• Save
Turismo 2.0: A Revolução das Redes Sociais (Francesco Berrettini, Inesting)
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Turismo 2.0: A Revolução das Redes Sociais (Francesco Berrettini, Inesting)

on

  • 1,672 views

Apresentação realizada pelo CEO da Inesting, durante o Seminário Turismo 2.0: Revolução das Redes Sociais, que teve lugar em Loulé a 21 de Maio de 2010.

Apresentação realizada pelo CEO da Inesting, durante o Seminário Turismo 2.0: Revolução das Redes Sociais, que teve lugar em Loulé a 21 de Maio de 2010.

Statistics

Views

Total Views
1,672
Views on SlideShare
1,622
Embed Views
50

Actions

Likes
1
Downloads
0
Comments
2

1 Embed 50

http://www.slideshare.net 50

Accessibility

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment
  • Communication Colaboration, Education, Enterteiment ACCESS Audience Concept Competition Execution Social Media Sales Viability

Turismo 2.0: A Revolução das Redes Sociais (Francesco Berrettini, Inesting) Turismo 2.0: A Revolução das Redes Sociais (Francesco Berrettini, Inesting) Presentation Transcript

  •  
  • Turismo 2.0: A Revolução das Redes Sociais Loulé, 21 de Maio de 2010 * Francesco Berrettini
  •  
  • Turismo 2.0: A revolução das rede sociais
    • A Origem do Web 2.0
    • As possíveis causas do crescimento
    • As tipologias de Web 2.0
    • As oportunidades para o negocio
    • O futuro
  • Turismo 2.0: A revolução das rede sociais
  • Turismo 2.0: A revolução das rede sociais Facebook já é o 3º Pais do Mundo como população!
  • Turismo 2.0: A revolução das rede sociais Antes das rede sociais já existiam as newsgroups técnicas há anos…
  • A Origem do Web 2.0 Artigo “What is web 2.0” de O’Reilly em 2005 O seminário/brainstorming entre O’Reilly e a MediaLive International tinha como objectivo voltar a despertar o interesse versus o mundo digital depois da queda de internet do 2.0
  • A Origem do Web 2.0 O quadro de referencia, famoso em tudo o mundo, era o seguinte
  • Os Números do Web 2.0 Numero de produtores de conteúdos em % dos utilizadores internet
  • Turismo 2.0: A revolução das rede sociais
    • A Origem do Web 2.0
    • As possíveis causas do crescimento
    • As tipologias de Web 2.0
    • As oportunidades para o negocio
    • O futuro
  • O porquê do crescimento Somos todos “animais sociais”, com dizia Aristóteles “ As primeiras uniões entre pessoas, oriundas de uma necessidade natural, são aquelas entre seres incapazes de existir um sem o outro, …..” (Política, I, 1252a e 1252b, 13-4)”
  • O porquê do crescimento Assim sendo o nosso desejo de pertencer a Tribo é inato.
  • O porquê do crescimento Ex Colegas
  • O porquê do crescimento O Desporto
  • O porquê do crescimento Yuppies
  • O porquê do crescimento Os mafiosos
  • O porquê do crescimento Assim sendo internet permitiu o crescimento exponencial do nosso sentido de pertencer “ somos animais sociais…….digitais….”
  • O porquê do crescimento
    • Elementos que favorecem a produção de conteúdos para a multidão: crowdsourcing
    • Driver tecnológicos
    • Largura de banda
    • Tecnologia para partilhar conteúdos
    • Redução custos tecnologia vídeo, áudio, foto
    • Driver Sociais
    • Surgir de geração digital com facilidade em partilhar conteúdos digitais
    • Desejo de exprimir-se
    • Desenvolvimento de projectos colaborativos
    • Driver Económico
    • Redução custos tools para desenvolver comunidade digitais
    • Redução custos banda larga
    • Modelos de financiamento de industria dos conteúdos digitais
  • Turismo 2.0: A revolução das rede sociais
    • A Origem do Web 2.0
    • As possíveis causas do crescimento
    • As tipologias de Web 2.0
    • As oportunidades para o negocio
    • O futuro
  • As tipologias de Web 2.0
    • A nível metodológico o Web 2.0 é constituído para as seguintes categorias:
    • Horizontais
    • Verticais
    • Agregadores
    • Social Bookmaking
    • Mundo virtuais
    • Wikis
    • Blogger
    • Multimediais
  • As tipologias de Web 2.0
  • Turismo 2.0: A revolução das rede sociais
    • A Origem do Web 2.0
    • As possíveis causas do crescimento
    • As tipologias de Web 2.0
    • As oportunidades para o negócio
    • O futuro
  • As oportunidades para o negócio
    • A aproximação correcta ao social media marketing passa para a famosa lei das 3 L:
    • Learn
    • Listen
    • Locate
    • Este de facto é fazer Consumer Intelligence
    • E os 4 Pilares são CCEE
  • As oportunidades para o negócio
    • Todos falam da importância para o negócio evidenciando as características mais evidentes/soft (branding, CRM, fidelização, promoção), mas há beneficio mais hard quantificáveis:
    • SEO
    • PR online
    • Guerrilha digital
  • As oportunidades para o negócio Os Links Externos são percebidos como Votos! Um link de uma página para outra é considerado como um voto de confiança. Páginas que recebem links de qualidade são vistas como credíveis e merecedoras de bons rankings. Analogia com citações científicas: Um artigo científico é tão mais respeitado, quantas mais vezes for citado por outros artigos científicos.
  • As oportunidades para o negócio A Internet como um Concurso de Popularidade
  • As oportunidades para o negócio Os Links Externos são qualitativamente significativos. As redes sociais irão lutar para angariar os utilizadores com maior influência social. Esta influência não será apenas definida pelo número absoluto de ligações!
  • As oportunidades para o negócio
    • PR online assume assim um significado relevante:
    • Twitter
    • Blog
    • Multimedias
    • Horizontais
    • Para passar o lead, aprofundar o conhecimento, passar a componente emocional, explicar o lado humano
  • Guerrilha digital, como o Kotler já em 1968/72 escrevia no Marketing Management, o Marketing é também analisar, decidir e implementar Guerra de marketing com estratégias militares. Guerrilha digital significa ocupar o ecrã do consumidor na pesquisa para impedir a concorrência de aparecer. COMO? Com o SEO defensivo e com os Media Sociais As oportunidades para o negócio
  • As oportunidades para o negócio
  • As oportunidades para o negócio (exemplos) Trip Advisor Fundado em Fevereiro de 2000; Rede social horizontal especializada no sector do turismo; Mais de 35 milhões de visitas mensais; Mais de 1 milhão de negócios estão representados;
  • As oportunidades para o negócio (exemplos)
  • As oportunidades para o negócio (exemplos) Localyte Fundado em Agosto de 2007; Rede social horizontal onde assume o papel de “Cicerone”, guia turística os residentes. Os residente em responder a perguntas dos viajantes ganhas pontos e podem promover o próprio business local.
  • As oportunidades para o negócio (exemplos)
  • As oportunidades para o negócio (exemplos) Wikitravel Fundado em Julho 2003; Guia de viagens mundial gratuito. Adquirida no 20 de Abril 2006 pela Internet Brand Inc que gradualmente introduziu publicidade segmentada para sustentar a plataforma que tem o objectivo de ser uma guia turistica.
  • As oportunidades para o negócio (exemplos)
  • As oportunidades para o negócio (exemplos)
  • As oportunidades para o negócio (exemplos) My Travel Planner (Yahoo) Permite criar os próprio plano viagens para partilhar com os outros. Guia de viagens com publicidade contestual.
  • As oportunidades para o negócio (exemplos)
  • Turismo 2.0: A revolução das rede sociais
    • A Origem do Web 2.0
    • As possíveis causas do crescimento
    • As tipologias de Web 2.0
    • As oportunidades para o negocio
    • O futuro
  • O futuro ? Twitter já permite prever o futuro? Um estudo da HP Lab de Palo Alto de Março 2010 demonstra que social media feed podem ser efectivos indicadores da realidade. Demonstraram que a velocidade de geração dos Tweet permite prever o êxito de um filme com um precisão superior ao Hollywood Stock Exchange; com um modelo de regressão linear.
  • O futuro ?
  • O futuro ?
  • A Inesting ambiciona ser reconhecida pela capacidade de inovar e acrescentar valor actuando a partir de Portugal, mas sem limites geográficos.
  •  
  • Obrigado !
  • Inesting – Marketing Tecnológico, S.A. Francesco Berrettini [email_address] http://pt.linkedin.com/in/francescoberrettini
  •