Simplesmente Jake escrita por GLAUCIABLACKNesse estava morta e a minha vida não tinha razão de ser, mas precisava me mante...
9 - Recomeço10 - Quem está vivo sempre aparece!11 - Indecisão12 - Anjo ou demônio?13 - Rompimento14 - Encrenqueira15 - Ess...
27 - Ciúme28 - Armação de Leah29 - Te odeio cachorro!!30 - Mágoa31 - Segredo – PVO NESSE32 - Eu sempre vou amar você33 - G...
1. PRÓLOGOMinha vida não tinha mais sentido, desde que os Cullens a levaram de mim de forma cruel. Mashavia uma esperança ...
2. JakeMeu nome é Jacob Black, tenho 28 anos e vivo nessa pequena reserva Quileut, chamada La Push,que fica em Washington....
coisas mais dolorosas para nós dois. Então passava os meus tristes dias pensando naquela garotamaravilhosa que achava que ...
que era impossível aconteceu: nos tornamos uma espécie de amigos e dividíamos a dor de perder anossa amada. Os meus irmão ...
Um choque percorreu meu corpo e meu mundo parou naquele momento. E não sabia o que estavaacontecendo, pois o universo esta...
- Fala, Jake!! Se arrependeu e quer voltar¿ Ele perguntou meio presunçoso. - Não!! Eu vim dizer que a filha de Bella nasce...
- E o que vamos fazer¿ Não podemos atacar a sua Nesse, mas e os Cullens¿ Ele continuava comuma expressão estranha.- Não po...
- Todos os que têm uma impressão sabem o poder que isso tem!! Hoje não me importo nem com ofato de Bella ser uma vampira. ...
quer. Eu falei rindo, porque me lembrava dela mostrando a minha cara quando a vi pela primeiravez. Eu parecia um bobo. Dep...
e sedutora vampira.Quando Edward a levou para casa, Seth e Leah vieram comigo temendo o perigo que estava por vir. Bella e...
4. A pequena NesseA pequena Nesse Nesse era uma criança adorável que encantava todos a sua volta e apesar de ser uma mesti...
A baixinha era um pouco exigente e não gostava de ler a mesma história duas vezes, então tinhaque investir parte do meu sa...
Meu mundo mudou no momento em que a vi pela primeira vez. E não era o amor a Bella, o ódiodos vampiros, minha família, a m...
- Calma, Jake!! Pode não ser nada grave!! Ele afirmou, batendo em meu ombro. - Para Bella me ligar a essa hora, é porque a...
- Cachorro!! Você não vai querer que Nesse escute o que vão conversar, então passe-a para mimagora!! A Barbie gritou e ros...
- A escolha não é sua!! E se for para manter a minha filha viva, farei o que for necessário!! Edwardolhou para Bella e bei...
- Ok!! Deixa eu tentar respirar!! Eu estava tremendo e com muita fúria, mas não poderia destruir aoficia e bater nos meus ...
minha criança, pelo medo que tinha de perdê-la.Então peguei a minha moto e me dirigi para o chalé dos Cullens rapidamente....
Contei uma história para ela por um bom tempo, pois insistia em não dormir e não me deixaria irembora. E mesmo que deixass...
Cheguei em casa, sentei em meu sofá e as lágrimas escorreram pelo meu rosto, pois já sabia o queestava escrito e o que hav...
e que os Volturis não interferissemna educação de Nesse.Nós ficaremos aqui por 5 ou 6 anos,E quando ela for adulta, voltar...
Com amor, Bella. Li a carta várias vezes e aquelas palavras cortavam cruelmente o meu coração. Mas sabia que nãopoderia fa...
Depois que Sam saiu, troquei de roupa e corri para a floresta. Pois sabia que era a única forma desuportar a partida da mi...
- Jake! Vai ficar tudo bem. Nós sabemos que você está sofrendo, mas cinco anos passam rápido!Disse Quil para mim. - Que me...
Mantive essa rotina por 4 meses e já estava ficando louco sem notícias de Nesse. E se Bella nãofizesse um contato logo, ar...
Ela também havia escrito uma carta, onde me explicava algumas coisas:Querido Jake,Sei que demorei muito para dá noticias,M...
E ela toca com muita desenvoltura.Agora está fazendo as suas próprias composições.Ela sempre pergunta por vocêe diz que se...
para você ficar longe delae tudo o que mais queroé que acabe logo,mas peço que seja fortee continue vivo.Gostaria que as c...
Se cuida!Com amor Bella e Nesse!! As palavras de Bella eram um alívio, mas também uma prisão para mim. Pois sabia que esta...
seguindo. Eles estavam carregados de comidas e bebidas, e provavelmente pretendia me dá umporre.- O quê¿ Quem convidou voc...
- Um dia vou visitar vocês!!- Jake! É Bella! Tenho que desligar.- Não! Por favor!- Quando puder, ligo novamente. Se cuida!...
Tinha um enorme ciúme do quarto e quando recebia visitas, não permitia que entrasses. Mexer nascoisas serial um crime e ma...
8. Como viverei sem meu anjo?Como viverei sem meu anjo?- Pelo amor de Deus!! Fala logo!! Onde está Nesse?- Jake!! Eu... Be...
querer tanto alguma coisa na vida!!! Ela sentia tanto a sua falta.... Bella ficou um tempo parada, como olhar perdido no e...
Porque sua presença ainda permanece aqui e isso não vai me deixar em paz.Essas feridas parecem não cicatrizarEssa dor é mu...
Mas você ainda tem tudo de mim...de mim...mim...Tinha certeza que a minha dor não passaria nunca, mesmo que um dia diminuí...
Oh, perfeita liberaçãoA lembrança vaza de minhas veias...Deixe-me vaziaE sem peso e talvezEu encontrarei alguma paz esta n...
Deste escuro e frio quarto de hotelE da imensidão que você teme.Você é arrancado das ruínasDe seu devaneio silencioso.Você...
Esse era realmente o inferno!!! O que uma pessoa pode fazer quando não consegue morrer? Seráque sou tão ruim que nem o inf...
sensação que o vento proporcionava quando corria.Mas procurava não pensar em minha Nesse, pois sabia que os outros sofreri...
para mim, mas o meu anjo estava sempre lá em todos os detalhes. E mesmo quando segurava amerda de um parafuso, as minhas l...
Convidei-a entrar na cabana e pedi que sentasse para conversarmos melhor.- A que devo a honra de sua visita ¿Perguntei.- J...
Nunca havia pensado em Leah como uma mulher ou uma companheira, apesar de já tê-la vistonua diversas vezes e de achá-la li...
- Leah!! Isso não está certo. Eu a interrompi. - Não me importa o certo ou o errado, Jacob Black. Eu quero você e agora me...
Como ainda era bem cedo, fomos para a floresta e corremos juntos por horas. E senti como se algoem mim houvesse renascido ...
com olhar malicioso.Fui para a água e passamos o resto do dia na cachoeira, transando como animais no cio.----------------...
- Concordo com você! Podemos oficializar. E quando você quer fazer isso¿ Perguntei. - Estamos no final de fevereiro e o te...
Fui para a cabana, sentindo-me um canalha pelo que estava fazendo com Leah. Mas não haveriaforma de mentir para ela, deixa...
Todos os convidados haviam chegado e o quintal de Sam estava repleto de mesas espalhadas.Também havia uma grande mesa com ...
angustia e ansiedade.- Você não está vendo que estamos em uma festa¿ Nossa festa de noivado!! Leah disse irritadapara ela....
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Simplesmente jake
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Simplesmente jake

5,007 views

Published on

0 Comments
3 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
5,007
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2,297
Actions
Shares
0
Downloads
17
Comments
0
Likes
3
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Simplesmente jake

  1. 1. Simplesmente Jake escrita por GLAUCIABLACKNesse estava morta e a minha vida não tinha razão de ser, mas precisava me manter vivo para não matar osmeus irmão. Então decidi me entregar à alguém que me amava e tentar viver, de alguma maneira. Mas o amormorto voltou e teria que fazer uma escolha.Capítulos1 - PRÓLOGO2 - Jake3 - A Magia da impressão4 - A pequena Nesse5 - A intimação6 - A partida7 - Reclusão8 - Como viverei sem meu anjo?Simplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 1 de 323
  2. 2. 9 - Recomeço10 - Quem está vivo sempre aparece!11 - Indecisão12 - Anjo ou demônio?13 - Rompimento14 - Encrenqueira15 - Esse é o seu quarto!!16 - Nesse X Leah! Primeiro round17 - Personalidade18 - Primeiro encontro19 - LEAH X NESSE – SEGUNDO ROUND20 - Presente de Aniversário21 - Festa de aniversário22 - Eu te amo Jake!23 - Pedido de sugestão24 - Desejo25 - Primeira noite de amor!26 - A fúria de EdwardSimplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 2 de 323
  3. 3. 27 - Ciúme28 - Armação de Leah29 - Te odeio cachorro!!30 - Mágoa31 - Segredo – PVO NESSE32 - Eu sempre vou amar você33 - GRAVIDOS!34 - Ameaça35 - Quero o meu bebê!36 - FORA DE CONTROLE37 - NOVIDADES38 - NOVOS CULLENS39 - A impressão40 - O CASTIGO DE LEAH41 - Perigo e Renúncia42 - Aconteça o que acontecer...43 - CAP FINAL – DOCE VAMPIRA44 - EpílogoSimplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 3 de 323
  4. 4. 1. PRÓLOGOMinha vida não tinha mais sentido, desde que os Cullens a levaram de mim de forma cruel. Mashavia uma esperança e uma promessa, então sabia que um dia retornaria e estaria novamente coma Minha Nesse.Passeis cindo anos da minha vida a espera da minha pequena criança, imaginando a mulher quehavia se tornado e como seria o nosso reencontro. Mas o destino insistia em tirar de mim o maisprecioso que possuía.A trágica notícia de sua morte foi o fim das minhas esperanças, o fim do Jake que todos conheciam.Porque apesar de está vivo, minha alma havia morrido com ela. Contudo tinha que ser forte econtinuar a viver de alguma forma, pois sabia que mataria todo o bando com a minha terrível dor.Por dois anos estive morto para o mundo e nada fazia sentido para mim, pois a esperança que umdia tivera estava irremediavelmente morta. E apesar de senti-la dentro de mim, e que de algumaforma meu coração dizer que ela ainda viva, o meu lado racional aceitava a fatídica idéia de tê-laperdido.Então teria que encontrar alguma forma de continuar, acalmar o meu coração ferido, de resgataralgo daquele Jake que fui um dia. Mas sabia que não seria o mesmo que antes, sabia que sentiria omundo de outra maneira e nunca seria capaz de amar alguém com tanta intensidade. Assimentreguei meu coração partido para alguém que me amava e que de certa forma seria acompanheira perfeita, pois voltar a viver seria a única coisa digna de se fazer naquele momento.Após três anos da morte da minha amada, comecei a viver novamente e fazer planos para o futuro,pois seria a única coisa que poderia fazer. Então, quando finalmente havia aceitado a assumir umcompromisso e ficar noivo daquela que me aquecia nas minhas noites frias, uma notícia mudou tudoo que acreditava até naquele momento.Nesse estava viva!!!! Minha pequena criança viva!!!Ela voltou para sua antiga casa e quando a vi pela primeira vez, tive a certeza que o meu coraçãoseria seu eternamente. E fiquei totalmente encantado pela beleza singular que havia em sua faceperfeita. Porém a menina doce a amável que fora um dia havia morrido e em seu lugar havia umagarota fria, cruel e insuportável.E agora? O que farei? O que será mais digno? Despedaçarei o coração de Leah, mesmodesprezado por Nesse? Lutarei pelo amor da minha vida, mesmo que ela não me aceite?Tenho uma difícil decisão para tomar e não sei se devo seguir o meu coração ou a razão.Simplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 4 de 323
  5. 5. 2. JakeMeu nome é Jacob Black, tenho 28 anos e vivo nessa pequena reserva Quileut, chamada La Push,que fica em Washington. Perdi a minha mãe quando ainda era um menino e as minhas irmãs, gêmeas, foram embora decasa na mesma época. Então fiquei sozinho com meu velho pai, que sofreu um acidente e ficouparaplégico.E cresci com uma grade responsabilidade nas minhas costas, mas não reclamava da vida. Quando tinha 15 anos, me apaixonei perdidamente pela filha de Charlie, o melhor amigo do meupai. Mas as coisas não foram fáceis para mim, pois não tínhamos muito contato e ela não pareciagostar muito de mim. Um ano mais tarde, nos aproximamos quando o seu namorado vampiro foi embora, deixando-a emestava vegetativo. E nessa época descobrimos muitas afinidades e que nos tornamos amigos. Para mim ela era a garota mais incrível, bonita e adorável do planeta e daria a minha vida inteirapara fazê-la feliz. Contudo não gostava de mim como homem e sim como seu irmão. E mesmoassim, ficava feliz por confortá-la e fazê-la feliz, sendo como o seu sol particular.Só que as coisas não foram perfeitas e o sanguessuga acabou voltando para ela. Além disso, descobrir que herdei alguns genes dos meus antepassados e comecei me transformarem lobo. Isso fez a minha perspectiva de vida, os meus projetos e sonhos mudarem completamente.E no início da transformação foi muito difícil, pois a febre e a dor que sentia em meu corpo eraverdadeiras torturas para mim e tinha que controlar a raiva para não machucar as pessoas próximasde mim. Nessa época me juntei a matilha de Sam, que me ajudou a entender e ensinou a dominar os meusinstintos.O sanguessuga proibiu Bella e eu de nos vermos, por me achar perigoso para ela, deixando asSimplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 5 de 323
  6. 6. coisas mais dolorosas para nós dois. Então passava os meus tristes dias pensando naquela garotamaravilhosa que achava que amava, pensando como havia perdido a única chance que tive comela. E as noites sombrias como Lobo, me faziam dividir todos os pensamentos mais obscuros evergonhosos com meus irmãos. Realmente era vergonhoso expor todo o sofrimento, fracasso, decepção e despeito que sentia, porver a garota que amava namorando um vampiro. Além da dor por não poder está com ela, por causada proibição de nos vermos. Ela fugia de vez em quando e vinha para La Push para me ver, mas não era a mesma coisa. Poisque queria tê-la para sempre ao meu lado... A matilha teve que se nos unir aos sanguessugas, para proteger a vida de Bella. Porque mesmoodiando os malditos vampiros, amava-a demais para deixá-la morrer. E foi nessa época que ela descobriu que também em amava. E foi a coisa mais difícil para nós dois,porque sabia que não seria minha, pois o seu amor pelo sanguessuga era maior.Ele era como uma droga para ela e não havia remédio para isso!!! Então quase enlouqueci, quando ela resolveu se casar com ele. E aquilo foi uma experiências tãodolorosa que resolvi ir embora. Quando Bella se casou, ainda tinha uma ponta de esperança de que desistisse, mas ela seguiu emfrente. Então achei que o meu mundo havia acabado e queria vingança. Esperava que ele a mordesse e o ódio que sentia por essa possibilidade ,aumentava o meu desejode matá-lo. Mas ao contrário disso, ela voltou muito doente e grávida!!! Aquele sanguessuga, que eu odiava, havia colocado aquela coisa dentro dela. E a criatura estavaroubando a sua vida a cada dia, mas ela estava certa que queria aquilo. E não pude fazer nada paraimpedi-la.O Sanguessuga, telepata, estava muito culpado e martirizado, então cheguei a ter pena dele e oSimplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 6 de 323
  7. 7. que era impossível aconteceu: nos tornamos uma espécie de amigos e dividíamos a dor de perder anossa amada. Os meus irmão lobos resolveram tirar a sua vida e da coisa que carregava no ventre, mas merevoltei contra isso e me pus em defesa dos vampiros que tanto odiava. Então assumiu o meu papelcomo alfa e sem querer iniciei a minha matilha com Leah e Seth. Nós ficamos protegendo a casa dos vampiros e pude estar mais perto de Bella. Pois sabia que empouco tempo ela estaria morta. Morta? Eu não conseguia aceitar aquela idéia, pois gerava uma dorfísica em meu corpo e dava um desejo de matar a criatura que estava tirando a vida da minhaamada. Aquele era o plano!! Quando Bella parecia morta, dirigi-me para matar a criatura assassina. Então o ódio e a dordominaram todo o meu ser e estava disposto a morrer pela minha vingança. Mas quando chegueipróximo da Barbie, com aquela coisa no colo, meu mundo mudou!!!3. A Magia da impressãoEu não tenho como descrever o que foi o parto de Bella, pois meus pensamentos ficaram confusose os acontecimentos foram estranhos demais para minha mente conseguir armazenar os detalhes.Mas o que me lembrou foi da criança nascendo e Edward ordenando que a jogasse pela janela,após ela morder Bella. Depois que a Barbei a levou, Edward injetava uma injeção com o seu veneno no coração de Bellapraticamente morto. Eu sai do quarto desesperado e com uma fúria descomunal e só pensava emmatar aquela horrenda criatura, que havia tirado a vida da garota que amava. Então planejei como matar os Cullens que estavam na sala, até chegar na criatura e destruí-la. Eenquanto descia as escadas, preparando-me para atacar a Barbei e destruir a criatura, chegueipróximo e ela estava de costas dando uma mamadeira de sangue para a coisa em seu colo. Entãome coloquei na sua frente.Simplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 7 de 323
  8. 8. Um choque percorreu meu corpo e meu mundo parou naquele momento. E não sabia o que estavaacontecendo, pois o universo estava ali me puxando pare ela. Então uma estranha emoção efelicidade invadiram o meu coração, que transbordava de uma forma que nunca sentira antes. Eu a amava mais do que tudo no mundo e nada mais importava naquele momento. Só ela!! Apenasela!!Minha Nesse!!! Soube que precisava está ao seu lado e que nuca a abandonaria, muito menos permitira quequalquer criatura a machucasse. Então prometi naquele momento, para todos os que estavampresentes na sala, que seria tudo para ela: pai, irmão, amigo, tio, amante, marido... qualquer coisa que precisasse queeu fosse.Eu passaria por cima de qualquer pessoa para garantir a felicidade e segurança que precisasse,mesmo que fosse sobre os meus próprios sentimentos. Nas primeira horas foram complicadas, porque a Barbie não queria que eu a pegasse e nósbrigávamos o tempo todo para está com a pequena. E mesmo sabendo que não tinha o direito deestá ali, não me importava de ser um intruso, pois precisava está onde ela estivesse. E mesmo queos Cullens não gostassem da minha presença, estaria com minha pequena criança. Então contei sobre a impressão, o que ela fazia com o lobo que a recebia e eles entenderam queeu era parte da família naquele momento e não me expulsaram da casa. Eu tive que me transforma, deixando a minha Nesse, para contar o que tinha acontecido ao Sam eaos outros. Porque precisavam saber que a pequena era a minha impressão e nenhum delespoderiam tocá-la. Se por algum motivo algum lobo matasse a impressão de outro, significaria a morte para os doisque lutaria até o fim. Quando cheguei, com Seth e Leah, todos ficaram espantados com a minha presença, mas estavamdispostos a ouvir o que tinha para falar.- Sam!! Eu disse ainda arredio,percebendo as expressões de revolta e raiva dos outros.Simplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 8 de 323
  9. 9. - Fala, Jake!! Se arrependeu e quer voltar¿ Ele perguntou meio presunçoso. - Não!! Eu vim dizer que a filha de Bella nasceu. Eu disse ainda indignado com a sua cara dedeboche.- Então vamos matá-la agora mesmo!! Ele disse esbravejando. - Não!! Não mesmo!! Eu disse com o meu corpo todo tremendo, desejando matá-lo por pensarnaquilo.- Ela é a impressão dele!! Gritou Leah com raiva.- Como assim¿ Perguntou Embry. - Quando Jake foi matar a Nesse, teve a impressão com ela. Dessa vez foi Seth falandocalmamente, enquanto tentava me acalmar, batendo em meu ombro. - Então não podemos encostar nela!! É isso!! Sam falou irritado e pude ver que todos ficaramdecepcionados com a notícia. - Eu arranco a cabeça de qualquer um que chegar perto da minha Nesse!! Eu rosnei irritado paraeles. Nessa hora mil coisas passaram pela minha cabeça e estava disposto a lutar com toda amatilha de Sam, para proteger a minha pequena criança.- E Bella ¿ Sam questionou ainda decepcionado com a notícia sobre a criança.- Ela agora é uma vampira. Eu falei sem olhar para ele, tentando imaginar o que ele faria.Simplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 9 de 323
  10. 10. - E o que vamos fazer¿ Não podemos atacar a sua Nesse, mas e os Cullens¿ Ele continuava comuma expressão estranha.- Não podermos atacar os Cullens. Eles são a família dela e eu nunca poderia explicar que ajudei amatar a sua família. Eu respondi em tom calmo e sentia que meu corpo estava estável.- Então a trégua continua¿ Eles nas terras deles e nós nas nossas¿ - Sim!! Um dia os Cullens irão embora e tudo isso irá acabar. Eu continuava olhando para ele etentando imaginar o que pensava. Era muito difícil saber o que pensava quando era humano.- E você¿ O que irá fazer quando isso acontecer¿ Ele perguntou. - Provavelmente irei com eles!! Nesse momento todos começaram a xingar baixinho, com raiva peloque iria fazer da minha miserável vida.- Jake!! Leah tentou falar, mas a cortei. - Eu nunca me senti como agora. Essa coisa de impressão é muito forte e não sei se agüentariaficar longe de Nesse. Então se um dia os Cullens partirem e a levarem de mim... Eu acho quemorrerei. - Eu sei como é isso!! Eu não viveria um dia da minha vida sem Kimi. Jared me deu tapinha no meuombro. - Nós entendemos como você se sente, Jake. Depois que eu conheci Rachel minha vida tomououtro sentido e não sei se viveria longe dela.Simplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 10 de 323
  11. 11. - Todos os que têm uma impressão sabem o poder que isso tem!! Hoje não me importo nem com ofato de Bella ser uma vampira. Ela que viva com o vampiro dela, mas Nesse é tudo o que eu tenho enão posso perdê-la.- Jake!! O que ela é¿ Sam questionou e puder entender claramente a sua pergunta.- Ela é uma mestiça! Ela é humana, com sangue, coração batendo, pele branca, mas rosada. Mas...Eu fiz um silencio para tentar medir como iria falar o restante. - Mas ela também é vampira! Eles estão dando leite para ela, mas ela não gosta do leite. Ela gostade sangue. Eu pude sentir o suspiro pesado de todos que estavam presente na reunião.- Jake!! Você pretende ter alguma coisa, algum dia, com uma vampira¿ Quil questionou.- Eu não tenho escolha!! Você rejeitaria Clair¿ Eu fui duro com ele.- Ela fede¿ Jared perguntou.- Não!! Ela tem um cheiro diferente deles. È doce, mas não é igual. Não sei como explicar.- Alguma coisa mais relevante sobre a sua vampira¿ Sam estava impaciente e chateado.- Ela cresce muito rápido e apenas 3 dias ela parece ter um ano. Ela tem um dom especial!!- Como assim¿ Paul perguntou.- Ele coloca a mão em você e consegue se comunicar, dizer o que quer e mostrar imagens queSimplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 11 de 323
  12. 12. quer. Eu falei rindo, porque me lembrava dela mostrando a minha cara quando a vi pela primeiravez. Eu parecia um bobo. Depois da reunião, voltei para a casa dos Cullens e a Barbie estava com ela em frente a casatomando sol. Eu pude perceber que ela não gostou nada de me ver, mas as mãozinhas de Nesseestavam na minha direção, pedindo o meu colo. E aquilo me encheu de felicidade que irradiavatodos os meus sentidos de homem e de lobo. Eu sabia que não poderia haver felicidade mais completa do que ter aquele lindo bebê nos meusbraços. E sentia que de certa forma ela gostava de mim e precisava está comigo assim como euprecisava dela. Então colocou a mãozinha no meu rosto e mostrou tudo que tinha feito até aquele momento. Epude ver que ficou irritada com mamadeira, com leite, que tentaram fazê-la beber. Também memostrou os pássaros voando pela floresta, a cara de felicidade de Edward quando a segurou pelaprimeira vez.Eu pude ver que ela amava o seu pai, que gostava do seu cheiro e do seu rosto. Logo depois memostrou Bella e ficava me repassando as imagens de Bella, como que pedindo para está com suamãe. Fiquei algumas horas com o meu bebê no colo, brincando com e vendo todas as sensações quesentia. Então a Barbie veio tirá-la de mim novamente e discutimos uma vez...mais uma vez. E sabiaque essa situação seria constante para nós dois. Três dias haviam passado e minha Nesse parecia uma criança de meses, linda, com a pele brancae levemente rosada, gordinha, com os cachos grandes. E eu estava plenamente feliz por ver todasas mudanças naquele lindo bebê, que acabei me esquecendo de Bella. Foi então que Edward e Bella chegaram e fiquei na frente da casa, como um teste para ela. Porquesabia que os recém-nascidos eram desesperados por sangue e descontrolados. E não poderiapermitir que chegasse perto da minha Nesse e a machucasse.O medo de perder Nesse ou de vê-la ferida consumia o meu corpo, e se eu pudesse evitar queBella se aproximasse, pelo menos por uns 10 anos, eu faria.Bella parecia calma e controlada, não sendo capaz de me atacar e isso me deixou muito feliz. Ela estava totalmente diferente agora, muito mais bonita com pela branca, os olhos vermelhos e oseu rosto de uma perfeição que me assustava.E se não tivesse a impressão por Nesse, teria me apaixonado novamente pela aquela linda vampiraSimplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 12 de 323
  13. 13. e sedutora vampira.Quando Edward a levou para casa, Seth e Leah vieram comigo temendo o perigo que estava por vir. Bella estava espantada com a bebê linda que vira no colo da Barbie, mas parecia ansiosa para tê-laem seus braços. Eu acompanhava cada movimente bem de perto e qualquer descontrole que tivesse, tiraria Nessedali correndo o mais rápido possível. Então senti meu corpo estremecer quando Nesse estendeu asmãozinhas em direção a Bella e a loira burra entregou-a. Correr com ela e protegê-la era tudo o que queria, mesmo sabendo que Bella tinha o direito de estácom sua filha nos braços, o medo que sentia era maior que a razão. E só pensava em manter aminha Nesse segura. Alguns segundos se passaram e de repente Jasper estava segurando Bella e Edward tirandoNesse do seu colo. Então meu corpo gelou mais uma vez e a peguei do colo de Edward. E viquando Bella tentava se controlar e entender o que tinha acontecido. Eu estava com a sua filha no colo e ela gritava que a queria novamente, mas não iria entregar aminha Nesse para uma vampira enlouquecida, mesmo que fosse a sua própria mãe. Então Edwardgritou comigo, ordenando que entregasse Nesse para Bella novamente. Mas fiquei relutante quantoa isso,pois o medo que sentia era mais forte que tudo e podia sentir um frio percorrendo a minhaespinha e uma sensação estranha no meu estômago.Então Bella quis entender o que estava acontecendo e porque estava agindo daquele. Porque estava disposto a dá minha vida para proteger a sua filha dela. E no meio da discussão,entendeu o que havia ocorrido e que tivera uma impressão com Nesse e ficou louca.Bella me atacou, contudo Seth e pôs em minha frente e foi ferido em meu lugar. Os dias que se passaram foram estranhos, pois ela se sentia culpada por ter me atacado e aomesmo tempo relutante pela impressão que tivera com sua filha. Mas Edward garantiu que nãohavia nada romântico ou sexual em meus sentimentos e foi mais fácil aceitar.Simplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 13 de 323
  14. 14. 4. A pequena NesseA pequena Nesse Nesse era uma criança adorável que encantava todos a sua volta e apesar de ser uma mestiça,conseguia quebrar o preconceito das pessoas. E sabia que seria impossível, para qualquer umnesse mundo, não amar uma criança tão adorável e tão distinta. Era branca como leite, mas possuía um tom rosado em sua pele , que se contrastava com seuscabelos ruivos, cacheados. Tinha apenas um ano de vida,contudo a sua aparência era de uma criança de 5 anos e issodeixava muita gente intrigado, a começar por Charlie que não conhecia a verdadeira história, masassim mesmo era amada por todos que se aproximassem o suficiente para conhecê-la.A palavra mais própria para defini-la seria “Encantadora”. No início, os meus irmãos sentiram certa repulsa em está próximo, por ser meio vampira, mas apequena conseguiu encantá-los de tal maneira, que em pouco tempo era a mascote da nossaturma. E eu ficava muito orgulhoso pelo amor que eles nutriam pela minha criança tão adorável. Ela comia comida humana, mas não gostava do gosto e para variar o seu cardápio levávamos paracaçar animais pela floresta e isso parecia muito divertido para ela. Então meus irmãos e eu fazíamosexcursões de caça com Nesse e competições para estimulá-la a caçar animais. Pois ninguém queriaque sentisse a vontade de beber sangue humano.E essa situação se tornou tão natural para todos, que se ofereciam para levar Nesse nas caçadasmesmo quando o grupo já era enorme. Eu passava a maior parte do meu tempo dedicando os meus cuidados para ela, mas depois quemontei a oficina no centro de La Push, ficava muito mais difícil passar todos os meus dias próximo.Então corria para o chalé de Edward e Bella, quando saia do serviço e ficava parte da noite lendohistórias.Simplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 14 de 323
  15. 15. A baixinha era um pouco exigente e não gostava de ler a mesma história duas vezes, então tinhaque investir parte do meu salário comprando livros. Mas isso nunca foi um problema para mim, poisse fosse para fazê-la feliz, gastaria todo o dinheiro que recebesse. Edward e Bella pareciam não se incomodar com a minha presença constante em sua casa, poissabiam do amor verdadeiro que sentia e que não haveria motivos para se preocupar comigo ao seulado. Então muitas das vezes dormia em seu quarto, após ler as inúmeras histórias que meobrigava. Meu pai ficava preocupado com a minha obsessão por aquela criança e não entendia que precisavaestá ao seu lado para ser feliz. Então ficava o tempo inteiro reclamando e sugerindo que arrumasseuma namorada, pois não era normal um homem sem experiência sexual na minha idade. Mas sabiaque no fundo ele tinha medo de que um dia me envolvesse emocionalmente com a vampira (assimele a chamava). Até certo ponto, entendia as suas preocupações, mas para mim seria muito difícil arrumar umanamorada, porque seria complicado explicar como não saia de perto daquela criança e mais aindasobre a impressão que tive com ela. Além do fato de não me sentir atraído por nenhuma garota queconhecia. Mesmo tendo que esperar a minha pequena crescer, seria obstinado e agüentaria todos os anosque fossem necessários, para ela se tornar uma mulher. Então eu a conquistaria e seria tudo paraela. Eu amava aquela pequena como se fosse a minha filha e não havia nenhuma conotação românticaem meus sentimentos. E sabia que faria tudo para mantê-la segura e feliz, mesmo que custasse aminha própria vida. É difícil explicar um sentimento tão profundo, que faz você viver a sua vida em função do seramado. Mas o que posso dizer que a minha pequena se tornou a razão do meu viver e nada do quefizesse, faria sentido se não fosse para vê-la feliz. Essa era a minha única preocupação!!! Ver a minha pequena criança, com rosto e voz de querubimfeliz!!Essa era a motivação que me fazia viver cada momento da minha vida. E vivia satisfeito pelomilagre de está junto à tão adorável criatura, que me resgatou do mar de tristeza que vivia.Simplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 15 de 323
  16. 16. Meu mundo mudou no momento em que a vi pela primeira vez. E não era o amor a Bella, o ódiodos vampiros, minha família, a matilha ou qualquer outra coisa que me mantinha vivo. Era ela que me mantinha vivo, que me fazia respirar, levantar todos os dias, olhar para a chuvacaindo e ver a beleza da natureza, olhar para um por do Sol e saber quer valia a pena contemplar anatureza, sorrir sem motivos achando graça nas coisas mais banais do mundo.Como uma criança poderia ter tanto poder para transformar a vida de uma pessoa ¿ Mas a minha pequena mudou todo o conceito que tinha sobre a vida e o mundo. Então viveria esuportaria tudo por ela, só por ela!! Minha pequena criança!!5. A intimaçãoA intimação Era inicio de dezembro e estava cheio de trabalho na oficina, então não iria até o chalé naquelanoite. Mas o telefone da oficina tocou e Seth me informou que Bella precisava falar comigourgentemente. Fiquei em pânico, porque Bella raramente ligava para mim, exceto quando havia algo com Nesse. Eaqueles pensamentos fizeram meu corpo estremecer de preocupação e ansiedade.O que aconteceu com a minha Nesse¿ Pensei. Seth percebeu a minha angústia e tentou me acalmar um pouco, mas só estaria bem quando avisse linda, com a pele rosa e feliz novamente. E enquanto não tivesse a plena certeza que estavabem ficaria ansioso.Simplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 16 de 323
  17. 17. - Calma, Jake!! Pode não ser nada grave!! Ele afirmou, batendo em meu ombro. - Para Bella me ligar a essa hora, é porque alguma coisa muito séria aconteceu. E não esperareiaté a noite para saber do que se trata. Mil coisas passavam pela minha mente e tinha urgência emver Nesse.- Tudo bem!! Pode correr como um cachorrinho para os sanguessugas. Leah despejou com fúria.- Tomem conta de tudo, enquanto descubro o que está acontecendo. Eu disse apertando forte asminhas mãos. E depois fui para casa para tomar um banho, antes de ir vê-los. Fui para casa, tomei banho rapidamente, depois peguei a minha moto e corri para a casa dosCullens. E enquanto estava a caminho, mil coisas passaram pela minha mente e estavaterrivelmente angustiado pelo que teria acontecido com a minha pequena criança.Quando cheguei, subi as escadas correndo e entrei apressadamente pela porta. Então avisteiNesse, no colo de Bella que estava sentada no sofá, corri em sua direção e a peguei no colo.Depois apertei em meu peito de tão angustiado que estava.- Deixa eu te ver!! O que aconteceu¿ Você está machucada¿ Está ferida¿ Fala comigo, Nesse!! Eumal conseguia completar as frases e ela percebeu que estava apavorado. Então colocou amãozinha em meu rosto e mostrou que estava tudo bem e que era um bobo por agir daquelamaneira.- O que aconteceu, Bella¿ Eu implorei por uma explicação.- Rose!! Leve Renesmee para passear, por favor!! Bella pediu franzindo a testa.- Não vai tirá-la de mim agora!! Eu rosnei para Barbie.Simplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 17 de 323
  18. 18. - Cachorro!! Você não vai querer que Nesse escute o que vão conversar, então passe-a para mimagora!! A Barbie gritou e rosnou para mim.- Ok!! Mas traga-a logo!! Eu ordenei, fazendo careta para ela. - Fala logo, Bella!! Eu ordenei, impaciente e percebi que estava tentando arrumar palavras para mecontar o que estava acontecendo. As expressões em seu rosto eram preocupadas e ansiosas.Então pude concluir que era algo muito grave. - Eu vou explicar tudo! Disse Edward, entrando na sala e se dirigindo para o sofá onde Bella estavaimóvel. Então se sentou ao lado dela e apertou a sua mão, depois os dois se olharam por um breveinstante e ele começou a falar.- Recebemos uma carta dos Volturis!! Ele começou e sua expressão era preocupada. - O que eles querem¿ Eu mal conseguia perguntar, pois estava com falta de ar e o coração batendoaceleradp. - Eles nos intimara a ir para Volterra...Querem que fiquemos morando lá até Renesmee ser adulta eresponsável pelos seus atos. - O quêêêêêêêêêêêêêê¿ Eu gritei, apavorado com a possibilidade da minha criança junto aquelesassassinos. - Nós não temos muitas alternativas, mas podemos nos negar. Contudo sofreremos asconseqüências de uma negativa! Disse Edward com a voz baixa. - Quer criar a sua filha em um covil de vampiros assassinos¿ Como é possível¿ Eu me recusoacreditar nisso!! Não pode ser!!! Eu não vou aceitar isso!! Eu estava nervoso e muito exaltado.Simplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 18 de 323
  19. 19. - A escolha não é sua!! E se for para manter a minha filha viva, farei o que for necessário!! Edwardolhou para Bella e beijou a sua testa. E pude ver as expressões de pavor, medo e angústia no rostodela.- Eles nunca nos deixarão em paz!! Ela sussurrou. - Vocês não podem fazer isso comigo!! Por favor¿ Não podem levar Nesse de mim!! Não podempermitir que ela conviva com assassinos! Eu esbravejava no sofá e depois fiquei andando de umlado para o outro, totalmente desorientado. - Nós ainda estamos pensando no que fazer e você será informado sobre a nossa decisão. Edwardrespondeu. E nós ficamos discutindo por um longo tempo e depois resolvi ir embora para esfria aminha cabeça.Subi na minha moto e corri desesperado para La Push, com ódio do mundo, dos Volturis e dosCullens. Então quando entrei na oficina, fui chutando a porta, destruindo tudo o que aparecia naminha frente.Sam, Jared, Paul, que estavam conversando com Quil, Embry, Seth e Leah, tentaram me segurar omeu ataque selvagem de fúria. - Malditos!!! Desgraçados!! Demônios !!! Eu vou acabar com todos eles!! Eu estava cego e nãoconseguia pensar em nada racional.- Jake!! Jake!! Calma!! Seth tentava me segurar.- Deixa ele desabafar! Ordenou Sam.- Ele vai destruir tudo! Leah gritou.- Jake! Se acalme!! Sam falou baixo para mim e colocou a mão sobre o meu ombro.Simplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 19 de 323
  20. 20. - Ok!! Deixa eu tentar respirar!! Eu estava tremendo e com muita fúria, mas não poderia destruir aoficia e bater nos meus irmãos.- O que aconteceu¿ Perguntou Seth com expressão de pavor em sua face. - Os Volturis!! Eles querem levar Nesse... Querem que ela fique em sua cidade até ser adulta eresponsável. E os Cullens estão com medo negar isso a eles.- Mas os Cullens são obrigados a ir¿ Sam perguntou. - Eles estão com medo de represália. Aqueles covardes!! Eu gritei chutando uma lata com todaforça. - Vocês conseguem imaginar a minha Nesse vivendo com um monte de assassinos¿ Eu estavainconformado, mas também preocupado com a saúde mental da minha criança. - Jake!! Eles são a família dela e farão o que achar melhor para ela. Então fique calmo! Elerespondeu.- Eu vou para casa. Eu os informei e sai da oficina. Fui para casa e passei o restante do dia deitado em minha cama, pensando em tudo o que haviaacontecido.Estava muito preocupado com a possibilidade da minha Nesse partir e mais ainda de viver com osVolturis. Já estava ficando louco com os meus pensamentos, então peguei no sono. Quando acordei, já havia anoitecido e era um pouco tarde, mas tinha que ver a minha Nessenovamente. E o que estava sentindo era mais do que saudade, era necessidade de está junto aSimplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 20 de 323
  21. 21. minha criança, pelo medo que tinha de perdê-la.Então peguei a minha moto e me dirigi para o chalé dos Cullens rapidamente. E quando cheguei,Edward estava na porta me aguardando.- Como você está¿ Ele me perguntou, parecendo preocupado.- Mal!! Preocupado!! Respondi.- Nesse está esperando você! Ele disse.- Eu vou vê-la. Eu disse entrando no chalé. Quando cheguei ao quarto, ela estava deitada na cama ouvindo a história que Bella contava comexpressão triste no rosto. Então quando me viu, deu um grito estridente e esticou os braços paramim.- Jake!! Jake!!- Eu estou aqui, minha criança! Eu sentei em sua cama e a abracei bem forte e senti as suasmãozinhas quentes alisando o meu rosto, enquanto me mostrava os detalhes do seu dia.-Ela estava muito chateada por você não ter aparecido. Bella disse. - Eu não deixaria de vê-la. Ainda mais hoje! Eu respondi, olhando tristemente para Bella. Depoiscoloquei o meu rosto nos cabelos de Nesse, para sentir aquele cheiro maravilhoso que tinha.- Depois conversamos!! Assuma o seu lugar de contador de histórias oficial da senhorita RenesmeeCarlie Cullen. Bella disse e saiu do quarto.Simplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 21 de 323
  22. 22. Contei uma história para ela por um bom tempo, pois insistia em não dormir e não me deixaria irembora. E mesmo que deixasse, não conseguiria abandonar a minha Nesse naquela noite.6. A partidaA partida Era véspera de Natal e estava ansioso para ver a minha Nesse, e entregar o presente que haviacomprado. Então fechei a oficina mais cedo, fui para casa me arrumar e depois tinha planos devisitar os meus irmãos e amigos, antes de ir para a casa dos Cullens. Tinha certeza que Alice faria uma grande festa para Nesse, no seu primeiro natal. Então passaria aocasião com a minha pequena criança e estava louco para entregar o seu presente.Fui para casa de Sam, pois sabia que os outros já estariam lá e fiquei algum tempo com eles. Quando se aproximava das vinte e duas horas, peguei a minha moto e corri para a casa dosCullens. Mas para minha surpresa, quando cheguei lá, as luzes estavam apagadas e não havia sinalde habitação na casa. Meu corpo começou a tremer de nervoso, senti um frio subindo pela minha espinha e as borboletasflutuaram em minha barriga. E mesmo assim, subi as escadas para ir até a porta principal e vi umpapel, que estava pendurado na porta.O envelope era branco e estava escrito com letras garrafais: JACOB. Corri para minha moto e me dirigi como um louco para casa, pois não tinha coragem para lê o queestava escrito naquela carta e precisava tomar coragem para ler, o que já imaginava que seria.Simplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 22 de 323
  23. 23. Cheguei em casa, sentei em meu sofá e as lágrimas escorreram pelo meu rosto, pois já sabia o queestava escrito e o que havia acontecido. Mas não queria aceitar os fatos e não tinha coragem paraabrir e ler. Billy estava nervoso pelo meu estado e ligou para alguém, que não identifiquei exatamente quemera. Mas já imaginava que avisaria aos meus amigos. Mas aquela altura, não me importava com mais ninguém e só queria arrumar uma forma de acabarcom aquela dor, que dilacerava o meu coração.Então tomei coragem e abri a carta!!JakeEu sei que nesse momento você está nos odiando,mas tudo o que fizemos foi para o bem de Nesse.Eu prometi, há algum tempo atrás, que nunca mais o faria sofrer,Contudo essa é uma situação foge ao meu controle.Nós conversamos diversas vezes para encontrar uma saída,Mas no fim de tudo, a vida dela estaria em risco se recusássemos.Eu não espero que você entenda ou que aceita, mastente se manter vivo, até o dia que seja seguro paraa nossa volta.Nós ficaremos um Volterra, mas a exigência deEdward foi que tivéssemos a nossa própria casaSimplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 23 de 323
  24. 24. e que os Volturis não interferissemna educação de Nesse.Nós ficaremos aqui por 5 ou 6 anos,E quando ela for adulta, voltaremos para Forks.Então ela não terá muito contato com eles.Tenha certeza que não permitiremosque nossa filha se torne um monstro.Então fique tranqüilo.Renesmee está sofrendo muito e choroupor horas quando contamos quepartiríamos sem você.Então pela pediu para dizer que te ama!!Ela te ama muito!!!Isso é a única coisa que ninguém tirará dela.Assim que eu puder, ligarei para vocêe deixarei você ouvir a voz dela.Também mandarei todas asfotos que tirarmos dela.Assim você não vai perder o seu crescimento.Espero que um dia possa me perdoar por isso.Simplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 24 de 323
  25. 25. Com amor, Bella. Li a carta várias vezes e aquelas palavras cortavam cruelmente o meu coração. Mas sabia que nãopoderia fazer nada para reverter à situação.Mesmo que tivesse condições financeiras, para ir para a Itália, como faria para encontrá-los¿ Não fazia idéia de onde ficava Volterra e nem sabia falar italiano. Então como faria para chegar atéos Cullens¿ E se os encontrasse¿ Como traria Nesse de volta¿Merda!!! Isso é um verdadeiro inferno!! Gritei. Estava totalmente perdido em meus pensamentos, chorando como uma crianç, quando Sam entrouem minha casa.- Cara,você está horrível!! O que aconteceu¿ Ele perguntou, batendo em meu ombro.- Eles foram embora! Eu falei com a voz embargada.- Embora para onde¿ Ele olhava para mim, intrigado.- Leia! Eu entreguei a carta para ele. E vi a cara de decepção ao terminar de lê-la.- Você precisará ser forte, para esperar Nesse voltar.- Você já ficou muito tempo longe de Emily¿ Eu perguntei de cabeça baixa.- Eu nunca estive mais de um dia longe dela e sei o que você está sentindo.Simplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 25 de 323
  26. 26. Depois que Sam saiu, troquei de roupa e corri para a floresta. Pois sabia que era a única forma desuportar a partida da minha Nesse. Então me transformei e corri o mais rápido que pude durantedias.7. ReclusãoReclusão Corri durante algumas semanas sem destino, procurando algo para acalmar o meu coração dasaudade que sentia da minha pequena criança. Mas não havia uma razão para ficar correndo semrumo e sabia que a única forma de ter alguma notícia de Nesse, seria permanecer em La Push. PoisBella havia prometido que faria contato e deixaria conversarmos pelo telefone. Voltei para casa e já não tinha se quer uma noção de tempo e espaço. E realmente não havia medado conta de quanto tempo permaneci fora. Então quando voltei, todos estavam preocupados etentaram me apoiar o máximo possível. Era tão difícil olhar para eles e ver a pena em seus olhos, mas na situação em que estava não meimportava com a opinião alheia. Apesar de terem atormentado os meus pensamentos, durante otempo que estive fora, ainda sim era mais difícil encará-los de frente.Queria não ser tão fraco!! Mas essa saudade está me matando. Pensei - O que vocês fazem aqui¿ Perguntei para os meus irmãos, que se espremiam na sala da minhacasa, a minha espera, depois de ouvir nos meus pensamentos que estava regressando.Simplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 26 de 323
  27. 27. - Jake! Vai ficar tudo bem. Nós sabemos que você está sofrendo, mas cinco anos passam rápido!Disse Quil para mim. - Que merda é essa¿ Vocês querem me dá lição de moral¿ Realmente não preciso disso!! Eu disseirritado para ele. - Jake, não estamos aqui para te ajudar! Todos nós estamos sofrendo com você e estamos aquipara dá um apoio moral! Disse Embry. - Não quero ajuda!! Quero ficar sozinho!!! #@@@%@!@@%%$@*& !! Comecei a xingar todos osnomes que conhecia e os coloquei para correr da minha casa. Eu realmente não ficaria como umbabaca, ouvindo os conselhos. Então pensei que já estava tudo ruim o bastante, mas Billy chegou em casa e começou aquelaladainha em meus ouvidos e já estava ficando muito “p” com ele também. Entãocheguei a conclusão que precisava de um canto só para mim. Sai de casa e comecei a correr as terras de La Push, no lado norte indo para Ozette, havia umavelha cabana abandonada e me interessei muito pelo lugar. Fui procurar o velho ancião Quil Atera, avó de Quil, para saber informações sobre a cabana, e tivesorte dele lembrar quem era o dono daquele coisa. Então me dirigi para a casa de um velho senhore depois de um tempo de conversa, consegui convencê-lo a me vender a cabana por um bom preço.Raspei todo dinheiro que tinha guardado na poupança, para pagar pela cabana e pela reforma.Depois de três semanas consegui deixar o lugar habitável para eu morar. Eu continuaria a morar com Billy,afinal éramos só nós dois, mesmo depois da volta de Rachael queestava morando com Paul. Mas teria um canto para ficar curtindo a minha depre, sem ninguém parame encher o saco. Então passaria os meus dias no meu recanto, escondido no meio da floresta, e anoite voltaria para casa.Simplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 27 de 323
  28. 28. Mantive essa rotina por 4 meses e já estava ficando louco sem notícias de Nesse. E se Bella nãofizesse um contato logo, arrumaria uma forma de ir para a Itália procurá-los. Meus dias eram de extrema solidão, deitado na cama do quarto escuro, sem ver ninguém, sem vertelevisão, ouvir rádio nem pensar (estava muito deprimido para isso), contudo precisava metransformar durante as noites. E não era apenas por uma obrigação, mas em um mês que deixei deme transformar havia envelhecido pelo menos um ano e se quisesse permanecer jovem paraesperar Nesse, não haveria outro jeito. Essa era a pior parte, pois tinha que ficar ouvindo os pensamentos dos outros e o compartilhar omeu sofrimento e a minha dor. E apesar de pedir um pouco de privacidade, raramente issoacontecia. É tão difícil descrever a dor que sentimos quando estamos longe de alguém que amamos!! Apalavra saudade é tão relativa e difícil de se interpretar!! Como poderia explicar o vazio que sentiano peito, pelo simples fato de não sentir o cheirinho doce de bebê da minha peque criança¿Como poderia explicar a ansiedade que sentia, por esperar por uma notícia¿ Você simplesmente não consegue parar de pensar na pessoa e fica imaginando: Onde ela está¿ Qque está fazendo¿ O que está pensando¿ O quanto ela crescer¿ O que ela aprendeu de novo¿Quais comidas tem experimentado¿ Qual o tamanho dos cachos dos seus cabelos¿ Quantoscentímetros cresceu¿ Quantos livro já leu (ela já lia, apesar de ouvir os outros lendo para ela) ¿ Era enlouquecedor ficar imaginando cada minuto de seu dia, cada sorriso que sairia dos seuslábios, o seu jeitinho de dormir brincando com os cachos dos cabelos.... E se não recebesse umanotícia logo, realmente ficaria louco. Haviam passado cinco meses e Seth veio até ao meu canto de reclusão, trazendo um pacote quehavia chegado da Itália. Então quase morri com o choque e a ansiedade para ver o que tinha nopacote, rasgando-o a embalagem com toda ferocidade que podia. Bella havia enviado um álbum de fotográfica de Nesse, com mais de 50 fotografias tiradas naquelescinco meses. E fiquei tão emocionado, que chorei como uma criança olhando para aquele rostinhotão lindo que mudava a cada dia. Mas além do álbum, havia um lenço com o cheirinho doce daminha pequena criança e não larguei mais aquele lenço. Era magnífico ter algo de Nesse junto comigo e sentia como se uma parte dele estivesse ao meulado.Simplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 28 de 323
  29. 29. Ela também havia escrito uma carta, onde me explicava algumas coisas:Querido Jake,Sei que demorei muito para dá noticias,Mas as coisas aqui não são muito fáceis.E apesar de vivermos em nossa própria casa,Somos vigiados dia e noite,então enviar uma correspondência fica muito difícil.Aro tem cumprido com sua promessade não interferir na educação de Nesse,mas nos visita todos os diase faz questão em deixar claro que está de olho.Eventualmente Edward, Alice e eu somos usadosem suas missões,mas isso não vem ao caso.Nesse está crescendo muito fortee inteligente.Carlisle a ensinou italiano e Francese Edward a ensinou tocar o piano.Simplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 29 de 323
  30. 30. E ela toca com muita desenvoltura.Agora está fazendo as suas próprias composições.Ela sempre pergunta por vocêe diz que sente muito a sua falta.Sinceramente estou arrependidade ter concordado em vir para cá,pois me parte o coraçãover que minha pequenaesta sofrendo de saudade.O problema é que não temos comovoltar atrás e precisaremosmorar aqui até que esteja adulta.Nesse pediu para dizerQue te ama muito, sente saudade das históriase das caçadas com você.Ela deu muitos beijos no lençoque enviei e disse paravocê receber cada beijinho.Sei que está muito difícilSimplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 30 de 323
  31. 31. para você ficar longe delae tudo o que mais queroé que acabe logo,mas peço que seja fortee continue vivo.Gostaria que as coisasfossem diferentes,e não precisássemoste machucar tanto,mas as coisas não são como queremose só posso te pedir perdão por tudo.Assim que puder,ligaremos para você,mas no momento não dá,pois os telefones são grampeadose os nossos celulares não funcionam aqui.Sabemos que eles têm celulares,mas os deles funcionam,então tentarei persuadirAlec a me emprestar o delee ligarei para você.Simplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 31 de 323
  32. 32. Se cuida!Com amor Bella e Nesse!! As palavras de Bella eram um alívio, mas também uma prisão para mim. Pois sabia que estavampresas em um lugar que não gostavam e não tinham como voltar ou fugir. Mas atenderia o seu pedido e seria forte para esperar a minha pequena criança. Mesmo que a dorda saudade dilacerasse o meu coração, continuaria a viver por ela. E sabia que um dia ela votaria enunca mais a perderia da minha vista. Decidi voltar ao trabalho, mas ficava muito quieto e evitava conversar com os outros. Pois nãoqueria dizer o que estava sentindo. E assim passeis o primeiro ano sem a minha Nesse. O mais difícil para mim, foi a chegada do Natal, que me fazia lembrar de tudo o que haviaacontecido. Mas seria forte e agüentaria toda aquela dor novamente. Decido reformar um dos quartos e deixá-lo pronto para minha Nesse, mesmo sabendo que nãovoltaria tão cedo. Então pintei as paredes de branco, coloquei papeis de parede rosas, comprei umacama, uma cômoda e uma escrivaninha (tudo branco). E decidi encher o quarto de bonecas e ursos. Quando terminei o quarto de Nesse, parecia o quarto de uma princesa e aquele seria o meu localde reclusão. E seria ali que encontraria forças para continuar a viver, pois sabia que ela voltaria econtraria tudo perfeito e arrumado, e o seu sorriso seria gigantesco. A chegada do natal, como já imaginava, foi péssimo para mim. E a única coisa que queria era ficarsozinho e não ouvir os conselhos de ninguém. Mas para o meu desgosto, meus irmãos foram para omeu canto de reclusão, para me reconfortar e resolveram fazer uma festinha para mim.Ah!! Fiquei muito “p” da vida e coloquei todos para correr de lá.- Jake!! Viemos curtir o natal com você. Disse Jared, entrando na minha cabana com os outros oSimplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 32 de 323
  33. 33. seguindo. Eles estavam carregados de comidas e bebidas, e provavelmente pretendia me dá umporre.- O quê¿ Quem convidou vocês¿ Eu quero ficar sozinho!! Gritei furioso.- Não seja estraga prazer!! Vamos comemorar o natal aqui!! Disse Quil, dando uma gargalhada. - #%&@$%&***!!!! @*¨%#$!!! Comecei a xingar um monte de palavrões e pus todos para correr. Onatal já era difícil de aturar e eles ainda queriam fazer uma graça. Eu não suportaria aquilo. Então os meses continuavam a passar e quando percebi já haviam passado quatro anos. Erealmente não sei como suportei cada dia, cada minuto, cada segundo, mas depois de algum tempoficou mais fácil. Pois Bella havia feito amizade com Alec, um dos bruxos dos Volturis, ele a deixavaligar do seu celular. Então falava com a minha Nesse todas as semanas e era menos insuportávelagüentar a saudade ouvindo a voz de querubim.- Oficina Black- Jake¿ É Bella!- Bella!! Deixa eu falar com Nesse¿- Como você está¿- Estou bem!! Mas passa para Nesse!!!- Jake!! Eu estou com saudade. Quero ver você, mas não deixam. Nesse dizia quase chorando.- Como você está, princesinha¿- Bem! Fiz uma música para você. Papai me ensinou a tocar.-E você gosta de tocar¿ - Amor o meu piano!! Amo você, Jake!- Também amo você, princesa!- Quando você vem me ver¿ Ela parecia ansiosaSimplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 33 de 323
  34. 34. - Um dia vou visitar vocês!!- Jake! É Bella! Tenho que desligar.- Não! Por favor!- Quando puder, ligo novamente. Se cuida! Ta¿ Aquela foi à primeira ligação, em dois anos sem comunicação, e fiquei eufórico com a voz do meupequeno querubim. Então passava os meus dias ansioso, para receber as ligações e as fotos quechegavam mensalmente. Voltei a ouvir música e a sair com os meus irmãos, depois que comecei a receber as ligações daminha pequena criança. E podia notar que o seu timbre de voz mudava a cada mês e isso era umsinal que estava crescendo rápido, o que era ótimo para todos nós. Mais um ano havia passado e agora estava mais ansioso para a chegada dos Cullens. E apesar denão ter uma data certa para voltarem, sabia que seria um questão de meses. Pois a última conversaque tive com Nesse, a sua voz era de uma mulher adulta. E as últimas fotos que Bella enviara,aparentava os seus 16 ou 17 anos. Nesse era a criatura mais linda do mundo, com seus cabelos ruivos, a pele branca, os lábiosdesenhados, o nariz arrebitado, os olhos castanhos escuros, sobrancelhas perfeitas. Eu rostoparecia totalmente simétrico e não conseguia encontrar nenhuma imperfeição. Fiquei olhando as suas fotos por horas, e decidi montar um moral em seu quarto, com fotos detodas as suas etapas. Então preparei o mural, com minhas próprias mãos, e prendi as diversas fotoscom imãs.O quadro ficou perfeito! Tinha certeza que Nesse amaria o seu quarto, que a cada dia ganhava um objeto novo dedecoração. E já havia contato dez bonecas, 8 ursos e o seu novo mural de fotografias.Simplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 34 de 323
  35. 35. Tinha um enorme ciúme do quarto e quando recebia visitas, não permitia que entrasses. Mexer nascoisas serial um crime e mataria o primeiro que se atrevesse. Quil até ficava chateado, pois Clair era doida para ver o quarto, mas nunca permiti que entrasse. Edizia que estava obsessivo e doente. Mas não me importava com a sua opinião dos outros. Pois havia encontrado o meu canto de reclusão, um lugar só meu e que me fazia sentir maispróximo da minha pequena criança.Era mês de fevereiro e o tempo estava bastante frio, por isso não havia muito movimento na oficina. Então estávamos sentados conversando, quando um conversível preto parou na porta e pude veraquela mulher linda descer do carro. Contudo não a reconheci de longe, mas o cheiro eraincomparável.Corri para a porta da oficina e a peguei em meus braços. - Bells!! Você está linda!! Onde está Nesse¿ Estava muito ansioso para ver a minha Nesse e nãocontive o meu entusiasmos, mas os olhos desesperados dela me diziam que algo estava errado.- Jake!! Eu não sei como te dizer isso... Ela gaguejou e depois soltou um grunhido de dor.- Onde está minha Nesse¿ Eu exigi, já ficando Nervoso.- Aconteceu algo!! Eu não sei como dizer, mas....CONTINUASimplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 35 de 323
  36. 36. 8. Como viverei sem meu anjo?Como viverei sem meu anjo?- Pelo amor de Deus!! Fala logo!! Onde está Nesse?- Jake!! Eu... Bella começou a engasgar, então caiu em meus braços. E apesar de não saber o quehavia acontecido, abracei-a e começamos a chorar juntos (mesmo que as lágrimas não rolassemem seu rosto).Meu coração estava apertado e sentia uma necessidade desesperada de saber a verdade quedestruiria a minha vida. O meu golpe de misericórdia.Onde está a minha pequena criança? O que ocorreu com ela? As palavras martelavam em minhacabeça, enquanto as lágrimas rolavam pelo meu rosto.- Jake! Renesmee está morta! Foi o golpe fatal, o último suspiro de um homem desesperado paraviver, de um amor não realizado, de uma saudade contida por anos, o fim da esperança, adestruição dos meus sonhos.- Meu amor.... Minha criança morta... Não... Não... Eu na conseguia terminar uma frase se quer.- Conte-me tudo! Ordenei, sentindo as forças faltarem em meu corpo, então cai no chão, de cabeçabaixa e deixei a dor cortar meu corpo de uma única vez. Precisava saber toda verdade.- Nós estávamos fazendo as medições por meses, para ter a prova final do amadurecimento deNesse. Então fomos aos irmãos Volturis e entregamos todos os laudos de Carlisle.Aro perguntou a Renesmee se não gostaria de ficar e ser parceira de seu filho Paolo ou de Alec.Mas ela se recusou e disse que tinha pressa em viver a sua vida.Então ele nos ofereceu uma grande festa de despedida e tudo parecia ir muito bem. E até deixouAlice responsável pela organização da festa, pois sabia como ela adorava essas coisas.Nós arrumamos as nossas coisas e deixamos tudo embalado para nossa partida no dia seguinte. Efomos para a festa, mesmo a contra gosto.Algumas horas haviam passado e Renesmee quis ir para casa, pois estava muito cansada comaquele dia tão agitado, mas tínhamos que ficar para receber os convidados.- Ela estava tão feliz!!! Falava em voltar para Forks com tanta felicidade!! Nunca vi a minha filhaSimplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 36 de 323
  37. 37. querer tanto alguma coisa na vida!!! Ela sentia tanto a sua falta.... Bella ficou um tempo parada, como olhar perdido no espaço, enquanto esperávamos pelo relato final.-Estávamos no meio da festa, fingindo confraternizar com os Volturis e os seus convidados. Entãopercebemos que se retiraram e ficamos um pouco preocupados, mas até aquele momento nada erasuspeito.Alice teve a visão Caius falando algo com Felix e depois de Aro dando uma ordem para Jane. Entãoficamos alarmados e decidimos ir para casa...- Nãooooooooo!!! Bella gritava em desespero, fazendo a minha dor crescer ainda mais.-O que aconteceu com ela? Eu falava com a voz embargada enquanto chorava.- A casa pegou fogo... Renesmee não saiu ... alguma coisa... ela morreu carbonizada!! Bellasuspirava fundo e gemia de dor.- Nãoooooooooooo!! Malditosssssss!!! Minha pobre criança!!!!Eu corri o máximo que pude e de alguma forma teria que acabar com a minha dor, então a primeiracoisa que fiz foi me dirigir para a estrada. Então atravessei a frente do primeiro carro avistei.O impacto do choque e a dor causada não era nada comparado com o meu coração dilacerado. Eapesar dos meus ossos estarem todos quebrados e de ter ficado com ferimentos graves, aindasentia meu coração dor tanto... Então perdi a consciência e não sei por quanto tempo fiqueidesacordado, mas quando abri meus olhos novamente a dor ainda estava lá, rasgando o meu peito.Aquela foi a minha primeira tentativa de morrer, mas o destino insistia em me manter vivo. E tiverque ficar internado, e com o doutor presas cuidando de mim por semanas, até que meu corpo serecuperasse.Mas meu coração não seria remendado e sabia disso perfeitamente!!Estava em um maldito quarto hospital e não havia como fugir, correr ou fingir que nada estavaacontecendo, nem que as pessoas que me visitavam não existiam. Mesmo assim, não conseguiadizer uma única palavra e meus pensamentos estavam em um tempo bom, onde tinha a minhapequena criança ao meu lado.Seth trouxe um pequeno rádio para mim, então como um marica piegas ficava escutando cançõesque me faziam lembrar ainda mais da minha pequena.Meu Imortal(My Immortal)Eu estou tão cansada de estar aquiReprimida por todos os meus medos infantisE se você tiver que ir, Eu desejo que vá logoSimplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 37 de 323
  38. 38. Porque sua presença ainda permanece aqui e isso não vai me deixar em paz.Essas feridas parecem não cicatrizarEssa dor é muito realIsso é simplesmente mais do que o tempo pode apagar.Quando você chorou eu enxuguei todas as suas lágrimasQuando você gritou eu lutei contra todos os seus medosEu segurei a sua mão por todos esses anosMas você ainda tem tudo de mim.Você costumava me cativar com sua luz ressonanteAgora sou limitada pela vida que você deixou pra trásSeu rosto assombra todos os meus sonhos que já foram agradáveisSua voz expulsou toda a sanidade que havia em mim.Essas feridas parecem não cicatrizarEssa dor é muito realIsso é simplesmente mais do que o tempo pode apagar.Quando você chorou eu enxuguei todas as suas lágrimasQuando você gritou eu lutei contra todos os seus medosEu segurei a sua mão por todos esses anosMas você ainda tem tudo de mim.Eu tentei com todas as forças dizer à mim mesma que você se foiMas embora você ainda esteja comigoEu tenho estado sozinha por todo esse tempo.Quando você chorou eu enxuguei todas as suas lágrimasQuando você gritou eu lutei contra todos os seus medosEu segurei a sua mão por todos esses anosSimplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 38 de 323
  39. 39. Mas você ainda tem tudo de mim...de mim...mim...Tinha certeza que a minha dor não passaria nunca, mesmo que um dia diminuísse, sempre estarialá massacrando o meu coração, lembrando-me de momentos que tudo era perfeito e bonito paramim.Mas agora ela se foi e o que restou em minha vida foi dor, saudade e desespero.Meu anjo!! Onde andará o meu anjo? Ela estará em um paraíso florido, bonito, com céu azul,borboletas voando, pássaros cantando e o seu sorriso encantado em seu rosto perfeitopermanecerá para sempre!!O anjo que me salvo de todas as formas possíveis e impossíveis, que me fez homem, que fez minhamente amadurecer, que me deu coragem para viver.O anjo que encantava os meus sonhos todas as noites.Eu nunca esqueceria o rosto do meu doce do meu anjo!Anjo perfeito!!A criatura mais encantadora e perfeita!!Minha Nesse!!Teria dado minha alma para ficar ao seu lado!!!Não há motivos para vive e suportar a dor, sem a esperança de rever o meu anjo, então terei queencontrar uma forma de partir e buscá-la em outra vida, se isso fosse possível.Mas não viveria infeliz sem o meu anjo!!!Anjo(Angel)Gaste todo seu tempo esperandoPor aquela segunda chance,Por uma mudança que resolveria tudoSempre há um motivoPara não se sentir bom o bastante,E é difícil no fim do dia.Eu preciso de alguma distração.Simplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 39 de 323
  40. 40. Oh, perfeita liberaçãoA lembrança vaza de minhas veias...Deixe-me vaziaE sem peso e talvezEu encontrarei alguma paz esta noite.Nos braços de um anjo,Voe para longe daqui,Deste escuro e frio quarto de hotelE da imensidão que você teme.Você é arrancado das ruínasDe seu devaneio silencioso.Você está nos braços de um anjo,Que você encontre algum conforto láTão cansado de seguir em frente,E para todo lugar que você se viraExistem abutres e ladrões nas suas costas,E a tempestade continua se retorcendo.Você continua construindo a mentiraQue você inventa para tudo que lhe faltaNão faz nenhuma diferençaEscapar uma última vez.É mais fácil acreditar nesta doce loucura, ohEsta gloriosa tristeza que me faz reconhecer a derrota.Nos braços de um anjo,Voe para longe daqui,Simplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 40 de 323
  41. 41. Deste escuro e frio quarto de hotelE da imensidão que você teme.Você é arrancado das ruínasDe seu devaneio silencioso.Você está nos braços de um anjo,Que você encontre algum conforto láVocê está nos braços de um anjo.Que você encontre algum conforto aí.Sai do hospital em algumas semanas, mas continua quebrado por dentro e não haveria uma formade juntar os cacos que ficaram. Então estava decidido a encontrar uma forma de partir.Fiquei dias trancado em meu canto de reclusão, olhando as fotos do meu anjo e desejando que tudoaquilo fosse apenas um pesadelo. Mas nada aconteceu e continuei com a dor sufocando o meupeito e matando a minha alma a cada dia miserável.Havia uma parte de mim que dizia que ela ainda estava viva, que um dia retornaria para mim. Mas olado racional me afirmava o contrário e derrotava todas as minhas esperanças.Decidi que iria morrer de forma lenta e paciente, então comprei veneno e estava disposto a acabarcom a minha miserável vida. Mas o destino mais uma vez se impôs e quando acabei de tomar o queme roubaria a vida, fui socorrido por Seth que realizou os primeiros socorros e me levou novamentepara hospital novamente.Ai foi uma “m”, pois tiveram que realizar um procedimento de lavagem edesintoxicação horrível. Então decido que encontraria uma outra forma de acabar com tudo aquilo, efiquei dias planejando qual seria o meu fim.Depois de alguns meses ainda estava naquela terrível depressão, que me deixava com tendênciassuicidas e a única coisa que aliviava a minha dor, eram os sonhos que tinha com meu doce Anjo!!Então decidi que tinha que dá logo um fim a tudo aquilo, pois a cada miserável dia morria um poucoe não agüentava mais tanto desespero.Meus irmãos, pai, minha irmã e Bella sempre me visitavam , tentando me fazer enxergar novaspossibilidades para minha vida. Contudo nada seria suficiente sem a minha pequena. E nãoimportava o que dissessem, sabia que a dor nunca passaria e ela estaria sempre em minha mente ecoração.Um dia acordei muito “p”, pois não sonhara com a minha pequena salvadora e decidique seria ideal para acabar logo com tudo aquilo. Então peguei uma faca e cortei os meus pulsos,mas sou tão filho da “p” que mesmo sangrando muito não consegui morrer.Simplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 41 de 323
  42. 42. Esse era realmente o inferno!!! O que uma pessoa pode fazer quando não consegue morrer? Seráque sou tão ruim que nem o inferno me quer?Um dia Sam veio até a minha cabana, para termos uma conversa franca. Mas não estava muitodisposto a ouvi-lo e mesmo assim tive que aceitar aquela conversa que não me renderia nada.- Jake!! Precisamos conversar. Ele disse batendo em meu ombro.- O que quer? Perguntei impaciente.- Você está horrível!! E envelheceu uns 3 anos. Ele disse.- Olha Sam, não estou com muita paciência para conversas! Disse irritado.- Você tem que parar com isso!! Ele disse com olhar estranho.- Com o que? Perguntei sem entender.- De ficar tentando morrer!! As matilhas estão adoecendo!- Como assim? Não estava entendendo.- Estou com 10 garotos da minha matilha doentes. Você sabia que Embry e Quil também estão decama? Daqui a pouco serão Seth e Leah!- Eu não sabia! Respondi envergonhado.- Pois é!! Eles estão sofrendo a sua dor e estão adoecendo. E isso continuar assim... Ele nãoconcluiu.- Vou fazer o que puder. Disse para ele.- Você tem que voltar a viver, mesmo sem ela.- Não há vida para mim sem ela.- Precisa encontrar uma forma de continuar.Depois que Sam foi embora, foi uma merda por saber que estava destruindo uma geração de lobosQuileuts, com o desastre da perda da minha pequena. E não poderia acabar com toda umalinhagem de guerreiros por causa dos meus sentimentos, então decidi que encontraria uma formade continuar a viver (mesmo sem a minha vida).A primeira decisão foi voltar para a minha oficina e ocupar o meu tempo com algo útil, para tentarnão pensar em minha pequena criança. Então voltei a trabalhar, apesar de quase não conversarcom ninguém e esconder os meus sentimentos, seria uma boa forma de recomeçar.A segunda decisão foi de voltar a me transformar, pois poderia correr pelas florestas e tentarencontrar na natureza uma forma de consolar a minha perda. Também por gostar de sentir aSimplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 42 de 323
  43. 43. sensação que o vento proporcionava quando corria.Mas procurava não pensar em minha Nesse, pois sabia que os outros sofreriam com os meuspensamentos.Eu não quero falar sobre isso(I Dont Want To Talk About It)Eu posso ver pelos teus olhosQue provavelmente tu estavas chorando pra sempreE as estrelas no céu não significam nada pra ti,elas são um espelhoRefrão:Eu não quero falar sobre issoComo tu me partis-tes o coraçãoSe eu ficar só um pouquinho maisSe eu ficar, tu não ouvirás o meu coração?Meu coraçãoSe eu suporto tudo sozinho,As sombras esconderão a cor do meu coração triste?Pelas lágrimas negras por causa dos temores da noiteE as estrelas não significam nada pra tiElas são um espelhoRefrãoEu não quero falar sobre issoComo tu me partis-tes o coraçãoSe eu ficar só um pouquinho maisSe eu ficar, tu não ouvirás o meu coração?Parei de procurar uma forma de morrer e continuei a vida miserável que o destino tinha reservadoSimplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 43 de 323
  44. 44. para mim, mas o meu anjo estava sempre lá em todos os detalhes. E mesmo quando segurava amerda de um parafuso, as minhas lembranças se voltavam para um tempo em que era feliz com ela.Comecei a beber, como uma forma de esquecer a mágoa, mas o gosto das cervejas que bebia e oefeito que faziam em meu corpo só me traziam as lembranças da minha doce criança.E se houvesse uma forma de voltar o tempo, teria a roubado de seus pais e impedido que alevassem para os seus carrascos.Eu nunca perdoarei os Cullens por isso!!! Nem que viva cem anos esquecerei a forma como alevaram de mim!!!Meu doce anjo!! Minha pequena criança!!! Minha salvadora!!Dois anos se passaram e ainda estava com a alma destruída pela saudada, e lembranças queinvadia todo o meu ser a cada miserável dia de vida. Mas com o tempo, a dor se transformou em umgrande buraco em meu peito e já não doía tanta, mas sentia que precisava de algo para preencher ovazio profundo e obscuro que era o meu coração.E não sabia por quanto tempo mais viveria daquela forma tão triste e sem esperanças, mas algo debom teria que acontecer em minha vida.O tempo passou tão de vagar, mas lembranças permaneceram tão nítidas em minha mente, que sefechasse os olhos conseguia ver o meu doce anjo sorrindo para mim.9. RecomeçoRecomeço Estava deitado no quarto do meu anjo, remoendo as minhas lembranças como sempre fazia eescutei uma batida na porta. Então fui ver quem havia chegado. Leah estava linda, muito bem arrumada com um vestido rosa, justo, em seu lindo corpo. E pelasexpressões em seu rosto, havia algo que a estava deixando tensa.Simplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 44 de 323
  45. 45. Convidei-a entrar na cabana e pedi que sentasse para conversarmos melhor.- A que devo a honra de sua visita ¿Perguntei.- Jake, tem uma coisa muito séria que preciso falar com você. Ela disse franzindo a sobrancelhas.Notei que suas mãos tremiam e que estava medindo as palavras, para o que iria me dizer.- Pode falar! Respondi. - Jake, já fazem dois anos que Nesse se foi. Ela começou da pior maneira, mas não iria interrompê-la. - Você não pode viver a sua vida em função de um fantasma. Existem outras possibilidades e porisso vim conversar com você. Fez uma pequena pausa e depois continuou. - Você é um cara fantástico e merece mais do que uma lembrança, de uma criança que nunca setornou a mulher que esperava.- Estou sem graça em dizer, mas se não tiver coragem agora; nunca conseguirei.- Então diga para que a veio. Disse para ela. - Estou tentando dizer que estou disposta a fazê-lo feliz novamente... Gosto de você... Possoacalmar um pouquinho o seu coração doente. Ela falou envergonhada. - Leah, você está confundindo as coisas. Disse apertando as minhas mãos, que estavam suandofrio.Simplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 45 de 323
  46. 46. Nunca havia pensado em Leah como uma mulher ou uma companheira, apesar de já tê-la vistonua diversas vezes e de achá-la linda. Mas essa situação era totalmente inusitada para mim. - Eu não sei o que dizer... Você sabe que nunca poderei dá o amor que merece e que sempreexistirá uma sombra entre nós. - Não me importa! Só quero uma chance para tentar. Ela disse sério, olhando em meus olhos eaproximando o seu rosto do meu.Nossos rostos estavam bem próximos e podia sentir a sua respiração irregular. Mas também estavamuito nervoso com tudo aquilo, pois o meu último beijo foi em Bella há muitos anos atrás. Ficamos olhando nos olhos um do outro por alguns instante, nossos narizes estavam quase setocando e os nossos lábios estavam receosos pelo beijo que estava para acontecer.Senti um frio percorrer a minha espinha e uma ansiedade estranha, que há muito tempo não sentia.Ela encostou os seus lábios nos meus, então gelei naquele momento. Confesso que tiver medo por mim, mas também de magoar Leah que não merecia ser apenas umconsolo e sabia que merecia muito mais. Então começamos a mover nossos lábios lentamente e pude sentir o gosto suave de sua bacaquente e macia. Inclinamos nossas cabeças mais um pouco e nossas bocas finalmente se abriram, ansiando pelotoca de nossas línguas. Então o nosso beijo ficou mais quente e mais ansioso do que antes. Ela passava uma das mãos pelos meus cabelos e a outra arranhava forte as minhas costas,fazendo-me enlouquecer de desejo. Então a puxei para o meu corpo, passei a minha mão sobre asua cintura fina e com a outra segurei fortemente a sua nuca. O clima começou a esquentar enquanto nos beijávamos, então movi a mão que estava em suanuca para os seus seios e comecei a apertá-los fortemente, fazendo-a gemer de prazer. Ela interrompeu o nosso beijo e depois de olhar em meus olhos, rasgou a minha camisa com umafúria que me deixou preocupado com o que queria fazer.Simplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 46 de 323
  47. 47. - Leah!! Isso não está certo. Eu a interrompi. - Não me importa o certo ou o errado, Jacob Black. Eu quero você e agora mesmo, então pare defrescura e vamos continuar o que estávamos fazendo. Eu fiquei tão surpreso com a sua resposta, mas ao mesmo tempo também estava feliz, pois adesejava da mesma forma. Então tirei o seu vestido, com cuidado para não rasgá-lo e a vicompletamente nua, linda e se oferecendo para mim.Coloquei-a em meu colo e levei para o meu quarto, jogando-a sobre a cama.E depois que tirei asminha calças e deitei sobre ela. Voltamos a nos beijar desesperadamente e não conseguia pensar em mais nada naquelemomento. Contudo fiquei um pouco preocupado, pois não tinha experiência com sexo e não sabiamuito sobre o que fazer. E também não sabia se ela ainda era virgem e fiquei preocupado com essapossibilidade. Então parei por um momento e fiquei olhando para ela, enquanto pensava.- O que foi¿ Ela perguntou tensa.- Eu... eu... não sei... Não consegui completar. - Jake! Eu sei que você nunca transou com ninguém! Então relaxa que vou te ensinar tudo o queprecisa aprender. Ela disse me agarrando com toda ferocidade.Que conversa era aquela¿ Leah me ensinando a fazer sexo¿ Isso não fazia o menor sentido!! Ela encaixou o seu corpo no meu e começou a se mover rapidamente, me fazendo gemer dedesejo e paixão. Então nós transamos a noite inteira e depois acabamos dormindo.No dia seguinte, fiquei preocupara em como ela se sentia. Mas para a minha surpresa estavamaravilhada e muito feliz com a noite que tivemos juntos.Nós tomamos banho e depois café, como se fossemos um casal e para mim aquela situação eramuito estranha.Mas pela primeira vez em dois anos, não acordei pensando em meu anjo perdido.Simplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 47 de 323
  48. 48. Como ainda era bem cedo, fomos para a floresta e corremos juntos por horas. E senti como se algoem mim houvesse renascido novamente, apesar do buraco em meu peito permanecer do mesmojeito.- Como se sente Jacob Black¿ Ela pensou.- Por que está me chamando desse jeito¿ Perguntei curioso. - Agora as coisas são diferentes. Não quero chamá-lo de Jake! Que o chama assim é Bella e ... Elase calou e viu a burrice que havia feito me lembrando da minha pequena criança.- Ok! Você pode me chamar como quiser! Falei sem muito entusiasmo.- Vamos para a cachoeira¿ Ela pergunto.- Podemos ir!! - Quem chegar por último, paga um prêmio para o outro!! Ela gargalhou, pois sabia que era maisrápida do que eu. Corri o máximo que pude, mas não consegui alcança - lá e quando cheguei já estava na água todavitoriosa. - Bem, você me ganhou mais uma vez. O que vai querer como prêmio¿ Perguntei rindo e me sentiestranho, pois não me lembrava da última vez que havia rido de alguma coisa.- Que você seja meu eterno escravo!! Ela disse me chamando para a água com a ponta do dedo eSimplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 48 de 323
  49. 49. com olhar malicioso.Fui para a água e passamos o resto do dia na cachoeira, transando como animais no cio.------------------ xxx ----------------------------------------- Nos assumimos publicamente e dormíamos quase todas as noites juntos em sua casa, pois apesarde ter o meu próprio canto, não queria ficar com Leah no lugar que me trazia tantas recordações eera o meu refúgio. Então ficava em sua casa quase sempre, depois que Seth resolveu nos dá umpouco de privacidade e ir morar com sua mãe e Charlie em Forks. Poderia dizer que éramos amigos, companheiros e amantes, mas apesar de me sentir bem ao ladode Leah, não a amava e ainda sentia o buraco profundo em meu peito que sempre me lembrava domeu anjo perdido. Então tinha a certeza que mesmo construindo uma vida junto com Leah, o meuamor sempre pertenceria à outra e ela estava ciente dessa condição, mas não reclamava. Os meses foram passando rapidamente e eu praticamente havia me mudado para a casa de Leah.E as coisas começaram a ficar mais sérias entre nós, a medida que ela fazia algumas cobrançascomo um compromisso. Nunca havia pensado em me casar com ela, mas a cobrança por um compromisso mais sériocomeçou a me fazer rever toda aquela situação e se já estávamos morando juntos, que mal faria emassinar um papel para oficializar. - Jacob!! Nós já estamos juntos há algum tempo e você praticamente está morando comigo. Entãoacho que seria bom se oficializássemos a nossa condição. Ela falou com pouco receosa da minhareação. - Você tem razão! Não é certo ficar na sua casa, praticamente morando com você. Mas acho queainda é muito cedo para nos casarmos. O que você acha de esperarmos por um ano¿ - Tudo bem! Podemos esperar mais um pouco. Mas poderíamos pelo menos oficializar o nossonoivado. O que você acha¿Simplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 49 de 323
  50. 50. - Concordo com você! Podemos oficializar. E quando você quer fazer isso¿ Perguntei. - Estamos no final de fevereiro e o tempo está muito ruim. Talvez seja bom em Abril, pois o sol vaicomeçar a esquentar e poderemos fazer um grande almoço. Ela respondeu. - Tudo bem! Você pode preparar tudo e fazer a lista de convidados. Eu respondi, beijando a suatesta.- Agora vou sair um pouco!- Jacob! Onde você vai¿ Ela perguntou.- Vou para a cabana. Respondi a verdade, mesmo sabendo que isso a faria sofrer.- Você vai ficar naquele lugar, remoendo pela perda de Nesse¿ Pensei que já estivessemelhorando, afinal ela morreu há três anos. Ela disse com a voz decepcionada. - Leah, não quero discutir com você. Mas nunca prometi que esqueceria Nesse. E você sempresoube que nunca poderei tirar as suas lembranças da minha mente. Então não torne as coisasdifíceis para nós dois. - Jacob, prometo que farei você esquecê-la. Nem que isso demore uns vinte anos. Ela disse com aslágrimas em seus olhos. - Eu não quero magoá-la, mas nunca prometi que esqueceria Nesse ou que a amaria da mesmaforma. Sempre deixei as coisas claras entre nós. Estou aqui com você e isso não vai mudar, masnão posso controlar o que sinto. Disse beijando os seus lábios, super arrependido de deixar aconversa chegar aquele ponto.Simplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 50 de 323
  51. 51. Fui para a cabana, sentindo-me um canalha pelo que estava fazendo com Leah. Mas não haveriaforma de mentir para ela, deixando-a acreditar que havia esquecido tudo e não sofria mais pela faltada minha pequena criança. Entrei no quarto e fiquei olhando o mural de fotos na parede, lembrando do seu sorriso, do cheirogostoso que tinha, do jeito como dormia brincando com seus cachos, de como me obrigava a ler ashistórias até que estivesse super cansada, da forma como caçava, do jeito como gritava o meunome quando chegava em sua casa. Então o buraco fundo em meu peito fez a dor voltar novamentee fiquei o resto da tarde chorando em sua cama. Aquele dia resolvi não voltar para a casa de Leah, pois sabia como ficaria ao me ver naqueleestado lamentável. Então dormi na cabana e sonhei com a minha pequena criança.Estava andando na praia, olhando para o por do sol, quando vi bem distante uma linda mulhermuito branca e com os cabelos vermelhos, cheios de cachos, se aproximando lentamente. Quando ficamos de frente um para o outro, vi o rosto mais lindo e perfeito de todo universo naquelaencantadora mulher. Então ela abriu os braços para mim e gritou JAKE! JAKE! JAKE! Reconheciimediatamente aquele chamado: Minha Nesse!! Acordei assustado e suando frio com aquele sonho tão estranho, pois todos os meus sonhos comela, sempre a vi como a criança que conheci há oito anos e nunca com uma mulher tão linda esedutora. Senti como se alguma coisa estivesse para acontecer, mas não tinha certeza do que aquele sonhosignificava, então resolvi não contá-lo para ninguém. Os dias foram passando rapidamente e estava se aproximando da festa de noivado, que Leah tantoqueria. Tentava mostrar empolgação, para não magoá-la, mas sentia certa tristeza por não está noivandocom a mulher que amava. E mesmo assim levaria tudo a diante só para deixa - lá um pouco maisfeliz, já que o amor que pedia não poderia dá. Sam ofereceu a sua casa para a festa e todos os nossos irmãos estavam empenhados nospreparativos. Percebia que estavam realmente felizes, por ver que finalmente estava começando a me recuperare tocar a vida da melhor maneira possível.Então grande dia chegou, um sábado ensolarado, e tudo estava pronto do jeito que ela queria.Simplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 51 de 323
  52. 52. Todos os convidados haviam chegado e o quintal de Sam estava repleto de mesas espalhadas.Também havia uma grande mesa com um bolo branco e muitos doces. E sabia que não havia maiscomo voltar atrás. Era definitivo!!! Como o pai de Leah havia morrido, fiz o pedido simples e rápido para o seu irmão Seth, que meconcedeu a não de sua irmã de bom grado. Todos estavam rindo e dançando alegremente, e Leah parecia a mulher mais feliz do mundonaquele momento. Vestia um lindo vestido branco, estava usando sapato de salto alto branco, oscabelos apesar de curto estavam bem arrumados, também estava usando um cordão e brincos depedrinhas azuis.E eu estava mais esportivo,com calças jeans e blusa preta. Estava conversando em uma das mesas com Quil, Embry, Sam, Jared e Seth, quando umconversível preto parou na porta de Sam e todos na festa se viraram para olhar. E para minhasurpresa, era alguém que não esperava ver naquele dia: Bella!CONTINUA10. Quem está vivo sempre aparece!Quem está vivo sempre aparece!- Bella! O que faz aqui¿ Perguntei curioso para ela.- Preciso conversar urgente com você! Ela disse com uma expressão que era um misto de pavor,Simplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 52 de 323
  53. 53. angustia e ansiedade.- Você não está vendo que estamos em uma festa¿ Nossa festa de noivado!! Leah disse irritadapara ela.E todos os convidados olhavam curiosos.- Jake, é importante! Preciso de passagem segura nas terras de vocês! Ela disse nervosa.- Passagem para quem¿ Sam perguntou intrigado.- Para Alec e Nesse! Ela disse com pavor.- Você só pode está brincando!! Eu disse com o meu corpo inteiro tremendo e mil coisas passaramem minha mente. Será que ela estava louca¿ O que era tudo aquilo¿ Ela queria me torturar¿- Jake, é serio!! Precisamos ir agora! Ela gritou nervosa.- Bella, pode se explicar¿ Sam ordenou.- Alec nos ligou e disse que está trazendo Nesse com ele. Vão passar por La Push muito breve eprecisamos garantir a segurança deles.- Bella, você enlouqueceu ¿ Ou quer me enlouquecer¿ Eu gritei chamando a atenção de todos.- Olha só, vou ser rápida e sucinta, pois não sei muita coisa! Alec nos ligou e disse que salvouNesse do incêndio, quando Felix tentou matá-la. Então a levou para longe e a manteve segura, maspor algum motivo ele precisa trazê-la de volta agora.- Só me diz uma coisa. Se ela não morreu, por que não nos procurou até agora¿ Eu disse ansioso emuito nervoso aquela altura do campeonato.- Ele disse que Nesse perdeu a memória! Não sabe nada sobre a sua vida! Agora podemos ir,estamos perdendo tempo. Ela gritou.- Quem está na ronda¿ Perguntei para Sam.- Paul!! Sam respondeu também preocupado.Simplesmente Jake [ http://fanfiction.nyah.com.br/historia/54550]Nyah! Fanfiction ~ As histórias são propriedade de seus respectivos autores.Não nos responsabilizamos pelo conteúdo do texto. 53 de 323

×