Trabalho neoplasia
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Like this? Share it with your network

Share

Trabalho neoplasia

on

  • 26,938 views

Trabalho para ajuda de notas

Trabalho para ajuda de notas

Statistics

Views

Total Views
26,938
Views on SlideShare
26,938
Embed Views
0

Actions

Likes
2
Downloads
317
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Trabalho neoplasia Presentation Transcript

  • 1. NEOPLASIA Aluna: Fernanda M. Kokol R.A: 9000498
  • 2. Conceito de NEOPLASIA (TUMOR) Crescimento excessivo , ilimitado e autônomo , formado pela proliferação de células atípicas.
  • 3. Definição de NEOPLASIA Neoplasia é uma massa anormal de tecido cujo crescimento excede e não está coordenado ao crescimento dos tecidos normais, persistindo (em seu crescimento) mesmo cessada o estímulo que a provocou. Rupert Willis (Médico Britânico)
  • 4. NEOPLASIAS
    • Irreversíveis
    • Perda do controle da diferenciação celular
    • Perda do controle da multiplicação celular
    • Sem utilidade – prejudicial ao organismo
    • Ilimitadas
  • 5. “ Todo e qualquer tumor surge de uma única célula que adquire características que a tornam uma célula neoplásica ” Weinberg, 2000
  • 6. “ A célula neoplásica é resultado da soma de sucessivas mutações não-letais , em trechos específicos do DNA, ao longo de muitas gerações de células” Weinberg, 2000
  • 7. “ ...sucessivas mutações não-letais em genes específicos ao longo de várias gerações...”
  • 8. TUMORES Benignos X Malignos
  • 9. CRITÉRIOS DIFERENCIAÇÃO CELULAR RITMO DE CRESCIMENTO INVASIVIDADE METÁSTASE
  • 10. DIFERENCIAÇÃO CELULAR Diferenciação = forma + função Benigno Mais diferenciado Maligno Desdiferenciado
  • 11. DIFERENCIAÇÃO CELULAR Tumor Normal
  • 12. DIFERENCIAÇÃO CELULAR NECROSE
  • 13. RITMO DE CRESCIMENTO Benigno Lento Maligno Rápido
  • 14. INVASIVIDADE Benigno Expansão lenta Compressão de tecidos Cápsula fibrosa Maligno Infiltrativo Destruição de tecidos Invasivo
  • 15. METÁSTASE Benigno Ausência de metástase Maligno Pode haver metástase
  • 16.  
  • 17. Nomenclatura das NEOPLASIAS
    • 1. Neoplasia benigna
    • Sufixo “oma”.
    • 2. Neoplasia maligna
    • Origem epitelial: sufixo “carcinoma”
    • Origem mesenquimal: sufixo “sarcoma”
    • 3. Composição do nome
    • Tecido de origem + sufixo
  • 18. Regras gerais para nomenclatura de tumores NATUREZA CONJUNTIVA ...... OMA - BENIGNA Ex. LIPOMA ....... SARCOMA - MALIGNA Ex. OSTEOSSARCOMA NATUREZA EPITELIAL CARCINOMA - NEOPLASIA MALIGNA PAPILOMA - benigna Ex. CARCINOMA BASOCELULAR
  • 19. Nomenclatura das NEOPLASIAS
    • Neoplasia de origem epitelial
    • Órgão glandular
    • Benigno: “adenoma”
    • Maligno: “adenocarcinoma”
    • Órgão não-glandular
    • Benigno: “papiloma”
    • Maligno: “carcinoma”
    • 2. Neoplasia de origem mesenquimal
    • Tecido muscular
    • Benigno: “rhabdomioma”
    • Maligno: “rhabdomiosarcoma”
    • Tecido adiposo
    • Benigno: “Lipoma”
    • Maligno: “Liposarcoma”
    • Tecido vascular
    • Benigno: “hemangioma”
    • Maligno: “hemangiossarcoma”
  • 20. Neoplasias com nomenclatura especial Tumor de Wilms (Rim) Linfoma de Hodgkin (Linfonodo) Sarcoma de Kaposi (Pele) Tumor das células da granulosa (Ovário) etc...
  • 21. Características de neoplasias benignas e malignas
    • Perigoso devido a:
    • Posição
    • Complicações acidentais
    • Produção hormônios
    • Crescimento infiltrativo
    • Metástases
    • Perigoso devido a:
    • Posição
    • Complicações acidentais
    • Produção hormônios
    Significado Clinico Presentes Ausentes Metástases Ininterrupto Pode cessar Término de crescimento Alto Baixo Índice de mitoses Rápido Lento Velocidade de crescimento Ausente Presente Encapsulamento Infiltrativo e expansivo, não circunscrito Geralmente só expansivo e circunscrito Modo de crescimento Imperfeitamente diferenciado e atípico Geralmente bem diferenciado e típico do tecido de origem Estrutura Maligno Benigno
  • 22. Conceito de METÁSTASE Formação de um tumor secundário a partir de um tumor primário e sem conexão direta entre ambos Exclusivo de neoplasia maligna
  • 23. Metástase Tumor primário no intestino Vaso sangüíneo ANGIOGÊNESE Desprendimento e locomoção de células neoplásicas
  • 24. Tumor primário no intestino Metástase Células neoplásicas atingem vasos sangüíneos próximos e entram na circulação sangüínea Vaso sangüíneo
  • 25. Metástase fígado Células neoplásicas deixam a circulação sangüínea e se implantam em tecido distante Tumor secundário
  • 26. Teoria de Paget Solo e semente Células neoplásicas Tecido/órgão Tumor secundário + =
  • 27. Regras Gerais para Nomenclatura de Tumores Baseada no parênquima do tumor adenoma
  • 28. TUMORES RESULTAM DE LESÃO GENÉTICA NÃO- LETAL CÉLULA NORMAL Lesão de DNA Erros em genes de reparo Erros em genes de crescimento e/ou apoptose MUTAÇÕES Ativação de oncogenes - crescimento Alterações de genes que regulam apoptose Inativação de genes supressores de tumores Expressão de produtos gênicos alterados Perda de produtos gênicos reguladores NEOPLASIA (EXPANSÃO CLONAL - +++ MUTAÇÕES - HETEROGENEIDADE ) Agentes químicos radiação vírus agressão
  • 29. Etiologia do cancêr
    • Hereditário
    • Adquirido
    • -> Substâncias químicas
    • -> Radiação
    • -> Agentes biológicos
    • Fatores predisponentes intercorrentes
  • 30.  
  • 31.  
  • 32.  
  • 33. Modelos de cancêr de pele
  • 34.  
  • 35. Trabalho de patologia