Ciclo de palestras da JFRJ - Aplicativos Móveis
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Ciclo de palestras da JFRJ - Aplicativos Móveis

on

  • 938 views

 

Statistics

Views

Total Views
938
Views on SlideShare
938
Embed Views
0

Actions

Likes
0
Downloads
27
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Ciclo de palestras da JFRJ - Aplicativos Móveis Ciclo de palestras da JFRJ - Aplicativos Móveis Presentation Transcript

  • Sumário Definição Sistemas Operacionais Desenvolvimento Plataformas & Linguagens Lojas Online Soluções corporativas Inovações
  • DefiniçãoUm aplicativo móvel é um software desenvolvido para ser instalado em umdispositivo eletrônico móvel,como PDA(palmtop), telefone celular, tablet esmartphone. Este aplicativo pode ser instalado no dispositivo, (se for compatívelcom o aparelho) através de uma loja on-line, tais como Google Play ou App Store.Uma parte dos aplicativos disponíveis são gratuitos, enquanto outros são pagos.O número de downloads de aplicativos móveis está em forte crescimento. Estatendência está associada com a venda de smartphones, que também houve umgrande crescimento de 74% em um ano.
  •  Android é um sistema operacional baseado no núcleo Linux para dispositivos móveis, como o próprio Google Nexus One, Nexus S ou Galaxy Nexus, bem como por outros fabricantes de celulares como a HTC, Samsung, entre outros. É desenvolvido pela Open Handset Alliance, liderada pelo Google e outras empresas. Segundo a Google, mais de 200.000 telefones celulares com este sistema operacional são vendidos todos os dias.
  •  iOS (antes chamado de iPhone OS) é um sistema operacional móvel da Apple Inc. desenvolvido originalmente para o iPhone, também é usado em iPod Touch, iPad e Apple TV. A Apple não permite que o iOS seja executado em hardware de terceiros. A interface do usuário do iOS é baseado no conceito de manipulação direta, utilizando gestos em multi-toque. A interação com o sistema operacional inclui gestos como apenas tocar na tela, deslizar o dedo, e o movimento de "pinça" utilizado para se ampliar ou reduzir a imagem. Acelerômetros internos são usados por alguns aplicativos para responder à agitação do aparelho (um resultado comum é o comando de desfazer) ou rodá-la em três dimensões (um resultado comum é a mudança do modo retrato para modo paisagem).
  •  Windows RT é uma versão do sistema operacional Windows 8 projetado para rodar em dispositivos de baixa potência, utilizando a arquitetura ARM. Ao contrário de todas as outras variações do Windows 8, o Windows RT só pode ser obtido pelos usuários como software pré-carregado em dispositivos projetados por OEMs participantes, tornando-o comparável a outros grandes sistemas operacionais móveis, com exceção do Android. Embora ela não tem alguns recursos e funcionalidades em comparação com o Windows 8 para dispositivos compatíveis com Intel (tornando-o mais parecido com um sistema operacional móvel), Windows RT é projetado principalmente para aproveitar melhor a bateria. (o que tem contribuído para o seu uso comum dentro smartphones e tablets), e para aproveitar o microsoftstore ( nova loja para plataforma de aplicativos (que é a única maneira de obter um software de terceiros no neste sistema operacional). [1] dispositivos Windows RT também se distinguem pela inclusão de uma versão especial do Office 2013 otimizado para ser executado de forma mais eficiente em um ambiente de baixo consumo de energia. A Microsoft lançou oficialmente o Windows RT unto com o Windows 8 em 26 de outubro de 2012.
  • O Windows Mobile é um sistema operacional compacto, desenvolvido para rodar em dispositivos móveis como Pocket PCs, Smartphones e Aparelhos de multimídia em geral. Projetado para ser capaz de realizar boa parte do que é possível em uma versão PC do Windows, o sistema vem com um conjunto de aplicações básicas bem conhecidas no mundo dos PCs, tais como o Word, Excel, PowerPoint, Windows Media Player Pocket.
  •  BlackBerry OS é um sistema operacional móvel de código fechado desenvolvido pela empresa canadense Research In Motion especialmente para os modelos de celulares da empresa, os Blackberry. Sua última versão estável é a 6.0, lançada em Agosto de 2010. O sistema foi desenvolvido na linguagem C++, e suporta aplicativos em Java
  •  Symbian é um sistema operacional móvel (OS) e plataforma de computação, projetado para smartphones, sob conduta da Nokia é mantido pela Accenture desde 22 de junho de 2011. A plataforma Symbian é o sucessor do Symbian OS
  • Distribuição dos SO’s• 1. Google - Android (45%)• 2. Apple - IOS (22%)• 3. Microsoft - WP7/Windows Mobile (8%)• 4. Black Berry - RIM (8%)• 5. Nokia - Symbian (2%)• 6. Java ME - (2%)
  • A habilidade de criar um aplicativo e o fazer ―magicamente‖funcionar em todos os aparelhos móveis não está disponível nomomento, apesar de existirem várias empresas trabalhando duropara chegar lá. Enquanto isso, existem duas abordagensdiferentes, com uma terceira a caminho.Uma delas é oferecer um ―driver‖para cada telefone que ofereceacesso a, por exemplo, acelerômetro e GPS a partir de linguagenscomo JavaScript, Ruby e Python. Dessa maneira, um desenvolvedorpode escrever o aplicativo em uma linguagem (juntamente comHTML e CSS), que pode ser executado em todos os telefones que têmo ―driver‖.Outra é escrever o aplicativo em uma linguagem e, então, o―traduzir‖ para outras linguagens que podem ser usadas em outrostelefones. O desenvolvedor então criaria o aplicativo (p.e. para oiPhone) e o executaria através de uma ferramenta para produzirversões que podem ser executadas em outras plataformas.
  • Um dos maiores obstáculos ao se desenvolveraplicativos móveis hoje é o número de diferentesaparelhos de telefone que devem ser suportados.Apesar de o iPhone ser a mais popularplataforma para aplicativos atual, não é maissuficiente ter suporte só para ele. O Android éum competidor valioso, e o iPad apresentadiferentes opções e possibilidades que muitasvezes garantem o desenvolvimento de suaprópria experiência em aplicativos. Paraoferecer, verdadeiramente, uma ofertamóvel, você também deve suportar Symbian,Blackberry, Windows Mobile e Palm apenas paracobrir os smartphones mais usados. Mas comovocê desenvolve para múltiplas plataformas?
  •  RED FOUNDRY - Red Foundry fornece uma solução completa para a construção e gerenciamento de aplicações móveis nativas. Sem programação, a nossa plataforma unificada permite tudo, desde impressionantes aplicativos móveis baseadas em conteúdo até soluções empresariais poderosas, reduzindo o ciclo de desenvolvimento do aplicativo móvel de meses para dias. VIZIAPPS - ViziApps é um serviço online para o desenvolvimento de aplicativos móveis nativos. ViziApps permite-lhe criar e implantar aplicativos móveis nativos sem programação, com 1/10 do custo e 1/10 do tempo quando comparado com outras soluções e aplicativos BIZNESS APPS - um proprietário de um site pode começar por escolher um modelo específico da indústria, de entre os modelos existentes como restaurantes, bares, academias, entre outros. RUNREV LIVE CODE -recurso incrivelmente rico, profundo, contando com mais de 2000 recursos para criar um projeto sofisticado. LiveCode dá- lhe liberdade para fazer distribuição livre, sem nenhuma taxa, sem taxas de hospedagem e sem assinaturas obrigatórias.
  • PerformanceBoa parte dos aplicativos cliente já está carregada no aparelho: a camada visual, imagens, textos- padrão, tabelas, enfim, toda a aparência do sistema é fixa no cliente. O que trafega pela rede são apenas as informações necessárias para popular o aplicativo. Geralmente essas informações são textos simples e trafegam muito rápido pela rede. Em uma abordagem Web, todas as informações necessárias para cada tela devem ser baixadas do servidor para o dispositivo. A cada requisição é necessário fazer o download de tudo novamente. Além de ser mais lento, custa mais caro para o usuário, que paga pelo tráfego adicional de dados. Nesse quesito, ponto para os aplicativos cliente.Usabilidade Apesar dos navegadores para mobile estarem evoluindo rapidamente, o conjunto de recursos da linguagem HTML limita muito a usabilidade das aplicações baseadas em Web. Especialmente quando se fala em interatividade, ainda são poucos e bem restritos os elementos de interface disponíveis para HTML mobile: caixas de seleção e escolha, pop-ups, alertas, tabelas e alguns poucos outros.O ponto principal para adoção ou não de aplicativos móveis é a usabilidade – eles devem ser extremamente simples, para qualquer usuário acostumado com os recursos do aparelho. Se o usuário tiver alguma dificuldade de uso na primeira tentativa, as possibilidades de haver uma segunda chance são pequenas. Atenção especial a isto. Usabilidade traz mais um ponto para aplicativos cliente.Segurança As necessidades mais comuns de aplicações corporativas para plataformas móveis envolvem, de alguma forma, expor informações de sistemas internosAplicativos cliente apresentam características de segurança mais interessantes. Tem-se controle sobre a distribuição. Para quem usa e instala o aplicativo, as informações podem ser criptografadas para envio e descriptografadas no cliente. Assim, seus sistemas não ficam expostos para toda a Internet – apenas os clientes terão acesso aos serviços.
  • Recursos do aparelho A cada dia mais recursos tecnológicos vêm equipando os modelos de smartphones: poderosas câmeras fotográficas e filmadoras, GPS, bússola, tocadores de músicas e vídeos. Com tantas ferramentas disponíveis, faz todo o sentido utilizá-las de forma integrada a seus aplicativos.A realidade, porém, é que apenas aplicações cliente têm capacidade de interagir com esses recursos, uma vez que dependem de APIs oferecidas pelos sistemas operacionais para realizar esse tipo de integração. Aplicações via web não têm essa capacidade, por limitações da própria linguagem de desenvolvimento e por questões de segurança, que limitam o acesso dos navegadores ao sistema operacional.Se você precisa integrar recursos de hardware do aparelho aos seus sistemas, o único caminho é com aplicativos cliente.Plataformas de desenvolvimento Cada sistema operacional – iPhone, Symbian, Blackberry, Android e Windows Mobile – tem linguagens e ferramentas de desenvolvimento específicas. Isto significa que uma aplicação cliente desenvolvida para um sistema operacional não funciona em outro.Sim, para cada sistema operacional, uma aplicação! Aplicações web são mais genéricas – todos os sistemas operacionais têm navegadores com capacidade de acessá-las, e a variação entre fabricantes e sistemas operacionais ocorre basicamente no tamanho e na resolução de tela. Apesar de algumas deficiências, podemos dizer que uma aplicação web funciona para todos os dispositivos, e este é o seu principal benefício.
  • A nova maneira de criar aplicativos está surgindo através do HTML 5, que é uma grandeextensão das especificações HTML atuais e que, entre outras coisas, poderia oferecer APIsdiretas para GPS e outros recursos móveis específicos. O principal problema do HTML 5 é queo padrão ainda não foi finalizado, e poucos telefones o suportam. Quando ele se tornarlargamente suportado, no entanto, você poderá, teoricamente, criar um aplicativo que seráexecutado em todos os telefones e browsers (que suportam HTML5).Prós e contrasExistem prós e contras para ambas as opções atuais e futuras. As principais vantagens emusaressas tecnologias são velocidade de entrada no mercado e fácil manutenção de um aplicativoem vez de múltiplos aplicativos. Outras vantagens são visual e sentido uniformes em todos osdispositivos, suporte para layout flexíveis (usando HTML e CSS, pelo menos) e uso detecnologias conhecidas. Ainda não é fácil encontrar ótimos desenvolvedores para dispositivosmóveis, mas é muito fácil achar bons desenvolvedores web que estão familiarizadoscom HTML, CSS, JavaScript, Ruby, Python e outras linguagens.A principal desvantagem, além de não suportar todas as plataformas, é que você ficarestrito ao que o ―driver‖ e o ―tradutor‖ são capazes de lidar. Você provavelmente não serácapaz de acessar o armazenamento local (isso será parte do HTML5), Bluetooth, Wi-Fi ousimilares que não estiverem acessíveis em todos os telefones. Existe também a questão daperformance, uma vez que o código (seja traduzido ou escrito em uma linguagem que precisaserinterpretada) pode não ser otimizado para um determinado telefone.
  •  J2ME (Java 2 Micro Edition): Mantida pela Sun, J2ME é a plataforma Java direcionada para dispositivos com recursos de hardware e software limitados. É suportado pela grande maioria dos aparelhos, pois, basta que o aparelho possua uma JVM (Java Virtual Machine) que atenda as especificações da Sun instalada para que ele possa executar aplicativos na linguagem J2ME. É uma plataforma gratuita, com diversas IDEs (Integrated DevelopmentEnvironment) disponíveis.É a plataforma mais popular e suportada pela maior quantidade e diversidade de aparelhos
  • BlackBerry: Os aparelhos BlackBerry são desenvolvidospela RIM (Research In Motion) e possuem um sistemaoperacional próprio, o BlackBerry OS. Também possui a suaprópria linguagem de desenvolvimento, que na verdade éuma Linguagem Java modificada criada pela RIM para que odesenvolvedor possa explorar melhor os recursos doaparelho..NET Compact Framework: Plataforma nativa do sistemaoperacional Windows Mobile da Microsoft. Odesenvolvimento de seus aplicativos é feito na linguagemC# utilizando a ferramenta Visual Studio, também daMicrosoft.Oferece um bom suporte ao desenvolvedor e é simples dese trabalhar devido às facilidades oferecidas pelo VisualStudio. Porém é suportada apenas por aparelhos quepossuem o sistema operacional Windows Móbile. Apesardesta limitação, a quantidade de aparelhos com estesistema tem crescido consideravelmente e tende a continuarcrescendo, tendo em vista a força e influencia da Microsoft.
  • iPhone: Possui sua própria plataforma de desenvolvimento e suporta apenas aplicativos desenvolvidos na linguagem Objective C, utilizando o iPhone SDK. O Objective C é uma linguagem orientada a objetos variante do C utilizada principalmente para desenvolver aplicativos para os sistemas da Apple, como o iPod, iPhone e o Mac OS.Iniciar o desenvolvimento para iPhone é um pouco mais penoso e caro, pois além de ser uma linguagem que não está entre as mais comuns, é necessário ter um computador Mac ,pois o iPhone SDK não possui versões para Windows ou Linux. Porém, apesar do grande número de aplicativos existentes e do custo para iniciar o desenvolvimento, há uma crescente demanda por profissionais que desenvolvam para iPhone e tornar-se desenvolvedor iPhone pode ser um bom negócio.
  • Android: É um sistema operacionaldesenvolvido pelo Google e odesenvolvimento dos seus aplicativos é feitona linguagem Java combinada com XMLutilizando o Android SDK, ferramentadesenvolvida e distribuida pelo Google.
  •  OviStore - Nokia (Symbiam OS) Google Play - Android Apple Store - iOs Microsoft Store – Windows RT/8
  •  Um dos tópicos favoritos nas discussões entre fãs de Android e iOS é a quantidade de aplicativos existentes em cada loja virtual. No entanto, o argumento preferido dos fãs da Apple sobre a suposta superioridade da App Store pode ter finalmente chegado ao fim, pois a Google anunciou que a Play atingiu a mesma quantidade de programas disponíveis para download. De acordo com a empresa, a loja acaba de alcançar a marca de 700 mil apps, ou seja, a mesma quantidade anunciada pela Apple na semana passada. Com isso, as concorrentes se igualam nesse aspecto, o que deve deixar a disputa dos dois sistemas operacionais ainda mais acirrada. A estratégia da Google é clara. A grande variedade de aplicativos existente para o iOS sempre foi um dos motivos que faziam o consumidor tender para dispositivos como o iPhone. A ideia de reforçar que essa diferença não existe mais é uma ótima maneira de mostrar que o Android também está em pé de igualdade em termos de volume de jogos, utilitários e demais programas
  • Criar iniciativas internas, apoiando os usuários a darsugestões de suas próprias soluções e assim desenvolveraplicativos compatíveis ao sistema corporativo.Não ser pessimista e nem otimista ao extremo.Provavelmente durante muito tempo existirãoPCs, laptops, smartphones e tablets. Alguns funcionáriosdeixarão de usar laptops e PCs, mas outros continuarão ausá-los. Considere um ambiente heterogêneo.Não ignorar a necessidade de novas tecnologias. Os seusdesenvolvedores tem fluência em HTML5, Android e iOS?Existem tecnologias de organização? A sua equipe estádevidamente preparada para este novo mundo?
  • App Receita Federal
  • Novo aplicativo Saúde para smartphone
  •  A SulAmérica acaba de lançar o aplicativo do SulAmérica Saúde. Com o objetivo de tornar mais ágil o acesso às informações referentes ao plano de saúde, o aplicativo disponibiliza diversos serviços na palma da mão. Entre eles está o cartão digital de saúde. Além da opção no formato tradicional (em cartão), o segurado pode obter os dados do produto no próprio aplicativo o que evita imprevistos como o esquecimento da identificação, uma vez que dificilmente o celular é esquecido. O aplicativo da SulAmérica também disponibiliza a consulta a rede de mais de 25 mil prestadores médicos em todo o País. Além de identificar o médico, clínica ou hospital de interesse, é possível selecionar o profissional de saúde ou o estabelecimento médico por geolocalização. Isso por que o aplicativo localiza a rede de prestadores no entorno do local em que o segurado está. E ainda é possível obter informações sobre o crédito em conta corrente do reembolso, desconto de até 50% em medicamentos e rede de farmácias cadastradas, entre outras informações úteis para o segurado, como os canais de atendimento disponíveis pela companhia e os links de acesso aos sites da seguradora. O aplicativo pode ser adquirido gratuitamente nas lojas de aplicativos do iPhone ou Android.
  • Disponível na América Latina e no Caribe, o FedEx Mobile permite que osclientes consultem o status de suas remessas, encontrem a estação oubalcão de coleta FedEx, o Centro Autorizado de Envio FedEx ou o Centro deServiço Mundial FedEx mais próximo e obtenham tarifas de envios e outrasinformações — tudo bem ali, em seus dispositivos móveis. O FedEx Mobilepode ser acessado via internet móvel no http://m.fedex.com por qualquerdispositivo com acesso à internet. Além disso, os usuários do iPhone e doBlackberry podem baixar o aplicativo FedEx Mobile.―A FedEx tem sido pioneira no lançamento de sistemas de rastreamentoonline, que permitem aos clientes acompanhar o status de umaencomenda‖, diz Cliff Deeds, diretor de Experiência deCliente, Serviço, Tecnologias e Comunicação Corporativa da FedEx. ―Àmedida que a indústria móvel evolui, os usuários passam a recorrer cada vezaos dispositivos móveis para fazer transações e obter informações online.Para ter acesso ao serviço, os clientes precisarão de uma conta de usuário esenha no fedex.com. A FedEx possui uma solução automatizada parapraticamente todos os passos do processo de envio. As soluçõesautomatizadas da FedEx são criadas para simplificar as transações deenvio, seja o usuário uma pequena empresa ou um empreendimento degrande porte.
  •  Segundo um estudos já são 466 mil empregos gerados no país desde 2008. Em 2007, esse número ainda era igual a zero. De lá pra cá, 155 mil pessoas começaram a trabalhar com o desenvolvimento e suporte técnico a aplicativos, enquanto outros 311 mil funcionários especializados em tecnologia, marketing e design também encontraram lugar no mercado. O estudo leva em conta os postos gerados por aplicativos tanto do Android, quanto iOS, BlackBerry, Windows Phone e Facebook. O número, apesar de surpreendente, não guarda nenhum mistério. Muitos aplicativos exigem uma equipe de trabalhadores como programadores, designers de interface, suporte e gerenciamento. Além dos desenvolvedores autonômos, muitas empresas focadas em apps mobile surgiram nesses últimos anos,além de outras grandes empresas que dedicaram grande atenção a esse mercado como a Electronic Arts, Gameloft, Amazon e gigantes como Google, Apple e Facebook.
  • Desenvolvimento de Aplicativos móveis = Rentabilidade
  • Obrigadopela atenção!