Software Público Brasileiro - Um novo ciclo econômico
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Software Público Brasileiro - Um novo ciclo econômico

on

  • 1,285 views

Apresentação ministrada por Corinto Meff, Ministério do Planejamento, no Geolivre Conference 2009 sobre o uso de Software Livre na esfera federal.

Apresentação ministrada por Corinto Meff, Ministério do Planejamento, no Geolivre Conference 2009 sobre o uso de Software Livre na esfera federal.

Statistics

Views

Total Views
1,285
Views on SlideShare
1,277
Embed Views
8

Actions

Likes
0
Downloads
18
Comments
0

1 Embed 8

http://www.slideshare.net 8

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Software Público Brasileiro - Um novo ciclo econômico Software Público Brasileiro - Um novo ciclo econômico Presentation Transcript

  • 2007 Software Público Brasileiro
  • 2007 Software Público Brasileiro Software Público Um novo ciclo econômico 2009
  • Já pensaram nisto antes... 2007 Software Público Brasileiro Acordo de Cooperação Técnica A Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação e a Associação das Entidades Estaduais de Tecnologia da Informação e Comunicação – ABEP assinaram o Acordo de Cooperação Técnica em prol do desenvolvimento do software público no ano de 2006, durante o 7.0 Fórum Internacional de Software Livre, em Porto Alegre.
  • Já pensaram nisto antes... 2007 Software Público Brasileiro Software Público Brasileiro Esta estratégia propõe a sinergia dos esforços realizados por todos entes públicos para obter escala, reduzir e ratear custos, aumentar rapidez e produtividade, evitar duplicação de esforços, recuperar funcionalidades, racionalizar a gestão, eliminar ociosidade e alcançar muitos outros benefícios. PROCERGS, Novembro 2001.
  • Definição de Bem Público 2007 Software Público Brasileiro “todos aqueles que, de qualquer natureza e a qualquer título, pertençam às pessoas jurídicas de direito público, sejam elas federativa como a União, os Estados, o Distrito Federal e os Municípios, sejam da Administração descentralizada, como autarquias e as fundações de direito público” prof. José dos Santos Carvalho Filho “são públicos os bens do domínio nacional pertencentes às pessoas jurídicas de direito público interno; todos os outros bens são particulares seja qual for a pessoa a quem pertencem” Código Civil Brasileiro, dispõe no art. 98
  • Definição de Bem Público 2007 Software Público Brasileiro ● Os bens públicos são: ● os de uso comum do povo, tais como os ● mares, rios, estradas, ruas, praças; ●os de uso especial, tais como os edifícios, ou terrenos aplicados a serviço federal, estadual ou municipal; ●os dominiais, isto é, os que constituem patrimônio da União, dos Estados, ou dos Municípios.
  • O Software Livre e suas gerações: a 4a Geração 2007 Software Público Brasileiro Consórcios Gerações Associação de Indivíduos Individual Palestra apresentada pela ObjectWeb - 2006
  • O Software Livre e suas gerações: a 4a Geração 2007 Software Público Brasileiro Software Público Consórcios Gerações Associação de Indivíduos Individual
  • O Software Livre e suas gerações: a 4a Geração 2007 Software Público Brasileiro COMUNIDADE Cidadãos Academia Software Público Instituições Privadas 4a COMUNIDADE Geração Governos
  • 2007 Software Público Brasileiro A construção do conceito Software Público ABEP PROCERGS PNAGE CACIC AGROLIVRE FILOSÓFICO TEÓRICO PRÁTICO
  • Software Público: Campo Filosófico 2007 Software Público Brasileiro “O software tratado como um bem público pode ocasionar uma revolução que transcende qualitativamente a Revolução Industrial, pois inverte a lógica de apropriação privada desta Revolução. Ou seja, estamos pensando na possibilidade de realizar um caminho inverso de apropriação: se passar de um bem privado para um bem público” Felipe Perez – prof. IESA Venezuela - nov/2005
  • Software Público: Campo Conceitual 2007 Software Público Brasileiro O fundamento para tratar software desenvolvido pelo setor público como objeto de compartilhamento pode ser obtido na Teoria dos Bens Públicos: bem público como aquele que apresenta características de indivisibilidade e de não rivalidade. Ou seja, pode ser usado por todos sem que com isto se estabeleça competição entre os usuários pelo bem. MUSGRAVE, R. Finanças Públicas, Rio de Janeiro: Campus, 1980
  • Software Público: Campo Prático 2007 Software Público Brasileiro OBJETIVO PRINCIPAL – SEMINÁRIO PNAGE Racionalização das ações dos projetos estaduais para otimização dos recursos do PNAGE por meio de COMPARTILHAMENTO de soluções e estímulo à cooperação federativa. Entre as PREMISSAS: O COMPARTILHAMENTO das soluções conduz à redução de custos e aumento da eficiência na aplicação dos recursos. Cooperação: Disposição por parte de um Ente Federativo em ceder, de forma não comercial, uma solução de tecnologia de gestão para outra(s) Unidade(s) da Federação. Compartilhamento: Processo envolvendo mais de uma Unidade da Federação para desenvolvimento e/ou aquisição de uma solução comum de tecnologia de gestão. SEMINÁRIO PNAGE - 10/07/2006 Disponibilização do SIORG para compartilhamento com os estados do AP, BA, PE, PR, RJ e RS.
  • Software Público: Campo Prático 2007 Software Público Brasileiro ● Comunidade CACIC ● ● mais de 10.000 cadastrados. ● ●250 instituições em produção ●Outros países: Equador, ●Argentina, Venezuela, Paraguai e Portugal. ●Estados: Rio de Janeiro, Sergipe, ●Santa Catarina. ●Municípios: Fortaleza, Ourinhos, ●Diadema, Rio de Janeiro. ● ● mais de 400 prestadores de Serviço ● ● ● Inventário do Governo Federal
  • Software Público: Governo Federal 2007 Software Público Brasileiro Ou seja, não está se falando de forma alguma do “princípio da história”. Tampouco poderia se pensar que a partir da constituição da comunidade CACIC se tenha chegado ao ponto final dos desafios para materialização do Software Público Brasileiro. artigo – a materialização do conceito de software público: a experiência do CACIC
  • Não chegamos por acaso... 2007 Software Público Brasileiro FILOSÓFICO TEÓRICO PRÁTICO (2005) (1980) (1995) (2003) Software Público ABEP PROCERGS PNAGE CACIC AGROLIVRE (1995) (2001) (2003) (2005) (2004) Algumas pessoas começaram antes....
  • Software Público: Governo Federal 2007 Software Público Brasileiro É evidente que a iniciativa do Consórcio CACIC não seria possível se ao longo do tempo a tese de defesa do compartilhamento de software pelo setor público não tivesse sido intensamente debatida, se experiências alinhadas a esta tese não tivessem sido implementadas, enfrentando e gradualmente superando obstáculos, ou se a comunidade de software livre não tivesse atingido o grau de maturidade atual. artigo – a materialização do conceito de software público: a experiência do CACIC
  • Curva da Demanda dos Bens função: quantidade Quantidade 50.000 30.000 Software 20.000 Bem Intangível 10.000 100 10 100 1.000 10.000 Consumo
  • Evolução do Software Demanda tempo Software evolução
  • Atendimento da Demanda Software Proprietário Demanda tempo Pontos de Atendimento da Demanda Proprietário evolução
  • Atendimento da Demanda Software Livre Demanda tempo Livre evolução
  • Evolução do Software Proprietário x Livre Demanda tempo Software Bolha de Qualidade evolução
  • Evolução do Software Proprietário x Livre tempo Demanda Software evolução
  • Evolução do Software Proprietário x Livre Demanda Livre Proprietário tempo Software evolução
  • Evolução do Software Proprietário x Livre Demanda Livre Proprietário tempo Software RECURSOS EMPREGADOS evolução
  • Espiral de Evolução do Software Testes Concepção Piloto Customização Implantação
  • Espiral de Evolução do Software Software Livre tem maior possibilidade de evolução Testes Concepção Piloto Customização Implantação
  • Evolução do Software Proprietário x Livre Demanda Livre Proprietário tempo Software Possibilidade de Evolução maior por e na concepção evolução
  • Um Novo Ciclo Econômico 2007 Software Público Brasileiro Os ciclos econômicos - definição clássica A Teoria Econômica afirma que os ciclos econômicos são as flutuações nas atividades econômicas da era industrial, ou seja, alternância dos períodos de expansão e de contração econômica.
  • Software Público: Governo Federal 2007 Software Público Brasileiro Por outro lado, o caráter cada vez mais estratégico do software para governos e sociedade, a similaridade de demandas de entes públicos, a restrição de recursos humanos e materiais para seu atendimento e o acervo de soluções desenvolvidas pelos diferentes poderes e esferas, justificariam que iniciativas de cooperação governamental no sentido de compartilhar e publicizar software fossem freqüentes e numerosas. artigo – a materialização do conceito de software público: a experiência do CACIC
  • O potencial do bem software 2007 Software Público Brasileiro A linha de defesa do software como riqueza pode encontrar sua base em documentos oficiais do governo federal. Desde 2000, o governo brasileiro definiu o conhecimento, a informação, a criatividade e a inovação como fatores de riqueza [1]. O software se insere em todos esses fatores, o que pode configurá-lo como um bem passível de se tornar uma riqueza. [1] Livro Verde, Sociedade da Informação no Brasil, Ministério da Ciência e Tecnologia, 2000, pág. 9
  • O potencial do bem software 2007 Software Público Brasileiro Marcos Brafman, vice-presidente da Assespro Nacional, afirma que "o software seguramente será responsável, nos próximos anos, pelos maiores índices de crescimento na economia mundial. Vários países já têm na indústria de software um dos pilares mais importantes do seu desenvolvimento econômico". Diante desse cenário de novas possibilidades econômicas surge a importância de pensar o software como riqueza nacional.
  • O potencial do bem software 2007 Software Público Brasileiro A tendência vem sendo abordada nos últimos 10 anos e alguns estudiosos, como Francisco Proenza, acreditam “que as Tecnologias da Informação e Comunicação oferecem um conjunto de ferramentas sem precedente, uma oportunidade na qual toda cidadania pode ganhar, seja pela prestação de serviços, seja pela abertura de oportunidades para população a baixos custos, como nunca antes se tinha alcançado.”
  • Gastos Públicos 2007 Software Público Brasileiro Os Gastos Públicos e a Natureza Alocativa do Governo Gasto Mínimo (Gm) – exclusividade do governo; Gasto Social (Gs) – posição não monopolista; Gasto Econômico (Ge) – tecnicamente não se envolve. Tais gastos proporcionais possibilitam compreender a dinâmica e evolução das preferências alocativas dos governos locais por políticas públicas. Musgrave, Teoria dos Bens Públicos, 1973
  • Evolução do Software Proprietário x Livre Demanda Livre Proprietário tempo Software RECURSOS EMPREGADOS Os Gastos Públicos e a alteração da Natureza Alocativa do Governo evolução
  • Evolução do Software Proprietário x Livre Demanda Livre Proprietário tempo Software Na concepção do desenvolvimento se pensar em definições Possibilidade de da sociedade para Evolução maior por direcionar o e na concepção investimento evolução
  • Já pensaram nisto antes... 2007 Software Público Brasileiro Software Público Brasileiro Integração das empresas e dos agentes privados com os sistemas estatais e públicos...haverá interesse dos agentes privados, sem condições de realizar uma gestão da tecnologia, em adotar um padrão aberto e econômico, que têm o estado como principal parceiro. PROCERGS, Novembro 2001.
  • Software Público 2007 Software Público Brasileiro “O aparecimento de uma esfera pública não- estatal, que vem ocorrendo de forma cada vez mais intensa no mundo inteiro, é uma resposta à crise do Estado, que só pode ser entendida a partir destas duas restrições: a econômica, que exige a eficiência dos serviços sociais que o Estado presta ou financia; e a política, que requer decisões tomadas no âmbito democrático.” Bresser Pereira, Prefácio do Livro Repensando o público através da sociedade, Nuria Cunill Grau, 1998, ENAP e Editora Revan
  • O Mundo do Software Código Serviços Ciência Algoritmo Treinamento Lógica Suporte Linguagem Instalação Evolução Implantação Manutenção Adequação Evolução Produto Interação Uso Saúde Evolução Campo do Software Solução Ecossistema
  • O Mundo Além Software Código Serviços Ciência Economia Trabalho Cultura Educação Produção Organização Saúde Campos de Influência Solução Direta
  • O Mundo Além Software Código Serviços Ciência Economia Trabalho Cultura Educação Produção Organização Saúde Campos de Influência Solução (In)direta
  • Espiral de Evolução do Software: nível de abstração e aplicabilidade Maior Abstração Concepção Testes (T) APLICABILIDADE Piloto Customização Implantação Aumento da Demanda Menor Abstração
  • Espiral de Evolução do Software: nível de abstração e aplicabilidade Maior Abstração Concepção APLICABILIDADE Testes (T) CÓDIGO SOLUÇÃO Piloto SERVIÇOS Customização Implantação Aumento da Demanda Menor Abstração
  • Evolução do Software (base espiral): nível de abstração e aplicabilidade Maior Abstração Concepção Testes APLICABILIDADE (T) CÓDIGO SOLUÇÃO Piloto SERVIÇOS Customização Implantação SOFTWARE PÚBLICO Aumento da Demanda Menor Abstração
  • O Mundo Além Software Código Serviços Ciência Economia Trabalho Cultura Educação SOFTWARE PÚBLICO Produção Organização Saúde Campos de Influência Solução (In)direta
  • Software Público Software Software Público Sociedade Licenças Não Restritivas Catálogo Licenças Restritivas Federal Estadual Municipal Software Setor Público Executivo Judiciário Legislativo ACERVO
  • Curva da Oferta dos Bens Quantidade de Clientes 2.000 1.000 Demanda 500 100 Solução de Inventário 1 3 10 20 Oferta de Soluções
  • Curva da Oferta dos Bens Quantidade de Clientes 2.000 1.000 Demanda Reprimida 200 100 Solução de Inventário 1 3 10 20 Oferta de Soluções
  • Rede de Prestadores de Serviço 275 prestadores de serviços cadastrados Pesquisa Empresas (95) Autônomos (180) Nov/2006 27 20 58 clientes 24 clientes 9800 máquinas 2500 máquinas Acréscimo de 82 clientes novos no mercado
  • Rede de Prestadores de Serviço 275 prestadores de serviços cadastrados Pesquisa Empresas (95) Autônomos (180) Nov/2006 27 20 58 clientes 24 clientes 9800 máquinas 2500 máquinas 8 novos contratos 2 novos contratos 6 geraram receita 2 geraram receita 1 contratação não ocorreu 4 produziram material não ocorreu Nenhuma Substituição de Solução
  • Um Novo Ciclo Econômico 2007 Software Público Brasileiro OpenS – Santa Catarina - contrato com empresa do ramo de móveis que atua em 3 países, ampliação de contrato. Getcorp - São Paulo - 18 clientes na cidade de Bebedouro, com geração de receita. Coopersystem - Rio de Janeiro – desenho de contrato com empresa do ramo bancário, como diferencial do contrato. Greco & Greco - Rio Grande do Sul – pequenos contratos com médias empresas, com geração de receita.
  • Um Novo Ciclo Econômico 2007 Software Público Brasileiro "O CACIC gerou novos contratos ou vendas para 21% das empresas envolvidas com o modelo de negócios.”
  • Um Novo Ciclo Econômico 2007 Software Público Brasileiro “entendemos que se deve reservar a denominação de “reforma do Estado” para os pontos de ruptura do pacto social, ou seja, quando ocorra uma redefinição qualitativa do escopo do que se considera “bem público” (amplitude ou redução) e/ou mudanças significativas na forma de produção e oferta desses bens.” Sérgio de Azevedo Federalismo e Reforma do Estado: resultados preliminares de pesquisa
  • 2007 Software Público Brasileiro Governo Eletrônico www.governoeletronico.gov.br Software Livre www.softwarelivre.gov.br e-PING www.eping.e.gov.br Guia Livre www.governoeletronico.gov.br/guialivre Cluster e Grid www.guialivre.governoeletronico.gov.br/seminario CACIC www.softwarepublico.gov.br
  • 2007 Software Público Brasileiro Corinto Meffe Gerente de Projetos de Inovações Tecnológicas DSI/SLTI Corinto.meffe@planejamento.gov.br