Your SlideShare is downloading. ×
0
Pós-Graduação em Geografia    Universidade Federal da BahiaCitizens as sensors: the world  of volunteered geography       ...
Autor             Michael Frank Goodchild             Michael Frank Goodchild é geógrafo e             professor de Geogra...
Introdução           Em 1507, Martin Waldseemüller fez um esboço de um novo               continente e o chamou de “Ameri...
Introdução           Martin Waldseemüller provavelmente foi influenciado por               novos livros que circulavam na...
Introdução           Hoje, o ato de nomear uma localidade em referência a uma               pessoa                   pouc...
Introdução           O evento de 1507 pode ser visto como o início de um               fenômeno que tem se tornado eviden...
O mundo em evolução da VGI           Um            dos           exemplos   mais       representativos                 de...
O mundo em evolução da VGI                                         Imagem do site Wikimapia (http://wikimapia.org).       ...
O mundo em evolução da VGI           Pesquisa por hotel no Wikimapia:            Fernanda de Almeida PradoSlide 9   prado...
O mundo em evolução da VGI            Seleção de um hotel específico:             Fernanda de Almeida PradoSlide 10   pra...
O mundo em evolução da VGI            Similar em alguns aspectos é o site Flickr (www.flickr.com),                que per...
O mundo em evolução da VGI            Com uma finalidade diferente, o site MissPronouncer oferece                gravaçõe...
O mundo em evolução da VGI            Ao clicar sobre um             símbolo, pode-se           ouvir a pronúncia do      ...
O mundo em evolução da VGI            Outras atividades de VGI focam na criação de representações                mais ela...
O mundo em evolução da VGI                                 Imagem do site OpenStreetMap (http://www.openstreetmap.org/).  ...
O mundo em evolução da VGI            O autor destaca que ainda há muita informação faltante no                OpenStreet...
O mundo em evolução da VGI            O         autor também ressalta o fenômeno Google como a                democratiza...
O mundo em evolução da VGI                                                                               Mapa de Londres c...
O mundo em evolução da VGI            Esses são apenas alguns exemplos da transformação que                vem ocorrendo ...
Tecnologias que viabilizam a VGI           Web 2.0            Historicamente, a relação entre usuários (clientes) e págin...
Tecnologias que viabilizam a VGI           Web 2.0            Alguns sites têm sido construídos quase que completamente  ...
Tecnologias que viabilizam a VGI           Georreferenciamento            O SIG depende da habilidade de definir localiza...
Tecnologias que viabilizam a VGI           Georreferenciamento            Portanto, para permitir a criação de dados geog...
Tecnologias que viabilizam a VGI           Geotags            Geotag é uma etiqueta que é inserida numa localização      ...
Tecnologias que viabilizam a VGI           Geotags                                         Imagem de uma região da França,...
Tecnologias que viabilizam a VGI           GPS (e outros sistemas de posicionamento por satélite)            Os receptore...
Tecnologias que viabilizam a VGI           GPS                                    Velocidade média de condução registrada ...
Tecnologias que viabilizam a VGI           Gráficos            Até o início dos anos 2000, poucos computadores pessoais  ...
Tecnologias que viabilizam a VGI           Conexão de banda larga            VGI seria impossível sem um amplo acesso à I...
Conceitos           IDEs            Embora                 pareça    que     o    mundo         é       bem     mapeado, ...
Conceitos           IDEs            Nessa nova realidade, surgiram as IDEs (Infraestruturas de                Dados Espac...
Conceitos           IDEs            VGI se adéqua às IDEs, pois tem-se um conjunto                                       ...
Conceitos           Ciência cidadã            Esse termo é normalmente usado para descrever comunidades                ou...
Conceitos           Ciência cidadã            Muitos                  agricultores      têm         elaborado            ...
Conceitos           Ciência cidadã            Assim, enquanto existem projetos de VGI abertos, tais como                o...
Conceitos           Alerta antecipado            Eventos recentes, como o tsunami na Indonésia e o Furacão               ...
Conceitos           Alerta antecipado            Apesar disso, os satélites de observação da Terra podem                d...
Conceitos           Alerta antecipado            Por outro lado, a população local, familiar com a área, é cada          ...
Questões           Por que as pessoas fazem isso?            A auto-promoção é obviamente um importante motivador        ...
Questões           Por que as pessoas fazem isso?            No site Picasa, os colaboradores de fotografias podem aponta...
Questões           Qual a qualidade dos dados?            As tradicionais agências de mapeamento têm elaborado           ...
Questões           Qual a qualidade dos dados?            Ao analisar as imagens do Google Earth, percebe-se que         ...
Questões           Qual a qualidade dos dados?                                                                            ...
Questões           Qual a qualidade dos dados?            Assim, embora a expectativa seja de que os voluntários         ...
Questões           Qual o alcance de VGI?            Embora                  uma   fração   crescente         dos      ci...
Conclusões            VGI tem o potencial de ser uma fonte significativa para                compreensão da superfície te...
Conclusões            O valor mais importante de VGI pode constar na capacidade de                mapear e apresentar inf...
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

VGI: citizens as sensors

1,403

Published on

apresentação de conceitos do paper de Michael Goodchild, feita por Fernanda Prado no curso Informação Geográfica: Cultura e Tecnologia - Pós-Graduação em Geografia da UFBA

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
1,403
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
6
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Transcript of "VGI: citizens as sensors"

  1. 1. Pós-Graduação em Geografia Universidade Federal da BahiaCitizens as sensors: the world of volunteered geography Publicado na revista GeoJournal, 2007. Disciplina: Informação Geográfica, Cultura e Tecnologia Professor: Gilberto Corso Aluna: Fernanda de Almeida Prado Salvador, 2013
  2. 2. Autor Michael Frank Goodchild Michael Frank Goodchild é geógrafo e professor de Geografia na Universidade da Califórnia, Santa Barbara. Fernanda de Almeida PradoSlide 2 prado_fernanda@yahoo.com.br Citizens as sensors: the world of volunteered geography.
  3. 3. Introdução  Em 1507, Martin Waldseemüller fez um esboço de um novo continente e o chamou de “America”: Fernanda de Almeida PradoSlide 3 prado_fernanda@yahoo.com.br Citizens as sensors: the world of volunteered geography.
  4. 4. Introdução  Martin Waldseemüller provavelmente foi influenciado por novos livros que circulavam na Europa, naquela época, e pela Soderini Letter e seu suposto (!) autor Américo Vespucio.  A denominação do novo continente, chamado de “América”, provavelmente deriva da versão feminina do primeiro nome de Vespúcio. Fernanda de Almeida PradoSlide 4 prado_fernanda@yahoo.com.br Citizens as sensors: the world of volunteered geography.
  5. 5. Introdução  Hoje, o ato de nomear uma localidade em referência a uma pessoa pouco conhecida e/ou sem real contribuição comprovada é impraticável.  A nomenclatura moderna dos países desenvolvidos depende de uma hierarquia de comitês que, nos EUA, se estende do nível local para o regional.  Assim, os nomes geográficos devem ser bem fundamentados e padronizados, requerendo cuidadosa análise. Fernanda de Almeida PradoSlide 5 prado_fernanda@yahoo.com.br Citizens as sensors: the world of volunteered geography.
  6. 6. Introdução  O evento de 1507 pode ser visto como o início de um fenômeno que tem se tornado evidente: o compromisso de um grande número de pessoas desconhecidas na produção de informação geográfica, uma função que, por séculos, era reservada apenas aos órgãos oficiais.  Essas pessoas geralmente são inexperientes e suas ações voluntárias, mas certamente têm grandes impactos em SIG e nos usuários de informação geográfica.  Esse fenômeno é denominado Volunteered Geographic Information (VGI – Informação Geográfica Colaborativa). Fernanda de Almeida PradoSlide 6 prado_fernanda@yahoo.com.br Citizens as sensors: the world of volunteered geography.
  7. 7. O mundo em evolução da VGI  Um dos exemplos mais representativos de VGI é o Wikimapia, onde qualquer pessoa pode inserir feições e realizar revisões voluntárias dos dados, checando sua acurácia e significância.  Na época da escrita, haviam 4,8 milhões de registros.  Alguns registros são bem detalhados, apresentando hyperlinks contendo fotos e descrições. Fernanda de Almeida PradoSlide 7 prado_fernanda@yahoo.com.br Citizens as sensors: the world of volunteered geography.
  8. 8. O mundo em evolução da VGI Imagem do site Wikimapia (http://wikimapia.org). Fernanda de Almeida PradoSlide 8 prado_fernanda@yahoo.com.br Citizens as sensors: the world of volunteered geography.
  9. 9. O mundo em evolução da VGI  Pesquisa por hotel no Wikimapia: Fernanda de Almeida PradoSlide 9 prado_fernanda@yahoo.com.br Citizens as sensors: the world of volunteered geography.
  10. 10. O mundo em evolução da VGI  Seleção de um hotel específico: Fernanda de Almeida PradoSlide 10 prado_fernanda@yahoo.com.br Citizens as sensors: the world of volunteered geography.
  11. 11. O mundo em evolução da VGI  Similar em alguns aspectos é o site Flickr (www.flickr.com), que permite inserir fotografias com localização geográfica (latitude, longitude): Exemplo de fotografia voluntária do Monte Uluru, situado na Austrália. Fernanda de Almeida PradoSlide 11 prado_fernanda@yahoo.com.br Citizens as sensors: the world of volunteered geography.
  12. 12. O mundo em evolução da VGI  Com uma finalidade diferente, o site MissPronouncer oferece gravações de áudio da pronúncia correta de diversas localidades do Estado de Wisconsin, EUA.  As representações vocais dos nomes locais têm a vantagem de não estarem sujeitas a problemas relacionados a diferenças de alfabeto (Chinês versus Árabe versus Português...). Fernanda de Almeida PradoSlide 12 prado_fernanda@yahoo.com.br Citizens as sensors: the world of volunteered geography.
  13. 13. O mundo em evolução da VGI Ao clicar sobre um símbolo, pode-se ouvir a pronúncia do nome local. Imagem do site MissPronouncer (http://www.misspronoucer.com). Fernanda de Almeida PradoSlide 13 prado_fernanda@yahoo.com.br Citizens as sensors: the world of volunteered geography.
  14. 14. O mundo em evolução da VGI  Outras atividades de VGI focam na criação de representações mais elaboradas da superfície terrestre.  O OpenStreetMap é um esforço internacional para criar uma fonte livre de dados por meio de um esforço voluntário. Fernanda de Almeida PradoSlide 14 prado_fernanda@yahoo.com.br Citizens as sensors: the world of volunteered geography.
  15. 15. O mundo em evolução da VGI Imagem do site OpenStreetMap (http://www.openstreetmap.org/). Fernanda de Almeida PradoSlide 15 prado_fernanda@yahoo.com.br Citizens as sensors: the world of volunteered geography.
  16. 16. O mundo em evolução da VGI  O autor destaca que ainda há muita informação faltante no OpenStreetMap, dependendo da colaboração dos voluntários. A figura mostra parte do mapa de Dublin, onde podem ser observada a ausência de vários nomes de vias, bem como a ausência de vias intermediárias em algumas áreas. Fernanda de Almeida PradoSlide 16 prado_fernanda@yahoo.com.br Citizens as sensors: the world of volunteered geography.
  17. 17. O mundo em evolução da VGI  O autor também ressalta o fenômeno Google como a democratização do SIG.  Hoje, até uma criança de 10 anos é capaz de “voar” por qualquer região da superfície terrestre em poucos minutos.  O Google Earth e o Google Maps popularizaram a capacidade dos SIGs de sobrepor informação geográfica de fontes distribuídas pela Web, muitas delas criadas por amadores.  Ex.: mapa de 1843 da cidade de Londres (fonte: acervo particular online de um colecionador) com sobreposição de dados (fonte: Website do autor) de fontes de água e de mortes por cólera. Fernanda de Almeida PradoSlide 17 prado_fernanda@yahoo.com.br Citizens as sensors: the world of volunteered geography.
  18. 18. O mundo em evolução da VGI Mapa de Londres com sobreposição de dados de fontes de água e mortes por cólera, permitindo inferir que a cólera é proveniente de água contaminada. Fernanda de Almeida PradoSlide 18 prado_fernanda@yahoo.com.br Citizens as sensors: the world of volunteered geography.
  19. 19. O mundo em evolução da VGI  Esses são apenas alguns exemplos da transformação que vem ocorrendo no mundo da informação geográfica, que tem o poder de redefinir os papéis tradicionais das agências de mapeamento. Fernanda de Almeida PradoSlide 19 prado_fernanda@yahoo.com.br Citizens as sensors: the world of volunteered geography.
  20. 20. Tecnologias que viabilizam a VGI Web 2.0  Historicamente, a relação entre usuários (clientes) e páginas Web (localizadas em um servidor) era de “mão única”: o papel dos usuários era apenas fazer o download de conteúdo.  Hoje, o papel do usuário vai além, podendo acessar a informação armazenada em bancos de dados e ainda inserir novos dados. Fernanda de Almeida PradoSlide 20 prado_fernanda@yahoo.com.br Citizens as sensors: the world of volunteered geography.
  21. 21. Tecnologias que viabilizam a VGI Web 2.0  Alguns sites têm sido construídos quase que completamente com conteúdo gerado por usuários, com pouca moderação dos proprietários (ex.: eBay, Mercado Livre, Peixe Urbano..).  Em alguns casos, os usuários podem ainda editar o conteúdo criado por outros, como em alguns Blogs e Wikis.  VGI (Informação Geográfica Voluntária) é, acima de tudo, um resultado da crescente interação possibilitada pela evolução da Web. Fernanda de Almeida PradoSlide 21 prado_fernanda@yahoo.com.br Citizens as sensors: the world of volunteered geography.
  22. 22. Tecnologias que viabilizam a VGI Georreferenciamento  O SIG depende da habilidade de definir localizações precisas sobre a superfície terrestre, geralmente através de coordenadas de latitude e longitude ou de um grid de coordenadas planas associadas ao sistema UTM.  No entanto, no dia-a-dia, durante uma conversa, os nomes locais que são a base da referência geográfica. Poucas pessoas conhecem sobre latitude e longitude e menos ainda sobre coordenadas UTM. Fernanda de Almeida PradoSlide 22 prado_fernanda@yahoo.com.br Citizens as sensors: the world of volunteered geography.
  23. 23. Tecnologias que viabilizam a VGI Georreferenciamento  Portanto, para permitir a criação de dados geográficos pelo público geral, é necessário ter ferramentas disponíveis para identificar as coordenadas de locais de interesse.  Várias alternativas atualmente suprem essa necessidade: câmaras equipadas com GPS; trackings e pontos coletados com receptor GPS; vetorização de feições a partir de imagens orbitais; dentre outras. Fernanda de Almeida PradoSlide 23 prado_fernanda@yahoo.com.br Citizens as sensors: the world of volunteered geography.
  24. 24. Tecnologias que viabilizam a VGI Geotags  Geotag é uma etiqueta que é inserida numa localização específica para destacá-la no mapa.  A geotag pode conter várias informações sobre o local.  O projeto Geonames (http://www.geonames.org/) é uma base de dados de nomes geográficos de todo o mundo. Fernanda de Almeida PradoSlide 24 prado_fernanda@yahoo.com.br Citizens as sensors: the world of volunteered geography.
  25. 25. Tecnologias que viabilizam a VGI Geotags Imagem de uma região da França, do projeto Geonames. Fernanda de Almeida PradoSlide 25 prado_fernanda@yahoo.com.br Citizens as sensors: the world of volunteered geography.
  26. 26. Tecnologias que viabilizam a VGI GPS (e outros sistemas de posicionamento por satélite)  Os receptores GPS são fáceis de usar e fornecem estimativas instantâneas de qualquer localização, geralmente com acurácia melhor que 10m.  Pedestres, ciclistas ou condutores podem criar os seus próprios mapas utilizando um receptor em mão ou no meio de transporte. Fernanda de Almeida PradoSlide 26 prado_fernanda@yahoo.com.br Citizens as sensors: the world of volunteered geography.
  27. 27. Tecnologias que viabilizam a VGI GPS Velocidade média de condução registrada por um carro com GPS sobre um longo período, em uma região da Califórnia. Fernanda de Almeida PradoSlide 27 prado_fernanda@yahoo.com.br Citizens as sensors: the world of volunteered geography.
  28. 28. Tecnologias que viabilizam a VGI Gráficos  Até o início dos anos 2000, poucos computadores pessoais tinham hardwares potentes para rodar gráficos de alta qualidade.  Hoje, felizmente, computadores domésticos simples têm capacidade suficiente para lidar com tais gráficos, através dos dispositivos construídos para videogames. Fernanda de Almeida PradoSlide 28 prado_fernanda@yahoo.com.br Citizens as sensors: the world of volunteered geography.
  29. 29. Tecnologias que viabilizam a VGI Conexão de banda larga  VGI seria impossível sem um amplo acesso à Internet, preferencialmente via conexão de banda larga.  Atualmente, muitas famílias em países desenvolvidos já dispõem de tal serviço. Fernanda de Almeida PradoSlide 29 prado_fernanda@yahoo.com.br Citizens as sensors: the world of volunteered geography.
  30. 30. Conceitos IDEs  Embora pareça que o mundo é bem mapeado, tem-se constatado que o mapeamento mundial está em declínio há décadas, e isso se deve a algumas causas:  Governos já não têm interesse em bancar os custos crescentes de mapeamento e frequentemente têm considerado os usuários de mapas como fontes de dados;  Imagens de SR têm substituído mapeamentos para muitos propósitos, embora sejam incapazes de representar alguns tipos de dados (ex.: nomes locais). Fernanda de Almeida PradoSlide 30 prado_fernanda@yahoo.com.br Citizens as sensors: the world of volunteered geography.
  31. 31. Conceitos IDEs  Nessa nova realidade, surgiram as IDEs (Infraestruturas de Dados Espaciais), que constituem um conjunto de agências, tecnologias, pessoas e dados que, juntos, constituem a iniciativa nacional de mapeamento.  Portanto, as agências de mapeamento já não têm o papel de fornecer uma cobertura uniforme de todo o território, mas devem fornecer padrões e normas para que grupos e indivíduos possam gerar seus próprios dados, conforme haja necessidade. Fernanda de Almeida PradoSlide 31 prado_fernanda@yahoo.com.br Citizens as sensors: the world of volunteered geography.
  32. 32. Conceitos IDEs  VGI se adéqua às IDEs, pois tem-se um conjunto de indivíduos agindo de forma independente e atendendo às necessidades locais, produzindo uma diversidade de camadas de dados.  A partir dessa miscelânea de dados e dispondo de um servidor com ferramentas apropriadas, pode-se ajustá-los e distribuí-los pela Web. Fernanda de Almeida PradoSlide 32 prado_fernanda@yahoo.com.br Citizens as sensors: the world of volunteered geography.
  33. 33. Conceitos Ciência cidadã  Esse termo é normalmente usado para descrever comunidades ou redes de cidadãos que atuam como observadores em algum domínio da ciência.  Um exemplo internacional é o Projeto GLOBO (Project GLOBE), cujo o objetivo é recrutar estudantes, professores e cientistas para explorar o meio ambiente e coletar dados.  Uma série de protocolos é definida para treinar as pessoas sem experiência e torná-las aptas a fornecer dados com qualidade. Fernanda de Almeida PradoSlide 33 prado_fernanda@yahoo.com.br Citizens as sensors: the world of volunteered geography.
  34. 34. Conceitos Ciência cidadã  Muitos agricultores têm elaborado sistemas para mapeamento e monitoramento de seus campos de cultivo (agricultura de precisão), constituindo uma importante fonte de dados para as agências agrícolas.  Inrix (http://www.inrix.com/) é um projeto de coleta de dados de vias a partir de centenas de caminhões e outros tipos de frotas, que fornecem informação em tempo real sobre congestionamentos e outros dados de interesse. Fernanda de Almeida PradoSlide 34 prado_fernanda@yahoo.com.br Citizens as sensors: the world of volunteered geography.
  35. 35. Conceitos Ciência cidadã  Assim, enquanto existem projetos de VGI abertos, tais como o Wikimapia, há outros que impõem restrições para a participação de indivíduos, como o Projeto GLOBO (http://www.globe.gov/), que requer um treinamento prévio.  Tais iniciativas contribuem para uma inversão de crescimento da abordagem tradicional top-down (agências-usuários) para a criação e disseminação de informação geográfica. Fernanda de Almeida PradoSlide 35 prado_fernanda@yahoo.com.br Citizens as sensors: the world of volunteered geography.
  36. 36. Conceitos Alerta antecipado  Eventos recentes, como o tsunami na Indonésia e o Furacão Katrina, têm mostrado a importância da informação geográfica para o gerenciamento de emergências e para lidar com as consequências imediatas.  Por exemplo, a disponibilidade de imagens orbitais e fotografias aéreas é imprescindível para avaliação de impacto e planejamento de resposta. Fernanda de Almeida PradoSlide 36 prado_fernanda@yahoo.com.br Citizens as sensors: the world of volunteered geography.
  37. 37. Conceitos Alerta antecipado  Apesar disso, os satélites de observação da Terra podem demorar dias para passar sobre a área afetada e fotografias aéreas podem estar cobertas por nuvens.  Problemas de conexão, ou com computadores, hardware e software também podem inviabilizar a aquisição de dados no momento e local necessários. Fernanda de Almeida PradoSlide 37 prado_fernanda@yahoo.com.br Citizens as sensors: the world of volunteered geography.
  38. 38. Conceitos Alerta antecipado  Por outro lado, a população local, familiar com a área, é cada vez mais capaz de reportar as condições através de seus celulares, usando voz, texto ou fotografias.  Até a escrita do artigo, havia pouco uso de VGI nessas situações, em parte devido a quase completa falta de ferramentas necessárias para coletar, sintetizar, verificar e redistribuir a informação, mas no futuro isso tende a se tornar cada vez mais usual. Fernanda de Almeida PradoSlide 38 prado_fernanda@yahoo.com.br Citizens as sensors: the world of volunteered geography.
  39. 39. Questões Por que as pessoas fazem isso?  A auto-promoção é obviamente um importante motivador das atividades de VGI.  E, apesar da diversidade de recursos da Web, é possível que alguém esteja interessado em um site em particular, devido a sua popularidade numa área específica.  Por outro lado, há quem gere informação voluntária como uma maneira de disponibilizá-la para amigos e outras pessoas, independente do fato de tornar-se disponível para todos. Fernanda de Almeida PradoSlide 39 prado_fernanda@yahoo.com.br Citizens as sensors: the world of volunteered geography.
  40. 40. Questões Por que as pessoas fazem isso?  No site Picasa, os colaboradores de fotografias podem apontar para outras pessoas, já no Flickr ou Wikimapia, o conteúdo é comparativamente anônimo.  Por sua vez, os colaboradores do OpenStreetMap podem obter certa satisfação pessoal ao ver seus próprios dados aparecendo na miscelânia de dados, mas não há auto- promoção nesse projeto essencialmente anônimo. Fernanda de Almeida PradoSlide 40 prado_fernanda@yahoo.com.br Citizens as sensors: the world of volunteered geography.
  41. 41. Questões Qual a qualidade dos dados?  As tradicionais agências de mapeamento têm elaborado padrões e especificações para a produção de informação geográfica, e seus produtos adquirem autoridade derivada da reputação de cada agência.  A Google, por outro lado, não tem nenhuma reputação no domínio geográfico. Mesmo assim, muita gente dá credibilidade aos seus produtos, provavelmente por ser uma empresa muito bem conceituada em outra área. Fernanda de Almeida PradoSlide 41 prado_fernanda@yahoo.com.br Citizens as sensors: the world of volunteered geography.
  42. 42. Questões Qual a qualidade dos dados?  Ao analisar as imagens do Google Earth, percebe-se que geralmente há um deslocamento considerável.  Quaisquer dados georreferenciados a partir dessas imagens e incorporados num projeto de VGI herdará esse erro posicional.  A Google tem criado um novo datum ou sistema de referência horizontal, que é bem diferente dos data oficiais americano e brasileiro. Fernanda de Almeida PradoSlide 42 prado_fernanda@yahoo.com.br Citizens as sensors: the world of volunteered geography.
  43. 43. Questões Qual a qualidade dos dados? ERRO (20 m) Recorte de uma imagem da Google mostrando a distorção geométrica ao sobrepor dados vetoriais. Fernanda de Almeida PradoSlide 43 prado_fernanda@yahoo.com.br Citizens as sensors: the world of volunteered geography.
  44. 44. Questões Qual a qualidade dos dados?  Assim, embora a expectativa seja de que os voluntários contribuam com dados de boa qualidade, geralmente não há um processo rigoroso de análise (acredita-se na boa-fé).  Mas restam alguns questionamentos: 1. Assim como existem spams, vírus e ataques na Internet, podemos esperar ataques aos servidores de VGI? 2. Existirão esforços para criar paisagens fictícias? Fernanda de Almeida PradoSlide 44 prado_fernanda@yahoo.com.br Citizens as sensors: the world of volunteered geography.
  45. 45. Questões Qual o alcance de VGI?  Embora uma fração crescente dos cidadãos dos países desenvolvidos tem acesso à Internet, isso está indisponível para a maioria da população mundial.  Além disso, questões relativas a idioma e alfabeto também afetam o acesso.  Dessa forma, esforços são necessários para lidar com essas dificuldades. Fernanda de Almeida PradoSlide 45 prado_fernanda@yahoo.com.br Citizens as sensors: the world of volunteered geography.
  46. 46. Conclusões  VGI tem o potencial de ser uma fonte significativa para compreensão da superfície terrestre, sendo útil, por exemplo, em alerta antecipado de ocorrências.  Com sites como o Wikimapia, uma pessoa pode aprender sobre lugares desconhecidos, adquirindo informações para viagens turísticas, ou relatando suas experiências vivenciadas.  Por sua vez, o OpenStreetMap representa a fonte mais barata de informação geográfica e, muitas vezes, a única fonte. Fernanda de Almeida PradoSlide 46 prado_fernanda@yahoo.com.br Citizens as sensors: the world of volunteered geography.
  47. 47. Conclusões  O valor mais importante de VGI pode constar na capacidade de mapear e apresentar informações de atividades locais em áreas pouco divulgadas na mídia mundial.  Assim, a VGI pode proporcionar o conhecimento sobre a vida em um nível local, oferecendo o valor mais interessante e permanente para os geógrafos. Fernanda de Almeida PradoSlide 47 prado_fernanda@yahoo.com.br Citizens as sensors: the world of volunteered geography.
  1. A particular slide catching your eye?

    Clipping is a handy way to collect important slides you want to go back to later.

×