Manual de serviços shadow 750

  • 41,642 views
Uploaded on

 

  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
  • ver cabeçote valvulas aberto shadow 750
    Are you sure you want to
    Your message goes here
No Downloads

Views

Total Views
41,642
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0

Actions

Shares
Downloads
635
Comments
1
Likes
4

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. MANUAL DE SERVIÇOS SHADOW 750 (2009)
  • 2. COMO USAR ESTE MANUAL ÍNDICE GERALEste manual descreve os procedimentos de serviço para amotocicleta VT750C. INFORMAÇÕES GERAIS 1Siga as recomendações da Tabela de Manutenção (Capítulo CHASSI/CARENAGENS/3) para garantir perfeitas condições de funcionamento eníveis de emissões dentro das especificações. SISTEMA DE ESCAPAMENTO 2A execução das manutenções iniciais é de grandeimportância, pois compensa o desgaste inicial que ocorredurante o período de amaciamento. MANUTENÇÃO 3Os capítulos 1 e 3 aplicam-se à motocicleta inteira. Ocapítulo 2 apresenta os procedimentos de remoção/instalação de componentes que podem ser necessários para SISTEMA DE LUBRIFICAÇÃO 4a execução de serviços descritos nos capítulos seguintes.Os capítulos 4 a 21 apresentam os componentes damotocicleta, agrupados de acordo com sua localização. SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI) 5Localize o capítulo desejado nesta página e, em seguida,consulte o índice apresentado na primeira página docapítulo selecionado. SISTEMA DE ARREFECIMENTO 6 MOTOR E TRANSMISSÃOA maioria dos capítulos inicia-se com uma ilustração dosistema ou conjunto, informações de serviço e diagnose dedefeitos. As páginas subseqüentes apresentam REMOÇÃO/INSTALAÇÃO DO MOTOR 7procedimentos detalhados.Se a causa do problema for desconhecida, consulte ocapítulo 23, “Diagnose de Defeitos”. CABEÇOTE/VÁLVULAS 8Sua segurança e a segurança de outras pessoas são degrande importância. Para mantê-lo informado, incluímos CILINDRO/PISTÃO 9mensagens de segurança e outras informações nestemanual. Infelizmente, é impossível alertar sobre todos osriscos associados à realização de serviços neste veículo. EMBREAGEM/SELETOR DE MARCHAS 10Você deve utilizar seu próprio bom-senso.Você encontrará informações de segurança de váriasmaneiras, tais como: ALTERNADOR/EMBREAGEM DE PARTIDA 11• Etiquetas de segurança - localizadas no veículo.• Mensagens de segurança - precedida por um símbolo dealerta de segurança “!” e uma das três palavras, PERIGO,CUIDADO ou ATENÇÃO. ÁRVORE DE MANIVELAS/TRANSMISSÃO 12 Esta palavra tem o seguinte significado:p : Caso as instruções não sejam seguidas, você DIFERENCIAL 13 sofrerá ferimentos sérios ou fatais.c : Caso as instruções não sejam seguidas, você RODA DIANTEIRA/SUSPENSÃO/ poderá sofrer ferimentos sérios ou fatais. SISTEMA DE DIREÇÃO 14 CHASSIa : Caso as instruções não sejam seguidas, você poderá sofrer ferimentos.• Instruções: Como executar serviços neste veículo de maneira RODA TRASEIRA/FREIO/SUSPENSÃO 15 correta e segura.Neste manual, você encontrará informações precedidas FREIO HIDRÁULICO 16do símbolo de NOTA. O propósito desta mensagem éalertar a fim de evitar danos ao veículo, outraspropriedades ou ao meio-ambiente. BATERIA/SISTEMA DE CARGA 17TODAS AS INFORMAÇÕES, ILUSTRAÇÕES, SISTEMA DE IGNIÇÃO 18 SISTEMA ELÉTRICOINSTRUÇÕES E ESPECIFICAÇÕES INCLUÍDAS NESTAPUBLICAÇÃO SÃO BASEADAS NAS INFORMAÇÕESMAIS RECENTES DISPONÍVEIS NA OCASIÃO DAAPROVAÇÃO DA IMPRESSÃO DO MANUAL. A MOTO PARTIDA ELÉTRICA 19HONDA DA AMAZÔNIA LTDA. SE RESERVA O DIREITODE ALTERAR AS CARACTERÍSTICAS DAMOTOCICLETA A QUALQUER MOMENTO E SEM ILUMINAÇÃO/INSTRUMENTOS/INTERRUPTORES 20PRÉVIO AVISO, NÃO INCORRENDO, ASSIM, EMOBRIGAÇÕES DE QUALQUER ESPÉCIE. NENHUMAPARTE DESTA PUBLICAÇÃO PODE SER SISTEMA IMOBILIZADOR (HISS) 21REPRODUZIDA SEM PERMISSÃO POR ESCRITO. ESTEMANUAL FOI ELABORADO PARA PESSOAS QUETENHAM CONHECIMENTOS BÁSICOS SOBRE A DIAGRAMA ELÉTRICO 22MANUTENÇÃO DAS MOTOCICLETAS HONDA.MOTO HONDA DA AMAZÔNIA LTDA. DIAGNOSE DE DEFEITOS 23Departamento de Serviços Pós-vendaSetor de Publicações Técnicas
  • 3. Algumas palavras sobre segurançaInformações de ServiçoAs informações de serviços e reparos contidas neste manual destinam-se ao uso de técnicos profissionais qualificados.A tentativa de execução de serviços ou reparos sem o treinamento, ferramentas e equipamentos adequados podecausar ferimentos a você e a outras pessoas. Também pode danificar o veículo ou criar situações inseguras.Este manual descreve os métodos e procedimentos adequados para a realização de serviços, manutenções e reparos.Alguns procedimentos requerem a utilização de ferramentas especialmente desenvolvidas e equipamentos específicos.Qualquer pessoa que planeja utilizar uma peça de substituição, ferramenta ou executar procedimento de serviço que nãosejam recomendados pela Honda deve determinar os riscos à sua própria segurança e ao seguro funcionamento do veículo.Se você necessita substituir algum componente, utilize peças genuínas Honda, com o correto código da peça oucomponente equivalente. Nós não recomendamos a utilização de peças de reposição de inferior qualidade.Para a segurança do consumidorServiços e manutenção adequados são essenciais para a segurança do consumidor e confiabilidade do veículo.Qualquer erro ou descuido durante a execução de serviços em um veículo pode resultar em operação defeituosa, danosao veículo ou ferimentos a outras pessoas.c • Serviços ou reparos realizados de maneira inadequada podem criar condições inseguras de utilização, que podem levar o consumidor ou outras pessoas a acidentes graves ou fatais. • Siga cuidadosamente os procedimentos e precauções deste manual e outros catálogos de serviço.Para a sua segurançaComo este manual destina-se ao uso de técnicos de serviços profissionais, não fornecemos advertências sobre várias práticasde seguranças básicas de serviços (por exemplo, para peças quentes - utilizar luvas). Se você não recebeu treinamento desegurança para execução de serviços ou não se sente seguro em relação ao seu conhecimento sobre segurança durante aexecução de serviços, recomendamos que não tente executar os procedimentos descritos neste manual.Algumas das mais importantes precauções de segurança de serviços gerais estão descritas a seguir. Entretanto, nãopodemos advertir sobre todos os riscos concebíveis que podem surgir durante a execução de serviços ouprocedimentos de reparo. Somente você pode decidir quando deve ou não executar determinada tarefa.c • O não acompanhamento dos procedimentos e precauções deste manual pode causar acidentes graves ou fatais. • Siga cuidadosamente os procedimentos e precauções deste manual.Precauções de Segurança ImportantesCertifique-se de conhecer todas as práticas de segurança de serviços, de vestir roupas adequadas e utilizarequipamentos de segurança. Sempre que realizar serviços, seja especialmente cuidadoso com os seguintes pontos:• Leia todas as instruções antes de começar, e certifique-se de ter todas as ferramentas, as peças de substituição ou reparo e o conhecimento necessário para realizar as tarefas de maneira segura e completa.• Proteja seus olhos, usando óculos de segurança adequados, protetores para os olhos ou protetores para o rosto, sempre que martelar, perfurar, amolar, alavancar, trabalhar próximo a ar ou líquidos pressurizados e molas ou outros componentes que possam armazenar energia.• Vista roupas protetoras quando necessário, como por exemplo, luvas ou sapatos de segurança. Manusear peças quentes ou cortantes pode provocar queimaduras ou cortes graves. Antes de segurar algo que pareça poder machucá- lo, pare e vista luvas de segurança.• Proteja-se e a outras pessoas sempre que o veículo estiver suspenso. Sempre que levantar o veículo do solo, mesmo que utilizando um macaco ou guindaste, certifique-se de que está seguramente apoiado. Sempre utilize cavaletes.Certifique-se de que o motor esteja desligado sempre que iniciar procedimentos de serviços, a menos que as instruçõesditem o contrário. Isso ajudará a eliminar vários riscos em potencial.• O monóxido de carbono liberado pelo motor é venenoso. Certifique-se de que o lugar possui ventilação adequada sempre que ligar o motor.• Líquidos de arrefecimento ou peças quentes podem provocar queimaduras sérias. Espere o motor e o escapamento esfriarem sempre que for trabalhar nestas partes da motocicleta.• As peças móveis da motocicleta podem provocar ferimentos. Se as instruções ditarem para ligar o motor, certifique-se de que suas mãos, dedos ou roupas estejam fora da área de movimento destas peças.Os vapores de gasolina e gases de hidrogênio emitidos pela bateria são explosivos. Para reduzir a possibilidade deincêndio ou explosões, tenha cuidado ao trabalhar próximo a gasolina ou baterias.• Sempre utilize solventes não-inflamáveis, nunca gasolina, para limpar componentes.• Nunca drene ou armazene gasolina em recipientes abertos.• Mantenha cigarros, faíscas e chamas longe da bateria e de todos os componentes relacionados a combustível.
  • 4. SÍMBOLOSOs símbolos utilizados neste manual indicam procedimentos específicos de serviço. Se houver necessidade de informaçõesadicionais referentes a estes símbolos, estas serão explicadas especificamente no texto, sem a utilização dos símbolos. Substitua a(s) peça(s) por uma nova antes da montagem. Utilize óleo para motor recomendado, a menos que especificado de outra forma. Utilize solução recomendada de óleo e molibdênio (mistura de óleo para motor com graxa de molibdênio na proporção de 1:1). Utilize graxa para uso geral (graxa para uso geral à base de sabão de lítio NLGI nº 2 ou equivalente). Utilize graxa à base de bissulfeto de molibdênio (contendo mais de 3% de bissulfeto de molibdênio, NLGI nº 2 ou equivalente). Exemplo: Molykote® BR-2 plus fabricada por Dow Corning, EUA Graxa para uso geral M-2, produzida pela Mitsubishi Oil, Japão Utilize pasta à base de bissulfeto de molibdênio (contendo mais de 40% de bissulfeto de molibdênio, NLGI nº 2 ou equivalente). Exemplo: Molykote® G-n Paste fabricada por Dow Corning, EUA Honda Moly 60 (somente para USA) Rocol ASP, produzida pela Rocol Ltda., UK Pasta Rocol, produzida pela Sumico Lubricant, Japão Utilize graxa à base de silicone. Utilize trava química. Utilize trava química com resistência a torque médio, a menos que especificado de outra forma. Aplique junta-líquida. Utilize fluido de freio DOT4. Utilize o fluido de freio recomendado, a menos que especificado de outra forma. Utilize fluido para amortecedor ou suspensão.
  • 5. SHADOW 750 1. INFORMAÇÕES GERAIS NORMAS DE SERVIÇO 1-2 ESPECIFICAÇÕES DA RODA DIANTEIRA/ SUSPENSÃO/SISTEMA DE DIREÇÃO 1-11 IDENTIFICAÇÃO DO MODELO 1-3 ESPECIFICAÇÕES DA RODA ESPECIFICAÇÕES GERAIS 1-5 TRASEIRA/FREIO/SUSPENSÃO 1-11 ESPECIFICAÇÕES DO SISTEMA DE ESPECIFICAÇÕES DO FREIO HIDRÁULICO 1-11 LUBRIFICAÇÃO 1-7 ESPECIFICAÇÕES DA BATERIA/SISTEMA ESPECIFICAÇÕES DO SISTEMA DE DE CARGA 1-12 ALIMENTAÇÃO (PGM-FI) 1-7 ESPECIFICAÇÕES DO SISTEMA ESPECIFICAÇÕES DO SISTEMA DE DE IGNIÇÃO 1-12 ARREFECIMENTO 1-7 ESPECIFICAÇÕES DA PARTIDA ELÉTRICA 1-12 ESPECIFICAÇÕES DO CABEÇOTE/ VÁLVULAS 1-8 ESPECIFICAÇÕES DE ILUMINAÇÃO/ INSTRUMENTOS/INTERRUPTORES 1-12 ESPECIFICAÇÕES DO CILINDRO/PISTÃO 1-8 VALORES DE TORQUE PADRÃO 1-13 ESPECIFICAÇÕES DA EMBREAGEM/SELETOR DE MARCHAS 1-9 VALORES DE TORQUE DO MOTOR E CHASSI 1-13 ESPECIFICAÇÕES DO ALTERNADOR/EMBREAGEM DE PARTIDA 1-9 LUBRIFICAÇÃO E PONTOS DE VEDAÇÃO 1-18 ESPECIFICAÇÕES DA ÁRVORE DE PASSAGEM DE CABOS E FIAÇÃO 1-20 MANIVELAS/TRANSMISSÃO 1-10 SISTEMA DE CONTROLE DE EMISSÃO 1-33 ESPECIFICAÇÕES DO DIFERENCIAL 1-10 1-1
  • 6. INFORMAÇÕES GERAIS SHADOW 750NORMAS DE SERVIÇO1. Utilize somente peças, óleos e lubrificantes genuínos HONDA, recomendados pela HONDA ou seus equivalentes. Peças que não atendam às especificações HONDA podem causar danos à motocicleta.2. Utilize as ferramentas especiais desenvolvidas para este produto a fim de evitar danos ou montagem incorreta.3. Utilize somente ferramentas métricas ao efetuar reparos na motocicleta. Porcas e parafusos métricos não podem ser substituídos por fixadores Ingleses.4. Instale novas juntas, anéis de vedação, cupilhas e placas de fixação durante a montagem.5. Ao apertar as porcas e parafusos, inicie pelos de maior diâmetro ou pelos parafusos internos. Em seguida, aperte-os, diagonalmente e em diversas etapas, até o torque especificado, a menos que especificado de outra forma.6. Limpe as peças com solvente de limpeza após a desmontagem. Lubrifique as superfícies deslizantes antes da montagem.7. Após a montagem, inspecione todas as peças quanto a sua correta instalação e funcionamento adequado.8. Passe todas as fiações elétricas como ilustrado em “Passagem de Cabos e Fiação” (pagina 1-20).9. Não dobre nem torça os cabos de controle. Cabos de controle danificados não funcionarão suavemente, podendo causar seu travamento.ABREVIAÇÕESNeste manual, serão utilizadas as seguintes abreviações para identificar os respectivos componentes ou sistema. Abreviação Nome completo Sensor CKP Sensor de Posição da Árvore de Manivelas DLC Conector de Transmissão de Dados DTC Código de Diagnose de Defeito ECM Módulo de Controle do Motor Sensor ECT Sensor de Temperatura do Líquido de Arrefecimento do Motor EEPROM Memória Somente de Leitura Programável e Apagável Eletricamente Interruptor EOP Interruptor de Pressão de Óleo do Motor HDS Sistema de Diagnóstico Honda HISS Sistema de Segurança de Ignição Honda Válvula IAC Válvula de Controle de Ar da Marcha-Lenta Sensor IAT Sensor de Temperatura do Ar de Admissão Sensor MAP Sensor de Pressão Absoluta do Coletor de Admissão MIL Lâmpada Indicadora de Mau-Funcionamento PAIR Injeção de Ar de Pulso Secundário PGM-FI Injeção de Combustível Programada Conector SCS Conector de Curto-circuito de Inspeção de Serviço Sensor TP Sensor de Posição do Acelerador Sensor VS Sensor de Velocidade do Veículo1-2
  • 7. SHADOW 750 INFORMAÇÕES GERAISIDENTIFICAÇÃO DO MODELONÚMEROS DE SÉRIEO Número de Identificação do Veículo (VIN) está gravado nolado direito da coluna de direção, como mostra a ilustração. NÚMERO DE IDENTIFICAÇÃO DO VEÍCULO (VIN)O número de série do motor está gravado no lado direito dacarcaça do motor, como mostra a ilustração. NÚMERO DE SÉRIE DO MOTOR 1-3
  • 8. INFORMAÇÕES GERAIS SHADOW 750O número de identificação do corpo do acelerador estágravado na lateral do sensor de posição do acelerador, comomostra a ilustração. NÚMERO DE IDENTIFICAÇÃO DO CORPO DO ACELERADORETIQUETA ETIQUETA DE INFORMAÇÕES DE CONTROLE DE EMISSÃOA etiqueta de Informação de Controle de Emissão estágravada no lado esquerdo do chassi, em seu tubo inferior.Para garantir que a motocicleta atenda às regulamentaçõeslocais, certifique-se de que os níveis de emissão de CO e HCem marcha-lenta estejam de acordo com os valoresrecomendados.1-4
  • 9. SHADOW 750 INFORMAÇÕES GERAISESPECIFICAÇÕES GERAIS Item EspecificaçãoDimensões Comprimento total 2.510 mm Largura total 920 mm Altura total 1.125 mm Distância entre eixos 1.640 mm Altura do assento 660 mm Altura do pedal de apoio 294 mm Altura mínima do solo 130 mm Peso seco 259 kg Capacidade máxima de carga 194 kgChassi Tipo Berço duplo Suspensão dianteira Garfo telescópico Curso do eixo dianteiro 117 mm Suspensão traseira Braço oscilante Curso do eixo traseiro 90 mm Medida do pneu dianteiro 120/90-17 M/C 64S Medida do pneu traseiro 160/80-15 M/C 74S Marca do pneu dianteiro Bridgestone EXEDRA G701 Dunlop D404FG Marca do pneu traseiro Bridgestone EXEDRA G702 Dunlop D404 Freio dianteiro Hidráulico, disco simples Freio traseiro Sapata de expansão interna Ângulo do cáster 34°00’ Trail 161 mm Capacidade do tanque de combustível 14,4 lMotor Disposição dos cilindros 2 cilindros, inclinado 52° em relação à transversal Diâmetro e Curso 79 x 76 mm Cilindrada 745 cm3 Razão de compressão 9,6:1 Comando de Válvulas Silencioso, acionado por corrente, OHC Válvulas de admissão Abre Dianteira: 0° APMS, a 1 mm Traseira: 5° DPMS, a 1 mm Fecha 25° DPMI, a 1 mm Válvula de escape Abre 35° APMI, a 1 mm Fecha Dianteira: 0° DPMS, a 1 mm Traseira: 5°APMS, a 1 mm Sistema de lubrificação Forçado por bomba de óleo e cárter úmido Tipo de bomba de óleo Trocoidal Sistema de arrefecimento Arrefecido a líquido Sistema de filtragem de ar Elemento de papel viscoso Peso seco do motor 71 kg Seqüência de explosão Dianteiro – 308° – Traseira – 412° – Dianteira Identificação dos cilindros Dianteiro: #2/Traseiro: #1Sistema de Tipo Injeção de Combustível Programada (PGM-FI)Alimentação Diâmetro interno do acelerador 34 mm 1-5
  • 10. INFORMAÇÕES GERAIS SHADOW 750 Item EspecificaçãoTransmissão Sistema de embreagem Multi-disco em banho de óleo Sistema de acionamento da embreagem Acionada por cabo Transmissão 5 marchas constantemente engrenadas Redução primária 1,763 (67/38) Redução secundária 0,821(32/39 Redução terciária (redução do eixo de transmissão) 1,059 (18/17) Redução final 3,091 (34/11) Relação de transmissão 1ª 2,400 (36/15) 2ª 1,550 (31/20) 3ª 1,174 (27/23) 4ª 0,960 (24/25) 5ª 0,852 (23/27) Sistema de mudança de marchas Sistema de retorno operado pelo pé esquerdo, 1 – N – 2 – 3 – 4 – 5Sistema Sistema de ignição Ignição digital totalmente transistorizadaElétrico controlada por computador e com avanço elétrico Sistema de partida Motor de partida elétrico Sistema de carga Alternador de saída trifásica Regulador/retificador Trifásico, SCR em curto e retificação de onda completa Sistema de iluminação Bateria1-6
  • 11. SHADOW 750 INFORMAÇÕES GERAISESPECIFICAÇÕES DO SISTEMA DE LUBRIFICAÇÃO Unidade: mm Item Padrão Limite de UsoCapacidade de Na drenagem 2,5 l –óleo do motor Na troca do óleo e filtro 2,6 l – Na desmontagem 3,2 l –Óleo recomendado para motor Mobil Supermoto 4T Multiviscoso Classificação de serviço API: SF Viscosidade: SAE 20W-50Pressão de óleo no interruptor EOP 530 kPa (5,4 kgf/cm2, 77 psi) a 5.000 rpm (a 80°C)Bomba de óleo Folga entre os rotores interno e externo 0,15 0,20 Folga entre o rotor externo 0,15 – 0,21 0,35 e a carcaça da bomba Folga entre os rotores e a face 0,02 – 0,08 0,10 da carcaça da bombaESPECIFICAÇÕES DO SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI) Item EspecificaçãoNúmero de identificação do corpo do acelerador GQB3AMarcha-lenta 1.200 ± 100 rpmFolga da manopla do acelerador 2 – 10 mmResistência do injetor Dianteiro 11 – 13 Ωde combustível (a 20°C) Traseiro 11 – 13 ΩResistência da válvula solenóide de controle PAIR (a 20°C) 23 – 27 ΩPressão de combustível em marcha-lenta 333 – 353 kPa (3,4 – 3,6 kgf/cm2, 48 – 51 psi)Vazão da bomba de combustível (a 12 V) Mínimo de 50 cm3/10 segundosESPECIFICAÇÕES DO SISTEMA DE ARREFECIMENTO Item EspecificaçãoCapacidade de líquido Radiador e motor 1,58 lde arrefecimento Reservatório 0,38 lPressão de alívio da tampa do radiador 108 – 137 kPa (1,1 – 1,4 kgf/cm2, 16 – 20 psi)Termostato Início da abertura 80 – 84°C Completamente aberto 95°C Curso da válvula Mínimo de 8 mm a 95°CLíquido de arrefecimento recomendado “LÍQUIDO DE ARREFECIMENTO HONDA C2702ANT000” Líquido de arrefecimento de alto desempenho à base de Etilenoglicol 1-7
  • 12. INFORMAÇÕES GERAIS SHADOW 750ESPECIFICAÇÕES DO CABEÇOTE/VÁLVULAS Unidade: mm Item Padrão Limite de usoCompressão do cilindro (a 400 rpm) 1.373 ± 98 kPa (14,0 ± 1,0 kgf/cm2, 199 ± 14 psi) —Folga das válvulas ADM 0,15 ± 0,02 — ESC 0,20 ± 0,02 —Comprimento do calço B do tensor — 6,0da corrente de distribuiçãoÁrvore de Altura do ressalto ADM 37,188 – 37,348 37,16comando ESC 37,605 – 37,765 37,58 Empenamento ADM/ESC — 0,05 D.E. do mancal ADM/ESC 21,959 – 21,980 21,90 Folga de óleo ADM/ESC 0,020 – 0,141 0,16Balancim e eixo D.E. do eixo do balancim ADM/ESC 11,966 – 11,984 11.83do balancim D.I. do balancim ADM/ESC 12,000 – 12,018 12,05 Folga entre o balancim e o eixo 0,016 – 0,052 0,07Válvula e guia D.E. da haste da válvula ADM 5,475 – 5,490 5,45da válvula ESC 5,455 – 5,470 5,41 D.I. da guia da válvula ADM 5,500 – 5,510 5,56 ESC 5,500 – 5,512 5,56 Folga entre a haste ADM 0,010 – 0,035 0,10 e a guia da válvula ESC 0,030 – 0,057 0,11 Projeção da guia da ADM 17,2 – 17,4 — válvula sobre o cabeçote ESC 18,7 – 18,9 — Largura da sede da válvula ADM/ESC 0,90 – 1,10 1,5Comprimento Interna 38,11 36,47 ADMlivre da mola Externa 42,14 40,58da válvula ESC 46,11 44,72Empenamento do cabeçote — 0,10ESPECIFICAÇÕES DO CILINDRO/PISTÃO Unidade: mm Item Padrão Limite de UsoCilindro D.I. 79,000 – 79,015 79,10 Ovalização — 0,06 Conicidade — 0,06 Empenamento — 0,10Pistão, D.E. do pistão a 17 mm de sua base 78,97 – 78,99 78,90pino do pistão, D.I. da cavidade do pino do pistão 18,002 – 18,008 18,05anel do pistão D.E. do pino do pistão 17,994 – 18,000 17,98 Folga entre o pistão e o pino do pistão 0,002 – 0,014 0,04 Folga entre as 1° anel 0,15 – 0,25 0,40 extremidades 2º anel 0,25 – 0,40 0,60 do anel do pistão Anel de óleo 0,20 – 0,80 1,0 (anel lateral) Folga entre o anel e a 1º anel 0,025 – 0,055 0,08 canaleta do pistão 2º anel 0,015 – 0,045 0,07Folga entre o cilindro e o pistão 0,010 – 0,045 0,10D.I. da cabeça da biela 18,016 – 18,034 18,07Folga entre a biela e o pino do pistão 0,016 – 0,040 0,061-8
  • 13. SHADOW 750 INFORMAÇÕES GERAISESPECIFICAÇÕES DA EMBREAGEM/SELETOR DE MARCHAS Unidade: mm Item Padrão Limite de UsoFolga da alavanca da embreagem 10 – 20 —Embreagem Comprimento livre da mola da embreagem 45,3 43,9 Espessura do disco da embreagem Disco A 2,62 – 2,78 2,3 Disco final 2,92 – 3,08 2,6 Empenamento do separador da embreagem – 0,30Guia da carcaça da embreagem D.I. 21,991 – 22,016 22,03 D.E. 31,959 – 31,975 31,92D.E. da árvore primária na guia da carcaça da embreagem 21,967 – 21,980 21,95Folga entre a guia da carcaça da embreagem e a árvore primária 0,011 – 0,049 0,08D.I. da carcaça da embreagem 32,000 – 32,025 32,09Folga entre a carcaça da embreagem e a guia da carcaça 0,025 – 0,066 0,18D.I. da engrenagem motora da bomba de óleo 32,025 – 32,145 32,16Folga entre a engrenagem motora da bomba de óleo e a guia da 0,050 – 0,186 0,23carcaça da embreagemESPECIFICAÇÕES DO ALTERNADOR/EMBREAGEM DE PARTIDA Unidade: mm Item Padrão Limite de UsoEngrenagem movida de partida D.I. 37,000 – 37,025 37,10 D.E. 57,749 – 57,768 57,73D.I. da carcaça da embreagem de partida 74,414 – 74,440 74,46 1-9
  • 14. INFORMAÇÕES GERAIS SHADOW 750ESPECIFICAÇÕES DA ÁRVORE DE MANIVELAS/TRANSMISSÃO Unidade: mm Item Padrão Limite de UsoÁrvore de Folga lateral do colo da biela 0,05 – 0,20 0,30manivelas Folga de óleo da bronzina da árvore de manivelas 0,028 – 0,052 0,07 Folga de óleo do mancal principal 0,020 – 0,038 0,07 Empenamento – 0,03 D.E. do mancal principal 52,982 – 53,000 52,976 D.I. do mancal principal 58,010 – 58,022 58,070Garfo seletor, D.I. do eixo 13,000 – 13,018 13,03eixo seletor Espessura da garra 5,93 – 6,00 5,6 D.E. do eixo seletor 12,966 – 12,984 12,90D.E. do tambor seletor na extremidade esquerda 11,966 – 11,984 11,94D.I. do mancal do tambor seletor 12,000 – 12,018 12,05Folga entre o tambor seletor e o mancal do tambor seletor 0,016 – 0,052 0,09Transmissão D.I. da engrenagem M3, M5 28,000 – 28,021 28,04 C1, C4 31,000 – 31,025 31,05 C2 24,000 – 24,021 24,04 D.E. da bucha da M3, M5 27,959 – 27,980 27,94 engrenagem C1, C4 30,950 – 30,975 30,93 C2 23,959 – 23,980 23,94 Folga entre a M3, M5, C2 0,020 – 0,062 0,10 engrenagem e a bucha C1, C4 0,025 – 0,075 0,11 D.I. da bucha da M3 25,000 – 25,021 25,04 engrenagem C2 20,000 – 20,021 20,04 D.E. da árvore primária Na bucha M3 24,959 – 24,980 24,94 D.E. da árvore secundária Na bucha C2 19,980 – 19,993 19,96 Folga entre a bucha e M3 0,020 – 0,062 0,10 o eixo C2 0,007 – 0,041 0,07Sistema de D.E. da engrenagem de transmissão 24,000 – 24,021 24,04transmissão Bucha da engrenagem D.E. 23,959 – 23,980 23,70 de transmissão D.I. 20,020 – 20,041 20,06 D.E. do eixo da engrenagem motora de transmissão 19,979 – 20,000 19,97 Folga entre a engrenagem e a bucha 0,020 – 0,062 0,082 Folga entre a bucha da engrenagem e o eixo 0,020 – 0,062 0,082 Comprimento da mola do amortecedor 62,3 59 da engrenagem de transmissão Folga entre os dentes das engrenagens de 0,08 – 0,23 0,40 transmissão Diferença da folga entre as medidas – 0,10ESPECIFICAÇÕES DO DIFERENCIAL Unidade: mm Item Padrão Limite de UsoÓleo recomendado para o diferencial Óleo para engrenagem Hypoid, SAE#80 –Capacidade de Na drenagem 160 cm3 –óleo do diferencial Na desmontagem 170 cm3 –Folga entre os dentes das engrenagens do diferencial 0,05 – 0,15 0,30Diferença da folga entre as medidas – 0,10Folga entre a coroa e o pino limitador 0,30 – 0,60 –Pré-carga de montagem da engrenagem do diferencial 0,2 – 0,4 N.m (2,0 – 4,1 kgf.cm) –1-10
  • 15. SHADOW 750 INFORMAÇÕES GERAISESPECIFICAÇÕES DA RODA DIANTEIRA/SUSPENSÃO/SISTEMA DE DIREÇÃO Unidade: mm Item Padrão Limite de UsoProfundidade mínima da banda de rodagem do pneu – 1,5Pressão do Somente piloto 200 kPa (2,00 kgf/cm2, 29 psi) —pneu frio Piloto e passageiro 200 kPa (2,00 kgf/cm2, 29 psi) —Empenamento do eixo – 0,2Excentricidade Radial – 2,0do aro da roda Axial – 2,0Peso para balanceamento da roda – Máximo de 60 gGarfo da Comprimento livre da mola 367,8 360,4suspensão Empenamento do cilindro interno – 0,2 Fluido recomendado para suspensão Óleo Honda Ultra Cushion – 10 W ou equivalente Nível de fluido 100 – Capacidade de fluido 474 ± 2,5 cm3 –Pré-carga do rolamento da coluna de direção 8,8 –12,7 N (0,9 – 1,3 kgf) –ESPECIFICAÇÕES DA RODA TRASEIRA/FREIO/SUSPENSÃO Unidade: mm Item Padrão Limite de Uso Profundidade mínima da banda de rodagem do pneu – 2,0 Pressão do pneu frio Somente piloto 200 kPa (2,00 kgf/cm², 29 psi) – Piloto e passageiro 250 kPa (2,50 kgf/cm², 36 psi) – Empenamento do eixo – 0,2 Excentricidade do aro da roda Radial – 2,0 Axial – 2,0 Peso para balanceamento da roda – Máximo de 70 g D.I. do tambor do freio 180,0 – 180,3 181 Altura do pedal do freio 75 mm a partir da porção – superior do pedal de apoio Folga do pedal do freio 20 – 30 – Posição padrão do ajustador de pré-carga da mola do amortecedor 2a posição –ESPECIFICAÇÕES DO FREIO HIDRÁULICO Unidade: mm Item Padrão Limite de UsoFluido de freio recomendado Fluido de freio DOT-4 –Freio dianteiro Espessura do disco de freio 5,8 – 6,2 5,0 Empenamento do disco de freio – 0,30 D.I do cilindro-mestre 11,000 – 11,043 11,055 D.E. do pistão-mestre 10,957 – 10,984 10,945 D.I. do cilindro do cáliper 25,400 – 25,450 25,460 D.E. do pistão do cáliper 25,335 – 25,368 25,320 1-11
  • 16. INFORMAÇÕES GERAIS SHADOW 750ESPECIFICAÇÕES DA BATERIA/SISTEMA DE CARGA Item EspecificaçãoBateria Capacidade 12 V – 11,2 Ah Fuga de corrente Máxima de 1,0 mA Voltagem (a 20°C) Completamente carregada 13,0 – 13,2 V Necessitando carga Abaixo de 12,4 V Corrente de carga Normal 1,1 A x 5 – 10 h Rápida 5,5 A x 1,0 hAlternador Capacidade 0,39 kW a 5.000 rpm Resistência da bobina de carga (a 20°C) 0,1 – 1,0 ΩESPECIFICAÇÕES DO SISTEMA DE IGNIÇÃO Item EspecificaçãoVelas de ignição Padrão DPR7EA-9 (NGK), X22EPR-U9 (DENSO) Para longos percursos em alta rotação DPR8EA-9 (NGK), X24EPR-U9 (DENSO)Folga entre os eletrodos da vela de ignição 0,8 – 0,9 mmPico de voltagem da bobina de ignição primária Mínimo de 100 VPonto de ignição (Marca “F”) 8º APMS em marcha-lentaPico de voltagem do sensor CKP (a 20º) Mínimo de 0,7 VESPECIFICAÇÕES DA PARTIDA ELÉTRICA Unidade: mm Item Padrão Limite de UsoComprimento das escovas do motor de partida 12,5 6,5ESPECIFICAÇÕES DE ILUMINAÇÃO/INSTRUMENTOS/INTERRUPTORES Item EspecificaçãoLâmpadas Farol 12 V – 60/55 W Luz de posição 12 V – 5 W Lanterna/luz de freio 12 V – 21/5 W Luz da placa de licença 12 V – 5 W Sinaleira 12 V – 21 W x 4 Iluminação do painel de instrumentos LED x 7 Indicador da sinaleira 12 V – 3,4 W Indicador de farol alto 12 V – 3,4 W Indicador de reserva de combustível 12 V – 3,4 W Indicador de ponto-morto LED Indicador de pressão de óleo LED Indicador de temperatura LED do líquido de arrefecimento MIL LED Indicador do HISS LEDFusíveis Fusível principal 30 A Fusível FI 15 A Fusível secundário 10 A x 5, 20 A x 11-12
  • 17. SHADOW 750 INFORMAÇÕES GERAISVALORES DE TORQUE PADRÃO Tipo de fixador Torque Tipo de fixador Torque N.m (kgf.m) N.m (kgf.m) Parafuso e porca, 5 mm 5,2 (0,5) Parafuso, 5 mm 4,2 (0,4) Parafuso e porca, 6 mm 10 (1,0) Parafuso, 6 mm 9 (0,9) Parafuso e porca, 8 mm 22 (2,2) Parafuso flange, 6 mm (cabeça de 8 mm, flange menor) 9 (0,9) Parafuso e porca, 10 mm 34 (3,5) Parafuso flange, 6 mm (cabeça de 8 mm, flange maior) 12 (1,2) Parafuso e porca, 12 mm 55 (5,6) Parafuso flange, 6 mm (cabeça de 10 mm) e porca 12 (1,2) Parafuso flange e porca, 8 mm 27 (2,8) Parafuso flange e porca, 10 mm 39 (4,0)VALORES DE TORQUE DO MOTOR E CHASSI• As especificações de torque listadas abaixo são para fixadores importantes.• Outros fixadores devem ser apertados nos valores de torque-padrão listados acima. Item Qtde. Diâm. da Torque Notas Rosca (mm) N.m (kgf.m) Chassi/Carenagem/Sistema de Escapamento Parafuso Allen da tampa traseira esquerda da carcaça do 1 6 10 (1,0) motor Prisioneiro da conexão do tubo de escapamento 4 8 – Consulte a página 2-12 Parafuso Allen da tampa superior do cabeçote 8 6 10 (1,0) Parafuso Allen de fixação do assento principal 2 8 26 (2,7) Parafuso de fixação do assento traseiro 1 6 12 (1,2) Parafuso ALOC; substitua-o por um novo. Parafuso de fixação do trilho de fixação 6 10 64 (6,5) Porca da conexão do tubo de escapamento 4 8 25 (2,5) Parafuso de fixação do suporte do silencioso 4 8 34 (3,5) Parafuso de suporte do silencioso (lado do chassi) 2 10 44 (4,5) Porca do suporte do silencioso (lado do silencioso) 2 8 27 (2,8) Parafuso da capa do pedal de apoio principal 2 8 21,5 (2,2) Manutenção Vela de ignição 4 12 18 (1,8) Tampa do orifício de sincronização 1 14 10 (1,0) Aplique graxa nas roscas. Tampa do orifício da árvore de manivelas 1 30 15 (1,5) Aplique graxa nas roscas. Contraporca do parafuso de ajuste da válvula 6 7 23 (2,3) Cartucho do filtro de óleo do motor 1 20 26 (2,7) Aplique óleo para motor. nas roscas. Guia do filtro de óleo (lado da carcaça do motor) 1 20 18 (1,8) Aplique trava-química nas roscas. Parafuso de drenagem do óleo do motor 1 14 29 (3,0) Parafuso Allen da tampa do alternador 3 6 10 (1,0) Parafuso Allen da tampa do filtro de ar 5 5 1,5 (0,2) Tampa de abastecimento de óleo do diferencial 1 30 12 (1,2) Parafuso de drenagem do óleo do diferencial 1 8 12 (1,2) Porca de ajuste vertical do farol 1 6 12 (1,2) Sistema de Lubrificação Interruptor EOP 1 PT 1/8 12 (1,2) Aplique junta-líquida nas roscas. Parafuso do terminal do interruptor EOP 1 4 1,9 (0,2) Parafuso de montagem da bomba de óleo 3 6 13 (1,3) 1-13
  • 18. INFORMAÇÕES GERAIS SHADOW 750 Item Qtde. Diâm. da Torque Notas Rosca (mm) N.m (kgf.m)Sistema de Alimentação (PGM-FI)Parafuso da tampa da válvula de inspeção PAIR 4 5 7 (0,7)Parafuso da braçadeira do isolante (lado do corpo do 1 – – Consulte a página 5-45.acelerador)Parafuso da braçadeira do isolante (lado do coletor de 1 – – Consulte a página 5-49.admissão)Parafuso Torx do conjunto de sensores 3 5 3,4 (0,3)Parafuso de fixação do injetor de combustível 2 5 5,1 (0,5)Parafuso Torx da placa de fixação da válvula IAC 2 5 2,1 (0,2)Parafuso da guia do cabo do acelerador 2 5 3,4 (0,3)Sensor ECT 1 12 24,5 (2,5)Parafuso de fixação do tanque de combustível 1 8 27 (2,8)Parafuso de fixação da câmara do filtro de ar 1 5 1,1 (0,1)Parafuso da braçadeira do tubo de conexão da câmara 1 4 0,7 (0,1)do filtro de arParafuso da braçadeira do tubo de conexão do filtro de ar 1 4 1 (0,1)Sensor de O2 2 18 44 (4,5)Sistema de ArrefecimentoParafuso da tampa da bomba de água 5 6 13 (1,3)Parafuso de fixação do motor da ventoinha 3 5 5,1 (0,5)Porca de fixação da ventoinha de arrefecimento 1 5 2,7 (0,3) Aplique trava-química nas roscas.Parafuso de fixação do gargalo de abastecimento 2 6 10 (1,0)do radiadorParafuso da tampa do alojamento do termostato 2 6 10 (1,0)Parafuso da braçadeira da mangueira de água 14 - - Consulte a página 6-10.Parafuso de fixação do conjunto do motor da ventoinha 3 6 8,4 (09)Remoção/Instalação do MotorPorca de fixação do motor 4 10 54 (5,5)Parafuso da placa de fixação do motor 8 8 26 (2,7)Parafuso de fixação do braço seletor de marchas 1 6 12 (1,2)Cabeçote/VálvulasParafuso da tampa do cabeçote 4 6 10 (1,0)Parafuso do cabeçote 4 8 23 (2,3) Aplique óleo nas roscas e superfícies de assentamento.Porca do cabeçote 8 10 47 (4,8) Aplique óleo nas roscas e superfícies de assentamento.Parafuso da engrenagem da árvore de comando 4 7 23 (2,3) Aplique óleo nas roscas e superfícies de assentamento.Parafuso do tensor da corrente de distribuição 4 6 10 (1,0) Consulte a página 8-25.Parafuso do suporte da árvore de comando 6 8 23 (2,3)Porca do suporte da árvore de comando 4 8 23 (2,3)Cilindro/PistãoPrisioneiro do cilindro 2 8 – Consulte a página 9-8.Prisioneiro do cilindro 6 10 – Consulte a página 9-8.Prisioneiro do cilindro 2 12 – Consulte a página 9-8.1-14
  • 19. SHADOW 750 INFORMAÇÕES GERAIS Item Qtde. Diâm. da Torque Notas Rosca (mm) N.m (kgf.m)Embreagem/Seletor de MarchaParafuso da placa de acionamento da embreagem 4 6 12 (1,2)Contraporca do cubo da embreagem 1 18 128 (13,1) Contraporca; substitua-o por uma nova e trave-a. Aplique óleo nas roscas e superfícies de assentamento.Parafuso da engrenagem movida da bomba de óleo 1 6 15 (1,5) Aplique trava-química nas roscas.Parafuso Allen da tampa da embreagem 5 6 10 (1,0)Parafuso da engrenagem motora primária 1 12 88 (9,0) Aplique óleo nas roscas e superfícies de assentamento.Pino da mola de retorno do eixo do seletor de marchas 1 8 23 (2,3)Parafuso da placa limitadora do retentor de óleo do eixo 1 6 13 (1,3)seletor de marchasParafuso da articulação do pedal seletor de marchas 1 8 26 (2,7)Alternador/Embreagem de PartidaParafuso do volante do motor 1 12 128 (13,1) Roscas invertidas. Aplique óleo nas roscas e superfícies de assentamento.Parafuso Allen do estator 3 6 12 (1,2) Aplique trava-química nas roscas.Parafuso Allen da carcaça da embreagem de partida 6 8 30 (3,1) Aplique trava- químicaunidirecional nas roscas.Parafuso Allen do fixador da fiação do estator 1 6 12 (1,2) Aplique trava-química nas roscas.Árvore de Manivelas/TransmissãoParafuso da carcaça do motor 15 8 23 (2,3)Parafuso da placa do excêntrico seletor de marchas 1 6 12 (1,2) Aplique trava-química nas roscas.Porca da capa da bronzina do mancal da árvore de 4 8 33 (3,4) Aplique óleo nasmanivela roscas e superfícies de assentamento.Parafuso de fixação da carcaça das engrenagens de 3 8 31 (3,2) Aplique junta-líquidatransmissão nas roscas.Parafuso de fixação do conjunto das engrenagens de 2 8 31 (3,2) Aplique óleo nas roscastransmissão e superfícies de assentamento.Parafuso Allen de fixação da engrenagem movida de 4 8 31 (3,2) Aplique óleo nas roscastransmissão e superfícies de assentamento.Contraporca do rolamento da engrenagem motora de 1 30 73 (7,4) Contraporca; substitua-atransmissão (interna) por uma nova e trave-a. Aplique óleo nas roscas e superfícies de assentamento.Contraporca do rolamento da engrenagem motora de 1 64 98 (10,0) Contraporca; substitua-atransmissão (externa) por uma nova e trave-a. Aplique óleo nas roscas e superfícies de assentamento.Contraporca do rolamento da engrenagem movida de 1 30 73 (7,4) Contraporca; substitua-atransmissão (interna) por uma nova e trave-a. Aplique óleo nas roscas e superfícies de assentamento.Contraporca do rolamento da engrenagem movida de 1 64 98 (10,0) Contraporca; substitua-atransmissão (externa) por uma nova e trave-a. Aplique óleo nas roscas e superfícies de assentamento.Parafuso do eixo da engrenagem movida de transmissão 1 10 49 (5,0) 1-15
  • 20. INFORMAÇÕES GERAIS SHADOW 750 Item Qtde. Diâm. da Torque Notas Rosca (mm) N.m (kgf.m)DiferencialRetentor do pinhão 1 64 108 (11,0)Parafuso da lingüeta de trava do retentor do pinhão 1 6 10 (1,0)Porca da conexão do pinhão 1 16 108 (11,0) Aplique trava-química nas roscas.Parafuso da placa protetora de pó 1 6 10 (1,0)Parafuso da tampa da carcaça do diferencial 2 10 47 (4,8) Aplique trava-química nas roscas.Parafuso da tampa da carcaça do diferencial 6 8 25 (2,5)Porca de fixação do conjunto da carcaça do diferencial 4 10 64 (6,5)Prisioneiro da carcaça do diferencial 4 10 - Consulte a página 13-23.Roda Dianteira/Suspensão/Sistema de DireçãoParafuso da articulação da alavanca da embreagem 1 6 1 (0,1)Porca da articulação da alavanca da embreagem 1 6 6 (0,6)Parafuso do suporte superior do guidão 4 8 23 (2,3)Porca do suporte inferior do guidão 2 8 23 (2,3)Parafuso do disco de freio dianteiro 6 8 42 (4,3) Parafuso ALOC; substitua-o por um novo.Raio 52 BC4 4,2 (0,4)Parafuso do eixo dianteiro 1 14 59 (6,0)Parafuso de fixação do deixo dianteiro 2 8 22 (2,2)Parafuso Allen central do garfo da suspensão 2 10 29,5 (3,0) Aplique trava- química nas roscas.Parafuso superior do garfo da suspensão 2 38 22,1 (2,3)Parafuso do protetor do garfo da suspensão 2 8 12 (1,2)Parafuso do protetor do garfo da suspensão 2 8 26 (2,7)Porca da válvula do pneu 1 8V1 4 (0,4)Parafuso de fixação da mesa superior do garfo 2 8 27 (2,8)Parafuso de fixação da mesa inferior do garfo 2 10 49 (5,0)Porca superior da coluna de direção 1 26 – Consulte a página 14-30.Contraporca da coluna de direção 1 26 – Consulte a página 14-31.Porca da coluna de direção 1 24 103 (10,5)Roda Traseira/Freio/SuspensãoRaio 52 BC4 4,2 (0,4)Porca da válvula do pneu 1 8V1 4 (0,4)Porca do eixo traseiro 1 18 88 (9,0) Porca-U.Parafuso de fixação do eixo traseiro 1 8 27 (2,8)Porca do braço limitador do freio traseiro 1 8 22 (2,2)Parafuso de fixação do braço do freio traseiro 1 8 28,5 (2,9)Parafuso de fixação superior do amortecedor traseiro 2 8 26 (2,7)Parafuso de fixação inferior do amortecedor 1 10 34 (3,5)traseiro (lado direito)Parafuso de fixação inferior do amortecedor 1 8 22 (2,2)traseiro (lado esquerdo)Parafuso da placa limitadora 5 6 20 (2,0) Parafuso ALOC; substitua-o por um novo.Parafuso da articulação esquerda do braço oscilante 1 30 103 (10,5)Parafuso da articulação direita do braço oscilante 1 30 – Consulte a página 15-27.Contraporca da articulação direita do braço oscilante 1 30 103 (10,5)Parafuso de fixação do suporte do pedal de apoioprincipal 3 10 39 (4,0)Porca de fixação do suporte do pedal de apoio principal 1 10 39 (4,0)1-16
  • 21. SHADOW 750 INFORMAÇÕES GERAIS Item Qtde. Diâm. da Torque Notas Rosca (mm) N.m (kgf.m)Freio HidráulicoVálvula de sangria do cáliper do freio 1 8 5,5 (0,6)Parafuso da tampa do reservatório do cilindro-mestre 2 4 1,5 (0,2)dianteiroPino da pastilha de freio 1 10 18 (1,8)Bujão do pino da pastilha de freio 1 10 2,5 (0,3)Parafuso de óleo da mangueira do freio 2 10 34 (3,5)Parafuso da articulação da alavanca do freio 1 6 1 (0,1)Porca da articulação da alavanca do freio 1 6 6 (0,6)Parafuso do interruptor da luz do freio dianteiro 1 4 1,2 (0,1)Parafuso do suporte do cilindro-mestre dianteiro 2 6 12 (1,2)Pino do suporte do cáliper do freio dianteiro 1 8 12 (1,2) Aplique trava-química nas roscas.Pino do cáliper do freio dianteiro 1 8 27 (2,8) Aplique trava-química nas roscas.Parafuso de fixação do cáliper do freio dianteiro 2 8 30 (3,1) Parafuso ALOC; substitua-o por um novo.Bateria/Sistema de CargaParafuso da tampa do compartimento da bateria 1 5 1 (0,1)Partida ElétricaPorca do terminal do cabo do motor de partida 1 6 10 (1,0)Parafuso de montagem do motor de partida 2 5 4,9 (0,5)Parafuso da escova negativa 1 5 3,7 (0,4)Iluminação/Instrumentos/InterruptoresInterruptor de ponto-morto 1 10 12 (1,2)Parafuso de fixação do sensor VS 1 6 9,8 (1,0)Parafuso de fixação do farol 2 5 4,1 (0,4)Porca de fixação da carcaça do farol 1 6 12 (1,2)Parafuso da presilha da carcaça do farol 2 4 1 (0,1)Parafuso das lentes das sinaleiras 4 4 1 (0,1)Parafuso Allen de fixação da sinaleira dianteira 2 6 5,1 (0,5)Parafuso Allen de fixação da sinaleira traseira 2 6 6,7 (0,7)Porca de fixação da lanterna/luz de freio 3 6 6,3 (0,6)Parafuso Allen de fixação do velocímetro 2 6 10 (1,0)Parafuso de fixação do interruptor de ignição 2 6 12 (1,2)Parafuso do interruptor do cavalete lateral 1 6 10 (1,0) Parafuso ALOC; substitua-o por um novo.Sensor de reserva de combustível 1 18 23 (2,3)Parafuso de fixação da buzina 1 8 21 (2,1)OutrosParafuso da articulação do cavalete lateral 1 10 9 (0,9)Contraporca da articulação do cavalete lateral 1 10 30 (3,1)Parafuso do suporte do cavalete lateral 2 10 49 (5,0)Parafuso da caixa de ferramentas 2 4 2 (0,2) 1-17
  • 22. INFORMAÇÕES GERAIS SHADOW 750LUBRIFICAÇÃO E PONTOS DE VEDAÇÃOMOTOR Material Localização NotasÓleo a base de bissulfeto Superfície do mancal e ressaltos da árvore de comandode molibdênio (mistura Haste da válvula (superfície deslizante da guia da válvula)de 50% de óleo para Superfície deslizante do balancimmotor e 50% de de graxa Superfície externa do eixo do balancimde bissulfeto de Superfície de encosto da bronzina do mancal da árvore demolibdênio). manivelas Mancais principais da árvore de manivelas Superfície externa da guia da carcaça da embreagem Ranhura do garfo seletor da engrenagem de transmissão Superfície deslizante da bucha da transmissão Superfície interna da cabeça da bielaÓleo para motor Superfície externa do pistão Superfície externa do anel do pistão Superfície externa do pino do pistão Embreagem de partida unidirecional Superfície externa dos eixos das engrenagens redutora e intermediária de partida Superfície deslizante do braço de acionamento da embreagem da tampa direita da carcaça do motor Superfície completa dos discos da embreagem Roscas do parafuso de ajuste da válvula Parede do cilindro Roscas inferiores do prisioneiro do cilindro Superfície completa do eixo do garfo seletor Dentes das engrenagens de transmissão Superfície da bronzina do mancal principal da árvore de manivelas Retentor do tubo de óleo Junta do filtro de óleo Roscas do cartucho do filtro de óleo Anel retentor do injetor Região de rotação dos rolamentos Anel de vedaçãoGraxa para uso geral Lábios dos retentores de óleoJunta-líquida (Three Bond Superfície de contato das carcaças direita e esquerda do motor1207B ou equivalente) Superfície de contato da tampa direita da carcaça do motor Superfície de contato da tampa esquerda da carcaça do motorTrava-química Roscas do parafuso da placa de fixação do rolamento da Região de cobertura: transmissão 6,5 ± 1 mm Roscas do parafuso da placa de fixação do tensor da Região de cobertura: corrente de distribuição 6,5 ± 1 mm Roscas do parafuso da tampa esquerda da carcaça do motor Região de cobertura: (com a marca “Δ”) 6,5 ± 1 mmHonda Bond A ou Ranhura da junta da tampa do cabeçoteequivalente1-18
  • 23. SHADOW 750 INFORMAÇÕES GERAISCHASSI Material Localização NotasJunta-líquida (Three Bond Superfície de contato da tampa da carcaça do diferencial1207B ou equivalente)Graxa para uso geral Superfície deslizante do parafuso da articulação do cavalete lateral Aplique 1 g. Região deslizante do pedal de apoio do condutor Região deslizante do pedal de apoio do passageiro Ranhura e superfície deslizante do flange do tubo do acelerador Espalhe de 0,2 a 0,3 g. Superfície deslizante do parafuso da articulação da alavanca da embreagem Lábios do retentor de pó do pedal seletor de marchas Superfície deslizante do eixo dianteiro Superfície interna do fixador do amortecedor Lábios do retentor de pó e articulação da conexão intermediária do freio traseiro Superfície deslizante do excêntrico do freio traseiro Espalhe de 0,2 a 0,3 g. Superfície deslizante entre a sapata do freio e o pino de fixação Espalhe de 0,2 a 0,3 g. Superfície deslizante da articulação do pedal do freio Lábios do retentor de pó do pedal do freio Lábios do retentor de pó da roda dianteira Anel de vedação da carcaça do diferencial Lábios do retentor de óleo da carcaça do diferencialGraxa para uso geral com Rolamentos do cabeçote da coluna de direção Aplique de 3 a 5 g emagente para extrema cada rolamento.pressão (Exemplo: Lábios do retentor de pó do rolamento do cabeçote da colunaExcelite EP2 fabricada de direçãopela KYODO YUSHI, Roletes de agulhas do rolamento da articulação do braço Aplique de 1,0 a 1,5 g emJapão) ou equivalente oscilante cada rolamento. Lábios do retentor de pó da articulação do braço oscilanteGraxa a base de bissulfeto Estrias da engrenagem motora de transmissão e do Aplique 1 g.de molibdênio excêntrico amortecedor Lábios do retentor de óleo do eixo do diferencial Aplique 0,5 g. Eixo do diferencial e estrias do eixo da transmissão (lado da Aplique 1g. conexão universal) Estrias da conexão do pinhão do diferencial Aplique 2g.Pasta a base de bissulfeto Flange movido do diferencial (superfície de contato do cubo da Aplique de 0,5 a 1,0 g.de molibdênio roda traseira) Anel de vedação do flange movido do diferencial Suporte do anel de vedação da carcaça do diferencial e Aplique de 4 a 5 g. superfície da conexão do flange movido Arruela de encosto e extremidade do cubo da roda traseira Aplique de 2 a 3 g. (lado do flange movido do diferencial)Lubrificante para cabos Interior do cabo do acelerador Interior do cabo da embreagemHonda Bond A ou Interior da manopla do guidãoequivalente Superfície externa do guidão e do tubo do acelerador (região de contato da manopla do guidão)Óleo para motor Roscas superiores da coluna de direção Retentor do excêntrico do freio traseiroGraxa de silicone Superfície deslizante do parafuso da articulação da alavanca do freio Aplique 0,1 g. Região de contato entre a alavanca do freio e o pistão-mestre Aplique 0,1 g. Superfície deslizante dos pinos do cáliper do freio e do suporte Retentor de pó do cáliper do freio Aplique 0,4 g.Fluido de freio DOT-4 Pistão-mestre do freio e copos do pistão Pistão do cáliper do freio e retentores do pistãoÓleo Honda ULTRA Lãbios dos retentores de pó e de óleo do garfo da suspensãoCUSHION 10W Anel de vedação do parafuso superior do garfo da suspensãoTrava-química Roscas do prisioneiro da carcaça do diferencial 1-19
  • 24. INFORMAÇÕES GERAIS SHADOW 750PASSAGEM DE CABOS E FIAÇÃO MANGUEIRA DO FREIO FIO DO INTERRUPTOR CABOS DO DIANTEIRO CABO DA EMBREAGEM ACELERADOR DIREITO DO GUIDÃO INDICADOR DA SINALEIRA INDICADOR DE RESERVA DE INDICADOR COMBUSTÍVEL DO FAROL ALTO FIAÇÃO DO INTERRUPTOR DA LUZ DO FREIO DIANTEIRO FIAÇÃO DO INTERRUPTOR DA EMBREAGEM FIAÇÃO DO INTERRUPTOR ESQUERDO DO GUIDÃO FIAÇÃO DA SINALEIRAFIAÇÃO DA SINALEIRA DIANTEIRA DIANTEIRA CONECTOR 2P (Branco) DO CONECTORES 2P DA SINALEIRA INDICADOR DA SINALEIRA DIANTEIRA: CONECTOR 6P (Vermelho) DO • Azul claro: SINALEIRA DIREITA INTERRUPTOR DO GUIDÃO DIREITO • Laranja: SINALEIRA ESQUERDACONECTOR 4P (Branco) DOINDICADOR DE RESERVA DECOMBUSTÍVEL/FAROL ALTO CONECTOR 2P (Branco) DA LUZ DE POSIÇÃO FIAÇÃO DA SINALEIRAFIAÇÃO DO RELÉDA SINALEIRA FIAÇÃO DO INDICADORFIAÇÃO DO INTERRUPTORDIREITO DO GUIDÃO FIAÇÃO DO INTERRUPTOR FIAÇÃO PRINCIPAL ESQUERDO DO GUIDÃO CONECTOR 3P (Preto) DO RELÉ DA SINALEIRA CONECTOR 2P (Preto) CONECTOR 3P (Branco) CONECTOR 9P (Preto) DO DO COMUTADOR DO INTERRUPTOR ESQUERDO DO FAROL FAROL DO GUIDÃO FIAÇÃO DO RELÉ DA SINALEIRA1-20
  • 25. SHADOW 750 INFORMAÇÕES GERAIS Para cima Lado esquerdo CABOS DO ACELERADOR 30° ± 5° CABO DA EMBREAGEM FIAÇÃO DO INTERRUPTOR DO GUIDÃO DIREITO CABOS DO ACELERADORMANGUEIRA DO FREIO DIANTEIRO 1-21
  • 26. INFORMAÇÕES GERAIS SHADOW 750 CONECTOR 12P (Branco) CABO DA EMBREAGEM DO VELOCÍMETRO FIAÇÃO DO INTERRUPTOR ESQUERDO DO GUIDÃO FIAÇÃO DA BUZINA FIAÇÃO DO MOTOR DA VENTOINHA1-22
  • 27. SHADOW 750 INFORMAÇÕES GERAIS(1) FIAÇÃO PRINCIPAL(2) MANGUEIRA DE RESPIRO DO TANQUE DE COMBUSTÍVEL(3) MANGUEIRA SIFÃO(4) FIAÇÃO DO SENSOR DE INCLINAÇÃO DO CHASSI(5) CABO DO ACELERADORMANGUEIRA DE RESPIRO DOTANQUE DE COMBUSTÍVEL FIAÇÃO DA VÁLVULA SOLENÓIDE DO CONTROLE PAIR CONECTOR 2P (Preto) DA MANGUEIRA DE VÁLVULA SOLENÓIDE DO ALIMENTAÇÃO CONTROLE PAIR CONECTORES DO SENSOR DE RESERVA DE COMBUSTÍVEL DE COMBUSTÍVEL (4) (2) MANGUEIRA DE (3) COMBUSTÍVEL (5) (1) (3) (2)MANGUEIRA SIFÃO (1) (5) (1) MANGUEIRA DE RETORNO DE VAPORIZAÇÃO DE COMBUSTÍVELFIAÇÃO MANGUEIRA DEDA BUZINA RETORNO DE VAPORIZAÇÃO DE COMBUSTÍVELCABO DA VELA DEIGNIÇÃO DIANTEIRAESQUERDA MANGUEIRA DE COMBUSTÍVEL FIAÇÃO DO SENSOR DE RESERVA DE COMBUSTÍVEL MANGUEIRAS DE FORNECIMENTO DE AR SECUNDÁRIO CABO DA VELA DE IGNIÇÃO MANGUEIRA DE ALIMENTAÇÃO TRASEIRA ESQUERDA DE COMBUSTÍVEL MANGUEIRA DE SUCÇÃO DE AR SECUNDÁRIO 1-23
  • 28. INFORMAÇÕES GERAIS SHADOW 750(1) FIAÇÃO DO INTERRUPTOR DO CAVALETE LATERAL(2) FIAÇÃO DO RECEPTOR DO IMOBILIZADOR/INTERRUPTOR DE IGNIÇÃO(3) FIAÇÃO DO INTERRUPTOR DE IGNIÇÃO(4) FIAÇÃO DO ALTERNADOR(5) FIAÇÃO DO INTERRUPTOR DO PONTO-MORTO/INTERRUPTOR EOP(6) FIAÇÃO DO SENSOR VS(7) FIAÇÃO DO RECEPTOR DO IMOBILIZADOR(8) FIAÇÃO DO REGULADOR/RETIFICADOR(9) FIAÇÃO DA CAIXA DE RELÉS(10) FIAÇÃO DOS ITENS (1), (5), (6)CONECTORES INTERNOS:• CONECTOR 2P (Branco) DO REGULADOR/ RETIFICADOR• CONECTOR 3P (Branco) DO ALTERNADOR CONECTORES INTERNOS: • CONECTOR 4P (Branco) DO RECEPTOR DO IMOBILIZADOR • CONECTOR 2P (Branco) DO INTERRUPTOR DE IGNIÇÃO (8) (10) (7) (9) (2) (1) (4) (3) (5) FIAÇÃO DO REGULADOR/ (4) (6) RETIFICADOR (6) (1) (5) (6) (1) (5) (1) Para o Regulador/ Retificador FIAÇÃO DA CAIXA DE RELÉS CABO DO MOTOR DE PARTIDA (5) (6) FIAÇÃO DO ALTERNADOR (5) CABO DO TERRA (1) (4) FIAÇÃO DO INTERRUPTOR DO CAVALETE LATERAL FIAÇÃO DO SENSOR VS FIAÇÃO DO REGULADOR/RETIFICADOR FIAÇÃO DO INTERRUPTOR EOP CONECTORES INTERNOS: • CONECTOR 3P (Branco) DO SENSOR VS • CONECTOR 2P (Verde) DO INTERRUPTOR DO CAVALETE LATERAL • CONECTOR 2P (Preto) DO INTERRUPTOR DO PONTO-MORTO/ INTERRUPTOR EOP1-24
  • 29. SHADOW 750 INFORMAÇÕES GERAIS MANGUEIRAS DE RESPIRO DO TANQUE DE COMBUSTIVEL MANGUEIRA SIFÃO FIAÇÃO DO REGULADOR/ RETIFICADOR MANGUEIRA DE RESPIRO DO RESERVATÓRIO DO RADIADOR 1-25
  • 30. INFORMAÇÕES GERAIS SHADOW 750 MANGUEIRA DE ALIMENTAÇÃO DE COMBUSTÍVEL Lado direito MANGUEIRA DE COMBUSTÍVEL MANGUEIRA DE RETORNO DE VAPORIZAÇÃO DE COMBUSTÍVEL Dianteira 45°MANGUEIRA DE ALIMENTAÇÃODE COMBUSTÍVEL FIAÇÃO DO RESERVATÓRIO/ BOMBA DE COMBUSTÍVEL MANGUEIRA DE RETORNO DE VAPORIZAÇÃO DE COMBUSTÍVEL MANGUEIRA DE COMBUSTÍVEL Dianteira 5 – 8 mm1-26
  • 31. SHADOW 750 INFORMAÇÕES GERAIS CONECTORES INTERNOS: • CONECTOR 2P (Vermelho) DO SENSOR CKP • CONECTOR 2P (Branco) DO MOTOR DA VENTOINHA • CONECTOR 3P (Cinza) DO INTERRUPTOR DA LUZ DO FREIO TRASEIRO CABOS DO ACELERADOR CONECTOR 3P (Preto) DO SENSOR DE FIAÇÃO DO SENSOR FIAÇÃO PRINCIPAL INCLINAÇÃO DO CHASSI DE INCLINAÇÃO DO MANGUEIRA DE CHASSI FIAÇÃO SECUNDARIA DO CONJUNTO DE SENSORES/VÁLVULA IAC RESPIRO DO TANQUE DE COMBUSTÍVEL Para cima 45°MANGUEIRA DE ° LadoRESPIRO DA direitoCARCAÇA DO MOTORMANGUEIRA DERESPIRO DO TANQUEDE COMBUSTÍVEL Para cima PROTETOR FIAÇÃO DO SENSOR ECT CONECTOR 3P (Cinza) DO SENSOR ECT CABO DA VELA DE IGNIÇÃO DIANTEIRA DIREITA 5 – 8 mm FIAÇÃO DO SENSOR CKP MANGUEIRA DE SUCÇÃO DE AR SECUNDÁRIO CABO DA EMBREAGEM FIAÇÃO DO INTERRUPTOR DA LUZ DO FREIO TRASEIRO 1-27
  • 32. INFORMAÇÕES GERAIS SHADOW 750 MANGUEIRA DE RESPIRO DO TANQUE DE COMBUSTÍVEL SENSOR DE CABOS DO ACELERADOR INCLINAÇÃO DO CHASSI FIAÇÃO SECUNDARIA DO CONJUNTO DE SENSORES/VÁLVULA IAC FIAÇÃO DO SENSOR DE INCLINAÇÃO DO CHASSI CONECTOR 4P (Branco) DA FIAÇÃO SECUNDÁRIA DO INJETOR FIAÇÃO SECUNDÁRIA DO INJETOR CONECTOR 2P (Cinza) DO INJETOR N° 2 DIANTEIRO FIAÇÃO PRINCIPALCONECTOR 2P (Cinza) DOINJETOR N° 1 TRASEIRO CONECTOR 4P (Preto) DA VÁLVULA IAC CONECTOR 5P (Preto) DO CONJUNTO DE SENSORES1-28
  • 33. SHADOW 750 INFORMAÇÕES GERAIS Dianteira Para cima Para cima Lado Direito Lado Direito Máximo de 30° Para cima Lado Direito 45° Lado Direito Para cima Dianteira 45° Dianteira Lado Direito Dianteira Lado Esquerdo Máximo de 30° Para cima 45° Dianteira Para cima Lado Direito Lado Lado Esquerdo Esquerdo 1-29
  • 34. INFORMAÇÕES GERAIS SHADOW 750(1) FIAÇÃO PRINCIPAL(2) FIAÇÃO DO SENSOR CKP(3) CABO DA VELA DE IGNIÇÃO TRASEIRA ESQUERDA(4) CABO DA VELA DE IGNIÇÃO TRASEIRA DIREITA CONECTOR 2P (Vermelho) DA FIAÇÃO SECUNDÁRIA DO SENSOR CKP CABO DA VELA DE IGNIÇÃO TRASEIRA DIREITA (1) (4) (1) (3) (4) (3) PROTETOR (2) CABO DO MOTOR DE PARTIDA INTERRUPTOR DO RELÉ DE PARTIDA CONECTOR 4P (Branco) DO SENSOR DE O2 TRASEIROCONECTOR 4P (Preto) DOSENSOR DE O2 DIANTEIRO CABO DO TERRA FIAÇÃO DO SENSOR CABO DA VELA DE IGNIÇÃO DE O2 TRASEIRO TRASEIRA ESQUERDA CAIXA DE FUSÍVEIS A DLC FIAÇÃO DO SENSOR DE O2 DIANTEIRO CAIXA DE FUSÍVEIS B CABO POSITIVO (+) DA BATERIA CONECTOR 1P (Branco) DO CABO DE PARTIDA-BATERIA CONECTORES INTERNOS: BOBINA DE IGNIÇÃO • CONECTOR 2P (Azul claro) DA SINALEIRA TRASEIRA DIREITA TRASEIRA • CONECTOR 2P (Laranja) DA SINALEIRA TRASEIRA ESQUERDA FIAÇÃO PRIMÁRIA • CONECTOR 3P (Branco) DA LANTERNA/LUZ DE FREIO/LUZ DA PLACA DE LICENÇA1-30
  • 35. SHADOW 750 INFORMAÇÕES GERAIS MANGUEIRA DE RETORNO DE VAPORIZAÇÃO DO COMBUSTÍVELMANGUEIRA DE ALIMENTAÇÃO DE COMBUSTÍVEL CONECTOR 2P (Preto) DOMANGUEIRA DE COMBUSTÍVEL RESERVATÓRIO/BOMBA DE COMBUSTÍVEL RESERVATÓRIO/BOMBA DE COMBUSTÍVEL CABO NEGATIVO FIAÇÃO SECUNDÁRIA DO (-) DA BATERIA SENSOR CKP CABO POSITIVO (+) DA BATERIA BATERIA ECM CONECTOR 33P CONECTOR 33P (Cinza) DO ECM (Preto) DO ECM 1-31
  • 36. INFORMAÇÕES GERAIS SHADOW 750 FIAÇÃO DA SINALEIRA TRASEIRA DIREITA FIAÇÃO DA LANTERNA/LUZ DE FREIO/ LUZ DA PLACA DE LICENÇA FIAÇÃO DA SINALEIRA TRASEIRA ESQUERDA FIAÇÃO DA LANTERNA/LUZ DE FREIO/LUZ DA PLACA DE LICENÇA FIAÇÃO DA LUZ DA LUZ DE LICENÇA CONECTOR 2P (Branco) DA LUZ DA PLACA DE LICENÇA1-32
  • 37. SHADOW 750 INFORMAÇÕES GERAISSISTEMA DE CONTROLE DE EMISSÕESEsta motocicleta atende às exigências do Programa de Controle de Poluição do Ar para Motocicletas e VeículosSimilares PROMOT (Resolução do CONAMA, n° 297, datada de 26/02/2002 - Conselho Nacional de Meio-Ambiente).FONTE DE EMISSÕESO processo de combustão produz monóxido de carbono (CO), hidrocarbonetos e óxidos de nitrogênio (NOx). O controledo monóxido de carbono, dos hidrocarbonetos e dos óxidos de nitrogênio é de grande importância pois, sob certascondições, estes reagem fotoquimicamente para produzir fumaça tóxica quando expostos à luz solar. O monóxido decarbono não reage da mesma forma, mas também é tóxico.A Moto Honda da Amazônia Ltda. utiliza vários sistemas (página 1-34) para reduzir os índices de emissões de monóxidode carbono, hidrocarbonetos e óxidos de nitrogênio.SISTEMA DE CONTROLE DE EMISSÕES DA CARCAÇA DO MOTORO motor é equipado com um sistema de carcaça fechada, a fim de evitar descargas de gases na atmosfera. Os gasesexpelidos retornam à câmara de combustão através da carcaça do filtro de ar e do corpo do acelerador. FILTRO DE AR CORPO DO ACELERADOR AR FRESCO GASES EXPELIDOS 1-33
  • 38. INFORMAÇÕES GERAIS SHADOW 750SISTEMA DE CONTROLE DE EMISSÃO DO ESCAPAMENTOO sistema de controle de emissões do escapamento é composto por um sistema de fornecimento de ar secundáriopulsativo, um catalisador de três vias e o sistema PGM-FI.Nenhum ajuste deve ser executado, exceto o ajuste da marcha-lenta com o parafuso limitador do acelerador. O sistemade controle de emissão do escapamento é separado do sistema de controle de emissão da carcaça do motor.Sistema de fornecimento de ar secundárioO sistema de fornecimento de ar que secundário pulsativo introduz ar filtrado nos gases de escapamento, na porta deescape. O ar fresco é sugado para dentro da porta de escape através da válvula solenóide de controle PAIR.Esta carga de ar fresco promove a queima dos gases não-queimados e altera consideravelmente a quantidade dehidrocarbonetos e monóxido de carbono em dióxido de carbono relativamente inofensivo e vapor de água.A válvula de inspeção PAIR evita o fluxo inverso de ar através do sistema. A válvula solenóide de controle PAIR éacionada por uma válvula solenóide. A válvula solenóide é controlada pelo ECM, e a passagem de ar fresco é aberta oufechada de acordo com as condições de funcionamento do motor (sensores ECT/IAT/TP/MAP e rotações do motor).Nenhum ajuste no sistema de fornecimento de ar secundário deve ser feito, a não ser inspeções periódicas noscomponentes recomendados. FILTRO DE AR VÁLVULA SOLENÓIDE DE CONTROLE PAIR VÁLVULA DE INSPEÇÃO PAIR PORTA DE ESCAPE AR FRESCO GASES DE ESCAPAMENTOCatalisador de Três ViasEsta motocicleta é equipada com catalisador de três vias.O catalisador de três vias está localizado no sistema de escapamento. Através de reações químicas, este converte oshidrocarbonetos, o monóxido de carbono e os óxidos de nitrogênio do escapamento do motor em dióxido de carbono(CO2), gás nitrogênio (N2) e vapor de água.1-34
  • 39. SHADOW 750 INFORMAÇÕES GERAISSISTEMA DE CONTROLE DE EMISSÃO DE RUÍDOSSão proibidas adulterações no sistema de controle de emissão ruídos: a lei de cada região proíbe os seguintes atos ouas seguintes conseqüências: (1) a remoção ou alteração ineficaz por qualquer pessoa, a não ser por propósitos demanutenção, reparo ou substituição, de qualquer dispositivo ou elemento de projeto incorporado a qualquer novoveículo com o propósito prévio de controle de ruídos, para venda ou entrega ao comprador final ou enquanto em uso;(2) a utilização do veículo após a remoção de qualquer dispositivo ou elemento do projeto ou alteração ineficaz porqualquer pessoa.ENTRE ESTES ATOS, PRESUMIMOS A CONSTITUIÇÃO DE ADULTERAÇÃO OS SEGUINTES LISTADOS ABAIXO:1. Remoção ou perfuração do silencioso, defletores, tubos de escapamento ou qualquer outro componente que conduz os gases de escapamento.2. Remoção ou perfuração de qualquer componente do sistema de admissão.3. Falta de manutenção adequada.4. Substituição de qualquer componente móvel do veículo ou componentes do sistema de admissão e escape, por componentes que não os especificados pelo fabricante. 1-35
  • 40. INFORMAÇÕES GERAIS SHADOW 750 NOTAS1-36
  • 41. CHASSI/CARENAGENS/SHADOW 750 2. SISTEMA DE ESCAPAMENTO INFORMAÇÕES DE SERVIÇO 2-2 PEDAL DE APOIO DO CONDUTOR 2-5 DIAGNOSE DE DEFEITOS 2-2 TAMPA SUPERIOR DO CABEÇOTE 2-6 ASSENTO 2-3 PÁRA-LAMA DIANTEIRO 2-7 TAMPA LATERAL 2-4 PÁRA-LAMA TRASEIRO 2-7 TAMPA LATERAL DA SISTEMA DE ESCAPAMENTO 2-9 COLUNA DE DIREÇÃO 2-4 TAMPA TRASEIRA ESQUERDA DA CARCAÇA DO MOTOR 2-4 2-1
  • 42. CHASSI/CARENAGENS/SISTEMA DE ESCAPAMENTO SHADOW 750INFORMAÇÕES DE SERVIÇOINFORMAÇÕES GERAIS• Este capítulo abrange a remoção e instalação das carenagens e sistema de escapamento.• Queimaduras graves podem ocorrer caso o sistema de escapamento não esfrie antes da remoção ou execução de reparos em seus componentes.• Sempre substitua as juntas do tubo de escapamento por novas após a remoção do tubo de escapamento.• Ao instalar o sistema de escapamento, inicie instalando frouxamente os fixadores do tubo. Em seguida, aperte as presilhas do escapamento e, finalmente, aperte seus fixadores.• Sempre inspecione o sistema de escapamento quanto a vazamentos após sua instalação.VALORES DE TORQUEParafuso Allen de fixação do assento do principal 26 N.m (2,7 kgf.m)Parafuso de fixação do assento traseiro 12 N.m (1,2 kgf.m) Parafuso Aloc; substitua-o por um novo.Parafuso de fixação do trilho de fixação 64 N.m (6,5 kgf.m)Parafuso Allen da tampa traseira esquerda dacarcaça do motor 10 N.m (1,0 kgf.m)Parafuso Allen da tampa superior do cabeçote 10 N.m (1,0 kgf.m)Porca da conexão do tubo de escapamento 25 N.m (2,5 kgf.m)Parafuso de fixação do suporte do silencioso 34 N.m (3,5 kgf.m)Porca do suporte do silencioso 27 N.m (2,8 kgf.m)Prisioneiro da conexão do tubo de escapamento Consulte a página 2-12.Sensor de O2 44 N.m (4,5 kgf.m)Parafuso do pedal de apoio do condutor 21,5 N.m (2,2 kgf.m)DIAGNOSE DE DEFEITOSRuído excessivo no escapamento• Sistema de escapamento quebrado• Vazamento de gás do escapamentoDesempenho inadequado• Sistema de escapamento deformado• Vazamento de gás do escapamento• Silencioso obstruído2-2
  • 43. SHADOW 750 CHASSI/CARENAGENS/SISTEMA DE ESCAPAMENTOASSENTO ASSENTO TRASEIROREMOÇÃO/INSTALAÇÃO PARAFUSOSRemova os parafusos Allen, o parafuso de fixação do assento ALLEN PARAFUSOtraseiro e conjunto do assento, movendo-o para trás.NOTA ASSENTO PRINCIPAL Não reutilize o parafuso de fixação do assento traseiro.Instale o conjunto do assento, inserindo adequadamente seusencaixes sob o lábio suspenso do chassi.Instale e aperte os parafusos Allen de fixação do assentoprincipal no torque especificado. Em seguida, instale umnovo parafuso de fixação do assento traseiro e aperte-otambém no torque especificado.Torque:Parafuso Allen de fixaçãodo assento principal 26 N.m (2,7 kgf.m)Parafuso de fixação do assento traseiro 12 N.m (1,2 kgf.m)DESMONTAGEM/MONTAGEM ASSENTO TRASEIRO PARAFUSOSRemova o conjunto do assento (página 2-3).Remova os parafusos e o assento traseiro do assentoprincipal.Instale o assento traseiro, juntamente com seus parafusos.Em seguida, aperte seguramente os parafusos.Instale o conjunto do assento (página 2-3). ASSENTO PRINCIPAL 2-3
  • 44. CHASSI/CARENAGENS/SISTEMA DE ESCAPAMENTO SHADOW 750TAMPA LATERAL GUIASREMOÇÃO/INSTALAÇÃORemova a tampa lateral, soltando suas guias das borrachasdo chassi.NOTA Tenha cuidado para não danificar as guias da tampa lateral.Instale a tampa lateral, encaixando suas guias nas borrachas BORRACHAS TAMPA LATERALdo chassi.TAMPA LATERAL DA COLUNA DE DIREÇÃO TAMPAS LATERAIS DA COLUNA DE DIREÇÃO PRESILHAREMOÇÃO/INSTALAÇÃORemova os parafusos.Remova a presilha de retenção, empurrando-a para trás.Remova as tampas laterais da coluna de direção,desencaixando a guia da tampa esquerda da fenda da tampadireita. PARAFUSONOTA Tenha cuidado para não danificar a guia e a fenda. FENDA GUIA PARAFUSOA instalação é feita na ordem inversa da remoção.NOTA GUIAS ARRUELA PRESILHA B Após a instalação, certifique-se de que os cabos e a fiação não interferem no movimento do guidão.TAMPA TRASEIRA ESQUERDA DA PARAFUSOCARCAÇA DO MOTORREMOÇÃO/INSTALAÇÃO TAMPA TRASEIRA ESQUERDA BORRACHASRemova a presilha B e a arruela. DA CARCAÇA DO MOTORRemova o parafuso Allen e a tampa traseira esquerda dacarcaça do motor, desencaixando suas guias das borrachas.NOTA Tenha cuidado para não danificar as guias da tampa traseira esquerda da carcaça do motor.Inspecione a presilha B quanto a fadiga ou danos e substitua-a se necessário.A instalação é feita na ordem inversa da remoção.Torque:Parafuso Allen da tampa traseiraesquerda da carcaça do motor 10 N.m (1,0 kgf.m)2-4
  • 45. SHADOW 750 CHASSI/CARENAGENS/SISTEMA DE ESCAPAMENTOPEDAL DE APOIO DO CONDUTORREMOÇÃO/INSTALAÇÃO PEDAL DERemova os seguintes componentes: MOLA DE DESCANSO– Presilha E RETORNO Alinhe– Arruela– Eixo da articulação– Pedal de descanso– Mola de retornoInstale a mola de retorno no pedal de descanso, alinhando aextremidade da mola com o orifício do pedal de descanso.Alinhe os orifícios do parafuso, do pedal de descanso e dosuporte do pedal de apoio.Instale o eixo da articulação, a arruela e a presilha E.NOTA PRESILHA E Certifique-se de que a presilha E esteja seguramente assentada. ARRUELA EIXO DA ARTICULAÇÃODESMONTAGEM/MONTAGEM PARAFUSO DA CAPARemova os seguintes componentes:– Borracha do pedal de apoio– Parafuso da capa– EspaçadorA montagem é feita na ordem inversa da desmontagem.Torque:Parafuso da capa do pedal deapoio principal 21,5 N.m (2,2 kgf.m) BORRACHA ESPAÇADOR 2-5
  • 46. CHASSI/CARENAGENS/SISTEMA DE ESCAPAMENTO SHADOW 750 PARAFUSOSTAMPA SUPERIOR DO CABEÇOTEREMOÇÃO/INSTALAÇÃOCabeçote DianteiroRemova os seguintes componentes:– Supressor de ruídos (página 3-7)– Tanque de combustível (página 5-40)Somente para o lado direito:Remova a carcaça do filtro de ar (página 5-41).Remova os parafusos Allen e a tampa superior direita do TAMPA SUPERIOR DO CABEÇOTEcabeçote dianteiro. PARAFUSOSRemova os parafusos Allen e a tampa superior esquerda docabeçote dianteiro.A instalação é feita na ordem inversa da remoção.Torque:Parafuso Allen da tampa superiordireita/esquerda do cabeçote dianteiro 10 N.m (1,0 kgf.m) TAMPA SUPERIOR DO CABEÇOTE PARAFUSOSCabeçote TraseiroRemova os seguintes componentes:– Supressor de ruídos (página 3-7)– Tanque de combustível (página 5-40)Remova os parafusos Allen e a tampa superior direita docabeçote traseiro. TAMPA SUPERIOR DO CABEÇOTE PARAFUSOSRemova os parafusos Allen e a tampa superior esquerda docabeçote traseiro.A instalação é feita na ordem inversa da remoção.Torque:Parafuso Allen da tampa superiordireita/esquerda do cabeçote traseiro 10 N.m (1,0 kgf.m) TAMPA SUPERIOR DO CABEÇOTE2-6
  • 47. SHADOW 750 CHASSI/CARENAGENS/SISTEMA DE ESCAPAMENTO PARAFUSOS/ESPAÇADORESPÁRA-LAMA DIANTEIROREMOÇÃO/INSTALAÇÃORemova os parafusos e espaçadores. PARAFUSOSRemova o pára-lama dianteiro, empurrando-o para trás.NOTA Tenha cuidado para não danificar o pára-lama dianteiro. PÁRA-LAMA DIANTEIRORemova os parafusos, os espaçadores, as borrachas e o PARAFUSOS/ESPAÇADORES/BORRACHASsuporte interno do pára-lama dianteiro.A instalação é feita na ordem inversa da remoção. PÁRA-LAMA DIANTEIRO SUPORTE INTERNO CINTA DA FIAÇÃO CONECTORESPÁRA-LAMA TRASEIROREMOÇÃO/INSTALAÇÃORemova os seguintes componentes:– Conjunto do assento (página 2-3)– Tampa lateral direita (página 2-4)Solte a cinta da fiação.Desacople os conectores 3P da lanterna/luz de freio/luz daplaca de licença e 2P da sinaleira traseira. 2-7
  • 48. CHASSI/CARENAGENS/SISTEMA DE ESCAPAMENTO SHADOW 750Remova os parafusos, as arruelas e os trilhos de fixação. TRILHOS DE FIXAÇÃO PARAFUSOS/ARRUELASRemova a cinta da fiação.Remova o pára-lama traseiro do chassi.Instale o pára-lama traseiro no chassi.NOTA Passe adequadamente a fiação (página 1-20).Fixe a fiação da lanterna/luz de freio/luz da placa de licençautilizando a cinta da fiação.Instale os trilhos de fixação, as arruelas e os parafusos.Aperte os parafusos no torque especificado. PÁRA-LAMATorque: 64 N.m (6,5 kgf.m) TRASEIROAcople os conectores 3P da lanterna/luz de freio/luz da placade licença e 2P da sinaleira traseira.Fixe a cinta da fiação.Instale os seguintes componentes:– Conjunto do assento (página 2-3) CINTA DA FIAÇÃO– Tampa lateral direita (página 2-4)DESMONTAGEM/MONTAGEM AlinheRemova os seguintes componentes: PÁRA-LAMA– Pára-lama traseiro (página 2-7) TRASEIRO REFLETOR– Lanterna/luz de freio (página 20-8)– Luz da placa de licença (página 20-9)Remova o parafuso e a presilha.Remova o chassi traseiro e as borrachas do pára-lama PARAFUSOtraseiro.NOTA Tenha cuidado para não danificar o pára-lama traseiro.Instale as borrachas no chassi traseiro.Instale o chassi traseiro, inserindo suas guias nos orifícios dopára-lama.Instale os componentes removidos na ordem inversa daremoção.NOTA PRESILHA • Passe adequadamente a fiação (página 1-20). • Caso o refletor tenha sido removido, instale-o alinhando BORRACHAS seus recortes com as marcas pintadas no pára-lama. CHASSI TRASEIRO2-8
  • 49. SHADOW 750 CHASSI/CARENAGENS/SISTEMA DE ESCAPAMENTOSISTEMA DE ESCAPAMENTO FIAÇÃO DO SENSOR DE O2 DIANTEIROREMOÇÃORemova a tampa lateral direita (página 2-4). PRESILHASDesacople os conectores 4P (Branco e Preto) dos sensores deO2.Solte os conectores 4P (Branco e Preto) dos sensores de O2de suas presilhas, como mostra a ilustração.Solte a fiação do sensor de O2 dianteiro de sua lingüeta dochassi, como mostra a ilustração. LINGÜETA CONECTOR 4P TRASEIRO: DIANTEIRO:Remova as porcas da conexão do tubo de escapamento. PORCAS DA CONEXÃORemova as porcas, os parafusos, as arruelas e o conjunto dosilencioso. PORCAS/ARRUELAS/PARAFUSOS SILENCIOSO 2-9
  • 50. CHASSI/CARENAGENS/SISTEMA DE ESCAPAMENTO SHADOW 750 TRASEIRO: DIANTEIRO:Remova as juntas dianteira e traseira. JUNTASDESMONTAGEM FLANGERemova os sensores de O2 (página 5-62).Remova os flanges e espaçadores da conexão do tubo deescapamento. ESPAÇADOR DA CONEXÃOSomente para o silencioso traseiro: MARTELO PLÁSTICODesloque o protetor do tubo de escapamento traseiro,utilizando um martelo plástico e quebrando a lingüeta detrava (lado oposto ao protetor). Em seguida, remova oprotetor. LINGÜETANOTA DE TRAVA • O protetor do tubo de escapamento traseiro pode ser retirado sem remover-se o sistema de escapamento do motor. • Não reutilize o protetor removido. PROTETOR JUNTA PARAFUSOSSolte o parafuso da braçadeira da conexão do silencioso.Remova os parafusos de fixação e o suporte do silencioso.Em seguida, separe os silenciosos.Remova a junta. PARAFUSO DA BRAÇADEIRA SUPORTE2-10
  • 51. SHADOW 750 CHASSI/CARENAGENS/SISTEMA DE ESCAPAMENTOMONTAGEM 44 N.m (4,5 kgf.m) SILENCIOSO PROTETOR DO TUBO DE TRASEIRO ESCAPAMENTO TRASEIRO ESPAÇADOR DA CONEXÃO SILENCIOSO DIANTEIRO FLANGE SUPORTE DO JUNTA SILENCIOSO 34 N.m (3,5 kgf.m) 44 N.m (4,5 kgf.m) JUNTA PARAFUSOSInstale uma nova junta no tubo de conexão do silenciosodianteiro.Monte os silenciosos dianteiro e traseiro.Instale o suporte do silencioso e os parafusos de fixação.Aperte os parafusos de fixação no torque especificado.Torque: 34 N.m (3,5 kgf.m)Aperte seguramente o parafuso da braçadeira da conexão dosilencioso. PARAFUSO DA BRAÇADEIRA SUPORTESomente para o silencioso traseiro:Instale um novo protetor do tubo de escapamento traseiro. PROTETOR Alinhe Alinhe 2-11
  • 52. CHASSI/CARENAGENS/SISTEMA DE ESCAPAMENTO SHADOW 750Instale as flanges e espaçadores da conexão do tubo de FLANGEescapamento.Instale os sensores de O2 (página 5-62). ESPAÇADOR DA CONEXÃOINSTALAÇÃO 27 N.m (2,8 kgf.m) BORRACHA ESPAÇADOR JUNTA ARRUELA 25 N.m (2,5 kgf.m) CONJUNTO DO SILENCIOSO PARAFUSOAperte os prisioneiros da conexão do tubo de escapamentocaso estejam soltos. Certifique-se de verificar a altura entre o 40,0 – 42,0 mmtopo do prisioneiro e o cabeçote, como mostra a ilustração.2-12
  • 53. SHADOW 750 CHASSI/CARENAGENS/SISTEMA DE ESCAPAMENTO TRASEIRO: DIANTEIRO:Instale novas juntas. JUNTAS TRASEIRO: DIANTEIRO:Instale o conjunto do silencioso.NOTA Insira primeiramente o tubo de escapamento traseiro na porta de escape traseira. Em seguida, insira o tubo de escapamento dianteiro na porta de escape dianteira.Instale frouxamente todos os fixadores.Aperte as porcas da conexão do tubo de escapamento notorque especificado.Torque: 25 N.m (2,5 kgf.m) PORCAS DA CONEXÃOAperte as porcas do suporte do silencioso no torqueespecificado, enquanto mantém fixados os parafusos.Torque: 27 N.m (2,8 kgf.m) PORCAS/PARAFUSOS 2-13
  • 54. CHASSI/CARENAGENS/SISTEMA DE ESCAPAMENTO SHADOW 750Passe adequadamente a fiação do sensor de O2 (página 1-20). FIAÇÃO DO SENSOR DE O2 DIANTEIROPosicione os conectores dos sensores de O2 em suaspresilhas e acople-os em seguida.Posicione a fiação do sensor de O2 dianteiro na lingüeta do PRESILHASchassi, como mostra a ilustração.NOTA Sempre inspecione o sistema de escapamento quanto a vazamentos após sua instalação.Instale a tampa lateral direita (página 2-4). LINGÜETA CONECTOR 4P2-14
  • 55. SHADOW 750 3. MANUTENÇÃO INFORMAÇÕES DE SERVIÇO 3-2 ÓLEO DO DIFERENCIAL 3-17 TABELA DE MANUTENÇÃO 3-4 FLUIDO DO FREIO 3-18 LINHA DE COMBUSTÍVEL 3-5 DESGASTE DAS SAPATAS/ PASTILHAS DE FREIO 3-19 FUNCIONAMENTO DO ACELERADOR 3-5 SISTEMA DE FREIO 3-19 FILTRO DE AR 3-6 INTERRUPTOR DA LUZ DO FREIO 3-21 RESPIRO DA CARCAÇA DO MOTOR 3-7 FACHO DO FAROL 3-21 VELAS DE IGNIÇÃO 3-7 SISTEMA DE EMBREAGEM 3-22 FOLGA DAS VÁLVULAS 3-9 CAVALETE LATERAL 3-22 ÓLEO DO MOTOR 3-12 SUSPENSÃO 3-23 FILTRO DE ÓLEO DO MOTOR 3-13 PORCAS, PARAFUSOS E FIXADORES 3-23 SISTEMA DE ESCAPAMENTO 3-14 RODAS/PNEUS 3-24 LÍQUIDO DE ARREFECIMENTO DO RADIADOR 3-14 ROLAMENTOS DA COLUNA DE DIREÇÃO 3-25 SISTEMA DE ARREFECIMENTO 3-15 SISTEMA DE FORNECIMENTO DE AR SECUNDÁRIO 3-16 3-1
  • 56. MANUTENÇÃO SHADOW 750INFORMAÇÕES GERAIS• Posicione a motocicleta sob uma superfície plana antes de iniciar qualquer manutenção.• A gasolina é extremamente inflamável e explosiva sob certas condições.• Trabalhe em locais com ventilação adequada. Fumar ou permitir chamas e faíscas no local de trabalho onde a gasolina é armazenada pode causar incêndio ou explosões.• O gases de escapamento contém monóxido de carbono venenoso que pode causar perda de consciência ou até a morte. Funcione o motor em somente locais abertos ou locais fechados que possuam sistema de evacuação de gases de escapamento.ESPECIFICAÇÕES Item EspecificaçãoFolga da manopla do acelerador 2 – 10 mmVela de ignição Padrão DPR7EA-9 (NGK), X22EPR-U9 (DENSO) Para longos percursos em alta rotação DPR9EA-9 (NGK), X24EPR-U9 (DENSO)Folga entre os eletrodos da vela de ignição 0,8 – 0,9 mmFolga das válvulas ADM 0,15 ± 0,02 mm ESC 0,20 ± 0,02 mmÓleo recomendado para motor Mobil Super Moto 4T Multiviscoso Classificação de serviço API: SF Viscosidade: 20W-50Capacidade de Na drenagem 2,5 lóleo do motor Na troca do filtro de óleo 2,6 l Na desmontagem 3,2 lMarcha-lenta do motor 1.200 ± 100 rpmLíquido de arrefecimento recomendado “LÍQUIDO DE ARREFECIMENTO HONDA C2702ANT000” Líquido de Arrefecimento de alto desempenho à base de EtilenoglicolÓleo recomendado para diferencial Óleo para engrenagem Hypoid, SAE#80Capacidade de óleo Na drenagem 160 cm3do diferencial Na desmontagem 170 cm3Fluido de freio recomendado Fluido de freio DOT-4Altura do pedal do freio 75 mm acima do topo do pedal de apoioFolga do pedal do freio 20 – 30 mmFolga da alavanca da embreagem 10 – 20 mmPressão do pneu frio Somente piloto Dianteiro 200 kPa (2,0 kgf/cm2, 29 psi) Traseiro 200 kPa (2,0 kgf/cm2, 29 psi) Piloto e passageiro Dianteiro 200 kPa (2,0 kgf/cm2, 29 psi) Traseiro 250 kPa (2,5 kgf/cm2, 36 psi)Profundidade mínima do sulco Dianteira 1,5 mmda banda de rodagem Traseira 2,0 mm3-2
  • 57. SHADOW 750 MANUTENÇÃOVALORES DE TORQUEVela de ignição 18 N.m (1,8 kgf.m)Contraporca do parafuso de ajuste da válvula 23 N.m (2,3 kgf.m)Tampa do orifício de sincronização 10 N.m (1,0 kgf.m) Aplique graxa nas roscas.Filtro de óleo do motor 26 N.m (2,7 kgf.m) Aplique óleo para motor nas roscas.Parafuso de drenagem do óleo do motor 29 N.m (3,0 kgf.m)Tampa de abastecimento do óleo do diferencial 12 N.m (1,2 kgf.m)Parafuso de drenagem do óleo do diferencial 12 N.m (1,2 kgf.m)Parafuso da tampa do reservatóriodo cilindro-mestre dianteiro 1,5 N.m (0,2 kgf.m)Porca de ajuste vertical do farol 12 N.m (1,2 kgf.m)Parafuso Allen da tampa do filtro de ar 1,5 N.m (0,2 kgf.m)Tampa do orifício da árvore de manivelas 15 N.m (1,5 kgf.m) Aplique graxa nas roscas.Parafuso Allen da tampa do alternador 10 N.m (1,0 kgf.m)Raios 4,2 N.m (0,4 kgf.m)FERRAMENTASChave de ajuste da válvula Chave para filtro de óleo Chave para raios07908-KE90000 07HAA-PJ70101 07JMA-MR60100Juntamente com chavefixa de 10 mm 3-3
  • 58. MANUTENÇÃO SHADOW 750TABELA DE MANUTENÇÃO Período (nota 1) Item Operações km 1.000 6.000 12.000 18.000 24.000 30.000 36.000 a cada Linha de combustível Verificar 12.000 Acelerador Verificar 12.000 Filtro de ar Trocar (Nota 2) 18.000 Respiro do motor Limpar (Nota 3) 6.000 Velas de ignição Verificar 12.000 Trocar 12.000 Folga das válvulas Verificar 12.000 Óleo do motor Trocar (Notas 4, 5 e 6) 6.000 Filtro de óleo do motor Trocar (Nota 6) 6.000 Sistema de escapamento Verificar 6.000 Líquido de arrefecimento Verificar o nível 12.000 do radiador Trocar (Nota 7) 36.000 Sistema de arrefecimento Verificar 12.000 Sistema de suprimento de Verificar 12.000 ar secundário Óleo do diferencial Verificar o nível 12.000 Trocar 36.000 Fluido de freio Verificar o nível 6.000 Trocar (Nota 7) 18.000 Pastilhas/sapatas do freio Verificar (Nota 8) 6.000 Sistema de freio Verificar 12.000 Interruptor da luz do freio Verificar 12.000 Farol Ajustar 12.000 Embreagem Verificar 6.000 Cavalete lateral Verificar 12.000 Suspensões dianteira e traseira Verificar 12.000 Porcas, parafusos e fixadores Verificar 12.000 Rodas Verificar 6.000 Pneus Verificar e calibrar a cada 1.000 km ou semanalmente – Coluna de direção Verificar 12.000NOTAS1. Para leituras maiores do hodômetro, repita os intervalos especificados na tabela.2. Efetue o reparo com mais freqüência sob condições de muita poeira e umidade.3. Efetue o reparo com mais freqüência sob condições de chuva ou aceleração máxima.4. Verifique o nível de óleo diariamente, antes de pilotar, e adicione se necessário.5. Troque 1 vez por ano ou a cada intervalo indicado na tabela, o que ocorrer primeiro.6. Efetue o reparo com mais freqüência sob condições de muita poeira.7. Troque a cada 2 anos ou a cada intervalo indicado na tabela, o que ocorrer primeiro. A troca requer habilidade mecânica.8. Efetue o serviço com mais freqüência ao pilotar em pistas de terra, molhadas ou com muita poeira.3-4
  • 59. SHADOW 750 MANUTENÇÃOLINHA DE COMBUSTÍVEL MANGUEIRA DE ALIMENTAÇÃO MANGUEIRA DE DE COMBUSTÍVEL RETORNO DERemova o assento (página 2-3). COMBUSTÍVELInspecione a mangueira de alimentação de combustívelquanto a deterioração, danos ou vazamento.Inspecione também a mangueira de combustível e amangueira de retorno de vapor de combustível (entre otanque e a bomba de combustível).Substitua a mangueira de alimentação de combustível, amangueira de combustível e a mangueira de retorno devapor de combustível se necessário. MANGUEIRA DE COMBUSTÍVELFUNCIONAMENTO DO ACELERADORVerifique os cabos do acelerador quanto a quaisquer tipos dedanos ou deterioração. Inspecione a manopla do aceleradorquanto a suavidade de funcionamento. Inspecione o 2 – 10 mmacelerador quanto a abertura e fechamento automático emtodas as posições do guidão.Caso a manopla do acelerador mano retornoautomaticamente, lubrifique os cabos e a carcaça da manoplado acelerador.Se a manopla do acelerador ainda não retornaradequadamente, substitua os cabos do acelerador por novos.Mantendo o motor em marcha-lenta, gire completamente o CONTRAPORCAguidão para a esquerda e direita, de batente a batente, ecertifique-se de que não ocorre alteração da marcha-lenta. Sea marcha-lenta aumentar, inspecione a folga da manopla doacelerador e as conexões dos cabos.Meça a folga da manopla do acelerador em seu flange.Folga: 2 – 10 mmA folga da manopla do acelerador pode ser ajustada emambas as extremidades do cabo do acelerador.Ajustes menores são realizados no ajustador superior.Solte a contraporca e gire o ajustador o quanto fornecessário.Aperte a contraporca, enquanto mantém fixado o ajustador. AJUSTADOR 3-5
  • 60. MANUTENÇÃO SHADOW 750 AJUSTADORAjustes maiores são realizados no ajustador superior.Remova a carcaça do filtro de ar (página 5-41).Solte a contraporca e gire o ajustador o quanto fornecessário.Aperte a contraporca, enquanto mantém fixado o ajustador.Inspecione novamente o funcionamento do acelerador einstale a carcaça do filtro de ar (página 5-42). CONTRAPORCA TAMPA DO FILTRO DE ARFILTRO DE ARNOTA • O filtro de ar do tipo elemento de papel viscoso não pode ser limpo, pois seu elemento possui um adesivo para grudar a poeira. • Caso a motocicleta seja constantemente utilizada em regiões úmidas ou poeirentas, inspecione o filtro de ar com maior freqüência.Remova os parafusos Allen e a tampa do filtro de ar. PARAFUSOS ANEL DE VEDAÇÃORemova o elemento do filtro de ar de sua carcaça.Certifique-se de que o anel de vedação esteja instalado emsua posição adequada e de que encontra-se em boascondições. Substitua-o por um novo se necessário.Substitua o elemento do filtro de ar de acordo com a tabelade manutenção (página 3-4) ou a qualquer momento casoesteja excessivamente sujo ou úmido.Instale os componentes removidos na ordem inversa daremoção.Torque: ELEMENTOParafuso Allen da tampa do filtro de ar 1,5 N.m (0,2 kgf.m)3-6
  • 61. SHADOW 750 MANUTENÇÃORESPIRO DA CARCAÇA DO MOTORNOTA Execute este procedimento com maior freqüência quanto utilizar durante chuva, com aceleração total ou após a lavagem ou revisão da motocicleta. Verifique se o nível de depósitos no bujão de drenagem pode ser visto.Remova o bujão de drenagem da carcaça do filtro de ar edrene seus depósitos em um recipiente adequado. Emseguida, instale seguramente o bujão.Remova o tanque de combustível (página 5-40). BUJÃO DE DRENAGEM MANGUEIRA DE RESPIRO DIANTEIRO: SUPRESSORES DE RUÍDOSInspecione a mangueira de respiro da carcaça do motorquanto a deterioração, danos ou conexão solta. Certifique-sede que a mangueira não esteja dobrada, torcida ou trincada.Substitua a mangueira de respiro da carcaça do motor senecessário.VELAS DE IGNIÇÃOREMOÇÃODesacople os supressores de ruídos e limpe ao redor da basedas velas de ignição. VELAS DE IGNIÇÃONOTA TRASEIRO: SUPRESSORES DE RUÍDOS Limpe ao redor da base da vela de ignição utilizando ar comprimido antes de removê-las e certifique-se de que nenhum corpo estranho penetre na câmara de combustão.Remova as velas de ignição. VELAS DE IGNIÇÃO 3-7
  • 62. MANUTENÇÃO SHADOW 750INSPEÇÃO ELETRODO CENTRALInspecione o isolante quanto a trinca ou danos e os eletrodosquanto a desgaste, presença de fuligem ou descoloração.Substitua as velas de ignição se necessário.Vela de ignição recomendada:Padrão DPR7EA-9 (NGK), X22EPR-U9 (DENSO)Para longos percursos em alta rotação DPR9EA-9 (NGK), X24EPR-U9 (DENSO)Limpe os eletrodos das velas de ignição, utilizando uma escovade aço ou um detergente adequado para velas de ignição. ISOLANTE ELETRODO LATERALInspecione a folga entre os eletrodos central e lateral da velade ignição, utilizando um cálibre de lâminas.Folga entre os eletrodos da vela de ignição: 0,8 – 0,9 mm 0,8 – 0,9 mmAjuste a folga entre os eletrodos, se necessário, entortandocuidadosamente o eletrodo lateral.INSTALAÇÃOInstale e aperte manualmente a vela de ignição no cabeçote.Em seguida, aperte a vela de ignição no torque especificado.Torque: 18 N.m (1,8 kgf.m)Conecte os supressores de ruídos. VELA DE IGNIÇÃO3-8
  • 63. SHADOW 750 MANUTENÇÃO TAMPA DO ALTERNADOR PARAFUSOSFOLGA DAS VÁLVULASINSPEÇÃONOTA • Verifique a marcha-lenta do motor (página 5-76) após a inspeção de folga das válvulas. • Inspecione e ajuste a folga das válvulas enquanto o motor permanecer frio (abaixo de 35°C).Remova a tampa do cabeçote (página 8-6).Remova os parafusos Allen e a tampa do alternador. TAMPA DO ORIFÍCIO DA ÁRVORE DE MANIVELASRemova a tampa do orifício de sincronização e a tampa doorifício da árvore de manivelas. TAMPA DO ORIFÍCIO DE SINCRONIZAÇÃOCilindro Dianteiro MARCA DE REFERÊNCIAGire a árvore de manivelas em sentido anti-horário e alinhe amarca “FT” do volante do motor com a marca de referênciada tampa esquerda da carcaça do motor.Certifique-se de que o pistão esteja posicionado em PMS(ponto-morto superior), na fase de compressão.Esta posição pode ser obtida através da confirmação deexistência de folga entre os balancins. Se não houver folga,gire a árvore de manivelas em sentido anti-horário por umavolta completa e alinha novamente a marca “FT” com a MARCA “FT”marca de referência. 3-9
  • 64. MANUTENÇÃO SHADOW 750 PARAFUSO DE AJUSTEInspecione a folga de todas as válvulas, inserindo um cálibrede lâminas entre o parafuso de ajuste e a haste da válvula.NOTA Ao inspecionar a folga das válvulas, movimenta o cálibre de lâminas a partir do centro para a lateral. ADM 0,15 ± 0,02 mm Folga das Válvulas ESC 0,20 ± 0,02 mmAjuste a folga da válvula, soltando a contraporca do parafuso CÁLIBRE DE LÂMINAS CONTRAPORCAde ajuste e girando o parafuso até que uma pequenaresistência possa ser observada no cálibre de lâminas.FerramentaChave de ajuste da válvula 07908-KE90000 Juntamente com chave fixa de 10 mmNOTA Aplique óleo para motor nas roscas e superfície de assentamento do parafuso de ajuste da válvula.Aperte a contraporca do parafuso de ajuste da válvula no torqueespecificado, enquanto mantém fixado o parafuso de ajuste.Torque: 23 N.m (2,3 kgf.m) CHAVE DE AJUSTE DA VÁLVULACilindro Traseiro MARCA DE REFERÊNCIAGire a árvore de manivelas em sentido anti-horário e alinhe amarca “RT” do volante do motor com a marca de referênciada tampa esquerda da carcaça do motor.Certifique-se de que o pistão esteja posicionado em PMS(ponto-morto superior), na fase de compressão. MARCA “RT” PARAFUSO DE AJUSTEInspecione a folga de todas as válvulas, inserindo um cálibrede lâminas entre o parafuso de ajuste e a haste da válvula.NOTA Ao inspecionar a folga das válvulas, movimenta o cálibre de lâminas a partir do centro para a lateral. ADM 0,13 ± 0,02 mm Folga das Válvulas ESC 0,20 ± 0,02 mm CÁLIBRE DE LÂMINAS CONTRAPORCA3-10
  • 65. SHADOW 750 MANUTENÇÃO CHAVE DE AJUSTE DA VÁLVULAAjuste a folga da válvula, soltando a contraporca do parafusode ajuste e girando o parafuso até que uma pequenaresistência possa ser observada no cálibre de lâminas.FerramentaChave de ajuste da válvula 07908-KE90000 Juntamente com chave fixa de 10 mmNOTA Aplique óleo para motor nas roscas e superfície de assentamento do parafuso de ajuste da válvula.Aperte a contraporca do parafuso de ajuste da válvula no TAMPA DO ORIFÍCIO TAMPA DO ORIFÍCIO DAtorque especificado, enquanto mantém fixado o parafuso de DE SINCRONIZAÇÃO ÁRVORE DE MANIVELASajuste.Torque: 23 N.m (2,3 kgf.m)Verifique novamente a folga das válvulas após apertar acontraporca do parafuso de ajuste da válvula.Cubra novos anéis de vedação com óleo para motor e instale-os nas ranhuras da tampa do orifício de sincronização e datampa do orifício da árvore de manivelas.Aplique graxa nas roscas da tampa do orifício desincronização e da tampa do orifício da árvore de manivelas.Instale a tampa do orifício de sincronização e aperte-a notorque especificado. ANÉIS DE VEDAÇÃOTorque: 10 N.m (1,0 kgf.m) TAMPA DO ALTERNADOR PARAFUSOSInstale a tampa do orifício da árvore de manivelas e aperte-ano torque especificado.Torque: 15 N.m (1,5 kgf.m)Instale a tampa do alternador e aperte seus parafusos Allenno torque especificado.Torque: 10 N.m (1,0 kgf.m)Instale a tampa do cabeçote (página 8-31). 3-11
  • 66. MANUTENÇÃO SHADOW 750ÓLEO DO MOTORINSPEÇÃO DO NÍVEL DE ÓLEODê partida no motor e mantenha-o funcionando em marcha-lenta cerca de 3 a 5 minutos.Desligue o motor e aguarde cerca de 2 a 3 minutos.Apóie a motocicleta em posição vertical, sobre umasuperfície plana.Remova a tampa de abastecimento de óleo/vareta demedição e remova o óleo da vareta utilizando um panolimpo. TAMPA DE ABASTECIMENTO DE ÓLEO/ VARETA DE MEDIÇÃOSe o nível de óleo estiver abaixo ou próximo da marca denível inferior na vareta de medição, adicione o óleorecomendado até atingir a marca de nível superior.Óleo Recomendado para Motor:MOBIL SUPER MOTO 4TMultiviscosoClassificação de Serviço API: SFViscosidade: 20W-50 NÍVEL SUPERIOR NÍVEL INFERIOR TAMPA DE ABASTECIMENTO DE ÓLEO/ VARETA DE MEDIÇÃOVerifique se o anel de vedação encontra-se em boascondições e substitua-o se necessário.Cubra um novo anel de vedação com óleo para motor einstale-o em seguida.Instale novamente a tampa de abastecimento de óleo/varetade medição.Para substituição do óleo do motor, consulte a página 3-13. ANEL DE VEDAÇÃO3-12
  • 67. SHADOW 750 MANUTENÇÃO PARAFUSO DE DRENAGEM DO ÓLEOFILTRO DE ÓLEO DO MOTORNOTA A troca do óleo deve ser executada com o motor aquecido e a motocicleta sobre uma superfície plana, apoiada em seu cavalete lateral, para garantir uma completa drenagem.Dê partida no motor, aguarde-o aquecer e desligue-o emseguida.Remova a tampa de abastecimento de óleo/vareta demedição (página 3-12). ARRUELA DE VEDAÇÃORemova o parafuso de drenagem do óleo, a arruela de CHAVE PARA FILTRO DE ÓLEOvedação e drene completamente o óleo do motor.Remova o filtro de óleo, utilizando a ferramenta especial, eaguarde a drenagem do restante do óleo.Ferramenta:Chave para filtro de óleo 07HAA-PJ70101 FILTRO DE ÓLEOCubra um novo anel de vedação com óleo para motor e ANEL DE VEDAÇÃOinstale-o em um novo filtro de óleo.Aplique óleo para motor nas roscas do filtro de óleo.Instale o filtro de óleo e aperte-o no torque especificado.Ferramenta:Chave para filtro de óleo 07HAA-PJ70101Torque: 26 N.m (2,7 kgf.m)Instale o parafuso de drenagem do óleo, juntamente comuma nova arruela de vedação, e aperte-o no torqueespecificado.Torque: 29 N.m (3,0 kgf.m) FILTRO DE ÓLEO PARAFUSO DE DRENAGEM DO ÓLEOAbasteça a carcaça do motor, utilizando o óleo recomendado(página 3-12).Capacidade de Óleo:2,5 l na drenagem2,6 l na troca do filtro de óleo3,2 l na desmontagemInspecione o nível de óleo (página 3-12).Instale a tampa de abastecimento de óleo/vareta de medição(página 3-12).Certifique-se de que não haja vazamentos. ARRUELA DE VEDAÇÃO 3-13
  • 68. MANUTENÇÃO SHADOW 750SISTEMA DE ESCAPAMENTOMEDIÇÃO DE EMISSÃO DO E SCAPAMENTO EMMARCHA-LENTA• Utilize um tacômetro com graduações de 50 rpm ou inferior, capaz de indicar precisamente alterações dessa ordem.Verifique os seguintes itens antes da inspeção:– Condições das velas de ignição (página 3-7)– Condições do elemento do filtro de ar (página 3-6)– Sistema de controle de emissão da carcaça do motor(página 3-7)– Sistema de fornecimento de ar secundário (página 3-16)– Ponto de ignição (página 18-9)– Indicação do MIL (página 5-13)1. Apóie a motocicleta sobre o seu cavalete lateral, sobre umasuperfície plana. FERRAMENTA DE MEDIÇÃO2. Conecte o tacômetro de acordo com as instruções de seu DE NÍVEL DE CO/HC fabricante.3. Dê partida no motor e mantenha-o funcionando em 3.000 rpm até que a temperatura do parafuso de drenagem atinja 65 ± 5°C.Temperatura especificada: 65 ± 5°C4. Inspecione a marcha-lenta (página 5-57).Marcha-lenta: 1.200 ± 100 rpm5. Conecte um tubo ou mangueira adequada (resistente à 60 cm temperatura e produtos químicos) ao silencioso, de forma que a ponta-de-prova possa ser inserida por mais de 60 PONTA-DE-PROVA cm.6. Insira a ponta-de-prova no silencioso e meça as concentrações de monóxido de carbono (CO) e hidrocarbonetos (HC).Medição de CO em marcha-lenta: abaixo de 0,1 %Medição de HC em marcha-lenta: abaixo de 50 ppmSe as concentrações de CO ou HC ultrapassarem os valoresindicados, inspecione o sistema de fornecimento de arsecundário (página 5-59).LÍQUIDO DE ARREFECIMENTO DORADIADORInspecione o nível do líquido de arrefecimento noreservatório.O nível deve estar entre as linhas de nível “UPPER” (superior)e “LOWER” (inferior), mantendo-se a motocicleta em posiçãovertical.Se o nível de líquido de arrefecimento estiver baixo, remova LINHA DE NÍVELa tampa do reservatório e abasteça-o, utilizando o líquido de TAMPA “UPPER” (SUPERIOR)arrefecimento recomendado, até atingir a linha de nível“UPPER” (superior).Líquido de Arrefecimento Recomendado:LÍQUIDO DE ARREFECIMENTO HONDA C2702ANT000Se o nível de líquido de arrefecimento abaixar rapidamente,inspecione quanto a vazamentos.Se o reservatório estiver ou ficar completamente vazio, existegrande possibilidade de penetração de ar no sistema dearrefecimento. LINHA DE NÍVELCertifique-se de executar a sangria o ar do sistema de “LOWER” (INFERIOR)arrefecimento (página 6-7).3-14
  • 69. SHADOW 750 MANUTENÇÃO PASSAGENS DE AR DO RADIADORSISTEMA DE ARREFECIMENTOInspecione as passagens de ar do radiador quanto aobstruções ou danos.Corrija as aletas que estiverem tortas, utilizando umapequena chave de fenda. ALETAS DO RADIADORRemova os resíduos de insetos, matos e outras obstruçõesutilizando ar comprimido ou água sob baixa pressão.Substitua o radiador caso o fluxo de ar esteja obstruído emmais de 20% de sua superfície.Para substituição do radiador, consulte a página 6-11.Remova as tampas laterais da coluna de direção (página 2-4).Inspecione quanto a vazamentos de líquido de arrefecimentona bomba de água, nas mangueiras e conexões do sistemade arrefecimento.Inspecione as mangueiras do radiador quanto a trincas oudeterioração. Substitua-as se necessário.Certifique-se de que todas as braçadeiras de mangueirasestejam apertadas (página 6-10). MANGUEIRAS DE ÁGUA 3-15
  • 70. MANUTENÇÃO SHADOW 750SISTEMA DE FORNECIMENTO DE AR VÁLVULA DE INSPEÇÃO PAIRSECUNDÁRIO TAMPA DO CABEÇOTE• Este modelo é equipado com sistema de fornecimento de ar secundário. O sistema de fornecimento de ar secundário está localizado nas tampas dos cabeçotes.• O sistema de fornecimento de ar secundário introduz ar filtrado nos gases de escapamento através da porta de escape. O ar secundário é sugado na porta de escape sempre que houver um pulso negativo de pressão no sistema de escapamento. Esta carga de ar secundário promove a queima dos gases não-queimados do escapamento e altera consideravelmente a quantidade de hidrocarbonetos e monóxido de carbono em dióxido de carbono relativamente inofensivo e vapor de água. PORTA DE ESCAPE VALVULA SOLENOIDE MANGUEIRA DE DE CONTROLE PAIR SUCÇÃO DE ARRemova o tanque de combustível (página 5-40).Inspecione as mangueiras de fornecimento de ar PAIR,localizadas entre a válvula solenóide de controle PAIR e atampa do cabeçote, quanto a deterioração, danos ouconexões soltas. Certifique-se de que as mangueiras nãoestejam rachadas.NOTA Se as mangueiras apresentarem qualquer sinal de dano por aquecimento, inspecione a válvula de inspeção PAIR das tampas dos cabeçotes quanto a danos (página 5-61). MANGUEIRAS DE FORNECIMENTO DE ARInspecione a mangueira de sucção de ar, localizada entre ofiltro de ar e a válvula solenóide de controle PAIR, quanto adeterioração, danos ou conexões soltas.Certifique-se de que as mangueiras não estejam dobradas,esmagadas ou rachadas.3-16
  • 71. SHADOW 750 MANUTENÇÃOÓLEO DO DIFERENCIALINSPEÇÃO DO NÍVEL DE ÓLEOApóie a motocicleta em seu cavalete lateral, sobre umasuperfície plana.Remova a tampa de abastecimento de óleo da carcaça dodiferencial. TAMPA DE ABASTECIMENTO DE ÓLEO ANEL DE VEDAÇÃOVerifique se o nível de óleo encontra-se na borda inferior doorifício de abastecimento de óleo.Inspecione quanto a vazamentos se o nível de óleo estiverbaixo. Abasteça o diferencial, utilizando o óleo recomendado,através do orifício de abastecimento, até que o nível de óleoatinja a borda inferior do orifício.Óleo Recomendado para Diferencial:Óleo para engrenagem Hypoid, SAE#80Cubra um novo anel de vedação com óleo e instale-o natampa de abastecimento de óleo.Instale e aperte a tampa de abastecimento de óleo no torqueespecificado. BORDA INFERIOR DO ORIFÍCIO DE ABASTECIMENTO DE ÓLEOTorque: 12 N.m (1,2 kgf.m) TAMPA DE ABASTECIMENTO DE ÓLEOTROCA DE ÓLEOApóie seguramente a motocicleta e levante a roda traseira dosolo.Remova a tampa de abastecimento de óleo, o parafuso dedrenagem e a arruela de vedação da carcaça do diferencial.Em seguida gire lentamente a roda traseira e drene o óleo dodiferencial.Após a completa drenagem do óleo, instale o parafuso dedrenagem, juntamente com uma nova arruela de vedação, eaperte o parafuso no torque especificado.TORQUE: 12 N.m (1,2 kgf.m) PARAFUSO DE DRENAGEM/ARRUELA DE VEDAÇÃOAbasteça a carcaça do diferencial, utilizando o óleorecomendado, até atingir o nível correto (página 3-17).Capacidade de Óleo:160 cm3 na drenagem170 cm3 na desmontagem 3-17
  • 72. MANUTENÇÃO SHADOW 750 JANELA DE INSPEÇÃOFLUIDO DE FREIOc • Respingos de fluido podem danificar peças pintadas, partes plásticas ou borrachas. Coloque um pano sobre estes componentes sempre que executar reparos no sistema de freio. • Não misture diferentes tipos de fluidos, pois podem não ser compatíveis. • Não permita que nenhum material estranho penetre no sistema durante o abastecimento do reservatório.Quando o nível de fluido de freio estiver baixo, inspecione as MARCA DE NÍVEL “LOWER” (INFERIOR)pastilhas de freio quanto a desgaste (página 3-18).Um baixo nível de fluido pode indicar desgaste das pastilhas PARAFUSOS TAMPA DO RESERVATÓRIOde freio. Se as pastilhas estiverem desgastadas, o pistão docáliper é empurrado para fora, sendo esta a razão para o PLACA DE FIXAÇÃObaixo nível de fluido no reservatório. Se as pastilhas de freionão estiverem desgastadas e o nível do fluido ainda assim DIAFRAGMAestiver baixo, inspecione o sistema quanto a vazamentos(página 3-18).Gire o guidão para o lado esquerdo, de forma que oreservatório permaneça nivelado em posição horizontal, einspecione o nível de fluido do reservatório do freio dianteiro,através da janela de inspeção. SALIÊNCIASe o nível de fluido estiver próximo da linha de nível“LOWER” (inferior), remova os parafusos, a tampa doreservatório, a placa de fixação e o diafragma.Abasteça o reservatório, utilizando fluido de freio DOT-4 deum recipiente lacrado, até atingir a saliência do reservatório.Instale o diafragma, a placa de fixação e a tampa doreservatório. Em seguida, aperte os parafusos da tampa notorque especificado.Torque: 1,5 N.m (0,2 kgf.m)3-18
  • 73. SHADOW 750 MANUTENÇÃODESGASTE DAS SAPATAS/PASTILHA DE PASTILHAS DE FREIOFREIOPASTILHAS DO FREIO DIANTEIROInspecione as pastilhas de freio quanto a desgaste.Substitua as pastilhas se qualquer uma delas estiverdesgastada até a ranhura de limite de desgaste.NOTA RANHURAS DE Sempre substitua as pastilhas de freio em conjunto para LIMITE DE DESGASTE garantir uma pressão uniforme sobre o disco.Para substituição das pastilhas de freio, consulte a página 16-7. SETASAPATAS DO FREIO TRASEIROVerifique a posição da placa indicadora no instante em que ofreio é acionado.Se a seta da placa indicadora alinhar-se com a marca “Δ“,inspecione o tambor do freio traseiro (página 15-14).Se o D.I. do tambor do freio for inferior ao limite de uso,substitua as sapatas do freio traseiro (página 15-15).NOTA Se não for possível executar nenhum ajuste antes de ter- se atingido o limite indicador de desgaste, este sintoma MARCA “Δ“ indica desgaste excessivo, e as sapatas do freio devem ser substituídas. MANGUEIRA DO FREIOSISTEMA DE FREIOAcione firmemente a alavanca do freio e certifique-se de quenão haja penetração de ar no sistema.Se a alavanca do freio parecer suave ou esponjosa ao seracionada, execute a sangria do ar do sistema.Para procedimentos de sangria, consulte a página 16-5.Inspecione a mangueira do freio e encaixes quanto adeteriorações, rachaduras, danos e sinais de vazamentos.Aperte todos os encaixes soltos.Substitua as mangueiras e encaixes se necessário. 3-19
  • 74. MANUTENÇÃO SHADOW 750ALTURA DO PEDAL DO FREIOInspecione a altura do pedal do freio.Altura do pedal do freio:75 mm acima do topo do pedal de apoio 75 mm PARAFUSO LIMITADORPara ajustar a altura do pedal do freio, solte a contraporca egire o parafuso limitador o quanto for necessário.Aperte a contraporca enquanto mantém fixado o parafusolimitador.Após o ajuste da altura do pedal, verifique os seguintes itens:– Folga do pedal do freio (página 3-20)– Funcionamento do interruptor da luz do freio traseiro (página 3-21) CONTRAPORCAFOLGA DO PEDAL DO FREIONOTA Execute o ajuste da folga do pedal do freio após realizar o ajuste de altura do pedal.Verifique a folga do pedal do freio. 20 – 30 mmFolga do pedal do freio: 20 – 30 mmSe necessário, ajuste a folga do pedal do freio, girando aporca de ajuste.NOTA • Certifique-se de que o recorte da porca de ajuste esteja assentado no pino de conexão. • Após o ajuste da folga do pedal do freio, inspecione o funcionamento do interruptor da luz do freio traseiro (página 3-21). PORCA DE AJUSTE3-20
  • 75. SHADOW 750 MANUTENÇÃO INTERRUPTOR DA LUZ DO FREIO TRASEIROINTERRUPTOR DA LUZ DO FREIONOTA • O interruptor da luz do freio do cilindro-mestre do freio dianteiro não pode ser ajustado. Se o funcionamento do interruptor da luz do freio dianteiro e o acionamento do freio não estiverem sincronizados, substitua o interruptor ou o componente do sistema que apresentar mau-funcionamento. • Efetue o ajuste do interruptor da luz do freio traseiro após ajustar a altura e a folga do pedal do freio.Verifique se a luz do freio acende no momento em que o PORCA DE AJUSTEfreio é acionado.Se a luz não acender, ajuste o interruptor da luz do freiotraseiro, de forma que a luz do freio acenda no momentoadequado.Mantenha fixado o corpo do interruptor da luz do freiotraseiro e gire a porca de ajuste o quanto for necessário.NOTA Não gire o corpo do interruptor enquanto girar a porca de ajuste.Inspecione o funcionamento do interruptor da luz do freiotraseiro.FACHO DO FAROLNOTA O ajuste do farol deve ser feito de acordo com as leis e regulamentações locais.Apóie a motocicleta em posição vertical.Ajuste verticalmente o facho de luz do farol, girando oparafuso/porca de ajuste vertical.Aperte a porca de ajuste vertical do facho do farol no torqueespecificado, enquanto mantém fixado o parafuso. PARAFUSO/PORCA DE AJUSTE VERTICALTorque: 12 N.m (1,2 kgf.m)Ajuste horizontalmente o facho de luz do farol, girando oparafuso de ajuste horizontal. PARAFUSO DE AJUSTE HORIZONTAL 3-21
  • 76. MANUTENÇÃO SHADOW 750SISTEMA DE EMBREAGEMInspecione o cabo da embreagem quanto a dobras ou danos.Lubrifique-o se necessário. 10 – 20 mmMeça a folga da alavanca da embreagem em suaextremidade.Folga: 10 – 20 mmAjustes menores podem ser efetuados através do ajustadorsuperior da alavanca da embreagem.Solte a contraporca e gire o ajustador o quanto fornecessário.Aperte a contraporca enquanto mantém fixado o ajustador.NOTA CONTRAPORCA O ajustador pode ser danificado caso seja posicionado muito afastado da alavanca, permanecendo pouco rosqueado em seu encaixe.Se o ajustador atingir seu limite e ainda assim a folga corretanão puder ser obtida, gire completamente o ajustador paradentro e retorne-o para fora por uma volta.Aperte a contraporca e efetue o ajuste maior (página 3-21).Ajustes maiores podem ser efetuados através da porca deajuste inferior do motor. AJUSTADORSolte a contraporca e gire a porca de ajuste o quanto fornecessário. CONTRAPORCA PORCA DE AJUSTEApós o término do ajuste, aperte a contraporca enquantomantém fixada a porca de ajuste.Inspecione o funcionamento da embreagem.Se a correta folga da alavanca da embreagem ainda nãopuder ser obtida, ou se a embreagem escorregar durante oteste de condução, desmonte e inspecione a embreagem(página 10-7).CAVALETE LATERALApóie a motocicleta em posição vertical.Inspecione a mola do cavalete lateral quanto a danos ouperda de tensão.Inspecione o conjunto do cavalete lateral quanto à suavidadede movimentação e lubrifique sua articulação se necessário.Inspecione o sistema de corte de ignição do cavalete lateral:– Sente na motocicleta, com uma perna de cada lado, e levante o cavalete lateral.– Dê partida no motor, mantendo a transmissão em ponto- morto. Em seguida, coloque a transmissão em marcha, enquanto mantém acionada a alavanca da embreagem.– Abaixe completamente o cavalete lateral.– O motor deve desligar-se assim que o cavalete lateral estiver abaixado.Se houver problemas com o sistema, inspecione o interruptordo cavalete lateral (página 20-23). CAVALETE LATERAL3-22
  • 77. SHADOW 750 MANUTENÇÃOSUSPENSÃOINSPEÇÃO DA SUSPENSÃO DIANTEIRAInspecione a atuação dos garfos da suspensão, acionando ofreio dianteiro e comprimindo a suspensão dianteira pordiversas vezes.Inspecione o conjunto do garfo da suspensão quanto a sinaisde vazamentos, danos ou fixadores soltos.Substitua os componentes danificados que não puderem serreparados.Aperte todas as porcas e parafusos.Para reparos no garfo da suspensão, consulte a página 14-18.INSPEÇÃO DA SUSPENSÃO TRASEIRAInspecione a atuação do amortecedor traseiro, comprimindo-o por diversas vezes.Inspecione o conjunto do amortecedor traseiro quanto asinais de vazamentos, danos ou fixadores soltos.Substitua os componentes danificados que não puderem serreparados.Aperte todas as porcas e parafusos.Para reparos no amortecedor traseiro, consulte a página15-22.Apóie seguramente a motocicleta e levante a roda traseira dosolo.Inspecione os rolamentos do braço oscilante quanto adesgaste, segurando a extremidade traseira do braçooscilante e tentando movimentá-lo de um lado para outro.Substitua os rolamentos se qualquer sinal de folga forobservado (página 15-22).PORCAS, PARAFUSOS E FIXADORESVerifique se todos os parafusos e porcas do chassi estãoapertados em seus corretos valores de torque (página 1-13).Verifique se todas as cupilhas, presilhas de segurança,braçadeiras de mangueiras e suportes de cabos encontram-se em seu devido lugar e adequadamente fixados. 3-23
  • 78. MANUTENÇÃO SHADOW 750RODAS/PNEUSApóie seguramente a motocicleta e levante a roda dianteirado solo.Inspecione os rolamentos da roda dianteira quanto adesgaste, mantendo fixado o garfo da suspensão e tentandomovimentar a roda dianteira de um lado para outro.Para reparos na roda dianteira, consulte a página 14-13.Apóie seguramente a motocicleta e levante a roda traseira dosolo.Inspecione os rolamentos da roda traseira quanto a desgaste,mantendo fixado o braço oscilante e tentando movimentar aroda traseira de um lado para outro.Para reparos na roda traseira, consulte a página 15-6.Inspecione o aperto dos raios, batendo em cada um com umachave-de-fenda.Se o ruído da batida no raio não for claro, ou se parecerdiferente do ruído dos outros raios, aperte-o no torqueespecificado.Ferramenta:Chave para raios 07JMA-MR60100Torque: 4,2 N.m (0,4 kgf.m)NOTA Bata nos raios e certifique-se de ouvir o mesmo ruído CHAVE PARA RAIOS metálico em cada um.Verifique a pressão dos pneus frios, utilizando ummanômetro.Pressão recomendada dos pneus:Somente piloto Dianteiro 200 kPa (2,0 kgf/cm2, 29 psi) Traseiro 200 kPa (2,0 kgf/cm2, 29 psi)Piloto e passageiro Dianteiro 200 kPa (2,0 kgf/cm2, 29 psi) Traseiro 250 kPa (2,5 kgf/cm2, 36 psi)3-24
  • 79. SHADOW 750 MANUTENÇÃOInspecione os pneus quanto a cortes, presença de pregos ououtros danos.Meça a profundidade do sulco da banda de rodagem, a partirdo centro dos pneus.Substitua o pneu quando a profundidade do sulco da bandade rodagem atingir os seguintes limites:Profundidade mínima do sulco da banda de rodagem:Dianteira 1,5 mmTraseira 2,0 mmROLAMENTOS DA COLUNA DE DIREÇÃOApóie a motocicleta seguramente e levante a roda dianteirado solo.Inspecione se o guidão movimenta-se livremente de um ladopara outro. Certifique-se de que os cabos de controle nãointerferem no movimento do guidão.Verifique os rolamentos da coluna de direção, segurando osgarfos da suspensão e tentando movimentá-los de um ladopara outro.Se o guidão movimentar-se irregularmente, prender ouapresentar movimento vertical, inspecione os rolamentos dacoluna de direção (página 14-27). 3-25
  • 80. SHADOW 750 4. SISTEMA DE LUBRIFICAÇÃO DIAGRAMA DO SISTEMA INSPEÇÃO DA PRESSÃO DE ÓLEO 4-5 DE LUBRIFICAÇÃO 4-2 BOMBA DE ÓLEO 4-6 INFORMAÇÕES DE SERVIÇO 4-3 DIAGNOSE DE DEFEITOS 4-4 4-1
  • 81. SISTEMA DE LUBRIFICAÇÃO SHADOW 750DIAGRAMA DO SISTEMA DE LUBRIFICAÇÃO BALANCIM ÁRVORE DE COMANDO PISTÃO ÁRVORE PRIMÁRIA ÁRVORE DE MANIVELAS INJETOR DE ÓLEO ÁRVORE SECUNDÁRIA INTERRUPTOR EOP EIXO DA ENGRENAGEM MOTORA DE TRANSMISSÃO BOMBA DE ÓLEO FILTRO DE ÓLEO FILTRO DE ÓLEO VÁLVULA DE ALÍVIO DE PRESSÃO4-2
  • 82. SHADOW 750 SISTEMA DE LUBRIFICAÇÃOINFORMAÇÕES DE SERVIÇOc O contato prolongado com óleo usado pode causar câncer de pele. Apesar de improvável, a menos que manuseie o óleo diariamente, é recomendável lavar completamente as mãos com água e sabão assim que possível após o manuseio do óleo usado.• É necessária a separação das carcaças do motor para a execução de reparos na bomba de óleo.• Ao remover ou instalar a bomba de óleo, tenha cuidado para não permitir a penetração de poeira ou sujeira no interior do motor.• Se qualquer componente da bomba de óleo estiver desgastado além do valor de limite de uso, substitua a bomba de óleo como um conjunto.• Após a instalação da bomba de óleo, certifique-se de que a pressão de óleo do sistema esteja correta.• Para inspeção do nível de óleo do motor, consulte a página 3-12.• Para troca do óleo do motor e filtro de óleo, consulte a página 3-13.• Para inspeção do indicador de pressão de óleo, consulte a página 20-18.ESPECIFICAÇÕES Unidade: mm Item Padrão Limite de Uso Capacidade de Na drenagem 2,5 l – óleo do motor Na troca do óleo e filtro 2,6 l – Na desmontagem 3,2 l – Óleo recomendado para motor Mobil Supermoto 4T Multiviscoso Classificação de serviço API: SF Viscosidade: SAE 20W-50 Pressão de óleo no interruptor EOP 530 kPa (5,4 kgf/cm2, 77 psi) a 5.000 rpm Bomba de óleo Folga entre os rotores interno e externo 0,15 0,20 Folga entre o rotor externo 0,15 – 0,21 0,35 e a carcaça da bomba Folga entre os rotores e a face 0,02 – 0,08 0,10 da carcaça da bombaVALORES DE TORQUEInterruptor EOP 12 N.m (1,2 kgf.m) Aplique junta-líquida nas roscas.Parafuso do terminal do interruptor EOP 1,9 N.m (0,2 kgf.m)Parafuso de montagem da bomba de óleo 13 N.m (1,3 kgf.m) 4-3
  • 83. SISTEMA DE LUBRIFICAÇÃO SHADOW 750FERRAMENTASConjunto do manômetro de óleo Acessório do manômetro de óleo07506-3000001 07510-4220100ou equivalente disponível ou equivalente disponívelcomercialmente comercialmenteDIAGNOSE DE DEFEITOSNível de óleo muito baixo• Consumo de óleo• Vazamento externo de óleo• Anéis do pistão desgastados• Anéis do pistão instalados inadequadamente• Cilindros desgastados• Retentores da haste desgastados• Guia da válvula desgastadaBaixa pressão de óleo• Baixo nível de óleo• Filtro de óleo obstruído• Bomba de óleo defeituosa• Vazamento interno de óleo• Tipo de óleo utilizado incorretoSem pressão de óleo• Baixo nível de óleo• Válvula de alívio de pressão emperrada na posição aberta• Corrente de acionamento da bomba de óleo quebrada• Engrenagens motora/movida da bomba de óleo quebradas• Bomba de óleo danificada• Vazamento interno de óleoAlta pressão de óleo• Válvula de alívio de pressão emperrada na posição fechada• Orifício dosador ou galeria de óleo obstruída• Tipo de óleo utilizado incorretoContaminação do óleo• Freqüência de troca do óleo ou filtro insuficiente• Anéis do pistão desgastados• Retentores da haste desgastados• Guias das válvulas desgastadas• Mistura de líquido de arrefecimento no óleo – Junta do cabeçote danificada – Vazamento de água na carcaça do motorEmulsificação do óleo• Junta do cabeçote danificada• Vazamento de líquido de arrefecimento• Penetração de água4-4
  • 84. SHADOW 750 SISTEMA DE LUBRIFICAÇÃO CAPA DE BORRACHA INTERRUPTOR EOPINSPEÇÃO DA PRESSÃO DE ÓLEORemova a tampa traseira esquerda da carcaça do motor(página 2-4).A leitura da pressão de óleo será anormalmente alta caso omotor esteja frio. Aqueça o motor até atingir sua temperaturanormal de funcionamento antes de inspecionar a pressão deóleo.Desligue o motor.Remova a capa de borracha e desconecte a fiação dointerruptor EOP, removendo o parafuso do terminal. PARAFUSO DO TERMINAL MANÔMETRO DE ÓLEO ACESSÓRIORemova o interruptor EOP e conecte o acessório e omanômetro de óleo ao orifício do interruptor EOP.FerramentasConjunto do manômetro de óleo 07506-3000001 ouequivalente disponível comercialmenteAcessório do manômetro de óleo 07510-4220100ou equivalente disponível comercialmenteInspecione o nível de óleo e adicione o óleo recomendado senecessário (página 3-12).Dê partida no motor e inspecione a pressão de óleo,mantendo o motor a 5.000 rpm.Pressão de óleo:530 kPa (5,4 kgf/cm2, 77 psi) a 5.000 rpm (a 80°C) 3 – 4 mmDesligue o motor.Aplique junta-líquida (Three Bond 1207B ou equivalente) nasroscas do interruptor EOP, como mostra a ilustração, e aperteo interruptor no torque especificado.Torque: 12 N.m (1,2 kgf.m)NOTA Não aplique junta-líquida nos primeiros 3 a 4 mm de roscas.Conecte a fiação do interruptor EOP e aperte o parafuso doterminal no torque especificado.Torque: 1,9 N.m (0,2 kgf.m)Instale a capa de borracha.Dê partida no motor.Verifique se o indicador de pressão de óleo apaga-se após 1ou 2 segundos. Se o indicador de pressão de óleopermaneçer aceso, desligue imediatamente o motor eencontre a razão do problema (página 20-18). 4-5
  • 85. SISTEMA DE LUBRIFICAÇÃO SHADOW 750 BOMBA DE ÓLEOBOMBA DE ÓLEOREMOÇÃOSepare as metades da carcaça do motor (página 12-9).Remova os parafusos e a bomba de óleo da carcaça esquerdado motor. PARAFUSOSRemova o pino-guia, os espaçadores e os anéis de vedação. ESPAÇADORES/ PINO-GUIA ANÉIS DE VEDAÇÃO RETENTOR DO TUBODESMONTAGEMCorpo da Bomba de ÓleoRemova o tubo de óleo, o retentor do tubo e o anel devedação. ANEL DE VEDAÇÃO TUBO DE ÓLEO VÁLVULA DE ALÍVIO DE PRESSÃORemova a válvula de alívio de pressão e o anel de vedação. ANEL DE VEDAÇÃO4-6
  • 86. SHADOW 750 SISTEMA DE LUBRIFICAÇÃO FILTRO DE ÓLEORemova o filtro de óleo e a junta. JUNTA CORPO DA BOMBARemova os parafusos de montagem e o corpo da bomba desua tampa. PARAFUSOS PINO DE ACIONAMENTO PINOS-GUIASRemova os pinos-guias. ROTOR EXTERNORemova a arruela, o eixo de acionamento, o pino deacionamento e os rotores interno e externo. ARRUELA EIXO DE ACIONAMENTO ROTOR INTERNOVálvula de Alívio de Pressão ANEL ELÁSTICOVerifique o funcionamento da válvula de alívio de pressão,empurrando seu pistão.Remova o anel elástico, a arruela, a mola e o pistão do corpoda válvula de alívio de pressão.NOTA • O anel elástico encontra-se sob pressão da mola. Tenha cuidado ao removê-lo e vista óculos de proteção e protetor facial. • Tenha cuidado para não perder os componentes desmontados. ARRUELA MOLA/PISTÃO 4-7
  • 87. SISTEMA DE LUBRIFICAÇÃO SHADOW 750 CORPO DA VÁLVULA MOLA PISTÃO DE ALÍVIO DE PRESSÃOInspecione o pistão quanto a desgaste, emperramento oudanos.Inspecione a mola da válvula quanto a desgaste ou fadiga.Inspecione o corpo da válvula de alívio de pressão quanto aobstrução ou danos.Limpe todos os componentes e monte a válvula de alívio depressão, seguindo a ordem inversa da desmontagem.NOTA • Instale o anel elástico, mantendo sua borda chanfrada voltada para o lado da carga axial. • Não reutilize um anel elástico desgastado que poderia facilmente girar em sua ranhura. ANEL ELÁSTICO ARRUELA • Certifique-se de que o anel elástico esteja adequadamente assentado em sua ranhura.INSPEÇÃONOTA Meça o valor de cada folga em mais de um ponto e utilize a maior leitura para compará-la ao valor de limite de uso.Folga entre o Rotor Externo e a Carcaça da BombaMonte temporariamente os rotores interno e externo, o pinode acionamento e o eixo da bomba de óleo no corpo dabomba. FOLGA ENTRE O ROTOR EXTERNO E A CARCAÇAMeça a folga entre o rotor externo e a carcaça da bomba. DA BOMBA Limite de Uso 0,35 mmFolga entre os Rotores Interno e ExternoMeça a folga entre os rotores interno e externo. Limite de Uso 0,20 mm FOLGA ENTRE OS ROTORES INTERNO E EXTERNO4-8
  • 88. SHADOW 750 SISTEMA DE LUBRIFICAÇÃO FOLGA ENTRE OS ROTORES E A FACE DA CARCAÇA DA BOMBAFolga entre os Rotores e a Face da Carcaça da BombaMeça a folga entre os rotores e a face da carcaça da bomba. Limite de Uso 0,10 mmMONTAGEMMergulhe todos os componentes em óleo para motor limpo. 13 N.m (1,3 kgf.m) PINO DE CORPO DA BOMBAROTOR EXTERNO ACIONAMENTO DE ÓLEO ANEL ELÁSTICO PINOS-GUIAS MOLA ANEL DE VEDAÇÃO ARRUELAROTOR INTERNOEIXO DE ACIONAMENTO ANEL DE TUBO DE ÓLEO VEDAÇÃO ARRUELA PISTÃO JUNTA CORPO DA VÁLVULA DE ALÍVIO DE PRESSÃO RETENTOR DO TUBO FILTRO DE ÓLEO TAMPA DA BOMBA DE ÓLEO ROTOR INTERNO RANHURAInstale os rotores externo e interno no corpo da bomba deóleo.NOTA Instale o rotor interno, mantendo o lado da ranhura voltado para a tampa da bomba. ROTOR EXTERNO 4-9
  • 89. SISTEMA DE LUBRIFICAÇÃO SHADOW 750 PINO DE ARRUELA ACIONAMENTO PINOS-GUIASInstale o eixo e o pino de acionamento, alinhando o pino deacionamento com as ranhuras do rotor interno.Posicione a arruela na ranhura do rotor interno.Instale os pinos-guias no corpo da bomba. EIXO DE ACIONAMENTO ARRUELA CORPO DA BOMBAInstale a tampa no corpo da bomba.Instale e aperte os parafusos de montagem da bomba de óleono torque especificado.Torque: 13 N.m (1,3 kgf.m) PARAFUSOS FILTRO DE ÓLEO AlinheLimpe o filtro de óleo.Cubra uma nova junta com óleo para motor e instale-a nocorpo da bomba.Instale o filtro de óleo na tampa da bomba, alinhando suaextremidade lateral com a ranhura da tampa da bomba. JUNTA VÁLVULA DE ALÍVIO DE PRESSÃOCubra um novo anel de vedação com óleo para motor einstale-o na válvula de alívio de pressão.Instale a válvula de alívio de pressão na tampa da bomba. ANEL DE VEDAÇÃO4-10
  • 90. SHADOW 750 SISTEMA DE LUBRIFICAÇÃO RETENTOR DO TUBOCubra um novo retentor do tubo de óleo e um novo anel devedação com óleo para motor e instale-os no tubo de óleo.NOTA Instale o anel de vedação, mantendo seu lado cônico voltado para fora.Instale seguramente o tubo de óleo na tampa da bomba. ANEL DE VEDAÇÃO TUBO DE ÓLEO ESPAÇADORESINSTALAÇÃOInstale os pinos-guias e os espaçadores.Cubra novos anéis de vedação com óleo para motor e instale-os em seguida. ANÉIS DE VEDAÇÃO PINO-GUIA BOMBA DE ÓLEOInstale seguramente a bomba de óleo na carcaça do motor.Instale e aperte seguramente os parafusos.Monte as metades da carcaça do motor (página 12-48).Verifique a pressão de óleo do motor (página 4-5). PARAFUSOS 4-11
  • 91. SISTEMA DE LUBRIFICAÇÃO SHADOW 750 NOTAS4-12
  • 92. SHADOW 750 5. SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI) LOCALIZAÇÃO DOS COMPONENTES 5-2 RELÉ DE CORTE DE COMBUSTÍVEL 5-39 INFORMAÇÕES DE SERVIÇO 5-3 TANQUE DE COMBUSTÍVEL 5-40 DIAGNOSE DE DEFEITOS DE CARCAÇA DO FILTRO DE AR 5-41 SINTOMAS DO PGM-FI 5-5 CORPO DO ACELERADOR 5-43 LOCALIZAÇÃO DOS COMPONENTES DO SISTEMA PGM-FI 5-6 COLETOR DE ADMISSÃO 5-47 DIAGRAMA DO SISTEMA PGM-FI 5-7 INJETOR 5-49 LOCALIZAÇÃO DO CONECTOR 5-8 SENSOR ECT 5-51 INFORMAÇÕES SOBRE DIAGNOSE SENSOR DE INCLINAÇÃO DO CHASSI 5-52 DE DEFEITOS DO PGM-FI 5-13 RELÉ DE PARADA DO MOTOR 5-54 ÍNDICE DTC 5-16 ECM 5-55 INSPEÇÃO DA LINHA DE MARCHA-LENTA 5-57 ALIMENTAÇÃO DO SENSOR 5-17 VÁLVULA IAC 5-57 DIAGNOSE DE DEFEITOS DO MIL 5-18 SISTEMA DE FORNECIMENTO INSPEÇÃO DO CIRCUITO DO MIL 5-31 DE AR SECUNDÁRIO 5-59 INSPEÇÃO DA LINHA DE COMBUSTÍVEL 5-32 SENSOR DE O2 5-62 RESERVATÓRIO/ BOMBA DE COMBUSTÍVEL 5-37 5-1
  • 93. SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI) SHADOW 750LOCALIZAÇÃO DOS COMPONENTES 27 N.m (2,8 kgf.m)5-2
  • 94. SHADOW 750 SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI)INFORMAÇÕES DE SERVIÇOINFORMAÇÕES GERAIS• Certifique-se de aliviar a pressão de combustível, mantendo o interruptor de ignição posicionado em “OFF”.• Antes de desconectar a mangueira de alimentação de combustível, alivie a pressão do sistema, soltando o encaixe de conexão rápida do reservatório/bomba de combustível (página 5-32).• Entortar ou torcer os cabos de controle prejudica seu suave funcionamento, podendo causar travamento e resultando em perda do controle do veículo.• Trabalhe em um local com ventilação adequada. Fumar ou permitir chamas ou faíscas no local de trabalho onde a gasolina é armazenada pode provocar incêndio ou explosões.• Não altere completamente a posição da válvula de aceleração, partindo de completamente aberta para completamente fechada, após remover o cabo do acelerador. Tal procedimento pode causar funcionamento irregular em marcha-lenta.• Tenha cuidado para não danificar o corpo do acelerador pois pode causar funcionamento incorreto da válvula de aceleração.• Sele as portas do coletor de admissão após remover o corpo do acelerador, utilizando uma fita adesiva ou pano limpo, para evitar a penetração de poeira e corpos estranhos pelas portas de admissão.• Evite a penetração de sujeira e corpos estranhos pelo venturi do acelerador e pelas mangueiras de combustível e de retorno. Limpe-as utilizando ar comprimido se necessário.• O corpo do acelerador é pré-ajustado na fábrica. Não o desmonte a não ser da forma apresentada neste manual.• Não solte ou aperte os parafusos e porcas do corpo do acelerador pintados na cor branca, pois pode provocar falhas no funcionamento da válvula de aceleração e no controle de marcha-lenta.• O sistema PGM-FI é equipado com um sistema de auto-diagnose, descrito na página 5-13. Caso o MIL pisque, siga os procedimentos de auto-diagnose para corrigir o problema.• Ao inspecionar o sistema PGM-FI, siga sempre os procedimentos descritos na tabela de diagnose de defeitos.• O sistema PGM-FI é equipado com uma função a prova de falhas, a fim de garantir uma capacidade mínima de funcionamento, mesmo que ocorra algum defeito no sistema. Quando qualquer anormalidade for detectada pela função de auto-diagnose, a capacidade de funcionamento é garantida graças aos valores pré-especificados no mapa do programa de simulação. É importante lembrar, no entanto, que quando alguma anormalidade é detectada em algum dos injetores e/ou no sensor CKP, a função a prova de falhas interrompe o funcionamento do motor a fim de protegê-lo quanto a danos.• Para localização dos componentes do sistema PGM-FI, consulte a página 5-6.• Defeitos no sistema PGM-FI estão normalmente relacionados a mau-contatos ou conectores corroídos. Verifique estas conexões antes de proceder.• Ao desmontar os componentes do sistema PGM-FI, observe a localização dos anéis de vedação. Substitua-os por novos durante a montagem.• Utilize um multímetro digital para as inspeções no sistema PGM-FI.• Para reparos no sensor de reserva de combustível, consulte a página 20-16.• Caso o ECM seja substituído, siga as etapas de substituição do Sistema Imobilizador, localizadas na página 21-6.ESPECIFICAÇÕES Item Especificação Número de identificação do corpo do acelerador GQB3A Marcha-lenta 1200 ± 100 rpm Folga da manopla do acelerador 2 – 10 mm Resistência do injetor Dianteiro 11 – 13 Ω de combustível (a 20°C) Traseiro 11 – 13 Ω Resistência da válvula solenóide de controle PAIR (a 20°C) 23 – 27 Ω Pressão de combustível em marcha-lenta 333 – 353 kPa (3,4 – 3,6 kgf/cm2, 48 – 51 psi) Vazão da bomba de combustível (a 12 V) Mínimo de 50 cm3/10 segundosVALORES DE TORQUEParafuso da tampa da válvula de inspeção PAIR 7 N.m (0,7 kgf.m)Parafuso de fixação da câmara do filtro de ar 1,1 N.m (0,1 kgf.m)Parafuso da braçadeira do tubo de conexão da câmara do filtro de ar 0,7 N.m (0,1 kgf.m)Sensor ECT 24,5 N.m (2,5 kgf.m)Parafuso Torx da placa de fixação da válvula IAC 2,1 N.m (0,2 kgf.m)Parafuso da guia do cabo do acelerador 3,4 N.m (0,3 kgf.m)Parafuso de fixação do injetor de combustível 5,1 N.m (0,5 kgf.m)Parafuso Torx do conjunto de sensores 3,4 N.m (0,3 kgf.m)Parafuso da braçadeira do isolante (Lado do corpo do acelerador) Consulte a página 5-45.Parafuso da braçadeira do isolante (Lado do coletor de admissão) Consulte a página 5-49.Parafuso de fixação do tanque de combustível 27 N.m (2,8 kgf.m)Parafuso Allen da tampa do filtro de ar 1,5 N.m (0,2 kgf.m)Parafuso da braçadeira do tubo de conexão do filtro de ar 1 N.m (0,1 kgf.m)Sensor de O2 44 N.m (4,5 kgf.m) 5-3
  • 95. SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI) SHADOW 750FERRAMENTASManômetro de combustível Manômetro do coletor de admissão Acessório para mangueira,07406-0040004 07ZAJ-S5A0111 6 mm/9 mm 07ZAJ-S5A0130Acessório para mangueira, Acessório de conexão, 6 mm/9 mm Fiação de teste 33P do ECM9 mm/9 mm 07ZAJ-S5A0150 070MZ-MCA010007ZAJ-S5A0120Conector SCS Fiação de teste para inspeção Chave para sensor de O2070PZ-ZY30100 07GMJ-ML80100 07LAA-PT501015-4
  • 96. SHADOW 750 SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI)DIAGNOSE DE DEFEITOS DE SINTOMAS DO PGM-FIQuando a motocicleta possuir um destes sintomas, verifique o DTC ou o número de piscadas do MIL, consulte o índiceDTC (página 5-17) e inicie o procedimento adequado de diagnose de defeito. Se não houver DTC/MIL armazenado namemória do ECM, execute o procedimento de diagnóstico para os sintomas, na seqüência apresentada a seguir, atélocalizar a origem do problema. Sintoma Procedimento de Diagnose Verifique tambémO motor gira, mas não dá partida 1. Dê partida no motor por mais de 10 • Sem combustível nos injetores(Não há indicação do MIL). segundos, verifique o número de – Filtro de combustível obstruído piscadas do MIL (página 5-13) e execute – Mangueira de alimentação de combustível a diagnose de defeitos correspondente. dobrada ou obstruída 2. Inspecione o sistema de alimentação de – Mangueira de respiro do tanque de combustível combustível (página 5-32). dobrada ou obstruída – Bomba de combustível defeituosa – Circuitos da bomba de combustível defeituosos • Vazamento de ar de admissão. • Combustível contaminado/deteriorado. • Injetor de combustível defeituoso. • Válvula IAC emperrada. • Sistema de ignição defeituoso.O motor gira, mas não dá partida 1. Mau-funcionamento nos circuitos de • Circuito aberto na fiação de entrada de(Não há ruído de funcionamento alimentação/terra do ECM (página 5-55). alimentação e/ou terra do ECM.da bomba de combustível 2. Inspecione o sistema de alimentação de • Sensor de inclinação do chassi ou circuitoquando o interruptor de ignição combustível (página 5-32). relacionado defeituoso.é ligado). • Relé de parada do motor ou circuito relacionado defeituoso. • Interruptor do motor ou circuito relacionado defeituoso. • Fusível FI (15 A) queimado. • Fusível secundário (Ignição, Partida, 10 A) queimado.O motor morre, a partida é difícil 1. Inspecione a marcha-lenta. • Mangueira de alimentação de combustívele a marcha-lenta irregular. 2. Inspecione a válvula IAC. restringida. 3. Inspecione o sistema de alimentação de • Combustível contaminado/deteriorado. combustível (página 5-32). • Vazamento de ar de admissão. 4. Inspecione o sistema de carga da • Válvula IAC defeituosa. bateria (página 17-7). • Sensor MAP defeituoso. • Mangueira de respiro do tanque de combustível obstruída. • Sistema de ignição defeituoso. • Sistema de carga da bateria defeituoso.Combustão retardada quando o Inspecione o sistema PAIR (página 5-59). • Sistema PAIR defeituoso.freio é acionado. – Válvula solenóide de controle PAIR defeituosa. – Válvula de inspeção PAIR defeituosa. – Mangueira do sistema PAIR obstruída. • Sistema de ignição defeituoso.Contra-explosões ou falhas Inspecione o sistema de ignição. • Sistema de ignição defeituoso.durante a aceleração.Desempenho inadequado 1. Inspecione o sistema de alimentação de • Mangueira de alimentação de combustível(dirigibilidade) e pouca combustível (página 5-32). dobrada ou obstruída.economia de combustível. 2. Inspecione o elemento do filtro de ar • Regulador de pressão defeituoso. (página 3-6). • Injetor de combustível defeituoso. • Sistema de ignição defeituoso. • Elemento do filtro de ar obstruído. • Sensor MAP defeituoso.Marcha-lenta abaixo da 1. Inspecione a marcha-lenta. • Válvula IAC emperrada na posição fechada.especificada ou marcha-rápida 2. Inspecione a válvula IAC. • Sistema de alimentação de combustívelmuito baixa (Não há indicação defeituoso.do MIL). • Sistema de ignição defeituoso.Marcha-lenta acima da 1. Inspecione a marcha-lenta. • Válvula IAC emperrada na posição aberta.especificada ou marcha-rápida 2. Inspecione o funcionamento e a folga • Sistema de ignição defeituoso.muito alta (Não há indicação do do acelerador. • Vazamento de ar de admissão.MIL). 3. Inspecione a válvula IAC. • Problemas na parte superior do motor. • Condições inadequadas do filtro de ar.O MIL permanece aceso ou Execute a diagnose de defeitos do circuito • Mau-funcionamento do circuito do MIL.nunca se acende. do MIL (página 5-31).O MIL permanece aceso. Inspecione o circuito DLC. • Curto-circuito na fiação relacionada ao DLC. 5-5
  • 97. SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI) SHADOW 750LOCALIZAÇÃO DOS COMPONENTES DO SISTEMA PGM-FI CONJUNTO DE SENSORES: SENSOR ECT – SENSOR TP SENSOR DE – SENSOR IAT INCLINAÇÃO DO CHASSI VÁLVULA IAC – SENSOR MAP RESERVATÓRIO/BOMBA DE COMBUSTÍVEL DLC (CONECTOR DE TRANSMISSÃO DE DADOS) SENSOR DE O2 TRASEIROVÁLVULA SOLENÓIDEDE CONTROLE PAIR INJETOR DIANTEIRO N° 02 INJETOR TRASEIRO N° 01 ECM SENSOR DE O2 DIANTEIRO SENSOR VS SENSOR CKP RELÉ DE CORTE DE COMBUSTÍVEL/ RELÉ DE PARADA DO MOTOR5-6
  • 98. SHADOW 750 SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI)DIAGRAMA DO SISTEMA PGM-FI INTERRUPTOR DE IGNIÇÃO FUSÍVEL PRINCIPAL, 30 A FUSÍVEL, 10 A REGULADOR/ RETIFICADOR INTERRUPTOR RELÉ DE PARADA FUSÍVEL, 10 A DO MOTOR DO MOTOR BATERIA FUSÍVEL FI, 15 A FUSÍVEL, 20 A SENSOR DE INCLINAÇÃO DO CHASSI O2 SENSOR DE O2 RELÉ DE RELÉ DE CORTE CONTROLE DA DE COMBUSTÍVEL VÁLVULA SOLENÓIDE VENTOINHA DE CONTROLE PAIR BOMBA DE SENSOR DE O2 O2 COMBUSTÍVEL MOTOR DA VENTOINHA DE ARREFECIMENTO SENSOR MAP SENSOR TP BOBINAS DE IGNIÇÃO SENSOR Para o INDICADOR IAT DE TEMPERATURA DO LÍQUIDO DE ARREFECIMENTO SENSOR ECT ECM VELAS DE IGNIÇÃO INJETORES RECEPTOR DO IMOBILIZADOR DLC INTERRUPTOR INTERRUPTOR DO DA CAVALETE LATERAL EMBREAGEM INTERRUPTOR DE PONTO-MORTO SENSOR CKP MIL PCM INDICADOR VÁLVULA DO HISS IAC SENSOR VS Bl: Preto Br: Marrom Y: Amarelo O: Laranja Bu: Azul Lg: Verde claro G: Verde P: Rosa R: Vermelho Gr: Cinza W: Branco A1 A11 B1 B11 B12 A12 A22 B22 B23 A23 A33 B33 CONECTOR 33P (Preto) A DO ECM CONECTOR 33P (Cinza) B DO ECM Lado do ECM/Terminais machos 5-7
  • 99. SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI) SHADOW 750LOCALIZAÇÃO DO CONECTORNOTA 1: Remova a tampa lateral da coluna de direção (página 2-4). CONECTOR 3P (Cinza) DO SENSOR ECT (NOTA 1)5-8
  • 100. SHADOW 750 SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI)NOTA 1: Remova a carcaça do filtro de ar (página 5-41).NOTA 2: Remova o tanque de combustível (página 5-40). CONECTOR 2P (Cinza) DO INJETOR DE COMBUSTÍVEL DIANTEIRO N° 2 (NOTA 2)CONECTOR 2P (Cinza) DO INJETOR CONECTOR 4P (Preto) DA VÁLVULA IACDE COMBUSTÍVEL TRASEIRO N° 1 (NOTA 1)(NOTA 2) CONECTOR 5P (Preto) DO CONJUNTO DE SENSORES (NOTA 1) 5-9
  • 101. SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI) SHADOW 750NOTA 1: Remova a tampa lateral esquerda (página 2-4). CONECTOR 3P (Branco) DO SENSOR VS (NOTA 1)5-10
  • 102. SHADOW 750 SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI)NOTA 1: Remova a tampa lateral direita (página 2-4).CONECTOR 4P (Branco) DOSENSOR DE O2 TRASEIRO(NOTA 1) DLC (NOTA 1)CONECTOR 4P (Preto) DOSENSOR DE O2 DIANTEIRO(NOTA 1) 5-11
  • 103. SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI) SHADOW 750NOTA 1: Remova o ECM (página 5-56). CONECTOR B (Cinza) CONECTOR A (Preto) B11 B1 A11 A1 B22 B12 A22 A12 B23 A23 B33 A33 CONECTORES 33P DO ECM (NOTA 1)5-12
  • 104. SHADOW 750 SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI)INFORMAÇÕES SOBRE DIAGNOSE DE DEFEITOS DO PGM-FIDIAGNOSE DE DEFEITOS GERAISFalha IntermitenteO termo “falha intermitente” indica que o sistema pode possuir uma falha, no entanto, esta falha não se apresenta neste instante.Caso o MIL não acenda, inspecione todos os conectores relacionados e circuitos afetados quanto a mau-contato ou pinos soltos.Caso o MIL estivesse anteriormente aceso e apresenta-se apagado neste instante, o problema original pode ser intermitente.Circuito aberto e Curto-circuito“Circuito aberto” e “curto-circuito” são termos comuns em eletricidade. Circuito aberto pode ser um rompimento em um fio ou emuma conexão. Um curto-circuito é uma conexão acidental de um fio ao terra ou a outro fio. Em eletrônica simples, isto significa,basicamente, que algo não funcionará da forma correta. Utilizando o ECM, isto pode significar que alguns itens funcionarão, masnão realmente da forma que deveriam.Caso o MIL acendaConsulte o item “Leituras de Saída do DTC” (página 5-13)Caso o MIL não permaneça acesoCaso o MIL não permaneça aceso, mas ainda assim houver um problema de dirigibilidade, execute o item “Diagnose de Defeitosdos Sintomas” (página 5-5).DESCRIÇÃO DO SISTEMASistema de Auto-DiagnoseO sistema PGM-FI é equipado com um sistema de auto-diagnose. Quando alguma anormalidade ocorrer no sistema, o ECM acionao MIL e armazena o DTC em sua memória temporária.Função A Prova de FalhasO sistema PGM-FI é equipado com uma função a prova de falhas, a fim de garantir condições mínimas de funcionamento, mesmose algum problema ocorrer no sistema. Quando qualquer anormalidade é detectada pela função de auto-diagnose, a capacidadede funcionamento é mantida graças aos valores pré-especificados no mapa do programa de simulação. No entanto, quandoqualquer anormalidade for detectada nos injetores ou no sensor CKP, a função a prova de falhas interrompe automaticamente ofuncionamento do motor a fim de protegê-lo contra danos.Modelo de Piscadas do MIL• O DTC pode ser obtido da memória do ECM a partir do número de piscadas do MIL.• O MIL indicará o atual DTC caso o ECM detecte um problema no presente, no instante em que o interruptor de ignição é ligado ou durante o funcionamento em marcha-lenta quando o cavalete lateral é abaixado. O MIL permanecerá aceso quando as rotações do motor forem superiores a 2.000 rpm ou se o cavalete lateral for recolhido.• O MIL possui dois tipos de piscadas, uma longa e uma curta. A piscada longa dura 1,3 segundos, ao passo que a piscada curta dura 0,5 segundo. Uma piscada longa equivale a dez piscadas curtas. Por exemplo, quando duas piscadas longas forem seguidas de cinco piscadas curtas, o código indicado pelo MIL é o 25 (duas piscadas MIL longas = 20, adicionando 5 piscadas curtas).• Quando o ECM armazenar mais de um DTC, o MIL os indicará piscando em ordem crescente, iniciando pelo de menor código.Inspeção do MILNo instante em que o interruptor de ignição for ligado e o interruptor do motor posicionado em “ ”, o MIL se acenderá poralguns segundos e apagará em seguida.• Se o MIL não acender, inspecione seu circuito (página 5-31).Dê partida no motor e inspecione o MIL.• Se o motor não der partida, acione o motor de partida por mais de 10 segundos e verifique a indicação do MIL. 5-13
  • 105. SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI) SHADOW 750 CONECTOR SCSLendo o DTC através do MILDesligue o interruptor de ignição.Remova a tampa lateral direita (página 2-4).Remova o conector inativo e faça um curto-circuito entre osterminais do DLC, utilizando a ferramenta especial.Conexão: Marrom – VerdeFerramenta:Conector SCS 070PZ-ZY30100Certifique-se de que o interruptor do motor estejaposicionado em “ “.Ligue o interruptor de ignição, leia e anote as piscadas do DLCMIL e consulte o índice de diagnose de defeitos (página 5-16). CONECTOR SCSNOTA Caso o ECM possua um DTC armazenado em sua memória, o MIL começará a piscar.LIMPEZA DO DTC1. Remova a tampa lateral direita (página 2-4).2. Desligue o interruptor de ignição.3. Certifique-se de que o interruptor do motor esteja posicionado em “ “.4. Remova o conector inativo e faça um curto-circuito entre os terminais do DLC, utilizando a ferramenta especial. DLCConexão: Marrom – VerdeFerramenta:Conector SCS 070PZ-ZY301005. Ligue o interruptor de ignição.6. Remova a ferramenta especial do DLC.7. O MIL acenderá por aproximadamente 5 segundos. Enquanto o MIL permanecer aceso, faça novamente um curto- circuito entre os terminais do DLC, utilizando a ferramenta especial. Neste instante, a memória de auto-diagnose será apagada se o indicador de mau-funcionamento apagar-se e começar a piscar.NOTA • O DLC deve ser curto-circuitado enquanto o MIL permanecer aceso. Caso contrário, o MIL não começará a piscar. • Observe que a memória de auto-diagnose não pode ser apagada caso o interruptor de ignição seja desligado antes do MIL começar a piscar.INSPEÇÃO DO CIRCUITO FIAÇÃO DE TESTEConexão da Fiação de Teste ECMRemova o ECM (página 5-56).Conecte a fiação de teste entre a fiação principal e o ECM.Ferramenta:Fiação de teste 33P do ECM 070MZ-MCA0100 FIAÇÃO PRINCIPAL5-14
  • 106. SHADOW 750 SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI)ESQUEMA DO TERMINAL DA FIAÇÃO DE TESTE Lado do ECM:Os terminais do conector do ECM são numerados de acordocom a ilustração. CONECTOR PRETO CONECTOR CINZAOs terminais da fiação de teste do ECM possuem o mesmo Lado do Terminal da Fiação de Teste:esquema dos terminais do conector do ECM, como mostra ailustração. Para o CONECTOR 33P (Cinza) Para o CONECTOR 33P (Preto) 5-15
  • 107. SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI) SHADOW 750ÍNDICE DTCPiscadas do MIL Falha da Função Sintoma/Função a prova de falhas Consulte 1 Baixa voltagem no circuito do sensor MAP (inferior a 0,2 V) • O motor funciona normalmente • Mau-funcionamento do sensor MAP ou de seu circuito • Valor pré-programado: 760 mmHg/1.013 hPa Alta voltagem no circuito do sensor MAP (superior a 3,9 V) • O motor funciona normalmente 5-18 • Sem contato ou mau-contato no conector do sensor MAP • Valor pré-programado: 760 mmHg/1.013 hPa • Mau-funcionamento do sensor MAP ou de seu circuito 7 Baixa voltagem no circuito do sensor ECT (inferior a 0,08 V) • Dificuldade de partida em baixas temperaturas • Mau-funcionamento do sensor ECT ou de seu circuito • Valor pré-programado: 90°C • A ventoinha de arrefecimento permanece ligada 5-19 Alta voltagem no circuito do sensor ECT (superior a 4,93 V) • Dificuldade de partida em baixas temperaturas • Sem contato ou mau-contato no conector do sensor ECT • Valor pré-programado: 90°C • Mau-funcionamento do sensor ECT ou de seu circuito • A ventoinha de arrefecimento permanece ligada 8 Baixa voltagem no circuito do sensor TP (inferior a 0,3 V) • Aceleração inadequada do motor • Sem contato ou mau-contato no conector do sensor TP • Valor pré-programado: 0° • Mau-funcionamento do sensor TP ou de seu circuito 5-21 Alta voltagem no circuito do sensor TP (superior a 4,93 V) • Aceleração inadequada do motor • Mau-funcionamento do sensor TP ou de seu circuito • Valor pré-programado: 0° 9 Baixa voltagem no circuito do sensor IAT (inferior a 0,08 V) • O motor funciona normalmente • Mau-funcionamento do sensor IAT ou de seu circuito • Valor pré-programado: 35°C Alta voltagem no circuito do sensor IAT (superior a 4,93 V) • O motor funciona normalmente 5-22 • Sem contato ou mau-contato no conector do sensor IAT • Valor pré-programado: 35°C • Mau-funcionamento do sensor IAT ou de seu circuito 11 Ausência de sinal no sensor VS • O motor funciona normalmente • Sem contato ou mau-contato no conector do sensor VS 5-23 • Mau-funcionamento do sensor VS ou de seu circuito 12 Mau-funcionamento do circuito do injetor n° 1 (traseiro) • O motor não dá partida • Sem contato ou mau-contato no conector do injetor • Injetores, bomba de combustível e ignição 5-25 • Mau-funcionamento do injetor ou de seu circuito inoperantes 13 Mau-funcionamento do circuito do injetor n° 2 (dianteiro) • O motor não dá partida • Sem contato ou mau-contato no conector do injetor • Injetores, bomba de combustível e ignição 5-27 • Mau-funcionamento do injetor ou de seu circuito inoperantes 21 Mau-funcionamento do sensor de O2 traseiro • O motor funciona normalmente • Sem contato ou mau-contato no conector do sensor de O2 traseiro 5-27 • Mau-funcionamento do sensor de O2 traseiro ou de seu circuito 22 Mau-funcionamento do sensor de O2 dianteiro • O motor funciona normalmente • Sem contato ou mau-contato no conector do sensor de O2 dianteiro 5-28 • Mau-funcionamento do sensor de O2 dianteiro ou de seu circuito 23 Mau-funcionamento do circuito do aquecedor do sensor • O motor funciona normalmente de O2 traseiro • Sem contato ou mau-contato no conector do aquecedor 5-28 do sensor de O2 traseiro • Mau-funcionamento do aquecedor do sensor de O2 traseiro ou de seu circuito 24 Mau-funcionamento do circuito do aquecedor do sensor • O motor funciona normalmente de O2 dianteiro • Sem contato ou mau-contato no conector do aquecedor 5-30 do sensor de O2 dianteiro • Mau-funcionamento do aquecedor do sensor de O2 dianteiro ou de seu circuito 29 Mau-funcionamento do circuito da válvula IAC • O motor morre, a partida é difícil e a marcha- • Sem contato ou mau-contato no conector da válvula IAC lenta irregular 5-30 • Mau-funcionamento da válvula IAC ou de seu circuito5-16
  • 108. SHADOW 750 SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI)INSPEÇÃO DA LINHA DE ALIMENTAÇÃODO SENSORNOTA • Quando o MIL piscar 1, 8 ou 9 vezes, execute as seguintes inspeções antes de iniciar a diagnose de defeitos do MIL. • Antes de iniciar esta verificação, inspecione os conectores 33P (Preto) do ECM e 5P (Preto) do conjunto de sensores quanto a mau-contato ou terminais corroídos e verifique novamente a indicação do MIL.1. Inspeção 1 da Voltagem de Entrada do Conjunto de Sensores Desligue o interruptor de ignição. Acople a fiação de teste aos conectores 33P do ECM (página 5-14). A18 A9 Ligue o interruptor de ignição e posicione o interruptor do motor em “ “. Meça a voltagem entre os terminais da fiação de teste. Conexão: A9 (+) – A18 (–) Padrão: 4,75 – 5,25 V É indicada uma voltagem entre 4,75 e 5,25 V? Sim – Vá para a etapa 2. Não – Substitua o ECM por um em boas condições de funcionamento e inspecione novamente; para procedimentos de registro de chaves, consulte a página 21-4.2. Inspeção 2 da Voltagem de Entrada do Conjunto de Sensores CONECTOR 5P DO CONJUNTO DE SENSORES Desligue o interruptor de ignição. (Lado dos terminais fêmeas da fiação) Desacople o conector 5P (Preto) do conjunto de sensores. Ligue o interruptor de ignição e posicione o interruptor do motor em “ “. Meça a voltagem entre os terminais do conector 5P do Y/R G/O conjunto de sensores, no lado da fiação. Conexão: Amarelo/Vermelho (+) – Verde/Laranja (–) Padrão: 4,75 – 5,25 V É indicada uma voltagem entre 4,75 e 5,25 V? Sim – Desligue o interruptor de ignição. Acople o conector 5P do conjunto de sensores e inicie a diagnose de defeitos do MIL (página 5-18). Não – Vá para a etapa 3.3. Inspeção de Continuidade da Linha de Alimentação do Conjunto de Sensores Desligue o interruptor de ignição. Inspecione a continuidade entre os terminais do conector A18 A9 5P do conjunto de sensores e a fiação de teste. Conexão: A9 – Amarelo/Vermelho A18 – Verde/Laranja Y/R Há continuidade? Sim – Vá para a etapa 4. G/O Não – • Circuito aberto no fio Amarelo/Vermelho. • Circuito aberto no fio Verde/Laranja. CONECTOR 5P DO CONJUNTO DE SENSORES (Lado dos terminais fêmeas da fiação) 5-17
  • 109. SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI) SHADOW 7504. Inspeção de Curto-circuito na Linha de Voltagem de CONECTOR 5P DO CONJUNTO DE SENSORES Entrada do Conjunto de Sensores (Lado dos terminais fêmeas da fiação) Inspecione a continuidade entre o conector 5P do conjunto de sensores, no lado da fiação, e o terra. Conexão: Amarelo/Vermelho – Terra Y/R Há continuidade? Sim – Curto-circuito no fio Amarelo/Vermelho. Não – Falha intermitente.DIAGNOSE DE DEFEITOS DO MIL1 PISCADA (SENSOR MAP)1. Inspeção da Linha de Alimentação do Conjunto de Sensores Execute a inspeção da linha de alimentação do conjunto de sensores (página 5-17). Está a linha de alimentação do conjunto de sensores funcionando normalmente? Sim – Vá para a etapa 2. Não – Substitua ou repare o elemento defeituoso.2. Inspeção 1 da Voltagem de Saída do Sensor MAP Ligue o interruptor de ignição e posicione o interruptor do motor em “ ”. Meça a voltagem entre os terminais da fiação de teste. Conexão: B9 (+) – A18 (–) Padrão: 0,5 – 3,4 V (a 20°C) A18 B9 É indicada uma voltagem entre 0,5 e 3,4 V? Sim – Sem contato ou mau-contato nos conectores do ECM. Não – Vá para a etapa 3.3. Inspeção 2 da Voltagem de Saída do Sensor MAP Desligue o interruptor de ignição. Desacople o conector 5P (Preto) do conjunto de sensores. CONECTOR 5P DO CONJUNTO DE SENSORES (Lado dos terminais fêmeas da fiação) Ligue o interruptor de ignição e posicione o interruptor do motor em “ ”. Meça a voltagem no lado da fiação. G/O Lg/Y Conexão: Verde claro/Amarelo (+) – Verde/Laranja (–) Padrão: 4,75 – 5,25 V É indicada uma voltagem entre 4,75 e 5,25 V? Sim – Sensor MAP defeituoso. Não – Vá para a etapa 4.5-18
  • 110. SHADOW 750 SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI)4. Inspeção de Curto-circuito no Sensor MAP Desligue o interruptor de ignição. Inspecione a continuidade entre o conector 5P do conjunto de sensores, no lado da fiação, e o terra. Lg/Y Conexão: Verde claro/Amarelo – Terra Há continuidade? Sim – Curto-circuito no fio Verde claro/Amarelo. Não – Vá para a etapa 5. CONECTOR 5P DO CONJUNTO DE SENSORES (Lado dos terminais fêmeas da fiação)5. Inspeção de Continuidade do Circuito do Sensor MAP B9 Inspecione a continuidade entre os terminais do conector 5P do conjunto de sensores e a fiação de teste. Conexão: B9 – Verde claro/Amarelo Há continuidade? CONECTOR 5P DO CONJUNTO DE SENSORES Sim – Substitua o ECM por um em boas condições de (Lado dos terminais fêmeas da fiação) funcionamento e inspecione novamente; para procedimentos de registro de chaves, consulte a página 21-4. Lg/Y Não – Circuito aberto no fio Verde claro/Amarelo.7 PISCADAS (SENSOR ECT)NOTA Antes de iniciar a diagnose de defeitos, inspecione o conector 3P do sensor ECT quanto a mau-contato ou terminais corroídos e verifique novamente a indicação do MIL. A18 B131. Inspeção da Voltagem de Saída do Sensor ECT Acople a fiação de teste aos conectores 33P do ECM (página 5-14). Ligue o interruptor de ignição e posicione o interruptor do motor em “ ”. Meça a voltagem entre os terminais da fiação de teste. Conexão: B13 (+) – A18 (–) Padrão: 2,7 – 3,1 V (a 20°C) É indicada uma voltagem entre 2,7 e 3,1 V? Sim – Sem contato ou mau-contato nos conectores do ECM. Não – Vá para a etapa 2. 5-19
  • 111. SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI) SHADOW 7502. Inspeção da Voltagem de Entrada do Sensor ECT CONECTOR 3P DO SENSOR ECT Desligue o interruptor de ignição. (Lado dos terminais fêmeas da fiação) Desacople o conector 3P (Cinza) do sensor ECT. Ligue o interruptor de ignição e posicione o interruptor do P/W motor em “ ”. Meça a voltagem entre o conector 3P do sensor ECT, no lado da fiação, e o terra. Conexão: Rosa/Branco (+) – Terra (–) Padrão: 4,75 – 5,25 V (a 20°C) É indicada uma voltagem entre 4,75 e 5,25 V? Sim – Vá para a etapa 5. Não – Vá para a etapa 3.3. Inspeção de Circuito Aberto no Sensor ECT Desligue o interruptor de ignição. A18 B13 Inspecione a continuidade entre os terminais da fiação de teste e o conector 3P do sensor ECT, no lado da fiação. Conexão: B13 – Rosa/Branco A18 – Verde/Laranja P/W G/O Há continuidade? Sim – Vá para a etapa 4. CONECTOR 3P DO SENSOR ECT Não – • Circuito aberto no fio Rosa/Branco. (Lado dos terminais fêmeas da fiação) • Circuito aberto Verde/Laranja.4. Inspeção de Curto-circuito no Sensor ECT Inspecione a continuidade entre o conector 3P do sensor ECT, no lado da fiação, e o terra. P/W Conexão: Rosa/Branco – Terra Há continuidade? Sim – Curto-circuito no fio Rosa/Branco. Não – Vá para a etapa 5. CONECTOR 3P DO SENSOR ECT (Lado dos terminais fêmeas da fiação)5. Inspeção de Resistência do Sensor ECT Meça a resistência entre os terminais do sensor ECT. Ω Padrão: 2,3 – 2,6 kΩ (a 20°C) Ω É indicada uma resistência entre 2,3 e 2,6 kΩ? Sim – Substitua o ECM por um em boas condições de funcionamento e inspecione novamente; para procedimentos de registro de chaves, consulte a página 21-4. Não – Sensor ECT defeituoso. SENSOR ECT (Lado dos terminais machos do sensor)5-20
  • 112. SHADOW 750 SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI)8 PISCADAS (SENSOR TP)1. Inspeção da Linha de Alimentação do Conjunto de Sensores Execute a inspeção da linha de alimentação do conjunto de sensores (página 5-17). Está a linha de alimentação do conjunto de sensores funcionando normalmente? Sim – Vá para a etapa 2. Não – Substitua ou repare o elemento defeituoso.2. Inspeção da Voltagem de Saída do Sensor TP Ligue o interruptor de ignição e posicione o interruptor do motor em “ ”. Meça a voltagem entre os terminais da fiação de teste. Conexão: B31 (+) – A18 (–) Padrão: 0,29 – 0,71 V (acelerador completamente fechado) 4,13 – 4,76 V (acelerador completamente aberto) A18 B31 É indicada a voltagem padrão? Sim – Sem contato ou mau-contato nos conectores do ECM. Não – Vá para a etapa 3.3. Inspeção de Curto-circuito no Sensor TP Desligue o interruptor de ignição. Desacople o conector 5P (Preto) do conjunto de sensores. Inspecione a continuidade entre o conector 5P do conjunto R/Y de sensores, no lado da fiação, e o terra. Conexão: Vermelho/Amarelo – Terra Há continuidade? Sim – Curto-circuito no fio Vermelho/Amarelo. Não – Vá para a etapa 4. CONECTOR 5P DO CONJUNTO DE SENSORES (Lado dos terminais fêmeas da fiação)4. Inspeção da Linha de Saída do Sensor TP Inspecione a continuidade entre os terminais da fiação de teste e o conector 5P do conjunto de sensores, no lado da fiação. B31 Conexão: B31 – Vermelho/Amarelo Há continuidade? Sim – Sensor TP defeituoso. R/Y Não – Circuito aberto ou curto-circuito no fio Vermelho/Amarelo. CONECTOR 5P DO CONJUNTO DE SENSORES (Lado dos terminais fêmeas da fiação) 5-21
  • 113. SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI) SHADOW 7509 PISCADAS (SENSOR IAT)1. Inspeção da Linha de Alimentação do Conjunto de Sensores Execute a inspeção da linha de alimentação do conjunto de sensores (página 5-17). Está a linha de alimentação do conjunto de sensores funcionando normalmente? Sim – Vá para a etapa 2. Não – Substitua ou repare o elemento defeituoso.2. Inspeção da Voltagem de Saída do Sensor IAT Ligue o interruptor de ignição e posicione o interruptor do motor em “ ”. Meça a voltagem entre os terminais da fiação de teste. Conexão: B29 (+) – A18 (–) Padrão: 2,7 – 3,1 V (a 20°C) É indicada uma voltagem entre 2,7 e 3,1 V? Sim – Sem contato ou mau-contato nos conectores do A18 B29 ECM. Não – Vá para a etapa 3.3. Inspeção da Voltagem de Entrada do Sensor IAT CONECTOR 5P DO CONJUNTO DE SENSORES Desligue o interruptor de ignição. (Lado dos terminais fêmeas da fiação) Desacople o conector 5P do conjunto de sensores. Ligue o interruptor de ignição e posicione o interruptor do motor em “ ”. Gr/Bu Meça a voltagem no conector 5P do conjunto de sensores, G/O no lado da fiação. Conexão: Cinza/Azul (+) – Verde/Laranja (–) Padrão: 4,75 – 5,25 V É indicada uma voltagem entre 4,75 e 5,25 V? Sim – Vá para a etapa 6. Não – Vá para a etapa 4.4. Inspeção de Curto-circuito no Sensor IAT Desligue o interruptor de ignição. Inspecione a continuidade entre o conector 5P do conjunto Gr/Bu de sensores, no lado da fiação, e o terra. Conexão: Cinza/Azul – Terra Há continuidade? Sim – Curto-circuito no fio Cinza/Azul. Não – Vá para a etapa 5. CONECTOR 5P DO CONJUNTO DE SENSORES (Lado dos terminais fêmeas da fiação)5-22
  • 114. SHADOW 750 SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI)5. Inspeção do Circuito do Sensor IAT Inspecione a continuidade entre os terminais da fiação de teste e o conector 5P do conjunto de sensores, no lado da fiação. B29 Conexão: B29 – Cinza/Azul Há continuidade? Gr/Bu Sim – Vá para a etapa 6. Não – Circuito aberto no fio Cinza/Azul. CONECTOR 5P DO CONJUNTO DE SENSORES (Lado dos terminais fêmeas da fiação)6. Inspeção de Resistência do Sensor IAT Acople o conector 5P do conjunto de sensores. Meça a resistência entre os terminais da fiação de teste. Conexão: A18 – B29 Ω Padrão: 1 – 4 kΩ (a 20°C) A18 B29 Ω É indicada uma resistência entre 1 e 4 kΩ? Sim – Substitua o ECM por um em boas condições de funcionamento e inspecione novamente; para procedimentos de registro de chaves, consulte a página 21-4. Não – Sensor IAT defeituoso.11 PISCADAS (SENSOR VS)NOTA Antes de iniciar a diagnose de defeitos, inspecione o conector 3P do sensor VS quanto a mau-contato ou terminais corroídos e verifique novamente a indicação do MIL.1. Inspeção do Velocímetro Inspecione o funcionamento do velocímetro. O velocímetro funciona normalmente? VELOCÍMETRO Sim – Vá para a etapa 2. Não – Inspecione o velocímetro (página 20-10). 5-23
  • 115. SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI) SHADOW 7502. Inspeção de Pulsos do Sensor VS no ECM Acople a fiação de teste aos conectores 33P do ECM (página 5-14). Apóie seguramente a motocicleta e levante a roda traseira do solo. B28 Ligue o interruptor de ignição e posicione o interruptor do motor em “ ”. Meça a voltagem entre o terminal da fiação de teste e o terra, enquanto gira manual e lentamente a roda traseira. Conexão: B28 (+) – Terra (–) Padrão: Oscilante entre 0 e 5 V É indicada a voltagem padrão? Sim – Substitua o ECM por um em boas condições de CONECTOR 3P DO SENSOR VS funcionamento e inspecione novamente; para (Lado dos terminais machos da fiação) procedimentos de registro de chaves, consulte a página 21-4. Não – Vá para a etapa 3.3. Inspeção da Voltagem de Entrada do Sensor VS Br G/Bl Desligue o interruptor de ignição. Desacople o conector 3P (Branco) do sensor VS. Ligue o interruptor de ignição e posicione o interruptor do motor em “ ”. Meça a voltagem no conector do sensor VS, no lado da fiação. Conexão: Marrom (+) – Verde/Preto (–) É indicada a voltagem da bateria? Sim – Vá para a etapa 4. Não – • Circuito aberto ou curto-circuito no fio Marrom. B28 P/G • Circuito aberto no fio Verde/Preto. • Velocímetro defeituoso.4. Inspeção de Circuito Aberto na Linha de Sinal do Sensor VS Desligue o interruptor de ignição. CONECTOR 3P DO SENSOR VS Inspecione a continuidade entre o terminal da fiação de (Lado dos terminais machos da fiação) teste e o conector 3P do sensor VS, no lado da fiação. Conexão: B28 – Rosa/Verde Há continuidade? Sim – Vá para a etapa 5. Não – Circuito aberto no fio Rosa/Verde.5-24
  • 116. SHADOW 750 SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI)5. Inspeção de Curto-circuito na Linha de Sinal do Sensor VS Inspecione a continuidade entre o conector 3P do sensor VS e o terra. P/G Conexão: Rosa/Verde – Terra Há continuidade? Sim – Curto-circuito no fio Rosa/Verde. Não – Sensor VS defeituoso. CONECTOR 3P DO SENSOR VS (Lado dos terminais machos da fiação)12 PISCADAS (INJETOR Nº 1 TRASEIRO)NOTA Antes de iniciar a diagnose de defeitos, inspecione o conector 2P do injetor quanto a mau-contato ou terminais corroídos e verifique novamente a indicação do MIL. Linha de Entrada Linha de Sinal no MIL Injetor de Alimentação Sinal ECM 12 N°1 Traseiro Preto/Branco Rosa/Amarelo A17 13 N°2 Dianteiro Preto/Branco Rosa/Azul A61. Inspeção da Voltagem de Entrada do Injetor Desligue o interruptor de ignição. Desacople o conector 2P (Cinza) do injetor. Ligue o interruptor de ignição e posicione o interruptor do LINHA DE motor em “ ”. ENTRADA DE ALIMENTAÇÃO Meça a voltagem entre o conector 2P (Cinza) do injetor, no lado da fiação, e o terra. Conexão: Linha de Entrada de Alimentação (+) – Terra (–) É indicada a voltagem da bateria? Sim – Vá para a etapa 2. Não – Circuito aberto ou curto-circuito na fiação da Linha CONECTOR 2P DO INJETOR (Lado dos terminais fêmeas da fiação) de Entrada de Alimentação. 5-25
  • 117. SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI) SHADOW 7502. Inspeção de Circuito Aberto na Linha de Sinal do Injetor Acople a fiação de teste ao conector 33P (Preto) do ECM (página 5-14). CONECTOR 2P DO INJETOR DIANTEIRO (Lado dos terminais fêmeas da fiação) Inspecione a continuidade entre o terminal da fiação de teste e o conector 2P (Cinza) do injetor, no lado da fiação. Conexão: Injetor n° 1 Traseiro A17 – Linha de Sinal Injetor n° 2 Dianteiro A6 – Linha de Sinal Há continuidade? Sim – Vá para a etapa 3. LINHA DE SINAL Não – Circuito aberto na fiação da Linha de Sinal. A6 A17 LINHA DE SINAL CONECTOR 2P DO INJETOR TRASEIRO (Lado dos terminais fêmeas da fiação)3. Inspeção de Curto-circuito na Linha do Sinal do Injetor Inspecione a continuidade entre o conector 2P (Cinza) do injetor, no lado da fiação, e o terra. LINHA DE SINAL Conexão: Linha de Sinal – Terra Há continuidade? Sim –Curto-circuito na fiação da Linha de Sinal. Não – Vá para a etapa 4. CONECTOR 2P DO INJETOR (Lado dos terminais fêmeas da fiação)4. Inspeção de Resistência do Injetor Meça a resistência entre os terminais do conector do injetor. Padrão: 11 – 13 Ω (a 20°C) É indicada uma resistência entre 11 e 13 Ω? Sim – Substitua o ECM por um em boas condições de funcionamento e inspecione novamente; para procedimentos de registro de chaves, consulte a página 21-4. INJETOR Não – Injetor defeituoso. (Lado dos terminais machos do injetor)5-26
  • 118. SHADOW 750 SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI)13 PISCADAS (INJETOR Nº 2 DIANTEIRO)Consulte a página 5-25.21 PISCADAS (SENSOR DE O2 TRASEIRO)NOTA Antes de iniciar a diagnose de defeitos, inspecione o conector 4P do sensor de O2 quanto a mau-contato ou terminais corroídos e verifique novamente a indicação do MIL. Sensor Linha do Linha de Sinal no MIL de O2 Terra Sinal ECM 21 Traseiro Verde/Laranja Branco/Verde B20 22 Dianteiro Verde/Laranja Branco/Preto B301. Inspeção do Sistema do Sensor de O2 Dê partida no motor e mantenha-o funcionando até que o líquido de arrefecimento atinja a temperatura de 80°C. Execute um teste de pilotagem na motocicleta. O MIL pisca 21 vezes? Sim – Vá para a etapa 2. Não – Verifique a pressão de combustível (página 5-36) caso o sistema esteja funcionando normalmente.2. Inspeção de Circuito Aberto no Sensor de O2 Acople a fiação de teste aos conectores 33P do ECM CONECTOR 4P (Branco) DO SENSOR (página 5-14). DE O2 TRASEIRO Desacople o conector 4P (Branco ou Preto) do sensor de O2. (Lado dos terminais machos do sensor) Inspecione a continuidade entre os terminais da fiação de teste e do conector 4P do sensor de O2, no lado da fiação. Conexão: Linha de Sinal Traseiro B20 – Linha de Sinal LINHA DE Dianteiro B30 – Linha de Sinal LINHA SINAL DO TERRA Linha do Terra A18 – Linha do Terra Há continuidade? Sim – Vá para a etapa 3. B20 Não – Circuito aberto na fiação da Linha de Sinal. Circuito aberto na fiação da Linha do Terra. A18 B30 LINHA DO TERRA LINHA DE SINAL CONECTOR 4P (Preto) DO SENSOR DE O2 DIANTEIRO (Lado dos terminais machos do sensor) 5-27
  • 119. SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI) SHADOW 7503. Inspeção de Curto-circuito no Sensor de O2 CONECTOR 4P DO SENSOR DE O2 Inspecione a continuidade entre o conector 4P do sensor (Lado dos terminais fêmeas da fiação) de O2, no lado da fiação, e o terra. Conexão: Linha de Sinal – Terra LINHA DE SINAL Há continuidade? Sim – Curto-circuito na fiação da Linha de Sinal. Não – Vá para a etapa 4.4. Inspeção do Sensor de O2 Substitua o sensor de O2 por um em boas condições de funcionamento (página 5-62). Dê partida no motor e mantenha-o funcionando até que o líquido de arrefecimento atinja a temperatura de 80°C. Execute um teste de pilotagem na motocicleta. O MIL pisca 21 vezes? Sim – Substitua o ECM por um em boas condições de funcionamento e inspecione novamente; para procedimentos de registro de chaves, consulte a página 21-4. Não – Sensor de O2 original defeituoso.22 PISCADAS (SENSOR DE O2 DIANTEIRO)Consulte a página 5-27.23 PISCADAS (AQUECEDOR DO SENSOR DE O2TRASEIRO)NOTA Antes de iniciar a diagnose de defeitos, inspecione o conector 4P do sensor de O2 quanto a mau-contato ou terminais corroídos e verifique novamente a indicação do MIL. Sensor Linha de Entrada Linha de Sinal no MIL de O2 de Alimentação Sinal ECM 23 Traseiro Preto/Branco Preto/Verde B2 24 Dianteiro Preto/Branco Preto/Amarelo B61. Inspeção 1 de Circuito Aberto no Aquecedor do Sensor de O2 Desligue o interruptor de ignição. Desacople o conector 4P (Branco ou Preto) do sensor de O2. CONECTOR 4P DO SENSOR DE O2 Ligue o interruptor de ignição e posicione o interruptor do (Lado dos terminais fêmeas da fiação) motor em “ ”. Meça a voltagem no conector 4P (Branco ou Preto) do sensor de O2, no lado da fiação. Conexão: Linha de Entrada de Alimentação (+) – Terra (–) LINHA DE ENTRADA DE ALIMENTAÇÃO É indicada a voltagem da bateria? Sim – Vá para a etapa 2. Não – Circuito aberto na fiação da Linha de Entrada de Alimentação.5-28
  • 120. SHADOW 750 SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI)2. Inspeção 2 de Circuito Aberto no Aquecedor do Sensor de O2 CONECTOR 4P (Branco) DO SENSOR Acople a fiação de teste aos conectores 33P do ECM DE O2 TRASEIRO (Lado dos terminais fêmeas da fiação) (página 5-14). Inspecione a continuidade entre o terminal da fiação de teste e o conector 4P (Branco ou Preto) do sensor de O2, no lado da fiação. LINHA DE SINAL Conexão: Traseiro B2 – Linha de Sinal Dianteiro B6 – Linha de Sinal Há continuidade? Sim – Vá para a etapa 3. Não – Circuito aberto na fiação da Linha de Sinal. B2 B6 LINHA DE SINAL CONECTOR 4P (Preto) DO SENSOR DE O2 DIANTEIRO (Lado dos terminais fêmeas da fiação)3. Inspeção de Curto-circuito no Aquecedor do Sensor de O2 CONECTOR 4P (Branco ou Preto) DO SENSOR DE O2 Inspecione a continuidade entre o conector 4P (Branco ou (Lado dos terminais fêmeas da fiação) Preto) do sensor de O2, no lado da fiação, e o terra. Conexão: Traseiro Linha de Sinal – Terra Dianteiro Linha de Sinal – Terra LINHA DE SINAL Há continuidade? Sim – Curto-circuito na fiação da Linha de Sinal. Não – Vá para a etapa 4.4. Inspeção de Resistência do Aquecedor do Sensor de O2 CONECTOR 4P DO SENSOR DE O2 Meça a resistência entre os terminais do conector do (Lado dos terminais machos do sensor) sensor de O2. Conexão: Branco – Branco Padrão: 10 – 16 Ω (a 20°C) É indicada uma resistência entre 10 e 16 Ω? W W Sim – Substitua o ECM por um em boas condições de funcionamento e inspecione novamente; para procedimentos de registro de chaves, consulte a página 21-4. Não – Sensor de O2 defeituoso. 5-29
  • 121. SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI) SHADOW 75024 PISCADAS (AQUECEDOR DO SENSOR DE O2DIANTEIRO)Consulte a página 5-28.29 PISCADAS (VÁLVULA IAC)NOTA Antes de iniciar a diagnose de defeitos, inspecione o conector 4P da válvula IAC quanto a mau-contato ou terminais corroídos e verifique novamente a indicação do MIL.1. Inspeção de Curto-circuito da Válvula IAC Desligue o interruptor de ignição. Desacople o conector 4P (Preto) da válvula IAC. CONECTOR 4P DA VÁLVULA IAC Inspecione as continuidades entre o conector 4P (Preto) da (Lado dos terminais fêmeas da fiação) válvula IAC e o terra. Conexão: Amarelo/Verde – Terra Preto/Azul – Terra Preto – Terra Y/G Bl/Bu Bl Bl/Y Preto/Amarelo – Terra Há continuidade em todas as situações? Sim – • Curto-circuito nos fios Amarelo/Verde ou Preto/Azul. • Curto-circuito nos fios Preto ou Preto/Amarelo. Não – Vá para a etapa 2.2. Inspeção de Continuidade do Circuito da Válvula IAC Acople a fiação de teste aos conectores 33P do ECM (página 5-14). Inspecione as continuidades entre a fiação de teste e o conector 4P (Preto) da válvula IAC. Conexão: A16 – Preto A16 A19 – Amarelo/Verde A19 A27 – Preto/Azul A29 – Preto/Amarelo Há continuidade em todas as situações? A27 A29 Sim – Vá para a etapa 3. Não – • Circuito aberto nos fios Preto ou Preto/Azul. • Circuito aberto nos fios Preto/Amarelo ou Bl Amarelo/Verde. Y/G Bl/Y Bl/Bu CONECTOR 4P DA VÁLVULA IAC (Lado dos terminais fêmeas da fiação)5-30
  • 122. SHADOW 750 SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI)3. Inspeção de Resistência da Válvula IAC Acople o conector 4P (Preto) da válvula IAC. Meça a resistência entre os terminais da fiação de teste. Conexão: A19 – A29 A16 A19 A16 – A27 Padrão: 99 – 121 Ω (a 25°C) É indicada uma resistência entre 99 e 121 Ω? A27 A29 Sim – Substitua o ECM por um em boas condições de funcionamento e inspecione novamente; para procedimentos de registro de chaves, consulte a página 21-4. Não – Válvula IAC defeituosa.INSPEÇÃO DO CIRCUITO DO MILCaso seja possível dar partida no motor e, no entanto, o MILnão acende quando o interruptor de ignição é ligado e ointerruptor do motor posicionado em “ ”, inspecione comodescrito a seguir:Verifique se o velocímetro funciona adequadamente.• Caso não funcione, inspecione a Linha de Entrada de Alimentação do velocímetro (página 20-10).• Caso funcione adequadamente, inspecione a seguir: MIL VELOCÍMETRODesligue o interruptor de ignição.Acople a fiação de teste aos conectores 33P do ECM (página5-14).Aterre o terminal A20 da fiação de teste, utilizando umjumper.Ligue o interruptor de ignição, posicione o interruptor domotor em “ ” e verifique se o MIL acende. A20 A20• Se o MIL acender, substitua o ECM por um em boas condições de funcionamento e inspecione novamente; para procedimentos de registro de chaves, consulte a página 21-4.• Se o MIL não acender, inspecione quanto a circuito aberto no fio Branco/Azul entre o velocímetro e o ECM. Caso a fiação esteja normal, substitua o velocímetro JUMPER (página 20-10). 5-31
  • 123. SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI) SHADOW 750INSPEÇÃO DA LINHA DE COMBUSTÍVELALIVIADOR DE PRESSÃO DE COMBUSTÍVELNOTA Antes de desconectar a mangueira de combustível, alivie a pressão do sistema através do procedimento a seguir.1. Desligue o interruptor de ignição. Remova o conjunto do assento (página 2-3) e desacople o conector 2P (Preto) do reservatório/bomba de combustível. CONECTOR 2P (Preto)2. Dê partida no motor e mantenha-o funcionando até desligar.3. Desligue o interruptor de ignição.4. Desconecte o cabo negativo (–) da bateria (página 17-6).ENCAIXE DE CONEXÃO RÁPIDALado da Bomba de CombustívelNOTA Não dobre ou torça a mangueira de combustível.1. Alivie a pressão de combustível (página 5-32).2. Inspecione o encaixe de conexão rápida quanto a presença de sujeira. Limpe-o se necessário. Coloque uma toalha sobre o encaixe de conexão rápida. ENCAIXE DE3. Segure o conector com uma das mãos e aperte as CONEXÃO RÁPIDA TOALHA lingüetas retentoras com a outra para soltá-las do encaixe de trava. Puxe o conector e remova o retentor e a borracha conectora da conexão de combustível.NOTA CONECTOR • Utilize uma toalha para secar o restante do combustível proveniente da mangueira de alimentação. LINGÜETAS DE TRAVA • Tenha cuidado para não danificar a mangueira ou outros componentes. • Não utilize ferramentas. • Se o conector não se mover, mantenha as lingüetas retentoras pressionadas e empurre e puxe LINGÜETAS alternadamente o conector até que ele possa soltar-se RETENTORAS BORRACHA facilmente. CONECTORA5-32
  • 124. SHADOW 750 SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI)4. Para evitar danos e penetração de materiais estranhos, vede o conector solto e a conexão de combustível SACOS PLÁSTICOS utilizando um saco plástico.Lado do Injetor1. Alivie a pressão de combustível (página 5-32).2. Remova o tanque de combustível (página 5-40).3. Inspecione o encaixe de conexão rápida quanto a presença de sujeira. Limpe-o se necessário. Coloque uma toalha sobre o encaixe de conexão rápida. TOALHA ENCAIXE DE CONEXÃO RÁPIDA4. Remova a borracha conectora de seu retentor. BORRACHA CONECTOR DA CONEXÃO5. Segure o conector com uma das mãos e aperte as lingüetas retentoras com a outra para soltá-las do encaixe de trava. Puxe o conector e remova o retentor e a borracha LINGÜETAS conectora da conexão de combustível. RETENTORASNOTA • Utilize uma toalha para secar o restante do combustível proveniente da mangueira de alimentação. • Tenha cuidado para não danificar a mangueira ou outros LINGÜETAS DE TRAVA componentes. • Não utilize ferramentas. • Se o conector não se mover, mantenha as lingüetas retentoras pressionadas e empurre e puxe SACOS PLÁSTICOS alternadamente o conector até que ele possa soltar-se facilmente.6. Para evitar danos e penetração de materiais estranhos, cubra o conector e a conexão de combustível com sacos plásticos. 5-33
  • 125. SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI) SHADOW 750INSTALAÇÃO DO ENCAIXE DE CONEXÃO RÁPIDA• Sempre substitua o retentor do encaixe de conexão rápida quando desconectar a mangueira de alimentação de combustível.• Se qualquer retentor necessitar de substituição, utilize um de mesmo fabricante do removido (existem diversos fabricantes de retentor com diferentes especificações).• Substitua a borracha conectora por uma nova caso esteja danificada ou apresente sinais de cortes.• Não dobre ou torça a mangueira de alimentação de combustível.Lado da Bomba de Combustível1. Insira um novo retentor no conector.NOTA RETENTOR Alinhe as lingüetas de trava do novo retentor com as ranhuras do conector. Alinhe CONECTOR2. Instale a borracha conectora na conexão de combustível, CONECTOR LINGÜETAS DE TRAVA como mostra a ilustração.3. Instale o conector na conexão de combustível, alinhando as lingüetas retentoras com as ranhuras da borracha conectora. Em seguida, pressione o encaixe de conexão rápida no conector até que ambas as travas do retentor encaixem-se, Alinhe emitindo um ruído “click”. Caso haja dificuldade em conectar o encaixe, aplique uma pequena quantidade de óleo para motor na extremidade BORRACHA do tubo. CONECTORA4. Certifique-se de que a conexão esteja firme e de que as travas estejam seguramente encaixadas em seu lugar; inspecione visualmente, puxando levemente o conector.5. Eleve a pressão de combustível e certifique-se de que não CONECTOR haja vazamentos no sistema de alimentação de combustível (página 5-35).5-34
  • 126. SHADOW 750 SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI)Lado do Injetor RETENTOR1. Insira um novo retentor no conector.NOTA Alinhe as lingüetas de trava do novo retentor com as ranhuras do conector. Alinhe CONECTOR2. Instale a borracha conectora na conexão de combustível, como mostra a ilustração.3. Instale o conector na conexão de combustível, alinhando BORRACHA as lingüetas retentoras com as ranhuras da borracha CONECTORA conectora. Em seguida, pressione o encaixe de conexão rápida no conector até que ambas as travas do retentor encaixem-se, emitindo um ruído “click”. Caso haja dificuldade em conectar o encaixe, aplique uma pequena quantidade de óleo para motor na extremidade Alinhe do tubo.4. Certifique-se de que a conexão esteja firme e de que as CONECTOR LINGÜETAS DE TRAVA travas estejam seguramente encaixadas em seu lugar; inspecione visualmente, puxando levemente o conector.5. Instale o tanque de combustível (página 5-40). CONECTOR6. Eleve a pressão de combustível e certifique-se de que não haja vazamentos no sistema de alimentação de combustível (página 5-35).ELEVAÇÃO DA PRESSÃO DE COMBUSTIVEL1. Acople o conector 2P (Preto) do reservatório/bomba de combustível.2. Conecte o cabo negativo (-) da bateria.3. Ligue o interruptor de ignição e posicione o interruptor do motor em “ ”.NOTA • Não dê partida no motor. • A bomba de combustível funcionará por aproximadamente 2 segundos e elevará a pressão de combustível. Repita este procedimento por 2 ou 3 vezes e certifique-se de que não haja vazamentos de combustível no sistema de alimentação.4. Desligue o interruptor de ignição.5. Instale o conjunto do assento (página 2-3). CONECTOR 2P (Preto) 5-35
  • 127. SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI) SHADOW 750VERIFICAÇÃO DA PRESSÃO DE COMBUSTÍVEL (5) (4)Alivie a pressão de combustível e desconecte o encaixe de (1)conexão rápida do reservatório/bomba de combustível(página 5-32).Conecte o manômetro de combustível, os acessório, a RETENTORconexão e o coletor de admissão. VERDE RETENTOR MARROMFerramentas:(1) Manômetro de combustível 07406-0040004 (2)(2) Manômetro do coletor de admissão 07ZAJ-S5A0111(3) Acessório da mangueira, 6 mm/9 mm 07ZAJ-S5A0130(4) Acessório da mangueira, 9 mm/9 mm 07ZAJ-S5A0120(5) Acessório de conexão, 6 mm/9 mm 07ZAJ-S5A0150Conecte temporariamente o cabo negativo (–) da bateria.Acople o conector 2P (Preto) do reservatório/bomba decombustível.Dê partida no motor e mantenha-o funcionando em marcha-lenta.Faça a leitura da pressão de combustível.Padrão: 333 – 353 kPa (3,4 – 3,6 kgf/cm2, 49 – 51 psi) RETENTOR VERDESe a pressão de combustível for superior à especificada,substitua o conjunto da bomba de combustível (bomba de RETENTORcombustível ou regulador de pressão defeituoso). MARROMSe a pressão de combustível for inferior à especificada, (3)inspecione os seguintes itens:– Vazamento na linha de combustível– Mangueiras de alimentação de combustível ou de respiro do tanque de combustível dobradas ou obstruídas– Reservatório/bomba de combustível (página 5-37)– Filtro de combustível obstruído (para o conjunto do reservatório/bomba de combustível, consulte a página 5-38)Após a inspeção, alivie a pressão de combustível,desconectando o encaixe de conexão rápida doreservatório/bomba de combustível (página 5-32).NOTA Coloque uma toalha ao redor do acessório para absorver quaisquer respingos de combustível.Remova o manômetro de combustível, os acessórios, a ENCAIXE DE CONEXÃO RÁPIDAconexão e o coletor de admissão do reservatório/bomba decombustível.Conecte o encaixe de conexão rápida ao reservatório/bombade combustível (página 5-34).5-36
  • 128. SHADOW 750 SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI)VERIFICAÇÃO DO FLUXO DE COMBUSTÍVEL CONECTOR DO RELÉ (Marrom) (Lado dos terminais fêmeas da fiação)Alivie a pressão de combustível e desconecte o encaixe de JUMPERconexão rápida do reservatório/bomba de combustível(página 5-32).Remova o relé de corte de combustível (página 5-39).Desligue o interruptor de ignição.Conecte os terminais dos fios Marrom e Preto/Branco, nolado da fiação, utilizando um jumper. Bl/W BrConecte o acessório da mangueira ao tubo de combustível doreservatório/bomba de combustível.Ferramenta: ACESSÓRIO, 6 mm/9 mmAcessório da mangueira, 6 mm/9 mm 07ZAJ-S5A0130Coloque a extremidade da mangueira em um recipienteaprovado para gasolina.NOTA Seque imediatamente os respingos de combustível.Conecte temporariamente o cabo negativo (–) da bateria.Acople o conector 2P (Preto) do reservatório/bomba decombustível.Ligue o interruptor de ignição e mantenha o interruptor domotor posicionado em “ ” por 10 segundos.Meça a quantidade de fluxo de combustível.Quantidade de fluxo de combustível:Mínimo de 50 cm3/10 segundos em 12 VSe o fluxo de combustível for inferior ao especificado,inspecione os seguintes componentes:– Bomba de combustível (página 5-57)– Filtro de combustível obstruído (para o conjunto do reservatório/bomba de combustível, consulte a página 5-38)Conecte o encaixe de conexão rápida ao reservatório/bombade combustível (página 5-34).RESERVATÓRIO/BOMBA DE COMBUSTÍVELINSPEÇÃOLigue o interruptor de ignição, posicione o interruptor domotor em “ ” e verifique se a bomba de combustível éacionada por alguns segundos.Caso a bomba de combustível não funcione, inspecione-a daseguinte maneira:Desligue o interruptor de ignição.Remova o conjunto do assento (página 2-3).Desacople o conector 2P (Preto) do reservatório/bomba decombustível. CONECTOR 2P (Preto) 5-37
  • 129. SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI) SHADOW 750Ligue o interruptor de ignição, posicione o interruptor domotor em “ ” e meça a voltagem entre os seguintes CONECTOR 2P DA BOMBA DE COMBUSTÍVEL (Lado dos terminais fêmeas da fiação)terminais.Conexão: Marrom (+) – Verde (–)Deve ser indicada a voltagem da bateria por alguns segundos. Br GCaso seja indicada a voltagem da bateria por algunssegundos, substitua a bomba de combustível.Caso não seja indicada a voltagem da bateria, inspecione osseguintes componentes:– Circuito aberto no fio Marrom e/ou Verde– Fusível secundário, 10 A (Instrumentos)– Fusível secundário, 10 A (Ignição, Partida)– Fusível principal, 30 A– Fusível FI, 15 A– Relé de corte de combustível (página 5-39)– Relé de parada do motor (página 5-54)– Interruptor do motor (página 20-20)– Sensor de inclinação do chassi (página 5-52)– ECM (página 5-55) MANGUEIRA DE COMBUSTÍVEL MANGUEIRA DE RETORNOREMOÇÃONOTA Não desmonte o reservatório/bomba de combustível.Alivie a pressão de combustível e desconecte o encaixe deconexão rápida do reservatório/bomba de combustível(página 5-32).Remova os seguintes componentes:– Tanque de combustível (página 5-40)– Mangueira de retorno de vaporização de combustível– Mangueira de combustível ENCAIXE DE CONEXÃO RÁPIDA RESERVATÓRIO/BOMBA DE COMBUSTÍVELRemova os parafusos, os espaçadores e oreservatório/bomba de combustível.Inspecione o reservatório/bomba de combustível quanto adanos e substitua-o se necessário. PARAFUSOS/ESPAÇADORES5-38
  • 130. SHADOW 750 SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI)INSTALAÇÃO PARAFUSOS/ESPAÇADORESInstale o reservatório/bomba de combustível no chassi,alinhando sua lingüeta com a borracha do chassi.Instale os espaçadores e parafusos.Aperte seguramente os parafusos. RESERVATÓRIO/BOMBA DE COMBUSTÍVEL Alinhe MANGUEIRA DE COMBUSTÍVEL MANGUEIRA DE RETORNOConecte as mangueiras de combustível e de retorno devaporização de combustível ao reservatório/bomba decombustível, como mostra a ilustração.Instale o tanque de combustível (página 5-40).Conecte o encaixe de conexão rápida ao reservatório/bomba (Dianteira)de combustível (página 5-34). 5 – 8 mm ENCAIXE DE CONEXÃO RÁPIDA COMPARTIMENTO DE RELÉSRELÉ DE CORTE DE COMBUSTÍVELINSPEÇÃORemova a tampa lateral esquerda (página 2-4).Remova o compartimento de relés. 5-39
  • 131. SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI) SHADOW 750Solte as lingüetas e remova o conector do relé (Marrom) do COMPARTIMENTOcompartimento de relés. DE RELÉS CONECTOR (Marrom)Desacople o conector do relé de corte de combustível. RELÉ DE CORTE DE COMBUSTÍVEL LINGÜETAS RELÉ DE CORTE DE COMBUSTÍVELConecte um ohmímetro entre os terminais do conector dorelé de corte de combustível.Conexão: A – BConecte uma bateria de 12 V entre os seguintes terminais doconector do relé de corte de combustível.Conexão: C – DDeve haver continuidade somente enquanto a bateria de 12 Vestiver conectada.Se não houver continuidade enquanto a bateria de 12 V A B D Cestiver conectada, substitua o relé de corte de combustível. CONECTORESTANQUE DE COMBUSTÍVELREMOÇÃO/INSTALAÇÃORemova os seguintes componentes:– Conjunto do assento (página 2-3)– Velocímetro (página 20-12)Desacople os conectores do sensor de reserva decombustível. PARAFUSO/ARRUELA/ESPAÇADORDesconecte a mangueira de respiro do tanque decombustível.Remova o parafuso de fixação do tanque de combustível,juntamente com sua arruela e espaçador.Remova o tanque de combustível, movendo-o para trás. MANGUEIRA DE RESPIRO5-40
  • 132. SHADOW 750 SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI)Desconecte as mangueiras de combustível e de retorno de TANQUE DE COMBUSTÍVELvaporização do tanque de combustível.Acople as conexões das mangueiras de combustível e deretorno de vaporização do tanque de combustível. ARRUELAConecte as mangueiras de combustível e de retorno devaporização ao tanque de combustível.Instale o tanque de combustível, inserindo sua ranhura sobreas borrachas de fixação.Instale o espaçador e a arruela, mantendo o lado liso daarruela voltado para trás.Instale e aperte o parafuso de fixação do tanque decombustível no torque especificado. ESPAÇADORTorque: 27 N.m (2,8 kgf.m) PARAFUSOAcople os conectores do sensor de reserva de combustível.Instale os seguintes componentes:– Conjunto do assento (página 2-3) MANGUEIRA DE COMBUSTÍVEL– Velocímetro (página 20-12) MANGUEIRA DE CONECTORES DO RESPIRO DO TANQUE SENSOR DE RESERVA DE COMBUSTÍVEL MANGUEIRA DE RETORNOCARCAÇA DO FILTRO DE ARREMOÇÃORemova o tanque de combustível (página 5-40).Remova os parafusos de fixação e espaçadores da carcaça dofiltro de ar. PARAFUSOS/ESPAÇADORES MANGUEIRA DE RESPIRO DA CARCAÇA DO MOTORDesconecte a mangueira de respiro da carcaça do motor dacarcaça do filtro de ar.Afrouxe o parafuso da braçadeira do tubo de conexão dacarcaça do filtro de ar e solte a carcaça do filtro. PARAFUSO DA BRAÇADEIRA CARCAÇA 5-41
  • 133. SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI) SHADOW 750Desconecte a mangueira de sucção de ar PAIR e remova acarcaça do filtro de ar. MANGUEIRA DE SUCÇÃO DE ARDESMONTAGEM/MONTAGEM CÂMARA DO FILTRO DE AR 0,7 N.m (0,1 kgf.m) 1,0 N.m (0,1 kgf.m) TUBO DE CONEXÃO DA CÂMARA DO FILTRO DE AR 1,1 N.m (0,1 kgf.m) ESPAÇADOR TAMPA DO FILTRO DE AR BUJÃO DE DRENAGEM CARCAÇA DO FILTRO DE AR · ELEMENTO 1,5 N.m (0,2 kgf.m) ANEL DE VEDAÇÃOINSTALAÇÃO Para cimaConecte a mangueira de sucção de ar PAIR à carcaça do filtrode ar, como mostra a ilustração. 5 – 8 mm MANGUEIRA DE SUCÇÃO DE AR5-42
  • 134. SHADOW 750 SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI) MANGUEIRA DE RESPIRO DA CARCAÇA DO MOTORInstale a carcaça do filtro de ar no corpo do acelerador.Aperte o parafuso da braçadeira do tubo de conexão do filtrode ar no torque especificado.Torque: 1,0 N.m (0,1 kgf.m)Conecte a mangueira de respiro da carcaça do motor àcarcaça do filtro de ar. PARAFUSO DA BRAÇADEIRA CARCAÇAInstale os espaçadores e parafusos de fixação da carcaça dofiltro de ar. Em seguida, aperte seguramente os parafusos defixação.Instale o tanque de combustível (página 5-40). PARAFUSOS/ESPAÇADORES PARAFUSO DA BRAÇADEIRA CONECTOR 4P (Preto)CORPO DO ACELERADORREMOÇÃORemova a carcaça do filtro de ar (página 5-41).Desacople os conectores 4P (Preto) da válvula IAC e 5P(Preto) do conjunto de sensores.Solte o parafuso da braçadeira do isolante.Remova o corpo do acelerador do isolante. CONECTOR 5P (Preto) CABOS DO ACELERADORSolte a contraporca do cabo do acelerador e os ajustadores.Em seguida, desconecte os cabos do tambor do acelerador edo suporte de cabos. CORPO DO ACELERADOR 5-43
  • 135. SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI) SHADOW 750DESMONTAGEM/MONTAGEMNOTA • O corpo do acelerador é pré-ajustado na fábrica. Não o desmonte de maneira diferente da apresentada neste manual. • Não altere a posição da válvula de aceleração de completamente aberta para completamente fechada após remover o cabo do acelerador, podendo causar funcionamento irregular em marcha-lenta. • Tenha cuidado para não danificar o corpo do acelerador e a válvula de aceleração. • Não solte ou aperte os parafusos do corpo do acelerador pintados na cor branca, podendo causar falhas no funcionamento da válvula de aceleração e no controle de marcha-lenta. • Execute o procedimento de reinicialização da válvula de aceleração completamente fechada (página 5-46) caso seu sensor tenha sido removido do corpo do acelerador.Para substituição da válvula IAC, consulte a página 5-57. 3,4 N.m (0,3 kgf.m) 2,1 N.m (0,2 kgf.m) PARAFUSO BRANCO PARAFUSO BRANCO 3,4 N.m (0,3 kgf.m) ANEL DE VEDAÇÃORemova os parafusos Torx, o conjunto de sensores e o anelde vedação do corpo do acelerador caso seja necessário.Aplique ar comprimido em todas as passagens de ar eorifícios do sensor no corpo do acelerador.NOTA • Limpar as passagens de ar e orifícios do sensor com um pedaço de arame danificará o corpo do acelerador. • Remova a válvula IAC (página 5-58) ao limpar o corpo do acelerador com ar comprimido. PARAFUSOS TORX CONJUNTO DE SENSORES5-44
  • 136. SHADOW 750 SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI) ANEL DE VEDAÇÃO CONJUNTO DE SENSORESInstale um novo anel de vedação na ranhura do corpo doacelerador.Instale o conjunto de sensores, alinhando a fenda do sensorTP com o eixo da válvula de aceleração.Aperte os parafusos Torx no torque especificado.Torque: 3,4 N.m (0,3 kgf.m) Alinhe CABOS DO ACELERADORINSTALAÇÃOConecte os cabos ao tambor do acelerador e ao suporte decabos.NOTA Passe adequadamente os cabos do acelerador (página 1-20). TAMBOR DO ACELERADORInstale o corpo do acelerador no isolante, alinhando sualingüeta com a fenda do isolante. Alinhe CORPO DO ACELERADORAperte o parafuso da braçadeira do isolante, de forma que adistância entre as extremidades da braçadeira seja de 7,5 ± 7,5 ± 1,0 mm1,0 mm. 5-45
  • 137. SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI) SHADOW 750 CONECTOR 5P (Preto)Acople os conectores 5P (Preto) do conjunto de sensores e 4P(Preto) da válvula IAC.Ajuste a folga da manopla do acelerador (página 3-5).Instale a carcaça do filtro de ar (página 5-41).PROCEDIMENTO DE REINICIALIZAÇÃO DA VÁLVULA CONECTOR 4P (Preto)DE ACELERAÇÃO COMPLETAMENTE FECHADA CONECTOR SCSExecute o procedimento de reinicialização da válvula deaceleração completamente fechada caso o conjunto desensores tenha sido removido.Remova a tampa lateral direita (página 2-4).1. Apague os DTCs da memória (página 5-14).2. Desligue o interruptor de ignição.3. Remova o conector inativo e faça um curto-circuito entre os terminais do DLC, utilizando a ferramenta especial.Ferramentas: DLCConector SCS 070PZ-ZY30100 CONECTOR 3P DO SENSOR ECT4. Desacople o conector 3P (Cinza) do sensor ECT. (Lado dos terminais fêmeas da fiação) Faça um curto-circuito entre os terminais do conector 3P (Cinza) do sensor ECT, no lado da fiação, utilizando um jumper. P/W G/OConexão: Rosa/Branco – Verde/Laranja JUMPER5. Ligue o interruptor de ignição e posicione o interruptor do motor em “ “. Remova o jumper da fiação enquanto o MIL estiver piscando (10 segundos). MIL5-46
  • 138. SHADOW 750 SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI)6. Verifique se ocorre indicação do MIL. Se o MIL começar a piscar rapidamente (0,3 segundos), a reinicialização da válvula de aceleração estará terminada. 10 seg. 0,3 seg. 0,3 seg. 0,1 seg. MIL ACESO 1,2 seg. MIL APAGADO MODELO DE RECEBIMENTO MODELO DE CONCLUSÃO Se o MIL permanecer aceso, a reinicialização da válvula de aceleração não foi completada. Repita novamente este procedimento a partir da etapa 1. PARAFUSO DA BRAÇADEIRACOLETOR DE ADMISSÃOREMOÇÃOAlivie a pressão de combustível e desconecte o encaixe deconexão rápida do reservatório/bomba de combustível(página 5-32).Desconecte o encaixe de conexão rápida da conexão doinjetor (página 5-49).Remova o corpo do acelerador (página 5-43).Solte o parafuso da braçadeira do isolante e remova oisolante do coletor de admissão. ISOLANTEDesacople os conectores 2P (Cinza) do injetor. CONECTORES 2P (Cinza) 5-47
  • 139. SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI) SHADOW 750 PARAFUSOSRemova os parafusos, o coletor de admissão e os anéis devedação.Vede as portas de admissão do cabeçote, utilizando fitaadesiva ou um pano limpo, a fim de evitar penetração desujeira e corpos estranhos no interior do motor.Para remoção do injetor, consulte a página 5-49. COLETOR DE ADMISSÃO ANÉIS DE VEDAÇÃOINSTALAÇÃOInstale novos anéis de vedação no coletor de admissão.Instale os injetores caso tenham sido removidos(página 5-50). ANÉIS DE VEDAÇÃO PARAFUSOSInstale o coletor de admissão nos cabeçotes.Instale os parafusos e aperte-os em seguida. COLETOR DE ADMISSÃOAcople os conectores 2P (Cinza) do injetor. Alinhe CONECTORES 2P (Cinza)5-48
  • 140. SHADOW 750 SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI)Instale o isolante, mantendo sua marca “THROT BODY”voltada para o lado do corpo do acelerador, alinhando suafenda com a lingüeta do coletor de admissão. Alinhe MARCA “THROT BODY” ISOLANTEAperte o parafuso da braçadeira do isolante, de forma que adistância entre as extremidades da braçadeira seja de 14,5 ± 14,5 ± 1,0 mm1,0 mm,Instale o corpo do acelerador (página 5-45).Conecte o encaixe de conexão rápida à conexão do injetor(página 5-35).Conecte o encaixe de conexão rápida ao reservatório/bombade combustível (página 5-34).INJETOR ESTETOSCÓPIOINSPEÇÃODê partida no motor e mantenha-o funcionando em marcha-lenta.Certifique-se de que o injetor emite um ruído defuncionamento, utilizando uma haste sonora ou umestetoscópio.REMOÇÃODesconecte o encaixe de conexão rápida da conexão doinjetor (página 5-33).Desacople os conectores 2P (Cinza) do injetor. CONECTORES 2P (Cinza) 5-49
  • 141. SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI) SHADOW 750 TAMPA DE INJETORESRemova os parafusos e a capa de injetores, juntamente comos injetores, do coletor de admissão. PARAFUSOS INJETORES ANEL DE VEDAÇÃO TAMPA DE INJETORESRemova os injetores de sua capa.Remova o anel de vedacão e os anéis retentores. ANÉIS RETENTORES INJETORES ANÉIS RETENTORES ANEL DE VEDAÇÃOINSTALAÇÃOCubra novos anéis de vedação e anéis retentores com óleopara motor.Instale os novos anéis de vedação e anéis retentores, tendocuidado para não danificá-los.NOTA Substitua os anéis de vedação e anéis retentores em conjunto por novos. INJETOR TAMPA DE INJETORES LINGÜETAInstale os injetores em sua tampa.Alinhe a lingüeta da tampa de injetores com os terminais doinjetor, como mostra a ilustração. INJETORES5-50
  • 142. SHADOW 750 SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI) TAMPA DE INJETORESInstale a tampa de injetores, juntamente com os injetores, nocoletor de admissão.Instale e aperte os parafusos no torque especificado.Torque: 5,1 N.m (0,5 kgf.m) PARAFUSOS CONECTORES 2P (Cinza)Acople os conectores 2P (Cinza) do injetor.NOTA Alinhe a lingüeta da tampa de injetores com a ranhura do conector do injetor, como mostra a ilustração.Conecte o encaixe de conexão rápida à conexão do injetor(página 5-35). AlinheSENSOR ECT CONECTOR 3P (Cinza)REMOÇÃO/INSTALAÇÃODrene o líquido de arrefecimento do sistema (página 6-6).Remova as tampas laterais da coluna de direção (página 2-4).Desacople o conector 3P (Cinza) do sensor ECT.Remova o sensor ECT e a arruela de vedação.NOTA Substitua o sensor ECT enquanto o motor estiver frio.Instale uma nova arruela de vedação e o sensor ECT. ARRUELA DE VEDAÇÃO SENSOR ECTAperte o sensor ECT no torque especificado.Torque: 24,5 N.m (2,5 kgf.m)NOTA Sempre substitua a arruela de vedação por uma nova.Acople o conector 3P (Cinza) do sensor ECT.Instale as tampas laterais da coluna de direção (página 2-4).Abasteça o sistema de arrefecimento, utilizando o líquidorecomendado (página 6-6). 5-51
  • 143. SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI) SHADOW 750SENSOR DE INCLINAÇÃO DO CHASSIINSPEÇÃOApóie seguramente a motocicleta sobre uma superfície plana.Remova os seguintes componentes:– Tampas laterais da coluna de direção (página 2-4)– Tanque de combustível (página 5-40)Desacople o conector 3P (Preto) do sensor de inclinação dochassi e conecte a fiação de teste.Ferramenta FIAÇÃO DE TESTE PARA INSPEÇÃOFiação de teste para inspeção 07GMJ-ML80100Ligue o interruptor de ignição e posicione o interruptor domotor em “ ”.Meça a voltagem entre os terminais da fiação de teste. Conexão PadrãoPresilha Branca (+) – Voltagem da bateriaPresilha Vermelha (–)Presilha Verde (+) – 0–1VPresilha Vermelha (–)Desligue o interruptor de ignição.Desacople a fiação de teste para inspeção e acople o conector3P (Preto) do sensor de inclinação do chassi.Remova a cinta da fiação, o parafuso e o conjunto do CINTA DA FIAÇÃO PARAFUSOsuporte/sensor de inclinação do chassi.NOTA Não desacople o conector do sensor de inclinação do chassi durante esta inspeção.Posicione o sensor de inclinação do chassi na horizontal(posição normal), como mostra a ilustração, ligue ointerruptor de ignição e posicione o interruptor do motor em“ “. SUPORTE/SENSOR DE INCLINAÇÃO DO CHASSIO sensor de inclinação estará normal se o relé de parada domotor emitir um ruído “click” e a alimentação forinterrompida. SENSOR DE INCLINAÇÃO DO CHASSI A 42,5°Incline o sensor de inclinação do chassi emaproximadamente 42,5° para a esquerda ou direita emantenha o interruptor de ignição ligado e o interruptor domotor posicionado em “ “. POSIÇÃO Aproximadamente 42,5°O sensor de inclinação estará normal se o relé de parada do NORMALmotor emitir um ruído “click” e a alimentação do motor forrestabelecida.Caso este teste seja repetido, primeiro desligue o interruptorde ignição e torne a ligá-lo novamente. Aproximadamente 42,5°5-52
  • 144. SHADOW 750 SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI) CINTA DA FIAÇÃOREMOÇÃO/INSTALAÇÃORemova os seguintes componentes:– Tanque de combustível (página 5-40)– Tampas laterais da coluna de direção (página 2-4)Remova a cinta da fiação e desacople o conector 3P (Preto)do sensor de inclinação do chassi. CONECTOR 3P (Preto) SUPORTE/SENSOR DE INCLINAÇÃO DO CHASSI PARAFUSORemova o parafuso e o suporte/sensor de inclinação dochassi. SUPORTERemova os parafusos, os espaçadores e o sensor deinclinação do chassi de seu suporte.Instale o sensor de inclinação do chassi em seu suporte.Instale os espaçadores e parafusos. Em seguida, aperteseguramente os parafusos. PARAFUSOS/ESPAÇADORESInstale o sensor de inclinação do chassi, mantendo sua marca MARCA“UP” voltada para cima.Instale os componentes removidos na ordem inversa daremoção.NOTA Passe adequadamente a fiação do sensor (página 1-20). 5-53
  • 145. SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI) SHADOW 750 COMPARTIMENTO DE RELÉSRELÉ DE PARADA DO MOTORINSPEÇÃORemova a tampa lateral esquerda (página 2-4).Remova o compartimento de relés.Solte as lingüetas e remova o conector (Marrom) do COMPARTIMENTO DE RELÉScompartimento de relés. RELÉ DE PARADA DO MOTORRemova o relé de parada do motor de seu conector. CONECTOR (Marrom) LINGÜETAS RELÉ DE PARADA DO MOTORConecte um ohmímetro entre os terminais do conector dorelé de parada do motor.Conexão: A – BConecte uma bateria de 12 V entre os seguintes terminais doconector do relé de parada do motor.Conexão: C – DDeve haver continuidade somente enquanto a bateria de 12 Vestiver conectada.Se não houver continuidade enquanto a bateria de 12 V A B D Cestiver conectada, substitua o relé de parada do motor.5-54
  • 146. SHADOW 750 SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI)ECMINSPEÇÃO DA LINHA DE ALIMENTAÇÃO/TERRA DOECM A4O motor não dá partida (não há indicação do MIL)1. Inspeção da Voltagem de Entrada de Alimentação do ECM Acople os terminais da fiação de teste aos conectores 33P do ECM (página 5-14). Ligue o interruptor de ignição e posicione o interruptor do motor em “ ”. Meça a voltagem entre o terminal da fiação de teste e o terra. Conexão: A4 (+) – Terra (–) É indicada a voltagem da bateria? Sim – Vá para a etapa 2. A23 B4 B4 Não – Vá para a etapa 3.2. Inspeção da Linha do Terra do ECM Desligue o interruptor de ignição. Inspecione a continuidade entre os terminais da fiação de teste e o terra. Conexão: A23 – Terra B4 – Terra CONECTOR (Marrom) DO RELÉ Há continuidade em todas as situações? (Lado dos terminais fêmeas da fiação) Sim – Substitua o ECM por um em boas condições de funcionamento e inspecione novamente; para Bl procedimentos de registro de chaves, consulte a página 21-4. Não – Circuito aberto na fiação da Linha do Terra.3. Inspeção 1 do Relé de Parada do Motor Desligue o interruptor de ignição. R/Bu Remova o relé de parada do motor de seu conector (página 5-54). Ligue o interruptor de ignição e posicione o interruptor do motor em “ ”. Meça a voltagem entre os terminais do relé de parada do motor. Conexão: Preto (+) – Vermelho/Azul (–) É indicada a voltagem da bateria? Sim – Vá para a etapa 4. Não – Inspecione o sensor de inclinação do chassi (página 5-52). 5-55
  • 147. SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI) SHADOW 7504. Inspeção 2 do Relé de Parada do Motor Desligue o interruptor de ignição. CONECTOR (Marrom) DO RELÉ (Lado dos terminais fêmeas da fiação) Faça um curto-circuito entre os terminais do conector do relé de parada do motor. R/W Conexão: Preto/Branco – Vermelho/Branco Ligue o interruptor de ignição e posicione o interruptor do motor em “ ”. Meça a voltagem entre o terminal da fiação de teste e o terra. Bl/W Conexão: A4 (+) – Terra (–) É indicada a voltagem da bateria? Sim – • Inspecione o relé de parada do motor JUMPER (página 5-54). • Inspecione o interruptor do motor (página 20-20). Não – • Circuito aberto nos fios Preto/Branco ou Vermelho/Branco entre a bateria e o ECM. • Fusível FI (15 A) defeituoso. A4REMOÇÃO/INSTALAÇÃO CONECTOR CONECTOR 33P (Preto) 33P (Cinza)Remova a tampa do compartimento da bateria (página 17-6). TAMPADesligue o interruptor de ignição. ECMAbra a tampa.Solte a lingüeta e remova o ECM.Desacople os conectores 33P (Preto e Cinza) do ECM.NOTA LINGÜETA Tenha cuidado para não danificar o ECM e sua fiação.A instalação é feita na ordem inversa da remoção.Torque:Parafuso da tampa docompartimento da bateria 1 N.m (0,1 kgf.m)5-56
  • 148. SHADOW 750 SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI)MARCHA-LENTAINSPEÇÃO DA MARCHA-LENTANOTA • Inspecione a marcha-lenta do motor após ter executado todos os outros reparos e os itens de manutenção estarem de acordo com a especificação. • Antes de inspecionar a marcha-lenta, execute as seguintes verificações: – Não haja indicação do MIL – Condições das velas de ignição (página 3-7) – Condições do filtro de ar (página 3-6) • O motor deve estar quente para uma inspeção precisa da marcha-lenta • Este sistema elimina a necessidade de ajuste manual da marcha-lenta se comparado a versões anteriores. • Utilize um tacômetro com graduações de 50 rpm ou inferior, capaz de indicar precisamente alterações dessa ordem.Dê partida no motor e mantenha-o funcionando até que olíquido de arrefecimento atinja a temperatura de 80°C.Desligue o motor e conecte um tacômetro de acordo com asinstruções de seu fabricante.Dê partida no motor e mantenha-o funcionando em marcha-lenta. Em seguida, inspecione a marcha-lenta.Marcha-lenta: 1.200 ± 100 rpmCaso a marcha-lenta não esteja de acordo com aespecificação, inspecione os seguintes itens:• Funcionamento do acelerador e folga da manopla do acelerador (página 3-5)• Vazamento de ar de admissão ou problemas na parte superior do motor (página 8-5)• Funcionamento da válvula IAC (página 5-57)VÁLVULA IACINSPEÇÃORemova a carcaça do filtro de ar (página 5-41).A válvula IAC encontra-se instalada no corpo do acelerador, eseu acionamento é feito através de um motor de passo.Quando o interruptor de ignição é ligado, a válvula IAC éacionada por alguns segundos.Inspecione quanto a emissão de um bip de funcionamentopelo motor de passo, no instante em que o interruptor deignição é ligado. CORPO DO ACELERADOR VÁLVULA IAC 5-57
  • 149. SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI) SHADOW 750 VÁLVULA IACO funcionamento da válvula IAC pode ser inspecionadovisualmente através do procedimento a seguir:• Remova a válvula IAC (página 5-58) do corpo do acelerador, mantendo seu conector 4P (Preto) acoplado. Em seguida, ligue o interruptor de ignição. CONECTOR 4P (Preto) PLACA PARAFUSOS DE FIXAÇÃO VÁLVULA IAC TORXREMOÇÃONOTA Sempre limpe o corpo do acelerador antes de remover a válvula IAC, a fim de evitar penetração de sujeira ou corpos estranhos nas passagens da válvula IAC.Remova a carcaça do filtro de ar (página 5-41).Desacople o conector 4P (Preto) da válvula IAC.Remova os parafusos Torx, a placa de fixação e a válvula IAC. CONECTOR 4P (Preto) VÁLVULA DESLIZANTEINSTALAÇÃOGire a válvula deslizante em sentido horário até se assentarlevemente na válvula IAC. RANHURA PINO-GUIAInstale um novo anel de vedação na válvula IAC.Instale a válvula IAC no corpo do acelerador, alinhando oencaixe da válvula com o pino-guia do corpo do acelerador. ANEL DE VEDAÇÃO5-58
  • 150. SHADOW 750 SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI) PLACA DE FIXAÇÃOInstale a placa de fixação, alinhando sua ranhura com a guiada válvula IAC.Acople o conector 4P (Preto) da válvula IAC. Alinhe CONECTOR 4P (Preto) PARAFUSOS TORXInstale e aperte os parafusos Torx no torque especificado.Torque: 2,1 N.m (0,2 kgf.m)Instale a carcaça do filtro de ar (página 5-41).SISTEMA SECUNDÁRIO DEFORNECIMENTO DE ARINSPEÇÃO DO SISTEMADê partida no motor e mantenha-o funcionando até que olíquido de arrefecimento atinja a temperatura de 80°C.Desligue o motor.Remova a tampa do filtro de ar (página 3-6).Verifique se a porta de admissão de ar secundário encontra- PORTA DE ADMISSÃO DE ARse limpa e sem depósitos de carvão.Inspecione a válvula de inspeção PAIR caso haja depósitos decarvão ou fuligem na porta de admissão de ar (página 5-61). 5-59
  • 151. SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI) SHADOW 750Dê partida no motor e acelere levemente para certificar-se deque o ar é sugado através da mangueira de fornecimento dear. VÁLVULA SOLENÓIDE DE CONTROLE PAIRCaso o ar não seja sugado, inspecione as mangueiras defornecimento de ar quanto a obstruções e a válvula solenóidede controle PAIR (página 5-60). MANGUEIRAS DE FORNECIMENTO DE ARVÁLVULA SOLENÓIDE DE CONTROLE PAIR VÁLVULA SOLENÓIDE DE CONTROLE PAIRInspeçãoRemova a válvula solenóide de controle PAIR (página 5-61).Certifique-se de que não haja fluxo de ar entre as conexões(A) e (B) enquanto uma bateria de 12 V permanecer (B) (B)conectada aos terminais da válvula solenóide de controlePAIR. Somente deve haver fluxo de ar entre as conexões (A) e(B) quando não houver voltagem aplicada aos terminais da (A)válvula.Meça a resistência entre os terminais do conector. VÁLVULA SOLENÓIDE (Lado dos terminais machos da válvula solenóide)Padrão: 23 – 27 Ω (a 20°C)Se a resistência não estiver de acordo com a especificação,substitua a válvula solenóide de controle PAIR.5-60
  • 152. SHADOW 750 SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI) CONECTOR 2P (Preto) VÁLVULA SOLENÓIDEREMOÇÃO/INSTALAÇÃORemova o tanque de combustível (página 5-40).Desacople o conector 2P (Preto) da válvula solenóide decontrole PAIR.Desconecte as mangueiras de sucção e fornecimento de ar daválvula solenóide de controle PAIR.Remova a válvula solenóide de controle PAIR de seu suporteno chassi.A instalação é feita na ordem inversa da remoção. MANGUEIRAS DE MANGUEIRA DE FORNECIMENTO DE AR SUCÇÃO DE AR PARAFUSOSINSPEÇÃO DA VÁLVULA DE INSPEÇÃO PAIR DIANTEIRO: TRASEIRO:Remova o tanque de combustível (página 5-40).Remova os parafusos e a tampa da válvula de inspeção PAIR. TAMPAS DAS VÁLVULAS DE INSPEÇÃO PAIRRemova a válvula de inspeção PAIR da tampa do cabeçote. DIANTEIRO: TRASEIRO: VÁLVULAS DE INSPEÇÃO PAIR LIMITADOR DA PALHETAInspecione a palheta quanto a danos ou fadiga. Substitua-ase necessário.Substitua a válvula de inspeção PAIR caso sua sede deborracha esteja trincada, deteriorada ou danificada.Substitua-a também caso haja folga entre a palheta e a sede.Instale a válvula de inspeção PAIR na ordem inversa daremoção.Torque:Parafuso da tampa da válvulade inspeção PAIR 7 N.m (0,7 kgf.m) PALHETA SEDE DE BORRACHA 5-61
  • 153. SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO (PGM-FI) SHADOW 750SENSOR DE O2REMOÇÃONOTA • Os procedimentos a seguir tanto aplicam-se ao sensor de O2 dianteiro como ao traseiro. • Tenha cuidado ao manusear o sensor de O2. • Não aplique graxa, óleo ou outros materiais no orifício de ar do sensor de O2.Remova o sistema de escapamento (página 2-9). CHAVE PARA SENSOR DE O2NOTA Não execute reparos no sensor de O2 enquanto o sensor permanecer quente.Remova o sensor de O2, utilizando a ferramenta especial.Ferramenta:Chave para sensor de O2 07LAA-PT50101NOTA • Tenha cuidado para não danificar a fiação do sensor de O2. • Não utilize chaves de impacto ao remover ou instalar o sensor de O2. SENSOR DE O2 SENSOR DE O2INSTALAÇÃOInstale o sensor de O2 e aperte-o no torque especificado.Torque: 44 N.m (4,5 kgf.m)Ferramenta:Chave para sensor de O2 07LAA-PT50101Instale o sistema de escapamento (página 2-12).5-62
  • 154. SHADOW 750 6. SISTEMA DE ARREFECIMENTO DIAGRAMA DE FLUXO DO SISTEMA 6-2 ALOJAMENTO DO TERMOSTATO 6-9 INFORMAÇÕES DE SERVIÇO 6-3 RADIADOR/VENTOINHA DE ARREFECIMENTO 6-11 DIAGNOSE DE DEFEITOS 6-4 BOMBA DE ÁGUA 6-16 VERIFICAÇÃO DO SISTEMA 6-5 RESERVATÓRIO DO RADIADOR 6-17 SUBSTITUIÇÃO DO LÍQUIDO DE ARREFECIMENTO 6-6 RELÉ DE CONTROLE DA VENTOINHA DE ARREFECIMENTO 6-18 TERMOSTATO 6-8 6-1
  • 155. SISTEMA DE ARREFECIMENTO SHADOW 750DIAGRAMA DE FLUXO DO SISTEMA TERMOSTATO RADIADOR BOMBA DE ÁGUA RESERVATÓRIO6-2
  • 156. SHADOW 750 SISTEMA DE ARREFECIMENTOINFORMAÇÕES DE SERVIÇOGERALc • Remover a tampa do radiador enquanto o motor estiver quente pode fazer com que o líquido de arrefecimento espirre, causando sérios ferimentos. • Sempre espere o motor e o radiador esfriarem antes de remover a tampa do radiador.NOTA Utilizar líquido de arrefecimento com inibidores de corrosão de silicato pode causar desgaste prematuro do vedador da bomba de água ou bloquear as passagens de água no radiador. Utilizar água da torneira pode danificar o motor.• Adicione líquido de arrefecimento pelo reservatório. Não remova a tampa do radiador, exceto para reabastecer ou drenar o sistema.• Todos os procedimentos de reparo no sistema de arrefecimento podem ser executados com o motor instalado no chassi.• Evite espirrar líquido de arrefecimento em superfícies pintadas.• Após a execução de reparos no sistema, inspecione-o quanto a vazamentos, utilizando um verificador de sistema de arrefecimento.• Para inspeção do sensor de ECT, consulte a página 20-16.ESPECIFICAÇÕES Item EspecificaçãoCapacidade de líquido Radiador e motor 1,58 lde arrefecimento Reservatório 0,38Pressão de alívio da tampa do radiador 108 – 137 kPa (1,1 – 1,4 kgf/cm2, 16 – 20 psi)Termostato Início da abertura 80 – 84°C Completamente aberto 95°C Curso da válvula Mínimo de 8 mm a 95°CLíquido de arrefecimento recomendado “LÍQUIDO DE ARREFECIMENTO HONDA C2702ANT000” Líquido de Arrefecimento de alto desempenho à base de EtilenoglicolVALORES DE TORQUEParafuso de fixação do gargalo de abastecimento do radiador 10 N.m (1,0 kgf.m)Parafuso da tampa do alojamento do termostato 10 N.m (1,0 kgf.m)Parafuso de fixação do motor da ventoinha de arrefecimento 5,1 N.m (0,5 kgf.m)Porca de fixação da ventoinha de arrefecimento 2,7 N.m (0,3 kgf.m) Aplique trava-química às roscas.Parafuso da tampa da bomba de água 13 N.m (1,3 kgf.m)Parafuso de fixação do conjunto domotor da ventoinha de arrefecimento 8,4 N.m (0,9 kgf.m)Parafuso da braçadeira da mangueira de água Consulte a página 6-10 6-3
  • 157. SISTEMA DE ARREFECIMENTO SHADOW 750DIAGNOSE DE DEFEITOSTemperatura do motor muito alta• Medidor de temperatura do líquido de arrefecimento do motor ou sensor ECT defeituoso• Termostato emperrado na posição fechado• Tampa do radiador defeituosa• Volume de líquido de arrefecimento insuficiente• Passagens de água obstruídas no radiador, nas mangueiras ou na jaqueta de água• Presença de ar no sistema• Motor da ventoinha de arrefecimento defeituoso• Bomba de água defeituosaTemperatura do motor muito baixa• Termostato emperrado na posição abertoVazamento do líquido de arrefecimento• Vedador mecânico da bomba de água defeituoso• Anéis de vedação deteriorados• Tampa do radiador defeituosa• Junta do cabeçote danificada ou deteriorada• Conexão da mangueira ou braçadeira solta• Mangueiras danificadas ou deterioradas6-4
  • 158. SHADOW 750 SISTEMA DE ARREFECIMENTO TAMPA DO RADIADORVERIFICAÇÃO DO SISTEMALÍQUIDO DE ARREFECIMENTO (TESTE DEHIDRÔMETRO)Remova o tanque de combustível (página 5-40).Remova a tampa do radiador. HIDRÔMETROVerifique a densidade do líquido de arrefecimento utilizandoum hidrômetro.Inspecione o líquido de arrefecimento quanto à contaminaçãoe substitua-o, se necessário.TABELA DA DENSIDADE DO LÍQUIDO DE ARREFECIMENTO Temperatura do líquido de arrefecimento (°C) 0 5 10 15 20 25 30 35 40 45 50 5 1,009 1,009 1,008 1,008 1,007 1,006 1,005 1,003 1,001 0,999 0,997% de Líquido de Arrefecimento 10 1,018 1,017 1,017 1,016 1,015 1,014 1,013 1,011 1,009 1,007 1,005 15 1,028 1,027 1,026 1,025 1,024 1,022 1,020 1,018 1,026 1,014 1,012 20 1,036 1,035 1,034 1,033 1,031 1,029 1,027 1,025 1,023 1,021 1,019 25 1,045 1,044 1,043 1,042 1,040 1,038 1,036 1,034 1,031 1,028 1,025 30 1,053 1,052 1,051 1,049 1,047 1,045 1,043 1,041 1,038 1,035 1,032 35 1,063 1,062 1,060 1,058 1,056 1,054 1,052 1,049 1,046 1,043 1,040 40 1,072 1,070 1,068 1,066 1,064 1,062 1,059 1,056 1,053 1,050 1,047 45 1,080 1,078 1,076 1,074 1,072 1,069 1,066 1,063 1,060 1,057 1,054 50 1,086 1,084 1,082 1,084 1,077 1,074 1,071 1,068 1,065 1,062 1,059 55 1,095 1,093 1,091 1,088 1,085 1,082 1,079 1,076 1,073 1,070 1,067 60 1,100 1,098 1,095 1,092 1,089 1,086 1,083 1,080 1,077 1,074 1,071 6-5
  • 159. SISTEMA DE ARREFECIMENTO SHADOW 750 TAMPA DO RADIADORINSPEÇÃO DA TAMPA DO RADIADOR/PRESSURIZAÇÃO DO SISTEMARemova a tampa do radiador (página 6-5).Umedeça as superfícies de vedação e instale a tampa noverificador.FERRAMENTAS:Verificador de pressão do sistemade arrefecimento SVTS4AHAdaptador do sistema de arrefecimento OTCJ33984AExecute o teste de pressão na tampa do radiador. Substitua atampa do radiador, caso ela não retenha a pressão ou se apressão de alívio for muito alta ou muito baixa. A tampa deve VERIFICADOR DO SISTEMA DE ARREFECIMENTOreter a pressão especificada por, pelo menos, 6 segundos.Pressão de alívio da tampa do radiador: 108 – 137 kPa (1,1 – 1,4 kgf/cm2, 16 – 20 psi)Execute o teste de pressão no radiador, no motor e nasmangueiras e verifique se há vazamentos.NOTA Pressões excessivas podem danificar os componentes do sistema de arrefecimento. Não exceda a pressão de 137 kPa (1,4 kgf/cm2, 20 psi).Repare ou substitua os componentes caso o sistema nãoretenha a pressão especificada por, pelo menos, 6 segundos. VERIFICADOR DO SISTEMA DE ARREFECIMENTORemova o verificador e instale a tampa do radiador.Instale o tanque de combustível (página 5-40).SUBSTITUIÇÃO DO LÍQUIDO DEARREFECIMENTOPREPARAÇÃONOTA A eficiência do líquido de arrefecimento diminui com o acúmulo de ferrugem ou se ocorrer alteração da proporção da mistura durante a utilização. Portanto, para um melhor desempenho, substitua o líquido de arrefecimento regularmente, como especificado na tabela de manutenção.Líquido de Arrefecimento Recomendado:“LÍQUIDO DE ARREFECIMENTO HONDA C2702ANT000”6-6
  • 160. SHADOW 750 SISTEMA DE ARREFECIMENTO TAMPA DO RADIADORSUBSTITUIÇÃO/SANGRIA DO ARNOTA Ao abastecer o sistema ou o reservatório com líquido de arrefecimento (ou ao verificar o nível de líquido), posicione a motocicleta na vertical, sobre uma superfície plana e nivelada.Remova o tanque de combustível (página 5-40).Remova a tampa do radiador.Drene o líquido de arrefecimento do sistema, removendo oparafuso de drenagem e a arruela de vedação.Instale os parafusos de drenagem juntamente com novasarruelas de vedação e aperte-os no torque especificado.Torque: 13 N.m (1,3 kgf.m) PARAFUSO DE DRENAGEM/ARRUELA DE VEDAÇÃO RESERVATÓRIORemova a tampa traseira esquerda da carcaça do motor(página 2-4).Desconecte a mangueira-sifão do reservatório do radiador edrene o líquido de arrefecimento do reservatório.Esvazie o reservatório (página 6-17) e enxágüe seu interiorcom água.Instale os seguintes componentes:– Reservatório (página 6-17)– Tampa traseira esquerda da carcaça do motor (página 2-4)Abasteça o sistema utilizando o líquido de arrefecimento MANGUEIRA-SIFÃOrecomendado, através do bocal de abastecimento, até atingir GARGALO DE ABASTECIMENTOo gargalo de abastecimento.Instale o tanque de combustível (página 5-57).Sangre o ar do sistema, como se segue:1. Coloque a transmissão em ponto-morto. Dê partida no motor e mantenha-o funcionando em marcha-lenta por 2 a 3 minutos.2. Acelere por três ou quatro vezes para sangrar o ar do sistema.3. Desligue o motor, remova o tanque de combustível (página 5-40) e adicione o líquido de arrefecimento até atingir o gargalo de abastecimento.4. Instale a tampa do radiador. 6-7
  • 161. SISTEMA DE ARREFECIMENTO SHADOW 750Remova a tampa do reservatório. TAMPA DO RESERVATÓRIOAbasteça o reservatório até atingir a linha de nível superior einstale a tampa do reservatório.Instale o tanque de combustível (página 5-40). NÍVEL INFERIOR NÍVEL SUPERIORTERMOSTATOREMOÇÃODrene o líquido de arrefecimento do sistema (página 6-7).Remova os seguintes componentes:– Tampas laterais da coluna de direção (página 2-4)– Carcaça do filtro de ar (página 5-41)Coloque uma toalha sob o alojamento do termostato.Desacople o conector 3P do sensor ECT.Remova os parafusos da tampa do alojamento do termostato. PARAFUSOS CONECTOR 3P TERMOSTATORetire o alojamento do termostato e remova o anel devedação e o termostato.INSPEÇÃO DO TERMOSTATOInspecione visualmente o termostato quanto a danos.Substitua o termostato caso a válvula permaneça aberta emtemperatura ambiente.Aqueça um recipiente com água por 5 minutos, utilizando umaquecedor elétrico.Suspenda o termostato na água quente para verificar seufuncionamento.Início da Abertura do Termostato: 80 – 84°C ANEL DE VEDAÇÃOCurso de Válvula: Mínimo de 8 mm a 95°C TERMÔMETRO TERMOSTATOSubstitua o termostato caso a válvula responda atemperaturas diferentes da especificada.NOTA Utilize luvas isolantes e óculos protetores adequados. Mantenha materiais inflamáveis afastados do aquecedor elétrico. Não deixe o termostato ou o termômetro tocar o recipiente, pois obterá uma leitura incorreta.6-8
  • 162. SHADOW 750 SISTEMA DE ARREFECIMENTO AlinheINSTALAÇÃOInstale o termostato alinhando o flange com a fenda doalojamento do termostato. TERMOSTATOInstale um novo anel de vedação na ranhura do alojamentodo termostato. ANEL DE VEDAÇÃO TAMPAInstale o alojamento do termostato na tampa e aperte osparafusos no torque especificado.Torque: 10 N.m (1,0 kgf.m)Acople o conector 3P (cinza) do sensor ECT.Abasteça o sistema de arrefecimento e execute sua sangria(página 6-7).Instale os seguintes componentes:– Carcaça do filtro de ar (página 5-41)– Tampas laterais da coluna de direção (página 2-4) PARAFUSOS CONECTOR 3P (Cinza) MANGUEIRA-SIFÃOALOJAMENTO DO TERMOSTATOREMOÇÃO/INSTALAÇÃODrene o líquido de arrefecimento do sistema (página 6-7).Remova os seguintes componentes:– Tampas laterais da coluna de direção (página 2-4)– Carcaça do filtro de ar (página 5-41)Desacople o conector 3P (Cinza) do sensor ECT.Desconecte a mangueira-sifão. CONECTOR 3P (Cinza) 6-9
  • 163. SISTEMA DE ARREFECIMENTO SHADOW 750 PARAFUSOSSolte os parafusos da braçadeira da mangueira de água edesconecte as mangueiras de água.Remova o parafuso e o alojamento do termostato., MANGUEIRAS DE ÁGUAInstale o conjunto do alojamento do termostato na ordeminversa da remoção.NOTA • Aperte os parafusos da braçadeira da mangueira de água, mantendo a distância especificada, como mostra a ilustração. • Passe adequadamente as mangueiras e a fiação (página 1-20). 0 – 1,0 mm ANEL DE VEDAÇÃODESMONTAGEMRemova os seguintes componentes:– Alojamento do termostato (página 6-9)– Termostato (página 6-8)– Sensor ECT (página 5-51)Remova os parafusos e o anel de vedação. PARAFUSOS TAMPAMONTAGEMInstale um novo anel de vedação no gargalo deabastecimento do radiador.Monte o gargalo de abastecimento do radiador e a tampa doalojamento do termostato. ANEL DE VEDAÇÃO GARGALO DE ABASTECIMENTO DO RADIADOR6-10
  • 164. SHADOW 750 SISTEMA DE ARREFECIMENTOInstale e aperte os parafusos no torque especificado.Torque: 10 N.m (1,0 kgf.m)Instale os seguintes componentes:– Sensor ECT (página 5-51)– Termostato (página 6-9)– Alojamento do termostato (página 6-9) PARAFUSOS CINTA DA FIAÇÃORADIADOR/VENTOINHA DEARREFECIMENTOREMOÇÃODrene o líquido de arrefecimento do sistema (página 6-7).Remova as tampas laterais da coluna de direção (página 2-4).NOTA Tenha cuidado para não danificar as aletas do radiador durante a execução de reparos no radiador e na ventoinha de arrefecimento. CONECTOR 2P (Branco) PARAFUSO DA BRAÇADEIRARemova a cinta da fiação e desacople o conector 2P (branco)do motor da ventoinha de arrefecimento.Solte o parafuso da braçadeira da mangueira de água edesconecte a mangueira de água superior do radiador. MANGUEIRA DE ÁGUA SUPERIOR PARAFUSO DA BRAÇADEIRASolte o parafuso da braçadeira da mangueira de água edesconecte a mangueira de água inferior do radiador. MANGUEIRA DE ÁGUA INFERIOR 6-11
  • 165. SISTEMA DE ARREFECIMENTO SHADOW 750Remova o parafuso e o espaçador. FIAÇÃO DO MOTORSolte a fiação do interruptor da luz do freio traseiro e do DA VENTOINHA DE ARREFECIMENTOsensor CKP da grade do radiador. RADIADOR PRESILHASolte a fiação do motor da ventoinha de arrefecimento da ESPAÇADORpresilha e remova o radiador. PARAFUSO FIAÇÃO DO INTERRUPTOR DA LUZ DE FREIO/SENSOR CKP GRADE DO RADIADORDESMONTAGEMSolte a fiação do motor da ventoinha de arrefecimento dagrade do radiador.Remova as borrachas de fixação do radiador e a grade doradiador FIAÇÃO BORRACHAS DE FIXAÇÃO CONJUNTO DO MOTOR DA VENTOINHA DE ARREFECIMENTO PARAFUSOSRemova a presilha, os parafusos e o conjunto do motor daventoinha de arrefecimento. PRESILHA6-12
  • 166. SHADOW 750 SISTEMA DE ARREFECIMENTO VENTOINHA DE ARREFECIMENTORemova a porca e a ventoinha de arrefecimento. PORCA PARAFUSOSRemova os parafusos e o motor da ventoinha dearrefecimento de seu protetor. MOTOR DA VENTOINHA PROTETOR DE ARREFECIMENTOMONTAGEMGRADE DO RADIADOR RADIADOR 5,1 N.m (0,5 kgf.m) MOTOR DA VENTOINHA DE ARREFECIMENTO PRESILHA VENTOINHA DE ARREFECIMENTO PROTETOR 8,4 N.m (0,9 kgf.m) 2,7 N.m (0,3 kgf.m) BORRACHA DE FIXAÇÃO 6-13
  • 167. SISTEMA DE ARREFECIMENTO SHADOW 750 PARAFUSOSInstale o motor da ventoinha de arrefecimento no protetor, naposição indicada, como mostra a ilustração. Em seguida,aperte os parafusos no torque especificado.Torque: 5,1 N.m (0,5 kgf.m) MOTOR DA VENTOINHA PROTETOR DE ARREFECIMENTO VENTOINHA DE ARREFECIMENTOInstale a ventoinha de arrefecimento no eixo do motor,alinhando as superfícies lisas. Alinhe PORCALimpe e aplique trava-química nas roscas da porca. Emseguida, aperte a porca no torque especificado.Torque: 2,7 N.m (0,3 kgf.m) CONJUNTO DO MOTOR DA VENTOINHA DE ARREFECIMENTO PARAFUSOSInstale o conjunto do motor da ventoinha de arrefecimentono radiador e aperte os parafusos, juntamente com oterminal do terra, como mostra a ilustração e no torqueespecificado.Torque: 8,4 N.m (0,9 kgf.m)Fixe a fiação do motor da ventoinha de arrefecimento. PRESILHA6-14
  • 168. SHADOW 750 SISTEMA DE ARREFECIMENTO GRADE DO RADIADORInstale o radiador na grade do radiador.Instale as borrachas de fixação.Passe a fiação do motor da ventoinha de arrefecimento pelagrade do radiador.INSTALAÇÃO FIAÇÃO BORRACHAS DE FIXAÇÃOInstale o radiador, inserindo suas borrachas de fixação nossuportes do chassi.Passe a fiação do interruptor da luz do freio traseiro e do MANGUEIRA FIAÇÃO DO MOTORsensor CKP através da grade do radiador (página 1-20). SUPERIOR DA VENTOINHA DE ARREFECIMENTOConecte a fiação do motor da ventoinha de arrefecimento àpresilha. RADIADOR PRESILHA ESPAÇADORInstale o espaçador e o parafuso. Em seguida, aperte oparafuso.Conecte as mangueiras de água superior e inferior do PARAFUSOradiador (página 1-20).Aperte os parafusos da braçadeira da mangueira de água,mantendo a distância especificada (página 6-10). MANGUEIRA INFERIOR FIAÇÃO DO INTERRUPTOR DA LUZ DE FREIO/SENSOR CKP CINTA DA FIAÇÃOAcople o conector 2P (Branco) do motor da ventoinha dearrefecimento e instale a cinta da fiação.NOTA Passe adequadamente a cinta da fiação.Instale as tampas laterais da coluna de direção (página 2-4).Abasteça e sangre o sistema de arrefecimento (página 6-7). CONECTOR 2P (Branco) 6-15
  • 169. SISTEMA DE ARREFECIMENTO SHADOW 750 BOMBA DE ÁGUABOMBA DE ÁGUAINSPEÇÃO DO VEDADOR MECÂNICOVerifique o orifício de inspeção da bomba de água quanto asinais de vazamento de líquido de arrefecimento.NOTA • É normal encontrar uma pequena quantidade de água no orifício de inspeção. • Certifique-se de que não há vazamento contínuo de líquido de arrefecimento pelo orifício de inspeção durante o funcionamento do motor. ORIFÍCIO DE INSPEÇÃOSubstitua a bomba de água em conjunto, se necessário. TAMPA PARAFUSOSREMOÇÃODrene o líquido de arrefecimento do sistema (página 6-7).Solte o parafuso da braçadeira da mangueira e desconecte amangueira de água.Remova os parafusos, a arruela de vedação e a tampa dabomba de água. MANGUEIRA PARAFUSO/ARRUELA DE ÁGUA DE VEDAÇÃO MANGUEIRA DE ÁGUA BOMBA DE ÁGUADesconecte a mangueira de água.Remova os anéis de vedação e a bomba de água.NOTA Não desmonte a bomba de água. ANÉIS DE VEDAÇÃO AlinheINSTALAÇÃOCubra um novo anel de vedação com óleo para motor einstale-o na ranhura da bomba de água.Instale a bomba de água, alinhando sua ranhura com aprojeção do eixo da bomba de óleo. ANEL DE VEDAÇÃO6-16
  • 170. SHADOW 750 SISTEMA DE ARREFECIMENTO ANEL DE VEDAÇÃOConecte a mangueira de água (página 1-20)Aperte o parafuso da braçadeira da mangueira de água,mantendo a distância especificada (página 6-10).Instale um novo anel de vedação na ranhura na bomba deágua. MANGUEIRA DE ÁGUA TAMPA PARAFUSOSAlinhe os orifícios do parafuso da bomba e da carcaça domotor. Em seguida, instale a tampa da bomba de água,utilizando os parafusos e uma nova arruela de vedação.Aperte os parafusos no torque especificado, em ordemcruzada e em diversas etapas.Torque: 13 N.m (1,3 kgf.m)Conecte a mangueira de água (página 1-20).Aperte o parafuso da braçadeira da mangueira de água,mantendo a distância especificada. (página 6-10). MANGUEIRA DE ÁGUA PARAFUSO/ ARRUELA DE VEDAÇÃORESERVATÓRIO DO RADIADOR RESERVATÓRIOREMOÇÃO/INSTALAÇÃODesconecte a mangueira-sifão do reservatório e drene olíquido de arrefecimento.Remova o parafuso e o reservatório.A instalação é feita na ordem inversa a da remoção.NOTA MANGUEIRA-SIFÃO PARAFUSO Passe adequadamente as mangueiras (página 1-20). 6-17
  • 171. SISTEMA DE ARREFECIMENTO SHADOW 750RELÉ DE CONTROLE DA VENTOINHA DEARREFECIMENTOINSPEÇÃO DO SISTEMAA temperatura do líquido de arrefecimento está baixa, mas omotor da ventoinha de arrefecimento não desliga.Remova o relé de controle da ventoinha de arrefecimento(página 6-18) e ligue o interruptor de ignição.Se o motor da ventoinha de arrefecimento parar, substitua orelé de controle da ventoinha de arrefecimento.O indicador de temperatura do líquido de arrefecimentofunciona corretamente, mas o motor da ventoinha dearrefecimento não liga. JUMPER CONECTOR (Azul) DO RELÉAntes de executar esta inspeção, verifique se o fusível (Lado da fiação dos terminais fêmeas)secundário (FAN), 20 A encontra-se queimado.Remova o relé de controle da ventoinha de arrefecimento Bl/Bu(página 6-18).Faça um curto-circuito entre os terminais do relé de controleda ventoinha de arrefecimento.Conexão: Preto/Azul – Azul/Laranja Bu/OLigue o interruptor de ignição e inspecione o motor daventoinha de arrefecimento. CONECTOR 2P (Branco)• Se o motor ligar, substitua o relé de controle da ventoinha de arrefecimento.• Se o motor não ligar, remova as tampas laterais da coluna de direção (página 2-4) e desacople o conector 2P (Branco) do motor da ventoinha de arrefecimento. Meça a voltagem entre o terminal do fio Preto/Azul e o terra. – Se for indicada a voltagem de bateria, substitua o motor da ventoinha de arrefecimento (página 6-11). – Se não for indicada nenhuma voltagem, inspecione quanto a circuito aberto nos fios Verde e Preto/Azul. COMPARTIMENTO DE RELÉSINSPEÇÃORemova a tampa lateral esquerda (página 2-4).Remova o compartimento de relé da caixa da bateria.6-18
  • 172. SHADOW 750 SISTEMA DE ARREFECIMENTOSolte as lingüetas e remova o conector (Azul) do relé docompartimento de relés. CONECTOR (Azul)Desconecte o relé do controle da ventoinha de arrefecimentodo conector do relé. COMPARTIMENTO DE RELÉS RELÉ DE CONTROLE DA LINGÜETAS VENTOINHA DE ARREFECIMENTO RELÉ DE CONTROLE DA VENTOINHA DE ARREFECIMENTOConecte um ohmímetro aos terminais do conector do relé domotor da ventoinha.Conexão: A – BConecte uma bateria de 12 V aos seguintes terminais doconector do relé do motor da ventoinha.Conexão: C – DDeve haver continuidade somente quando a bateria de 12 Vestiver conectada.Se não houver continuidade somente quando a bateria de 12 A B C DV estiver conectada, substitua o relé do motor da ventoinhade arrefecimento. 6-19
  • 173. SISTEMA DE ARREFECIMENTO SHADOW 750 NOTAS6-20
  • 174. SHADOW 750 7. REMOÇÃO/INSTALAÇÃO DO MOTOR LOCALIZAÇÃO DOS COMPONENTES 7-2 REMOÇÃO DO MOTOR 7-4 INFORMAÇÕES DE SERVIÇO 7-3 INSTALAÇÃO DO MOTOR 7-7 7-1
  • 175. REMOÇÃO/INSTALAÇÃO DO MOTOR SHADOW 750LOCALIZAÇÃO DOS COMPONENTES 26 N.m (2,7 kgf.m) 12 N.m (1,2 kgf.m) 10 N.m (1,0 kgf.m) 1,9 N.m (0,2 kgf.m) 54 N.m (5,5 kgf.m) 26 N.m (2,7 kgf.m) 54 N.m (5,5 kgf.m) 54 N.m (5,5 kgf.m)7-2
  • 176. SHADOW 750 REMOÇÃO/INSTALAÇÃO DO MOTORINFORMAÇÕES DE SERVIÇOGERAL• É necessário utilizar um macaco ou suporte equivalente para apoiar a motocicleta durante a remoção ou instalação do motor.• É necessário utilizar um macaco ou outro suporte ajustável para apoiar e movimentar o motor.• Ao instalar o motor, certifique-se de apertar todos os fixadores no torque e ordem especificados. Em caso de erro no valor do torque de aperto ou mesmo na ordem, solte todos os fixadores e aperte-os novamente no torque e ordem especificados.• Não apóie o motor pelo filtro de óleo ou este poderá ser danificado.• Ao remover ou instalar o motor, cubra ao redor do chassi com fita adesiva para protegê-lo durante seu manuseio.• A execução de reparos nos seguintes componentes necessita da remoção do motor:– Cabeçote (página 8-13)– Cilindro/Pistão (página 9-4)– Árvore de Manivelas (página 12-10)– Transmissão (incluindo tambor seletor de marchas/garfo seletor) (página 12-20)– Carcaça do diferencial (página 12-28)– Bomba de óleo (página 4-6)• A execução de reparos nos seguintes componentes não necessita da remoção do motor:– Árvore de comando (página 8-8)– Corpo do acelerador (5-43)– Bomba de água (6-16)– Embreagem/Seletor de marchas (página 10-3)– Alternador/Embreagem de partida (11-4)– Motor de partida (página 19-6)ESPECIFICAÇÕES Item Especificação Peso seco do motor 71 kg Capacidade de óleo do motor na desmontagem 3,2 l Capacidade do líquido de arrefecimento (Radiador e motor) 1,58 lVALORES DE TORQUEPorca de fixação do motor 54 N.m (5,5 kgf.m)Parafuso da placa de fixação do motor 26 N.m (2,7 kgf.m)Porca do terminal do cabo do motor de partida 10 N.m (1,0 kgf.m)Parafuso do terminal do interruptor EOP 1,9 N.m (0,2 kgf.m)Parafuso de fixação do braço do seletor de marchas 12 N.m (1,2 kgf.m) 7-3
  • 177. REMOÇÃO/INSTALAÇÃO DO MOTOR SHADOW 750REMOÇÃO DO MOTORDrene o óleo de motor (página 3-13).Drene o líquido de arrefecimento do sistema dearrefecimento (página 6-7).Remova os seguintes componentes:– Tampa lateral (página 2-4)– Tanque de combustível (página 5-40)– Bobina de ignição dianteira (página 18-8)– Supressores de ruídos (página 3-7)– Alojamento do termostato (página 6-9)– Interruptor da luz do freio traseiro (página 20-22)– Pedal do freio (página 15-18)– Tampa traseira esquerda da carcaça do motor (página 2-4)– Sistema de escapamento (página 2-9)– Injetores (página 5-49)– Corpo do acelerador (página 5-43)– Radiador (página 6-11)– Tampas superiores do cabeçote (página 2-6)– Tampa da embreagem (página 10-5)– Tampa do alternador (página 3-9)NOTA Sele a porta do coletor de admissão com uma toalha ou cubra-a com um pedaço de fita adesiva para evitar que materiais estranhos entrem no motor. CONECTOR 2P (Vermelho)Desacople o conector 2P (Vermelho) do sensor CKP. CINTA DA FIAÇÃOSolte a cinta da fiação.Desacople os conectores 2P (Branco) do interruptor deignição e 4P (Branco) do receptor do imobilizador. CONECTOR 2P (Branco) CONECTOR 4P (Branco)7-4
  • 178. SHADOW 750 REMOÇÃO/INSTALAÇÃO DO MOTOR CONECTORESSolte a cinta da fiação.Desacople os conectores 3P (Branco) do sensor VS e 3P(Branco) do alternador. CINTA DA FIAÇÃO PRESILHAS CINTA DA FIAÇÃOSolte a fiação da presilha e da cinta da fiação.Desacople o conector do interruptor de ponto-morto.Desconecte a fiação do interruptor EOP, removendo oparafuso do terminal. CONECTOR DO INTERRUPTOR INTERRUPTOR DE PONTO-MORTO EOP PARAFUSO DE FIXAÇÃORemova o parafuso de fixação e o braço do seletor demarchas. BRAÇO DO SELETOR DE MARCHASDesconecte as mangueiras de fornecimento de ar secundáriodas tampas da válvula de inspeção PAIR. MANGUEIRAS DE FORNECIMENTO DE AR 7-5
  • 179. REMOÇÃO/INSTALAÇÃO DO MOTOR SHADOW 750 FIXADOR DO CABO DA EMBREAGEMRemova o fixador do cabo da embreagem, removendo oparafuso. Em seguida desconecte a extremidade do cabo daembreagem do braço de acionamento da embreagem. CABO DA EMBREAGEM PARAFUSO CABO DO MOTOR DE PARTIDA PORCAAbra a tampa do terminal e remova a porca do terminal domotor de partida.Desconecte o cabo do motor de partida.Remova o parafuso e desconecte o cabo do terra. TAMPA CABO DO TERRA PARAFUSO SUPORTES DO PEDAL DE FREIORemova o parafuso e o suporte do pedal do freio do chassi. PARAFUSO PARAFUSOS/ PLACAS DE FIXAÇÃO PORCAS DE FIXAÇÃOColoque um macaco ou outro suporte ajustável sob domotor.NOTA A altura do macaco deve ser continuamente ajustada para aliviar a tensão causada pela remoção do parafuso.Remova as porcas de fixação traseira do motor.Remova os parafusos e placas de fixação traseira direita domotor. PARAFUSOS7-6
  • 180. SHADOW 750 REMOÇÃO/INSTALAÇÃO DO MOTOR PLACA DE FIXAÇÃORemova os parafusos de fixação traseira do motor.Remova os parafusos e a placa de fixação traseira esquerdado motor. PARAFUSO DE FIXAÇÃO PARAFUSOS PARAFUSO/ DE FIXAÇÃO PORCAS DE FIXAÇÃO PLACA DE FIXAÇÃORemova as porcas de fixação dianteira do motor.Remova os parafusos e a placa de fixação dianteira do motor.Remova os parafusos de fixação e o espaçador do motor. ESPAÇADOR PARAFUSOSSolte o protetor da conexão da carcaça do diferencial. EIXO DE TRANSMISSÃOMovimente o motor para frente e solte o eixo de transmissãoda conexão universal, localizada no braço oscilante.Movimente cuidadosamente o motor e remova-o do chassipelo seu lado direito.NOTA Durante a remoção do motor, apóie seguramente o motor e tenha cuidado para não danificar o chassi e o motor. CONEXÃO UNIVERSALINSTALAÇÃO DO MOTORObserve a posição dos parafusos de fixação do motor.NOTA • Instale sem apertar todos os parafusos e porcas de fixação do motor. Em seguida, aperte-os no torque e ordem especificados. • Passe adequadamente a fiação, as mangueiras e os cabos (página 1-20). 7-7
  • 181. REMOÇÃO/INSTALAÇÃO DO MOTOR SHADOW 750Aplique 1 g de graxa a base de bissulfeto de molibdênio nasestrias do eixo de transmissão (lado da conexão universal).Utilizando um macaco ou outro suporte ajustável, coloquecuidadosamente o motor no chassi e movimente-o paraposicioná-lo.NOTA • Encaixe o eixo de transmissão na conexão universal. • Durante a instalação do motor, apóie seguramente o motor e tenha cuidado para não danificar o chassi e o EIXO DE TRANSMISSÃO CONEXÃO UNIVERSAL motor.Instale ainda sem aperter as placas de fixação, os fixadores eo espaçador do motor.Aperte a porca de fixação inferior dianteira. Em seguida,aperte a porca de fixação superior dianteira do motor, ambasno torque especificado.Torque: 54 N.m (5,5 kgf.m) PARAFUSOS/PORCAS DE FIXAÇÃO PARAFUSOS/PORCAS DE FIXAÇÃOAperte a porca de fixação inferior traseira. Em seguida, apertea porca de fixação superior traseira do motor, ambas notorque especificado.Torque: 54 N.m (5,5 kgf.m)Aperte os parafusos da placa de fixação dianteira do motorno torque especificado.Torque: 26 N.m (2,7 kgf.m) PLACA DE FIXAÇÃO PARAFUSOS7-8
  • 182. SHADOW 750 REMOÇÃO/INSTALAÇÃO DO MOTORAperte os parafusos da placa de fixação inferior traseiradireita do motor no torque especificado.Torque: 26 N.m (2,7 kgf.m) PARAFUSOS PLACA DE FIXAÇÃOAperte os parafusos da placa de fixação superior traseiraesquerda do motor no torque especificado.Torque: 26 N.m (2,7 kgf.m) PARAFUSOS PARAFUSOSAperte os parafusos da placa de fixação superior traseiradireita do motor no torque especificado.Torque: 26 N.m (2,7 kgf.m) SUPORTE DO PEDAL DE FREIOInstale os suportes do pedal do freio, juntamente com seusparafusos.Instale o parafuso, ainda sem apertá-lo.• Ao instalar o suporte do pedal de apoio direito, aperte o parafuso do suporte do pedal do freio. PARAFUSO 7-9
  • 183. REMOÇÃO/INSTALAÇÃO DO MOTOR SHADOW 750 CABO DO MOTOR DE PARTIDA PORCAConecte o cabo do motor de partida e aperte a porca doterminal no torque especificado.Torque: 10 N.m (1,0 kgf.m)Conecte o cabo do terra e aperte seguramente o parafuso.Feche seguramente a tampa do terminal. TAMPA CABO DO TERRA PARAFUSO FIXADOR DO CABO DA EMBREAGEMConecte a extremidade do cabo ao braço de acionamento daembreagem.Instale o fixador do cabo da embreagem, juntamente comseu parafuso.Aperte seguramente o parafuso. CABO DA EMBREAGEM PARAFUSOConecte as mangueiras de fornecimento de ar secundário nastampas da válvula de inspeção PAIR. MANGUEIRAS DE FORNECIMENTO DE AR Alinhe PARAFUSO DE FIXAÇÃOInstale o braço seletor no eixo do seletor de marchas,alinhando-o com as marcas gravadas.Aperte o parafuso de fixação do braço do seletor de marchasno torque especificado.Torque: 12 N.m (1,2 kgf.m) BRAÇO SELETOR DE MARCHAS7-10
  • 184. SHADOW 750 REMOÇÃO/INSTALAÇÃO DO MOTOR PRESILHAS CINTA DA FIAÇÃOPrenda a fiação utilizando as presilhas e a cinta da fiação.Acople o conector do interruptor de ponto-morto.Conecte a fiação do interruptor EOP, apertando o parafuso doterminal no torque especificado.Torque: 1,9 N.m (0,2 kgf.m) CONECTOR DO INTERRUPTOR INTERRUPTOR EOP DE PONTO-MORTO CONECTORESAcople os conectores 3P (Branco) do sensor VS e 3P (Branco)do alternador.Prenda a fiação utilizando a cinta da fiação CINTA DA FIAÇÃO CINTA DA FIAÇÃO CONECTOR 4P (Branco)Acople os conectores 4P (Branco) do receptor do imobilizadore 2P (Branco) do interruptor de ignição.Prenda a fiação utilizando a cinta da fiação.Acople o conector 2P (Vermelho) do sensor CKP.Instale os seguintes componentes:– Radiador (página 6-15)– Corpo do acelerador (página 5-45)– Injetores (página 5-50)– Sistema de escapamento (página 2-12)– Tampa traseira esquerda da carcaça do motor (página 2-4)– Supressor de ruídos (página 3-8) CONECTOR 2P (Branco)– Alojamento do termostato (página 6-9) CONECTOR 2P (Vermelho)– Interruptor da luz do freio traseiro (página 20-22)– Pedal do freio (página 15-20)– Tampa superior do cabeçote (página 2-6)– Tampa da embreagem (página 10-22)– Tampa do alternador (página 3-11)– Bobina de ignição dianteira (página 18-8)– Tanque de combustível (página 5-40)Abasteça a carcaça do motor, utilizando o óleo recomendadopara motor (página 3-13).Abasteça o sistema de arrefecimento e execute sua sangria(página 6-7).Inspecione o nível de óleo de motor (página 3-12). 7-11
  • 185. REMOÇÃO/INSTALAÇÃO DO MOTOR SHADOW 750 NOTAS7-12
  • 186. SHADOW 750 8. CABEÇOTE/VÁLVULAS LOCALIZAÇÃO DOS COMPONENTES 8-2 SUBSTITUIÇÃO DA GUIA DA VÁLVULA 8-18 INFORMAÇÕES DE SERVIÇO 8-3 INSPEÇÃO/RETÍFICA DA SEDE DA VÁLVULA 8-19 DIAGNOSE DE DEFEITOS 8-5 MONTAGEM DO CABEÇOTE 8-22 COMPRESSÃO DO CILINDRO 8-6 INSTALAÇÃO DO CABEÇOTE 8-24 REMOÇÃO DA TAMPA DO CABEÇOTE 8-6 INSTALAÇÃO DA ÁRVORE DE COMANDO 8-26 REMOÇÃO DA ÁRVORE DE COMANDO 8-7 INSTALAÇÃO DA TAMPA DO CABEÇOTE 8-31 REMOÇÃO DO CABEÇOTE 8-13 DESMONTAGEM DO CABEÇOTE 8-15 8-1
  • 187. CABEÇOTE/VÁLVULAS SHADOW 750LOCALIZAÇÃO DOS COMPONENTES 10 N.m (1,0 kgf.m) 10 N.m (1,0 kgf.m) 23 N.m (2,3 kgf.m) 23 N.m (2,3 kgf.m) 47 N.m (4,8 kgf.m) 23 N.m (2,3 kgf.m) 10 N.m (1,0 kgf.m) 23 N.m (2,3 kgf.m) 10 N.m (1,0 kgf.m)8-2
  • 188. SHADOW 750 CABEÇOTE/VÁLVULASINFORMAÇÕES DE SERVIÇOINFORMAÇÕES GERAIS• Este capítulo apresenta os procedimentos de reparo do balancim, cabeçote, válvulas e árvores de comando.• Reparos no balancim e árvore de comando podem ser executados com o motor instalado no chassi. Reparos no cabeçote e válvula exigem a remoção do motor.• Tenha cuidado para não danificar as superfícies de contato ao remover a tampa do cabeçote e o cabeçote. Não bata no cabeçote e em sua tampa durante a remoção.• Durante a desmontagem, marque e armazene os componentes removidos para certificar-se de que sejam reinstalados em suas posições originais.• Limpe todos os componentes desmontados com solvente de limpeza e seque-os utilizando ar comprimido antes de inspecioná-los.• O abastecimento de óleo lubrificante do balancim e da árvore de comando é feito através de passagens de óleo presentes no cabeçote e no suporte da árvore de comando. Limpe estas passagens antes de montar o cabeçote e sua tampa.ESPECIFICAÇÕES Unidade: mm Item Padrão Limite de uso Compressão do cilindro (a 400 rpm) 1.373 ± 98 kPa (14,0 ± 1,0 kgf/cm2, 199 ± 14 psi) — Folga das válvulas ADM 0,15 ± 0,02 — ESC 0,20 ± 0,02 — Comprimento do calço B do tensor — 6,0 da corrente de distribuição Árvore de Altura do ressalto ADM 37,188 – 37,348 37,16 comando ESC 37,605 – 37,765 37,58 Empenamento ADM/ESC — 0,05 D.E. do mancal ADM/ESC 21,959 – 21,980 21,90 Folga de óleo ADM/ESC 0,020 – 0,141 0,16 Balancim e eixo D.E. do eixo do balancim ADM/ESC 11,966 – 11,984 11.83 do balancim D.I. do balancim ADM/ESC 12,000 – 12,018 12,05 Folga entre o balancim e o eixo 0,016 – 0,052 0,07 Válvula e guia D.E. da haste da válvula ADM 5,475 – 5,490 5,45 da válvula ESC 5,455 – 5,470 5,41 D.I. da guia da válvula ADM 5,500 – 5,510 5,56 ESC 5,500 – 5,512 5,56 Folga entre a haste ADM 0,010 – 0,035 0,10 e a guia da válvula ESC 0,030 – 0,057 0,11 Projeção da guia da ADM 17,2 – 17,4 — válvula sobre o cabeçote ESC 18,7 – 18,9 — Largura da sede da válvula ADM/ESC 0,90 – 1,10 1,5 Comprimento Interna 38,11 36,47 ADM livre da mola Externa 42,14 40,58 da válvula ESC 46,11 44,72 Empenamento do cabeçote — 0,10VALORES DE TORQUEParafuso da tampa do cabeçote 10 N.m (1,0 kgf.m)Porca do cabeçote 47 N.m (4,8 kgf.m) Aplique óleo para motor nas roscas e superfícies de assentamento.Parafuso do cabeçote, 8 mm 23 N.m (2,3 kgf.m) Aplique óleo para motor nas roscas e superfícies de assentamento.Parafuso da engrenagem da árvore de comando 23 N.m (2,3 kgf.m) Aplique trava-química nas roscas.Parafuso do tensor da corrente de distribuição 10 N.m (1,0 kgf.m) Consulte página 8-25Parafuso do suporte da árvore de comando 23 N.m (2,3 kgf.m)Porca do suporte da árvore de comando 23 N.m (2,3 kgf.m) 8-3
  • 189. CABEÇOTE/VÁLVULAS SHADOW 750FERRAMENTASCompressor de mola da válvula Alargador da guia da válvula, 5,510 mm Instalador da guia da válvula, 5,5 mm07757-0010000 07984-2000001 07742-0010100Fresa para sede, 27,5 mm (45° ADM) Fresa para sede, 35 mm (45° ESC) Fresa plana, 28 mm (32° ADM)07780-0010200 07780-0010400 07780-0012100Fresa plana, 35 mm (32° ESC) Fresa para interior, 30 mm (60° ADM) Fresa para interior, 37,5 mm (60° ESC)07780-0012300 07780-0014000 07780-0014100Suporte para fresa, 5,5 mm Instalador da guia da válvula07781-0010101 07743-00200008-4
  • 190. SHADOW 750 CABEÇOTE/VÁLVULASDIAGNOSE DE DEFEITOSProblemas na parte superior do motor geralmente afetam seu desempenho. Tais problemas podem ser diagnosticadospor meio do teste de compressão ou pela detecção de ruídos na parte superior do motor, utilizando-se um estetoscópio.Compressão muito baixa, dificuldade de partida ou desempenho inadequado em baixas rotações• Válvulas: – Ajuste incorreto da válvula – Válvula queimada ou empenada – Sincronização incorreta das válvulas – Molas das válvulas quebradas – Sede das válvulas irregular – Válvula emperrada na posição aberto• Cabeçote: – Junta do cabeçote vazando ou danificada – Cabeçote empenado ou trincado – Vela de ignição solta• Problemas nos cilindros/pistões (página 9-3)Compressão muito alta• Excesso de depósitos de carvão na cabeça do pistão ou na câmara de combustãoFumaça excessiva• Haste ou guia da válvula desgastada• Retentor da haste danificado• Problemas nos cilindros/pistões (página 9-3)Ruído excessivo• Folga da válvula incorreta• Válvula presa ou molas da válvulas quebrada• Sede da válvula excessivamente desgastada• Árvore de comando desgastada ou danificada• Balancim ou eixo do balancim desgastado ou danificado• Balancim ou extremidade da haste da válvula desgastada• Dentes da engrenagem da árvore de comando desgastados• Corrente de distribuição desgastada• Tensor da corrente de distribuição desgastado ou danificado• Problemas nos cilindros/pistões (página 9-3)Marcha-lenta irregular• Baixa compressão do cilindro 8-5
  • 191. CABEÇOTE/VÁLVULAS SHADOW 750COMPRESSÃO DO CILINDRONOTA Se for necessário manter o motor em funcionamento para a execução de algum reparo, certifique-se de que o local possui ventilação adequada. Nunca mantenha o motor funcionando em locais fechados.Aqueça o motor até atingir sua temperatura normal defuncionamento.Desligue o motor. Em seguida, desconecte o supressor deruídos e remova uma vela de ignição por vez. MANÔMETRONOTA Para medir a compressão de cada cilindro, remova uma vela de ignição por vez.Coloque a transmissão em ponto-morto.Instale o manômetro no orifício da vela de ignição.Abra completamente o acelerador e dê partida no motor,utilizando o motor de partida, até que a leitura no manômetropare de aumentar.A leitura máxima é normalmente obtida entre 4 e 7 segundos.NOTA Para evitar que a bateria descarregue, não acione o motor de partida por mais de sete segundos.Compressão:1.373 ± 98 kPa (14,0 ± 1,0 kgf/cm2, 199 ± 14 psi) a 400 rpmBaixa compressão pode ser causada por:– Junta do cabeçote queimada– Ajuste incorreto da válvula– Vazamento na válvula– Anel do pistão ou cilindro desgastadoAlta compressão pode ser causada por:– Excesso de depósitos de carvão na câmara de combustão ou na cabeça do pistãoREMOÇÃO DA TAMPA DO CABEÇOTEDIANTEIRORemova os seguintes componentes:– Tampa superior do cabeçote (página 2-6)– Bobina de ignição dianteira (página 18-8)– Válvula de inspeção PAIR (página 5-61)– Alojamento do termostato (página 6-9)Remova os parafusos, arruelas e vedadores de borracha datampa do cabeçote. PARAFUSOS/ARRUELAS/VEDADORES DE BORRACHA8-6
  • 192. SHADOW 750 CABEÇOTE/VÁLVULAS JUNTARemova a tampa e a junta do cabeçote.NOTA Tenha cuidado para não danificar a fiação e as superfícies de contato ao remover a tampa do cabeçote. TAMPA DO CABEÇOTE MANGUEIRA DE RESPIROTRASEIRORemova os seguintes componentes:– Tampa superior do cabeçote (página 2-6)– Válvula de inspeção PAIR (página 5-61)Desconecte a mangueira de respiro da carcaça do motor datampa do cabeçote.Remova os parafusos, arruelas e vedadores de borracha datampa do cabeçote. PARAFUSOS/ARRUELAS/ VEDADORES DE BORRACHA TAMPA DO CABEÇOTERemova a tampa e a junta do cabeçoteNOTA Tenha cuidado para não danificar a fiação e as superfícies de contato ao remover a tampa do cabeçote. JUNTA TAMPA DO ALTERNADORREMOÇÃO DA ÁRVORE DE COMANDONOTA Os mesmos procedimentos aplicam-se tanto à árvore de comando do cabeçote dianteiro como do traseiro.Remova a tampa do cabeçote traseiro (página 8-7).Remova os parafusos Allen e a tampa do alternador. PARAFUSOS 8-7
  • 193. CABEÇOTE/VÁLVULAS SHADOW 750 TAMPA DO ORIFÍCIO DA ÁRVORE DE MANIVELASRemova a árvore de manivelas e a tampa do orifício desincronização da tampa esquerda da carcaça do motor. TAMPA DO ORIFÍCIO DE SINCRONIZAÇÃOGire a árvore de manivelas em sentido anti-horário e alinhe a MARCA DE REFERÊNCIAmarca “RT” (cilindro dianteiro: marca “FT”) com a marca dereferência na tampa esquerda da carcaça do motor.Certifique-se de que o pistão esteja em PMS (Ponto-mortosuperior) na fase de escape, de modo que o pistão esteja emPMS na fase de compressão durante a remoção do suporteda árvore de manivelas. MARCA “RT”Meça o comprimento do calço B do tensor da corrente dedistribuição. CALÇO B 6 mm Limite de Uso 6 mmSubstitua a corrente de distribuição por uma nova caso aprojeção exceda o limite de uso.Para a substituição da corrente de distribuição, remova osseguintes componentes:Dianteiro: CALÇO A– Árvore de comando dianteira– Volante do motor (página 11-5) CALÇO A PINO, D.E. 2 mmTraseiro:– Árvore de de comando traseira– Engrenagem motora primária (página 10-12)Instale o pino de 2 mm de diâmetro externo no orifício docalço A do tensor da corrente de distribuição, puxando ocalço A para cima e empurrando o calço B para baixo.NOTA Tenha cuidado para que o pino de 2 mm de diâmetro externo não caia na carcaça do motor. CALÇO B8-8
  • 194. SHADOW 750 CABEÇOTE/VÁLVULASRemova o parafuso da engrenagem da árvore de comando egire a árvore de manivelas por uma volta completa (360°) emsentido horário. Em seguida, remova o outro parafuso daengrenagem da árvore de comando.NOTA Tenha cuidado para que os parafusos da engrenagem da árvore de comando não caiam na carcaça do motor. PARAFUSOS ENGRENAGEMRemova a engrenagem da árvore de comando da superfíciedo flange.NOTA Fixe a corrente de distribuição utilizando um pedaço de arame para evitar que a corrente caia na carcaça do motor. CONJUNTO DO SUPORTE DA ÁRVORE DE COMANDOCertifique-se de que o pistão esteja em PMS (Ponto-mortosuperior) na fase de compressão.Solte os parafusos e porcas em ordem cruzada e em diversasetapas e remova-os. Em seguida, remova o conjunto dosuporte da árvore de comando. PORCAS PARAFUSOS ÁRVORE DE COMANDORemova a árvore de comando. 8-9
  • 195. CABEÇOTE/VÁLVULAS SHADOW 750 PONTO DE MEDIDAINSPEÇÃOEmpenamento da Árvore de ComandoApóie ambas as extremidades dos mancais da árvore decomando sobre blocos em V e meça seu empenamento,utilizando um relógio comparador.O empenamento real é a metade da leitura total do relógiocomparador. Limite de Uso 0,05 mmAltura do Ressalto da Árvore de ComandoInspecione as superfícies dos ressaltos da árvore de comandoquanto a escoriações ou evidências de lubrificaçãoinsuficiente.Meça a altura de cada ressalto da árvore de comando. ADM 37,16 mm Limite de Uso ESC 37,58 mmNOTA Inspecione o balancim caso o ressalto da árvore de comando esteja desgastado ou danificado.Mancal da Árvore de ComandoInspecione as superfícies do mancal da árvore de comandoquanto a escoriações ou evidências de lubrificaçãoinsuficiente.Meça o diâmetro externo de cada mancal da árvore decomando. Limite de Uso 21,90 mmNOTA Inspecione as passagens de óleo e o suporte da árvore de comando quanto a desgaste ou danos caso a superfície do mancal esteja desgastada ou danificada.Engrenagem da Árvore de ComandoInspecione a engrenagem da árvore de comando quanto adesgaste ou danos.8-10
  • 196. SHADOW 750 CABEÇOTE/VÁLVULAS SUPERFÍCIES DO MANCALCabeçoteInspecione as superfícies do mancal da árvore de comandodo cabeçote quanto a escoriações, riscos ou evidências delubrificação insuficiente. ÁRVORE DE COMANDOFolga de Óleo da Árvore de ComandoRemova quaisquer resíduos de óleo dos mancais dossuportes, do cabeçote e da árvore de comando.Posicione a árvore de comando no cabeçote e aplique umatira de plastigauge longitudinalmente em cada mancal daárvore de comando.NOTA • Não obstrua nenhuma passagem de óleo com o plastigauge. • Não gire a árvore de comando durante a inspeção. CONJUNTO DO SUPORTE PLASTIGAUGES DA ÁRVORE DE COMANDO PORCASInstale cuidadosamente o suporte da árvore de comando. Emseguida, aperte seus parafusos e porcas no torqueespecificado, em ordem cruzada e em diversas etapas.Torque: 23 N.m (2,3 kgf.m) PARAFUSOSRemova o suporte da árvore de comando e meça a largura decada plastigauge.A folga de óleo é determinada pela maior espessura doplastigauge. Limite de Uso 0,16 mmQuando o limite de uso for excedido, substitua a árvore decomando e verifique novamente a folga de óleo.Substitua o cabeçote e o suporte da árvore de comando casoa folga de óleo ainda exceda o valor de limite de uso. 8-11
  • 197. CABEÇOTE/VÁLVULAS SHADOW 750 BALANCIM DE ESCAPEDESMONTAGEM DO SUPORTE DA ÁRVORE DECOMANDONOTA Os procedimentos de serviço aplicam-se tanto aos suportes da árvore de comando dianteira como traseira.Remova os eixos dos balancins e os balancins de admissão eescape. BALANCINS DE ADMISSÃO EIXOS PARAFUSO DE AJUSTERemova a contraporca e o parafuso de ajuste da válvula senecessário.Inspeção do Balancim CONTRAPORCAInspecione a superfície deslizante dos balancins quanto adesgaste ou danos na região de contato com a árvore decomando, ou quanto a obstrução nos orifícios de óleo.Inspecione a superfície de contato do parafuso de ajuste daválvula quanto a desgaste ou danos.Meça o D.I. de cada balancim. Limite de Uso 12,05 mmInspeção do Eixo do BalancimInspecione os eixos dos balancins quanto a desgaste ou danos.Meça o diâmetro externo de cada eixo dos balancins. Limite de Uso 11,83 mmCalcule a folga entre o balancim e o eixo do balancim. Limite de Uso: 0,07 mmSubstitua o balancim e/ou seu eixo, se necessário.8-12
  • 198. SHADOW 750 CABEÇOTE/VÁLVULASInspeção do Suporte da Árvore de Comando MANCAISInspecione as superfícies do mancal de cada suporte daárvore de comando quanto a escoriações, riscos ouevidências de lubrificação insuficiente. CONEXÃO DA MANGUEIRAREMOÇÃO DO CABEÇOTENOTA • O motor deve ser removido do chassi antes de executar qualquer reparo no cabeçote. • Os procedimentos de reparo dos cabeçotes dianteiro e traseiro são os mesmos.Remova os seguintes componentes:– Motor (página 7-4)– Tampa do cabeçote (página 8-6)– Árvore de comando (página 8-7) PARAFUSO– Coletor de admissão (página 5-47)Remova o parafuso e a conexão da mangueira de água docilindro.Remova os parafusos do tensor da corrente de distribuição eas arruelas de vedação. PARAFUSOS/ARRUELAS DE VEDAÇÃO 8-13
  • 199. CABEÇOTE/VÁLVULAS SHADOW 750 TENSOR DA CORRENTE DE DISTRIBUIÇÃORemova o tensor da corrente de distribuição. PORCAS/ARRUELASRemova os seguintes parafusos e porcas do cabeçote:– Parafuso de 6 mm– Parafusos de 8 mm– Porcas/arruelasNOTA Solte os parafusos e porcas em ordem cruzada e em diversas etapas.Remova o cabeçote.NOTA Tenha cuidado para não danificar as superfícies de PARAFUSO, 6 mm PARAFUSOS, 8 mm contato ao remover o cabeçote. PINOS-GUIASRemova os pinos-guias e a junta. JUNTA GUIA DA CORRENTE DE DISTRIBUIÇÃORemova a guia da corrente de distribuição.8-14
  • 200. SHADOW 750 CABEÇOTE/VÁLVULAS COMPRESSOR DE MOLADESMONTAGEM DO CABEÇOTERemova as velas de ignição (página 3-7).NOTA Marque todos os componentes durante a desmontagem para que possam ser instalados novamente em suas posições originais.Remova as chavetas, utilizando a ferramenta especial.Ferramenta:Compressor de mola da válvula 07757-0010000 CHAVETASNOTA Para evitar perda de tensão, não comprima as molas das SEDE DA MOLA válvulas mais do que o necessário. MOLARemova o compressor de mola da válvula.Remova os seguintes componentes:– Retentor da mola– Molas interna/externa da válvula (ADM)– Mola da válvula (ESC)– Válvula VÁLVULA– Retentor da haste RETENTOR DA HASTE– Sede da mola RETENTORINSPEÇÃOCabeçoteRemova os depósitos de carvão da câmara de combustão elimpe a superfície de junta do cabeçote.Inspecione o cabeçote quanto a empenamento, utilizandouma régua de precisão e um cálibre de lâminas. Limite de Uso 0,10 mm 8-15
  • 201. CABEÇOTE/VÁLVULAS SHADOW 750Mola da Válvula ADM:Inspecione a mola da válvula quanto a fatiga ou danos. MOLA EXTERNA DA VÁLVULA MOLA INTERNAMeça o comprimento livre de cada mola da válvula. DA VÁLVULA Interna 36,47 mm ADM Limite de Uso Externa 40,58 mm ESC 44,72mm ESC:Haste da VálvulaInspecione cada válvula quanto a empenamento,queimaduras, riscos ou desgaste anormal.Insira as válvulas no cabeçote em suas posições originais.Certifique-se de que cada válvula movimenta-se para cima epara baixo suavemente e sem obstruções.Meça e anote o D.E. da haste de cada válvula. ADM 5,45 mm Limite de Uso ESC 5,41 mmGuia da VálvulaUtilize o alargador nas guias para remover os depósitos decarvão antes de medir o D.I. da guia.NOTA ALARGADOR DA GUIA DA VÁLVULA • Tenha cuidado para não inclinar o alargador na guia ao utilizá-lo. Caso contrário, as válvulas podem ser instaladas de maneira tendenciosa, causando vazamento de óleo pelo retentor da haste e contato inadequado da sede da válvula. Isto pode evitar a retífica da sede da válvula. • Insira o alargador pelo lado da câmara de combustão do cabeçote e sempre gire-o em sentido horário.Ferramenta:Alargador da guia da válvula5,510 mm (ADM/ESC) 07984-20000018-16
  • 202. SHADOW 750 CABEÇOTE/VÁLVULASMeça e anote o D.I. da guia de cada válvula. ADM 5,56 mm Limite de Uso ESC 5,56 mmCalcule a folga entre a haste e a guia da válvula, subtraindo oD.E. da haste da válvula do D.I. da guia correspondente. ADM 0,10 mm Limite de Uso ESC 0,11 mm GUIA DA CORRENTE DE DISTRIBUIÇÃOSe o valor da folga entre a haste e a guia da válvula exceder ovalor de limite de uso, verifique se uma nova guia, com seusvalores padrão, corrigiria o valor da folga para os valorestolerados.Em caso positivo, substitua as guias das válvulas que foremnecessárias e alargue-as para que encaixem.Se, mesmo com uma nova guia, o valor da folga entre ahaste e a guia da válvula exceder o valor de limite de uso,substitua as válvulas e as guias.NOTA Inspecione e retifique as sedes das válvulas sempre que as guias forem substituídas (página 8-19). TENSOR DA CORRENTE DE DISTRIBUIÇÃOGuia da Corrente de DistribuiçãoInspecione a guia da corrente de distribuição quanto adesgaste ou danos.Substitua a guia da corrente de distribuição, se necessário.Tensor da Corrente de DistribuiçãoInspecione o tensor da corrente de distribuição quanto adesgaste ou danos.Substitua o tensor da corrente de distribuição, se necessário. 8-17
  • 203. CABEÇOTE/VÁLVULAS SHADOW 750SUBSTITUIÇÃO DAS GUIAS DAS VÁLVULASNOTA Retifique as sedes das válvulas sempre que as guias forem substituídas para evitar um assentamento irregular.Coloque as guias das válvulas para substituição em umcongelador por aproximadamente uma hora.Aqueça o cabeçote até atingir uma temperatura entre 130 e140°C, utilizando uma chapa quente ou um forno. Não aqueçao cabeçote a uma temperatura superior a 150°C. Utilize umtermômetro, disponível em lojas de suprimentos de soldagem,para certificar-se de que o cabeçote esteja aquecido atemperatura adequada.NOTA INSTALADOR DA GUIA DA VÁLVULA Não utilize um maçarico para aquecer o cabeçote, pois pode causar seu empenamento.Para evitar queimaduras, vista luvas grossas ao manusear ocabeçote aquecido.Apóie o cabeçote e retire as guias das válvulas pelo lado dacâmara de combustão do cabeçote.NOTA Tenha cuidado para não danificar o cabeçote.Ferramenta:Instalador da guia da válvula5,5 mm (ADM/ESC) 07742-0010100 INSTALADOR DA GUIA DA VÁLVULAAjuste o instalador da guia da válvula na altura da guia.Ferramenta:Instalador da guia da válvula 07743-0020000Projeção da Guia da Válvula sobre o Cabeçote:ADM 17,2 – 17,4 mmESC 18,7 – 18,9 mmInsira as novas guias pelo lado da árvore de comando docabeçote, na altura da guia da válvula, enquanto o cabeçoteainda encontra-se aquecido.Espere o cabeçote esfriar até atingir a temperatura ambiente.Em seguida, utilize o alargador nas novas guias das válvulas.Ferramenta:Alargador da guia da válvula5,510 mm (ADM/ESC) 07984-2000001 ALARGADOR DA GUIA DA VÁLVULANOTA • Tenha cuidado para não inclinar o alargador na guia ao utilizá-lo. Caso contrário, as válvulas podem ser instaladas de maneira tendenciosa, causando vazamento de óleo pelo retentor da haste e contato inadequado da sede da válvula. Isto pode evitar a retífica da sede da válvula. • Insira o alargador pelo lado da câmara de combustão do cabeçote e sempre gire-o em sentido horário.Limpe completamente o cabeçote para remover quaisquerpartículas metálicas.Retifique a sede da válvula (página 8-20).8-18
  • 204. SHADOW 750 CABEÇOTE/VÁLVULAS FERRAMENTA DE POLIMENTO MANUALINSPEÇÃO/RETÍFICA DAS SEDES DASVÁLVULASINSPEÇÃOLimpe completamente as válvulas de admissão e escape pararemover quaisquer depósitos de carvão.Aplique uma fina camada de Azul-da-Prússia sobre as sedesdas válvulas.Execute o polimento das válvulas e sedes, utilizando umamangueira de borracha ou outra ferramenta de polimentomanual, sem no entanto rotacionar a válvula.Remova a válvula e inspecione a face da sede da válvula.NOTA As válvulas não podem ser retificadas. Substitua a válvula se sua face estiver queimada, excessivamente desgastada ou se o contato com a sede for irregular.Inspecione a face da sede da válvula quanto a:• Face danificada: – Substitua a válvula e retifique a sede.• Largura da sede irregular FACE DANIFICADA LARGURA DA – Substitua a válvula e retifique a sede. SEDE IRREGULAR• Área de contato (muito alta ou muito baixa): – Retifique a sede da válvula. MUITO BAIXA MUITO ALTAInspecione a largura da sede da válvula.O contato da sede da válvula deve possuir uma larguradentro do intervalo especificado e permanecer regular emtoda a circunferência. Padrão Limite de Uso 0,90 – 1,10 mm 1,5 mm LARGURA DE CONTATOSe a largura da sede não estiver de acordo com os valores DA SEDE DA VÁLVULAespecificados, retifique a sede da válvula. 8-19
  • 205. CABEÇOTE/VÁLVULAS SHADOW 750RETIFICA DAS SEDES DAS VALVULASNOTA • Siga as instruções de operação do fabricante do 45° retificador. • Retifique a sede da válvula sempre que a guia da válvula for substituída. 60° • Tenha cuidado para não retificar a sede mais do que o necessário. 32°Se a área de contato da válvula estiver muito alta, a sede CONTATO MUITO ALTO LARGURA DAdeve ser rebaixada utilizando-se uma fresa plana de 32°. SEDE ANTIGASe a área de contato da válvula estiver muito baixa, a sededeve ser erguida utilizando-se uma fresa para interiores de 32° 32°60°. CONTATO MUITO BAIXO LARGURA DA SEDE ANTIGA 60° 60°Utilize uma fresa de 45° para remover quaisquer rugosidadesou irregularidades das sedes. RUGOSIDADESFerramentas:Fresa para sede da válvula,27,5 mm (ADM) 07780-0010200Fresa para sede da válvula,35 mm (ESC) 07780-0010400Suporte para fresa, 5,5 mm 07781-0010101Utilize uma fresa de 32° para remover 1/4 do materialexistente na parte superior da sede da válvula. LARGURA DA SEDE ANTIGAFerramentas:Fresa plana, 28 mm (ADM) 07780-0012100Fresa plana, 35 mm (ESC) 07780-0012300Suporte para fresa, 5,5 mm 07781-0010101 32°8-20
  • 206. SHADOW 750 CABEÇOTE/VÁLVULASUtilize uma fresa de 60° para remover 1/4 do materialexistente na parte inferior da sede antiga. LARGURA DA SEDE ANTIGAFerramentas:Fresa para interiores, 30 mm(ADM) 07780-0014000Fresa para interiores, 37,5 mm(ESC) 07780-0014100Suporte para fresa, 5,5 mm 07781-0010101 60 ° 60°Utilize uma fresa de 45° para efetuar o acabamento e obter alargura correta da sede.Certifique-se de que todas as irregularidades e pontos de LARGURA DA SEDEcorrosão tenham sido removidos. 45° 45°Após retificar a sede, aplique composto de polimento na faceda válvula e efetue o seu polimento, aplicando uma leve LARGURA DApressão. SEDE ANTIGA• Pressão excessiva no polimento pode deformar ou danificar a sede.• Altere constantemente a inclinação da ferramenta de polimento para evitar um desgaste irregular da sede.• Tenha cuidado para que o composto de polimento não penetre nas guias.Após o polimento, limpe completamente os resíduos docabeçote e da válvula.Verifique novamente o contato da sede após o polimento. 8-21
  • 207. CABEÇOTE/VÁLVULAS SHADOW 750MONTAGEM DO CABEÇOTE CHAVETAS RETENTOR DA MOLA MOLA EXTERNA DA VÁLVULA MOLA INTERNA DA VÁLVULA SEDE DA MOLA RETENTOR DA HASTE GUIA DA VÁLVULA VÁLVULAS DE ADMISSÃO VÁLVULA DE ESCAPEAplique ar comprimido em todas as passagens de óleo do VÁLVULA RETENTOR DA HASTEcabeçote. ADM:Instale as sedes das molas das válvulas e os novos retentoresdas hastes.NOTA Os retentores da haste de escape possuem anel limitador. ESC:Lubrifique a superfície deslizante das hastes da guia daválvula utilizando solução de óleo de bissulfeto de ANELmolibdênio. SEDE DA MOLA LIMITADORInstale a válvula na guia da válvula.NOTA Para evitar danos ao retentor da haste, gire lentamente a válvula durante sua instalação.8-22
  • 208. SHADOW 750 CABEÇOTE/VÁLVULASInstale as molas das válvulas, mantendo o lado das espiras ADM:mais próximas voltado para a câmara de combustão. MOLA EXTERNA DA VÁLVULA MOLA INTERNA• As molas das válvulas possuem as seguintes marcas de DA VÁLVULA identificação: – ADM (interna): Marca amarela – ADM (Externa): Marca amarela – ESC: Marca brancaInstale o retentor da mola. LADO DA CÂMARA DE COMBUSTÃO ESC: LADO DA CÂMARA DE COMBUSTÃO COMPRESSOR DE MOLAInstale as chavetas, utilizando a ferramenta especial.NOTA Aplique graxa nas chavetas da válvula para facilitar sua instalação.Ferramenta:Compressor de mola da válvula 07757-0010000NOTA Para evitar perda de tensão, não comprima as molas das válvulas mais do que o necessário. CHAVETASApóie o cabeçote de forma que as válvulas não encostem emnenhum objeto que possa danificá-las.Bata levemente nas hastes das válvulas, utilizando ummartelo plástico e um eixo, para assentar firmemente aschavetas, como mostra a ilustração.Instale as velas de ignição (página 3-8). 8-23
  • 209. CABEÇOTE/VÁLVULAS SHADOW 750INSTALAÇÃO DO CABEÇOTENOTA • Os mesmos procedimentos aplicam-se tanto ao cabeçote dianteiro como ao traseiro. • Tenha cuidado para não danificar as superfícies de contato ao limpar o cabeçote. • Durante a limpeza da superfície de contato do cabeçote, coloque uma toalha sobre o cilindro aberto para evitar que a poeira penetre no motor.Limpe completamente as superfícies de contato da junta docilindro e do cabeçote, tendo cuidado para não danificá-las. GUIA DA CORRENTE AlinheInstale a guia da corrente de distribuição, alinhando aextremidade da guia com a ranhura da carcaça do motor, e asguias com a ranhura no cilindro. Alinhe PINOS-GUIAInstale os pinos-guia e uma nova junta. JUNTA MARCA “R”Os cilindros são identificados pelas seguintes marcasexistentes em seus compartimentos de óleo:• “F”: cabeçote dianteiro• “R”: cabeçote traseiro MARCA “F”8-24
  • 210. SHADOW 750 CABEÇOTE/VÁLVULAS PORCAS/ARRUELASInstale o cilindro no cabeçoteAplique óleo para motor nas roscas e superfícies deassentamento dos parafusos de 8 mm e porcas.Instale os parafusos de 8 mm, as porcas e arruelas.Aperte as porcas e parafusos de 8 mm no torqueespecificado.Torque: PARAFUSOS,Porca 47 N.m (4,8 kgf.m) 8 mmParafuso, 8 mm 23 N.m (2,3 kgf.m) PARAFUSO, 6 mmInstale e aperte seguramente o parafuso de 6 mm. TENSOR DA CORRENTE DE DISTRIBUIÇÃONOTA • Aperte manualmente todos os parafusos. Em seguida, aperte primeiramente os fixadores de maior diâmetro seguidos pelos de menor diâmetro. • Aperte os parafusos e porcas em ordem cruzada e em diversas etapas.Instale o tensor da corrente de distribuição, alinhando suaextremidade com a ranhura da carcaça do motor. AlinheAperte os parafusos do tensor como indicado a seguir:1. Instale temporariamente os parafusos do tensor, juntamente com novas arruelas de vedação.2. Aperte o parafuso do tensor da corrente de distribuição, no lado do cabeçote, no torque especificado. Torque: 10 N.m (1,0 kgf.m)3. Aperte o parafuso do tensor da corrente de distribuição, no lado do cilindro, no torque especificado. Torque: 10 N.m (1,0 kgf.m) PARAFUSOS/ARRUELA DE VEDAÇÃOInstale um novo anel de vedação na conexão da mangueirade água. ANEL DE VEDAÇÃO 8-25
  • 211. CABEÇOTE/VÁLVULAS SHADOW 750 PLACA LIMITADORA CONEXÃO DA MANGUEIRAInstale a conexão da mangueira de água, alinhando osorifícios dos parafusos da placa limitadora e do cabeçote.Instale e aperte seguramente os parafusos.Instale o motor no chassi (página 7-7).Instale os seguintes componentes:– Árvore de comando (página 8-26)– Tampa do cabeçote (página 8-31)– Coletor de admissão (página 5-48) PARAFUSOINSTALAÇÃO DA ÁRVORE DE COMANDOMONTAGEM DO SUPORTE DA ÁRVORE DE COMANDO EIXO DO BALANCIM PARAFUSO DE AJUSTE DE ADMISSÃO DA VÁLVULA EIXO DO BALANCIM DE ESCAPE CONTRAPORCA BALANCIM DE ADMISSÃO SUPORTE DA ÁRVORE BALANCIM DE ESCAPE DE COMANDO PARAFUSO DE AJUSTEAplique óleo de motor nas roscas dos parafusos de ajuste daválvula.Instale o parafuso de ajuste da válvula, juntamente com suacontraporca.. CONTRAPORCA8-26
  • 212. SHADOW 750 CABEÇOTE/VÁLVULAS BALANCINSNOTA • O balancim de escape possui uma superfície deslizante maior que a do balancim de admissão. • O eixo do balancim de admissão possui dois orifícios em cada extremidade. • O eixo do balancim de escape possui duas ranhuras em cada extremidade.Aplique solução de óleo de bissulfeto de molibdênio nasuperfície externa do eixo do balancim.Instale os balancins e os eixos. EIXOS ORIFÍCIOSAlinhe os orifícios do eixo do balancim de admissão com osorifícios do suporte da árvore de comando.Alinhe as ranhuras do eixo do balancim de escape com osorifícios do suporte da árvore de comando. ORIFÍCIOS MARCA “R” MARCA “F”PROCEDIMENTO DE SINCRONIZAÇÃO DA ÁRVORE DECOMANDONOTA • As árvores de comando estão identificadas pelas seguintes marcas gravadas: “F”: Árvore de comando do cilindro dianteiro “R”: Árvore de comando do cilindro traseiro • Se ambas as árvores de comando (dianteira e traseira) forem removidas, instale primeiramente a árvore de comando do cilindro dianteiro. Em seguida, instale a árvore de comando do cilindro traseiro. • Se não houver execução de reparos no cabeçote traseiro, remova sua tampa do cabeçote e verifique a posição da árvore de comando. • Se não houver execução de reparos no cabeçote dianteiro, remova sua tampa do cabeçote e verifique a posição da árvore de comando. 8-27
  • 213. CABEÇOTE/VÁLVULAS SHADOW 750Ajuste de PMS do Cilindro Dianteiro MARCA DE REFERÊNCIARemova o tampa do cabeçote traseiro (página 8-7) e verifiquea posição da árvore de comando do cilindro traseiro, atravésdo procedimento a seguir:NOTA Caso não tenham sido executados reparos no cilindro traseiro, inicie desta etapa.Gire a árvore de manivelas em sentido anti-horário e alinhe amarca “RT” do volante do motor com a marca de referênciada tampa esquerda da carcaça do motor. Em seguida, MARCA “RT”verifique a marca de identificação “R” na árvore de comandotraseira. MARCA “R”– Se a marca “R” encontrar-se voltada para cima, gire a árvore de manivelas em sentido anti-horário por 1-1/7 voltas (412°) (alinhe a marca “FT” do volante do motor com a marca de referência). Em seguida, inicie a instalação da árvore de comando dianteira.– Se a marca “R” encontrar-se voltada para baixo (e não puder ser vista), gire a árvore de manivelas em sentido anti- horário por 1/7 volta (52°) (alinhe a marca “FT” com a marca de referência). Em seguida, inicie a instalação da árvore de comando dianteira.Instale a árvore de comando dianteira (página 8-29).Ajuste de PMS de Ambos os Cilindros MARCA DE REFERÊNCIAAlinhe a marca “FT” do volante do motor com a marca dereferência da tampa esquerda da carcaça do motor.NOTA Caso tenham sido executados reparos em ambas as árvores de comando, inicie a instalação pela árvore de comando dianteira.Instale a árvore de comando dianteira (página 8-29). MARCA “FT”Posicione o cilindro traseiro em PMS (página 8-29).Instale a árvore de comando traseira (página 8-29).8-28
  • 214. SHADOW 750 CABEÇOTE/VÁLVULASAjuste de PMS do Cilindro Traseiro MARCA DE REFERÊNCIARemova o tampa do cabeçote dianteiro (página 8-6) everifique a posição da árvore de comando do cilindrodianteiro, através do procedimento a seguir:NOTA Caso não tenham sido executados reparos no cilindro dianteiro, inicie desta etapa.Gire a árvore de manivelas em sentido anti-horário e alinhe amarca “FT” do volante do motor com a marca de referênciada tampa esquerda da carcaça do motor. Em seguida, MARCA “FT”verifique a marca de identificação “F” na árvore de comandodianteira. MARCA “F”– Se a marca “F” encontrar-se voltada para cima, gire a árvore de manivelas em sentido anti-horário por 6/7 voltas (308°) (alinhe a marca “RT” do volante do motor com a marca de referência). Em seguida, inicie a instalação da árvore de comando traseira.– Se a marca “F” encontrar-se voltada para baixo (e não puder ser vista), gire a árvore de manivelas em sentido anti- horário por 1-6/7 voltas (668°) (alinhe a marca “RT” com a marca de referência). Em seguida, inicie a instalação da árvore de comando traseira.Instale a árvore de comando traseira, através doprocedimento a seguir. ÁRVORE DE COMANDO MARCAINSTALAÇÃO DA ÁRVORE DE COMANDONOTA • Certifique de seguir os PROCEDIMENTOS DE SINCRONIZAÇÃO DA ÁRVORE DE COMANDO (página 8- 27) antes de instalar a árvore de comando. • Os procedimentos de reparo executados nas árvores de comando dianteira e traseira são os mesmos.Lubrifique as superfícies do mancal e ressaltos da árvore decomando, utilizando solução de óleo de bissulfeto demolibdênio.Instale a árvore de comando, mantendo a marca de SUPORTE DA ÁRVORE DE COMANDOidentificação (“R”: árvore de comando traseira, “F”: árvore decomando dianteira) voltada para cima.Lubrifique cada superfície deslizante do balancim, utilizandosolução de óleo de bissulfeto de molibdênio.NOTA Antes de instalar o suporte da árvore de comando, solte completamente o parafuso e a contraporca de ajuste da válvula.Instale o conjunto do suporte da árvore de comando. 8-29
  • 215. CABEÇOTE/VÁLVULAS SHADOW 750 CONJUNTO DO SUPORTE DA ÁRVORE DE COMANDOInstale os parafusos e porcas do suporte da árvore decomando.Aperte os parafusos e porcas no torque especificado, emordem cruzada e em diversas etapas.Torque:Parafuso do suporte da árvorede comando 23 N.m (2,3 kgf.m)Porca do suporte da árvorede comando 23 N.m (2,3 kgf.m) PORCAS PARAFUSOS CORRENTE DE DISTRIBUIÇÃOInstale a engrenagem da árvore de comando na corrente dedistribuição, mantendo a marca “IN” voltada para dentro. MARCA “IN”Instale a engrenagem no flange da árvore de comando ecertifique-se de que as marcas de sincronização estãoalinhadas com a superfície superior do cabeçote.Limpe e aplique trava-química nas roscas dos parafusos daengrenagem da árvore de comando.NOTA Tenha cuidado para que os parafusos da engrenagem da árvore de comando não caiam no interior da carcaça do motor. MARCAS DE SINCRONIZAÇÃOAlinhe os orifícios dos parafusos da engrenagem e da árvorede comando.Instale temporariamente o parafuso da engrenagem daárvore de comando.Gire a árvore de manivelas por uma volta completa (360°) emsentido anti-horário e aperte o outro parafuso daengrenagem no torque especificado.Torque: 23 N.m (2,3 kgf.m)Gire a árvore de manivelas por uma volta completa (360°) emsentido anti-horário e aperte o outro parafuso daengrenagem no torque especificado. PARAFUSOS8-30
  • 216. SHADOW 750 CABEÇOTE/VÁLVULAS CALÇO A PINO, D.E. 2 mmRemova um pino de 2 mm de diâmetro externo, enquantomantém fixado o calço A do tensor da corrente dedistribuição e pressiona o calço B para baixo.NOTA • Tenha cuidado para que o pino de 2 mm de diâmetro externo não caia no interior da carcaça do motor. • Certifique-se de remover o pino de 2 mm de diâmetro externo antes de instalar a tampa do cabeçote. CALÇO BAbasteça o compartimento de óleo no cabeçote, utilizandoóleo para motor.Ajuste a folga da válvula (página 3-9).INSTALAÇÃO DA TAMPA DO CABEÇOTE HONDA BOND ALimpe a ranhura da junta e a superfície de contato da tampado cabeçote.Certifique-se de que junta encontra-se em boas condições.Substitua-a se necessário.Aplique o adesivo Honda Bond A ou um equivalente naranhura da junta da tampa do cabeçote.Instale a junta na ranhura. TAMPA DO CABEÇOTE JUNTADIANTEIROLimpe a superfície de contato da tampa do cabeçote.Instale a tampa no cabeçote dianteiro. TAMPA DO CABEÇOTE 8-31
  • 217. CABEÇOTE/VÁLVULAS SHADOW 750Verifique as condições dos vedadores de borracha; substitua-os se necessário.Instale os vedadores de borracha na tampa do cabeçote, na PARA CIMA UPposição indicada, como mostra a ilustração. VEDADOR DE BORRACHA PARAFUSO ARRUELAInstale as arruelas nos vedadores de borracha.Instale os parafusos na tampa do cabeçote e aperte-os notorque especificado.Torque: 10 N.m (1,0 kgf.m)Instale os seguintes componentes:– Alojamento do termostato (página 6-9)– Válvula de inspeção PAIR (página 5-61)– Bobina de ignição (página 18-8)– Tampa superior do cabeçote (página 2-6) VEDADOR DE BORRACHA PARAFUSOS TAMPA DO CABEÇOTETRASEIROLimpe a superfície de contato da tampa do cabeçote.Instale a tampa do cabeçote traseiro. JUNTA MANGUEIRAInstale os vedadores de borracha (página 8-32). PARAFUSO ARRUELA DE RESPIROInstale as arruelas.Instale os parafusos da tampa do cabeçote e aperte-os notorque especificado.Torque: 10 N.m (1,0 kgf.m)Conecte a mangueira de respiro da carcaça do motor.Instale os seguintes componentes:– Válvula de inspeção PAIR (página 5-61)– Tampa superior do cabeçote (página 2-6) VEDADOR PARAFUSOS DE BORRACHA8-32
  • 218. SHADOW 750 9. CILINDRO/PISTÃO LOCALIZAÇÃO DOS COMPONENTES 9-2 REMOÇÃO DO CILINDRO/PISTÃO 9-4 INFORMAÇÕES DE SERVIÇO 9-3 INSTALAÇÃO DO CILINDRO/PISTÃO 9-9 DIAGNOSE DE DEFEITOS 9-3 9-1
  • 219. CILINDRO/PISTÃO SHADOW 750LOCALIZAÇÃO DOS COMPONENTES9-2
  • 220. SHADOW 750 CILINDRO/PISTÃOINFORMAÇÕES DE SERVIÇOINFORMAÇÕES GERAIS• Este capítulo apresenta os procedimentos de reparo do pistão e cilindro. Para a execução de tais reparos, o motor deve ser removido do chassi.• Tenha cuidado para não danificar as paredes do cilindro e os pistões.• Tenha cuidado para não danificar as superfícies de contato ao remover o cilindro. Não bata o cilindro com muita força durante a remoção.• Durante a desmontagem, marque e armazene os componentes removidos para certificar-se de que sejam reinstalados em suas posições originais.• Limpe todos os componentes desmontados com solvente de limpeza e seque-os utilizando ar comprimido antes de inspecioná-los.• O abastecimento de óleo lubrificante do balancim da árvore de comando é executado através de passagens de óleo presentes no cabeçote e no suporte da árvore de comando. Limpe estas passagens antes de montar o cabeçote.ESPECIFICAÇÕES Unidade: mm Item Padrão Limite de Uso Cilindro D.I. 79,000 – 79,015 79,10 Ovalização — 0,06 Conicidade — 0,06 Empenamento — 0,10 Pistão, D.E. do pistão a 17 mm de sua base 78,97 – 78,99 78,90 pino do pistão, D.I. da cavidade do pino do pistão 18,002 – 18,008 18,05 anel do pistão D.E. do pino do pistão 17,994 – 18,000 17,98 Folga entre o pistão e o pino do pistão 0,002 – 0,014 0,04 Folga entre as 1° anel 0,15 – 0,25 0,40 extremidades 2º anel 0,25 – 0,40 0,60 do anel do pistão Anel de óleo 0,20 – 0,80 1,0 (anel lateral) Folga entre o anel e a 1º anel 0,025 – 0,055 0,08 canaleta do pistão 2º anel 0,015 – 0,045 0,07 Folga entre o cilindro e o pistão 0,010 – 0,045 0,10 D.I. da cabeça da biela 18,016 – 18,034 18,07 Folga entre a biela e o pino do pistão 0,016 – 0,040 0,06VALORES DE TORQUEPrisioneiro do cilindro (8 mm) Consulte página 9-8.Prisioneiro do cilindro (10 mm) Consulte página 9-8.Prisioneiro do cilindro (12 mm) Consulte página 9-8.DIAGNOSE DE DEFEITOSCompressão do cilindro muito baixa, dificuldade de Fumaça excessivapartida e desempenho inadequado em baixas rotações • Cilindro, pistão ou anéis do pistão desgastados• Vazamento na junta do cabeçote • Instalação inadequada dos anéis do pistão• Anéis do pistão desgastados, emperrados ou quebrados • Pistão ou parede do cilindro escoriada ou riscada• Pistão ou cilindro desgastado ou danificado Ruído excessivoCompressão muito alta, superaquecimento ou pré- • Pino do pistão ou cavidade do pino do pistãodetonação desgastados• Excesso de depósitos de carvão na câmara de • Cilindro, pistão ou anéis do pistão desgastados combustão ou na cabeça do pistão • Cabeça da biela desgastada 9-3
  • 221. CILINDRO/PISTÃO SHADOW 750 PARAFUSOSREMOÇÃO DO CILINDRO/PISTÃOREMOÇÃO DO CILINDRONOTA Os mesmos procedimentos aplicam-se tanto ao cilindro dianteiro como ao traseiro.Remova o cabeçote (página 8-13).Somente para o cilindro dianteiro:Remova os parafusos, a conexão da mangueira de água e oanel de vedação. JUNTA DA MANGUEIRA DE ÁGUA ANEL DE VEDAÇÃO PRESILHASRemova as presilhas retentoras.Empurre o espaçador de conexão em direção ao cilindrodianteiro ou traseiro. ESPAÇADOR DE CONEXÃO CILINDROLevante o cilindro e remova-o em seguida, tendo cuidadopara não danificar o pistão e os prisioneiros.NOTA • Fixe a corrente de distribuição, utilizando um pedaço de arame, para evitar que ela caia na carcaça do motor. • Não bata o cabeçote e tenha cuidado para não danificar sua superfície de contato ao utilizar uma chave-de-fenda. ANÉIS DE VEDAÇÃORemova o espaçador da conexão do cilindro.Remova os anéis de vedação. ESPAÇADOR DE CONEXÃO9-4
  • 222. SHADOW 750 CILINDRO/PISTÃO JUNTARemova os pinos-guias e a junta.Remova quaisquer resíduos de junta da superfície de contatodo cilindro.NOTA Tenha cuidado para não danificar a superfície da junta. PINOS-GUIAS PISTÃO PINO DO PISTÃOREMOÇÃO DO PISTÃORemova as presilhas do pino do pistão, utilizando um alicate.Puxe o pino para fora do pistão e da biela. Em seguida,remova o pistão.NOTA Coloque uma toalha sobre a carcaça do motor para evitar que as presilhas do pino do pistão caiam na carcaça do motor. PRESILHASSepare as extremidades de cada anel do pistão e remova-os,levantando-os pelo lado oposto à abertura entre suasextremidades.NOTA Tenha cuidado para não danificar o anel do pistão, separando excessivamente suas extremidades. ANEL DO PISTÃOLimpe os depósitos de carvão das canaletas dos anéis dopistão, utilizando um anel que será descartado.NOTA Nunca utilize uma escova de aço para remover os depósitos, pois poderá riscar a canaleta. 9-5
  • 223. CILINDRO/PISTÃO SHADOW 750INSPEÇÃOPistão/Anel do PistãoGire os anéis do pistão e inspecione-os quanto a suavidadede movimentação. Os anéis deverão girar livremente em suascanaletas, sem obstruções.NOTA Sempre substitua os anéis pistão em conjunto.Pressione o anel até que sua superfície externa estejapraticamente nivelada com o pistão e meça a folga entre oanel e a canaleta. ANEL DO PISTÃO 1° anel 0,08 mm Limite de Uso 2° anel 0,07 mmInsira corretamente o anel do pistão na base do cilindro,utilizando a cabeça do pistão.Meça a folga entre as extremidades do anel do pistão. 1° anel 0,4 mm 2° anel 0,6 mm Limite de Uso Anel de óleo 1,0 mm (anel lateral)Meça o D.E. do pistão, a 17 mm de sua base e a 90° dacavidade do pino do pistão. 90° Limite de Uso 78,90 mm 17 mmCompare esta medida com o valor máximo do D.I. do cilindroe calcule a folga entre o cilindro e o pistão(página 9-7). Limite de Uso 0,10 mmMeça o D.E. do pino do pistão em três pontos diferentes. Limite de Uso 17,98 mm9-6
  • 224. SHADOW 750 CILINDRO/PISTÃOMeça o D.I. da cavidade do pino do pistão. Limite de Uso 18,05 mmCalcule a folga entre o pistão e o pino do pistão. Limite de Uso 0,04 mmBielaMeça o D.I. da cabeça da biela. Limite de Uso 18,07 mmCalcule a folga entre a biela e o pino do pistão. Limite de Uso 0,06 mmCilindroInspecione a parte superior do cilindro quanto aempenamento, utilizando uma régua de precisão e um cálibrede lâminas através dos orifícios dos prisioneiros. Limite de Uso 0,10 mmInspecione a parede do cilindro quanto a riscos ou desgaste.Meça o D.I. do cilindro em três pontos dos eixos X e Y. Utilizea maior leitura para determinar o desgaste do cilindro. Limite de Uso 79,10 mmCalcule a folga entre o cilindro e o pistão. Limite de Uso 0,10 mm 9-7
  • 225. CILINDRO/PISTÃO SHADOW 750Calcule a conicidade e a ovalização do cilindro em três pontosdos eixos X e Y. Utilize a maior leitura para determinar a y Yconicidade e a ovalização. X X SUPERIOR Conicidade 0,06 mm Limite de Uso Ovalização 0,06 mm INTERMEDIÁRIOCaso os valores de limites de uso sejam excedidos, o cilindro INFERIORdeverá ser retificado e o pistão substituído por umsobremedida.Estão disponíveis os seguintes pistão sobremedida: 0,25 mm PRISIONEIROS 0,50 mmA folga entre o pistão e o cilindro, ao utilizar o pistãosobremedida, deverá ser de 0,010 a 0,045 mm.SUBSTITUIÇÃO DO PRISIONEIRO DO CILINDRORosqueie duas porcas no prisioneiro e aperte uma à outra.Em seguida, solte todo o conjunto com o auxílio de umachave para remover o prisioneiro.Aplique óleo para motor nas roscas inferiores de um novoprisioneiro e instale em seguida. LINGÜETANOTA • Instale os prisioneiros de 8 e 10 mm, mantendo o lado de sua lingüeta voltado para o cabeçote. • Instale o prisioneiro de 12 mm, mantendo seu lado de menor D.I. voltado o cabeçote.Após a instalação dos prisioneiros, verifique se a altura entrea cabeça de cada prisioneiro e a superfície da carcaça do PRISIONEIRO, PRISIONEIROS, 8 mm: 10 mm e 12 mm:motor encontra-se no valor especificado. 186 ± 1 mmAjuste a altura, se necessário. 169 ± 1 mm9-8
  • 226. SHADOW 750 CILINDRO/PISTÃOINSTALAÇÃO DO CILINDRO/PISTÃO 1° ANEL MARCAINSTALAÇÃO DOS ANÉIS DO PISTÃOAplique óleo para motor na superfície externa do pistão e dos MARCAanéis do pistão.Instale cuidadosamente os anéis do pistão em suas canaletas,mantendo suas marcas voltadas para cima. 120 °NOTA 120 ° 120 ° 2° ANEL • Tenha cuidado para não danificar o pistão e os anéis. • Não inverta o 1° e o 2° anel. • Para instalar o anel de óleo, instale primeiramente o ESPAÇADOR espaçador. Em seguida instale os anéis laterais. 20 mmPosicione as folgas entre as extremidades dos anéis a 120° OU MAIS ANÉISumas das outras. LATERAIS 1° ANELPosicione as folgas entre as extremidades dos anéis laterais 2° ANELcomo mostra a ilustração. ANEL DE ÓLEOINSTALAÇÃO DO PISTÃOAplique solução de óleo de bissulfeto de molibdênio nasuperfície interna da cabeça da biela. PISTÃOColoque uma toalha sobre a carcaça do motor para evitar quea presilha caia em seu interior.Aplique óleo para motor na superfície externa do pino dopistão.Instale o pistão.Instale o pino do pistão através do pistão e da biela. PINO DO PISTÃO 9-9
  • 227. CILINDRO/PISTÃO SHADOW 750 FOLGAInstale novas presilhas nas canaletas da cavidade do pino dopistão.NOTA • Certifique-se de que as presilhas do pino do pistão estejam seguramente assentadas. • Não alinhe a folga da extremidade da presilha com o recorte do pistão. PRESILHAS RECORTE ANÉIS DE VEDAÇÃOINSTALAÇÃO DO CILINDROLimpe completamente as superfícies da junta do cilindro e dacarcaça do motor, tendo cuidado para não danificá-las.NOTA Os mesmos procedimentos aplicam-se tanto ao cilindro dianteiro como ao traseiro.Instale novos anéis de vedação no espaçador da conexão.Instale o espaçador da conexão no cilindro. ESPAÇADOR DA CONEXÃO JUNTAInstale os pinos-guias e uma nova junta. PINOS-GUIAS CILINDROAplique uma camada de óleo sobre a parede do cilindro, asuperfície externa do pistão e sobre os anéis do pistão.NOTA Tenha cuidado para não danificar os anéis do pistão e a parede do pistão.Passe a corrente de distribuição através do cilindro. Emseguida, instale o cilindro sobre o pistão, à medida quecomprime os anéis do pistão.9-10
  • 228. SHADOW 750 CILINDRO/PISTÃO ESPAÇADOR DA CONEXÃO PRESILHASEncaixe o espaçador da conexão no orifício do cilindro econecte-o em seguida.Instale as presilhas retentoras nas ranhuras do espaçador daconexão. ANEL DE VEDAÇÃO PARAFUSOSSomente para o cilindro dianteiro:Instale um novo anel de vedação na ranhura da conexão damangueira de água.Instale e aperte seguramente os parafusos da conexão damangueira.Instale o cabeçote (página 8-24). CONEXÃO DA MANGUEIRA DE ÁGUA 9-11
  • 229. CILINDRO/PISTÃO SHADOW 750 NOTAS9-12
  • 230. SHADOW 750 10. EMBREAGEM/ SELETOR DE MARCHAS LOCALIZAÇÃO DOS COMPONENTES 10-2 ENGRENAGEM MOTORA PRIMÁRIA 10-12 INFORMAÇÕES DE SERVIÇO 10-3 SELETOR DE MARCHAS 10-14 DIAGNOSE DE DEFEITOS 10-4 INSTALAÇÃO DA EMBREAGEM 10-18 REMOÇÃO DA TAMPA DIREITA INSTALAÇÃO DA TAMPA DIREITA DA CARCAÇA DO MOTOR 10-5 DA CARCAÇA DO MOTOR 10-21 REMOÇÃO DA EMBREAGEM 10-7 10-1
  • 231. EMBREAGEM/SELETOR DE MARCHAS SHADOW 750LOCALIZAÇÃO DOS COMPONENTES 12 N.m (1,2 kgf.m) 13 N.m (1,3 kgf.m) 23 N.m (2,3 kgf.m) 15 N.m (1,5 kgf.m) · 88 N.m (9,0 kgf.m) 128 N.m (13,1 kgf.m) · 12 N.m (1,2 kgf.m) 10 N.m (1,0 kgf.m)10-2
  • 232. SHADOW 750 EMBREAGEM/SELETOR DE MARCHASINFORMAÇÕES DE SERVIÇOINFORMAÇÕES GERAIS• Os reparos na embreagem e seletor de marchas podem ser executados com o motor instalado no chassi.• A viscosidade e o nível do óleo do motor afetam o funcionamento da embreagem. Aditivos no óleo também afetam seu desempenho e não são recomendados. Quando a embreagem não desengatar ou a motocicleta trepidar com a embreagem desengatada, inspecione o óleo do motor e o nível de óleo antes de executar reparos no sistema de embreagem.ESPECIFICAÇÕES Unidade: mm Item Padrão Limite de UsoFolga da alavanca da embreagem 10 – 20 —Embreagem Comprimento livre da mola da embreagem 45,3 43,9 Espessura do disco da embreagem Disco A 2,62 – 2,78 2,3 Disco final 2,92 – 3,08 2,6 Empenamento do separador da embreagem – 0,30Guia da carcaça da embreagem D.I. 21,991 – 22,016 22,03 D.E. 31,959 – 31,975 31,92D.E. da árvore primária na guia da carcaça da embreagem 21,967 – 21,980 21,95Folga entre a guia da carcaça da embreagem e a árvore primária 0,011 – 0,049 0,08D.I. da carcaça da embreagem 32,000 – 32,025 32,09Folga entre a carcaça da embreagem e a guia da carcaça 0,025 – 0,066 0,18D.I. da engrenagem motora da bomba de óleo 32,025 – 32,145 32,16Folga entre a engrenagem motora da bomba de óleo e a guia da 0,050 – 0,186 0,23carcaça da embreagemVALORES DE TORQUEParafuso da placa de acionamento da embreagem 12 N.m (1,2 kgf.m)Contraporca do cubo da embreagem 128 N.m (13,1 kgf.m) Contraporca: substitua-a por uma nova e trave-a. Aplique óleo para motor nas roscas e superfícies de assentamentoParafuso Allen da tampa da embreagem 10 N.m (1,0 kgf.m)Parafuso da engrenagem motora primária 88 N.m (9,0 kgf.m) Aplique óleo para motor nas roscas e superfícies de assentamentoParafuso de fixação do braço seletor de marchas 12 N.m (1,2 kgf.m)Parafuso Allen da engrenagem movida da bomba de óleo 15 N.m (1,5 kgf.m) Aplique trava-química nas roscas.Parafuso da articulação do pedal seletor de marchas 26 N.m (2,7 kgf.m)Pino da mola de retorno do eixo do seletor de marchas 23 N.m (2,3 kgf.m)Parafuso da placa limitadora do retentor de óleo doeixo do seletor de marchas 13 N.m (1,3 kgf.m)FERRAMENTASFixador do cubo da embreagem Fixador de engrenagem, 2,507JMB-MN50301 07724-0010100 10-3
  • 233. EMBREAGEM/SELETOR DE MARCHAS SHADOW 750DIAGNOSE DE DEFEITOSDificuldade em acionar a alavanca da embreagem• Cabo da embreagem danificado, emperrado ou sujo• Cabo da embreagem instalado inadequadamente• Mecanismo de acionamento da embreagem danificado• Rolamento de acionamento da embreagem danificadoA embreagem não desengata ou a motocicleta trepida com a embreagem desengatada• Folga excessiva da alavanca da embreagem• Separadores da embreagem empenados• Contraporca do cubo da embreagem solta• Nível de óleo muito alto, viscosidade do óleo inadequada ou utilização de aditivos no óleoA embreagem escorrega• Folga incorreta da alavanca da embreagem• Discos da embreagem desgastados• Molas da embreagem enfraquecidas• Acionador da embreagem emperrado• Nível de óleo muito baixo, viscosidade do óleo inadequada ou utilização de aditivos no óleoDificuldade no engate de marchas• Funcionamento inadequado da embreagem• Viscosidade inadequada do óleo• Ajuste inadequado da embreagem• Eixo seletor de marchas empenado ou danificado• Excêntrico seletor de marchas danificado• Eixo do garfo seletor empenado ou garfos seletores e tambor seletor danificados (página 12-21)As marchas escapam• Posicionador do tambor seletor quebrado• Molas de retorno do eixo do seletor de marchas enfraquecidas ou quebradas• Excêntrico seletor de marchas desgastado ou danificado• Eixo do garfo seletor empenado ou garfos seletores e tambor seletor danificados (página 12-21)• Recortes ou orifícios das engrenagens desgastados (página 12-21)10-4
  • 234. SHADOW 750 EMBREAGEM/SELETOR DE MARCHAS BORRACHA DE PARAFUSOS VEDAÇÃO DE ÓLEOREMOÇÃO DA TAMPA DIREITA DACARCAÇA DO MOTORDrene o óleo do motor (página 3-13)Remova os parafusos, a tampa da embreagem e a borrachade vedação de óleo. TAMPA DA EMBREAGEM CABO DA EMBREAGEM FIXADORRemova os parafusos em ordem cruzada e em diversasetapas.Remova o fixador do cabo e desconecte o cabo daembreagem.Remova a tampa direita da carcaça do motor. PARAFUSOS TAMPA DIREITA DA CARCAÇA DO MOTOR PINOS-GUIASRemova os pinos-guias e limpe os resíduos de junta dassuperfícies de contato.NOTA Tenha cuidado para não danificar a superfície de contato. ACIONADOR DA EMBREAGEMDESMONTAGEMRemova o acionador da embreagem, girando o braço deacionamento da embreagem em sentido horário. BRAÇO DE ACIONAMENTO 10-5
  • 235. EMBREAGEM/SELETOR DE MARCHAS SHADOW 750 MOLA DE RETORNORemova o anel elástico e a mola de retorno do braço deacionamento da embreagem. ANEL ELÁSTICORemova o braço de acionamento da embreagem da tampadireita da carcaça do motor. BRAÇO DE ACIONAMENTOINSPEÇÃOInspecione o retentor de óleo quanto a fadiga ou danos.Inspecione a superfície deslizante do braço de acionamentona tampa direita da carcaça do motor quanto a desgaste,danos ou encaixe inadequado.Substitua estes componentes, se necessário.NOTA Caso seja necessário substituir o retentor de óleo, instale o retentor nivelando-o com a superfície da carcaça. RETENTOR DE ÓLEO BRAÇO DE ACIONAMENTOInspecione o braço de acionamento da embreagem quanto adesgaste, danos ou empenamento.Inspecione a mola quanto a fadiga ou danos.Substitua estes componentes se necessário.10-6
  • 236. SHADOW 750 EMBREAGEM/SELETOR DE MARCHASREMOÇÃO DA EMBREAGEMRemova a tampa direita da carcaça do motor (página 10-5).Se a engrenagem movida da bomba de óleo for removida,solte o parafuso da engrenagem movida enquanto aembreagem ainda estiver instalada. PARAFUSO PARAFUSOS/MOLASSolte os parafusos da placa de acionamento da embreagemem ordem cruzada e em diversas etapas. Remova-os emseguida.Remova a placa de acionamento/rolamento e as molas daembreagem. PLACA DE ACIONAMENTO/ROLAMENTO DestraveDestrave a contraporca do cubo da embreagem.NOTA Tenha cuidado para não danificar as roscas da árvore primária. FIXADOR DO CUBO DA EMBREAGEMFixe o cubo da embreagem, utilizando a ferramenta especial,e remova a contraporca do cubo da embreagem.Ferramenta:Fixador do cubo da embreagem 07JMB-MN50301Remova a ferramenta especial e a contraporca do cubo daembreagem. CONTRAPORCA 10-7
  • 237. EMBREAGEM/SELETOR DE MARCHAS SHADOW 750 ARRUELA DE ENCOSTORemova a arruela da mola e a arruela de encosto ARRUELA DA MOLA MOLA JUDDER/SEDE DA MOLA/DISCOS DA EMBREAGEM/SEPARADORES DA EMBREAGEMRemova os seguintes componentes:– Cubo da embreagem– Platô– Disco final da embreagem– Separadores da embreagem– Disco A da embreagem– Mola Judder– Sede da mola CUBO DA EMBREAGEM PLATÔ ARRUELA DE ENCOSTORemova a arruela de encosto e a carcaça da embreagem. CARCAÇA DA EMBREAGEM ARRUELARemova o parafuso da engrenagem movida da bomba deóleo e a arruela. PARAFUSO10-8
  • 238. SHADOW 750 EMBREAGEM/SELETOR DE MARCHAS ENGRENAGEM MOTORARemova as engrenagens motora e movida da bomba de óleoe a corrente de acionamento em conjunto. CORRENTE DE ENGRENAGEM MOVIDA ACIONAMENTO GUIA DA CARCAÇA DA EMBREAGEMRemova a guia da carcaça da embreagemINSPEÇÃORolamento de Acionamento da EmbreagemGire manualmente a pista interna do rolamento .Os rolamentos devem girar suave e silenciosamente.Inspecione também se a pista externa do rolamento encaixa-se sem folga na placa de acionamento.Remova e descarte os rolamentos caso a pista interna nãogire suave e silenciosamente ou se a pista externa encaixar-se com folga na placa de acionamento.Mola da EmbreagemVerifique o comprimento livre da mola da embreagem. Limite de Uso 43,9 mmNOTA Substitua as molas da embreagem em conjunto. 10-9
  • 239. EMBREAGEM/SELETOR DE MARCHAS SHADOW 750Disco da EmbreagemSubstitua os discos da embreagem caso apresentem sinaisde escoriações ou descoloração.NOTA Substitua os discos e separadores da embreagem em conjunto.Meça a espessura do disco da embreagem. Disco A 2,3 mm Limite de Uso Disco final 2,6 mmSeparador da EmbreagemInspecione os separadores quanto a descoloração.NOTA Substitua os discos e separadores da embreagem em conjunto.Inspecione o empenamento do separador em sua superfície,utilizando um cálibre de lâminas. Limite de Uso 0,30 mmCubo da EmbreagemInspecione o cubo da embreagem quanto a trincas, entalhesou desgaste anormal provocado pelos separadores daembreagem.Carcaça da EmbreagemInspecione os recortes da carcaça da embreagem quanto atrincas, entalhes ou desgaste anormal provocado pelosdiscos da embreagem.Meça o D.I. da carcaça da embreagem. Limite de Uso 32,09 mm10-10
  • 240. SHADOW 750 EMBREAGEM/SELETOR DE MARCHASGuia da Carcaça da EmbreagemInspecione a guia da carcaça da embreagem quanto adesgaste anormal ou danos .Meça o D.I. da guia da carcaça da embreagem. Limite de Uso 22,03 mmMeça o D.E. da guia da carcaça da embreagem. Limite de Uso 31,92 mmCalcule a folga entre a carcaça e a guia da carcaça daembreagem. Limite de Uso 0,18 mmEngrenagem Motora da Bomba de ÓleoInspecione a engrenagem motora da bomba de óleo quanto adesgaste ou danos.Meça o D.I. da engrenagem motora. Limite de Uso 32,16 mmCalcule a folga entre a engrenagem motora da bomba deóleo e a guia da carcaça da embreagem. Limite de Uso 0,23 mmÁrvore PrimáriaMeça o D.E. da árvore primária na superfície deslizante daguia da carcaça da embreagem. Limite de Uso 21,95 mmCalcule a folga entre a guia da carcaça da embreagem e aárvore primária. Limite de Uso 0,08 mm SEDE DA MOLA MOLA JUDDERMola Judder/Sede da molaInspecione a sede da mola e a mola judder quanto adeformações, desgaste ou danos. 10-11
  • 241. EMBREAGEM/SELETOR DE MARCHAS SHADOW 750Engrenagem Movida da Bomba de ÓleoInspecione a engrenagem movida da bomba de óleo quantoa desgaste ou danos. PARAFUSOS BORRACHASENGRENAGEM MOTORA PRIMÁRIAREMOÇÃORemova a embreagem (página 10-7).Remova os parafusos de fixação do sensor CKP.Remova o sensor CKP e as borrachas. SENSOR CKP FIXADOR DE ENGRENAGEM PARAFUSO/ARRUELAInstale temporariamente a guia da carcaça da embreagem, aengrenagem motora da bomba de óleo e a carcaça daembreagem na árvore primária (página 10-18).Remova o parafuso da engrenagem motora primária,juntamente com sua arruela, enquanto mantém fixada aengrenagem motora, utilizando a ferramenta especial.Ferramenta:Fixador de engrenagem, 2,5 07724-0010100Remova o fixador de engrenagem e os componentestemporariamente instalados. ENGRENAGEM MOTORA PRIMÁRIA ROTOR DO SENSOR CKPRemova o rotor do sensor CKP e a engrenagem motoraprimária. ENGRENAGEM MOTORA PRIMÁRIA10-12
  • 242. SHADOW 750 EMBREAGEM/SELETOR DE MARCHASINSPEÇÃOInspecione o rotor do sensor CKP quanto a desgaste oudanos.Inspecione a engrenagem motora primária quanto a desgasteou danos. ENGRENAGEM MOTORA PRIMÁRIA AlinheINSTALAÇÃOInstale a engrenagem motora primária na árvore demanivelas.NOTA • Instale a engrenagem motora primária, alinhando sua ranhura mais larga com o dente maior da árvore de manivelas. • Instale a engrenagem motora primária, mantendo sua marca “OUT” voltada para fora. MARCA “OUT” ROTOR DO SENSOR CKPInstale o rotor do sensor CKP, alinhando sua ranhura maislarga com o dente maior da árvore de manivelas. Alinhe 10-13
  • 243. EMBREAGEM/SELETOR DE MARCHAS SHADOW 750 ENGRENAGEM MOTORA PRIMÁRIAInstale temporariamente a guia da carcaça da embreagem, aengrenagem motora da bomba de óleo e a carcaça daembreagem na árvore primária.Aplique óleo para motor nas roscas e superfícies deassentamento do parafuso da engrenagem motora primária.Instale a arruela e o parafuso da engrenagem motoraprimária.Fixe a engrenagem motora primária, utilizando a ferramentaespecial.Ferramenta:Fixador de engrenagem, 2,5 07724-0010100 FIXADOR DE ENGRENAGEM PARAFUSO/ARRUELA PARAFUSOS BORRACHASAperte o parafuso no torque especificado.Torque: 88 N.m (9,0 kgf.m)Remova o fixador de engrenagem e os componentestemporariamente instalados.Instale o sensor CKP e a borracha da fiação. Em seguida,aperte os parafusos.Instale a embreagem (página 10-18). SENSOR CKP PARAFUSO DE FIXAÇÃOSELETOR DE MARCHASREMOÇÃORemova os seguintes componentes:– Tampa traseira esquerda da carcaça do motor (página 2-4)– Embreagem (página 10-7)Remova o parafuso de fixação e o braço seletor do eixoseletor de marchas.Limpe o eixo do seletor de marchas. PARAFUSO/ARRUELARemova o parafuso de fixação, a arruela e o pedal seletor demarchas. PEDAL SELETOR DE MARCHAS10-14
  • 244. SHADOW 750 EMBREAGEM/SELETOR DE MARCHAS RETENTORES DE PÓRemova os retentores de pó do pedal seletor de marchas.Inspecione os retentores de pó quanto a desgaste ou danos.Substitua-os, se necessário. POSICIONADOR DE MARCHAS MOLA DE RETORNORemova os seguintes componentes:– Parafuso– Arruela– Posicionador de marchas– Espaçador– Mola de retorno PARAFUSO/ARRUELA/ESPAÇADOR EIXO SELETOR DE MARCHASRemova o eixo seletor de marchas da carcaça do motor,desencaixando o braço seletor da placa do excêntrico seletorde marchas.INSPEÇÃORemova o parafuso e a placa limitadora. BRAÇO SELETORInspecione o retentor de óleo do eixo seletor de marchas PLACA LIMITADORAquanto a deterioração ou danos. Substitua-o se necessário.NOTA • Aplique graxa nos lábios do retentor de óleo. • Instale o retentor de óleo, mantendo seu lado marcado voltado para fora.Instale a placa limitadora, juntamente com seu parafuso.Aperte o parafuso no torque especificado.Torque: 13 N.m (1,3 kgf.m) PARAFUSO RETENTOR DO ÓLEO 10-15
  • 245. EMBREAGEM/SELETOR DE MARCHAS SHADOW 750 MOLAS DE RETORNOInspecione o eixo seletor de marchas quanto aempenamento, desgaste ou danos.Inspecione as molas de retorno quanto a fadiga ou danos. EIXO SELETOR DE MARCHAS HASTE DO PEDALInspecione a haste do pedal seletor de marchas quanto adanos. Verifique se as contraporcas estão soltas.Substitua a haste se necessário. CONTRAPORCAS Alinhe EIXO SELETOR DE MARCHASINSTALAÇÃOInstale o eixo seletor de marchas, alinhando as extremidadesda mola de retorno com o pino da mola do eixo seletor demarchas na carcaça do motor.Instale o braço seletor na placa do excêntrico seletor demarchas. BRAÇO SELETORInstale os seguintes componentes: MOLA DE RETORNO ESPAÇADOR– Espaçador– Mola de retorno PARAFUSO– Posicionador de marchas– Arruela– Parafuso POSICIONADOR DE MARCHAS ARRUELA10-16
  • 246. SHADOW 750 EMBREAGEM/SELETOR DE MARCHAS POSICIONADOR DE MARCHASFixe o posicionador de marchas, utilizando uma chave-de-fenda, e aperte seguramente o parafuso, como mostra ailustração. PARAFUSO RETENTORES DE PÓAplique graxa nos lábios dos retentores de pó.Instale os retentores de pó no pedal seletor de marchas. PARAFUSO/ARRUELAInstale o pedal seletor de marchas, a arruela e parafuso daarticulação.Aperte o parafuso da articulação no torque especificado.Torque: 26 N.m (2,7 kgf.m) PEDAL SELETOR DE MARCHAS Alinhe PARAFUSO DE FIXAÇÃOInstale o braço seletor no eixo seletor de marchas, alinhandoas marcas gravadas.Aperte o parafuso de fixação no torque especificado.Torque: 12 N.m (1,2 kgf.m) 10-17
  • 247. EMBREAGEM/SELETOR DE MARCHAS SHADOW 750 GUIA DA CARCAÇA DA EMBREAGEMINSTALAÇÃO DA EMBREAGEMAplique solução de óleo de bissulfeto de molibdênio nasuperfície externa da guia da carcaça da embreagem.Instale a guia da carcaça da embreagem na árvore primária. CORRENTE DE ACIONAMENTO ENGRENAGEM MOTORAInstale a corrente de acionamento da bomba de óleo, aengrenagem motora e a engrenagem movida da bomba deóleo em conjunto.NOTA • Instale a engrenagem movida da bomba de óleo, mantendo a marca “O” voltada para o lado interno. • Alinhe as superfícies planas do orifício da engrenagem movida e da extremidade do eixo da bomba de óleo. ENGRENAGEM MOVIDA Alinhe MARCAS ENGRENAGEM MOVIDA ARRUELAAplique trava-química nas roscas dos parafusos daengrenagem movida da bomba de óleo. Em seguida, instale aarruela e o parafuso.NOTA Aperte o parafuso da engrenagem movida no torque especificado após instalar a embreagem. PARAFUSO10-18
  • 248. SHADOW 750 EMBREAGEM/SELETOR DE MARCHAS CARCAÇA DA EMBREAGEMInstale a carcaça da embreagem na árvore primária.NOTA Alinhe as ranhuras da carcaça da embreagem com as guias da engrenagem motora da bomba de óleo, girando a engrenagem com a corrente de acionamento e pressionando a carcaça da embreagem na árvore primária. Alinhe ARRUELA DE ENCOSTOInstale a arruela de encosto na árvore primária.Cubra toda a superfície dos discos da embreagem com óleopara motor.Instale a sede da mola e a mola judder no cubo daembreagem, como mostra a ilustração.Instale o disco final da embreagem. PLATÔInstale os sete separadores e os sete discos A da embreagem, MOLA JUDDERiniciando por um separador.Instale o platô da embreagem. DISCOS ANOTA O disco final da embreagem possui um D.I. superior ao disco A. SEPARADORES SEDE DA MOLA DA EMBREAGEM DISCO FINAL DA EMBREAGEM 10-19
  • 249. EMBREAGEM/SELETOR DE MARCHAS SHADOW 750 CONJUNTO DA EMBREAGEMInstale o conjunto da embreagem na carcaça da embreagem. RANHURA RASAInstale o disco final da embreagem nas ranhuras rasas dacarcaça da embreagem. ARRUELA DE ENCOSTO MARCA “OUT SIDE”Instale a arruela de encosto.Instale a arruela da mola, mantendo sua marca “OUT SIDE”voltada para fora. ARRUELA DA MOLA FIXADOR DO CUBO DA EMBREAGEMAplique óleo para motor nas roscas e superfícies deassentamento de uma nova contraporca do cubo daembreagem. Em seguida, instale a contraporca na árvoreprimária.Aperte a contraporca do cubo da embreagem no torqueespecificado, enquanto mantém o cubo fixado, utilizando aferramenta especial.Ferramenta:Fixador do cubo da embreagem 07JMB-MN50301Torque: 128 N.m (13,1 kgf.m) CONTRAPORCA10-20
  • 250. SHADOW 750 EMBREAGEM/SELETOR DE MARCHAS TraveTrave a contraporca do cubo da embreagem na ranhura daárvore primária.NOTA Tenha cuidado para não danificar as roscas da árvore primária. PARAFUSOS/MOLASInstale as molas da embreagem, a placa de acionamento/rolamento e os parafusos.Aperte os parafusos em ordem cruzada e em diversas etapasno torque especificado.Torque: 12 N.m (1,2 kgf.m) PLACA DE ACIONAMENTO/ROLAMENTOCaso a engrenagem movida da bomba de óleo tenha sidoremovida, aperte seu parafuso no torque especificado.Torque: 15 N.m (1,5 kgf.m)Instale a tampa direita da carcaça do motor (página 10-22). PARAFUSO RETENTOR DE ÓLEOINSTALAÇÃO DA TAMPA DIREITA DACARCAÇA DO MOTORMONTAGEMAplique óleo para motor na superfície deslizante do braço deacionamento da embreagem da tampa direita da carcaça domotor.Aplique graxa nos lábios do retentor de óleo. 10-21
  • 251. EMBREAGEM/SELETOR DE MARCHAS SHADOW 750Instale o braço de acionamento da embreagem. BRAÇO DE ACIONAMENTO MOLA DE RETORNO ANEL ELÁSTICOInstale a mola de retorno, inserindo sua extremidade menorna ranhura do braço de acionamento da embreagem.Instale seguramente o anel elástico na ranhura do braço deacionamento da embreagem.Instale a extremidade maior da mola na lingüeta da tampa. Instale RANHURA ACIONADOR DA EMBREAGEMInstale o acionador da embreagem, alinhando suaextremidade com a ranhura no braço de acionamento daembreagem, girando o braço de acionamento em sentidohorário. BRAÇO DE ACIONAMENTO PINOS-GUIASINSTALAÇÃOInstale os pinos-guias.10-22
  • 252. SHADOW 750 EMBREAGEM/SELETOR DE MARCHASLimpe as superfícies de contato da tampa direita e da carcaçado motor.NOTA Tenha cuidado para não danificar as superfícies de contato.Aplique junta-líquida (Three Bond 1207B ou equivalente) nasuperfície de contato da tampa direita da carcaça do motor. CABO DA EMBREAGEM FIXADOR DO CABOConecte o cabo da embreagem.Instale a tampa direita da carcaça do motor e o fixador docabo da embreagem. Em seguida, aperte os parafusos emordem cruzada e em diversas etapas. PARAFUSOS TAMPA DIREITA DA CARCAÇA DO MOTOR PARAFUSOS BORRACHA DO RETENTOR DE ÓLEOInstale a borracha do retentor de óleo na tampa daembreagem, mantendo seu flange menor voltado para cima.Instale a tampa da embreagem e aperte seus parafusos notorque especificado.Torque: 10 N.m (1,0 kgf.m)Abasteça a carcaça do motor, utilizando o óleo recomendadopara motor (página 3-12). TAMPA DA EMBREAGEM 10-23
  • 253. EMBREAGEM/SELETOR DE MARCHAS SHADOW 750 NOTAS10-24
  • 254. SHADOW 750 11. ALTERNADOR/ EMBREAGEM DE PARTIDA LOCALIZAÇÃO DOS COMPONENTES 11-2 VOLANTE DO MOTOR/ EMBREAGEM DE PARTIDA 11-5 INFORMAÇÕES DE SERVIÇO 11-3 INSTALAÇÃO DO ESTATOR 11-11 DIAGNOSE DE DEFEITOS 11-3 REMOÇÃO DO ESTATOR 11-4 11-1
  • 255. ALTERNADOR/EMBREAGEM DE PARTIDA SHADOW 750LOCALIZAÇÃO DOS COMPONENTES 128 N.m (13,1 kgf.m)11-2
  • 256. SHADOW 750 ALTERNADOR/EMBREAGEM DE PARTIDAINFORMAÇÕES DE SERVIÇOINFORMAÇÕES GERAIS• Este capítulo abrange os reparos no estator do alternador e volante do motor. Todos os reparos podem ser executados com o motor instalado no chassi.• Para inspeção do alternador, consulte a página 17-9.• Para reparos no motor de partida, consulte a página 19-6.ESPECIFICAÇÕES Unidade: mm Item Padrão Limite de Uso Engrenagem movida de partida D.I. 37,000 – 37,025 37,10 D.E. 57,749 – 57,768 57,73 D.I. da carcaça da embreagem de partida 74,414 – 74,440 74,46VALORES DE TORQUEParafuso Allen do estator 12 N.m (1,2 kgf.m) Aplique trava-química nas roscas.Parafuso do volante do motor 128 N.m (13,1 kgf.m) Roscas invertidas. Aplique óleo para motor nas roscas e superfícies de assentamento.Parafuso Allen do fixador da fiação do estator 12 N.m (1,2 kgf.m) Aplique trava-química nas roscas.Parafuso Allen da carcaça da embreagem unidirecionalde partida 30 N.m (3,1 kgf.m) Aplique trava-química nas roscas.FERRAMENTASFixador do volante do motor Extrator do rotor07725-0040001 07733-0020001DIAGNOSE DE DEFEITOSO motor de partida gira, mas o motor não• Embreagem de partida defeituosa• Engrenagem redutora danificada• Engrenagem intermediária de partida danificada 11-3
  • 257. ALTERNADOR/EMBREAGEM DE PARTIDA SHADOW 750 CONECTOR 3P (Branco)REMOÇÃO DO ESTATORRemova os seguintes componentes:– Tampa lateral esquerda (página 2-4)– Tampa traseira esquerda da carcaça do motor (página 2-4)Desacople o conector 3P (Branco) do alternador.Solte a fiação do alternador das cintas da fiação. CINTAS DA FIAÇÃO TAMPA ESQUERDA DA CARCAÇA DO MOTOR PARAFUSOSSolte a fiação das presilhas.Posicione um recipiente sob a tampa esquerda da carcaça domotor para coletar o óleo.Remova os parafusos, as presilhas e a tampa esquerda dacarcaça do motor.NOTA • Solte os parafusos em ordem cruzada e em diversas etapas. • A tampa esquerda da carcaça do motor (estator) é magneticamente fixada ao volante do motor. Tenha cuidado ao removê-la. • Tenha cuidado para não danificar a tampa do alternador. PRESILHAS PINOS-GUIASRemova os pinos-guias e limpe os resíduos de junta dasuperfície de contato.NOTA Tenha cuidado para não danificar as superfícies de contato. PARAFUSO BORRACHARemova o parafuso e o fixador da fiação do estator da tampaesquerda da carcaça do motor.Remova a borracha da fiação. FIXADOR11-4
  • 258. SHADOW 750 ALTERNADOR/EMBREAGEM DE PARTIDA ESTATORRemova os parafusos e o estator da tampa da esquerda dacarcaça do motor. PARAFUSOS ENGRENAGEM INTERMEDIÁRIA ENGRENAGEM REDUTORAVOLANTE DO MOTOR/EMBREAGEM DEPARTIDAREMOÇÃO DO VOLANTE DO MOTORRemova a tampa esquerda da carcaça do motor (página 11-4).NOTA Para inspeção da bobina de carga do alternador, consulte a página 17-9.Remova a engrenagem redutora de partida e seu eixo. EIXOSRemova a engrenagem intermediária de partida e seu eixo. PARAFUSO/ARRUELARemova o parafuso do volante do motor e a arruela,enquanto mantém fixado o volante do motor, utilizando aferramenta especial.Ferramenta:Fixador do volante do motor 07725-0040001NOTA O parafuso do volante do motor possui roscas invertidas. FIXADOR DO VOLANTE DO MOTOR VOLANTE DO MOTORRemova o volante do motor, utilizando a ferramenta especial.Ferramenta:Extrator do rotor 07733-0020001 EXTRATOR DO ROTOR 11-5
  • 259. ALTERNADOR/EMBREAGEM DE PARTIDA SHADOW 750 CHAVETA MEIA-LUA ROLAMENTO DA AGULHASRemova o calço, o rolamento de agulhas e a chaveta meia-luada árvore de manivelas.NOTA • Tenha cuidado para não danificar a ranhura da chaveta meia-lua e a árvore de manivelas durante a remoção da chaveta. • Não perca a chaveta meia-lua. CALÇO ENGRENAGEM INTERMEDIÁRIA DE PARTIDAINSPEÇÃO DA ENGRENAGEM INTERMEDIÁRIA/ENGRENAGEM REDUTORA DE PARTIDAEngrenagem Intermediária de Partida/EixoInspecione a engrenagem intermediária de partida e seu eixoquanto a desgaste ou danos. EIXO ENGRENAGEM REDUTORA DE PARTIDAEngrenagem Redutora de Partida/EixoInspecione a engrenagem redutora de partida e seu eixoquanto a desgaste ou danos. EIXO11-6
  • 260. SHADOW 750 ALTERNADOR/EMBREAGEM DE PARTIDA ENGRENAGEM MOVIDAREMOÇÃO DA ENGRENAGEM MOVIDA DE PARTIDA/EMBREAGEM DE PARTIDAInspecione o funcionamento da embreagem unidirecional,girando a engrenagem movida de partida.A engrenagem movida de partida deve girar suavemente emsentido anti-horário, e não deve girar em sentido horário.Remova a engrenagem movida de partida do volante domotor, girando a engrenagem em sentido anti-horário. VOLANTE DO MOTORRemova os parafusos Allen, enquanto mantém fixado ovolante do motor, utilizando a ferramenta especial.Ferramenta:Fixador do volante do motor 07725-0040001 PARAFUSOS ALLEN VOLANTE DO MOTOR CARCAÇA DA EMBREAGEMRemova a carcaça da embreagem de partida/embreagemunidirecional do volante do motor. EMBREAGEM UNIDIRECIONAL ROLAMENTO DE AGULHASINSPEÇÃO DA EMBREAGEM DE PARTIDAROLAMENTO DE AGULHASInspecione o rolamento de agulhas quanto a desgasteanormal ou danos. 11-7
  • 261. ALTERNADOR/EMBREAGEM DE PARTIDA SHADOW 750 MOLACarcaça da Embreagem Unidirecional/Embreagem de PartidaInspecione a embreagem de encosto unidirecional quanto adesgaste anormal, danos ou movimentação irregular.NOTA • Somente remova a embreagem unidirecional da carcaça da embreagem se for substituí-la por uma nova. • Se a mola for removida da ranhura da embreagem unidirecional, substitua o conjunto da embreagem unidirecional por um novo.Inspecione a superfície de contato interna da carcaça da CARCAÇA DA EMBREAGEMembreagem de partida quanto a desgaste ou danos. EMBREAGEM UNIDIRECIONALMeça o D.I. da carcaça da embreagem de partida. Limite de Uso 74,46 mmEngrenagem Movida de PartidaInspecione a superfície de contato da embreagem de encostounidirecional quanto a desgaste ou danos.Meça o D.E. da engrenagem movida de partida. Limite de Uso 57,73 mmMeça o D.I. da engrenagem movida de partida. Limite de Uso 37,10 mmINSTALAÇÃO DA ENGRENAGEM MOVIDA DEPARTIDA/EMBREAGEM DE PARTIDA CARCAÇA DA EMBREAGEM DE PARTIDA 30 N.m (3,1 kgf.m) ENGRENAGEM MOVIDA DE PARTIDA EMBREAGEM UNIDIRECIONAL VOLANTE DO MOTOR11-8
  • 262. SHADOW 750 ALTERNADOR/EMBREAGEM DE PARTIDA CARCAÇA DA EMBREAGEMLimpe a embreagem unidirecional e aplique óleo para motorna região de encosto.Instale a embreagem unidirecional na carcaça da embreagemde partida, mantendo o lado do flange voltado para o volantedo motor.NOTA Caso a mola tenha sido removida da ranhura da embreagem unidirecional, substitua o conjunto da embreagem unidirecional por um novo. EMBREAGEM UNIDIRECIONAL VOLANTE DO MOTORInstale a carcaça da embreagem de partida/embreagemunidirecional no volante do motor. CARCAÇA DA EMBREAGEM/ EMBREAGEM UNIDIRECIONALFixe o volante do motor, utilizando a ferramenta especial.Ferramenta:Fixador do volante do motor 07725-0040001Limpe e aplique trava-química nas roscas do parafuso Allen.Instale e aperte os parafusos Allen no torque especificado.Torque: 30 N.m (3,1 kgf.m) PARAFUSOS ALLEN ENGRENAGEM MOVIDAInstale a engrenagem movida de partida no volante domotor, girando a engrenagem movida em sentido anti-horário.Inspecione novamente o funcionamento da embreagemunidirecional (página 11-7). VOLANTE DO MOTOR 11-9
  • 263. ALTERNADOR/EMBREAGEM DE PARTIDA SHADOW 750 CHAVETA MEIA-LUA ROLAMENTO DE AGULHASINSTALAÇÃO DO VOLANTE DO MOTORInstale a chaveta meia-lua na ranhura da árvore demanivelas.NOTA Tenha cuidado para não danificar a ranhura da chaveta ou a árvore de manivelas durante a instalação da chaveta meia-lua.Aplique óleo para motor na região de rotação do rolamentode agulhas e instale-o na árvore de manivelas.Instale o calço na árvore de manivelas.Limpe quaisquer resíduos de óleo da superfície de contato da CALÇOárvore de manivelas. VOLANTE DO MOTORLimpe quaisquer resíduos de óleo da superfície de contato dovolante do motor.Instale o volante do motor na árvore de manivelas, alinhandoa ranhura da chaveta do volante do motor com a chavetameia-lua da árvore de manivelas. Alinhe PARAFUSO/ARRUELAFixe o volante do motor, utilizando a ferramenta especial.Ferramenta:Fixador do volante do motor 07725-0040001Aplique óleo para motor nas roscas e superfícies deassentamento do parafuso do volante do motor.Instale e aperte o parafuso do volante do motor, juntamentecom sua arruela, no torque especificado.Torque: 128 N.m (13,1 kgf.m)NOTA FIXADOR DO VOLANTE DO MOTOR O parafuso do volante do motor possui roscas invertidas. ENGRENAGEM INTERMEDIÁRIA ENGRENAGEM REDUTORAAplique óleo para motor na superfície externa dos eixos daengrenagem redutora de partida e da engrenagemintermediária.Instale a engrenagem redutora de partida, a engrenagemintermediária e seus eixos na carcaça esquerda do motor.NOTA Instale a engrenagem redutora de partida, mantendo sua marca “OUT” voltada para fora.Instale o estator e a tampa esquerda da carcaça do motor(página 11-11). EIXOS MARCA “OUT”11-10
  • 264. SHADOW 750 ALTERNADOR/EMBREAGEM DE PARTIDAINSTALAÇÃO DO ESTATORTAMPA ESQUERDA DA CARCAÇA DO MOTOR FIXADOR DA FIAÇÃO 12 N.m (1,2 kgf.m) ESTATOR 12 N.m (1,2 kgf.m) ESTATORInstale o estator na tampa esquerda da carcaça do motor.Limpe e aplique trava-química nas roscas do parafuso.NOTA Região de cobertura: 6,5 ± 1,0 mm a partir de sua ponta.Instale e aperte os parafusos Allen do estator no torqueespecificado.Torque: 12 N.m (1,2 kgf.m) PARAFUSOS ALLEN PARAFUSO ALLEN BORRACHAInstale a borracha nas ranhuras da tampa esquerda dacarcaça do motor.Limpe e aplique trava-química nas roscas do parafuso.NOTA Região de cobertura: 6,5 ± 1,0 mm a partir de sua ponta.Instale o fixador da fiação na tampa esquerda da carcaça domotor.Instale e aperte o parafuso no torque especificado.Torque: 12 N.m (1,2 kgf.m) FIXADOR DA FIAÇÃO 11-11
  • 265. ALTERNADOR/EMBREAGEM DE PARTIDA SHADOW 750Remova os resíduos de junta-líquida da superfície de contatoda tampa esquerda da carcaça do motor.Aplique junta-líquida (Three Bond 1207B ou equivalente) nasuperfície de contato da tampa esquerda da carcaça domotor.NOTA Não remova o excesso de junta-líquida com solvente orgânico. PINOS-GUIASInstale os pinos-guias.Instale a tampa esquerda da carcaça do motor.NOTA A tampa esquerda da carcaça do motor (estator) é magneticamente fixada ao volante do motor. Tenha cuidado ao removê-la.Aplique trava-química nas roscas do parafuso marcado datampa esquerda da carcaça do motor (marca “Δ”), comomostra a ilustração. TAMPA ESQUERDA DA CARCAÇA DO MOTOR PARAFUSOSInstale as presilhas e os parafusos da tampa esquerda dacarcaça do motor.Aperte os parafusos da tampa esquerda da carcaça do motorem ordem cruzada e em diversas etapas.Prenda a fiação utilizando as presilhas.NOTA Passe adequadamente a fiação (página 1-20). PRESILHAS11-12
  • 266. SHADOW 750 ALTERNADOR/EMBREAGEM DE PARTIDA CONECTOR 3P (Branco)Prenda a fiação do alternador, utilizando as cintas da fiação.NOTA Passe adequadamente a fiação (página 1-20).Acople o conector 3P (Branco) do alternador.Instale os seguintes componentes:– Tampa traseira esquerda da carcaça do motor (página 2-4)– Tampa lateral esquerda (página 2-4)Verifique o nível de óleo do motor (página 3-12). CINTAS DA FIAÇÃO 11-13
  • 267. ALTERNADOR/EMBREAGEM DE PARTIDA SHADOW 750 NOTAS11-14
  • 268. ÁRVORE DE MANIVELAS/SHADOW 750 12. TRANSMISSÃO LOCALIZAÇÃO DOS COMPONENTES 12-2 BRONZINA DO MANCAL PRINCIPAL 12-16 INFORMAÇÕES DE SERVIÇO 12-3 TRANSMISSÃO 12-20 DIAGNOSE DE DEFEITOS 12-8 ENGRENAGENS DE TRANSMISSÃO 12-28 SEPARAÇÃO DA CARCAÇA DO MOTOR 12-9 SUBSTITUIÇÃO DO ROLAMENTO DA CARCAÇA DO MOTOR 12-47 ÁRVORE DE MANIVELAS/BIELA 12-10 MONTAGEM DA CARCAÇA DO MOTOR 12-48 BRONZINA DO MANCAL DA ÁRVORE DE MANIVELAS 12-13 12-1
  • 269. ÁRVORE DE MANIVELAS/TRANSMISSÃO SHADOW 750LOCALIZAÇÃO DOS COMPONENTES 49 N.m (5,0 kgf.m) 23 N.m (2,3 kgf.m) 31 N.m (3,2 kgf.m) 33 N.m (3,4 kgf.m) 13 N.m (1,3 kgf.m) 23 N.m (2,3 kgf.m)PARAFUSO DA CARCAÇA DO MOTOR: 23 N.m (2,3 kgf.m)12-2
  • 270. SHADOW 750 ÁRVORE DE MANIVELAS/TRANSMISSÃOINFORMAÇÕES DE SERVIÇOINFORMAÇÕES GERAIS• A carcaça do motor deve ser separada para a execução reparos nos seguintes componentes: – Bomba de óleo – Árvore de manivelas/biela – Engrenagens de transmissão – Transmissão• Os seguintes componentes devem ser removidos antes da separação da carcaça do motor: – Cartucho de filtro de óleo (página 3-13) – Bomba de água (página 6-16) – Cabeçote (página 8-13) – Cilindro/pistão (página 9-4) – Embreagem (página 10-7) – Seletor de marchas (página 10-14) – Engrenagem motora primária (página 10-12) – Volante do motor (página 11-5) – Motor de partida (página 19-6) – Sensor VS (página 20-14) – Interruptor de ponto-morto (página 20-23) – Interruptor EOP (página 4-5)• Tenha cuidado para não danificar as superfícies de contato da carcaça do motor durante a execução de reparos.• Marque e armazene as bielas, as capas e bronzinas para certificar-se de que sejam reinstaladas em suas posições originais.• As bronzinas dos mancais principais e dos mancais da árvore de manivelas são selecionadas e identificadas pelos códigos de cores. Selecione as bronzinas de substituição consultando as tabelas de código. Após a seleção, verifique novamente a folga de óleo. Folgas de óleo incorretas podem causar sérios danos ao motor.• Antes de montar as metades da carcaça do motor, aplique junta-líquida em suas superfícies de contato e remova completamente o excesso.• Sempre que substituir as engrenagens motora/movida de transmissão, os rolamentos, seus suportes ou sua carcaça, execute a inspeção de padrão de contato e folga entre os dentes das engrenagens e ajuste os calços se necessário. As linhas de extensão da superfície de encaixe das engrenagens devem interceptar-se em um determinado ponto.• Ao utilizar uma chave para contraporca na carcaça das engrenagens do eixo de transmissão, utilize uma chave de torque com cabo defletor de 20 polegadas de comprimento. A chave para contraporca aumenta a ação da alavanca da chave, de forma que a leitura de torque obtida na chave será menor que o torque realmente aplicado à contraporca. As especificações apresentadas a seguir indicam o valor real de torque que deve ser aplicado à contraporca, e não o valor de leitura na chave de torque. O procedimento seguinte informa ambos os valores, tanto o real como o indicado na chave de torque.• Proteja a carcaça das engrenagens de transmissão, utilizando uma toalha ou mordentes macios ao fixá-la em uma morsa. Não aperte excessivamente a carcaça das engrenagens de transmissão pois poderá danificá-la. 12-3
  • 271. ÁRVORE DE MANIVELAS/TRANSMISSÃO SHADOW 750ESPECIFICAÇÕES Unidade: mm Item Padrão Limite de UsoÁrvore de Folga lateral do colo da biela 0,05 – 0,20 0,30manivelas Folga de óleo da bronzina da árvore de manivelas 0,028 – 0,052 0,07 Folga de óleo do mancal principal 0,020 – 0,038 0,07 Empenamento – 0,03 D.E. do mancal principal 52,982 – 53,000 52,976 D.I. do mancal principal 58,010 – 58,022 58,070Garfo seletor, D.I. do eixo 13,000 – 13,018 13,03eixo seletor Espessura da garra 5,93 – 6,00 5,6 D.E. do eixo seletor 12,966 – 12,984 12,90D.E. do tambor seletor na extremidade esquerda 11,966 – 11,984 11,94D.I. do mancal do tambor seletor 12,000 – 12,018 12,05Folga entre o tambor seletor e o mancal do tambor seletor 0,016 – 0,052 0,09Transmissão D.I. da engrenagem M3, M5 28,000 – 28,021 28,04 C1, C4 31,000 – 31,025 31,05 C2 24,000 – 24,021 24,04 D.E. da bucha da M3, M5 27,959 – 27,980 27,94 engrenagem C1, C4 30,950 – 30,975 30,93 C2 23,959 – 23,980 23,94 Folga entre a M3, M5, C2 0,020 – 0,062 0,10 engrenagem e a bucha C1, C4 0,025 – 0,075 0,11 D.I. da bucha da M3 25,000 – 25,021 25,04 engrenagem C2 20,000 – 20,021 20,04 D.E. da árvore primária Na bucha M3 24,959 – 24,980 24,94 D.E. da árvore secundária Na bucha C2 19,980 – 19,993 19,96 Folga entre a bucha e M3 0,020 – 0,062 0,10 o eixo C2 0,007 – 0,041 0,07Sistema de D.E. da engrenagem de transmissão 24,000 – 24,021 24,04transmissão Bucha da engrenagem D.E. 23,959 – 23,980 23,70 de transmissão D.I. 20,020 – 20,041 20,06 D.E. do eixo da engrenagem motora de transmissão 19,979 – 20,000 19,97 Folga entre a engrenagem e a bucha 0,020 – 0,062 0,082 Folga entre a bucha da engrenagem e o eixo 0,020 – 0,062 0,082 Comprimento da mola do amortecedor 62,3 59 da engrenagem de transmissão Folga entre os dentes das engrenagens de 0,08 – 0,23 0,40 transmissão Diferença da folga entre as medidas – 0,1012-4
  • 272. SHADOW 750 ÁRVORE DE MANIVELAS/TRANSMISSÃOVALORES DE TORQUEParafuso da carcaça do motor, 8 mm 23 N.m (2,3 kgf.m)Porca da capa da bronzina do mancal da árvore de manivelas 33 N.m (3,4 kgf.m) Aplique óleo para motor nas roscas e superfícies de assentamento.Parafuso da placa do excêntrico seletor de marchas 12 N.m (1,2 kgf.m) Aplique trava-química nas roscas.Parafuso de fixação da carcaça das engrenagensde transmissão 31 N.m (3,2 kgf.m) Aplique junta-líquida nas roscas.Parafuso de fixação do conjunto das engrenagensde transmissão 31 N.m (3,2 kgf.m) Aplique óleo para motor nas roscas e superfícies de assentamento.Contraporca do rolamento da engrenagem motorade transmissão (Interna) 73 N.m (7,4 kgf.m) Contraporca; substitua-a por uma nova e trave-a. Aplique óleo para motor nas roscas e superfícies de assentamento.Contraporca do rolamento da engrenagem motorade transmissão (Externa) 98 N.m (10,0 kgf.m) Contraporca; substitua-a por uma nova e trave-a. Aplique óleo para motor nas roscas e superfícies de assentamento.Contraporca do rolamento da engrenagem movidade transmissão (Interna) 73 N.m (7,4 kgf.m) Contraporca; substitua-a por uma nova e trave-a. Aplique óleo para motor nas roscas e superfícies de assentamento.Contraporca do rolamento da engrenagem movidade transmissão (Externa) 98 N.m (10,0 kgf.m) Contraporca; substitua-a por uma nova e trave-a. Aplique óleo para motor nas roscas e superfícies de assentamento.Parafuso do eixo da engrenagem movida de transmissão 49 N.m (5,0 kgf.m)Parafuso Allen de fixação do conjunto da engrenagemmovida de transmissão 31 N.m (3,2 kgf.m) Aplique óleo para motor nas roscas e superfícies de assentamento. 12-5
  • 273. ÁRVORE DE MANIVELAS/TRANSMISSÃO SHADOW 750FERRAMENTASInstalador Acessório, 42 x 47 mm Acessório, 52 x 55 mm07749-0010000 07746-0010300 07746-0010400Acessório, 62 x 68 mm Guia, 22 mm Guia, 17 mm07746-0010500 07746-0041000 07746-0040400Guia, 20 mm Guia, 30 mm Cabo extrator07746-0040500 07746-0040700 07936-3710100Conjunto extrator de rolamento, Contrapeso extrator Instalador, 57 mm20 mm 07741-0010201 070MF-MEG010007936-371060012-6
  • 274. SHADOW 750 ÁRVORE DE MANIVELAS/TRANSMISSÃOFERRAMENTASConjunto instalador metálico Compressor da mola de Fixador de eixo A070MF-MEG0200 amortecimento 07PAB-0010100 07964-ME90000Cabo fixador Chave para contraporca, 36 x 47,8 mm Ferramenta de inspeção do07PAB-0010400 07916-MB00002 diferencial 07KMK-HC50101Conjunto extrator de rolamento, Instalador do retentor de óleo Instalador, D.I. de 40 mm17 mm 07965-KE80200 07746-003010007936-3710300Acessório, D.I. de 30 mm Alicate para anel elástico07746-0030300 07914-5670100 12-7
  • 275. ÁRVORE DE MANIVELAS/TRANSMISSÃO SHADOW 750DIAGNOSE DE DEFEITOSRuído excessivo• Bronzinas do mancal principal desgastadas• Bronzinas do mancal da árvore de manivelas desgastadas• Engrenagens da transmissão desgastadas ou danificadas• Rolamentos da transmissão desgastados ou danificadosRuído excessivo no lado das engrenagens• Engrenagens do diferencial ou do eixo de transmissão desgastadas ou danificadas• Rolamento da carcaça das engrenagens de transmissão desgastado ou danificado• Calço de ajuste incorretoDificuldade no engate de marchas• Funcionamento inadequado da embreagem (página 10-9)• Viscosidade incorreta do óleo do motor• Garfos seletores empenados• Eixo do garfo seletor empenado• Garra do garfo seletor empenada• Ranhuras do excêntrico do tambor seletor danificadas• Eixo seletor de marchas empenadoAs marchas escapam• Recortes ou ranhuras das engrenagens desgastadas• Ranhura seletora de marcha desgastada• Eixo do garfo seletor empenado• Posicionador do tambor seletor quebrado• Garfos seletores desgastados ou empenados• Mola do posicionador do tambor seletor quebrada• Mola de retorno do eixo seletor de marchas quebrada12-8
  • 276. SHADOW 750 ÁRVORE DE MANIVELAS/TRANSMISSÃO CORRENTE DE DISTRIBUIÇÃO PARAFUSOSSEPARAÇÃO DA CARCAÇA DO MOTOR ESQUERDO: DIREITO:Remova o motor do chassi (página 7-4).Consulte o item “Informações de Serviço”, na página 12-3,para remoção dos componentes necessários à separação dacarcaça do motor.Remova os parafusos e as placas de fixação dos tensores dascorrentes de distribuição.Remova as correntes de distribuição. PLACAS DE FIXAÇÃO CORRENTE DE DISTRIBUIÇÃO FIXADOR DO EIXO A PARAFUSO/ARRUELASolte o parafuso do eixo da engrenagem motora detransmissão e remova-o juntamente com sua arruela,enquanto mantém fixado o eixo da engrenagem movida detransmissão, utilizando as ferramentas especiais.Ferramentas:Fixador de eixo A 07PAB-0010100Cabo fixador 07PAB-0010400 CABO FIXADOR PARAFUSOSRemova os parafusos e a placa de fixação do rolamento. PLACA DE FIXAÇÃO PARAFUSOS, 8 mmSolte os parafusos de 6 e 8 mm, em ordem cruzada e emdiversas etapas, e remova-os em seguida. PARAFUSOS, 6 mm 12-9
  • 277. ÁRVORE DE MANIVELAS/TRANSMISSÃO SHADOW 750 PARAFUSOS, 8 mm PARAFUSO, 8 mm/ARRUELASolte os parafusos de 6 e 8 mm, em ordem cruzada e emdiversas etapas, e remova-os em seguida juntamente comsuas arruelas.Gire a placa do excêntrico até atingir a posição indicada nailustração. PLACA DO EXCÊNTRICO PARAFUSOS, 6 mm CARCAÇA DIREITAApóie a carcaça do motor, mantendo seu lado esquerdovoltado para baixo, e remova a carcaça direita do motor.NOTA • Separa a carcaça direita da esquerda, forçando-as levemente nos pontos indicados na ilustração. • Separa a carcaça direita da esquerda, batendo levemente em ambas, nos pontos indicados, utilizando um martelo macio. PONTOS DE ALAVANCAGEM PINOS-GUIASRemova os pinos-guias e o retentor do tubo.Remova os resíduos de junta das superfícies de contato dascarcaças esquerda e direita do motor. RETENTOR DO TUBOÁRVORE DE MANIVELAS/BIELA ÁRVORE DE MANIVELAS/BIELAREMOÇÃO DA ÁRVORE DE MANIVELASSepare as carcaças do motor (página 12-9).Remova a árvore de manivelas/biela da carcaça esquerda domotor.NOTA Tenha cuidado para não danificar o mancal principal e o mancal da árvore de manivelas durante a execução de reparos na árvore de manivelas e biela.12-10
  • 278. SHADOW 750 ÁRVORE DE MANIVELAS/TRANSMISSÃO CÁLIBRE DE LÂMINASINSPEÇÃO DA FOLGA LATERALInspecione a folga lateral do colo das bielas antes de removê-las.Meça a folga lateral, inserindo um cálibre de lâminas entre aárvore de manivelas e o colo da biela. Limite de Uso 0,30 mm CAPASREMOÇÃO DA BIELARemova as porcas das capas das bronzinas do mancal daárvore de manivelas.NOTA Bata levemente na lateral da capa da biela caso haja dificuldade de removê-la. PORCAS BRONZINA CAPAMarque as bielas, as bronzinas e suas capas durante suaremoção, para que possam ser montadas em suas posições,mancais e cilindros originais.Para inspeção da cabeça da biela, consulte a página 9-7. BIELA 12-11
  • 279. ÁRVORE DE MANIVELAS/TRANSMISSÃO SHADOW 750INSPEÇÃO DA ÁRVORE DE MANIVELAS 10 mm 10 mmInspecione as superfícies dos mancais da árvore demanivelas quanto a danos, descoloração ou riscos. 40 mmEmpenamento da Árvore de ManivelasApóie a árvore de manivelas sobre blocos em V.Posicione um relógio comparador nos mancais principais.Gire a árvore de manivelas por duas voltas completas e façaa leitura de seu empenamento. Limite de Uso 0,03 mm PONTO DE MEDIÇÃOINSTALAÇÃO DA BIELANOTA Não inverta as bronzinas. Caso as bronzinas sejam invertidas, a correta folga de óleo pode não ser obtida, resultando em sérios danos ao motor.Remova quaisquer resíduos de óleo das bielas, capas ebronzinas. BIELA AlinheInstale as bronzinas em suas capas e bielas, alinhando alingüeta com a ranhura.Aplique solução óleo de bissulfeto de molibdênio nasuperfície de encosto das bronzinas dos mancais da árvorede manivelas.Instale as bielas e suas capas na árvore de manivelas,alinhando o código de D.I. da biela e da capa. Certifique-se deque cada componente seja instalado em sua posição original,como observado durante a remoção.NOTA • Posicione o injetor de óleo da biela do cilindro dianteiro INJETOR DE ÓLEO CAPA voltado para o lado traseiro (lado de admissão) do PORCAS cilindro. • Posicione o injetor de óleo da biela do cilindro traseiro voltado para o lado traseiro (lado de escape) do cilindro.Aplique óleo para motor nas roscas e superfícies deassentamento das porcas das capas da bielas.Instale as porcas e aperte-as alternadamente e em diversasetapas, no torque especificado.Torque: 33 N.m (3,4 kgf.m)Após apertar as porcas, verifique se as bielas movimentam-se livremente, sem obstruções.12-12
  • 280. SHADOW 750 ÁRVORE DE MANIVELAS/TRANSMISSÃO ÁRVORE DE MANIVELASINSTALAÇÃO DA ÁRVORE DE MANIVELASAplique solução de óleo de bissulfeto de molibdênio nosmancais principais da árvore de manivelas. Em seguida,instale a árvore de manivelas na carcaça esquerda do motor.Monte a carcaça do motor (página 12-48).BRONZINA DO MANCAL DA ÁRVORE DEMANIVELASNOTA Não inverta as bronzinas. Caso as bronzinas sejam invertidas, a correta folga de óleo pode não ser obtida, resultando em sérios danos ao motor.Remova as bielas (página 12-11).INSPEÇÃO DA BRONZINAInspecione as bronzinas quanto a desgaste anormal, danos BRONZINASou descascamento. Substitua-as se necessário.Selecione a bronzina de substituição adequada (página 12-14).INSPEÇÃO DA FOLGA DE ÓLEORemova quaisquer resíduos de óleo das bronzinas e mancaisda árvore de manivelas.Coloque uma tira de plastigauge longitudinalmente em cadamancal da árvore de manivelas, tendo cuidado para nãoatingir o orifício de óleo.Instale cuidadosamente as bielas e capas em seus corretosmancais. PLASTIGAUGE 12-13
  • 281. ÁRVORE DE MANIVELAS/TRANSMISSÃO SHADOW 750 PORCASAplique óleo para motor nas roscas e superfícies deassentamento das porcas das capas da bielas.Instale as porcas e aperte-as alternadamente e em diversasetapas, no torque especificado.Torque: 33 N.m (3,4 kgf.m)NOTA Não gire a árvore de manivelas durante esta inspeção.Remova as capas das bielas e meça a altura de cadaplastigauge, eu seu ponto mais largo, a fim de determinar afolga de óleo. Limite de Uso 0,07 mmCaso a folga de óleo exceda o valor de limite de uso,selecione novas bielas de substituição, como descrito aseguir. PLASTIGAUGESELEÇÃO DA BRONZINAAnote o código numérico de D.I. da biela.NOTA Os códigos de D.I. da biela são identificados pelos números 3 e 4. CÓDIGO NUMÉRICO DE D.I. DA BIELAAnote a letra de código do D.E. do mancal da árvore demanivelas.NOTA Os códigos de D.E. do mancal da árvore de manivelas são identificados pelas letras A e B nos contrapesos da árvore de manivelas.Utilizando a tabela da página seguinte, faça o cruzamento doscódigos das bielas e mancais para determinar o código de corda bronzina de substituição. CÓDIGO DO D.E. DO MANCAL DA ÁRVORE DE MANIVELAS12-14
  • 282. SHADOW 750 ÁRVORE DE MANIVELAS/TRANSMISSÃOTabela de Seleção da Bronzina Código de D.I. da Biela 3 4 43,000 – 43,008 43,008 – 43,016Código de D.E. do mancal C B A 39,982 – 39,990da árvore de manivelas (Rosa) (Amarela) B A B 39,974 – 39,982 (Amarela) (Verde)Espessura da Bronzina:A (Verde): Mais grossa CÓDIGO DE CORB (Amarela):C (Rosa): Mais finaNOTA Após a seleção das novas bronzinas, inspecione novamente a folga, utilizando os plastigauges. Folgas incorretas podem causar sérios danos ao motor.SELEÇÃO DA BIELAEncontra-se gravado na capa da biela um código alfabéticode peso. Caso seja necessário substituir a biela, selecioneuma que possua o mesmo código de peso da biela original.Se uma biela de mesmo código não estiver disponível, utilizeuma outra seguindo a especificação abaixo.Tabela de Combinação de Peso de Biela• A marca “O” na tabela indica os casos de coincidência de cruzamento dos códigos. Código de Peso da Biela Traseira A B CPeso da Biela A O O Código de Dianteira B O O O CÓDIGO DE PESO C O O Peso A 398 – 403 gCódigo de B 403 – 408 gPeso da Biela C 408 – 413 gInstale os seguintes componentes:– Biela (página 12-12)– Árvore de manivelas (página 12-13) 12-15
  • 283. ÁRVORE DE MANIVELAS/TRANSMISSÃO SHADOW 750BRONZINA DO MANCAL PRINCIPALNOTA Não inverta as bronzinas. Caso as bronzinas sejam invertidas, a correta folga de óleo pode não ser obtida, resultando em sérios danos ao motor.Remova a árvore de manivelas (página 12-10).INSPEÇÃO DA BRONZINARemova quaisquer resíduos de óleo das bronzinas.Inspecione as bronzinas quanto a desgaste anormal, danos MARCA DE REFERÊNCIAou descascamento. Substitua-as se necessário. LADO INTERNOMeça e anote o D.I. da bronzina do mancal principal, entre aranhura da bronzina e a extremidade externa da carcaça domotor na bronzina, a 90° da marca de referência. LADO EXTERNO 90° BRONZINA DO MANCAL PRINCIPALRemova quaisquer resíduos de óleo dos mancais da árvorede manivelas.Meça e anote o D.E. do mancal principal da árvore demanivelas. Limite de Uso 52,976 mmCalcule a folga de óleo do mancal principal. Limite de Uso 0,07 mmCaso a folga de óleo exceda o valor de limite de uso,selecione uma nova bronzina.SELEÇÃO DA BRONZINAInstale a ferramenta especial, juntamente com uma prensahidráulica no lado externo da carcaça do motor.Ferramenta:Instalador, 57 mm 070MF-MEG010012-16
  • 284. SHADOW 750 ÁRVORE DE MANIVELAS/TRANSMISSÃORemova as bronzinas do mancal principal pelo lado internoda carcaça do motor. INSTALADOR BRONZINAMeça e anote o D.I. do mancal principal da carcaça do motor,entre a ranhura do mancal principal e a extremidade externa MARCA DE REFERÊNCIAda carcaça do motor, a 90° da marca de referência. Limite de Uso 58,070 mm 90° LADO INTERNO LADO EXTERNOEm função dos resultados obtidos nas medições acima,existem quatro cenários possíveis para seleção das bronzinas CÓDIGO DE D.I. DO SUPORTE DA BRONZINAdos mancais principais:• Substituição da árvore de manivelas e carcaça do motor• Somente substituição da carcaça do motor• Somente substituição da árvore de manivelas• Somente substituição das bronzinas dos mancais principaisConsulte cuidadosamente as tabelas e instruções a seguirpara seleção das bronzinas dos mancais principais.Anote a letra de código de D.I. do suporte da bronzina.NOTA As letras A e B da carcaça do motor indicam o código de D.I. da carcaça.Anote o código numérico de D.E. do mancal principal.NOTA Os números 1, 2 e 3 em cada em cada contrapeso da árvore de manivelas indicam o código de D.E. do mancal da árvore de manivelas.Faça o cruzamento dos códigos da árvore de manivelas ecarcaça do motor para determinar o código de cor dabronzina de substituição. CÓDIGO NUMÉRICO DE D.E. DO MANCAL PRINCIPAL 12-17
  • 285. ÁRVORE DE MANIVELAS/TRANSMISSÃO SHADOW 750Substituição da árvore de manivelas e carcaça do motor: Código de D.E. do mancal principal 1 2 3 52,994 – 53,000 52,988 – 52,994 52,982 – 52,988 Código de D.I.