Europa físicoo
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Europa físicoo

on

  • 339 views

 

Statistics

Views

Total Views
339
Views on SlideShare
339
Embed Views
0

Actions

Likes
0
Downloads
20
Comments
1

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
  • Parabéns pela elaboração do slide, ficou bem trabalhado, me ajudou muito!! grato!
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Europa físicoo Europa físicoo Presentation Transcript

  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Aspectos naturais
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Mapa político do continente europeu.
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Há muito tempo se convencionou usar a cadeia dos montes Urais para separar a Europa da Ásia. Dessa forma a Europa fica a oeste dessas elevações e a Ásia fica a leste delas.
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Oceano Atlântico
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Oceano Atlântico Oceano Pacífico Oceano Pacífico
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Oceano Atlântico Oceano Pacífico Oceano Índico Oceano Pacífico
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Oceano Atlântico Oceano Pacífico Oceano Índico Oceano Polar Ártico Oceano Pacífico
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Oceano Atlântico Oceano Pacífico Oceano Índico Oceano Polar Ártico Oceano Polar Antártico Oceano Pacífico
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Oceano Atlântico Oceano Pacífico Oceano Índico Oceano Polar Ártico Oceano Polar Antártico Linha do Equador Oceano Pacífico
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Oceano Atlântico Oceano Pacífico Oceano Índico Oceano Polar Ártico Oceano Polar Antártico Linha do Equador Trópico de Câncer Oceano Pacífico
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Oceano Atlântico Oceano Pacífico Oceano Índico Oceano Polar Ártico Oceano Polar Antártico Linha do Equador Trópico de Câncer Trópico de Capricórnio Oceano Pacífico
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Oceano Atlântico Oceano Pacífico Oceano Índico Oceano Polar Ártico Oceano Polar Antártico Linha do Equador Trópico de Câncer Trópico de Capricórnio Oceano Pacífico Círculo Polar Ártico
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Oceano Atlântico Oceano Pacífico Oceano Índico Oceano Polar Ártico Oceano Polar Antártico Linha do Equador Trópico de Câncer Trópico de Capricórnio Oceano Pacífico Círculo Polar Ártico Círculo Polar Antártico
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Formado por planaltos, cadeias de montanhas, planícies e depressões
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia PLANALTOS: São encontrados ao norte e distribuídos pela parte central do continente.
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia PLANÍCIES: Cerca de dois terços do relevo europeu, principalmente na parte leste e central do continente
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia DEPRESSÕES: Ocorrem junto ao mar Cáspio e na Holanda, ao norte do baixo curso do rio Reno.
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia MONTANHAS Porção central e sul do continente. A cadeia mais importante é a dos Alpes.
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Estreito de Gibraltar
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia PREDOMINAM AS BAIXAS ALTITUDES
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Mas, há cadeias montanhosas com altitudes superiores a 4 mil metros (Alpes) e a 5 mil metros (Cáucaso). Alpes Cáucaso PREDOMINAM AS BAIXAS ALTITUDES
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Pireneus (3.400 m)
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Estreito de Gibraltar O Estreito de Gibraltar é considerado estratégico porque liga o Oceano Atlântico ao Mar Mediterrâneo. Assim, países que apresentam costa voltada para o Mediterrâneo têm saída mais rápida para o Atlântico
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia O litoral do continente europeu é extenso e bastante recortado, contém um grande números de mares, golfos, penínsulas, fiordes e outros acidentes geográficos.
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia O litoral do continente europeu é extenso e bastante recortado, contém um grande números de mares, golfos, penínsulas, fiordes e outros acidentes geográficos.
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia O litoral do continente europeu é extenso e bastante recortado, contém um grande números de mares, golfos, penínsulas, fiordes e outros acidentes geográficos.
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia O litoral do continente europeu é extenso e bastante recortado, contém um grande números de mares, golfos, penínsulas, fiordes e outros acidentes geográficos.
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia O litoral do continente europeu é extenso e bastante recortado, contém um grande números de mares, golfos, penínsulas, fiordes e outros acidentes geográficos. Facilita a construção de portos, favorecendo a utilização do transporte marítimo
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Fiordes - Noruega
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Ao norte, em razão dos clima frios, parte do Atlântico e do Ártico congelam-se no inverno, dificultando a navegação.
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Inverno BOREAL: Dezembro a Março
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Hotel de iglus Kakslauttanen ● Inari, Círculo Polar Ártico, Finlândia
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia A Rússia é um dos países mais afetados pelas baixas temperaturas nas saídas para o mar. As únicas com as quais pode contar, ficam congeladas durante parte do inverno.
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia O continente europeu apresenta muitas penínsulas. Formação geográfica em que a extensão de terra de uma região maior é cercada de água por quase todos os lados, com exceção do pedaço de terra que a liga com a região maior
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia O continente europeu apresenta muitas penínsulas. Formação geográfica em que a extensão de terra de uma região maior é cercada de água por quase todos os lados, com exceção do pedaço de terra que a liga com a região maior Dentre as várias penínsulas, destacam-se: • a Escandinava, onde se localizam a Noruega e a Suécia;
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia O continente europeu apresenta muitas penínsulas. Formação geográfica em que a extensão de terra de uma região maior é cercada de água por quase todos os lados, com exceção do pedaço de terra que a liga com a região maior Dentre as várias penínsulas, destacam-se: • a Escandinava, onde se localizam a Noruega e a Suécia; • a Jutlândia, onde se situa a Dinamarca;
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia O continente europeu apresenta muitas penínsulas. Formação geográfica em que a extensão de terra de uma região maior é cercada de água por quase todos os lados, com exceção do pedaço de terra que a liga com a região maior Dentre as várias penínsulas, destacam-se: • a Escandinava, onde se localizam a Noruega e a Suécia; • a Jutlândia, onde se situa a Dinamarca; • a Ibérica, constituída pela Espanha e por Portugal;
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia O continente europeu apresenta muitas penínsulas. Formação geográfica em que a extensão de terra de uma região maior é cercada de água por quase todos os lados, com exceção do pedaço de terra que a liga com a região maior Dentre as várias penínsulas, destacam-se: • a Escandinava, onde se localizam a Noruega e a Suécia; • a Jutlândia, onde se situa a Dinamarca; • a Ibérica, constituída pela Espanha e por Portugal; • a Itálica, onde se localiza a Itália;
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia O continente europeu apresenta muitas penínsulas. Formação geográfica em que a extensão de terra de uma região maior é cercada de água por quase todos os lados, com exceção do pedaço de terra que a liga com a região maior Dentre as várias penínsulas, destacam-se: • a Escandinava, onde se localizam a Noruega e a Suécia; • a Jutlândia, onde se situa a Dinamarca; • a Ibérica, constituída pela Espanha e por Portugal; • a Itálica, onde se localiza a Itália; • a Balcânia ou dos Bálcãs, constituída por Bulgária, Croácia, •Bósnia-Herzegovina, Sérvia e Montenegro, Macedônia, Turquia •(parte europeia), Grécia e Albânia.
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia • no oceano Atlântico, o arquipélago Britânico, cujas maiores ilhas são a Grã-Bretanha e a Irlanda, o arquipélago dos Açores e a ilha da Islândia;
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia •no mar Mediterrâneo, as ilhas Baleares, da Sardenha, Sicília, Córsega e de Creta; Ilhas Baleares (ESP) Córsega (FRA) Sardenha (ITA) Sicília (ITA) Creta(GRE)
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia •no mar Egeu, o arquipélago Grego.
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia As cadeias montanhosas foram formadas por tectonismo. A porção sul apresenta atividade sísmica e vulcânica, que é também intensa na Islândia.
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia O fotógrafo britânico Alexander Mustard e alguns colegas mergulharam na fenda existente entre as placas tectônicas da América do Norte e Eurásia, registrando imagens espetaculares. A aventura para conhecer a “fronteira” entre as duas placas ocorreu no Parque Nacional Thingvellir, na Islândia. A paisagem submersa do parque é cheia de vales, falhas e fontes de lava, formados pelo afastamento gradual entre as duas placas, que se distanciam cerca de 2,5 centímetros uma da outra a cada ano. Os mergulhadores que participaram da expedição desceram cerca de 24 metros na fenda entre as placas, mas chegaram a até 60 metros de profundidade em cânions como o Silfra e oNikulasargia. Mustard, de 36 anos, diz que as imagens mostram “o mundo submarino único da Islândia, que assim como a ilha, é formado por paisagens vulcânicas”.
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Mergulhadores chegaram a atingir até 60 metros de profundidade A noção de placas tectônicas foi desenvolvida nos anos 1960 para explicar as localizações dos vulcões e outros eventos geológicos de grande escala. De acordo com a teoria, a superfície da Terra é feita de uma “colcha de retalhos” de enormes placas rígidas, com espessura de 80 km, que flutuam devagar por cima do manto, uma região com magma nas profundezas da terra. As placas mudam de tamanho e posição ao longo do tempo, movendo entre um e dez centímetros por ano – velocidade equivalente ao crescimento das unhas humanas.
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia O fundo do oceano está sendo constantemente modificado, com a criação de novas crostas feitas da lava expelida das profundezas da Terra e que se solidifica no contato com a água fria. Assim, as placas tectônicas se movem, gerando intensa atividade geológica em suas extremidades. As atividades nestas zonas de divisa entre placas tectônicas são as mesmas que dão origem aos terremotos de grande magnitude.
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia A lava e o vapor quente na interseção entre as placas também provocou fraturas no fundo da Lagoa Azul (foto), no Parque Nacional Thingvellir, na Islândia
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Apresenta cerca de 75 mil quilômetros de vias fluviais OS RIOS EUROPEUS Não se destacam pela grande extensão, mas pelo volume de água e sua importância como via de transporte
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Principais rios: • Danúbio -Nasce na Alemanha e deságua no Mar Negro (Romênia) -Segundo mais longo da Europa Dos seus 2 858 km de extensão, 2 450 km são navegáveis em qualquer época do ano.
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Principais rios: • Danúbio -Nasce na Alemanha e deságua no Mar Negro (Romênia) -Segundo mais longo da Europa Dos seus 2 858 km de extensão, 2 450 km são navegáveis em qualquer época do ano. Importante via de ligação entre a parte ocidental e a parte oriental da Europa.
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Principais rios: •Volga -Nasce na Rússia e deságua no Mar Cáspio (Rússia) -Mais longo da Europa Navegável em quase todo o seu curso; suas águas permanecem congeladas durante boa parte do ano.
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Principais rios: •Reno -Nasce nos Alpes Suíços e deságua no Mar do Norte (Holanda) Junto ao seu principal afluente na Alemanha, o rio Ruhr, localiza-se o maior complexo industrial da Europa. O que permite o escoamento de vários produtos a custos bem menores do que por outras vias.
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia O Reno comunica-se com vários rios através de canais e liga o oceano a várias regiões industriais. Isso tornou o porto de Roterdã, localizado em sua foz, um dos mais movimentados do mundo. Transporte de mercadorias no rio Reno, na Alemanha
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Outros rios importantes do continente europeu : • Tejo, Douro e Minho, em Portugal; • Tejo, Douro e Ebro, na Espanha; • Sena, Loire e Ródano, na França; • Tâmisa, na Inglaterra; • Pó, Tibre e Arno, na Itália; • Vístula e Oder, na Polônia; • Elba, na República Tcheca e na Alemanha; • Don e Dnieper, na Rússia; • Dnieper, na Ucrânia e em Belarus. Os dois principais centros dispersores de água da Europa são: os Alpes e o planalto de Valdai (Rússia).
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia O clima e a vegetação O continente europeu, situado quase totalmente na zona temperada do hemisfério Norte, apresenta predominantemente clima temperado. Além da posição geográfica, (LATITUDE)outros fatores são responsáveis pela determinação de seus tipos climáticos: • as CORRENTES MARÍTIMAS, • a MARITIMIDADE e a CONTINENTALIDADE, • a disposição das formas do relevo (ALTITUDE), que influi na penetração das massas de ar (VENTOS). Uma corrente marinha que influencia bastante o clima da Europa é a corrente do Golfo. Ela provém da zona intertropical e aquece as áreas litorâneas de vários países. O clima temperado europeu divide-se em dois tipos: temperado oceânico e temperado continental.
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia O clima temperado oceânico, que ocorre na parte ocidental do continente, recebe a influência da corrente do Golfo; é úmido,com verão e inverno menos rigorosos. A amplitude térmica dessa região é menor que no interior do continente, e as chuvas, abundantes, distribuem-se de forma regular pelos 12 meses do ano, atingindo maiores quantidades no inverno. O clima temperado continental ocorre no interior do continente e não recebe a influência do mar. Abrange as partes central e oriental da Europa, onde os verões são quentes, em contraste com o inverno, bastante rigoroso e com queda de neve; amplitude térmica, é grande, e as chuvas, bastante irregulares, caem em maior quantidade no verão e na primavera.
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Características do Clima Temperado Oceânico • Predominante na Europa Ocidental, caracteriza-se pelas chuvas intensas, principalmente no inverno e na primavera, e temperaturas pouco acentuadas.
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Características do Clima Temperado Continental • Predominante na Europa Central e Oriental, apresenta índices pluviométricos menores que no clima temperado oceânico e amplitudes térmicas mais acentuadas.
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Características do Clima Mediterrâneo • Típico da Europa Meridional, apresenta verões quentes e invernos menos rigorosos que os demais climas europeus. A distribuição das chuvas é bem definida: há um longo período seco, o verão e um período chuvoso, o inverno.
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Características do Clima Subpolar ou Ártico • Típico da região Ártica, apresenta duas estações bem definidas: um inverno prolongado, com temperaturas que chegam a atingir -50 ºC, e um verão curto, com temperaturas que oscilam entre 16ºC e 21 ºC.
  • Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Características do Clima Frio de Montanha • Predominam nos grandes conjuntos montanhosos, como os Alpes e os Pirineus. Possuem invernos muito longos e frios, nevadas fortes e geadas freqüentes. Chove tanto no inverno quanto no verão, sempre por períodos curtos e de forma branda.