Freguesias do Concelho de AlijóAlijóAlijó é uma vila portuguesa, que pertence ao Distrito de Vila Real. É a principal Vila...
CarlãoA freguesia de Carlão situa-se na zona Nordeste do Concelho de Alijó, ficando a14 km da sua sede. Carlão é ainda com...
CastedoA freguesia de Castedo fica a 7km da sede do Concelho, situada na parte Sulpróximo da margem direita do Rio Douro.C...
É extremamente conhecida pelo Vinho Moscatel e o trigo de “ quatro cantos”, bemcomo a deliciosa Bola de Carne, sendo o set...
PinhãoA freguesia do Pinhão, situa-se na margem direita do Rio Douro e dista 17km dasede de Concelho.A Vila do Pinhão situ...
RibalongaSituada na parte Norte do Concelho, a Freguesia de Ribalonga pertencia em 1839ao Concelho de Vila Real, em 1852 a...
Sanfins do DouroA cerca de 2km da margem esquerda do Rio Pinhão, Sanfins do Douro é uma dasmaiores freguesias do Concelho....
Vale de MendizPovoação sobranceira ao Rio Pinhão dista 12km da sede de concelho e possuiuma das mais bonitas paisagens da ...
No que diz respeito ao património, possui a Igreja Matriz, a Capela de SãoGonçalo, Casa dos Médicos, Ponte Romana, Cerca R...
Vilarinho de CotasSituada na parte Sul do Concelho de Alijó, Vilarinho de Cotas faz parte integranteda zona do Vinho do Po...
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Freguesias co Concelho de Alijó

1,048 views
849 views

Published on

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
1,048
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
6
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Freguesias co Concelho de Alijó

  1. 1. Freguesias do Concelho de AlijóAlijóAlijó é uma vila portuguesa, que pertence ao Distrito de Vila Real. É a principal Vilae sede de concelho, subdivido em 19 freguesias. Dela fazem parte ainda os lugares daGranja e Presandães.O seu orago é “ Santa Maria Maior”, no que se refere ao Património, podemosencontrar património edificado: Igreja Matriz do século XVIII, os Passos do Concelho, oPelourinho, a Capela da Misericórdia ou do Senhor do Andor, a Capela de Santo Antóniosituada no monte do Vilarelho, a Casa dos Mansilhas do século XVIII, o atual edifício daBiblioteca Municipal, Pousada Barão Forrester (primeira pousada do país), PlátanoCentenário (Monumento Nacional), o Chafariz, a Casa dos Távoras, a Casa da Arcã, oAuditório Municipal, a Estátua do Homem do Douro.Como principais eventos temos a Bienal de Gravura- Exposição Internacional deGravura.AmieiroSitua-se na parte Este do concelho de Alijó, mais precisamente na margemesquerda do rio Tua, ficando a 14 km da sede do concelho.É uma aldeia de carácter pitoresco de admirável beleza, devido ao seu casario seencontrar disposto em presépio na vertente da montanha.No que se refere ao Património, destaca-se a Igreja Matriz, a Capela de NossaSenhora da Conceição e a Fonte de Santo António. Encontram-se vestígios de um antigoteleférico que fazia a travessia de pessoas para a outra margem do rio.Outro ponto importante e o Miradouro das Fragas que permite avistar o vale doTua.
  2. 2. CarlãoA freguesia de Carlão situa-se na zona Nordeste do Concelho de Alijó, ficando a14 km da sua sede. Carlão é ainda composto pelas aldeias de Casas da Serra eFranzilhal, é delimitada pelo Rio Tinhela e pelo Tua.As heranças deixadas na freguesia de Carlão são a vinha, o azeite, a batata, aamêndoa e os figos secos.No que se refere a riqueza patrimonial destaca-se a Igreja Matriz, um templo doséculo XVIII que conserva no seu espólio uma sagrada custódia setecentista e umaimagem de autoria de Teixeira Lopes, representando Cristo crucificado. Constituída por 3altares, o do Santíssimo Sacramento, o de Nossa Senhora do Rosário e o de S.Sebastião.Carlão, tem ainda uma Estação Termal, bem como um conjunto arqueológicoconstituído pelo mono do castelo, onde se localizam vestígios de um povoado fortificado eonde se podem descobrir imensas marcas de atividade deste povo ( Idade do Ferro),sendo mais tarde romanizado. Encontra-se ainda o espólio mais valioso no Concelho,sendo ele o abrigo da Pala Pinta, trata-se de um conjunto de pinturas rupestres doperíodo do Neolítico / Calcolítico, utilizado como santuário rupestre.Casal de LoivosCasal de Loivos, localiza-se na margem direita do rio Douro, a 1km de margemesquerda do Rio Pinhão e dista 17 km da sede de concelho.Encontra-se um vasto património, onde se destaca uma casa brasonada- Casa deCasal de Loivos- pertença da família Serpa Pimentel, atualmente Turismo de Habitaçãode grande qualidade. A igreja matriz e a capela do Divino Espirito Santo.Casal de Loivos, tem um dos miradouros mais admiráveis do Concelho, sendopossível apreciar a paisagem do Douro.
  3. 3. CastedoA freguesia de Castedo fica a 7km da sede do Concelho, situada na parte Sulpróximo da margem direita do Rio Douro.Castedo apresenta uma valiosa arquitetura religiosa, onde se destaca a IgrejaMatriz dedicada a Santa Maria Maior, com um belíssimo conjunto de pinturas no teto quedatam do século XVIII e uma Santa Custódia do século XVII. No que se refere aarquitetura civil, destaca-se a Casa dos Queirós e o Chafariz.Castedo também é digno de uma visita, ao Miradouro de Santa Marinha que nosdá uma panorâmica onde predomina o granito e ainda, uma visão singular sobre o vale doDouro onde nos vinhedos das quintas, se produzem os melhores vinhos do Porto.CotasA freguesia de Cotas é atravessada pelo Fragoso, pequeno afluente do Douro,engloba as povoações de Cotas e Póvoa. Existe uma capela, com uma fachada cobertapor azulejos, dedicada a Santa Maria Maior. A capela da Póvoa é devota a Santo André.No que se refere ao património, encontra-se a imagem quinhentista de SantaMaria de Cotas, assim como a Capela do Senhor dos Aflitos, Fontanário, Cruzeiro, Casase Quintas Senhoriais e Calçada Romana, paisagens naturais e adega de vinhos do Porto.Situam-se nesta freguesia algumas das mais importantes e reconhecidas quintas:a da Romaneira, a do Cíbio e a do Roncão. De realçar a Quinta da Romaneira, nestemomento a funcionar como Casa de Turismo de Habitação de grande qualidade.FavaiosSituada no flanco Sudoeste do Concelho, Favaios, que já existia antes dadenominação romana integrada na vasta “terra” de Panóias, foi vila e sede de concelhopróprio, sob a designação de Flavia ou Flavias. Atualmente abrange as aldeias deMondego e Favaios.
  4. 4. É extremamente conhecida pelo Vinho Moscatel e o trigo de “ quatro cantos”, bemcomo a deliciosa Bola de Carne, sendo o setor secundário o principal pilar da economiade Favaios.Possui um rico e vasto património, desde a Igreja Matriz de São Domingos com atorre sineira mais alta do concelho, a Capela de Santa Bárbara, situada no cinco do montede Santa Barbára, a Capela de São Paio do século XVI, a Capela de Santo António, aQuinta de São Jorge onde podemos encontrar uma estrela funerária romana, a FonteManuelina, o Castro do Vilarelho, e três Marcos Pombalinos.PegarinhosA freguesia de Pegarinhos compreende as povoações de Pegarinhos, deCastorigo, Vale de Mir e lugar de Alto de Pegarinhos. Este território era já habitado,durante a Proto- História ( Época da história da humanidade compreendida entre a pré-história e o período propriamente dito), comprova-se pela existência das GravurasRupestres da Botelhinha e da Igrejinha.E da época castrega (são as ruínas ou restos arqueológicos de um tipo depovoado da Idade do Cobre e da Idade do Ferro), o Castelo de Castorigo. No seu interiorconservam-se tanques, provavelmente, destinados à produção do azeite, visto que é ocultivo do vinho, do azeite e da amêndoa, muito predominante nesta freguesia.Pegarinhos tem um grande património religiosa, a Igreja Matriz de 1804 comvárias cruzes em pedra datadas em 1861, o Santuário e Capela de Nossa Senhora dosAflitos, é importante referir a Capela de São Bartolomeu que detém um grande valoreclesiástico.
  5. 5. PinhãoA freguesia do Pinhão, situa-se na margem direita do Rio Douro e dista 17km dasede de Concelho.A Vila do Pinhão situa-se no coração da Região Demarcada do Douro, é uma vilarica de belas paisagens e sua base económica e o vinho. Aqui encontram-se sediadasalgumas das mais importantes Quintas do Douro. Devido à sua localização geográfica,tornou-se num importante armazém comercial, sobretudo para o transporte do Vinho doPorto que antigamente se fazia nos barcos “ rabelos” e mais tarde, com o comboio.No que se refere ao Turismo, constitui atualmente uma fonte importante deriqueza, pois por aqui passam milhares de turistas vindos dos cruzeiros. Assim o Pinhãopossui uma importante unidade hoteleira Vintage House Hotel e ainda o LBV.Em termos patrimoniais, destacam-se a Igreja da Nossa Senhora da Conceiçãoque também é o seu orago, com um cruzeiro, e um Capela.A Estação de Caminho-de-Ferro encontra-se ornamentada por azulejosoitocentistas, onde estão representados autênticos retratos do ofício Duriense.PópuloA freguesia de Pópulo situa-se na parte Norte do concelho e dista 15km da suasede. Compreende ainda as aldeias de Casas da Estrada, Cal de Bois e Vale de Cunho.Do período castrego o mais importante castro situa-se nesta freguesia é o Castelode S.Marcos, ou Castro da Touca Rôta, localizado no bordo Nordeste do planalto de Alijó.Está assente num “ castelo granítico”, cujo circuito defensivo se encontra aindabem conservado. O povoado era defendido por duas muralhas de perímetro irregular, queem algumas partes chegam aos três metros de altura. Existe monumentos de interessearquitetónica, sendo o exemplo da capela da Senhora da Boa Morte (românico) e oCruzeiro.
  6. 6. RibalongaSituada na parte Norte do Concelho, a Freguesia de Ribalonga pertencia em 1839ao Concelho de Vila Real, em 1852 ao de Vilar de Maçada e em 1874 ao de Alijó. Destafreguesia, faz ainda parte a aldeia de Rapadoura.O Castro de Ribalonga, é da época castrega, situado no interior de Alijó, esobranceiro à ribeira e à aldeia. Desta edificação apenas existe um resto de muralha,perto de uma capela, a cerca de 750 metros de altitude.A construção da Igreja Matriz é de estilo barroco consagrada a Santa Ana, sendoo Orago da mesma freguesia.São Mamede de RibatuaA freguesia de São Mamede de Ribatua está situada a 6km da sede de Concelho,na margem norte do Rio Douro onde o afluente Tua desagua. A freguesia compreende aspovoações de São Mamede de Ribatua e de Ribatua e de Safres.É uma das mais antigas freguesias deste Concelho o São Mamede de Ribatua foiConcelho extinto no século XIX, a atestar este facto o seu Património imponente que selevanta em frente da antiga Câmara, imóvel de interesse público.No âmbito da arquitetura religiosa destaca-se a Igreja Matriz de São Mamede,conhecida por Igreja de Nossa Senhora das Graças; este património é valorizado aindapela capela do Senhor do Calvário ou de Nossa Senhora da Lapa, e ainda pela, nãomenos considerável, capela jazigo da Família Teixeira Lopes, uma notável construçãoapesar das suas dimensões serem reduzidas.No que se refere ao âmbito cultural, a tão prestigiada Banda Filarmónica, a maisantiga do pais é, desde 1799 uma notável escola de música, possui já um considerávelhistorial, aquando de celebração do seu bicentenário foi erguido um monumento com umabela composição figurativa em bronze, do escultor Laureano Ribatua.
  7. 7. Sanfins do DouroA cerca de 2km da margem esquerda do Rio Pinhão, Sanfins do Douro é uma dasmaiores freguesias do Concelho. Dista 7 km da sede de Concelho e compreende oslugares de Chereis e Agrelos.O emblemático Santuário de Nossa Senhora da Piedade foi edificado sobre umantigo castro ocupado pelos Romanos. Os Romanos, na sua passagem por aqui, legaramuma calçada e a pequena ponte de Rei de Moinhos. Essa ponte romana é uma calçada ea pequena ponte de Rei de Moinhos. Essa ponte romana é uma das mais significativasmarcas construídas durante a Romanização.Em termos de património é uma freguesia bastante rica, com um vasto espólio. Osantuário de Nossa Senhora da Piedade é o maior bem patrimonial desta freguesia, comcinco capelas erguidas na segunda metade do século XIX. Destacam-se também a IgrejaMatriz do século XVIII. Com uma imagem de Santa Bárbara do século XVIII, e uma píxideem prata do século XVIII, a Fonte de Mergulho, a Ponte e Calçada Romana de Rio deMoinhos, a Casa dos Condes de Vinhais do século XVIII, e a Casa Museu MaurícioPenha.Santa EugéniaSituada a Nordeste de Alijó desfruta de uma belíssima paisagem do sope domonte de Santa Bárbara, esta freguesia esta situada no limite da Região Demarcada doDouro, faz a transição entre as paisagens durienses e as marcantes transmontanas quecaracterizam este Concelho. São típicas desta freguesia as “ Amêndoas Cobertas”, bemcomo as “ Cavacas de Santa Eugénia” sendo o ex-líbris da doçaria regional.Santa Eugénia é possuidora de um interessante património arquitetónico, onde sedestaca o Solar dos Malheiros, de 1810 e o Solar da família dos Santos Melo com capelaparticular e pintura nos tetos e ainda a talha dourada barroca, do altar-mor da IgrejaMatriz das mais antigas do Concelho e a Sagrada Custódia do mesmo estilo.
  8. 8. Vale de MendizPovoação sobranceira ao Rio Pinhão dista 12km da sede de concelho e possuiuma das mais bonitas paisagens da Região Demarcada do Douro.As Inquisições de 1220 de D. Afonso II referem-se a esta freguesia como sendo ade “ Vale de Menendo Dias”, localizando-a na posse administrativa de Favaios. Quando oConcelho de Favaios foi extinto em 1855, Vale de Mendiz passou para AlijóA Quinta do Noval é um dos maiores bens patrimoniais desta freguesia. Emtermos de património podemos aqui encontrar a Igreja Matriz de 1887, a Capela doSenhor dos Aflitos, a Casa dos Cavaleiros e ainda um marco Pombalino vestígio dademarcação de Marques de Pombal.Vila ChãSituada a Noroeste da sede de concelho é composta pelas aldeias de Chã eCarvalho. Possui nas suas imediações elementos de valor patrimonial, sendo o exemplomais notável um dólmen ou como é mais conhecida Anta da Fonte Coberta, sendo doperíodo do Neolítico situada no planalto da Chã.Também a Barragem de Vila Chã constitui um atrativo turístico, bem como oPatrimónio Religioso, sendo ele a Capela de Nossa Senhora do Ar, e a Capela de NossaSenhora das Neves ( Chã). No que diz respeito ao património da aldeia, encontra-se aIgreja Matriz, e uma Sepultura Antropomórfica, localizada a lado do lavadouro público.Vila VerdeSituada na parte Norte do Concelho de Alijó, em lugar alto, plano e frio, perto damargem esquerda do Rio Pinhão, esta mesma Vila já fez parte de Panóias. A freguesia deVila Verde é constituída por oito aldeias: Balsa; Freixo; Fundões; Jorjais; Perafita; Soutode Escarão e Vale Agodim.
  9. 9. No que diz respeito ao património, possui a Igreja Matriz, a Capela de SãoGonçalo, Casa dos Médicos, Ponte Romana, Cerca Romana, Forno dos Mouros, Cabeçode Nossa Senhora, Fontes, Cruzeiros e Vestígios Medievais.O pequeno Santuário do Senhor de Perafita ostenta uma peregrinação anual, quecontinua a ser impressionante manifestação de mentalidade religioso medieval.A Igreja de Perafita é o melhor exemplar religioso no estilo barroco. Na Casa dosMilagres estão guardados autênticas relíquias deixadas pelos peregrinos.Vilar de MaçadaÉ uma das mais importantes freguesias de Alijó, tanto em termos do passadocomo no presente. Localiza-se a 15 km da sede de Concelho, está situada na margemesquerda do Rio Pinhão. É composta pelas aldeias de Sanradela, Cabêda, Fermestes eFrancelos.O povoamento pré-histórico de Vilar de Maçada pode ser comprovado através deum castro que deve ter existido no arme de Sanradela e de um outro, ao Norte, nachamada Serra Longa. As lápides romanas que surgiram nos mesmos locais demonstramque aqueles redutos castregos foram posteriormente romanizados.No que se refere ao Património Religioso é de salientar a Igreja Matriz, a Capelade Borda. Na arquitetura civil, destaca-se o Solar dos Pizarro, Porto Carreros, entre outrascasas brasonadas, Marco Pombalino, Fonte Pública, e ainda Lavadouros.O Santuário de Santa Bárbara a 2 km da freguesia, no alto da Serra do mesmonome, existe um belíssimo miradouro de onde se avistam vinte e quatro freguesias,consta ainda de três capelas sendo duas em Honra do Senhor da Capelinha e a outra emHonra de Santa Bárbara.
  10. 10. Vilarinho de CotasSituada na parte Sul do Concelho de Alijó, Vilarinho de Cotas faz parte integranteda zona do Vinho do Porto. A humanização da sua remonta há muitos séculos atrás,encontra-se edificações castregas- Castro de Vilarinho e ainda vestígios de ocupaçãoromana.Esta mesma freguesia pertenceu a Favaios até 31 de Dezembro de 1853, data emque veio a ser integrada no Concelho de Alijó e não de Favaios.No que diz respeito ao Património Cultural e Edificado, destacam-se a IgrejaMatriz de 1568, a Capela de Nossa Senhora do Couto, a Casa Grande e a Quinta doRoncão.

×