07 08 11
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Like this? Share it with your network

Share

07 08 11

on

  • 616 views

 

Statistics

Views

Total Views
616
Views on SlideShare
616
Embed Views
0

Actions

Likes
0
Downloads
4
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

07 08 11 Document Transcript

  • 1. Nº 1.868 (Ano A/Verde) 19º Domingo do Tempo Comum - 7 de agosto de 2011 Dia do Padre Abertura do Mês Vocacional CORAGEM! SOU EU QUE CHAMO serviço da vida, na comunidade e no mun- do. Refrão: Tu és a razão da jornada, tu és minha estrada, meu guia, meu fim./ No grito que vem do teu povo, te escuto de novo, chamando por mim. (2x) C.2 Celebramos hoje o Dia do Padre. Re- zemos nesta semana pelos nossos sacer- dotes que se lançaram a serviço do Evan- gelho doando suas vidas para o serviço do povo, especialmente dos mais necessita- dos. Que eles encontrem nas nossas co- munidades o aconchego de um lar e o ca- rinho necessário para fortalecer cada dia mais sua vocação e recebam do Senhor a força da fidelidade e da perseverança.01. MOTIVAÇÃO 02. CANTOC.1 Caríssimos irmãos e irmãs sejam todos Me chamaste para caminhar... nº 1123bem vindos a esta celebração. Iniciamoshoje, o Mês Vocacional com o tema: Anun- 03. ACOLHIDA E SAUDAÇÃOciar a Palavra que gera vida e o Lema: D. Em nome do Pai, e do Filho e do"Eu vim para que todos tenham vida". Espírito Santo. Amém!Somos t odos chamado s a sermos D. Que a graça e a paz de Deus Pai, queevangelizadores e testemunhas fiéis do Rei- nos chama a trabalhar na sua vinha; o amorno de Deus neste mundo. Cada cristão deve de Jesus Cristo, que sustenta nossa voca-se colocar com amor e carinho a serviço da ção e a santidade que vem do Espírito San-vida e da esperança. Que este mês to, estejam convosco!vocacional nos ajude a assumir com reno- Todos: Bendito seja Deus que nos reu-vado ardor a nossa vocação de Cristão a niu no amor de Cristo.
  • 2. 04. DEUS NOS PERDOA SALMO RESPONSORIAL: Sl 84 (85)D. Livres do medo e da acomodação, con- Refrão: Mostrai-nos, ó Senhor, vossafessemos confiantes os nossos pecados bondade, e a vossa salvação noscontra a nossa vocação fundamental que é concedei.a santidade: (silêncio) Confesso a Deus...D. Deus todo poderoso, tenha compaixão SEGUNDA LEITURA: (Rm 9, 1-5)de nós, perdoe os nossos pecados, dê-nosum coração novo, e nos conduza à vida L.2 Leitura da Carta de Paulo aos Ro-eterna. Amém! manos.05. HINO DE LOUVOR EVANGELHO: (Mt 14, 22-33)C.1 Na alegria de sermos chamados porDeus para trabalhar na construção do seu CANTO DE ACLAMAÇÃOReino entoemos a Ele o nosso hino de lou- Aleluia... Graças eu te dou... nº 316vor.Canto: Glória, Glória, Aleluia... nº 250 Evangelho de Jesus Cristo, segundo Mateus.06. ORAÇÃOD. Deus eterno e todo poderoso, a quem 08. PARTILHANDO A PALAVRApodemos chamar de Pai, porque assim Muitas vezes ouvimos essa exclamação: "Estamos todos no mesmo barco". Às ve-Jesus nos revelou, dai-nos cada vez zes, uma comunidade, uma sociedade, ummais um coração de filhos, aberto ao país ou o planeta inteiro se encontram dian-vosso chamado, que é a santidade, e te de um desafio ou um perigo que põe emencontrar o nosso lugar nos diferentes risco a vida de todos, e toma consciênciaministérios da Vossa Igreja. Por nosso de que ou todos colaboram na busca daSenhor Jesus Cristo, Vosso Filho, na solução ou todos podem afundar juntos.unidade do Espírito Santo. Amém! A nossa querida Igreja, há muito tempo, in- clusive no Evangelho, é comparada a um07. DEUS NOS FALA barco, muitas vezes agitado pelas ondas dosC.2 Ao abrir este mês vocacional, receba- grandes desafios e dos problemas de cadamos a Papavra de Deus que alimenta todos tempo - e outras vezes por desavenças in-os Ministérios da Igreja. (à frente do ternas. Mas, ela nunca afunda, porque podeLecionário vai uma faixa com o Tema contar sempre com a presença permanente"Anunciar a Palavra que gera vida" e o de Cristo e do seu Espírito Santo que aLema "Eu vim para que todos tenham conduz. Nós é que, às vezes, na hora dasvida" do Mês Vocacional). tempestades mais violentas temos medo.Canto: É como a chuva que lava... n° 268 Os discípulos, quando se certificam que é1ª estrofe e refrão. Cristo que está caminhando sobre as águas e que a tempestade é acalmada, fazem aPRIMEIRA LEITURA sua profissão de fé: "Verdadeiramente, tu(1Rs 19, 9a.11-13a) és o Filho de Deus". Somente Deus pode caminhar "sobre as ondas do mar". SomenteL.1 Leitura do Primeiro Livro dos Reis. Deus está acima das forças do mal, simbo-
  • 3. lizadas aqui nas águas agitadas. Então eles olhos a enxergar Deus na simplicidade dasentendem que Jesus é o Filho de Deus e comunidades nascidas da fé do povo, nasprofessam nele a sua fé. periferias do mundo, corre o risco de dei-O Evangelho mostra ainda que a fé dos dis- xar-se "levar pela onda". Ele não se revelacípulos pode ousar e também fraquejar. na tempestade, mas acalmando a tempes-Pedro é novamente o discípulo tomado tade. O que não quer dizer um Deus decomo exemplo: quando acredita, pode en- moleza, pois tem mais força que a tempes-frentar as ondas agitadas do mar e do mal; tade. A sua força, porém, não deve nosquando duvida, começa a afundar. Quando amedrontar: "Coragem! Sou eu. Nãoo medo prevalece sobre a nossa fé, ela per- tenhais medo!"de força; quando a fé prevalece sobre o A barca de Jesus, a Igreja, precisa de ho-medo, cresce a nossa confiança, e então, mens e mulheres corajosos, para que pos-ousamos também caminhar sobre as águas, sa continuar fazendo a travessia do mar daousamos enfrentar as forças do mal. E isso história. E todos somos chamados a entrarpode acontecer tanto em nível pessoal quan- na barca de Jesus. A Igreja é o Povo deto em nível de Igreja, abalada pelas tem- Deus a serviço da vida; a Igreja é apestades da história e que no texto bíblico Assembleia dos chamados. A evangelizaçãoé simbolizada pelos doze, pelo barco e por é missão de todos os batizados. Todos so-Pedro. mos vocacionados. Que este mês das vo-Todo Cristão está sujeito a fraquezas. Mas cações reacenda o nosso desejo de nosa conclusão é positiva: Jesus está conosco, tornar mais servidores.está com a sua Igreja e Ele tem o poder deacalmar as tempestades. 09. PROFISSÃO DE FÉDiante das tempestades da vida, muitas ve- D. "Verdadeiramente, Tu és o Filho dezes temos a impressão que o Senhor não Deus!" Unamos a nossa fé a dos discípulosestá cuidando de nós e nos esqueceu. Será e professemos juntos: Creio em Deus....que Ele não está nos dando a oportunidadede provar a nossa fé e a nossa perseveran- 10. PRECES DA COMUNIDADEça, pronto a intervir quando for mesmo ne- D. Neste primeiro domingo do Mêscessário, mas só depois de aprendermos a Vocacional, rezemos por toda a Igreja,lutar com mais coragem e fé? Não será por "Assembleia dos Chamados", pedindo es-isso que Jesus deixou os discípulos no meio pecialmente hoje por nossos padres e bis-daquela agitação "até as três da madruga- pos. Após cada oração vamos cantar: En-da?" Talvez seja essa a sabedoria do dito via, envia, Senhor,/ operários para apopular: "Deus tarda, mas não falha". Messe./ Escuta, escuta esta prece,/ mul-Como Deus se faz presente? O profeta Elias tidões te esperam, Senhor!o experimentou no "murmúrio de uma L.1 Senhor da Vinha e Pastor do Rebanho,brisa suave". Deus não está necessaria- somos tua Igreja, Povo de Deus a serviçomente nas coisas grandiosas ou violentas. da vida. Cria em nós a consciência de queDeus está naquilo que representa paz e somos responsáveis pela evangelização, nósconsolação. Não na suntuosidade: aqui tal- vos pedimos...vez entendamos porque certas fases de L.2 Dai-nos, Senhor, servidores do vossotriunfalismos da Igreja acabaram ficando Reino: bispos, padres, diácono s,para trás. Quem ainda não acostumou seus religiosos(as), leigos(as) que respondam
  • 4. com alegria e disponibilidade ao vosso cha- Senhor, nos deu a certeza de que nuncamado, nós vos pedimos ... nos abandonais. Vinde sempre ao nossoL.1 Senhor, fazei que, sob o olhar cari- encontro com a vossa presença tranquilanhoso de Maria, mãe e modelo de todos e suave e ajudai-nos a reconhecê-lo pelaos vocacionados, nossos seminaristas e as- força da nossa fé. Fortalecei-nos naspirantes à vida religiosa realizem um reto provações desta vida, até que possamosdiscernimento e possam perseverar em sua chegar à outra margem, onde viveremosvocação, nós vos pedimos ... para sempre convosco e com Jesus Cris-L.2 Senhor, rezamos, hoje, especialmen- to, e o Espírito Santo. Amém!te, por nosso(os) padre(s) - (dizer o(os)nome(s)) - para que trabalhe(m) sempre 15. AVISOSpela santificação de seus fiéis, e assim, Providenciar a Imagem ou gravura da Sa-seja(m) santificado(s) também, nós vos grada Família para a celebração do próxi-pedimos ... mo Domingo.11. APRESENTAÇÃO DOS DONS 16. BÊNÇÃO E DESPEDIDAC.1 Hoje queremos apresentar a Deus odom das vocações colocadas a serviço da D. Que o Deus todo poderoso nos aben-evangelização em nossa Comunidade, Pa- çoe e nos proteja contra todos os males.róquia e Diocese. Agradecidos a Deus fa- Amém!çamos nossas ofertas, enquanto cantamos. Ele faça descer sobre nós a sua bênção: Pai(Entrar com o nome do(s) padre(s) que e Filho e Espírito Santo. Amém!atende(m) a Paróquia. Se tem seminarista pode Ide em paz e o Senhor vos acompanhe!ser lembrado também) Graças a Deus!Canto: Um coração para amar... nº 473 CANTO12. PAI NOSSO Chamado para a vida e ser feliz... n° 731D. Rezemos com fé e confiança a oraçãoque Jesus nos ensinou. Pai nosso...13. ABRAÇO DA PAZD. Ao saudar nosso irmão e irmã, não sódesejemos a ele ou ela a paz, mas convi-damos com nosso gesto a se engajar neste Leituras para a Semanamutirão de fraternidade para fazer o mun-do mais solidário. 2ª Dt 10, 12-22 / Sl 146 / Mt 17, 22-27Canto: É bonita demais... nº 545 3ª Dt 31, 1-8 / Cânt.: Dt 32, 3-12 / Mt 18, 1-5.10.12-14 4ª 2Cor 9, 6-10 / Sl 111 / Jo 12, 24-25 5ª Js 3, 7-10.11.13-17 / Sl 113 / Mt 18, 21– 19, 114. ORAÇÃO 6ª Js 24, 1-13 / Sl 135 / Mt 19, 3-12D. Ó Deus, esta celebração do Dia do Sáb.: Js 24, 14-29/ Sl 15 / Mt 19, 13-15 Secretariado Diocesano de Pastoral Av. João XXIII, 410-Centro 29930-420-S. Mateus/ES - Tel: (27) 3763.1177 Fax 3763.3104 - E-mail: secretariado@diocesedesaomateus.org.br / Site: www.diocesedesaomateus.org.br Rádio Católica da nossa região, é a Kairós FM 94,7. www.radiokairos.com.br Associe-se ao Clube do Ouvinte e ajude a manter a rádio. Informações pelo telefone 3767-2000.