Your SlideShare is downloading. ×
Adolescencia na perspectiva da Saúde
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Adolescencia na perspectiva da Saúde

3,530
views

Published on

Como lidar com a Adolescência

Como lidar com a Adolescência

Published in: Health & Medicine

0 Comments
2 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total Views
3,530
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
137
Comments
0
Likes
2
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Entendendo a
  • 2. Adolescência
  • 3. na Perspectiva
  • 4. da Saúde
    Dra. Therezinha de Jesus Cruz
  • 5.
  • 6.
  • 7. Adolescência
    • Adolescência:
    É uma etapa do desenvolvimento humano caracterizada por intenso crescimento e desenvolvimento biopsicossocial.
  • 8. Atenção Integral à Saúde do Adolescente (Herrera)
    • Facilitar o acesso;
    • 9. Ênfase na promoção e prevenção;
    • 10. Equipe multidisciplinar com responsabilidades bem definida;
    • 11. Participação efetiva dos adolescentes e jovens;
    • 12. Integração em todos os níveis de atenção.
  • Princípios Fundamentais no Atendimento ao Adolescente
    Ética
    Privacidade
    Confidencialidade
    Autonomia
  • 13. Mudanças Físicas na Puberdade
    A puberdade masculina geralmente é mais tardia do que a feminina e leva de 5 a 6 anos para se completar.
    Ilustração de Claudius Ceccon, do livro
    “Saúde, Vida, Alegria! Mensagens Ilustradas”, 1998
  • 14. Mudanças Físicas na Puberdade
    Marshall e Tanner
    • Estirão puberal
    • 15. Desenvolvimento das gônadas
    • 16. Características sexuais secundárias
    • 17. Modificação da composição corpórea
  • Mudanças Físicas na Puberdade
    Desenvolvimento dos sistemas circulatório e respiratório
    A puberdade feminina leva de 4 a 5 anos para se completar.
    Ilustração de Claudius Ceccon, do livro
    “Saúde, Vida, Alegria! Mensagens Ilustradas”, 1998
  • 18. Síndrome da Adolescência Normal
    Aberastury e Knobel
    • Busca de si mesmo e da identidade
    • 19. Separação progressiva dos pais
    • 20. Tendência grupal
    • 21. Necessidade de intelectualizar e fantasiar
    • 22. Crises religiosas
  • Síndrome da Adolescência Normal
    Aberastury e Knobel
    • Vivência temporal singular;
    • 23. Atitude social reivindicatória;
    • 24. Manifestações contraditórias de conduta;
    • 25. Flutuações do humor
    • 26. Evolução da sexualidade
  • Cronologia da adolescência
  • 27. Adolescências e Juventudes
    Sociais
    Étnicas
    Culturais
    Econômicas
    Meio Ambiente
    Religiosas
    Gênero e Orientação Sexual
  • 28. Adolescência
    “Etapa da vida do ser humano, fundamental para a construção do sujeito, resultante de tudo o que a precedeu e determinante de tudo que há de vir, ou seja, a vida adulta.”
  • 29. “O adolescente é uma pessoaA adolescência é um conceito.”V. Courtecuisse
  • 30. Desenvolvimento da sexualidade
    • Descompasso entre o corpo e o psíquico
    • 31. Imagem corporal
    Quem
    sou
    eu ?!
  • 32. Desenvolvimento da sexualidade
    • Busca de si mesmo e de sua identidade: curiosidade
  • Desenvolvimento da sexualidade
    • Necessidade de se integrar a grupos
    • 33. Atitude reivindicatória
    • 34. Separação progressiva ou brusca dos pais
  • Competências dos Profissionais da Equipe
    • Acolhimento e criação de vínculos
    • 35. Imparcialidade
    • 36. Livrar-se de preconceitos
    • 37. Atitude adequada
    • 38. Fortalecer a autonomia
    • 39. Não ser autoritário
    “Deve-se dar tempo ao tempo e naturalmente adotar uma atitude não moralista” (Winnicott, 1971)
  • 40. Início de atividade sexual precoce
    • Aceleração secular do crescimento e maturação sexual
    • 41. Pressão do grupo social
    • 42. Distemporalidade
    • 43. Busca da identidade (necessidade de auto-afirmação via maternidade e/oupaternidade)
    • 44. Contestar os pais
    • 45. Estímulo da mídia
  • Orientação da saúde sexual e reprodutiva
    Trabalhar intra e intersetorialmente
    Participação:
    • Família
    • 46. Escola
    • 47. Serviços de Saúde
    • 48. Instituições Governamentais
  • Adolescente
    sujeito da ação
    Nãopriorizar
    mensagens
    negativas
    Promoção da
    auto-estima
    Orientaçãopara a Saúde Sexual e Reprodutiva
    Informação e assistência
    Oportunidadesperdidas
  • 49.
  • 50. Dificuldades no uso e/ou adesão da contracepção
    • Onipotência pubertária
    • 51. Testar fertilidade
    • 52. Importância social: mudança de status -
    de menina para mulher adulta
    • Pensamento mágico: “Eu nem esperava
    pegar filho com 14 anos, não. Aconteceu
    porque eu não estava me prevenindo e eu
    pensei que meu útero era de criança.”
    (Laura, 18 anos, 2 filhos)
  • 53. Dificuldades no uso
    e/ou adesão da contracepção
    • Agradar ao parceiro “Foi bom ter ficado grávida dele. Eu tava com o pai dela. Ele gostou. Ele queria ter um filho. Peguei e deixei vir...” (Lorena, 19 anos, 3 filhos)
    • 54. Conflitos familiares: constituirfamíliaprópriaporsentimento de abandono, falta de carinho e de diálogo
  • Dificuldades no uso e/ou adesão da contracepção
    • Desejo de ser mãe “...um dia eu quis ser alguém na vida, assim, ser advogada, médica, dentista. Mas hoje eu acho que já disiludi. Eu não quero ser mais nada. Quero apenas ser dona de casa, casar e ter filhos.” (Liliane, 15 anos)
  • O adolescente deve transformar informação em atitude:
    quem se ama
    se cuida