Avc
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Avc

on

  • 1,718 views

 

Statistics

Views

Total Views
1,718
Views on SlideShare
1,718
Embed Views
0

Actions

Likes
0
Downloads
16
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Avc Avc Presentation Transcript

  • SOLTEIROS
    SOFREM
    MAIS DERRAME!
  • ESTUDOS ISRAELENSE AFIRMA QUE RISCO TAMBÉM SERIA MAIOR PARA HOMENS
    COM CASAMENTOS INFELIZES.
  • Homens solteiros e com casamentos infelizes têm mais chances de sofrer um acidente vascular cerebral (AVC), seguido de morte, sugere o estudo israelense IschemicHeartDisease, apresentado no congresso internacional da American , apresentado no congresso internacional da AmericanStrokeAssociation. A pesquisa avaliou mais de dez mil homens desde 1963.
    View slide
  • Depois de levar em conta outros fatores de risco de derrame, os homens solteiros tinham 64% mais chances de sofrer um AVC fatal nas três décadas seguintes, se comparados aos homens casados.
    View slide
  • O risco de derrame fatal era semelhante naqueles que se diziam infelizes com o casamento.
  • Um total de 8,4% dos homens que eram solteiros em 1963 ( que nunca haviam se casado ou que eram viúvos ou divorciados) morreram de derrame ao longo desses 34 anos, em comparação com 7,1% dos casados.
  • De acordo com estimativas do Ministério da Saúde, o derrame é a principal causa de morte em todas as regiões do país e, dos pacientes que sobrevivem, 50% ficam com algum grau de comprometimento.
    OUTROS FATORES DE RISCO
    Estudos apontam que pessoas que sofrem regularmente de enxaqueca também correm mais riscos de sofrer um AVC. Outro fator de risco que não deve ser descartado é a hipertensão.
  • A doença que atinge 30% da população adulta brasileira, está presente em 80% dos casos de derrame.
  • O QUE É A DOENÇA?
    Acidente vascular cerebral ou AVC, mas conhecido como derrame, ocorre devido à deficiência de irrigação de sangue no cérebro. Os principais fatores de risco são hipertensão arterial, excesso de colesterol e triglicerídeos, hábitos de fumar e diabetes, consumo de álcool, vida sedentária e obesidade.
  • Fluxo sanguíneos normal
    A forma mais comum é o AVC isquêmico. Este é causado quando um coágulo bloqueia ou prejudica fluxo sanguíneo .
    Coágulo
    Outro tipo é o Hemorrágico,
    quando os vasos se rompem.
    Hemorragia
  • Sem oxigênio e nutrientes, as células nervosas morrem e a parte do corpo controlada por elas deixa de funcionar. Algumas sequelas são permanentes e há risco de morte.
    O derrame pode afetar as áreas do cérebro
    responsáveis pelos
    movimentos básicos
    e a fala, por exemplo.
  • Principais Sintomas
    Fraqueza ou dormência na face, nos braços ou nas pernas, geralmente atingindo um dos lados do corpo.
    Dificuldade para articular as palavras ou de compreensão.
  • Dificuldade súbita ou transitória de enxergar com um ou ambos os olhos.
    Dificuldade de caminhar, tontura, perda de equilíbrio ou da coordenação.
    Dor de cabeça súbita ou intensa, sem causa conhecida.
  • Calor eleva riscos de se ter um AVC.
    Com os termômetros batendo recordes neste verão, o cuidado com a saúde deve ser redobrado. Estudos do americano Eugene Rogot apontam que, quanto mais alta a temperatura, maiores são as chances de se sofrer um derrame cerebral.
  • Isso acontece porque o calor provoca desidratação, arritmias cardíacas,vasodilatação
    plaquetária, diminuição da pressão arterial, entre outros fatores que, quando combinados, podem ser um estopim para o surgimento do problema.
  • O neurologista Rubens José Gagliardi, vice presidente da Academia Brasileira de Neurologia, orienta a evitar o consumo de carne vermelha e a manter uma boa ingestão de líquidos.