Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Área sendo preparada para o cultivo da soja, próxim...
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
O espaço geográfico pode ser classificado de inúmer...
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Além do adensamento de
populações nas cidades,
outr...
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
No Brasil, historicamente, a terra sempre esteve co...
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Em um recente trabalho, o geógrafo Eduardo Paulon G...
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Tudo isso vem
transformando a terra em
uma mercador...
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
A concentração de terras é uma característica inere...
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Entre o fim do século XVIII e o início do XIX, o es...
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Nessa época os grandes fazendeiros se apropriaram d...
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
LEI DE TERRAS (1850): lei
promulgada especificament...
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Essa grande concentração fundiária deu origem, na d...
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Em 1964, o golpe militar instalou uma violenta dita...
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Mas, o que se viu desde o surgimento do ESTATUTO DA...
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Nesse momento, o mundo vivia uma disputa entre capi...
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Com o Estatuto da Terra, os grandes bancos tinham a...
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Essa política agrária excluiu os pequenos sitiantes...
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Impedidos de receber os financiamentos, muitos camp...
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Formou-se então um círculo vicioso, já que o crédit...
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
As grandes fazendas
compram mais Insumos
(sementes/...
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Momento em que a economia brasileira
cresceu em um ...
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
A prioridade da produção agropecuária
brasileira se...
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
A prioridade da produção agropecuária
brasileira se...
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
É nítida a
dependência da
agropecuária em
relação à...
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Modelos de interação entre a agricultura e a pecuár...
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Se classificam segundo três critérios básicos:
-TÉC...
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
-TÉCNICA EMPREGADA:
-Extensiva (grandes extensões d...
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
1-AGRICULTURA DE MERCADO OU MODERNA
TIPO: Produção ...
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
2-AGRICULTURA SEM SOLO
TIPO: agricultura científica...
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
3-AGRICULTURA DE PLANTATION
TIPO: Grandes proprieda...
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
4-AGRICULTURA ESPECULATIVA
TIPO: Grandes propriedad...
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
AGRICULTURA NO BRASIL
-COMMODITIES (COMMODITY)
Sign...
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
AGRICULTURA NO BRASIL
-COMMODITIES (COMMODITY)
Sign...
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
AGRICULTURA NO BRASIL
Nossos principais produtos ag...
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
MODERNIZAÇÃO DO CAMPO  DESRURALIZAÇÃO
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
http://www.paraiba.com.br/2014/03/03/74822-cervejas...
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
TRANSGÊNICOS (OGM)
Um transgênico é um organismo qu...
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Organismos geneticamente modificados (OGM) e alimen...
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Por que são produzidos os alimentos GM?
Os alimento...
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Como são determinados os potenciais riscos para a s...
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
ALMANAQUE ABRIL, 2014
ARAÚJO, Ney B; WEDEKIN, Ivan;...
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Espaço rural

521

Published on

0 Comments
3 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total Views
521
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
52
Comments
0
Likes
3
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Espaço rural

  1. 1. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
  2. 2. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Área sendo preparada para o cultivo da soja, próximo à usina de Itaipu (terra roxa)
  3. 3. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia O espaço geográfico pode ser classificado de inúmeras formas. Uma delas divide os espaços geográficos em urbanos e rurais.
  4. 4. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Além do adensamento de populações nas cidades, outras características diferenciam esses espaços. Enquanto na cidade o uso e a ocupação do solo são ligados à instalação de atividades econômicas e a circulação de mercadorias que não dependem da terra, no campo o fator solo é determinante de uma enorme variedade de processos produtivos.
  5. 5. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia No Brasil, historicamente, a terra sempre esteve concentrada em poucas mãos.
  6. 6. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Em um recente trabalho, o geógrafo Eduardo Paulon Girardi alerta que a quantidade de terra é limitada e que não se pode ‘produzir novas terras’, como podem surgir novas fábricas de carros. Além disso, alerta que a situação é ainda mais grave , pois além de não surgirem novas terras, as de boa qualidade são também limitadas.
  7. 7. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Tudo isso vem transformando a terra em uma mercadoria especialmente valiosa.
  8. 8. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia A concentração de terras é uma característica inerente ao sistema de produção capitalista. Historicamente a concentração fundiária sempre sobrepôs os interesses econômicos de poderosos grupos e indivíduos às necessidades coletivas da sociedade. Essa concentração impediu que um maior contingente populacional tivesse e tenha acesso à terra para nela viver e produzir.
  9. 9. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Entre o fim do século XVIII e o início do XIX, o espaço rural brasileiro consistia apenas em algumas manchas de ocupação, separadas e distantes uma das outras. Milhões de quilômetros quadrados eram recobertos apenas por campos e matas, sem qualquer forma de aproveitamento agropecuário.
  10. 10. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Nessa época os grandes fazendeiros se apropriaram de todas as terras que pudessem ser cuidadas por seus escravos. Ou seja, quanto mais escravos, mais terras.
  11. 11. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia LEI DE TERRAS (1850): lei promulgada especificamente para tratar da questão agrária. Estabeleceu, entre outras questões, a compra como única forma de acesso à terra. Portanto essa legislação perpetuou a concentração fundiária.
  12. 12. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Essa grande concentração fundiária deu origem, na década de 1960, no Nordeste, às Ligas Camponesas (associações de trabalhadores rurais sem-terras) que se espalharam por todo o país.
  13. 13. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Em 1964, o golpe militar instalou uma violenta ditadura no país, que passou a perseguir e reprimir os movimentos sociais. Em 1964 foi lançado também o ESTATUTO DA TERRA (lei que previa a reforma agrária)
  14. 14. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Mas, o que se viu desde o surgimento do ESTATUTO DA TERRA, foi uma generosa e prolongada oferta de crédito barato exclusivamente para os grandes fazendeiros. Essa lei acabou garantindo a propriedade particular no campo.
  15. 15. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Nesse momento, o mundo vivia uma disputa entre capitalismo e socialismo. Isso gerava muita tensão, pois os grandes proprietários de terras temiam perdê-las caso ocorressem grandes mudanças políticas.
  16. 16. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Com o Estatuto da Terra, os grandes bancos tinham a garantia de que precisavam para oferecer empréstimos aos grandes produtores rurais (fortalecendo a concentração fundiária e por extensão, a desigualdade social no Brasil). Os latifúndios se expandiram rapidamente porque os empréstimos com juros baixos foram dados a quem já dispunha de vastas terras.
  17. 17. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Essa política agrária excluiu os pequenos sitiantes, que não tinham muitas terras para oferecer como garantia de pagamento aos empréstimos.
  18. 18. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Impedidos de receber os financiamentos, muitos camponeses não tiveram alternativa ao não ser vender suas terras, já que não conseguiram competir com as grandes fazendas modernizadas.
  19. 19. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Formou-se então um círculo vicioso, já que o crédito farto facilitava a aquisição de terras: quanto mais terras possuísse o proprietário, mais crédito receberia e mais terras poderia comprar. + Terras + Crédito + Terras + Crédito
  20. 20. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia As grandes fazendas compram mais Insumos (sementes/adubos) porque adquirem esses produtos no atacado, pagando preços menores. Já as pequenas propriedades pagam caro por essas mercadorias, dificultando sua capacidade de competição.
  21. 21. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Momento em que a economia brasileira cresceu em um ritmo acelerado (taxa média de 7% ao ano) Nessas condições, o país se urbanizava e se industrializava em ritmo acelerado, necessitando cada vez mais de alimentos industrializados para abastecer a população e exportar o que o mercado externo também desejasse.
  22. 22. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia A prioridade da produção agropecuária brasileira sempre foi o mercado externo.
  23. 23. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia A prioridade da produção agropecuária brasileira sempre foi o mercado externo. Todas as atividades ligadas à produção, distribuição, armazenamento e comercialização de todas as mercadorias usadas no campo. Sementes, adubos, grãos, animais, tratores, sistemas de irrigação, empresas de tecnologia agrícola, sistemas de energia fazem parte do agronegócio.
  24. 24. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia É nítida a dependência da agropecuária em relação à indústria.
  25. 25. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Modelos de interação entre a agricultura e a pecuária, em um ambiente em que o ser humano atua como administrador e consumidor.
  26. 26. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Se classificam segundo três critérios básicos: -TÉCNICA EMPREGADA: -DESTINO DA PRODUÇÃO: -FORMA DE PROPRIEDADE DA TERRA: Modelos de interação entre a agricultura e a pecuária, em um ambiente em que o ser humano atua como administrador e consumidor.
  27. 27. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia -TÉCNICA EMPREGADA: -Extensiva (grandes extensões de terras) -Intensiva(alta produtividade,capital e tecnologia -DESTINO DA PRODUÇÃO: -Subsistência (familiar, consumo local, baixa produtividade) -Comercial(larga escala, gdes propriedades, baixos salários e alta produtividade) -FORMA DE PROPRIEDADE DA TERRA: -Estatal -Coletiva -Privada Se classificam segundo três critérios básicos: Modelos de interação entre a agricultura e a pecuária, em um ambiente em que o ser humano atua como administrador e consumidor.
  28. 28. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia 1-AGRICULTURA DE MERCADO OU MODERNA TIPO: Produção destinada ao mercado INTERNO e EXTERNO OBJETIVO: Agricultura que possui como principal objetivo o LUCRO PRODUTIVIDADE: Alta Produtividade e alto Rendimento TECNOLOGIA:Baseada na busca tecnológica (melhora da produtividade)
  29. 29. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia 2-AGRICULTURA SEM SOLO TIPO: agricultura científica em que frutas, verduras e legumes são produzidos sem o uso de terra. Em seu lugar utiliza-se água pura, mas podem ser usados também substratos como fibra de coco, lã de rocha e algodão. OBJETIVO: grande controle do crescimento da planta – quantidade de fertilizantes, umidade, temperatura, etc... USO: pouca mão-de-obra, porém técnicos especializados PRODUTIVIDADE:pequena
  30. 30. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia 3-AGRICULTURA DE PLANTATION TIPO: Grandes propriedades monocultoras OBJETIVO: Produção de alimentos e matéria-prima para grandes propriedades monocultoras USO: grande quantidade de mão-de-obra (de baixa remuneração) TECNOLOGIA:técnicas modernas e científicas
  31. 31. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia 4-AGRICULTURA ESPECULATIVA TIPO: Grandes propriedades monocultoras OBJETIVO: Produção em larga escala para exportação USO: grande quantidade de mão-de-obra (de baixa remuneração) TECNOLOGIA:técnicas modernas e científicas
  32. 32. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia AGRICULTURA NO BRASIL -COMMODITIES (COMMODITY) Significa mercadoria, produtos de origem primária (matéria-prima). O que torna esses produtos importantes na economia é o fato de que embora sejam mercadorias primárias, possuem aceite de negociabilidade global.
  33. 33. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia AGRICULTURA NO BRASIL -COMMODITIES (COMMODITY) Significa mercadoria, produtos de origem primária (matéria-prima). O que torna esses produtos importantes na economia é o fato de que embora sejam mercadorias primárias, possuem aceite de negociabilidade global. Ex de commodities: FINANCEIRA  Euro, Dólar, Rublos, Iene, Lira AGRÍCOLA  café, trigo, soja, algodão MINERAL  ouro, petróleo, alumínio, minério de ferro AMBIENTAL  crédito de carbono, água O BRASIL É UM GRANDE PRODUTOR E EXPORTADOR DE COMMODITIES
  34. 34. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia AGRICULTURA NO BRASIL Nossos principais produtos agrícolas para exportação são: -Soja (MT) -Cana-de-açúcar (SP) -Café (MG) -Laranja (SP) Essas lavouras ocupam nossos mais férteis solos cultiváveis, são dotadas das mais modernas máquinas do setor e beneficiadas por avançados estudos no campo biotecnológico.
  35. 35. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia MODERNIZAÇÃO DO CAMPO  DESRURALIZAÇÃO
  36. 36. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
  37. 37. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
  38. 38. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
  39. 39. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia http://www.paraiba.com.br/2014/03/03/74822-cervejas-brasileiras-trocam-cevada-por-milho-transgenico-e-nao-avisam- consumidores
  40. 40. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia TRANSGÊNICOS (OGM) Um transgênico é um organismo que possui uma sequência de DNA, ou parte do DNA de outro organismo, pode até ser de uma espécie diferente. No que diz respeito a transgenia em plantas, Estados Unidos, Canadá, China e Cuba ocupam hoje uma posição de destaque entre os países que fazem este tipo de pesquisa
  41. 41. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
  42. 42. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Organismos geneticamente modificados (OGM) e alimentos OGM Organismos geneticamente modificados (OGMs) podem ser definidos como organismos nos quais o material genético (DNA) foi alterado de uma maneira que não ocorreria naturalmente. Normalmente, esta tecnologia é denominada "biotecnologia moderna" ou "tecnologia genética", algumas vezes também pode ser denominada "tecnologia de recombinação de DNA" ou ainda "engenharia genética". Esta tecnologia permite que genes individuais selecionados sejam transferidos de um organismo para outro, inclusive entre espécies não relacionadas. Estes métodos são usados para criar plantas OGM, que são então usadas para o cultivo de alimentos
  43. 43. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Por que são produzidos os alimentos GM? Os alimentos GM são desenvolvidos - e comercializados - porque há uma certa vantagem para o produtor ou para o consumidor destes alimentos. Isto deve ser entendido como um produto com preço reduzido, maior benefício (em termos de durabilidade ou valor nutritivo) ou ambos. O objetivo inicial para o desenvolvimento de plantas baseadas em organismos GM era melhorar a proteção à lavoura. As culturas GM que se encontram atualmente no mercado são basicamente direcionadas para um maior nível de proteção através da introdução da resistência contra as doenças das plantas que são principalmente causadas por insetos ou vírus ou por um aumento da tolerância aos herbicidas.
  44. 44. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Como são determinados os potenciais riscos para a saúde humana? A avaliação de segurança dos alimentos GM geralmente analisa: 1-os efeitos diretos na saúde (toxidade), 2-a tendência de provocar reação alérgica (alergenicidade); 3-componentes específicos que se acredita terem propriedade nutritivas ou tóxicas; 4-a estabilidade do gene inserido; 5-efeitos nutritivos associados à modificação genética; e 6-quaisquer efeitos indesejáveis que poderiam resultar da inserção do gene.
  45. 45. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia ALMANAQUE ABRIL, 2014 ARAÚJO, Ney B; WEDEKIN, Ivan; PINAZZA, Luiz Antônio. O Agribusiness Brasileiro (1989). BOLIGIAN, Levon; ALVES, Andressa. Geografia espaço e vivência: Os espaços urbano e rural mundiais e Organização do território brasileiro. 2v. São Paulo: Saraiva, 2010. TAMDIJIAN, James Onnig, MENDES, Ivan Lazzari. Estudos para compreensão do espaço. 1v. São Paulo: FTD, 2010. TAMDIJIAN, James Onnig, MENDES, Ivan Lazzari. Estudos para compreensão do espaço. 2v. São Paulo: FTD, 2010. TERRA, Lygia; ARAÚJO, Regina e GUIMARÃES, Raul Borges. Conexões:Estudos de Geografia Geral e do Brasil. 3v. 1 ed – São Paulo: Moderno, 2010. VESENTINI, José Willian. Geografia: o mundo em transformação. 3v. São Paulo: Ática,2011. SITES CONSULTADOS http://www.paraiba.com.br/2014/03/03/74822-cervejas-brasileiras-trocam-cevada-por-milho-transgenico-e-nao-avisam- consumidores http://politica3unifesp.files.wordpress.com/2013/01/ligas-camponesas1.jpg http://www.anpocs.org.br/portal/publicacoes/rbcs_00_21/rbcs21_07.htm http://www.historica.arquivoestado.sp.gov.br/materias/anteriores/edicao02/materia02/ http://epocanegocios.globo.com/Revista/Common/0,,EMI293963-16381,00- MATA+ATLANTICA+TEM+TAXA+DE+DESMATE+PROXIMO+DE+ZERO.html
  1. A particular slide catching your eye?

    Clipping is a handy way to collect important slides you want to go back to later.

×