• Share
  • Email
  • Embed
  • Like
  • Save
  • Private Content
Ferramentas de Inovação Aberta
 

Ferramentas de Inovação Aberta

on

  • 980 views

 

Statistics

Views

Total Views
980
Views on SlideShare
980
Embed Views
0

Actions

Likes
1
Downloads
37
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Ferramentas de Inovação Aberta Ferramentas de Inovação Aberta Presentation Transcript

    • Ferramentas de Inovação Aberta1
    • O Estudo “Ferramentas de Inovação Aberta”OBJETIVOSEste trabalho busca apresentar a ampla gama de ferramentas de suporte à Inovação Abertadisponível no mercado, tornando claro seus diferentes propósitos e momentos adequadosde utilização.MOTIVAÇÃONo Brasil, presenciamos um crescente número de empresas que passam a adotar aInovação Aberta como prática de Inovação, aliado a isto, percebemos o aumento naquantidade e na diversidade de ferramentas de Inovação Aberta disponíveis no mercado.Nesse contexto, a Inventta verificou falta de clareza em relação a alguns conceitos eabordagens emergentes de Inovação Aberta, além da dificuldade de compreender anatureza e o propósito das diferentes ferramentas disponíveis.PREMISSAS• O material apresentado constitui um estudo exploratório desenvolvido pela equipe Inventta sobre ferramentas de Inovação Aberta• Foi utilizada uma abordagem empírica, e não há intenção de que o trabalho apresentado seja exaustivo, dada a complexidade do tema e diversidade de ferramentas disponíveis. 2
    • A Inovação Aberta “A Inovação Aberta é um paradigma que assume que as empresas podem e devem utilizar idéias externas e idéias geradas internamente, assim como caminhos internos e externos para chegar ao mercado, em seu caminho de desenvolvimento tecnológico” Henry Chesbrough, 2003 Valor criado através de abordagem combinada de Geração esforços internos e externamente, suportada por uma de Valor rede global de inovação Capacidade Velocidade Valor criado pelos esforços internos de inovação com rede externa limitada Tempo Por meio da interação com pessoas e organizações de competências diversas e externas à empresa, a Inovação Aberta permite o aumento do retorno dos investimentos em InovaçãoFonte: Ninesigma 3
    • Como trabalhar com a Inovação Aberta? O paradigma da inovação aberta abre inúmeras possibilidades para que as empresas trabalhem seu processo de inovação de forma colaborativa. Uma questão recorrente que surge dessas discussões é como as empresas podem, de fato, incorporar estas possibilidades no seu processo de inovação. DesafiosTecnológicos Interações Criativas Pesquisa Desenvolvimento Comercialização Co-criação Ideias e conceitos de Valor Licenciamento de patentesCentros de Internalização de protótipos para Inovação scale-up Redes de Colaboração ?? ‘ CrowdsourcingTechnology ? Brokers Spin-offs Desenvolvimento Sistemas de em parceria Ideação TecnologiaDesafios de externa Conceitos 4
    • Gestão da Inovação e Inovação Aberta É preciso entender o contexto de inovação da sua organização para definir a tática de inovação aberta mais adequada 5
    • Gestão da Inovação e Inovação Aberta A Inventta, a partir de sua experiência em diversos projetos de inovação, desenvolveu um Framework deauxílio às práticas de gestão da inovação. O Framework delimita macro-etapas para a gestão da inovação,contudo cada empresa possui seu modelo particular de gestão da inovação que precisa estar alinhado às características do negócio, organização e cultura Papel da Alta Direção Direcionar as ações de CULTURA inovação garantindo alinhamento com a estratégia Apoiar as iniciativas de Detectar inovação com recursos e sinais e Selecionar as Aparelhar a Implementar de suporte da alta gestão idéias com maior empresa através do tendências, forma eficiente e potencial de captura desenvolvimento de capturar e sustentável os de valor e competências Organizar a estrutura da Gerar alinhamento com os internas ou parcerias projetos de inovação empresa de forma a permitir objetivos da externas um processo de gestão da idéias inovação mais eficiente Aprender com as experiências em todas as etapas do Engajar toda a processo de inovação e realizar os ajustes necessários organização nos esforços de inovação 6
    • Gestão da Inovação e Inovação Aberta A colaboração pode ocorrer de formas diversas e em momentos distintos do processo de inovação. Asempresa precisam compreender como a colaboração pode gerar valor em cada macro-etapa de sua gestão de inovação para delimitar as iniciativas de inovação aberta mais adequadas ao seu contexto de negócio. A colaboração e a co-criação ocorrem de modo mais intenso nas etapas do Framework relacionados ao Detectar e Gerar, Selecionar, Aparelhar, Implementar e Papel da Alta Direção Aprender. Direcionar as ações de CULTURA inovação garantindo alinhamento com a estratégia Apoiar as iniciativas de Detectar Aparelhar a inovação com recursos e Selecionar as Implementar de sinais e empresa através suporte da alta gestão idéias com maior forma eficiente e tendências, do potencial de sustentável os capturar e desenvolvimento Organizar a estrutura da captura de valor e de competências projetos de empresa de forma a Gerar alinhamento com inovação internas ou permitir um processo de idéias os objetivos da parcerias externas gestão da inovação mais eficiente Aprender com as experiências em todas as etapas do Engajar toda a processo de inovação e realizar os ajustes necessários organização nos esforços de inovação 7
    • A empresa também precisa estar conectada com os conceitos e possibilidades emergentes para se trabalhar a inovação aberta8 8
    • ConceitosCOLLECTIVE INTELLIGENCE (Inteligência Coletiva)Conceito desenvolvido entre os anos 80 e 90 em diversas áreas do conhecimento, teve como introdutorDouglas Hofstadter e foi consolidado pelo filósofo Pierre Lévy em 1994, se refere à inteligência compartilhadaque emerge da colaboração e/ou competição entre um grupo de indivíduos.Em seu livro, “A inteligência coletiva: por uma antropologia do ciberespaço”, Lévy coloca a InteligênciaColetiva como sendo aquela que é “distribuída por toda a parte (...), que resulta em mobilização efetiva dascompetências. Ninguém sabe tudo, todos sabem alguma coisa, todo o saber está na humanidade”.WISDOM OF THE CROWD (Sabedoria da Multidão)Conceito explorado sob a ótica de negócios por James Surowiecki, em seu livro “The Wisdom of the Crowds”,de 2004, se refere ao processo de levar em consideração a opinião coletiva de um grupo de indivíduos aoinvés da oferecida por um único especialista como resposta a uma pergunta.Surowiecki sustenta que um grupo diversificado e composto por indivíduos com autonomia de decisão,provavelmente realizará certos tipos de decisão ou predição com melhores resultados que aquelas realizadaspor um indivíduo do grupo ou um especialista.De acordo com o autor são três os tipos de vantagens decorridas do processo decisório descentralizado,classificadas em conhecimento, coordenação e cooperação.CROWDSOURCINGTermo cunhado por Jeff Howe, da Wired, em 2006, refere-se ao ato de transferir tarefas, tradicionalmenterealizadas por um funcionário ou um fornecedor para um grande e indefinido grupo de pessoas oucomunidade (uma multidão), através de um chamado aberto.Composto pela junção dos termos crowd e outsourcing, o conceito tem como alavanca a popularização deferramentas de conectividade nos últimos anos, que possibilitam a transferência do trabalho às pessoas comas melhores condições de executá-lo, independente de sua origem geográfica. 9
    • Conceitos CO-CRIAÇÃO COOPERAÇÃO COLABORAÇÃO Conceito que pode ser entendido de Pode ser entendido como um processo É um processo iterativo em que duas ou diferentes formas, foi considerado neste de trabalho ou ação conjunta, que em mais partes juntam-se para atingir estudo que co-criação é envolver sua forma mais simples envolve duas ou objetivos comuns por meio do clientes e outros stakeholders externos mais partes agindo de forma alinhada compartilhamento de conhecimento, nas atividades desenvolvimento de como alternativa à competição direta aprendizado e construção de consenso. produtos e serviços. caso atuassem separadamente. Diferente da simples cooperação, as Envolver nesse contexto, refere-se a É mais uma medida de eficiência com partes aportam diferentes recursos, uma participação relevante e ativa no objetivo de reduzir gastos. As partes geralmente competências processo de criação, com a expectativa envolvidas têm demanda por complementares, em busca de atingir de que ao final se obtenha um resultado determinados recursos e encontram resultados superiores aos que apenas que seja mais satisfatório para todas as benefícios no compartilhamento desses uma das partes conseguiria se agisse partes envolvidas, um produto que recursos, apesar de possuírem objetivos sozinha. melhor corresponda às necessidade e diferentes, potencialmente conflitantes. restrições dos clientes, por exemplo. A forte dependência mútua torna Dessa forma, a cooperação tende a ser necessário o comprometimento e Dessa forma, constitui uma mudança uma situação transitória entre as confiança entre as partes, além de em relação à forma de organização partes, e não necessita de grandes laços demandar que a construção das desses processos nas empresas, que de confiança, apenas regras claras e expectativas de ganhos tenham por tradicionalmente conta com a figura do ética. base o que for justo para cada parte. criador centralizador. Em Inovação Aberta, geralmente há Alguns autores defendem que a intenção de que os envolvidos disseminação da prática deste conceito colaborem, e não apenas firmem marca a transição entre a abordagem acordos de cooperem entre si. tradicional de proposta de valor para uma de conversação de valor.Fonte: Fábio Seixas, Umair Haque, Bengt Järrehult 10
    • Crowdsourcing - Caso Electrolux Design Lab PROPOSTA DO PROJETO Captar novos conceitos e tendências e atrair talentos do mundo todo por meio de um concurso aberto de designO QUE RESULTADOS• E empresa promove anualmente um desafio • Contratação de profissionais talentosos mundial para que estudantes de design submetam • Aumento da exposição da marca propostas de projeto de eletrodomésticos • Desafio de 2011:• A partir do desafio, a empresa capta insights para − 1300 conceitos recebidos futuros produtos e identifica talentos − Propostas de 50 países diferentesCOMO• O crowdsourcing é feito por meio de um chamado aberto com o briefing dos designs a serem submetidos pelos alunos• Os conceitos são então escolhidos e julgados por um júri composto de experts• Os vencedores ganham um prêmio em dinheiro e o um estágio de 6 meses na empresa• Não há trocas ou feedbacks entre a empresa e os estudantes durante o processo Fonte: http://www.electroluxdesignlab.com/ 11
    • Co-criação - Caso Fiat Mio PROPOSTA DO PROJETO Aproximar os clientes da marca por meio de chamada aberta a opiniões para conceber ,em um ambiente de co-criação, o carro conceito que melhor refletisse as necessidades e desejos dos consumidoresO QUE RESULTADOS• Captação das expectativas dos consumidores sobre • Números do projeto – mais de: os automóveis do futuro, a partir do estímulo à − 2.3 milhões de visitantes únicos submissão de idéias que refletissem as − 45.000 comentários postados características desejadas desse veículo − 10.600 idéias enviadas − 17.600 participantes cadastradosCOMO • Deu origem ao FCC III apresentado no salão do• Plataforma aberta através da qual a Fiat recebe automóvel em 2010; grande número de idéias de seus consumidores, que são avaliadas e desenvolvidas pela comunidade, em um processo de co-criação• Equipe Fiat interage com os participantes, estimulando o desenvolvimento das idéias que se destacam, em processo de co-criação• Forte presença e divulgação através da web – Twitter, Facebook, blog e vídeos Fonte: http://www.fiatmio.cc/ 12
    • Ferramentas de Inovação AbertaAlém de conduzir iniciativas próprias, as empresas também pode contar com ferramentas de mercado para suportar suas iniciativas de inovação aberta. Identificamos uma grande gama de ferramentas jáconsolidadas e acessíveis às empresas, muitas dessas ferramentas representam abordagens inovadoras e foram pioneiras na implementação dos diversos conceitos emergentes. BENEFÍCIOS DA UTILIZAÇÃO DE FERRAMENTAS DE INOVAÇÃO ABERTA Timing reduzido e Abordagens e Acesso a públicos Nó Nó Nó Tema Nó facilidade na metodologias diferenciados por operacionalização Tema provadas e meio de redes já Empresa Tema Tema das iniciativas de consolidadas Tema estabelecidas inovação aberta 13
    • Existe uma grande diversidade de ferramentas de Inovação Abertadisponível no mercado. É importanteter uma visão clara do que são estas ferramentas, compreender suasprincipais características e propósitos para melhor utilizá-las. 14
    • Ferramentas de Inovação Aberta O QUE SÃO Ferramentas que contribuem com os desafios das Duas principais características: organizações, por meio da captação e/ou co-criação de • Atuam como interfaces de conexão entre os que soluções em redes de players internos e/ou externo possuem o desafio a ser solucionado e os que podem distantes origem da demanda. ajudar a resolvê-lo; Elas buscam aumentar o sucesso das organizações por • Realizam facilitação da interação entre os ofertantes meio da ampliação do seu potencial de colaboração e os demandantes e/ou atuação ativa junto aos durante o processo de Inovação. demandantes, visando aumento do número e qualidade das soluções propostas. DEMANDANTES OFERTANTES São chamados demandantes as organizações que Os ofertantes são indivíduos ou organizações quebuscam soluções para demandas internas, que podem desenvolvem propostas e interagem com o ser das mais diversas naturezas demandantes na concepção de solução aos desafios apresentados 15
    • Ferramentas de Inovação AbertaA partir da observação das diversas ferramentas de Inovação Aberta mapeadas, foram estabelecidos dois grandes pontos de diferenciação que nos proporcionam uma maior compreensão sobre o propósito e momento adequado para utilizar estas ferramenta no processo de inovação. ESCOPO FONTES Refere-se ao tipo de desafio que a ferramenta de Inovação Refere-se à fonte de respostas acessada pela ferramenta Aberta se propõe a solucionar ESPECIALISTA GRANDE PÚBLICO X • Pessoas que detêm • Grupos amplos, de O QUE COMO conhecimentos composição irrestrita, com aprofundados em diversidade de origem determinada área geográfica, formação • Exemplos incluem acadêmica e experiência O processo de inovação Uma vez selecionados os profissional pesquisadores, envolve a captação de projetos a serem levados especialistas de mercado, • Interessados em se envol- estímulos e geração de adiantes, há necessidade acadêmicos, trendsetters e ver em atividades de idéias, que agrupadas e de acessar, inclusive em profissionais com ampla inovação, em alguns casos selecionadas, darão fontes externas, recursos experiência sem remuneração origem a projetos das e competências para financeira mais diversas naturezas operacionalizá-los 16
    • Análise das Ferramentas de Inovação Aberta A dimensão ESCOPO refere-se ao tipo de desafio que a ferramenta se propõe a solucionar. Algumas ferramentas auxiliam na concepção do “o que” desenvolver enquanto outras auxiliam no “como”. ESPECIALISTAS • Ferramentas utilizadas para busca e/ou • Ferramentas utilizadas para acesso a construção de sugestões e respostas a tecnologias e competências demandas do negócio de diversas eventualmente indisponíveis naturezas (novos produtos, internamente, e necessárias à funcionalidades serviços, processos, implementação dos projetos canais, entre outros) • Identificam parceiros para P&D ou • Identificam demandas dos clientes, ou outras atividades de negócio verificam a aderência dos consumidores a novas propostas • Constituem um canal de contratação de serviços complementares à Inovação • Constituem um canal para construção (programadores, designers, consultores, de conversações que levarão a novas entre outros) GRANDE PÚBLICO propostas de valor • Como resultado há a geração de um • Resultados geralmente na forma de projeto conjunto, contratação de novas idéias e conceitos serviços e/ou transferência de conhecimento O QUE COMOFonte: Empresas, Análise Inventta, 2011 17
    • Análise das Ferramentas de Inovação Aberta A dimensão FONTE refere-se ao perfil do público acessado. O público pode ser composto de especialistas qualificados em determinado tema ou grande público com composição irrestrita e de backgrounds diversos ESPECIALISTAS • Fonte geralmente utilizada para busca por novas abordagens técnicas a problemas já conhecidos ou acesso a conhecimentos técnicos aprofundados nem sempre disponíveis na empresa • Podem ser utilizados tanto para o desenvolvimento conjunto de tecnologias complexas, quanto para captação de idéias e conceitos tecnicamente embasados • Respostas geralmente focadas e de maior rigor técnico, cuja extensão ou detalhamento depende da ferramenta utilizada • Propostas inovadoras tendem a ser mais consistentes tecnicamente e assertivas em relação à demanda • Fonte geralmente utilizada quando se deseja grande número de respostas com conteúdo diversificado, extrapolando os limites do negócio, mercado ou tecnologia em questão GRANDE PÚBLICO • Como resultado, de forma geral, são obtidas respostas e/ou propostas variadas, de profundidade técnica limitada, porém com maior potencial resultados inusitados e não previstos no escopo original • Pode ser utilizado como forma diferenciada de estabelecer um canal de interação diretas com os clientes, um veículo de marketing, de forma a manter conversações entre os clientes e a empresa O QUE COMOFonte: Empresas, Análise Inventta, 2011 18
    • Análise das Ferramentas de Inovação Aberta A partir do cruzamento dos dois critérios foi possível delimitar quatro quadrantes que representam, de forma geral, diferentes propostas de valor oferecidas pelas Ferramentas de Inovação Aberta ESPECIALISTAS AMBIENTES E SISTEMAS DE ACESSO A TECNOLOGIAS E IDEAÇÃO E CO-CRIAÇÃO COMPETÊNCIAS GRANDE PÚBLICO IDÉIAS E CONCEITOS POR CROWDSOURCING DE CROWDSOURCING SERVIÇOS COMPLEMENTARES O QUE COMOFonte: Empresas, Análise Inventta, 2011 19
    • Mapa Geral das Ferramentas de Inovação A partir do cruzamento dos dois critérios foi possível delimitar quatro quadrantes que representam, de forma geral, diferentes propostas de valor oferecidas pelas Ferramentas de Inovação Aberta Idea Your Encore Ninesigma ESPECIALISTAS Eureka Connection Spigit Medical SpecialChem Exago yet2.com Venture2 Induct Hype Ideawicket ITM IFT Innoget Innocentive Gen 3 Fronteer Partners Ideas To Go (co-creation) IBM Communispace Cassiber Verhaert Innovation Bright Idea Center Brain Reactions Favela Fabric Redesign Me Chaordix Fronteer (online) eYeka iFreelance Top Coder Ideaken Wilogo Innovation Exchange Redesign Me Guru Hyve Connect GRANDE PÚBLICO Choosa Elance Brainrack Battle of Design BIG Crowdspring Concepts 99 Designs Kluster Idea Bounty Open IDEO One Billion Minds Atizo Brainfloor O QUE COMOFonte: Empresas, Análise Inventta, 2011 20
    • Grupos Identificados As ferramentas foram agrupadas em 9 categorias distintas de acordo com a similaridade da abordagem que elas representam e com o propósito de utilização TECH Idea Your Encore Ninesigma ESPECIALISTAS SISTEMAS DE GESTÃO Connection BROKERS Eureka DE IDÉIAS E CONCEITOS Spigit Medical SpecialChem 9 EXPERIÊNCIAS DE IDEAÇÃO Exago yet2.com E CO-CRIAÇÃO Induct Hype 7 Venture2 Ideawicket ITM 3 IFT 4 Innoget Innocentive Gen 3 Ideas To Go Fronteer (co-creation) Partners 8 Cassiber PLATAFORMAS RFP IBM Communispace Verhaert Innovation Bright Idea Center Brain Reactions Favela Fabric Redesign Me CENTROS DE INOVAÇÃO Chaordix Fronteer (online) 6 iFreelance Top Coder eYeka CAPTAÇÃO DE Ideaken Wilogo Innovation Exchange Redesign Me IDÉIAS POR Hyve Guru Connect GRANDE PÚBLICO CROWDSOURCING 5 Choosa Brainrack BIG Battle of 2 Elance Crowdspring Design CONTRATAÇÃO 1 Concepts DE PROFISSIONAIS 99 Designs AQUISIÇÃO DE Kluster PLATAFORMAS DE SOLUÇÕES EM ON-DEMAND DESIGN DESAFIOS DE Idea Bounty Open IDEO CONCEITOS One Billion Minds Atizo Brainfloor O QUE COMOFonte: Empresas, Análise Inventta, 2011 21
    • Idéias e Conceitos por Crowdsourcing As ferramentas foram agrupadas em 9 categorias distintas de acordo com a similaridade da abordagem que elas representam e com o propósito de utilização TECH Idea Your Encore Ninesigma ESPECIALISTAS SISTEMAS DE GESTÃO Connection BROKERS Eureka DE IDÉIAS E CONCEITOS Spigit Medical SpecialChem 9 EXPERIÊNCIAS DE IDEAÇÃO Exago yet2.com E CO-CRIAÇÃO Induct Hype 7 Venture2 Ideawicket ITM 3 IFT 4 Innoget Innocentive Gen 3 Ideas To Go Fronteer (co-creation) Partners 8 Cassiber PLATAFORMAS RFP IBM Communispace Verhaert Innovation Bright Idea Center Brain Reactions Favela Fabric Redesign Me CENTROS DE INOVAÇÃO Chaordix Fronteer (online) 6 iFreelance Top Coder eYeka CAPTAÇÃO DE Ideaken Wilogo Innovation Exchange Redesign Me IDÉIAS POR Guru Hyve Connect GRANDE PÚBLICO CROWDSOURCING 5 Choosa Brainrack BIG Battle of 2 Elance Crowdspring Design CONTRATAÇÃO 1 Kluster Concepts DE PROFISSIONAIS 99 Designs AQUISIÇÃO DE PLATAFORMAS DE SOLUÇÕES EM ON-DEMAND DESIGN DESAFIOS DE Idea Bounty Open IDEO CONCEITOS One Billion Minds Atizo Brainfloor O QUE COMOFonte: Empresas, Análise Inventta, 2011 22
    • Idéias e Conceitos por CrowdsourcingIDÉIAS E CONCEITOS POR CROWDSOURCING“Crowdsourcing é o ato de transferir tarefas, tradicionalmente realizadas por um funcionário ouum fornecedor para um grande e indefinido grupo de pessoas ou comunidade (uma multidão),através de um chamado aberto” – Jeff Howe, 2006PARA QUE?Geralmente utilizado para captação de idéias e conceitos como propostas para resolução deproblemas das organizações, em especial novas ofertas.COMO?Principais características: • Participação de pessoas de diferentes backgrounds e origens • Trabalho remoto • Atividade de tempo livre • Grande variação na qualidade e característica dos outputs • Geralmente há resultados inusitados • Não há contratos formais de PIGRUPOS: CAPTAÇÃO DE IDÉIAS POR Redes web com elevado número de usuários, que geram grande1 CROWDSOURCING quantidade de respostas superficiais a demandas amplas. Redes web com muitos usuários, geralmente segmentados que PLATAFORMAS DE2 DESAFIOS DE CONCEITOS fornecem conceitos (idéias fortalecidas) como respostas a demandas focadas, em formato de competição. 23
    • Exemplo - Idéias e Conceitos por Crowdsourcing ATIZO Busca promover o desenvolvimento de idéias para novos produtos, serviços e marketing de forma rápida e a custo acessível O QUE FUNCIONAMENTO • A Atizo é uma empresa suíça que oferece uma Elaborar questões – Por meio de um workshop, a Atizo auxilia seus clientes na especificação e transcrição plataforma em que empresas podem cadastrar demandas de negócio das mais diversas naturezas 1 adequada de duas questões a serem respondidas pela rede de solvers que serão trabalhados pelos usuários cadastrados Encontrar idéias – O desafio é inserido na plataforma no site online da Atizo, e a comunidade inicia a submissão de idéias, geralmente variadas. Tanto a Atizo quanto a • A empresa administra uma rede virtual de indivíduos com predisposição a desenvolver 2 empresa possuem ferramentas de interação com os usuários, de forma a direcionar o conteúdo as idéias pensamento criativo, segmentados por submetidas conhecimentos e padrão de consumo Selecionar idéias – A Atizo facilita um workshop para • A principal oferta da empresa é auxiliar as 3 que a empresa selecione idéias (entre 10 e 15 delas), dentre os diversos inputs geralmente recebidos empresas no lançamento de perguntas a serem realizadas à sua rede de usuários, de acordo com a Avaliar idéias – A comunidade avalia as idéias selecionadas, e fornece feedbacks adicionais para segmentação desejada, e facilitar a interação entre 4 complementá-las e fortalecê-las eles e incentivar a submissão de respostas Planejar implementação – A Atizo realiza um workshop para auxiliar no ajuste fino das idéias e apoiar a defesa 5 interna da implementação das propostas selecionadasFonte: Empresa. 24
    • Ambientes e Sistemas de Ideação e Co-criação As ferramentas foram agrupadas em 9 categorias distintas de acordo com a similaridade da abordagem que elas representam e com o propósito de utilização TECH Idea Your Encore Ninesigma ESPECIALISTAS SISTEMAS DE GESTÃO Connection BROKERS Eureka DE IDÉIAS E CONCEITOS Spigit Medical SpecialChem 9 EXPERIÊNCIAS DE IDEAÇÃO Exago yet2.com E CO-CRIAÇÃO Induct Hype 7 Venture2 Ideawicket ITM 3 IFT 4 Innoget Innocentive Gen 3 Ideas To Go Fronteer (co-creation) Partners 8 Cassiber PLATAFORMAS RFP IBM Communispace Verhaert Innovation Bright Idea Center Brain Reactions Favela Fabric Redesign Me CENTROS DE INOVAÇÃO Chaordix Fronteer (online) 6 iFreelance Top Coder eYeka CAPTAÇÃO DE Ideaken Wilogo Innovation Exchange Redesign Me IDÉIAS POR Guru Hyve Connect GRANDE PÚBLICO CROWDSOURCING 5 Choosa Brainrack BIG Battle of 2 Elance Crowdspring Design CONTRATAÇÃO 1 Concepts DE PROFISSIONAIS 99 Designs AQUISIÇÃO DE Kluster PLATAFORMAS DE SOLUÇÕES EM ON-DEMAND DESIGN DESAFIOS DE Idea Bounty Open IDEO CONCEITOS One Billion Minds Atizo Brainfloor O QUE COMOFonte: Empresas, Análise Inventta, 2011 25
    • Ambientes e Sistemas de Ideação e Co-criação PROGRAMAS DE IDEAÇÃO E CO-CRIAÇÃO Intervenções e ferramentas que estimulem a interação e colaboração direcionada entre diferentes stakeholders da organização com o objetivo de facilitar a geração de inovações de benefício mútuo PARA QUE? Captação de idéias e conceitos direcionados, junto a público bem definido como respostas a problemas organizacionais, principalmente como inovação de produto, processo e negócio COMO? Principais características: • Abordagens personalizadas • Participantes selecionados criteriosamente • Pode haver mix entre participantes internos e externos • Promove estímulos à reflexão e cria vínculos emocionais • Fortalece as relações entre os participantes • Resultados tendem a ser muito relevantes GRUPOS: Atividades que estimulam sensoriamente os participantes EXPERIÊNCIAS DE 3 IDEAÇÃO E CO-CRIAÇÃO (stakeholders do seeker) por meio da criação de conexão emocional para transcender a visão tradicional de criação de produtos e serviços Software de gestão de inovação que facilitam a geração, captação e SISTEMAS DE GESTÃO DE 4 IDÉIAS E CONCEITOS seleção de idéias, além de auxiliar na formação de conceitos. É parte de um processo de geração de idéias e gestão da Inovação consolidado 26
    • Exemplo - Programas de Ideação e Co-criação EXAGO MARKETS Soluções de suporte à decisão para todo o processo de Inovação de uma organização por meio de ferramentas colaborativas O QUE FUNCIONAMENTO • Empresa de origem portuguesa, oferece soluções customizadas de suporte à decisão baseadas na Definição da demanda – A Exago Markets buscará combinação de software, experiência, e 1 compreender a necessidade da organização quanto à Inovação Aberta e indicará a solução mais adequada para ferramentas de conexão com a inteligência coletiva o caso interna e externa à organização. Implementação – O(s) sistema(s) selecionados serão • Três principais soluções: implementados com as customizações necessárias e na − Gestão da Inovação – Engajar colaboradores, 2 plataforma escolhida (web, intranet...), incluindo a formação do banco de dados de solvers e sua fornecedores e clientes no processo de segmentação inovação e mensurar resultados Montagem dos desafios – A partir da interface dos − Prova de conceito – Validação de novas ofertas softwares o cliente pode montar e lançar desafios com os com clientes e gestão de resultados 3 mais diferentes propósitos e para o público desejado − Predição de eventos – Dimensionamento Gestão do processo – A partir da montagem dos desafios coletivo de diferentes variáveis, tais como a empresa pode tanto gerir o processo de geração e volume de vendas e cronogramas de projetos seleção de idéias quanto ir além, e desenvolvê-las e 4 transformá-las em projetos, executá-los e acompanhar os resultados e impactos do processo de inovação.Fonte: Empresa. 27
    • Exemplo - Programas de Ideação e Co-criação SPIGIT Oferece plataformas de software colaborativas para construção de um processo de inovação aberto, da geração de idéias ao desenvolvimento de projetos O QUE FUNCIONAMENTO • Considerada empresa pioneira na concepção de sistemas de colaboração criativa entre um grande Determinação dos objetivos – Os gestores responsáveis número de pessoas internas e externas à 1 estabelecem os objetivos do programa de ideação, determinam os desafios e selecionam os segmentos de organização, sob o conceito “wisdom of the crowd” participantes desejados • Sua oferta de valor possui características técnicas e Ideação – Os participantes selecionadas passam a gerenciais que buscam superar diversos desafios submeter idéias para os desafios propostos, além de 2 poder visualizar, comentar e contribuir com outras ideias normalmente encontrados nos processos de inovação colaborativa, tais como falta de Mercado de idéias – De forma similar ao mercado de engajamento, dificuldade em agrupar e priorizar ações, os participantes podem “comprar” e “vender” idéias e falta de apoio à implementação 3 ideias, permitindo à gestão observar a avaliação coletiva do valor das ideias • Além da conexão e colaboração entre Reconhecimento – Os participantes também são stakeholders, envolve técnicas de balanceamento rankeados, ganhando pontos por suas ideias bem de portfólio de projetos, além de possuir 4 avaliadas e outras contribuições nos desafios funcionalidades de mensuração de desempenho Gestão – Os gestores, a partir de ferramentas de em todo o processo de Inovação workflow aprovam ou não as ideias selecionadas pelos 5 participantes e dão seguimento à implementação dos projetos decorrentes dos desafiosFonte: Empresa. 28
    • Crowdsourcing de Serviços Complementares As ferramentas foram agrupadas em 9 categorias distintas de acordo com a similaridade da abordagem que elas representam e com o propósito de utilização TECH Idea Your Encore Ninesigma ESPECIALISTAS SISTEMAS DE GESTÃO Connection BROKERS Eureka DE IDÉIAS E CONCEITOS Spigit Medical SpecialChem 9 EXPERIÊNCIAS DE IDEAÇÃO Exago yet2.com E CO-CRIAÇÃO Induct Hype 7 Venture2 Ideawicket ITM 3 IFT 4 Innoget Innocentive Gen 3 Ideas To Go Fronteer (co-creation) Partners 8 Cassiber PLATAFORMAS RFP IBM Communispace Verhaert Innovation Bright Idea Center Brain Reactions Favela Fabric Redesign Me CENTROS DE INOVAÇÃO Chaordix Fronteer (online) 6 iFreelance Top Coder eYeka CAPTAÇÃO DE Ideaken Wilogo Innovation Exchange Redesign Me IDÉIAS POR Guru Hyve Connect GRANDE PÚBLICO CROWDSOURCING 5 Choosa Brainrack BIG Battle of 2 Elance Crowdspring Design CONTRATAÇÃO 1 Concepts DE PROFISSIONAIS 99 Designs AQUISIÇÃO DE Kluster PLATAFORMAS DE SOLUÇÕES EM ON-DEMAND DESIGN DESAFIOS DE Idea Bounty Open IDEO CONCEITOS One Billion Minds Atizo Brainfloor O QUE COMOFonte: Empresas, Análise Inventta, 2011 29
    • Crowdsourcing de Serviços ComplementaresCROWDSOURCING DE SERVIÇOS COMPLEMENTARESFerramentas que agregam grande volume de pessoas com diferentes níveis e áreas decompetência que buscam vender sua mão-de-obra para contratantes de qualquer lugar doglobo.PARA QUE?Diferentemente da busca por idéias e conceitos, o objetivo é a contratação de mão-de-obrapara a realização de atividades pontuais e bem definidas, geralmente não-críticas,complementares à implementação dos esforços de InovaçãoCOMO?Principais características: • Geralmente utilizado para pequenas atividades • Força de trabalho global • Baixo custo para o empregador, • Desafios no acompanhamento do trabalho e alinhamento da qualidadeGRUPOS: SISTEMAS DE Redes web com elevado número de usuários, que listam suas CONTRATAÇÃO DE5 PROFISSIONAIS ON- competências e experiências e podem se candidatar a tarefas postadas por organizações que demandem atividades específicas DEMAND PLATAFORMAS DE Vitrines que listam demandas bem definidas (briefings) aos quais6 AQUISIÇÃO DE qualquer pessoa, independente de seu background pode submeter SOLUÇÕES EM DESIGN propostas, cuja vencedora é selecionada pelo demandante 30
    • Exemplo - Crowdsourcing de Serviços Complementares ELANCE Plataforma global de recrutamento de profissionais on- demand O QUE FUNCIONAMENTO • A Elance oferece uma plataforma para busca e Postar um trabalho – A empresa lista a demanda de contratação de profissionais on-demand para a trabalho na plataforma online, incluindo requisitos de realização das mais diferentes atividades 1 competências, estimativa da carga horária necessária e forma de pagamento (por hora ou fixo) e valores. profissionais • Utilizado principalmente para complementação de Recebimento de propostas – Membros da rede que se times fixos, em especial para áreas a atividades interessaram pelo trabalho postado e cujo perfil atende aos requisitos submetem propostas de trabalho, que com demanda volátil 2 incluem preço, competências, experiências e reputação • Conta com um pool de mais de 500 mil no Elance (avaliação por trabalhos anteriores). profissionais de diversas formações, experiências e Contratação – Os demandantes pode entrar em contato origem geográfica com as pessoas que lhe interessaram, para a melhor • A plataforma também oferece serviços 3 escolher a mais adequada a sua demanda. Após complementares à realização e acompanhamento selecionar o desejado, é fechado o contrato, online. do trabalho, tais como controle de horas, Trabalho – Durante a realização do trabalho o Elance comunicadores, ferramentas de cronograma, entre oferece ferramentas para monitoramento do avanço das outros. 4 atividades e cumprimento de metas e milestones. Pagamento – Após a realização do trabalho, o sistema disponibiliza ferramenta para realização do pagamento, 5 que pode ser feito somente ao final ou em cada milestoneFonte: Empresa. 31
    • Acesso a Tecnologias e Competências As ferramentas foram agrupadas em 9 categorias distintas de acordo com a similaridade da abordagem que elas representam e com o propósito de utilização TECH Idea Your Encore Ninesigma ESPECIALISTAS SISTEMAS DE GESTÃO Connection BROKERS Eureka DE IDÉIAS E CONCEITOS Spigit Medical SpecialChem 9 EXPERIÊNCIAS DE IDEAÇÃO Exago yet2.com E CO-CRIAÇÃO Induct Hype 7 Venture2 Ideawicket ITM 3 IFT 4 Innoget Innocentive Gen 3 Ideas To Go Fronteer (co-creation) Partners 8 Cassiber PLATAFORMAS RFP IBM Communispace Verhaert Innovation Bright Idea Center Brain Reactions Favela Fabric Redesign Me CENTROS DE INOVAÇÃO Chaordix Fronteer (online) 6 iFreelance Top Coder eYeka CAPTAÇÃO DE Ideaken Wilogo Innovation Exchange Redesign Me IDÉIAS POR Guru Hyve Connect GRANDE PÚBLICO CROWDSOURCING 5 Choosa Brainrack BIG Battle of 2 Elance Crowdspring Design CONTRATAÇÃO 1 Kluster Concepts DE PROFISSIONAIS 99 Designs AQUISIÇÃO DE PLATAFORMAS DE SOLUÇÕES EM ON-DEMAND DESIGN DESAFIOS DE Idea Bounty Open IDEO CONCEITOS One Billion Minds Atizo Brainfloor O QUE COMOFonte: Empresas, Análise Inventta, 2011 32
    • Acesso a Tecnologias e CompetênciasACESSO A TECNOLOGIAS E COMPETÊNCIASCanais para intercâmbio tecnológico entre organizações que possuem demandas por soluções complexas eaqueles que possam suprir tais necessidades, sejam eles empresas, pessoas ou ICTs.PARA QUE?Geralmente utilizados para aquisição de tecnologias e/ou competências necessárias à realização de projetoscom demandas claramente identificadas, sejam eles o desenvolvimento de novos produtos ou melhoria deprocessos. Também são utilizados para venda de tecnologias ou competências internas.COMO?Principais características: • Necessidade de detalhamento claro das demandas • Formas e condições de operacionalização diversas (projeto, transferência,..), dependem de acordo caso-a- caso • Contratos de PI constituem parte importante da negociação • O demandante deve se preparar para internalizar os resultados geradosGRUPOS: Plataformas web para postagem de demandas e ofertas de tecnologias e PI, atuando7 TECH BROKERS como intermediários do processo de transferência tecnológica Centros de auxílio ao desenvolvimento de tecnologias e produtos, que oferecem CENTROS DE8 INOVAÇÃO infra-estrutura física para atividades de co-criação, P&D e prova de conceito. Podem ser especializados ou não Plataformas para identificação de parceiros tecnológicos em que o demandante PLATAFORMAS9 RFP posta demanda e os ofertantes enviam propostas técnicas. Geralmente as propostas selecionadas geram projetos de desenvolvimento em parceria. 33
    • Exemplo - Acesso a Tecnologias e Competências NINESIGMA Oferece uma ampla gama de soluções, tem como principal serviço a realização de desafios para busca de parceiro tecnológico O QUE FUNCIONAMENTO • A Ninesigma é uma empresa americana que Definição de parceiro – A Ninesigma auxilia seu cliente oferece diversos serviços em Inovação Aberta, e 1 na definição do output técnico esperado, na construção por meio deles se propõem a potencializar os de um perfil de parceiro desejado e no estabelecimento resultados de negócio de seus clientes dos critérios de avaliação das propostas • Seus serviços auxiliam seus clientes a se Busca por parceiro – Alancandando-se em sua rede conectarem internamente, com sua rede imediata mundial de especialistas, a Ninesigma lança o desafio, (fornecedores e outros parceiros) e com a rede com foco no público desejado. Os resultados permitem mundial de especialistas tecnológicos cultivada 2 ajustar o perfil de parceiro desejado e o critério de avaliação iterativamente. pela Ninesigma, com mais de dois milhões de profissionais, de diversas indústrias Avaliação das propostas – Junto com a Ninesigma o • Além de conexão, seus serviços se propõem a cliente realiza o rankeamento e a avaliação dos auxiliar as empresas a melhor compreender e potenciais candidatos, iterativamente. Para auxiliar 3 nesse processo, há a possibilidade de entrar em contato identificar oportunidades e ameaças tecnológicas com os proponentes. Identificação de parceiro – A Ninesigma auxilia na seleção de 1 a 3 parceiros que melhor se alinhem com os 4 critérios técnicos e de negócioFonte: Empresa. 34
    • Seleção da ferramenta mais adequada Dadas as características das ferramentas apresentadas, torna-se necessário estabelecer processo e critérios de escolha das plataformas a serem utilizadas. Abaixo a Inventta coloca uma sugestão dos principais passos a serem realizados antes da implementação de um projeto junto a uma ferramenta de Inovação Aberta:1 Determinar base de ferramentas 2 Determinação dos critérios de seleção de ferramentas 3 Compreensão das demandas e seleção das ferramentas Demandas ESPECIALISTAS Estabelecer processo decisório com PROGRAMAS DE IDEAÇÃO E AQUISIÇÃO DE CO-CRIAÇÃO TECNOLOGIAS critérios claros. Alguns critérios a seremDeterminar, quais ferramentas serão levadas em considerados: GRANDE PÚBLICO • Budget necessário CROWDSOURCING DEconsideração no momento da seleção. Alguns IDÉIAS E CONCEITOS POR CROWDSOURCING SERVIÇOS COMPLEMENTARESdos pontos a serem considerados: • Tempo médio de execução O QUE COMO • Serão incluídas ferramentas estrangeiras? • Profundidade do conhecimento Basta aplicar os critérios nas • Qual o budget disponível? técnico necessário demandas desejadas e selecionar a(s) • Há restrições quanto ao público com que • Tipo de parceria/relacionamento ferramenta(s) adequada(s) desejo interagir? desejado 35
    • Principais conclusões1. Clareza dos Para atingir resultados satisfatórios em Inovação Aberta, é necessária clareza dos objetivosobjetivos que se pretende atingir antes da escolha da ferramenta que será utilizada Todas as ferramentas identificadas possuem limitações de escopo e fonte, o que reforça a2. Limitações das necessidade de serem estabelecidos objetivos e restrições na utilização das ferramentasferramentas de Inovação Aberta3. Complementar Considerando os diversos propósitos das ferramentas de Inovação Aberta analisadas,entre si verifica-se que elas podem assumir papéis complementares em um processo de inovação Dados o histórico consistente e os resultados comprovados, verifica-se que existem4. Parte do ferramentas de Inovação Aberta que podem constituir um componente integral doprocesso de P&D processo de P&D corporativo Além de promover a Inovação, verificou-se que as ferramentas de Inovação Aberta podem5. Promoção de ser utilizadas com sucesso para interagir com diferentes stakeholders da organização, deinterações forma a estimular o estabelecimento de novas relações e fortalecimento das existentes Dessa forma, constata-se que as principais motivações para utilização das ferramentas de6. Diversidade de Inovação Aberta são a resolução de problemas tecnológicos (complementação ao P&Dmotivações corporativo), posicionamento de marca e recrutamento de talentos O processo de seleção da ferramenta de Inovação Aberta mais adequada a cada atividade7. Metodologia de envolve diversas variáveis e pode ser facilitado por meio da criação de uma metodologiaescolha de escolha adaptada à realidade de cada empresa 36
    • De forma a complementar este estudo, estamos realizando uma enquete e gostaríamos de contar com sua participação. Responda aqui 37
    • Autores BRUNO MOREIRA bruno.moreira@inventta.net EDUARDO SEITY TOMA eduardo.toma@inventta.net GUILHERME PEREIRA guilherme.pereira@inventta.net JOÃO LUÍS PIROLA joao.pirola@inventta.net 38
    • contato@inventta.net