Your SlideShare is downloading. ×
Phfls
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Phfls

335

Published on

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
335
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
2
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Manuel de Sousa Coutinho, filho de Lopo de Sousa Coutinho e de D.Maria de Noronha, nasceu em Santarém no ano de 1555.Cavaleiro da ordem militar de Malta, entre os anos 1576-1577, quandoviajava pelas índias ocidentais e orientais foi aprisionado por piratas eesteve cativo em Argel.Esteve ao serviço do rei de Espanha Filipe II, que o recompensa: épromovido a fidalgo escudeiro.Por volta de 1583 casa com D. Madalena de Vilhena, viúva de D. João dePortugal desaparecido na batalha de Alcácer-Quibir.Tem uma filha em comum : D . Ana de Noronha.
  • 2. A partir de 1590 a família vai viver para Almada, onde Manuel de SousaCoutinho passa a desempenhar diversos cargos, em 1599 é nomeadocapitão - mor de Almada com o posto de coronel.No ano de 1600, Lisboa encontrava-se assolada pela peste e osgovernadores do reino quiseram instalar-se em Almada, em suacasa, devido a conflitos existentes entre ambos, mas D. Manuel sentindo-se ofendido e para impedir tal violência lançou-lhe fogo. Parte paraEspanha, e dois anos depois volte para Portugal com saudade de suaesposa e de sua filha.Em 1613 falece-lhes sua única filha, D. Ana.Após a morte da sua única filha Decidem ambos professar, D. Manuel noconvento de S. Domingos de Benfica e D. Madalena no convento doSacramento. Mudam ambos de nome, onde D. Manuel adopta o nome deFrei luís de Sousa e D. Madalena o nome de Sóror Madalena das Chagas.Produz diversas obras e em 1632 morre.
  • 3. Como personalidade histórica e criador literário Manuel de SousaCoutinho era um homem corajoso, nobre, defensor dos seusideais, patriota, nacionalista, audaz, determinado, marcando assim aépoca em que viveu (séc. XVI). Produziu várias obras como: “Considerações das lágrimas que a Virgem Nossa Senhora Derramou na Sagrada Paixão”- (1643); “Anais de el-rei D. João III”- (1844)
  • 4. Como figura literária de Manuel de Sousa Coutinho naobra de Almeida Garrett “Frei Luís de Sousa” encontra-semuito próxima á sua vida.Manuel de Sousa Coutinho e D.Maria D . Madalena de Noronha( sua filha).

×