• Share
  • Email
  • Embed
  • Like
  • Save
  • Private Content
História das revistas no Brasil e no Mundo
 

História das revistas no Brasil e no Mundo

on

  • 24,119 views

Seminário apresentado em 11.11.11. Disciplina: História da Comunicação. UEPB - DECOM

Seminário apresentado em 11.11.11. Disciplina: História da Comunicação. UEPB - DECOM

Statistics

Views

Total Views
24,119
Views on SlideShare
24,118
Embed Views
1

Actions

Likes
2
Downloads
244
Comments
0

1 Embed 1

https://si0.twimg.com 1

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    História das revistas no Brasil e no Mundo História das revistas no Brasil e no Mundo Presentation Transcript

    • UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAÍBA - UEPB CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS - CCSA DEPARTAMENTO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL - DECOMCURSO: COMUNICAÇÃO SOCIAL - JORNALISMO - TURMA: 2011.2 - 1º PERÍODO COMPONENTE CURRICULAR: HISTÓRIA DA COMUNICAÇÃO PROFESSORA: FÁTIMA LUNA ALUNOS (AS): DIEGO HENRIQUE GOMES SILVEIRA ELAINE DE LIMA SILVA FRANKLIN JOSÉ PEREIRA LEITE GEORGIA EUGÊNIO DOS SANTOS ROSÂNGELA SILVA FERREIRA TAYSE ERYSLAINE DE MORAIS SANTOS FRANKLIN WELLINGTON SERGIO DE SOUSA
    •  Os Primórdios O aspecto mais fascinante da história das revistas é que toda essa indústria repousa em apenas algumas poucas idéias de revistas que foram se reproduzindo ao longo do tempo, no mundo inteiro. Vamos então a essa história de idéias de revistas.
    •  A primeira revista nasceu em Hamburgo na Alemanha em 1663 século XVII, chamava-se Erbauliche Monaths-Unterredungen (Edificantes Discussões Mensais).  Criada por um teólogo e poeta chamado Johann Rist.  Foi publicada até 1668.
    •  E como a idéia deu certo, logo a novidade da revista monotemática foi copiada. Em 1665, surgiram a francesa ”Jornal dos Sábios” sobre ciências e a inglesa “Transações Filosóficas”. Em 1668, apareceu a italiana “Jornal dos Literatos”. O passo seguinte foi a invenção da revista multimemática.
    •  Le Mercure ou Le Mercure Galant  A revista foi publicada de 1672-1724 na França (com uma interrupção em 1674-1677) sob o título Mercure galant.  Mercure galant Nouveau (1677-1724). O título foi mudado para Mercure de France em 1724.  A revista publicava crônicas sobre a Corte, anedotas elegantes, poesia.
    •  The Athenian Gazette ou The Athenian Mercury  Foi um periódico publicado em Londres duas vezes por semana ( 1690 – 1697).  A revista tinha um anúncio no final encorajando os leitores a enviar suas perguntas, chamado de coluna de conselhos.  Incrementou novas seções como informações de serviços, notas ou matérias e desenhos que representavam a sociedade.
    •  Primeira revista feminina da história  Surgiu em Londres no ano 1693 , e chamava-se The Ladie’s Mercury (Mercúrio das Senhoras).  Com publicação semanal, a revista foi promissora em responder a todas as questões mais agradáveis e curiosas sobre amor, casamento, vestido, comportamento e humor do sexo feminino.  Também tinha a crônica da Corte e poesia, mas mostrava desenhos de roupas, moldes para vestidos e bordados.
    •  The Gentleman’s Magazine  Publicada na Inglaterra em 1731 por Edward Cave, considerada a primeira revista moderna.  Dedicada ao entretenimento, incluindo ensaios, textos de ficção, poemas, comentários políticos e críticas.  Foi a primeira vez que a palavra magazine foi usada para esse tipo de publicação.
    •  O número de novas revistas se multiplicou pela Europa, onde o analfabetismo diminuía e o interesse por novas idéias crescia. O aparecimento das revistas nos Estados Unidos começou com uma história de concorrência. Era 1741, e Benjamim Franklin estava para lançar no dia 13 de fevereiro a primeira revista do novo continente, chamada General Magazine and Historical Chronicle.
    •  Só que o Benjamim Franklin tinha um concorrente nos negócios que ouviu falar na novidade. E foi assim que Andrew Bradford lançou o American Magazine, or Monthly View, três dias antes. General Magazine and Historical Chronicle  American Magazine, or Monthly View
    •  As revistas brasileiras também começaram com a mesma dúvida sobre quem teria sido a primeira. Em 1808 saiu o Correio Brazilense ou Armazém Literário. Quatro anos depois surgiu As Variedades ou Ensaios de Literatura. Como ambos tinham aparência de livro, o Correio passou a ser o primeiro jornal, porque alguns historiadores acharam que As Variedades obedecia mais a um espírito editorial de revista, e ela virou oficialmente a número um da categoria.
    •  Correio Brazilense ou  As Variedades ou Armazém Literário Ensaios de Literatura
    •  As Variedades ou Ensaios de Literatura, nasceu em Salvador no ano de 1812. Discursos sobre os costumes e as virtudes morais e sociais. Algumas novelas de escolhido gosto e moral. Extratos de história antiga e moderna. Autores clássicos, cuja leitura tendia a formar gosto e pureza na linguagem.
    •  Revista O Patriota, nasceu no Rio de Janeiro no ano de 1813.  Trazendo expressiva contribuição iconográfica (gravuras, tabelas e quadros).  Tratando de temas como Botânica, Zoologia, Mineralogia, Cartografia, Filosofia, Viagens, Literatura, História, Medicina, Matemática, Química, Topografia, Hidráulica e Navegação, entre outros.
    • O negócio nasceu quando um inglês decidiu fazer uma revista com preço de capa baixo, barato.  As revistas como negócio  Até 1830, revistas eram um produto caro, de elite, consumido pelas classes mais altas, de formação escolar avançada.  O negócio nasceu quando um inglês decidiu fazer uma revista com preço de capa baixo, barato.  Sabe-se que essa primeira revista popular tinha matérias leves de entretenimento, informação variada, era quase um almanaque.
    •  A revolução seguinte viria em Londres, no ano de 1842, com uma novidade fascinante no visual das revistas: a primeira revista ilustrada. The Illustrated London News  Tinha 16 páginas de texto e 32 de gravuras, feitas por artistas conhecidos.  Reproduziam os acontecimentos em desenho.
    •  Revistas femininas se multiplicaram no século 19. Quatro grandes revistas femininas americanas são dessa época e já comemoraram mais de 100 anos de vida. Harper’s Bazaar é de 1867; Ladies Home Journal, de 1883; Good Housekeeping, de 1885; Vogue, de 1892.
    •  A primeira revista feminina brasileira teve um nome comprido e uma vida curta: nasceu em 1827 e morreu em 1828. O Espelho Diamantino  Tinha como subtítulo: Periódico de Política, Literatura, Bellas Artes, Theatro e Modas Dedicado às Senhoras Brasileiras.
    •  Em 3 de março de 1923, dois jovens senhores chamados Briton Hadden e Henry Luce lançaram nos Estados Unidos uma revista chamada Time, The Weekly News-Magazine.  "sumarizava as notícias da semana no menor espaço possível"  O estilo em que o texto era escrito também fez parte da novidade: frases curtas, em forma de narrativa, com informações pesquisadas e checadas.
    •  A invenção e o sucesso do "newsweekly“ (semanário) geraram dois concorrentes nos Estados Unidos. Em 1933 nasceram Newsweek e U.S News and World Report.
    •  A fórmula atravessou o Atlântico.  Revista Der Spiegel  Revista L’Express Nasceu na Alemanha em 1947  Nasceu na França em 1953
    •  Revista Panorama  Revista Veja Nasceu na Itália em 1962  Nasceu no Brasil em 1968
    •  Em 1936, Henry Luce surpreendeu mais uma vez o jornalismo de revistas, lançando Life, a primeira revista ilustrada no mundo a usar a reportagem fotográfica como fórmula básica.
    •  Na França, Vu e Match vendiam, quase dois milhões de exemplares por semana. O ano de 1948 marcou também o lançamento da alemã Stern.
    •  Mas Assis Chateaubriand já tivera a idéia de lançar uma revista ilustrada muito antes dos norte-americanos e dos europeus: O Cruzeiro em 1927-1975, mas o jornalismo fotográfico só foi incorporado depois do aparecimento de Life.  Campanha que levou Getúlio Vargas ao poder, com linguagem política e empresarial, maior vendagem no país. Início: 50 mil exemplares e passando dos 700 mil, com a cobertura do suicídio de Getúlio Vargas em 1954.
    •  Revista Manchete surgiu em 1952-2000, inspirada no modelo francês.  Criada por Adolpho Bloch e editora Bloch Editores.  Empregando uma concepção moderna, a revista tinha como fonte de inspiração a ilustrada parisiense Paris Match e utilizava, como principal forma de linguagem, o fotojornalismo.
    •  A Veja é uma revista semanal, publicada pela Editora Abril. Foi criada em 1968, pelos Jornalistas Victor Civita e Mino Carta.  A revista trata de temas do cotidiano da sociedade brasileira e do mundo, como política, ecomonia, cultura e comportamento.  Influenciada pela Time, linha editorial libertária .  Em 1970 teve melhoria nas vendas. As assinaturas impulsionaram. Tornou-se revista de magnitude nacional pela atuação política e a mais vendida do país.
    •  Seleções e outras publicações As revistas em quadrinhos nasceram das tiras publicadas diariamente nos jornais americanos, quando alguém teve a idéia de juntá-las numa revista. Em 1934, surgiram as primeiras revistas com histórias inéditas, entre elas a de um pato falante, batizado de Donald. Só depois é que vieram os super-heróis. O Superman, primeiro deles, é de 1938.
    •  No Brasil, a história em quadrinhos começou antes: Em 1905 comTico Tico  Em 1939 com Gibi
    •  Nessa mesma época, anos trinta, a já poderosa indústria cinematográfica americana gerou as primeiras revistas de fãs, que desapareceram com o advento da televisão. Para se ter idéia do poder dos estúdios, diz a história que uma revista brasileira chamada Cinelândia chegou a vender 250 mil exemplares, e isso na década de 50. Na Itália, os estúdios de Cinecittá produziam as obras-primas do cinema italiano de pós-guerra, e nos intervalos serviam de cenário para as fotonovelas, romances fotografados que só fizeram sucesso no mundo latino. Só no Brasil dos anos 57, Capricho chegou a vender meio milhão de exemplares, com o slogan de "a maior revista da América do Sul".
    •  Na França uma senhora chamada Hélène Gordon-Lazareff, criou uma revista semanal feminina que acabou restituindo à mulher francesa o gosto pela vida. Surgiu então a revista Elle em novembro de 1945.  É uma revista de moda, beleza, cultura e saúde feminina  A edição brasileira chegou às bancas com uma capa verde-amarela, em maio de 1988.
    •  Em 1953, surgiu a Playboy, criada por um ex-funcionário do departamento de promoções da revista Esquire, chamado Hugh Hefner. A idéia era simples e ousada. Ele usou a mesma fórmula da sofisticada Esquire: bom jornalismo, contos de grandes escritores, cartuns de humor fino, requintada gastronomia, ilustradores que eram os mais conhecidos artistas plásticos da arte americana naquele momento, e lições de elegância com os segredos dos melhores alfaiates da época. E aí veio a ousadia: a esse pacote de sofisticado jornalismo, Hefner acrescentou fotos de quem ele chamava de "a garota da porta ao lado", a vizinha, inteiramente nua, mas sempre com muito bom gosto, com muita classe.
    •  Ele usou Marilyn Monroe nua para vender a primeira edição.  A novidade era fotografar moças de família, que ninguém poderia imaginar que apareceriam daquele jeito numa revista masculina.  Playboy tem hoje 17 edições internacionais, uma das quais é a nossa, que só perde em circulação para a americana.
    •  Cinco idéias importantes A primeira, por ordem cronológica, nasceu de uma associação científica. Fundada para "fomentar e difundir o conhecimento da geografia", a "National Geographic Society“ . Era janeiro de 1888. O primeiro número teve 200 exemplares, equivalente ao número de sócios, que Hubard endereçou a mão, um a um. Primeira revista usar fotos pintadas à mão, em 1910; e a primeira, a usar fotos coloridas, em 1914.
    •  A revista The National Geographic Magazine não teve periodicidade fixa até janeiro de 1896, quando se tornou mensal.
    •  A grande idéia seguinte foi The New Yorker, criada por Harold Ross em 1925. Nasceu com grande vocação literária. Tinha um time quase fixo de grandes escritores, entre os quais John OHara, John Updike e J.D.Salinger. Com Ross, e com seu sucessor William Shawn, The New Yorker estabeleceu um patamar de estilo e de reportagem inigualável.
    •  Até hoje, The New Yorker é uma das poucas revistas que continua a publicar ficção e poesia em todas as edições.
    •  A terceira é Esquire, lançada em Nova York no ano de 1933, por um senhor muito elegante chamado Arnold Gingrich. Arnold fez muito mais do que uma revista de moda para cavalheiros. Ele decidiu que a revista tinha que ter ficção, e publicou os melhores escritores americanos da época. Fez mais ainda: tornou a revista o padrão de elegância não só em roupa, mas o referencial de estilo de vida e de bom gosto.
    •  Esquire passou por diversas fases em sua longa existência de mais de 70 anos de vida.
    •  A quarta é a espanhola Hola! , nascida em 1944 como uma revista de amenidades, idealizada por um jornalista chamado Antonio Sanchez Gomez. Transformou-se na revista que durante muito tempo foi a mais vendida na Espanha, mostrando histórias de famílias reais européias e das celebridades internacionais. Foi de Hola!, hoje dirigida pelo filho do fundador, Eduardo, a idéia de mostrar a intimidade das casas das celebridades.
    •  Publicada pelas editora Siquini, a revista integra o time de 70 países no qual a Hola! A edição brasileira é a 14ª a ser lançada no mundo.
    •  People, lançada em março de 1974, inaugurou o jornalismo de personalidades nos Estados Unidos. Só que, ao mesmo tempo, publicava também histórias humanas de personagens desconhecidos. Segundo sua fórmula editorial, a revista contaria "feitos ordinários de pessoas extraordinárias, e feitos extraordinários de pessoas ordinárias".
    •  People inovou na maneira respeitosa com quem tratava as personalidades, o que era essencial para se diferenciar das revistas escandalosas da época.
    •  No Brasil, quais foram as idéias realmente inovadoras? A primeira, se chamou Senhor, surgiu em 1959-1964 seu inventor foi o editor Nahum Sirotsky.  Chamou os melhores textos, ilustradores, fotógrafos e artistas gráficos do Rio de Janeiro daquela época.  Fez uma revista com gosto de uma Ipanema que ainda não havia virado internacional.  Onde a vida boêmia nos bares e botequins juntava músicos, escritores, jornalistas, artistas plásticos.
    •  A segunda revista nasceu quase por acaso em 1966. Roberto Civita queria fazer uma revista para ser encartada em jornais de domingo.  Realidade era uma revista de grandes reportagens, tratando de temas que eram tabus no Brasil dos anos 60.  Desapareceu quando os temas deixaram de ser tabus, e passaram a ser tratados normalmente pela imprensa brasileira.
    •  "Todos os dias Deus nos dá um momento em que é possível mudar tudo que nos deixa infelizes. O instante mágico é o momento em que um "sim" ou um "não" pode mudar toda a nossa existência.“
    •  Referências http://mundoestranho.abril.com.br/materia/como-surgiram-as- revistas http://www.revistapronews.com.br/edicoes/47/historia_da_comun icacao.html http://cursoabril.abril.com.br/coluna/materia_84318.shtml http://www.youtube.com/watch?v=HJc7MMlGGeA http://pt.wikipedia.org/wiki/Revista http://www.slideshare.net/adrianacontemporanea/aula-2-redao- em-revista-uepb