Aula da Disciplina "Marcas em um Mundo Colaborativo II" do i-MBA em Gestão de Negócios, Mercados e Projetos Interativos - Professora Aline Sordili - Parte 1/3
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Aula da Disciplina "Marcas em um Mundo Colaborativo II" do i-MBA em Gestão de Negócios, Mercados e Projetos Interativos - Professora Aline Sordili - Parte 1/3

on

  • 427 views

Aula da Disciplina "Marcas em um Mundo Colaborativo II" do i-MBA em Gestão de Negócios, Mercados e Projetos Interativos - Professora Aline Sordili - Parte 1/3

Aula da Disciplina "Marcas em um Mundo Colaborativo II" do i-MBA em Gestão de Negócios, Mercados e Projetos Interativos - Professora Aline Sordili - Parte 1/3

Statistics

Views

Total Views
427
Views on SlideShare
357
Embed Views
70

Actions

Likes
0
Downloads
7
Comments
0

2 Embeds 70

https://blog.appbistro.com 47
http://blog.appbistro.com 23

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment
  • For years the so-called experts have been predicting the rise of mobile marketing. Finally, the experts are sounding somewhat correct. That’s because Apple continues to launch new platforms like the iPad that make the mobile a more attractive user experience. Mobile marketing no longer means creating awkward direct-response text messages. Mobile marketing means creating a fun, engaging experience like what Polo Ralph Lauren did with its Make-Your-Own Rugby application in 2009. With Google and Apple moving forcefully into mobile advertising with their purchase of mobile ad networks, and Apple’s announcements around iAd, the mobile landscape will quickly change. Both companies have the ability to change both the ad experience, and start to connect together the user information so that it can be tied to meaningful activities. We are watching Google and Apple closely in the mobile space, and intend to test new ad platforms and measurement systems as they come on line.  You can also expect the surging popularity of FourSquare to generate more real spend on mobile marketing, more in the form of direct response marketing – more pinpointed and relevant because it is location-based.
  • We are seeing more and more of our clients invest in video advertising as well as other forms of rich media. We expect more and more dollars and impressions to move into video in 2010, particularly as analog dollars move to digital. It will be crucial for brands to understand the true value of video ads – valuations which may be very different from what ad buys cost on TV. For instance, the currency of offline video – the GRP and TRP – are much less relevant in the digital space where actual rather than estimated exposures and views can be counted and subsequent actions can be measured. Until analog becomes more precise and/or a more common language is found, evaluating online and offine video will continue to be a challenge. In addition, when digital video becomes more interactive, and less like a 30-second TV spot, we expect to see more focus on it. MillerCoors is a company that knows how to employ video. To support the roll-out of the cold-activated can I mentioned earlier, MillerCoors worked with Razorfish to create a number of videos of scientists doing goofy experiments with their cold-activated cans – which appeals to the male consumers important to our client. The videos on the site are driving engagement. The average time spent on the videos is just over 3 minutes, which exceeds dwell time for any other videos we have created for Coors Light in 2009.
  • Twitter advertising is a work in progress. Have you noticed any exciting sponsored Tweets lately? Did not think so. But Twitter is a lot more than an advertising platform. Smart brands have been discovering its value to service customers, broadcast content, and offer deals to brand loyalists (defined as people on Twitter who follow your brand). In fact, we did some separate consumer research in 2009 that revealed people like to follow brands on platforms like Twitter and Facebook because they expect special deals, like what Dell provides via Twitter. Forget what people tell you about brands not belonging on Twitter. Companies like Whole Foods are taking over Twitter, and consumers are happily going along. As of May 2010, Whole Foods has 1.7 million followers.
  • Many of our clients aspire to be stronger global marketers. They have heard it said before – “think globally, act locally.” But we think global marketers needs to go a step further by immersing themselves in the increasingly sophisticated and fragmented digital micro-markets around the world. Let’s look at one of those micro-markets – Brazil, an increasingly powerful and digitally savvy consumer base that is crucial to the future of global players like Nike. From a digital perspective, Razorfish sees a big megatrend in Brazil: Almost 70 million people – the largest socioeconomic block in the nation -- are becoming upwardly mobile and are about to swell the country’s previously anemic middle class. In the past, Classe C -- as they are known in Brazil -- was believed by digital marketers to be on the wrong side of the Digital Divide. Today, digital brands ignore Classe C at their peril. In the next 18 months, almost half of them will buy computers and smartphones -- and with that they will jump definitively across the Digital Divide. Brazil is already the world’s leader in usage of email, IM, and time spent with social media, and in 2010, understanding how to connect online with Classe C should be at the top of the marketer’s agenda.   Razorfish is now launching research into Classe C that we will announce later in 2010.

Aula da Disciplina "Marcas em um Mundo Colaborativo II" do i-MBA em Gestão de Negócios, Mercados e Projetos Interativos - Professora Aline Sordili - Parte 1/3 Aula da Disciplina "Marcas em um Mundo Colaborativo II" do i-MBA em Gestão de Negócios, Mercados e Projetos Interativos - Professora Aline Sordili - Parte 1/3 Presentation Transcript

  • I-MBA Marcas em um Mundo ColaborativoGestão de Negócios, Mercados e Projetos Interativos Aline Sordili Marcas em um Mundo Colaborativo Aline Sordili
  • I-MBA Marcas em um Mundo ColaborativoGestão de Negócios, Mercados e Projetos Interativos Aline Sordili Pausa para Reflexão Durante os próximos 5 minutos, cada espaço educacional deverá discutir e listar 2 tópicos relacionados ao tema da aula que gostaria que não fosse deixado de ser abordado durante a aula. •Por favor, postem os tópicos no chat. Tempo: 5 mins. 2
  • I-MBA Marcas em um Mundo ColaborativoGestão de Negócios, Mercados e Projetos Interativos Aline Sordili M O B IL E M A R K E T IN G C HEG OU, F IN A L M E N T E – G R A Ç A S A APPLE.Fonte: Razorfish Outlook Report 2010 3
  • I-MBA Marcas em um Mundo ColaborativoGestão de Negócios, Mercados e Projetos Interativos Aline Sordili M A R K E T E IR O S I N V E S T I R M A IO VÃ S E M V ÍD E O S P A R A O D IG IT A LFonte: Razorfish Outlook Report 2010 4
  • I-MBA Marcas em um Mundo ColaborativoGestão de Negócios, Mercados e Projetos Interativos Aline Sordili AS MARC AS TÃ M VO O A R O T W IT T E R.Fonte: Razorfish Outlook Report 2010 5
  • I-MBA Marcas em um Mundo ColaborativoGestão de Negócios, Mercados e Projetos Interativos Aline Sordili M A R C A S G L O B A IS A P R E N D E N D T ÃA ES O O P E N S A R E A G IR L O C A L M E N TE 6
  • I-MBA Marcas em um Mundo ColaborativoGestão de Negócios, Mercados e Projetos Interativos Aline Sordili • Como encontrar vários clientes e oferecer produtos e ofertas relevantes? • Essa é uma oportunidade! • O que faz sentido para a sua marca?
  • I-MBA Marcas em um Mundo ColaborativoGestão de Negócios, Mercados e Projetos Interativos Aline Sordili
  • I-MBA Marcas em um Mundo ColaborativoGestão de Negócios, Mercados e Projetos Interativos Aline Sordili Lon Safko 5P’s das mídias sociais • Perfil • Propagar • Produzir conteúdo • Participar • Progredir
  • I-MBA Marcas em um Mundo ColaborativoGestão de Negócios, Mercados e Projetos Interativos Aline Sordili Exercício 1 • Escolha um produto e aplique os 5 P´s nele 10
  • I-MBA Marcas em um Mundo ColaborativoGestão de Negócios, Mercados e Projetos Interativos Aline Sordili
  • I-MBA Marcas em um Mundo ColaborativoGestão de Negócios, Mercados e Projetos Interativos Aline Sordili
  • I-MBA Marcas em um Mundo ColaborativoGestão de Negócios, Mercados e Projetos Interativos Aline Sordili
  • I-MBA Marcas em um Mundo ColaborativoGestão de Negócios, Mercados e Projetos Interativos Aline Sordili
  • I-MBA Marcas em um Mundo ColaborativoGestão de Negócios, Mercados e Projetos Interativos Aline Sordili
  • I-MBA Marcas em um Mundo ColaborativoGestão de Negócios, Mercados e Projetos Interativos Aline Sordili
  • I-MBA Marcas em um Mundo ColaborativoGestão de Negócios, Mercados e Projetos Interativos Aline Sordili
  • I-MBA Marcas em um Mundo ColaborativoGestão de Negócios, Mercados e Projetos Interativos Aline Sordili O que fazer
  • I-MBA Marcas em um Mundo ColaborativoGestão de Negócios, Mercados e Projetos Interativos Aline Sordili Humanize a sua interface com o internauta, o usuário • DICAS DE DANAH BOYD, SACERDOTISA DE REDES SOCIAIS, COMO FOI CHAMADA PELO THE NEW YORK TIMES • 1. O contato pessoa-a-pessoa é mais eficiente que pessoa-empresa. Investa em porta-vozes da marca; • 2. Crie um ambiente em que os consumidores palpitem à vontade; • 3. Conheça os perfis e preferências dos consumidores de sua marca, pois quanto mais informações, melhor a interação; • 4. Aposte em um nicho de mercado: não envie notícias de um produto para quem não teria interesse em comprá-lo; • 5. O boca-a-boca é um instrumento poderoso nas redes. Se alguém começa a falar de você, é bem provável que o comentário se alastre rapidamente. Se falar mal, será geometricamente mais devastador.
  • I-MBA Marcas em um Mundo ColaborativoGestão de Negócios, Mercados e Projetos Interativos Aline Sordili Mãos à obra! • Passo 1: – Jogue toda a sua inocência e verdades absolutas fora; • Passo 2: – Descubra qual é a sua reputação na web; • Passo 3: – Planeje ações diferentes para cada rede, pois plataforma é única e pode atrair usuários totalmente diferentes ou com atividades distintas em cada uma; • Passo 4: – Não apenas fale. Engaje-se com pessoas; • Passo 5: – Mensure resultados; • Passo 6: – Permaneça na web de forma consistente.
  • I-MBA Marcas em um Mundo ColaborativoGestão de Negócios, Mercados e Projetos Interativos Aline Sordili As regras precisam ser claras • Se você tem um site extremamente interativo, os termos de uso precisam ser muito claros e detalhados. Por exemplo: – Solicitar ao provedor que remova um blog, vídeo ou outra iniciativa, pode parecer censura; – não use softwares automatizados para se “relacionar” com as pessoas; – não deixe de responder às questões dos internautas, pois em pouco tempo a empresa pode parar no topo dos resultados de busca ou nos trending topics
  • I-MBA Marcas em um Mundo ColaborativoGestão de Negócios, Mercados e Projetos Interativos Aline Sordili O que você quer com isso? • O objetivo é conseguir diálogos positivos sobre a empresa e seus produtos; • A internet é baseada em influência não em controle. Não se pode controlar o que dizem, mas se pode tentar convencer e, principalmente, ouvir e ponderar; • Todos os relacionamentos de negócios on- line dependem inteiramente deste tipo de influência.
  • I-MBA Marcas em um Mundo ColaborativoGestão de Negócios, Mercados e Projetos Interativos Aline Sordili Espaços dos usuários • Facebook • Twitter • Orkut • Sites • Blogs • Pinterest • Empresas foram obrigadas a ir atrás dos usuários nos meios digitais. • E os perfis ficaram mais completos, e complexos, graças ao amado e temido cadastro
  • I-MBA Marcas em um Mundo ColaborativoGestão de Negócios, Mercados e Projetos Interativos Aline Sordili • Outros buracos relevantes Blog corporativo • Twitter • Participação em concursos • Cupons • Promoções • Jogos executados • Vídeos vistos • Inclusão de imagens, vídeos etc. pelo usário • Votações • Mensagens recebidas no Fale conosco e mensagens enviadas (boletins, atualizações, e-mails, alertas) • Convites enviados • Itens postados • Comentários • Adição de amigos • Tópicos ou fóruns criados • Quantidade de membros de grupos ou fãs • Compartilhamentos • Acessos ao RSS
  • I-MBA Marcas em um Mundo ColaborativoGestão de Negócios, Mercados e Projetos Interativos Aline Sordili Facebook • Mesmo com a popularização, o Facebook é visto como um ‘Orkut de rico’, mais complexo e mais sofisticado, porém com grande aceitação. • Criar a página oficial no Facebook. • Essas comunidades são o alvo perfeito para divulgarmos novidades e testarmos teasers.
  • I-MBA Marcas em um Mundo ColaborativoGestão de Negócios, Mercados e Projetos Interativos Aline Sordili
  • I-MBA Marcas em um Mundo ColaborativoGestão de Negócios, Mercados e Projetos Interativos Aline Sordili Twitter • O Twitter é a rede social mais badalada e influente do momento; • Criar o @perfil: a página é a empresa, sabe tudo, tem vibração, é informal e descolado; • É um personagem digital que sabe tudo e contará o que é exclusivo e pode ser contado; • Neste perfil do Twitter, siga seus consumidores- usuários e dar voz a eles. Retuite!
  • I-MBA Marcas em um Mundo ColaborativoGestão de Negócios, Mercados e Projetos Interativos Aline Sordili
  • I-MBA Marcas em um Mundo ColaborativoGestão de Negócios, Mercados e Projetos Interativos Aline Sordili Orkut • O Orkut é “quantidade”: quanto mais, melhor. Mas é preciso ter uma Comunidade Oficial, sem impedir as outras. • A melhor política seria chamar os moderadores de comunidades similares e convidá-los a participar da nossa. • No Orkut, vamos AGREGAR o que já existe, em termos comunitários: • comunidades, jogos e aplicativos.
  • I-MBA Marcas em um Mundo ColaborativoGestão de Negócios, Mercados e Projetos Interativos Aline Sordili
  • I-MBA Marcas em um Mundo ColaborativoGestão de Negócios, Mercados e Projetos Interativos Aline Sordili Pinterest • O Pinterest não substitui as redes existentes. Ele oferece ferramentas e funcionalidades complementares; • Auto-expressão visual; • Curiosidades; • De fácil curadoria; • Senso de comunidade; • Não há anúncios por enquanto; • É fácil de usar; • Pode de viralização.
  • I-MBA Marcas em um Mundo ColaborativoGestão de Negócios, Mercados e Projetos Interativos Aline Sordili • Crescer viralmente o conteúdo: fácil compartilhar e publicar; • Pessoas usam o Pinterest para seguir temas que amam; • Usar como focus group; • Leva tráfego para o seu site;
  • I-MBA Marcas em um Mundo ColaborativoGestão de Negócios, Mercados e Projetos Interativos Aline Sordili