Jornal PET Zoo - 1ª Edição
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Jornal PET Zoo - 1ª Edição

on

  • 557 views

 

Statistics

Views

Total Views
557
Views on SlideShare
557
Embed Views
0

Actions

Likes
0
Downloads
3
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Jornal PET Zoo - 1ª Edição Jornal PET Zoo - 1ª Edição Document Transcript

  • EDIÇÃO 01: FEV / MAR / ABRIL - 2013Conheça o PET ZootecniaO Programa de Educação Tutorial (PET) deZootecnia da Universidade Federal do Rio Grandedo Norte, têm como objetivo básico contribuir parao aprimoramento da formação acadêmica dequalidade dos alunos de graduação do curso deZootecnia, desenvolvendo ações de ensino,pesquisa e extensão.​​​Fique por dentro dos grupos PET e seusencontros de caráter: estadual, regional enacional. São formados por mesas redondas;encontro de tutores, petianos e egressos;CLAA; oficinas; reuniões GT e GD;apresentação de trabalhos e encontros por área,além da assembleia geral.Encontros PETEntrevistasDica CulturalÁlvaro L. Ayala Filho Pedro Lucas de O. Câmara(Presidente do CENAPET) (Aluno de Zootecnia)Próximos Eventos Minicurso:“Latteando o Currículo” Semana de Zootecnia Monitorias Zootec 2013 Cine PETwww.petzooufrn.comNéssio Antônio M. T. de Barros(Professor de Zootecnia)Atividades PropostasLivro: AdestramentoInteligenteVídeo: Animais - SeresSencientesConheças as atividades propostas pelo PET-Zootecnia em que o plano de trabalho ébaseado no modelo de indissociabilidade doensino, da pesquisa e da extensão
  •  Conheça o PET ZootecniaO PET conta com 779 grupos, distribuídos entre 114 Instituições de Ensino Superior e sendodistribuídas entre as diferentes áreas do conhecimento e as diversas regiões geográficas do país.De acordo com o estabelecido na Lei nº 11.180/2005, e regulamentado na Portaria MEC 976 de27 de julho de 2010, o PET é desenvolvido por grupos de estudantes, com tutoria de um docente,organizados a partir de formações em nível de graduação das Instituições de Ensino Superior dopaís, orientados pelo princípio da indissociabilidade entre ensino, pesquisa e extensão.FONTE: Portal MECO Programa de Educação Tutorial (PET) de Zootecnia da Universidade Federal do Rio Grandedo Norte, têm como objetivo básico contribuir para o aprimoramento da formação acadêmica dequalidade dos alunos de graduação do curso de Zootecnia, desenvolvendo ações de ensino,pesquisa e extensão.​​​O grande objetivo do grupo é criar oportunidades para que os alunos (bolsistas ou não) possamampliar as experiências em sua formação, proporcionando-lhes valores científicos, técnicos,éticos, políticos e sociais para a compreensão, não só do que acontece consigo, mas também coma sociedade ao seu redor.Dessa forma, a inserção de alunos em ações PET irá contribuir, fundamentalmente, parauma interação dinâmica com o Projeto Pedagógico da Zootecnia, onde os membros do grupoirão atuar junto ao corpo docente e com os discentes, agindo como facilitadores emultiplicadores do projeto pedagógico do curso.Quer saber mais do PET Zootecnia e tudo do que se passa dentro de suas ações?Então acesse o nosso site: www.petzooufrn.comwww.petzooufrn.comPetianos: Laura, Leonardo, Elanne, Indianara, George, Carine, Gizele e Khelven Tutor: Prof. Valdi
  •  Atividades PropostasAs atividades propostas pelo PET-Zootecnia serão focadas, mas não limitadas, ao tema “ProduçãoAnimal”, estando o seu plano de trabalho baseado no modelo de indissociabilidade do ensino, dapesquisa e da extensão, o qual trabalhará fortemente, de modo a contribuir para a ampliação daqualidade acadêmica do curso de Zootecnia.Atividades de ensino Zootecnia na Veia: O objetivo dessa atividade é promover a interação do grupo PET com os alunosrecém-ingressantes no curso de Zootecnia, através de palestras explanatórias sobre a grade curricular,funcionamento do curso e instalações. Monitorando o Saber: O objetivo dessa atividade é auxiliar, na forma de monitoria, os alunos recém-ingressados, que possuem dificuldades, principalmente, nas disciplinas básicas, que são ofertadas nosprimeiros semestres do curso. Criando Asas: O objetivo dessa atividade é apresentar às escolas, sejam elas públicas e/ou privadas, ocurso de Zootecnia. Semana de Zootecnia: evento organizado para área da Zootecnia, com palestras e minicursos, comtemas diversos aprofundados a produção animal. A programação ocorre no mês de maio. Estatística Zootécnica: O objetivo dessa atividade é apresentar aos graduandos do curso deZootecnia a importância da estatística para essa profissão , onde será ministrada, uma palestra sobre aimportância e aplicabilidade da estatística para o desenvolvimento de atividades de pesquisa dentro daZootecnia. Essa atividade abrangerá como público, tanto os recém ingressantes como também, osretardatários. Pulando a Cerca: O objetivo dessa atividade é levar os graduandos para conhecerem as atividades deum Zootecnista fora da universidade. Histórias de Fazendeiro: O objetivo dessa atividade é desenvolver, não somente nos petianos, masnos graduandos interessados, a habilidade em redigir textos. Os petianos promoverão um minicurso,que fará com que os alunos percam o medo de redação. Arrumando as malas: O objetivo dessa atividade é oferecer aos estudantes a oportunidade deconhecer temas diferentes aos que eles estão habituados em sala de aula, porém dentro da áreaprofissional de um Zootecnista. Na ponta da língua: O objetivo dessa atividade é despertar nos petianos o interesse pelo inglês,dando-lhes a oportunidade de compartilharem as dificuldades em se aprender e compreender outralíngua, onde serão abordados, de preferência, temas e textos voltados para a área zootécnica.www.petzooufrn.com
  • Atividades de pesquisa Ciência na Veia: Essa atividade tem como objetivo estimular os petianos a se envolverem com a áreada pesquisa, através da associação, voluntária, desses em projetos de pesquisa. Produzindo Ciência: Essa atividade tem como objetivo estimular o hábito da escrita, principalmente,voltada para produção científica. Latteando o Currículo: Essa atividade tem como objetivo orientar os alunos do curso de graduaçãoem zootecnia sobre a importância do curriculum Lattes bem informado e atualizado, assim comomostrar a importância da organização de toda a documentação comprobatória. Cine PET: Essa atividade levará aos alunos filmes e vídeos toda semana, sendo em cada mês um temadiferente.Atividades de Extensão Mostra de Profissões: A mostra de profissões é uma atividade realizada todos os anos pela UFRN, cujoobjetivo é mostrar aos alunos do ensino médio os diferentes cursos que compõe a instituição,evidenciando as possibilidades de profissionalização a estes vinculadas através de palestra interativa. Fazendinha: Um dos grandes objetivos do projeto Fazendinha é trazer para a metrópole um pouco domeio rural, a qual contará com a presença de animais domésticos vivos, colocados cenicamente emambientes que remetem a uma fazenda, de modo a fazer com que pessoas que não tenham tal convíviopossam conhecer e desfrutar de algumas maravilhas encontradas no campo. Ainda terá uma miniplantação com forrageiras nativas e um estande com exposições de banners, palestras e degustação deprodutos de origem animal. Projeto realizado durante a feira de ciências da UFRN – CIENTEC. Girando o Mundo: O objetivo dessa atividade é criar um jornal virtual, PETZOO News, divulgadopara toda a comunidade acadêmica do curso de Zootecnia com o intuito de fomentar à participação dosestudantes dentro da vida acadêmica. Contará com conteúdo diverso como: informativos sobre eventos,culinária, projetos, disponibilidade de bolsa, novidades do mercado de trabalho e etc. Buscando Bagagem: O objetivo dessa atividade é despertar nos petianos a formação social, fazendocom que eles possam participar e colaborar com atividades de extensão através de assistência emcomunidades. Algumas atividades voltadas para os pequenos produtores, as quais acontecerão emparceria com alguns projetos de extensão em execução pelos docentes do curso. Criando Arte: O objetivo dessa atividade é estimular os petianos a desenvolverem o seu lado criativo ecientífico, através da elaboração de cartilhas / pequenos manuais de produção. Os petianos participarãoda confecção de pequenos manuais de produção, de fácil abordagem e entendimento, que terãorelevância, principalmente, para o pequeno produtor rural, além, de servir de base para os acadêmicosinicianteswww.petzooufrn.com
  •  Encontros PETXIII INTERPET (Encontro Estadual dos Grupos PET)Descrição da atividade: Evento anual organizado por petianos do estado, com o propósito de firmar aspropostas do Programa de Educação Tutorial a nível estadual, formulando propostas a seremencaminhadas ao ENEPET.Resultados esperados com a atividade: Troca de experiências, estabelecer calendário para as atividadesde caráter coletivo, formas de eleição para representantes institucionais e estaduais, assim comoa obtenção de ideias e estratégias a serem enviadas e discutidas no ENEPET.​Local: UFRNPeríodo:​ 02 e 03 de agosto de 2013.XII ENEPET (Encontro Nordestino dos Grupos PET)Descrição da atividade: Evento anual, organizado por grupos PET de um Estado do Nordeste, com oobjetivo de firmar propostas do Programa de Educação Tutorial, levando-as para nível nacional.Constam de atividades de caráter político do programa, com a formação de grupos de trabalhos paradebates sobre as atividades nos segmentos de ensino, pesquisa e extensão, encontros por áreas e detutores, podendo também apresentar trabalhos.Resultados esperados com a atividade: Obtenção de ideias e estratégias a serem enviadas e discutidas noENAPET, fortalecimento do programa e interação dos grupos a nível de Nordeste e publicação detrabalhos de ensino, pesquisa e extensão.​​Local: Fortaleza/CE​Período: 14 a 17 de março de 2013.XVIII ENAPET (Encontro Nacional dos Grupos PET)Descrição da atividade: Evento anual, organizado por um Estado, o qual tenha grupos PET com opropósito de firmar as propostas do Programa de Educação Tutorial a nível nacional. O evento apresentaencontros por áreas e de tutores, além de contar com a formação de grupos de discussões para debateras atividades nas áreas de ensino, pesquisa e ​extensão.Resultados esperados com a atividade: Melhoria do programa através de estratégias estabelecidas noevento, integração a nível nacional dos grupos PET e publicação de trabalhos científicos.​Local: Recife/PE​​​Período: 1 a 5 de outubro de 2013www.petzooufrn.com
  •  EntrevistasÁlvaro L. Ayala Filho (Presidente do CENAPET - Comissão Executiva Nacional do PET)PET Zoo – O que é o CENAPET?Ayala – É a Comissão Executiva Nacional dos Grupos PET’s. Entre1997 – 1998, o presidente da CAPES quis extinguir o programa, porémno ENAPET de 1999 (PUCRS) foi criada a CENAPET, que no inícionão tinha nem estatuto (era uma organização informal das 5 regiões dopaís). Em 2006 na cidade de Florianópolis, foi feito o estatuto deinstância voluntária, que formaliza a representação dos grupos PET’s(composto por 6 tutores e 6 discentes, com no mínimo umrepresentante de cada região do país).PET Zoo – Quais as funções do CENAPET?Ayala – A principal é representar e organizar os PET’s junto ao MEC eonde for necessário.PET Zoo – Quais foram as conquistas do CENAPET nos últimos anos?Ayala – A portaria nº 976, de 27 de julho de 2010 modificou muito o programa, prejudicando odesenvolvimento do mesmo. No último ENAPET foi possível aprovar proposta de portaria encaminhadaa Secretaria de Educação Superior (SESU) em outubro de 2012. Dentre as conquistas:1° - A reorganização da comunidade petiana, sistematização e unificação das demandas da comunidadepetiana;2° Garantir a ampliação da representatividade petiana no Conselho do PET;3° Garantir que a Comissão de Avaliação fosse de acesso, tendo 11 membros eleitos pela comunidadepetiana, sendo 2 integrantes discentes do programa e os outros 2 tutores;4° Retorno do caráter avaliativo do Comitê Local de Acompanhamento (CLAA) e a descentralização daavaliação.PET Zoo – Como se classifica a representatividade do CENAPET junto ao SESU?Ayala – Somos recebidos, porém os interesses são diferentes. Conseguimos avançar, mas precisamosmais ainda unir a comunidade petiana.PET Zoo – Quais as perspectivas de avanço dos grupos PET’s no Brasil?Ayala – Efetivar as mudanças aprovadas no papel, tendo que se tornar prática e que o SESU crie umaportaria para a Comissão se tornar atuante. Realizar o Seminário Nacional de Avaliação. A troca detutores irá continuar. A comunidade precisa se unir!PET Zoo – Como se obtêm informações sobre o CENAPET?Ayala – Pelo portal do CENAPET (UNESP): cenapet.adm.feis.unesp.brPET Zoo – Qual mensagem você deixa aos petianos?Ayala – Primeiro é importante que os petianos se apropriem do ENAPET/ENEPET e se organizem paraparticipar das ações. Quem faz o PET são os petianos!*Álvaro Leonardi Ayala Filho é professor do Departamento de Física, tutor do Programa de EducaçãoTutorial (PET Física) da Universidade Federal de Pelotas e presidente do CENAPET.www.petzooufrn.com
  •  EntrevistasNéssio Antônio M. T. de Barros (Professor de Zootecnia)O curso de Zootecnia da UFRN teve início no ano de 1981, através dainiciativa do reitor à época Prof. Diógenes da Cunha Lima, como ele eranatural de Nova Cruz quis prestigiar sua cidade colocando um curso superiornessa área, agora por outro lado já havia no Centro de Tecnologia oDepartamento de Agropecuária cujo os professores davam aulas no colégioAgrícola de Jundiaí e no curso de Cooperativismo e Administração Rural;dessa maneira todos os pareceres de quem era ligado a área agropecuária eraque se o curso tivesse que ser criado fosse em Jundiaí, mas o nosso chefe dedepartamento à época o Prof. Juvenal Lamartine foi voto vencido noCONSEPE (Conselho Superior de Ensino e Pesquisa), reforçado que foram osvotos por Nova Cruz pela não aceitação do curso por parte do ColégioAgrícola, uma decisão que nos deixou surpresos, pois o Colégio tinha umaestrutura bem superior ao que o curso iria encontrar na cidade natal do"magnífico". Bem, a partir desse momento o curso começou a se estruturar,com a construção de laboratórios, a contratação de novos professores, aqualificação dos professores existentes e a reforma curricular do curso, o quecontribuiu para o seu reconhecimento pelo MEC em 1993.Vale ressaltar também a iniciativa de alguns professores em divulgar o curso em colégios e cursinhos de Natal o quecolaborou para termos um número de alunos consideráveis para o bom funcionamento do mesmo. Tinha-se no nossocurso dois objetivos básicos na sua concepção, que eram promover a pessoa humana pelo saber e orientar nossosalunos no objetivo número 1 do curso que é a produção animal, produzir proteína e subprodutos animais paraincrementar nossa economia e suprir a população de alimentos, essenciais a uma vida saudável.Para os nossos egressos, a Zootecnia já oferece uma gama enorme de oportunidades de mercado de trabalho, quevão desde ser juiz de exposição por exemplo a gerente de fábrica de rações, de ingressar no magistério a nível médioou superior a ser pesquisador nas mais variadas empresas do setor, ou se dedicar a vida acadêmica se aprimorandocada vez mais nos doutorados e pós doutorados da área.No entanto uma das atividades que vem mais a mente de quem escolhe essa área do conhecimento para se dedicar éa assistência técnica a fazendas, porque hoje em dia para serem eficientes, essas têm que ser levadas a condição de“empresas" e os criadores a condição de "empresários". Por essa razão, a principal competência do profissionalZootecnista é exatamente a "gestão" da empresa rural.Infelizmente na nossa pecuária ainda existe muito amadorismo, muitos criadores o são por hobby ou por herança,visitam as fazendas uma vez na semana ou até mesmo uma vez no mês, deixando como administradores, gerentesnem sempre devidamente preparados, são apenas “práticos", sem nenhuma bagagem científica ou cultural, semsaber quanto os animais produzem ou gastam para produzir e se manterem, usando pouca ou nenhuma tecnologia naprodução, principalmente numa área fundamental para produção que é a alimentação, que é feita baseadaprimordialmente em pastos nativos, com valor nutritivo insuficiente até para atender as necessidades básicas dosanimais e o pior, quase ninguém tem o hábito de fazer reserva de alimentos (silagem e fenação) para época seca,levando a enormes prejuízos como se viu mais recentemente aqui no Nordeste.Portanto temos que entender que na pecuária é melhor "prevenir" que "remediar", sendo essa prevenção exatamenteo trabalho do Zootecnista, que atua principalmente nas áreas de nutrição animal, sanidade, meio ambiente (confortoanimal), manejo e reprodução, portanto fica clara a importância desse profissional para o desenvolvimento da nossaprodução animal e o curso de Zootecnia da UFRN tem colocado no mercado Zootecnistas com ótimo potencial detrabalho de promover mudanças nesse cenário, às vezes desolador da nossa pecuária!A zootecnia na UFRNwww.petzooufrn.com
  •  EntrevistasPedro Lucas de O. Câmara (Aluno do curso de Zootecnia)Bom, a semana de recepção aos calouros de zootecnia foi um sucesso total. Pudenotar do início ao fim o comprometimento dos alunos envolvidos ou não naorganização, professores e profissionais já formados. Foi um dos motivos que mefizeram ver o curso com outros olhos, uma vez que eu tinha optado por eleapenas para estar na UFRN e ter a facilidade de escolher outro curso depois.Hoje, apesar do pouco tempo estudando e conhecendo o diverso campo que oZootecnista atua, sou um Zootecnista de coração em formação. Espero que noano que vem eu possa participar dessa semana de recepção junto aos demaiscolegas. Obrigado!Experiência na recepção dos calouros 2013.1 Próximos Eventos (Mês de Maio)www.petzooufrn.com MonitoriasO projeto de monitoria do PET Zoo está sendo realizado monitorando algumas disciplinas do 1° ao 3°período, levando aos alunos do curso aulas e esclarecendo possíveis dúvidas sobre as disciplinas de maiordificuldade dos ingressantes.Local: CCHLA – sala do PET Geografia(exceto anatomia dos animais domésticos, que está sendo no CB).Período: de segunda a sexta .Horário: 18h às 20:30h Cine PETConta com a mostra de filmes e vídeos, onde cada mês trará um tema específico para as exposições.Local: Sala 5, Prédio das Graduações/UAECIA.Período: toda segunda-feira às 15h ZootecEsse ano trará como tema: “Zootecnia do Futuro: Produção Animal Sustentável”. É a oportunidade paratroca de conhecimentos e experiências tanto de profissionais como de produtores rurais.Local: Foz do Iguaçu / PRPeríodo: de 06 a 09 de maio de 2013 Minicurso Latteando o CurrículoO minicurso será ministrado através de palestras demonstrativas aberta a toda comunidade acadêmica,sobre a importância do Currículo Lattes dentro da academia, onde o público alvo terá a oportunidade decriar seu próprio Currículo Lattes. Lembrando que o certificado será emitido via SIGAA.Local: Sala E6, setor IV.Período: dias 15 e 22 de maio de 2013.Horário: 16:50h – 18:30h Semana da ZootecniaCom o tema: "A Zootecnia e suas tecnologias de convivência com a seca", o evento trará palestras e minicursos relacionados a área, tendo como público-alvo alunos do curso de zootecnia e produtores rurais.Local: Abertura: Auditório da Reitoria / Palestras: CB / Mini cursos: UAECIA/EAJPeríodo: de 27 a 31 de maio de 2013..
  •  Dicas Culturas Charge do mêsParticipe do JornalLIVRO: Adestramento Inteligente - Alexandre Rossi “Dr. Pet”As técnicas sugeridas neste livro permitem adestrar cães de qualquer raça, emqualquer idade e de qualquer porte, sempre com muito respeito e carinho. Sãodicas práticas que permitem encontrar facilmente as melhores soluções paraproblemas que podem estar atrapalhando o relacionamento com o seu cão, comoagressividade, xixi fora do lugar, compulsão para roer móveis, e muitos outros.Com amor, humor e bom senso, Alexandre Rossi, o Dr. Pet, mostra como adestrarseu melhor amigo sem sofrimento - nem para você, nem para ele.Editora: Saraiva / Autor: Alexandre Rossi / Formato: 15 x 23 cm / Páginas: 237VÍDEO: Animais - Seres Sencientes (Por WSPA Brasil)O vídeo, de 52" (cinquenta e dois minutos), procura mostrar que, de acordo com asmais recentes pesquisas científicas, os animais são seres sencientes, e nãomáquinas destinadas a nos servir. E isso se aplica a todos os animais vertebrados(mamíferos, aves, répteis, anfíbios e peixes). Para transmitir esses conceitos, odocumentário conta com a participação dos maiores especialistas em bem-estaranimal do Brasil e do mundo, que falam de maneira clara e didática sobre osanimais (de companhia, de produção, selvagens, de entretenimento entre outros).O Jornal Pet Zootecnia convida você para participar da nossa próxima edição.Envie sua matéria de qualquer corpo editorial para o e-mail: jornalpetzoo@gmail.comAgradecemos a sua contribuição!CORPO EDITORIAL:George Lucas (Arte e Criação) / Elanne Paiva (Edição)www.petzooufrn.com