A Evolução Do Telefone

  • 46,714 views
Uploaded on

 

  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
No Downloads

Views

Total Views
46,714
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
6

Actions

Shares
Downloads
601
Comments
1
Likes
3

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. Agrupamento de Escolas Braga Oeste – EB2/3 de Cabreiros Área de competências chave: Sociedade, Tecnologia, Ciência. Núcleo gerador: Tecnologias de Informação e Comunicação . DR1 e DR2 Trabalhos elaborado pelos formandos: António Ramalho Albertina Lopes Cristina Teixeira Ricardo Costa Data: 20/10/2009 Turma:s2
  • 2. Introdução
    • O Homem sentiu, desde sempre, a necessidade de transmitir mensagens.
    • Nos primórdios, as mensagens à distância eram transmitidas através de sinais e fumaças.
    • A evolução tecnológica permitiu a evolução da comunicação. Surge assim o telefone, inventado por Alexandre Graham.
    • Desde a sua invenção até aos dias que correm, o telefone sofre grandes alterações.
    • Neste trabalho, propomo-nos a fazer uma síntese desta evolução .
  • 3. A Historia do Telefone TELEFONE Alexander Graham Bell nasceu em em Edimburgo, Escócia, no ano de 1847. Em 1876, Bell apresentou ao mundo a sua maior invenção - o telefone . Inspirado pelo telégrafo, Bell inventou um aparelho que conseguia transmitir mensagens entre pontos distantes. Porém, as informações eram em códigos e não em sons, transmitidos através de um fio. No entanto, com os primeiros aparelhos não era possível falar e ouvir ao mesmo tempo. Este feito só foi conseguido mais tarde pelo Americano Thomas Edison.
  • 4. Características
    • O telefone é constituído essencialmente por um microfone, um auscultador e uma unidade de marcação de dígitos.
    • O microfone transforma as ondas sonoras em sinais electrónicos, que são transmitidos para a rede telefónica.
    • O auscultador realiza a operação inversa. O estabelecimento de uma chamada dá-se após a fase de sinalização, durante a qual existe um conjunto de procedimentos que permite estabelecer a ligação entre dois telefones
  • 5. Primeiro Telemóvel , Martin Cooper, formado em engenharia eléctrica, nasceu em 1928, em Chicago. Em 1973, inventou o primeiro terminal portátil de telefonia móvel. Durante os 10 anos que se seguiram, supervisionou os trabalhos que permitiram colocar este produto no mercado .
  • 6. Nome: Motorola Dyna-Tac Tamanho: 9 x 5 x 1.75 Peso: 2.5 Display: Nenhum Número de Quadro de Circuitos: 30 Tempo de conversação: 35 minutos Tempo de Bateria: 10 horas Características: conversação, ouvir, ligação.
    • É um telemóvel com pouca autonomia e limitações nas funcionalidades.
    • Pouca segurança.
    • As comunicações são feitas somente através da voz.
  • 7. Segunda Geração 2G
      • O sistema GSM (global sistema for mobile) permitiu a melhoria das comunicações móveis, o que se traduziu num aumento de qualidade nas comunicações estabelecidas.
      • O telemóvel não é apenas usado para conversas telefónicas tradicionais. É possível receber e/ou enviar emails, enviar mensagens escritas e aceder à Internet a partir de um simples aparelho.
      • Os telemóveis são cada vez mais semelhantes aos computadores, contribuindo todas estas características para a natural convergência das telecomunicações.
  • 8.
    • Maior autonomia.
    • Mais funções dentro do próprio telemóvel
    • (agenda,SMS, MMS,cronómetro,fotografia,vídeo rádio, jogos e também comunicação por vídeo etc…).
    • Maior facilidade de comunicação, devido à existência de mais antenas de captação de sinal.
  • 9. Conclusão Ao longo deste trabalho, concluímos que existiu uma grande evolução e transformação das telecomunicações. O telefone fixo/móvel sofreu grandes alterações a nível tecnológico e design. Tornou-se mais pequeno e com mais funcionalidades, ( mms,sms, internet, jogos, fotografia e vídeo, etc...) O ser humano tornou-se dependente dele, principalmente os mais jovens.