, "Teste Ativo Automático".A embreagem magnética funciona?SIM ou NÃO BSIM >> ● COM CONSULT-II PASSAR PARA 5. C ● SEM CONSULT-II PASSAR PARA 6. DNÃO >> Verifique o fusível 10 A (Nº 42, localizado no IPDM E/R), e PASSE A 3.3. VERIFICAR A CONTINUIDADE ENTRE IPDM E/R E O COMPRESSOR E1. Desligue o interruptor de ignição.2. Desconecte o conector IPDM E/R e o conector do compressor F (embreagem magnética).3. Verifique a continuidade entre o terminal 11 do conector E12 do chicote do IPDM E/R e o terminal 1 do conector F20 do chicote G do compressor. 11 – 1 : Deve existir continuidade.OK ou NEGATIVO HOK >> PASSE PARA 4. WJIA0560ENEGATIVO >> Repare o chicote ou o conector. I4. VERIFICAR O CIRCUITO DA EMBREAGEM MAGNÉTICAVerifique quando ao ruído de funcionamento ao aplicar a corrente J ATCcontínua da voltagem da bateria ao terminal.OK ou NEGATIVOOK >> Substitua o IPDM E/R. Consulte PG-27, "Remoção e Insta- K lação do IPDM E/R".NEGATIVO >> Substitua a embreagem magnética. Consulte BCS- 14, "Remoção e Instalação do BCM". L SJIA0197E M5. VERIFICAR O SINAL DE ENTRADA DO BCM (COMPRESSOR ATIVADO)Verifique o sinal ON/OFF do compressor. Consulte EC-34, "Funçõesde CONSULT-II (BCM)". A/C SW ON : COMP ON SIG ON A/C SW OFF : COMP ON SIG OFFOK ou NEGATIVOOK >> PASSE PARA 8.NEGATIVO >> PASSE PARA 6. WJIA0469E ATC-85
  • 86. DIAGNÓSTICO DE FALHAS6. VERIFICAR A CONTINUIDADE ENTRE OS CIRCUITOS DO BCM E DO CONTROLE DIANTEIRO DE AR1. Desligue o interruptor de ignição.2. Desconecte o conector do BCM e o conector de controle dianteiro de ar.3. Verifique a continuidade entre o terminal 27 do conector M42 do chicote do BCM e o terminal 10 do conector M60 do chicote de controle dianteiro de ar. 27 – 10 Deve existir continuidade.OK ou NEGATIVOOK >> PASSE PARA 7.NEGATIVO >> Repare o chicote ou o conector. MJIB0070E7. VERIFICAR A VOLTAGEM DO CONTROLE DIANTEIRO DE AR (SINAL ON DO COMPRESSOR)1. Conecte novamente o conector do BCM e o conector de con- trole dianteiro de ar.2. Ligue o interruptor de ignição.3. Verifique a voltagem entre o terminal 10 do conector M60 do chi- cote do controle dianteiro de ar e a massa.OK ou NEGATIVOOK >> PASSE PARA 8.NEGATIVO-1 >> Caso a voltagem seja de aproximadamente 5V quando o interruptor do A/C estiver ligado, substi- tua o controle de ar dianteiro. Consulte EC-111, WJIA1137E "REMOÇÃO".NEGATIVO-2 >> Caso a voltagem seja de aproximadamente 0V quando o interruptor do A/C estiver desli- gado, substitua o BCM. Consulte BCS-14, "Remoção e Instalação do BCM". Terminais (+) Voltagem Condição Conector de (-) (Aprox.) controle Terminal Nº dianteiro do ar Interruptor de A/C: 0V ON M60 10 Massa Interruptor de A/C: 5V OFF ATC-86
  • 87. DIAGNÓSTICO DE FALHAS8. VERIFICAR O SENSOR DE PRESSÃO DO REFRIGERANTE A COM CONSULT-II1. Dê partida ao motor.2. Verifique a voltagem do sensor de pressão do refrigerante. Con- B sulte EC-34, "Funções de CONSULT-II (BCM)". SEM CONSULT-II1. Dê partida ao motor. C2. Verifique a voltagem entre o terminal 53 do conector F1 do chi- cote do ECM e a massa. D Terminais (+) Voltagem MJIB0071E Condição E (-) (Aprox.) Conector Terminal Nº do ECM Interruptor de F1 53 Massa 0.36 - 3.88V F A/C: ONOK ou NEGATIVOOK >> COM CONSULT-II G PASSAR PARA 9. SEM CONSULT-II PASSAR PARA 10. HNEGATIVO >> Consulte EC-360, "SENSOR DE PRESSÃO DO REFRIGERANTE".9. VERIFICAR O SINAL DE ENTRADA DO BCM (VENTILADOR ATIVADO) IVerifique o sinal ON/OFF do ventilador. Consulte EC-34, "Funçõesde CONSULT-II (BCM)". J ATC SELETOR ON : FAN ON SIG ON CONTROLE DO VENTILADOR DIANTEIRO SELETOR OFF : FAN ON SIG OFF KOK ou NEGATIVOOK >> PASSE PARA 12.NEGATIVO >> PASSE PARA 10. L WJIA0469E M10. VERIFICAR A CONTINUIDADE ENTRE OS CIRCUITOS DO BCM E DO CONTROLE DIANTEIRO DE AR1. Desligue o interruptor de ignição.2. Desconecte o conector do BCM e o conector de controle dianteiro de ar.3. Verifique a continuidade entre o terminal 26 do conector M42 do chicote do BCM e o terminal 35 do conector M61 do chicote de controle dianteiro de ar. 26 – 35 Deve existir continuidade.OK ou NEGATIVOOK >> PASSE PARA 11. MJIB0072ENEGATIVO >> Repare o chicote ou o conector. ATC-87
  • 88. DIAGNÓSTICO DE FALHAS11. VERIFICAR A VOLTAGEM DO CONTROLE DIANTEIRO DE AR (SINAL ON DO VENTILADOR)1. Conecte novamente o conector do BCM e o conector de con- trole dianteiro de ar.2. Ligue o interruptor de ignição.3. Verifique a voltagem entre o terminal 35 do conector M61 do chi- cote do controle dianteiro de ar e a massa. Terminais (+) Voltagem Condição Conector de (-) (Aprox.) controle Terminal Nº WJIA1139E dianteiro do ar Interruptor de A/C: ON O motor do 0V M61 35 Massa ventilador funciona Interruptor de 5V A/C: OFF 5VOK ou NEGATIVOOK >> PASSE PARA 12.NEGATIVO-1 >> Caso a voltagem seja de aproximadamente 5V quando o motor do ventilador estiver ligado, substitua o controle de ar dianteiro. Consulte ATC-111, "REMOÇÃO".NEGATIVO-2 >> Caso a voltagem seja de aproximadamente 0V quando o motor do ventilador estiver desli- gado, substitua o BCM. Consulte BCS-14, "Remoção e Instalação do BCM".12. VERIFICAR O RESULTADO DO AUTO-DIAGNÓSTICOEfetue o auto-diagnóstico. Consulte EC-50, "Função de Auto-diagnóstico do Sistema de A/C".OK ou NEGATIVOOK >> Fim da Inspeção.NEGATIVO >> Consulte EC-51, "TABELA DE CÓDIGOS DE AUTO-DIAGNÓSTICO".INSPEÇÃO DE COMPONENTESSensor de Pressão de RefrigeranteO sensor de pressão do refrigerante está fixado no condensador. MJIB0167E ATC-88
  • 89. DIAGNÓSTICO DE FALHASArrefecimento Insuficiente EJS006BR ASINTOMA: Arrefecimento insuficienteFLUXO DE INSPEÇÃO B C D E F G H I J ATC K L M MJIB0349E*1 EC-52, "Inspeção Operacional". *4 EC-19, "DESCRIÇÃO DO SISTEMA". *7 EC-92, "Leitura do Teste".*2 EC-50, "Função de Auto-diagnóstico *5 EC-5, "Refrigerante Contaminado". *8 EM-14, "Verificação das Correias de do Sistema de A/C". *6 EC-90, "DIAGNÓSTICO DE TESTE Acionamento".*3 EC-51, "TABELA DE CÓDIGOS DE DE DESEMPENHO". AUTO-DIAGNÓSTICO". ATC-89
  • 90. DIAGNÓSTICO DE FALHASDIAGNÓSTICO DE TESTE DE DESEMPENHO RJIA1601E*1 EC-92, "TABELA DE *3 EC-93, "DIAGNÓSTICO DE FALHAS DESEMPENHO". PARA PRESSÃO ANORMAL".*2 EC-92, "TABELA DE *4 EC-64, "Circuito do Motor do Defletor DESEMPENHO". de Mistura de Ar". ATC-90
  • 91. DIAGNÓSTICO DE FALHAS A B C D E F G H I J ATC K L M RJIA3107E* 1 EC-135, "Remoção e Instalação da *2 EC-76, "Circuito do Motor do *3 EM-14, "Verificação das Correias de Embreagem do Compressor". Ventilador" Acionamento". ATC-91
  • 92. DIAGNÓSTICO DE FALHASTABELA DE DESEMPENHOCondição de TesteO teste deve ser efetuado como segue: Localização do veículo Área fechada ou na sombra (em um local bem ventilado) Portas Fechadas Vidros Abertos Capuz do Motor Aberto TEMP. FRIO Máximo Interruptor de Modo (Ventilação) ajustado Interruptor de Recirculação (REC) (Recirculação) ajustado Velocidade do ventilador Velocidade máxima ajustada Rotação do motor Marcha-lenta Acione o sistema do ar condicionado durante 10 minutos antes de fazer as medições.Leitura do TesteTabela de Temperatura do Ar de Recirculação à Descarga Ar interno (ar de recirculação) na entrada do conjunto do ventilador Temperatura do ar de descarga no ventilador central Umidade relativa Temperatura do ar °C (°F) % °C (°F) 20 (68) 9.6 - 12.0 (49 - 54) 25 (77) 13.6 - 16.5 (56 - 62) 40 - 60 30 (86) 18.0 - 21.4 (64 - 71) 35 (95) 22.8 - 26.7 (73 - 80) 20 (68) 12.0 - 14.3 (54 - 58) 25 (77) 16.5 - 19.3 (62 - 67) 60 - 80 30 (86) 21.4 - 24.8 (71 - 77) 35 (95) 26.7 - 30.5 (80 - 87)Tabela de Temperatura de Ar Ambiente à Temperatura de Funcionamento Ar ambiente Alta pressão (lado de descarga) Baixa pressão (lado de sucção) Umidade relativa Temperatura do ar kPa (kg/cm2 , psi) kPa (kg/cm2 , psi) % °C (°F) 1,090 - 1,210 220 - 240 20 (68) (11.11 - 12.33, 158.0 - 175.4) (2.24 - 2.45, 31.9 - 34.8) 1,370 - 1,520 280 - 310 25 (77) (13.97 - 15.49, 198.6 - 220.3) (2.85 - 3.16, 40.6 - 44.9) 40 - 60 1,610 - 1,790 330 - 370 30 (86) (16.41 - 18.25, 233.4 - 259.5) (3.36 - 3.77, 47.8 - 53.6) 1,940 - 2,150 390 - 430 35 (95) (19.78 - 21.92, 281.2 - 311.7) (3.98 - 4.38, 56.5 - 62.3) 1,210 - 1,330 240 - 260 20 (68) (12.33 - 13.56, 175.4 - 192.8) (2.45 - 2.65, 34.8 - 37.7) 1,520 - 1,670 310 - 340 25 (77) (15.49 - 17.02, 220.3 - 242.1) (3.16 - 3.47, 44.9 - 49.3) 60 - 80 1,790 - 1,970 370 - 410 30 (86) (18.25 - 20.08, 259.5 - 285.6) (3.77 - 4.18, 53.6 - 59.4) 2,150 - 2,370 430 - 470 35 (95) (21.92 - 24.16, 311.7 - 343.5) (4.38 - 4.79, 62.3 - 68.1) ATC-92
  • 93. DIAGNÓSTICO DE FALHASDIAGNÓSTICO DE FALHAS PARA PRESSÃO ANORMAL ASempre que a pressão do lado de alta e/ou baixa do sistema estiver anormal, faça o diagnóstico utilizando ummedidor do coletor. O marcador acima da escala do medidor nas tabelas a seguir indicam a faixa padrão depressão (normal). Entretanto, quando a pressão padrão (normal) diferir daquela do veículo, consulte a tabelaacima (Tabela de pressão de ar ambiente à temperatura de funcionamento). BEm Ambos os Lados (Alta e Baixa) a Pressão está Excessivamente Alta Indicação do medidor Ciclo de Refrigerante Causa provável Ação corretiva C A pressão é reduzida logo Reduza a quantidade de refri- Excesso de carga de refrige- após a água ser distribuída gerante até que seja atingida a rante no ciclo de refrigeração no condensador. pressão especificada. D Desempenho insuficiente do condensador. ↓ ● Limpe o condensador. A sucção de ar pelo ventila- E dor de arrefecimento é insufi- 1. As aletas do condensador ● Verifique e repare o ventila- ciente. estão obstruídas. dor de arrefecimento, se necessário. 2. Giro incorreto do ventilador de arrefecimento F Em ambos os lados (alta e baixa), ● O tubo de baixa pressão a pressão está excessivamente não está frio. Troca insuficiente de calor no alta. ● Quando o compressor é condensador G desativado, o valor de alta (Quando o compressor pára de funcionar, a alta pressão Evacuar repetidamente e pressão cai rapidamente diminui muito devagar.) recarregar o sistema. para aproximadamente ↓ H 196 kPa (2 kg/cm2, 28 psi),. A seguir, ele sobe Ar no ciclo de refrigeração gradativamente. O motor tende ao superaque- Falha no sistema de arrefeci- Verifique e repare o sistema de I AC359A cimento. mento do motor. arrefecimento do motor. ● Excesso de líquido refrige- rante no lado de baixa J ATC ● Uma parte do tubo de pressão baixa pressão está mais ● Fluxo excessivo de des- fria do que as partes próxi- carga de refrigerante mas à saída do evapora- Substitua a válvula de expan- K ● A válvula de expansão está são. dor. pouco aberta se com- ● As placas algumas vezes parada à especificação. estão cobertas com gelo. ↓ L Ajuste incorreto da válvula de expansão. MO Lado de Alta Pressão está Excessivamente Alto e o de Baixa Excessivamente Baixo Indicação do medidor Ciclo de Refrigerante Causa provável Ação corretiva O lado de alta pressão está excessivamente alto e o de baixa excessivamente baixo. O lado superior do condensa- O tubo de alta pressão ou ● Verifique e repare ou substi- dor e o lado de alta pressão peças localizadas entre o tua as peças que estejam estão quentes, entretanto, o compressor e o condensador, apresentando falhas. reservatório do líquido refri- estão obstruídos ou comprimi- ● Verifique o lubrificante gerante não está tão quente. dos. quanto à contaminação. AC360A ATC-93
  • 94. DIAGNÓSTICO DE FALHASO Lado de Alta Pressão está Excessivamente Baixo e o de Baixa Excessivamente Alto Indicação do medidor Ciclo de Refrigerante Causa provável Ação corretiva O lado de alta pressão está A pressão de operação do Os lados de alta e baixa excessivamente baixo e o de compressor está inadequada.. pressão tornam-se iguais baixa excessivamente alto. ↓ Substitua o compressor. quando o compressor pára de Danificado dentro das gaxetas funcionar. do compressor. A pressão de operação do Nenhuma diferença de tem- compressor está inadequada. peratura entre os lados de alta ↓ Substitua o compressor. e baixa pressão. Danificado dentro das gaxetas AC356A do compressor.Em Ambos os Lados (Alta e Baixa) a Pressão está Excessivamente Baixa Indicação do medidor Ciclo de Refrigerante Causa provável Ação corretiva ● Existe uma grande dife- rença entre a entrada e a saída do reservatório do líquido. A temperatura de ● Substitua o reservatório do saída é extremamente A parte interna do reservatório líquido. baixa. do líquido está levemente obstruída. ● Verifique o lubrificante ● A entrada do reservatório quanto à contaminação. do líquido e a válvula de expansão estão congela- das. ● A temperatura da entrada da válvula de expansão é extremamente baixa quando comparada às áreas próximas ao reser- ● Verifique e repare as peças O tubo de alta pressão loca- que estejam apresentando vatório do líquido. lizado entre o reservatório do falhas. ● A entrada da válvula de líquido e a válvula de expan- expansão pode estar são está obstruído. ● Verifique o lubrificante congelada. quanto à contaminação. ● A diferença de temperatura Em ambos os lados (alta e baixa), ocorre em algum ponto do a pressão está excessivamente lado de alta pressão. baixa. Verifique o sistema de refri- A válvula de expansão e o Baixa carga de refrigerante. gerante quanto a vazamentos. reservatório do líquido estão ↓ Consulte EC-142, "Inspeção aquecidas ou apenas frias ao Conexões ou componentes de Vazamentos de tocá-las. com vazamentos. Refrigerante". A válvula de expansão fecha- se pouco se comparada à especificação. AC353A Existe uma grande diferença ↓ ● Remova partículas de temperatura entre a estranhas, utilizando ar 1. Ajuste incorreto da válvula entrada e a saída da válvula comprimido. de expansão. de expansão quando a própria ● Verifique o lubrificante válvula está congelada. 2. Válvula de expansão com quanto à contaminação. falha. 3. A entrada e a saída podem ser obstruídas. ● Verifique e repare as peças Uma parte do tubo de baixa que estejam apresentando pressão está mais fria do que O tubo de baixa pressão está falhas. as partes próximas à saída do obstruído ou comprimido. evaporador. ● Verifique o lubrificante quanto à contaminação. ● Consulte EC-109, "Circuito do Sensor de Entrada". ● Substitua o compressor. O volume de fluxo de ar está Verifique o circuito do sensor ● Repare as aletas do evapo- excessivamente baixo. O de entrada. rador. evaporador está congelado. ● Substitua o evaporador. ● Consulte EC-76, "Circuito do Motor do Ventilador". ATC-94
  • 95. DIAGNÓSTICO DE FALHASO Lado de Baixa Pressão Algumas Vezes Fica Negativo A Indicação do medidor Ciclo de Refrigerante Causa provável Ação corretiva O Lado de baixa pressão algumas ● O sistema do ar condicio- O refrigerante não é descar- vezes fica negativo.. nado não funciona e não regado ciclicamente. B resfria ciclicamente o ar do ↓ ● Drene a água do refrige- compartimento. A umidade é congelada na rante ou substitua o refrige- ● O sistema funciona cons- saída e entrada da válvula de rante. tantemente durante um expansão. ● Substitua o reservatório do C determinado período após a ↓ líquido. paralisação do compressor A água é misturada com o AC354A e a seguir é reiniciado. refrigerante. DO Lado de Baixa Pressão Fica Negativo Indicação do medidor Ciclo de Refrigerante Causa provável Ação corretiva E Deixe o sistema em repouso até que seja eliminado todo o gelo. Reinicie-o novamente F para verificar se a falha é causada ou não pela água ou partículas estranhas. ● Caso a falha seja causada G pela água, à primeira vista o resfriamento está satis- fatório. A seguir, a água H O lado de baixa pressão fica ne- congela levando a gativo.. O lado de alta pressão é obstruções. Drene a água fechado e o refrigerante não do refrigerante ou substitua O reservatório do líquido ou o flui. o refrigerante. I lado dianteiro / traseiro do ↓ ● Caso a falha seja causada tubo da válvula de expansão é A válvula de expansão ou re- em virtude de partículas congelado ou condensado. servatório de líquido é conge- estranhas, remova a válvula lado. de expansão e remova as J ATC AC362A partículas com ar compri- mido seco (não utilize o ar da oficina). K ● Caso nenhum dos métodos possa corrigir a falha, subs- titua a válvula de expansão. ● Substitua o reservatório do L líquido. ● Verifique o lubrificante quanto à contaminação. M ATC-95
  • 96. DIAGNÓSTICO DE FALHASAquecimento Insuficiente EJS006BSSINTOMA: Aquecimento insuficienteFLUXO DE INSPEÇÃO MJIB0350E*1 EC-52, "Inspeção Operacional". *4 EC-50, "Função de Auto-diagnóstico *7 CO-7, "Ao Trocar o Líquido de Arrefec-*2 EC-64, "Circuito do Motor do Defletor do Sistema de A/C". imento do Motor". de Mistura de Ar". *5 EC-76, "Circuito do Motor do *8 CO-13, "Inspeção da Tampa do*3 EC-50, "Função de Auto-diagnóstico Ventilador". Reservatório". do Sistema de A/C". *6 EC-126, "DTC P0117, P0118 SENSOR ECT"”. ATC-96
  • 97. DIAGNÓSTICO DE FALHASRuído EJS006BT ASINTOMA: RuídoFLUXO DE INSPEÇÃO B C D E F G H I J ATC K L M WJIA0473E*1 EC-135, "REMOÇÃO". *3 EC-25, "Manutenção da Quantidade *5 EM-14, "Verificação das Correias de*2 EC-136, "INSTALAÇÃO". de Lubrificante no Compressor". Acionamento". *4 EC-52, "Inspeção Operacional". ATC-97
  • 98. DIAGNÓSTICO DE FALHASAuto-diagnóstico EJS006BUSINTOMA: O auto-diagnóstico não pode ser efetuado.FLUXO DE INSPEÇÃO MJIB0350E*1 EC-56, "Circuito de Alimentação e *4 EC-107, "Circuito do Sensor Ótico". *7 EC-52, "Inspeção Operacional". Massa do Controle de Ar Dianteiro". *5 EC-109, "Circuito do Sensor de *8 EC-37, "TABELA DE SINTOMAS".*2 EC-100, "Circuito do Sensor de Entrada". Temperatura-Ambiente". *6 EC-64, "Circuito do Motor do Defletor*3 EC-103, "Circuito do Sensor de de Mistura de Ar". Temperatura Interna do Veículo". ATC-98
  • 99. DIAGNÓSTICO DE FALHASFunção de Memória EJS006BV ASINTOMA: A função de memória não funciona.FLUXO DE INSPEÇÃO B C D E F G H I J ATC K MJIB0332E*1 EC-56, "Circuito de Alimentação e *2 EC-52, "Inspeção Operacional". *3 EC-50, "Função de Auto-diagnóstico L Massa do Controle de Ar Dianteiro". do Sistema de A/C" M ATC-99
  • 100. DIAGNÓSTICO DE FALHASCircuito do Sensor de Temperatura-Ambiente EJS006BWDESCRIÇÃO DO COMPONENTESensor de Temperatura-ambienteO sensor de temperatura está fixado no suporte do núcleo do radia-dor (lado esquerdo). Ele detecta a temperatura-ambiente e converte-a em um valor de resistência que então é introduzido no controledianteiro de ar. MJIB0168EPROCESSO DE ENTRADA DA TEMPERATURA-AMBIENTEO controle dianteiro de ar inclui um circuito de processamento para a entrada do sensor de temperatura-am-biente. Entretanto, quando a temperatura detectada pelo sensor de temperatura-ambiente aumenta rapida-mente, o circuito de processamento retarda a função de controle dianteiro de ar. Ele permite apenas que ocontrole dianteiro de ar reconheça um aumento de temperatura-ambiente de 0,33°C (0,6°F) a cada 100 se-gundos.Isto evita ajustes constantes em virtude de condições momentâneas, como por exemplo parar após dirigir aaltas velocidades.Embora a temperatura-ambiente atual não seja alterada, a temperatura detectada pelo sensor de tempera-tura-ambiente irá aumentar. Isto acontece porque o calor do compartimento do motor pode ser irradiado àárea da grade dianteira, onde está localizado o sensor de temperatura-ambiente.PROCEDIMENTO DE DIAGNÓSTICO DO SENSOR DE TEMPERATURA-AMBIENTESINTOMA: O circuito do sensor de temperatura-ambiente aberto ouem curto. (40 ou 41 são indicados no controle dianteiro de ar comoresultado da realização do auto-diagnóstico do controle dianteiro dear). MJIB0090E1. VERIFICAR A VOLTAGEM ENTRE O SENSOR DE TEMPERATURA-AMBIENTE E A MASSA1. Desconecte o conector do sensor de temperatura-ambiente.2. Ligue o interruptor de ignição.3. Verifique a voltagem entre o terminal 4 do conector E48 do conector do chicote do sensor de temperatura-ambiente. 4 – Massa : Aproximadamente 5VOK ou NEGATIVOOK >> PASSE PARA 2.NEGATIVO >> PASSE PARA 4. MJIB0091E ATC-100
  • 101. DIAGNÓSTICO DE FALHAS2. VERIFICAR A CONTINUIDADE ENTRE OS CIRCUITOS DO SENSOR DE TEMPERATURA-AMBIENTE A E DO CONTROLE DIANTEIRO DE AR1. Desligue o interruptor de ignição.2. Desconecte o conector de controle dianteiro de ar. B3. Verifique a continuidade entre o terminal 3 do conector E48 do chicote do sensor de temperatura-ambiente e o terminal 13 do conector M60 do chicote de controle dianteiro de ar. C 3 – 13 : Deve existir continuidade.OK ou NEGATIVOOK >> PASSE PARA 3. DNEGATIVO >> Repare o chicote ou o conector. MJIB0092E E3. VERIFICAR O SENSOR DE TEMPERATURA-AMBIENTEConsulte EC-102, "Sensor de Temperatura-ambiente".OK ou NEGATIVO FOK >> 1. Substitua o controle dianteiro de ar. 2. Passe ao auto-diagnóstico EC-50, "Função de Auto-diagnóstico do Sistema de A/C" e efetue o G auto-diagnóstico.NEGATIVO >> 1. Substitua o sensor de temperatura-ambiente. H 2. Passe ao auto-diagnóstico EC-50, "Função de Auto-diagnóstico do Sistema de A/C" e efetue o auto-diagnóstico. I4. VERIFICAR A CONTINUIDADE ENTRE OS CIRCUITOS DO SENSOR DE TEMPERATURA- AMBIENTE E DO CONTROLE DIANTEIRO DE AR J ATC1. Desligue o interruptor de ignição.2. Desconecte o conector de controle dianteiro de ar. K3. Verifique a continuidade entre o terminal 4 do conector E48 do chicote do sensor de temperatura-ambiente e o terminal 28 do conector M61 do chicote de controle dianteiro de ar. 4 – 28 : Deve existir continuidade. L4. Verifique a continuidade entre o terminal 4 do conector E48 do conector do chicote do sensor de temperatura-ambiente. 4 – Massa : Não deve existir continuidade. M MJIB0093EOK ou NEGATIVOOK >> 1. Substitua o controle dianteiro de ar. 2. Passe ao auto-diagnóstico EC-50, "Função de Auto-diagnóstico do Sistema de A/C" e efetue o auto-diagnóstico.NEGATIVO >> Repare o chicote ou o conector. ATC-101
  • 102. DIAGNÓSTICO DE FALHASINSPEÇÃO DE COMPONENTESSensor de Temperatura-ambienteApós desconectar o conector do sensor de temperatura-ambiente,meça a resistência entre os terminais 1 e 2 no lado do componentedo sensor, utilizando a tabela abaixo. Temperatura °C (°F) Resistência kΩ 0 (32) 9.39 20 (68) 3.51 35 (95) 1.80 40 (104) 1.46Se NEGATIVO, substitua o sensor de temperatura-ambiente. MJIB0169E ATC-102
  • 103. DIAGNÓSTICO DE FALHASCircuito do Sensor de Temperatura Interna do Veículo EJS006BX ADESCRIÇÃO DO COMPONENTESensor de Temperatura Interna do VeículoO sensor de temperatura interna do veículo está localizado no painel Bde instrumentos, parte inferior, lado do motorista. Ele converte asvariações de temperatura do ar dentro do compartimento de pas-sageiros (puxado através do ventilador integrado) em um valor deresistência. A seguir, é dada entrada no controle dianteiro de ar. C D MJIB0352E E F G H WJIA0606E IPROCEDIMENTO DE DIAGNÓSTICO DO SENSOR DE TEMPERATURA INTERNA DO VEÍCULOSINTOMA: O circuito do sensor de temperatura interna do veículoestá aberto ou em curto. (44 ou 46 são indicados no controle Jdianteiro de ar como resultado da realização do auto-diagnóstico.) ATC K L WJIA1146E M ATC-103
  • 104. DIAGNÓSTICO DE FALHAS1. VERIFICAR O CIRCUITO DO SENSOR DE TEMPERATURA INTERNA DO VEÍCULOOs códigos de diagnóstico 44 ou 46 estão presentes?SIM ou NÃOSIM >> PASSE PARA 6.NÃO >> PASSAR PARA 2.2. VERIFICAR A VOLTAGEM ENTRE O SENSOR DE TEMPERATURA INTERNA DO VEÍCULO E A MASSA1. Desligue o interruptor de ignição.2. Desconecte o conector do sensor de temperatura interna do veículo.3. Ligue o interruptor de ignição.4. Verifique a voltagem entre o terminal 4 do conector M50 do chi- cote do sensor de temperatura interna do veículo e a massa. 4 – Massa : Aproximadamente 5VOK ou NEGATIVOOK >> PASSE PARA 3. LJIA0089ENEGATIVO >> PASSE PARA 5.3. VERIFICAR A CONTINUIDADE ENTRE OS CIRCUITOS DO SENSOR DE TEMPERATURA INTERNA DO VEÍCULO E DO CONTROLE DIANTEIRO DE AR1. Desligue o interruptor de ignição.2. Desconecte o conector M60 de controle dianteiro de ar.3. Verifique a continuidade entre o terminal 1 do conector M50 do chicote do sensor de temperatura interna do veículo e o terminal 13 do conector M60 do chicote de controle dianteiro de ar. 1 – 13 : Deve existir continuidade.OK ou NEGATIVOOK >> PASSE PARA 4.NEGATIVO >> Repare o chicote ou o conector. WJIA1147E4. VERIFICAR O SENSOR DE TEMPERATURA INTERNA DO VEÍCULOConsulte EC-106, "Sensor de Temperatura Interna do Veículo".OK ou NEGATIVOOK >> 1. Substitua o controle dianteiro de ar. 2. Passe a EC-50, "Função de Auto-diagnóstico do Sistema de A/C" e efetue o auto-diagnóstico.NEGATIVO >> 1. Substitua o sensor de temperatura interna do veículo. 2. Passe a EC-50, "Função de Auto-diagnóstico do Sistema de A/C" e efetue o auto-diagnóstico. ATC-104
  • 105. DIAGNÓSTICO DE FALHAS5. VERIFICAR A CONTINUIDADE ENTRE OS CIRCUITOS DO SENSOR DE TEMPERATURA INTERNA A DO VEÍCULO E DO CONTROLE DIANTEIRO DE AR1. Desligue o interruptor de ignição.2. Desconecte o conector de controle dianteiro de ar. B3. Verifique a continuidade entre o terminal 4 do conector M50 do chicote do sensor de temperatura interna do veículo e o terminal 27 do conector M61 do chicote de controle dianteiro de ar. C 4 – 27 : Deve existir continuidade.4. Verifique a continuidade entre o terminal 4 do conector M50 do chicote do sensor de temperatura interna do veículo e a massa. D 4 – Massa : Não deve existir continuidade. WJIA1148EOK ou NEGATIVOOK >> E 1. Substitua o controle dianteiro de ar. 2. Passe ao auto-diagnóstico EC-50, "Função de Auto-diagnóstico do Sistema de A/C" e efetue o auto-diagnóstico. FNEGATIVO >> Repare o chicote ou o conector. G6. VERIFICAR A CONTINUIDADE ENTRE O MOTOR DO SENSOR DE TEMPERATURA INTERNA DO VEÍCULO E DO CONTROLE DIANTEIRO DE AR (CÓDIGOS DE AUTO-DIAGNÓSTICO 44 OU 46) H1. Desligue o interruptor de ignição.2. Desconecte o conector de controle dianteiro de ar e o conector do sensor de temperatura interna do veículo. I3. Verifique a continuidade entre os terminais 2 e 3 do conector M50 do chicote do sensor de temperatura interna do veículo e os terminais 34 e 33 do conector M61 do chicote de controle dianteiro de ar. J ATC 2 – 34 : Deve existir continuidade. 3 – 33 : Deve existir continuidade. WJIA1149E K4. Verifique a continuidade entre o terminal 2 e 3 do conector M50 do chicote do sensor de temperatura interna do veículo e a massa. 2, 3 – Massa : Não deve existir continuidade. LOK ou NEGATIVOOK >> M 1. Substitua o controle dianteiro de ar. 2. Passe a EC-50, "Função de Auto-diagnóstico do Sistema de A/C" e efetue o auto-diagnóstico.NEGATIVO >> Repare o chicote ou o conector. ATC-105
  • 106. DIAGNÓSTICO DE FALHASINSPEÇÃO DE COMPONENTESSensor de Temperatura Interna do VeículoApós desconectar o conector do sensor de temperatura interna doveículo, meça a resistência entre os terminais 1 e 4 no lado do com-ponente do sensor, utilizando a tabela abaixo. Temperatura °C (°F) Resistência kΩ −15 (5) 21.40 −10 (14) 16.15 −5 (23) 12.29 0 (32) 9.41 5 (41) 7.27 10 (50) 5.66 15 (59) 4.45 20 (68) 3.51 25 (77) 2.79 30 (86) 2.24 35 (95) 1.80 40 (104) 1.45 45 (113) 1.18 MJIB0353ESe NEGATIVO, substitua o sensor de temperatura interna doveículo. ATC-106
  • 107. DIAGNÓSTICO DE FALHASCircuito do Sensor Ótico EJS006BY ADESCRIÇÃO DO COMPONENTEO sensor ótico está localizado na parte central da grade dodescongelador. Ele detecta a carga solar que entra através do pára- Bbrisa através de um foto-diodo. O sensor converte a carga solar emum valor de corrente que então é introduzido no controle dianteirode ar. CPROCESSO DE ENTRADA ÓTICAO controle dianteiro de ar inclui um circuito de processamento que Dfaz uma média das variações detectadas de carga solar durante umdeterminado período de tempo. Isto evita ajustes na operação do MJIB0172Esistema ATC em virtude de variações pequenas ou rápidas da cargasolar detectada. EPor exemplo, considere ao dirigir em uma estrada marginada por grandes árvores. A carga solar detectadapelo sensor ótico irá variar enquanto as árvores estiverem obstruindo a luz solar. O circuito de processamentocalcula a carga solar detectada durante um determinado período de tempo, de maneira que o efeito (insignifi- Fcante) das árvores que estejam momentaneamente obstruindo a luz solar não provoquem nenhuma alteraçãoquanto ao funcionamento do sistema ATC. Por outro lado, logo após entrar em um túnel longo, o sistema iráreconhecer a mudança na carga solar, e o sistema irá reagir de acordo. GPROCEDIMENTO DE DIAGNÓSTICO DO SENSOR DE CARGA SOLARSINTOMA: O circuito do sensor de carga solar está aberto ou em Hcurto. (44 ou 46 são indicados no controle dianteiro de ar comoresultado da realização do auto-diagnóstico.) I J ATC MJIB0181E K1. VERIFICAR A CONTINUIDADE ENTRE OS CIRCUITOS DO SENSOR DE TEMPERATURA DE CARGA SOLAR E DO CONTROLE DIANTEIRO DE AR L1. Desligue o interruptor de ignição.2. Desconecte o conector de controle dianteiro de ar e o conector do sensor de carga solar. M3. Verifique a continuidade entre o terminal 1 e 2 do conector M63 do chicote do sensor de carga solar e o terminal 29 e 37 do conector M61 do chicote de controle dianteiro de ar. 1 – 29 : Deve existir continuidade. 2 – 37 : Deve existir continuidade.4. Verifique a continuidade entre o terminal 1 e 2 do conector M63 do chicote do sensor de carga solar e a massa. MJIB0086E 1, 2 – Massa : Não deve existir continuidade.OK ou NEGATIVOOK >> PASSE PARA 2.NEGATIVO >> Repare o chicote ou o conector. ATC-107
  • 108. DIAGNÓSTICO DE FALHAS2. VERIFICAR A CONTINUIDADE ENTRE OS CIRCUITOS DO SENSOR DE TEMPERATURA DE CARGA SOLAR E DO CONTROLE DIANTEIRO DE AR1. Desligue o interruptor de ignição.2. Desconecte o conector de controle dianteiro de ar e o conector do sensor de carga solar.3. Verifique a continuidade entre o terminal 3 do conector M63 do chicote do sensor de carga solar e o terminal 13 do conector M60 do chicote de controle dianteiro de ar. 3 – 13 : Deve existir continuidade.4. Verifique a continuidade entre o terminal 3 do conector M63 do chicote do sensor de carga solar e a massa. 3 – Massa : Não deve existir continuidade. MJIB0087EOK ou NEGATIVOOK >> Substitua o sensor de carga solar.NEGATIVO >> Repare o chicote ou o conector. ATC-108
  • 109. DIAGNÓSTICO DE FALHASCircuito do Sensor de Entrada EJS006BZ ADESCRIÇÃO DO COMPONENTESensor de EntradaO sensor de entrada está localizado na unidade de aquecimento e Bresfriamento. Ele converte a temperatura do ar após sua passagempelo evaporador em um valor de resistência que então é introduzidono controle dianteiro de ar. C D MJIB0173E EPROCEDIMENTO DE DIAGNÓSTICO DO SENSOR DE ENTRADASINTOMA: O circuito do sensor de entrada está aberto ou em curto. F(56 ou 57 são indicados no controle dianteiro de ar como resultadoda realização do auto-diagnóstico.) G H WJIA1156E I1. VERIFICAR A VOLTAGEM ENTRE O SENSOR DE TEMPERATURA ENTRADA E A MASSA1. Desconecte o conector do sensor de temperatura de entrada. J ATC2. Ligue o interruptor de ignição.3. Verifique a voltagem entre o terminal 2 do conector do conector do chicote do sensor de temperatura de entrada e a massa. K 2 – Massa : Aproximadamente 5VOK ou NEGATIVOOK >> PASSE PARA 2. LNEGATIVO >> PASSE PARA 4. WJIA1278E M2. VERIFICAR A CONTINUIDADE ENTRE OS CIRCUITOS DO SENSOR DE TEMPERATURA DE ENTRADA E DO CONTROLE DIANTEIRO DE AR1. Desligue o interruptor de ignição.2. Desconecte o conector de controle dianteiro de ar.3. Verifique a continuidade entre o terminal 1 do conector M82 do chicote do sensor de temperatura de entrada e o terminal 13 do conector M60 do chicote de controle dianteiro de ar. 1 – 13 : Deve existir continuidade.OK ou NEGATIVOOK >> PASSE PARA 3.NEGATIVO >> Repare o chicote ou o conector. WJIA1157E ATC-109
  • 110. DIAGNÓSTICO DE FALHAS3. VERIFICAR O SENSOR DE TEMPERATURA DE ENTRADAConsulte EC-110, "Sensor de Entrada".OK ou NEGATIVOOK >> 1. Substitua o controle dianteiro de ar. 2. Passe ao auto-diagnóstico EC-50, "Função de Auto-diagnóstico do Sistema de A/C" e efetue o auto-diagnóstico.NEGATIVO >> 1. Substitua o sensor de temperatura de entrada. 2. Passe ao auto-diagnóstico EC-50, "Função de Auto-diagnóstico do Sistema de A/C" e efetue o auto-diagnóstico.4. VERIFICAR A CONTINUIDADE ENTRE OS CIRCUITOS DO SENSOR DE TEMPERATURA DE ENTRADA E DO CONTROLE DIANTEIRO DE AR1. Desligue o interruptor de ignição.2. Desconecte o conector de controle dianteiro de ar.3. Verifique a continuidade entre o terminal 2 do conector M82 do chicote do sensor de temperatura de entrada e o terminal 12 do conector M60 do chicote de controle dianteiro de ar. 2 – 12 : Deve existir continuidade.4. Verifique a continuidade entre o terminal 2 do conector do chi- cote do sensor de temperatura entrada e a massa. 2 – Massa : Não deve existir continuidade.OK ou NEGATIVO WJIA1158EOK >> 1. Substitua o controle dianteiro de ar. 2. Passe ao auto-diagnóstico EC-50, "Função de Auto-diagnóstico do Sistema de A/C" e efetue o auto-diagnóstico.NEGATIVO >>Repare o chicote ou o conector.INSPEÇÃO DE COMPONENTESSensor de EntradaApós desconectar o conector do sensor de temperatura de entrada,meça a resistência entre os terminais 1 e 2, utilizando a tabelaabaixo. Temperatura °C (°F) Resistência kΩ −15 (5) 209.8 −10 (14) 160.3 −5 (23) 123.4 0 (32) 95.8 5 (41) 74.9 10 (50) 59.0 15 (59) 46.8 20 (68) 37.4 25 (77) 30.0 30 (86) 24.2 35 (95) 19.7 40 (104) 16.1 45 (113) 13.2Se NEGATIVO, substitua o sensor de temperatura de entrada. MJIB0174E ATC-110
  • 111. UNIDADE DE CONTROLEUNIDADE DE CONTROLE PFP:27500 ARemoção e Instalação EJS0006C0REMOÇÃO1. Remova a lente do grupo de instrumentos C. Consulte ATC-11, "LENTE DO GRUPO DE INSTRUMEN- B TOS C".2. Remova os quatro parafusos que fixam o controle dianteiro de ar na lente do grupo de instrumentos C. C3. Remova o controle dianteiro de ar. D E LBIA0416E FINSTALAÇÃOA instalação deve ser efetuada na seqüência inversa de remoção. G H ATC I J K L M ATC-111
  • 112. SENSOR DE TEMPERATURA AMBIENTESENSOR DE TEMPERATURA-AMBIENTE PFP:27722Remoção e Instalação EJS006C1REMOÇÃO1. Remova a grade dianteira. Consulte EI-19, "GRADE DIANTEIRA".2. Desconecte o conector elétrico do sensor de temperatura-am- biente. NOTA: O sensor de temperatura-ambiente está localizado atrás do pára-choque dianteiro, na frente do condensador.3. Libere a presilha do sensor de temperatura-ambiente e a seguir remova o sensor de temperatura-ambiente. MJIB0175EINSTALAÇÃOA instalação deve ser efetuada na seqüência inversa de remoção. ATC-112
  • 113. SENSOR DE TEMPERATURA INTERNA DO VEÍCULOSENSOR DE TEMPERATURA INTERNA DO VEÍCULO PFP:27720 ARemoção e Instalação EJS006C2REMOÇÃO1. Remova a lente do grupo de instrumentos C. Consulte ATC-11, B "LENTE DO GRUPO DE INSTRUMENTOS C".2. Remova os dois parafusos e a seguir remova o sensor de tem- peratura interna do veículo. C D WJIA1073E EINSTALAÇÃOA instalação deve ser efetuada na seqüência inversa de remoção. F G H ATC I J K L M ATC-113
  • 114. SENSOR ÓTICOSENSOR ÓTICO PFP:28576Remoção e Instalação EJS006C3O sensor ótico está localizado na parte superior central do painel deinstrumentos. WJIA1072E ATC-114
  • 115. SENSOR DE TEMPERATURA DE ENTRADASENSOR DE TEMPERATURA DE ENTRADA PFP:27723 ARemoção e Instalação EJS006C4REMOÇÃO1. Remova a placa protetora dianteira. B2. Remova o acabamento lateral do painel de instrumentos.3. Remova o porta-luvas.4. Remova o acabamento da coluna dianteira. C5. Remova o porta-luvas superior (cobertura do grupo de instrumentos E).6. Desconecte o conector elétrico do sensor de temperatura de entrada. D NOTA: O sensor de temperatura de entrada está localizado na parte E superior do conjunto da unidade do aquecedor e resfriador próximo à tampa do evaporador do A/C.7. Gire o sensor de temperatura de entrada e remova-o do con- junto da unidade de aquecimento e resfriamento. F MJIB0325E GINSTALAÇÃOA instalação deve ser efetuada na seqüência inversa de remoção. H I ATC J K L M ATC-115
  • 116. MOTOR DO VENTILADORMOTOR DO VENTILADOR PFP: 27226 AComponentes EJS006C5 B C D E F G MJIB0210E 1. Conjunto da unidade do aquecimento 2. Motor do ventilador 3. Controle variável do ventilador e resfriamento HRemoção e Instalação EJS006C6REMOÇÃO I1. Remova o conjunto do porta-luvas inferior. Consulte ATC-10, "Remoção e Instalação".2. Desconecte o conector elétrico do motor do ventilador.3. Remova os três parafusos e remova o motor do ventilador. J ATCINSTALAÇÃOA instalação deve ser efetuada na seqüência inversa de remoção. K L M ATC-116
  • 117. FILTRO DO CONDICIONADOR DE ARFILTRO DO CONDICIONADOR DE AR PFP:27277 ARemoção e Instalação EJS006C7FUNÇÃOO ar que está dentro do compartimento de passageiros é filtrado Batravés dos filtros do ar condicionado quando mos controles doaquecedor ou do A/C estão ajustados nos modos recirculação ou arfresco. Os dois filtros do ar condicionado estão localizados no con- Cjunto da unidade do aquecedor e resfriador.TEMPO DE SUBSTITUIÇÃO DRecomenda-se substituir os dois filtros do ar condicionado regularm-ente, dependendo das condições de condução do veículo. ConsulteMA-9, "MANUTENÇÃO PERIÓDICA". Também poderá ser MJIB0215E Enecessário substituir os dois filtros do ar condicionado como parteda substituição de componente, caso os filtros do ar condicionadoestejam danificados. FPROCEDIMENTO DE SUBSTITUIÇÃO1. Remova o acabamento lateral do respiro inferior do capuz. G2. Remova o acabamento inferior da coluna dianteira.3. Remova o porta-luvas inferior.a. Remova os parafusos inferiores da porta-luvas inferior. Hb. Abra o porta-luvas inferior; a seguir remova os dois parafusos superiores do porta-luvas inferior.c. Desconecte as duas presilhas superiores e remova o porta- I luvas inferior do painel de instrumentos para ter acesso à tampa do filtro do ar condicionado. J ATC K WLIA0023E L M ATC-117
  • 118. FILTRO DO CONDICIONADOR DE AR4. Remova o parafuso e a seguir a tampa do filtro do ar condicio- nado.5. Remova os dois filtros do ar condicionado do alojamento da unidade do aquecedor e resfriador. MJIB0216E6. Introduza o primeiro filtro do ar condicionado no alojamento da unidade do aquecedor e resfriador, deslizando-o para a direita. Introduza o segundo filtro (novo) do ar condicionado no aloja- mento da unidade do aquecedor e resfriador. NOTA: Os filtros do ar condicionado estão indicados com setas de fluxo de ar. A extremidade do micro-filtro com a seta deve ficar voltada para a parte traseira do veículo. As setas devem estar voltadas para baixo. LJIA0148E7. Instale a tampa do filtro do ar condicionado. MJIB0216E8. A instalação do porta-luvas inferior deve ser efetuada na seqüência inversa de remoção. Parafusos inferiores do porta-luvas inferior: 3,3 N.m (0,34 kg.m, 29 lb.pol.) Parafusos superiores do porta-luvas inferior: 3,3 N.m (0,34 kg.m, 29 lb.pol.) NOTA: ● Utilize as duas lingüetas localizadas na parte inferior do porta-luvas inferior para alinhar o porta-luvas inferior ao efetuar a instalação. ● As presilhas na parte superior do porta-luvas inferior devem estar completamente assentadas antes da instalação dos parafusos (superiores e inferiores) do porta luvas inferior. ATC-118
  • 119. CONJUNTO DA UNIDADE DE AQUECIMENTO E RESFRIAMENTOCONJUNTO DA UNIDADE DE AQUECIMENTO E RESFRIAMENTO PFP:27110 AComponentes EJS006C8 Conjunto da Unidade de Aquecimento e Resfriamento C D E F G H ATC I J K L M MJIB0278E1. Tubo de alta pressão do A/C 4. Núcleo do aquecedor e olhal dos 7. Tubos do núcleo do aquecedor2. Tubo de baixa pressão do A/C tubos do evaporador 8. Mangueira do reservatório do líquido3. Válvula de expansão 5. Olhal da mangueira de purga do A/C de arrefecimento 6. Mangueira de purga do A/C 9. Conjunto da unidade do aquecimento e resfriamento ATC-119
  • 120. CONJUNTO DA UNIDADE DE AQUECIMENTO E RESFRIAMENTORemoção e Instalação EJS006C9REMOÇÃO1. Retire o refrigerante do sistema do A/C. Consulte EC-131, "Para Retirar o Refrigerante".2. Drene o líquido de arrefecimento do sistema de arrefecimento do motor. Consulte CO-8, "AO DRENAR O LÍQUIDO DE ARREFECIMENTO DO MOTOR".3. Remova a porca dos tubos (LD) do núcleo do aquecedor.4. Desconecte as mangueiras do núcleo do aquecedor.5. Desconecte os tubos de alta e baixa pressão do A/C da válvula de expansão.6. Mova os dois bancos dianteiros para a posição mais para atrás possível.7. Remova o painel de instrumentos e o painel do console. Con- sulte ATC-10, "Remoção e Instalação".8. Remova os dois dutos do assoalho dianteiro LJIA0165E9. Remova a coluna de direção. Consulte PS-10, "Remoção e Instalação".10. Desconecte o chicote do painel de instrumentos nos suportes do conector em linha (LD e LE), e os conectores elétricos do bloco de fusíveis (SMJ). Consulte PG-39, "CHICOTE".11. Remova as capas e a seguir remova os três parafusos da travessa da direção de cada lado para desconectar a travessa de direção da carroçaria do veículo.12. Remova o conjunto da unidade do aquecedor e resfriador com ele fixado na travessa de direção, do veículo. CUIDADO: ● Tome cuidado para não danificar os bancos e os painéis de acabamento internos ao remover o conjunto da unidade do aquecedor e resfriador com ele fixado na travessa de direção. ● Utilize bujões adequados nos tubos do núcleo do aquecedor para evitar vazamentos de líquido de arrefecimento.13. Remova o conjunto da unidade do aquecedor e resfriador da travessa de direção.INSTALAÇÃOA instalação deve ser efetuada na seqüência inversa de remoção.CUIDADO:● Substitua o anel em “O” do tubo de baixa e de alta pressão do A/C por um novo; a seguir, aplique óleo para compressor no anel em “O” ao efetuar a instalação.● Após abastecer com refrigerante, verifique quanto a vazamentos. Consulte EC-144, "PRE- CAUÇÕES AO MANUSEAR O DETECTOR DE VAZAMENTOS".NOTA:● Abasteça o sistema de arrefecimento do motor com uma mistura especificada de líquido de arrefeci- mento. Consulte CO-8, "REABASTECIMENTO DO LÍQUIDO DE ARREFECIMENTO DO MOTOR"● Carregue novamente o sistema de A/C. Consulte EC-131, "Ao Evacuar o Sistema e Abastecer com Refrigerante". ATC-120
  • 121. NÚCLEO DO AQUECEDORNÚCLEO DO AQUECEDOR PFP:27140 AComponentes EJS006CA B C D E F G H I MJIB0211E J ATC 1. Suporte do tubo do núcleo do 3. Conjunto da unidade do aquecimento 4. Cobertura do núcleo do aquecedor aquecedor e evaporador e resfriamento 2. Núcleo do aquecedor KRemoção e Instalação EJS006CBREMOÇÃO1. Remova o conjunto da unidade do aquecimento e resfriamento. Consulte EC-120, "REMOÇÃO". L2. Remova os três parafusos e remova a cobertura do núcleo do aquecedor.3. Remova o núcleo do evaporador e o suporte do tubo do evaporador. M4. Remova o núcleo do aquecedor. NOTA: Caso os filtros do ar condicionado estejam contaminados em vir- tude de vazamento do líquido de arrefecimento proveniente do núcleo do aquecedor, substitua os filtros do ar condicionado por novos antes de instalar o novo núcleo do aquecedor. MJIB0216EINSTALAÇÃOA instalação deve ser efetuada na seqüência inversa de remoção. ATC-121
  • 122. BOMBA DO AQUECEDORBOMBA DO AQUECEDOR PFP:92264Componentes EJS006CC Bomba do Aquecedor LBIA0414E 1. Parte superior do respiro do capuz 3. Bomba do aquecedor 5. Mangueira do aquecedor 2. Conector elétrico da bomba do 4. Mangueira do aquecedor aquecedorRemoção e Instalação EJS006DCREMOÇÃO1. Drene parcialmente o sistema de arrefecimento do motor. Consulte CO-8, "AO DRENAR O LÍQUIDO DE ARREFECIMENTO DO MOTOR".2. Desconecte o conector elétrico da bomba do aquecedor.3. Desconecte as duas mangueiras do aquecedor.4. Remova a bomba do aquecedor do suporte que fixa a bomba do aquecedor na parte superior do respiro do capuz. CUIDADO: Não desmonte a bomba do aquecedor, substitua a bomba do aquecedor como um conjunto.INSTALAÇÃOA instalação deve ser efetuada na seqüência inversa de remoção.CUIDADO:● O coxim de borracha da bomba do aquecedor deve estar completamente assentado no suporte.● Não desmonte a bomba do aquecedor, substitua a bomba do aquecedor como um conjunto. ATC-122
  • 123. MOTOR DO DEFLETOR DE ENTRADAMOTOR DO DEFLETOR DE ENTRADA PFP:27730 AComponentes ECS006CD Motor do Defletor de Entrada – Conjunto da Unidade de Aquecimento e Resfriamento B C D E F G H I J ATC LBIA0415E 1. Conjunto da unidade do aquecimento 3. Motor do defletor de mistura de ar 5. Motor do defletor de mistura de ar e resfriamento (motorista) (passageiro) K 2. Motor do defletor de entrada 4. Controle variável do ventilador 6. Motor do defletor de modoRemoção e Instalação EJS006DD LREMOÇÃO1. Remova o conjunto da unidade do aquecimento e resfriamento. Consulte EC-119, "CONJUNTO DA UNIDADE DE AQUECIMENTO E RESFRIAMENTO". M2. Remova a travessa de direção do conjunto da unidade do aquecedor e resfriador.3. Desconecte o conector elétrico do motor do defletor de entrada.4. Remova os três parafusos e remova o motor do defletor de entrada.INSTALAÇÃOA instalação deve ser efetuada na seqüência inversa de remoção. ATC-123
  • 124. MOTOR DO DEFLETOR DE MODOMOTOR DO DEFLETOR DE MODO PFP:27731Componentes EJS006CE Motor do Defletor de Modo – Conjunto da Unidade de Aquecedor e Resfriador LBIA0415E 1. Conjunto da unidade do aquecimento 3. Motor do defletor de mistura de ar 5. Motor do defletor de mistura de ar e resfriamento (motorista) (passageiro) 2. Motor do defletor de entrada 4. Controle variável do ventilador 6. Motor do defletor de modoRemoção e Instalação EJS006DEREMOÇÃO1. Remova o acabamento lateral do painel de instrumentos. Consulte IP-10, "CONJUNTO DO PAINEL DE INSTRUMENTOS".2. Remova o cobertura inferior dos instrumentos. Consulte IP-10, "CONJUNTO DO PAINEL DE INSTRU- MENTOS"”.3. Desconecte o conector elétrico do motor do defletor de modo.4. Remova os três parafusos e a seguir remova o motor do defletor de modo.INSTALAÇÃOA instalação deve ser efetuada na seqüência inversa de remoção. ATC-124
  • 125. MOTOR DO DEFLETOR DE MISTURA DE ARMOTOR DO DEFLETOR DE MISTURA DE AR PFP:27732 AComponentes EJS006CF Motores do Defletor de Mistura de Ar – Conjunto da Unidade do Aquecedor e Resfriador B C D E F G H I LBIA0415E J ATC1. Conjunto da unidade do aquecimento 3. Motor do defletor de mistura de ar 5. Motor do defletor de mistura de ar e resfriamento (motorista) (passageiro)2. Motor do defletor de entrada 4. Controle variável do ventilador 6. Motor do defletor de modoRemoção e Instalação EJS006CG KMOTOR DO DEFLETOR DE MISTURA DE AR (MOTORISTA)Remoção L1. Remova o conjunto da unidade do aquecimento e resfriamento. Consulte EC-119, "CONJUNTO DA UNIDADE DE AQUECIMENTO E RESFRIAMENTO".2. Remova a travessa de direção do conjunto da unidade do aquecedor e resfriador.3. Desconecte o conector elétrico do motor do defletor de mistura de ar. M4. Remova os três parafusos e a seguir remova o motor do defletor de mistura de ar.InstalaçãoA instalação deve ser efetuada na seqüência inversa de remoção.MOTOR DO DEFLETOR DE MISTURA DE AR (PASSAGEIRO)Remoção1. Remova o acabamento lateral do painel de instrumentos. Consulte EI-30, "Componentes".2. Remova o painel de instrumentos inferior (LD). Consulte IP-15, "PAINEL DE INSTRUMENTOS INFE- RIOR (L.D) E PORTA-LUVAS".3. Remova a travessa de direção do conjunto da unidade do aquecedor e resfriador.4. Desconecte o conector elétrico do motor do defletor de mistura de ar.5. Remova os três parafusos e a seguir remova o motor do defletor de mistura de ar.InstalaçãoA instalação deve ser efetuada na seqüência inversa de remoção. ATC-125
  • 126. CONTROLE VARIÁVEL DO VENTILADORCONTROLE VARIÁVEL DO VENTILADOR PFP:27200Componentes EJS006CH Controle Variável do Ventilador – Conjunto da Unidade do Aquecedor e Resfriador LBIA0415E1. Conjunto da unidade do aquecimento 3. Motor do defletor de mistura de ar 5. Motor do defletor de mistura de ar e resfriamento (motorista) (passageiro)2. Motor do defletor de entrada 4. Controle variável do ventilador 6. Motor do defletor de modoRemoção e Instalação EJS006DFREMOÇÃO1. Desconecte o conector elétrico de controle variável do ventilador.2. Remova os dois parafusos e a seguir remova o controle variável do ventilador.INSTALAÇÃOA instalação deve ser efetuada na seqüência inversa de remoção. ATC-126
  • 127. DUTOS E DEFLETORESDUTOS E DEFLETORES PFP:27860 AComponentes EJS006CJ Dutos – Conjunto da Unidade de Aquecimento e Resfriamento B C D E F G H I J ATC K L M MJIB0212E1. Saída do descongelador 6. Duto de ventilação central 10. Dutos do assoalho dianteiro2. Duto de desembaçamento – LE 7. Conjunto da unidade do aquecimento 11. Dutos do assoalho traseiro3. Duto do ventilador – LE e resfriamento 12. Duto do console traseiro4. Duto de desembaçamento – LD 8. Difusores do duto do conector do 13. Duto do console central assoalho5. Duto do ventilador – LD 14. Duto do console dianteiro 9. Duto do conector do assoalho ATC-127
  • 128. DUTOS E DEFLETORES Difusores MJIB0329E1. Forro do teto 5. Duto do ventilador – LE 8. Duto de desembaçamento lateral2. Dutos do teto 6. Duto do ventilador – LD (LD)3. Painel de instrumentos 7. Duto de ventilação lateral (LD)4. Duto de ventilação lateral (LE) ATC-128
  • 129. DUTOS E DEFLETORESRemoção e Instalação ECJ006CK ADUTOS DO CONSOLE E DEFLETORES DO CONSOLERemoçãoO console central deve ser removido e desmontado para que os dutos e grades do console possam ser Bremovidos.Consulte IP-16, "Se necessário, retirar a tampa (3) e o conjunto (2) da trava do porta-luvas.".Instalação CA instalação deve ser efetuada na seqüência inversa de remoção.SAÍDA DO DESCONGELADORRemoção D1. Remova o acabamento do painel de instrumentos. Consulte IP-10, "Remoção e Instalação".2. Remova a saída do descongelador. EInstalaçãoA instalação deve ser efetuada na seqüência inversa de remoção.DUTO DE DESEMBAÇAMENTO – LADOS DIREITO E ESQUERDO FRemoção1. Remova o acabamento do painel de instrumentos. Consulte IP-10, "Remoção e Instalação".2. Remova o console central. Consulte IP-16, "Se necessário, retirar a tampa (3) e o conjunto (2) da trava do G porta-luvas.".3. Remova o duto de desembaçamento do lado direito ou esquerdo.Instalação HA instalação deve ser efetuada na seqüência inversa de remoção.DUTO DO VENTILADOR – LADOS DIREITO E ESQUERDORemoção I1. Remova o acabamento do painel de instrumentos. Consulte IP-10, "Remoção e Instalação".2. Remova o console central. Consulte IP-16, "Se necessário, retirar a tampa (3) e o conjunto (2) da trava do porta-luvas.". J ATC3. Remova o duto de ventilação lados direito ou esquerdo.Instalação KA instalação deve ser efetuada na seqüência inversa de remoção.DUTO DO VENTILADOR CENTRALRemoção L1. Remova o conjunto da unidade do aquecimento e resfriamento. Consulte ATC-111, "REMOÇÃO".2. Remova o console central. Consulte IP-16, "Se necessário, retirar a tampa (3) e o conjunto (2) da trava do porta-luvas.". M3. Remova a saída do descongelador.4. Remova os dutos de ventilação (LD ou LE).5. Remova os dutos de desembaçamento (LD e LE).6. Remova o duto central de ventilação.InstalaçãoA instalação deve ser efetuada na seqüência inversa de remoção.DUTO DO CONECTOR DO ASSOALHORemoção1. Remova o conjunto da unidade do aquecimento e resfriamento. Consulte ATC-111, "REMOÇÃO".2. Remova o console central. Consulte IP-16, "Se necessário, retirar a tampa (3) e o conjunto (2) da trava do porta-luvas.".3. Remova o duto do conector do assoalho.InstalaçãoA instalação deve ser efetuada na seqüência inversa de remoção. ATC-129
  • 130. DUTOS E DEFLETORESDUTOS DO ASSOALHO – DIANTEIROS E TRASEIROSRemoção1. Remova o console central. Consulte IP-16, "Se necessário, retirar a tampa (3) e o conjunto (2) da trava do porta-luvas.".2. Remova o carpete do assoalho. Consulte EI-34, "Remoção e Instalação".3. Remova as presilhas; a seguir, remova os dutos dianteiro e traseiro do assoalho.InstalaçãoA instalação deve ser efetuada na seqüência inversa de remoção.DUTOS SUPERIORES TRASEIROSRemoção1. Remova o painel de acabamento interior traseiro.2. Remova o acabamento do teto. Consulte EI-36, "ACABAMENTO DO TETO". NOTA: O duto do forro do teto traseiro (conectado no duto do teto superior traseiro) faz parte do forro do teto; desta forma, deve ser substituído como um conjunto.3. Remova as presilhas; a seguir, remova os dutos do teto superior e inferior traseiros.InstalaçãoA instalação deve ser efetuada na seqüência inversa de remoção.DUTO DO ASSOALHO – LATERAL TRASEIRORemoção1. Remova o painel de acabamento interior traseiro.2. Desloque o carpete do assoalho.3. Remova as presilhas; a seguir, remova o duto do assoalho (traseiro).InstalaçãoA instalação deve ser efetuada na seqüência inversa de remoção.DIFUSORESRemoção1. Remova o(s) painel(éis) de acabamento interno necessário(s) para ter acesso à grade. Consulte IP-10, "Remoção e Instalação". NOTA: As grades do teto fazem parte do acabamento do teto. Para substituir as grades do teto, é necessário substituir o acabamento do teto. Consulte EI-36, "ACABAMENTO DO TETO".2. Remova a grade do painel de acabamento interior.InstalaçãoA instalação deve ser efetuada na seqüência inversa de remoção. ATC-130
  • 131. LINHAS DE REFRIGERANTELINHAS DE REFRIGERANTE PFP:92600 AProcedimento de Serviço HFC-134a (R-134a) EJS006CLAJUSTE DAS FERRAMENTAS E EQUIPAMENTOS DE SERVIÇOPara Retirar o Refrigerante B C D E F G WJIA1160E 1. Válvula de desligamento 2. Válvula de serviço A/C 3. Equipamento de Recuperação / Reciclagem ACR 2000 (J-43600) H com identificador de refrigeranteATENÇÃO:Evite inalar o refrigerante o lubrificante de A/C (vapor ou névoa). Isto poderá irritar os olhos, nariz e Igarganta. Remova o refrigerante HFC-134a (R-134a) do sistema de A/C, utilizando um equipamento deserviço aprovado que atenda os requisitos SAE J2210 para equipamentos de reciclagem de HFC-134 a(R-134 a) ou SAE J2201 para equipamentos de recuperação de HFC-134a (R134a). Caso haja um vaza-mento acidental do sistema, a área de trabalho deverá ser ventilada antes de reiniciar o trabalho. J ATCInformações adicionais sobre saúde e segurança podem ser obtidas com o fabricante do refrigeranteou do lubrificante.Ao Evacuar o Sistema e Abastecer com Refrigerante K L M WJIA1161E1. Válvula de desligamento 4. Reservatório de refrigerante 6. Bomba de vácuo (J-39649)2. Válvula de serviço A/C (HFC-134a) 7. Jogo de medidores de coletor3. Equipamento de Recuperação / 5. Balança de pesagem de refrigerante com mangueiras e acopladores Reciclagem ACR 2000 (J-43600) com (J-39699) J-39183-C) identificador de refrigerante ATC-131
  • 132. LINHAS DE REFRIGERANTE A B C D E F G H I J ATC K L M WJIA0530E*1 EC-25, "INSPEÇÃO E AJUSTE". *3 EC-142, "Inspeção de Vazamentos de *4 EC-90, "DIAGNÓSTICO DE TESTE*2 EC-142, "Inspeção de Vazamentos de Refrigerante". DE DESEMPENHO". Refrigerante". *5 EC-5, "Refrigerante Contaminado". ATC-132
  • 133. LINHAS DE REFRIGERANTEComponentes EJS006CM A Compressor e Condensador de A/C B C D E F G H I J ATC K L M MJIB0276E1. Válvula de serviço de alta pressão 6. Vedador do eixo do compressor 10. Tubo de baixa pressão do A/C2. Presilha 7. Mangueira flexível de alta pressão do 11. Válvula de expansão3. Tubo de alta pressão do A/C A/C 12. Mangueira de purga do A/C4. Sensor de pressão de refrigerante 8. Mangueira flexível de baixa pressão do A/C5. Condensador 9. Válvula de serviço de baixa pressão ATC-133
  • 134. LINHAS DE REFRIGERANTERemoção e Instalação do Compressor EJS006CN Fixação do Compressor de A/C MJIB0179E 1. Compressor 3. Alojamento da corrente de 4. Bloco do motor 2. Suporte do alternador e do sincronização compressor de A/CREMOÇÃO1. Retire o refrigerante do A/C. Consulte EC-131, "Procedimento de Serviço HFC-134a (R-134a)".2. Remova a roda esquerda dianteira e o conjunto do pneu. Consulte WT-5, "Rodízio de pneus".3. Remova a cobertura do motor.4. Remova o pára-lama dianteiro esquerdo.5. Remova o protetor de barro dianteiro esquerdo.6. Remova o filtro de ar do motor e os dutos de ar. Consulte EM-17, "FILTRO DE AR E DUTO DE AR".7. Remova a correia de acionamento. Consulte EM-14, "CORREIAS DE ACIONAMENTO".8. Desconecte o conector do chicote do compressor.9. Desconecte as mangueiras flexíveis de alta e baixa pressão do A/C do compressor. CUIDADO: Cubra a junta do tubo com um material adequado, por exemplo fita de vinil para evitar a entrada de ar.10. Remova os parafusos do compressor do A/C, utilizando ferramentas elétricas.INSTALAÇÃOA instalação deve ser efetuada na seqüência inversa de remoção.CUIDADO:● Substitua os anéis em “O” das mangueiras dianteiras flexíveis de baixa e de alta pressão do A/C por novos; a seguir, aplique óleo para compressor nos anéis em “O” antes de efetuar a instalação.● Após abastecer o sistema de A/C com refrigerante, verifique quanto a vazamentos. Consulte EC- 142, "Inspeção de Vazamentos de Refrigerante". ATC-134
  • 135. LINHAS DE REFRIGERANTERemoção e Instalação da Embreagem do Compressor EJS006CO A Conjunto da Embreagem Magnética B C D E F G WJIA1162E 1. Conjunto da embreagem magnética 4. Disco da embreagem 7. Compressor 2. Bobina magnética 5. Anel elástico H 3. Polia 6. Protetor térmico (embutido)REMOÇÃO I1. Remova o compressor. Consulte ATC-134, "Remoção e Insta- lação do Compressor".2. Remova o parafuso central enquanto mantém o disco de J ATC embreagem imobilizado, utilizando a ferramenta, conforme mos- trado. Número da ferramenta: J-44614 K3. Remova o disco da embreagem. WHA228 L4. Remova o anel elástico, utilizando alicate externo para anel elástico ou ferramenta apropriada. M RHA072C ATC-135
  • 136. LINHAS DE REFRIGERANTE5. Remova a polia, utilizando a ferramenta com um pequeno adaptador. Posicione o adaptador pequeno na extremidade do eixo de acionamento e a parte central do extrator no adaptador pequeno. Número da ferramenta: KV99233130 CUIDADO: Para evitar deformação da ranhura da polia, as garras do extrator deve ser fixadas sob a ranhura da polia e não den- tro da ranhura. WJIA1017E6. Remova a presilha do chicote da bobina magnética, utilizando uma chave de fenda; remova os 3 parafusos de fixação da bobina magnética; a seguir remova a bobina magnética. WHA212INSPEÇÃODisco da EmbreagemCaso a superfície de contato mostre sinais de danos em virtude deexcesso de calor, substitua o disco da embreagem e a polia. WHA183PoliaVerifique a aparência do conjunto da polia. Caso a superfície de contato da polia esteja indicando excesso dearranhões, substitua o disco da embreagem e a polia. As superfícies de contato do conjunto da polia devemser limpas com um solvente adequado antes da reinstalação.BobinaVerifique a bobina magnética quanto a conexões soltas ou quanto a rachaduras no isolamento.INSTALAÇÃO1. Instale a bobina magnética. CUIDADO: Certifique-se de alinhar o pino da bobina magnética com o orifício existente na cabeça dianteira do compressor. WHA213 ATC-136
  • 137. LINHAS DE REFRIGERANTE2. Instale a presilha do chicote da bobina magnética, utilizando uma chave de fenda. A3. Instale o conjunto da polia, utilizando a ferramenta e a chave; a seguir, instale o anel elástico, utilizando alicate apropriado. Número da ferramenta: KV99106200 B C MJIB0290E D4. Instale o disco da embreagem no eixo do compressor, junta- mente com o(s) calço(s) original(is). Comprima o disco da embreagem com a mão. E F G WHA1845. Instale o parafuso da polia da embreagem, utilizando a ferra- H menta para evitar que o disco da embreagem seja movido e aperte o parafuso de acordo com a especificação. Consulte EC- 133, "Componentes". Tool number : J-44614 I CUIDADO: Após apertar o parafuso da polia da embreagem, verifique se a polia da embreagem gira suavemente. J ATC WHA229 K6. Verifique a folga da polia ao redor do disco da embreagem, con- forme mostrado na figura. Folga entre o disco da embreagem e a polia: 0,3 – 0,6 mm L (0,012 – 0,024 pol.)7. Caso não seja obtida a folga especificada, substitua o espaça- dor de ajuste para fazer o novo ajuste. M8. Conecte o conector elétrico do compressor.9. Instale a correia de acionamento. Consulte EM-14, "CORREIAS DE ACIONAMENTO".10. Instale o motor sob a tampa e protetor de barro. WHA194 ATC-137
  • 138. LINHAS DE REFRIGERANTEFUNCIONAMENTO DURANTE O PERÍODO DE AMACIAMENTOAo substituir o conjunto da embreagem do compressor, sempre efetue a operação de amaciamento. Isto éconseguido acoplando-se e desacoplando-se a embreagem aproximadamente 30 vezes. A operação de ama-ciamento aumenta o nível de torque transmitido.Remoção e Instalação da Mangueira Flexível de Alta Pressão do A/C EJS006CPREMOÇÃO1. Remova a roda esquerda dianteira e o conjunto do pneu. Consulte WT-5, "Rodízio de pneus".2. Remova o pára-lama dianteiro esquerdo.3. Remova o protetor de barro dianteiro esquerdo.4. Retire o refrigerante. Consulte EC-131, "Procedimento de Serviço HFC-134a (R-134a)".5. Remova a mangueira flexível de alta pressão do A/C. Consulte EC-133, "Componentes". CUIDADO: Cubra a junta do tubo com um material adequado, por exemplo fita de vinil para evitar a entrada de ar.INSTALAÇÃOA instalação deve ser efetuada na seqüência inversa de remoção.Consulte EC-133, "Componentes".CUIDADO:● Substitua o anel em “O” da mangueira flexível de alta pressão do A/C por uma nova; a seguir, apli- que óleo para compressor nele ao instalá-lo.● Após abastecer com refrigerante, verifique quanto a vazamentos.Remoção e Instalação do Tubo de Alta Pressão do A/C EJS006CQREMOÇÃO1. Remova a roda direita dianteira e o conjunto do pneu. Consulte WT-5, "Rodízio de pneus".2. Remova o pára-lama dianteiro direito.3. Remova o protetor de barro dianteiro direito.4. Retire o refrigerante. Consulte EC-131, "Procedimento de Serviço HFC-134a (R-134a)".5. Remova o tubo de baixa pressão do A/C. Consulte EC-138, "Remoção e Instalação do Tubo de Alta Pressão do A/C".6. Remova o tubo de alta pressão do A/C. Consulte EC-139, "Remoção e Instalação do Tubo de Baixa Pressão do A/C". CUIDADO: Cubra a junta do tubo com um material adequado, por exemplo fita de vinil para evitar a entrada de ar.INSTALAÇÃOA instalação deve ser efetuada na seqüência inversa de remoção.Consulte EC-133, "Componentes". CUIDADO: ● Substitua o anel em “O” do tubo de alta pressão do A/C por um novo; a seguir, aplique óleo para compressor nele ao instalá-lo. ● Após abastecer com refrigerante, verifique quanto a vazamentos.Remoção e Instalação da Mangueira Flexível de Baixa Pressão do A/C EJS006CRREMOÇÃO1. Remova a roda direita dianteira e o conjunto do pneu. Consulte WT-5, "Rodízio de pneus".2. Remova o pára-lama dianteiro direito.3. Remova o protetor de barro dianteiro direito.4. Retire o refrigerante. Consulte EC-131, "Procedimento de Serviço HFC-134a (R-134a)". CUIDADO: Cubra a junta do tubo com um material adequado, por exemplo fita de vinil para evitar a entrada de ar.5. Remova a mangueira flexível de baixa pressão do A/C. Consulte EC-133, "Componentes".INSTALAÇÃOA instalação deve ser efetuada na seqüência inversa de remoção.Consulte EC-133, "Componentes". ATC-138
  • 139. LINHAS DE REFRIGERANTECUIDADO:● Substitua o anel em “O” da mangueira flexível de baixa pressão do A/C por um novo; a seguir, A aplique óleo para compressor nele ao instalá-lo.● Após abastecer com refrigerante, verifique quanto a vazamentos. BRemoção e Instalação do Tubo de Baixa Pressão do A/C EJS006CSREMOÇÃO C1. Retire o refrigerante. Consulte EC-131, "Procedimento de Serviço HFC-134a (R-134a)".2. Desconecte o conector da bomba do aquecedor.3. Remova a bomba do aquecedor do suporte e coloque-o para fora do lugar. Não desconecte as manguei- D ras do aquecedor da bomba do aquecedor.4. Remova o tubo de baixa pressão do A/C. Consulte EC-133, "Componentes". CUIDADO: E Cubra a junta do tubo com um material adequado, por exemplo fita de vinil para evitar a entrada de ar.INSTALAÇÃO FA instalação deve ser efetuada na seqüência inversa de remoção.Consulte EC-133, "Componentes".CUIDADO: G● Substitua o anel em “O” do tubo de baixa pressão do A/C por um novo; a seguir, aplique óleo para compressor nele ao instalá-lo.● Após abastecer com refrigerante, verifique quanto a vazamentos. HRemoção e Instalação do Sensor de Pressão do Refrigerante EJS006CVREMOÇÃO I1. Retire o refrigerante. Consulte EC-131, "Procedimento de Serviço HFC-134a (R-134a)".2. Desconecte o conector do chicote do sensor de pressão de J refrigerante e remova o sensor de pressão de refrigerante do ATC condensador. CUIDADO: K Tenha cuidado para não danificar as aletas do condensa- dor.INSTALAÇÃO LA instalação deve ser efetuada na seqüência inversa de remoção. LJIA0177EConsulte EC-133, "Componentes".CUIDADO: M● Tenha cuidado para não danificar as aletas do condensador.● Ao efetuar a instalação, aplique óleo para compressor no anel em “O” do sensor de pressão de refrigerante.● Após abastecer com refrigerante, verifique quanto a vazamentos. ATC-139
  • 140. LINHAS DE REFRIGERANTERemoção e Instalação do Condensador EJS006CWREMOÇÃO1. Retire o refrigerante. Consulte EC-131, "Procedimento de Serviço HFC-134a (R-134a)".2. Remova o radiador. Consulte CO-11, "RADIADOR". CUIDADO: Tome cuidado para não danificar a superfície do núcleo do condensador e do radiador.3. Desconecte a mangueira flexível de alta pressão do A/C e o tubo de alta pressão do A/C do condensador. CUIDADO: Cubra a junta dos tubos com um material adequado, por exemplo fita de vinil para evitar a entrada de ar.4. Desconecte o conector do chicote do sensor de pressão do refrigerante.5. Remova o sensor de pressão do refrigerante do condensador.6. Levante o condensador para fora dos olhais de fixação e remova o condensador. LJIA0177EINSTALAÇÃOA instalação deve ser efetuada na seqüência inversa de remoção.Consulte EC-133, "Componentes".CUIDADO:● Substitua os anéis em “O” do tubo de alta pressão do A/C e a mangueira flexível de alta pressão do A/C por novos; a seguir, aplique óleo para compressor nele ao instalá-lo.● Após abastecer com refrigerante, verifique quanto a vazamentos.● Substitua os olhais de fixação, conforme necessário. ATC-140
  • 141. LINHAS DE REFRIGERANTERemoção e Instalação do Evaporador EJS006CX A Conjunto da Unidade de Aquecimento e Resfriamento B C D E F G H I J ATC K L M MJIB0214E1. Duto do conector de ventilação central 5. Núcleo do aquecedor e olhal dos 9. Evaporador2. Cobertura do núcleo do aquecedor tubos do evaporador 10. Aquecedor inferior e alojamento da3. Alojamento da entrada de ar 6. Núcleo do aquecedor unidade de resfriamento4. Núcleo do aquecedor e suporte dos 7. Aquecedor superior e alojamento da 11. Controle variável do ventilador tubos do evaporador unidade de resfriamento 12. Motor do ventilador 8. Válvula de expansão ATC-141
  • 142. LINHAS DE REFRIGERANTEREMOÇÃO1. Remova o núcleo do aquecedor. Consulte ATC-121, "REMOÇÃO".2. Separe o aquecedor do alojamento da unidade de resfriamento.3. Remova o evaporador.INSTALAÇÃOA instalação deve ser efetuada na seqüência inversa de remoção.CUIDADO:Substitua os anéis em “O” na mangueira flexível de baixa pressão de A/C e tubo de alta pressão doA/C por novos. Ao efetuar a instalação, aplique óleo para compressor nos anéis em “O”.Remoção e Instalação da Válvula de Expansão EJS006CZREMOÇÃO1. Retire o refrigerante. Consulte EC-131, "Procedimento de Serviço HFC-134a (R-134a)".2. Remova o conjunto da unidade do aquecimento e resfriamento. Consulte ATC-111, "REMOÇÃO".3. Remova o núcleo do aquecedor e os olhais dos tubos do evaporador.4. Remova a válvula de expansão.INSTALAÇÃOA instalação deve ser efetuada na seqüência inversa de remoção. Parafusos da válvula de expansão : 4 N.m (0,41 kg.m, 35 lb.pol.) Parafuso de fixação entre o tubo de refrigerante do A/C e a válvula de expansão : Consulte EC-133, "Componentes".CUIDADO:● Substitua os anéis em “O” da válvula de expansão e tubos de refrigerante do A/C por novos; a seguir, aplique óleo para compressor nele ao instalá-los.● Após abastecer com refrigerante, verifique quanto a vazamentos.Inspeção de Vazamentos de Refrigerante EJS006D1Efetue uma inspeção visual das peças de refrigeração, conexões, mangueiras e componentes quanto a sinaisde vazamento de lubrificante de A/C, danos e corrosão. Vazamentos de lubrificante de A/C podem indicarpontos de vazamento de refrigerante. Faça uma inspeção adicional nestas áreas ao utilizar um detectoreletrônico de vazamento de refrigerante ou detector de corante fluorescente de vazamentos.Caso seja notada a presença de corante, confirme o vazamento, utilizando um detector eletrônico de vaza-mento de refrigerante. É possível que um vazamento anterior tenha sido reparado, mas o local não tenha sidocorretamente limpo.Ao procurar vazamentos, não pare ao encontrar um vazamento; continue a inspeção quanto a outros vaza-mentos em todos os componentes e conexões do sistema.Ao procurar vazamentos de refrigerante, utilizando um detector eletrônico de vazamentos, mova a ponta deprova pela área sob suspeita a 1 – 2 pol. por segundo e a não mais de ¼ de pol. do componente.CUIDADO:Mover a ponta de prova do detector eletrônico de vazamento mais lentamente e mais próximo da áreasob suspeita de vazamento irá aumentar as chances de descobrir um vazamento. ATC-142
  • 143. LINHAS DE REFRIGERANTEInspeção do Sistema quanto a Vazamentos Utilizando o Detector Fluorescente Ade Vazamentos EJS006D21. Verifique o sistema de A/C quanto a vazamentos, utilizando uma lâmpada UV e óculos de segurança [SST: J-42220] em uma área pouco iluminada (de preferência uma área sem janelas). Ilumine todos os componentes, conexões e linhas. O corante irá aparecer como uma área mais brilhante verde / amarela, B no ponto de vazamento. O corante fluorescente observado na abertura de drenagem do evaporar indica um vazamento no conjunto do núcleo do evaporador (tubos, núcleo ou válvula de expansão).2. Caso a área suspeita seja de difícil visualização, utilize um espelho ajustável ou seque a área com um C pano limpo, com a lâmpada de UV para resíduos de corante3. Após reparar o vazamento, remova o corante residual, utilizando um limpador de corante [SST: J-43872] para evitar futuros diagnósticos incorretos. D4. Efetue uma inspeção de desempenho do sistema e verifique a reparação de vazamento com um detector eletrônico de vazamento de refrigerante.NOTA: EOutros gases na área de trabalho ou substâncias nos componentes de A/C, por exemplo, anticongelantes,fluido do lavador de pára-brisa, solventes e lubrificantes podem ativar incorretamente o detector de vazamen-tos. Certifique-se de que as superfícies que serão inspecionadas estejam limpas.Limpe-as com um pano seco ou aplique ar comprimido. FNão deixe que a ponta do sensor do detector entre em contato com qualquer substância. Isto também podecausar falsas leituras, podendo danificar o detector.Injeção de Corante G(Este procedimento é apenas necessário ao recarregar o sistema ou quando o compressor emperrou e foisubstituído.)1. Verifique a pressão estática (em repouso) do sistema de A/C. A pressão deve ser de, pelo menos, 345 H kPa (3,45 bar, 3,52 kg/cm2, 50 psi).2. Adicione uma garrafa (1/4 onça / 7,4 cc) de corante de refrigerante de A/C na ferramenta de injeção [SST: J-41459]. I3. Conecte a ferramenta de injeção na conexão de serviço do lado de baixa pressão do A/C.4. Dê partida ao motor e ligue o interruptor do A/C.5. Quando o A/C estiver funcionando (compressor funcionando), injete uma garrafa (1/4 de onça / 7,4 cc) de J corante fluorescente através da válvula de serviço de baixa pressão; utilize a ferramenta de injeção de ATC corante J-41459 (consulte as instruções de operação do fabricante).6. Com o motor ainda funcionando, desconecte a ferramenta de injeção da conexão de serviço. K CUIDADO: Tome cuidado ao reparar ou substituir um componente do sistema de A/C; adicione o corante diretamente na conexão aberta do sistema e efetue os procedimentos de serviço.7. Acione o sistema do A/C, durante pelo menos 20 minutos para que o corante seja misturado ao óleo do L sistema. Dependendo do tamanho do vazamento, condições de operação e localização do vazamento, poderá levar de minutos a dias para que o corante penetre no vazamento e torne-se visível. M ATC-143
  • 144. LINHAS DE REFRIGERANTEDetector Eletrônico de Vazamentos de Refrigerante EJS006D4PRECAUÇÕES AO MANUSEAR O DETECTOR DE VAZAMENTOSAo efetuar uma inspeção de vazamento de refrigerante, utilize umdetector elétrico de vazamento de A/C (SST) ou equivalente. Asse-gure-se de que o instrumento esteja calibrado e ajustado adequada-mente de acordo com as instruções de operação.O detector de vazamentos é um instrumento delicado. Para que odetector de vazamentos seja utilizado adequadamente, leia asinstruções de operação e efetue a manutenção especificada. SHA705EB1. Posicione a ponta de prova a uma distância de aproximada- mente 5 mm (3/16 pol.) do ponto a ser inspecionado. SHA707EA2. Ao efetuar o teste, envolva completamente cada uma das co- nexões com a ponta de prova. SHA706E3. Mova a ponta de prova pelo componente a uma velocidade de aproximadamente 25 a 50 mm (1 a 2 pol.) por segundo. SHA708EA ATC-144
  • 145. LINHAS DE REFRIGERANTEPROCEDIMENTO DE INSPEÇÃOPara evitar leituras imprecisas ou falsas, certifique-se de que não haja vapor de refrigerante, produtos quími- Acos ou fumaça de cigarros nas proximidades do veículo. Efetue o teste de vazamento em uma área calma(pouco movimento de ar/pouco vento), de maneira que o vazamento de refrigerante não seja dispersado.1. Desligue o motor. B2. Conecte um jogo de medidores de coletor de A/C apropriado (SST) nas válvulas de serviço do A/C.3. Verifique se a pressão de refrigerante de A/C é, de pelo menos, 345 kPa (3,45 bar, 3,52 kg/cm, 50 psi) acima de 16°C. Caso esteja abaixo da especificação, recupere / evacue e recarregue o sistema com a quantidade especificada de refrigerante. C NOTA: A temperaturas inferiores a 16°C, os vazamentos podem não ser detectados uma vez que o sistema pode não atingir a pressão de 345 kPa (3,45 bar, 3,52 kg/cm2, 50 psi). D4. Efetue o teste de vazamento do lado de alta pressão (descarga do compressor A para a entrada do eva- porador G) para o lado de baixa pressão (mangueira de drenagem do evaporador H para o vedador do eixo L). Consulte EC-133, "Componentes". Efetue o teste de vazamento nas seguintes áreas, cuidadosa- mente. Limpe o componente que será inspecionado e mova a ponta de prova para detectar o vazamento E completamente ao redor da conexão / componente. Compressor Verifique a conexão das mangueiras flexíveis de alta e de baixa pressão, válvula de alívio e vedador do F eixo. Reservatório do líquido Verifique o sensor de pressão do refrigerante. Válvulas de serviço G Verifique ao redor das válvulas de serviço. Assegure-se de que as tampas estejam firmemente fixadas nas válvulas de serviço (para evitar vazamentos). NOTA: H Após remover o conjunto do medidor do coletor de A/C das válvulas de serviço, limpe quaisquer resíduos das válvulas para evitar falsas leituras pelo detector de vazamentos. Unidade de Arrefecimento (Evaporador) Com o motor desligado, ajuste o ventilador em “High” (alta) durante, pelo menos 15 segundos, para dissi- I par quaisquer vestígios de refrigerante na unidade de arrefecimento. Aguarde, pelo menos, 10 minutos (consulte o procedimento recomendado pelo fabricante quanto ao tempo real) antes de introduzir a ponta de prova do detector de vazamento na mangueira de drenagem. Mantenha a ponta de prova introduzida, durante pelo menos 10 segundos. Tome cuidado para não con- ATC J taminar a extremidade da ponta de prova com água ou sujeira que poderiam estar na mangueira de drenagem.5. Caso o detector de vazamentos detecte algum vazamento, verifique pelo menos uma vez, aplicando ar K comprimido na área onde houver suspeita de vazamento; a seguir repita a verificação, conforme indicado acima.6. Não interrompa a inspeção ao descobrir um vazamento. Continue inspecionando quanto a outros vaza- mentos em todos os componentes do sistema. L Caso não sejam localizados vazamentos, efetue as etapas de 7 a 10.7. Dê partida ao motor.8. Ajuste o controle do aquecedor do A/C, conforme indicado abaixo:a. Interruptor de A/C: ON Mb. seletor de controle de MODO: VENT (Ventilação)c. Posição do defletor de entrada: Recirculaçãod. Temperatura frio máximoe. Velocidade do ventilador: Alta9. Deixe o motor funcionar a uma rotação de 1.500 rpm, durante, pelo menos, 2 minutos. ATC-145
  • 146. LINHAS DE REFRIGERANTE10. Desligue o motor e efetue novamente a inspeção de vazamento, observando as etapas de 4 a 6, indicadas acima. Os vazamentos de refrigerante devem ser inspecionados ime- diatamente após a paralisação do motor. Comece com o detec- tor de vazamentos no compressor. A pressão no lado de alta pressão irá cair gradativamente após o refrigerante parar de cir- cular e a pressão no lado de baixa pressão irá aumentar grada- tivamente, conforme mostrado no gráfico. Alguns vazamentos são mais facilmente detectados quando a pressão está alta.11. Descarregue o sistema de A/C utilizando o equipamento de recuperação de refrigerante aprovado. Repare a conexão ou SHA839E componente com vazamento, conforme necessário.12. Evacue e recarregue o sistema de A/C e efetue o teste de vazamento para confirmar que não mais existem vazamentos de refrigerante.13. Efetue o teste de desempenho do A/C para certificar-se de que o sistema está funcionando adequada- mente. ATC-146
  • 147. DADOS DE SERVIÇO E ESPECIFICAÇÕES (SDS)DADOS DE SERVIÇO E ESPECIFICAÇÕES (SDS) PFP:00030 ADados de Serviço e Especificações (SDS) EJS006D5COMPRESSOR Marca CALSONIC KANSEI B Modelo CR-14 Tipo Palheta rotativa C Cilindrada 144 cm3 (8.79 in3 ) Diâmetro interno do cilindro 64.2 mm (2.53 pol.) x 9.9 mm (0.39 pol.) Sentido de giro Horário (visto da extremidade de acionamento) D Correia de acionamento Poly-V (7 estrias)LUBRIFICANTE E Marca CALSONIC KANSEI Modelo CR-14 F Nome NISSAN A/C Sistema Lubrificante Tipo S (DH-PS) Número de peça KLH00-PAGS0 Sem A/C traseiro 180 m (6.3 Imp fl oz) G Capacidade Com A/C traseiro 210 m (7.4 Imp fl oz) HREFRIGERANTE Tipo HFC 134a (R-134a) Sem A/C traseiro 0.70 ± 0.05 kg (1.54 ± 0.11 lb) I Capacidade Com A/C traseiro 0.85 ± 0.05 kg (1.87 ± 0.11 lb)ROTAÇÃO DE MARCHA-LENTA DO MOTOR J ATCConsulte EC-41, "Inspeção Básica".TENSÃO DA CORREIA KConsulte EM-15, "Ajuste de Deflexão". L M ATC-147
  • 148. DADOS DE SERVIÇO E ESPECIFICAÇÕES (SDS) ATC-148