O Meio Ambiente O meio ambiente, comumente chamado apenas de ambiente, envolve todas as coisas vivas e não-vivas ocorrend...
O conceito de meio ambiente pode ser identificado por seus componentes: Completo conjunto de unidades ecológicas que  fun...
Oceanos   Oceano é um grande corpo de água salina e um componente da hidrosfera.    Aproximadamente 71% da superfície da ...
Rios    Um rio é um curso de água natural, geralmente de água doce, fluindo em direção a um    oceano, lago, mar, ou outr...
Córregos Um córrego é um corpo de água fluindo com uma corrente, confinado entre um  berço de córrego e bancos. Em alguns...
LagoO lago (do latin lacus) é um acidente geográfico, um corpo de água que está localizado no fundo de uma depressão. O co...
Alguns desafios          O   ambientalismo   é    um   largo          movimento     político,   social,   e          filo...
OBJETIVOS GERALMENTE EXPRESSOS POR CIENTISTAS             AMBIENTAIS INCLUEM:Redução e limpeza da poluição, com metas futu...
AS INDUSTRIA E O MEIO AMBIENTE Desde meados do século XIX quando a revolução industrial surgiu, o meio  ambiente sofreu im...
Trocando a natureza pelo asfaltoNa recente votação do novo código florestal brasileiro,ambientalistas e a população ficara...
Importância e vantagens da reciclagemA partir da década de 1980, a produção de embalagens e produtos descartáveis         ...
Assim como nas cidades, na zona rural a reciclagemtambém acontece. O lixo orgânico é utilizado na fabricaçãode adubo orgân...
Símbolos da reciclagem por material - Vidro: potes de alimentos (azeitonas, milho,  requeijão, etc), garrafas, frascos de...
Desmatamento na Amazônia e na Mata Atlântica Desde então, o desmatamento em nosso país foi uma constante. Depois da Mata A...
Queimadas e incêndiosOutro problema sério, que provoca a destruição do verde, são asqueimadas e incêndios florestais. Muit...
As ações contra o desmatamento Embora todos estes problemas ambientais estejam ainda ocorrendo, verifica-se uma diminuição...
Bibliografia http://www.suapesquisa.com/desmatamento/ http:www.suapesquisa.com/reciclagem/// http://pt.wikipedia.org/wi...
Meio ambiente
Meio ambiente
Meio ambiente
Meio ambiente
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Meio ambiente

908 views

Published on

Um pequeno trabalho de escola. Com o entendimento e respeito a natureza.

Published in: Education
0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
908
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
7
Actions
Shares
0
Downloads
51
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Meio ambiente

  1. 1. O Meio Ambiente O meio ambiente, comumente chamado apenas de ambiente, envolve todas as coisas vivas e não-vivas ocorrendo na Terra, ou em alguma região dela, que afetam os ecossistemas e a vida dos humanos.
  2. 2. O conceito de meio ambiente pode ser identificado por seus componentes: Completo conjunto de unidades ecológicas que funcionam como um sistema natural mesmo com uma massiva intervenção humana e outras espécies do planeta, incluindo toda a vegetação, animais, microorganismos, solo, rochas, atmosfera e fenômenos naturais que podem ocorrer em seus limites. Recursos e fenômenos físicos universais que não possuem um limite claro, como ar, água, e clima, assim como energia, radiação, descarga elétrica, e magnetismo, que não se originam de atividades humanas.
  3. 3. Oceanos Oceano é um grande corpo de água salina e um componente da hidrosfera. Aproximadamente 71% da superfície da Terra (uma área de 361 milhões de quilômetros quadrados) é coberta pelo oceano, um contínuo corpo de água que é geralmente dividido em vários oceanos principais e mares menores. Mais da metade dessa área está numa profundidade maior que três mil metros. A salinidade oceânica média é por volta de 35 partes por milhar (ppt) (3,5%), e praticamente toda a água do mar tem uma salinidade de 30 a 38 ppt. Apesar de geralmente reconhecidos como vários oceanos separados, essas águas formam um corpo global interconectado de água salina por vezes chamado de Oceano Global. Esse conceito de oceano global como um corpo contínuo de água com um intercâmbio relativamente livre entre suas partes é de fundamental importância para a oceanografia.
  4. 4. Rios Um rio é um curso de água natural, geralmente de água doce, fluindo em direção a um oceano, lago, mar, ou outro rio. Em alguns poucos casos, o rio simplesmente flui para o solo ou seca completamente antes de alcançar outro corpo de água. Rios pequenos podem ser conhecidos por vários outros nomes, incluindo córrego, angra e ribeiro. Nos Estados Unidos um rio é classificado como curso de água se tiver mais de dezoito metros de largura. A água do rio geralmente está em um canal, formado por um leito entre bancos. Em rios mais largos há também muitas zonas sujeitas a inundações formadas pelas águas de enchente atingindo o canal. Essas zonas podem ser bem largas em relação ao tamanho do canal do rio. Rios são parte do ciclo da água. A água do rio é geralmente coletada da precipitação através da bacia hidrográfica e por reabastecimento da água subterrânea, nascentes e liberação da água armazenada nas geleiras e coberturas de neve.
  5. 5. Córregos Um córrego é um corpo de água fluindo com uma corrente, confinado entre um berço de córrego e bancos. Em alguns países ou comunidades um córrego pode ser definido por seu tamanho. Nos Estados Unidos um córrego é classificado como um curso de água se tiver menos que dezoito metros de largura. Córregos são importantes corredores que conectam habitat fragmentados e assim conservam a biodiversidade. O estudo de córregos e caminhos de água em geral é conhecido como hidrologia de superfície.Os córregos incluem angras, os afluentes, que não alcançam um oceano e não se conectam com um outro córrego ou rio, os ribeiros, que são pequenos córregos geralmente originários de uma nascente ou escoam para o mar.
  6. 6. LagoO lago (do latin lacus) é um acidente geográfico, um corpo de água que está localizado no fundo de uma depressão. O corpo de água é considerado um lago quando está cercado por terra, não faz parte de um oceano, é mais largo e mais profundo que uma lagoa e é alimentado por um rio.Lagos naturais da Terra são geralmente encontrados em áreas montanhosas, refis, e áreas com glaciação em andamento ou recente. Outros lagos são encontrados em bacias endorreicas ou ao longo do curso de rios maduros. Em algumas partes do mundo, há muitos lagos por causa do caótico padrão de drenagem deixado pela última Era do Gelo. Todos os lagos são temporários em relação a escalas geológicas de tempo, pois eles são lentamente preenchidos com sedimentos ou são liberados da bacia que os contém.
  7. 7. Alguns desafios  O ambientalismo é um largo movimento político, social, e filosófico que advoca várias ações e políticas com interesse de proteger a natureza que resta no ambiente natural, ou restaurar ou expandir o papel da natureza nesse ambiente.
  8. 8. OBJETIVOS GERALMENTE EXPRESSOS POR CIENTISTAS AMBIENTAIS INCLUEM:Redução e limpeza da poluição, com metas futuras de poluição zero;Reduzir o consumo pela sociedade dos combustíveis não-renováveis;Desenvolvimento de fontes de energia alternativas, verdes, com pouco carbonoou de energia renovável;Conservação e uso sustentável dos escassos recursos naturais como água,terrae ar;Proteção de ecossistemas representativos ou únicos;Preservação de espécie em perigo ou ameaçadas de extinção;O estabelecimento de reservas naturais e biosferas sob diversos tipos deproteção; e, mais geralmente, a proteção da biodiversidade e ecossistemas nosquais todos os homens e outras vidas na Terra dependem.
  9. 9. AS INDUSTRIA E O MEIO AMBIENTE Desde meados do século XIX quando a revolução industrial surgiu, o meio ambiente sofreu impactos incalculáveis gerados pela poluição das indústrias. Hoje o estrago ambiental ainda é enorme, mas as empresas podem minimizar a poluição gerada pela produção de suas fábricas. As empresas hoje podem investir em empregos que respeitem os princípios do desenvolvimento sustentável. A compensação ambiental também ajuda a reduzir impactos ambientais causados pela execução de empreendimentos. Atualmente estudos apontam que automóveis causam mais estragos no meio ambiente do que as indústrias. Mesmo assim, governo e sociedade devem estar atentos para fiscalizar a produção industrial. A mudança climática é uma realidade e não existe solução simples. Devemos todos trabalhar em conjunto para devolver ao planeta a sua saúde. Que assim seja!
  10. 10. Trocando a natureza pelo asfaltoNa recente votação do novo código florestal brasileiro,ambientalistas e a população ficaram chocados com o descasodos políticos na "hora H" de zelar pelas nossas florestas.Interesses pessoais parecem falar mais alto do que a vontade dopovo. A emenda aprovada abre espaço para consolidar todas asáreas desmatadores irregularmente, um anistia para osdesnatadores. Mesmo que a presidente Dilma intervenha empontos importantes, isto significa um enorme retrocessoambiental. www.meioambienteurgente.blogger.com.br/
  11. 11. Importância e vantagens da reciclagemA partir da década de 1980, a produção de embalagens e produtos descartáveis aumentousignificativamente, assim como a produção de lixo, principalmente nos países desenvolvidos.Muitos governos e ONGs estão cobrando de empresas posturas responsáveis: o crescimentoeconômico deve estar aliado à preservação do meio ambiente. Atividades como campanhas decoleta seletiva de lixo e reciclagem de alumínio e papel, já são comuns em várias partes do mundo.No processo de reciclagem, que além de preservar o meio ambiente também gera riquezas, osmateriais mais reciclados são o vidro, o alumínio, o papel e o plástico. Esta reciclagem contribuipara a diminuição significativa da poluição do solo, da água e do ar. Muitas indústrias estãoreciclando materiais como uma forma de reduzir os custos de produção.Um outro benefício da reciclagem é a quantidade de empregos que ela tem gerado nas grandescidades. Muitos desempregados estão buscando trabalho neste setor e conseguindo renda paramanterem suas famílias. Cooperativas de catadores de papel e alumínio já são uma boa realidadenos centros urbanos do Brasil
  12. 12. Assim como nas cidades, na zona rural a reciclagemtambém acontece. O lixo orgânico é utilizado na fabricaçãode adubo orgânico para ser utilizado na agricultura.Como podemos observar, se o homem souber utilizar osrecursos da natureza, poderemos ter , muito em breve, ummundo mais limpo e mais desenvolvido. Desta forma,poderemos conquistar o tão sonhado desenvolvimentosustentável do planeta.
  13. 13. Símbolos da reciclagem por material - Vidro: potes de alimentos (azeitonas, milho, requeijão, etc), garrafas, frascos de medicamentos, cacos de vidro. - Papel: jornais, revistas, folhetos, caixas de papelão, embalagens de papel. - Metal: latas de alumínio, latas de aço, pregos, tampas, tubos de pasta, cobre, alumínio. - Plástico: potes de plástico, garrafas PET, sacos plásticos, embalagens e sacolas de supermercado.
  14. 14. Desmatamento na Amazônia e na Mata Atlântica Desde então, o desmatamento em nosso país foi uma constante. Depois da Mata Atlântica, foi a vez da Floresta Amazônica sofrer as conseqüências da derrubada ilegal de árvores. Em busca de madeiras de lei como o mogno, por exemplo, empresas madereiras instalaram-se na região amazônica para fazer a exploração ilegal. Um relatório divulgado pela WWF ( ONG dedicada ao meio ambiente ) no ano de 2000, apontou que o desmatamento na Amazônia já atinge 13% da cobertura original. O caso da Mata Atlântica é ainda mais trágico, pois apenas 9% da mata sobrevive a cobertura original de 1500. Embora os casos da Floresta Amazônica e da Mata Atlântica sejam os mais problemáticos, o desmatamento ocorre nos quatro cantos do país. Além da derrubada predatória para fins econômicos, outras formas de atuação do ser humano tem provocado o desmatamento. A derrubada de matas tem ocorrido também nas chamada frentes agrícolas. Para aumentar a quantidade de áreas para a agricultura, muitos fazendeiros derrubam quilômetros de árvores para o plantio.
  15. 15. Queimadas e incêndiosOutro problema sério, que provoca a destruição do verde, são asqueimadas e incêndios florestais. Muitos deles ocorrem pormotivos econômicos. Proibidos de queimar matas protegidas porlei, muitos fazendeiros provocam estes incêndios para ampliar asáreas para a criação de gado ou para o cultivo. Também ocorremincêndios por pura irresponsabilidade de motoristas. Bombeirosafirmam que muitos incêndios tem como causa inicial as pontasde cigarros jogadas nas beiradas das rodovias.
  16. 16. As ações contra o desmatamento Embora todos estes problemas ambientais estejam ainda ocorrendo, verifica-se uma diminuição significativa em comparação ao passado. A consciência ambiental das pessoas está alertando para a necessidade de uma preservação ambiental. Governos de diversos países e ONGs de meio ambiente tem atuado no sentido de criar legislações mais rígidas e uma fiscalização mais atuante para combater o crime ecológico. As matas e florestas são de extrema importância para o equilíbrio ecológico do planeta Terra e para o bom funcionamento climático. Espera-se que, no início deste novo século, o homem tome consciência destes problemas e comece a perceber que antes do dinheiro está a vida de nosso planeta e o futuro das gerações futuras. Nossos filhos têm o direito de viverem num mundo melhor.
  17. 17. Bibliografia http://www.suapesquisa.com/desmatamento/ http:www.suapesquisa.com/reciclagem/// http://pt.wikipedia.org/wiki/Meio_ambiente

×