CaDE a FLorestaque estava aqui?      Paulo C. Moreira
Projeto Gráfico e Editoração Eletrônica                                      Willy Salgado                                ...
Apresentação        O querido amigo e colega de trabalho Paulo César Moreira, nascido em Brasília, é Mestreem Educação, Gr...
Prólogo         Contar a estória de Paulino foi a forma divertida que Paulo César escolheu para falar de umassunto tão imp...
Paulinho, um menino muito esperto que morava emBrasília, estava de férias e ia visitar sua avó noestado do Amazonas.      ...
Mas ele lembrava que a casa dela ficava num local muito bonito,cercado de muitas árvores grandes, com grossos troncos emuit...
Paulinho estava tão ansioso para rever aquela                                        floresta que durante a noitesonhava qu...
O dia da viagem finalmente chegou.A alegria de Paulinho era tanta que contagiava a todos no avião.Ele não via a hora de rev...
Mas, ao chegar na casa da sua avó a decepção                                                     foi muito grande.Todas as...
O quintal da vovó Maria, que antes era grande, espaçoso e cheiode flores dos mais diversos tiposagora virou um quintal bem ...
Paulinho,                                                Como eleem sua imensa                                     poderia...
A tristeza do menino                                               foi tanta que seus pais                                ...
Então, foramprocurando porpessoas que comoeles estavampreocupadas coma diminuiçãoda floresta
E foi no meio dessa busca que Paulinho e seus                    pais encontraram uma cabana no alto de um morro          ...
Nessa cabana morava um senhor de cabelos muito brancos,       pele meio avermelhada e um ar de sabedoria que somente      ...
E que as árvores são seres vivos como as criançase da mesma forma merecem viver e crescer,                                ...
Por último, o Pagé lhe deu depresente algumas sementes deuma árvore especial e pediu queele as plantasse e cuidasse delas....
E desta árvorenasceram diversassementes que damesma forma elefez distribuir entre seus amigos, paraque eles pudessem plant...
A esperança e a disposição demonstradas por um velho índio e um jovemmenino branco foram suficientes para que muitas pessoa...
Ops! A história não acabou, Paulinho cresceu   e foi visitar novamente o Pagé e lhe perguntou                     qual era...
BONDADE                                                                      BONDADE                               L   I D...
Paulinho logo peguntou.              O Pagé respondeuQue terreno                          apontando para oé este Pagé?    ...
Sobre o Autor       Paulo César é Mestre em Educação, especialista em: Educação Ambiental, Psicopedagogia,Educação Sexual,...
ÍCONE Editora e GráficaQNB-02 lote 39 - CEP: 72115-020 - Taguatinga- DF              Fone: (61) 3563.5048               www...
Paulo c . moreira   livro - cadê a floresta que estava aqui
Paulo c . moreira   livro - cadê a floresta que estava aqui
Paulo c . moreira   livro - cadê a floresta que estava aqui
Paulo c . moreira   livro - cadê a floresta que estava aqui
Paulo c . moreira   livro - cadê a floresta que estava aqui
Paulo c . moreira   livro - cadê a floresta que estava aqui
Paulo c . moreira   livro - cadê a floresta que estava aqui
Paulo c . moreira   livro - cadê a floresta que estava aqui
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Paulo c . moreira livro - cadê a floresta que estava aqui

3,296 views
3,096 views

Published on

Published in: Education
0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
3,296
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
27
Actions
Shares
0
Downloads
87
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Paulo c . moreira livro - cadê a floresta que estava aqui

  1. 1. CaDE a FLorestaque estava aqui? Paulo C. Moreira
  2. 2. Projeto Gráfico e Editoração Eletrônica Willy Salgado Ícone Comunicação Visual www.iconecv.com.br Criação e Editoração Eletrônica da Capa Willy Salgado Ícone Comunicação Visual www.iconecv.com.br Impressão e Acabamento Ícone Gráfica e Editora www.iconecv.com.br838Moreira , Paulo César Cadê a floresta que estava aqui/ Paulo César Moreira. – Brasília: Ícone Editora e Gráfica, 2008. 26 p. ; 17 cmISBN 978-85-61341-27-51. Literatura infantil. I. Título CDU 869.8
  3. 3. Apresentação O querido amigo e colega de trabalho Paulo César Moreira, nascido em Brasília, é Mestreem Educação, Graduado em Biologia, Pedagogia e Educação física, Especialista em: EducaçãoAmbiental, Psicopedagogia, Educação Sexual, Recreação, jogos, corpo e movimento e OrientaçãoEducacional. È Professor da Secretaria de Educação e do Ensino Superior. Nos momentos de deleite,nas horas vagas, ativa seu intelecto, sua sensibilidade, afetividade e trilha as vias mágicas da literatura,transforma-se no escritor. Busca, por meio da arte de escrever, disseminar valores fundamentaispara a convivência pacífica e saudável do ser humano em seu planeta. Nesse momento, brinda ascrianças com uma história cheia de ensinamentos sobre a preservação do meio ambiente. Aproxima-se do pequeno leitor utilizando uma história cujo protagonista poderia ser qualquer criança, e essapeculiaridade pode fazer com que ela viva os fatos narrados de forma tão intensa que a fantasia setransformará em realidade. E, então... o exército de defensores do meio ambiente se ampliará. Aí, amigo escritor, a sua missão de disseminar valores e conquistar adeptos da arte de viverem um contexto saudável estará cumprida.Vera Lúcia Damásio Simões - Psicóloga, Mestre em Psicologia, Especialista em Psicologia EscolarEducacional, Especialista em Psicologia Clínica, Professora de Psicologia da Educação na FaculdadeAnhanguera, Escritora e Membro da Academia Taguatinguense de Letras – cadeira nº 17.
  4. 4. Prólogo Contar a estória de Paulino foi a forma divertida que Paulo César escolheu para falar de umassunto tão importante nos dias de hoje: O meio ambiente. O texto desperta o interesse, respeito ea importância da consciência ecológica aos hábitos, valores, cidadania e cuidados de preservação emrelação ao meio em que vivemos, conduzindo o leitor com um texto sensível e comovente. Além dasbelas ilustrações que são um convite a leitura e páginas para colorir como atividade lúdica.Temas Transversais: • Ética: Respeito, Cidadania e Amor à natureza • Pluralidade Cultural: Preservação do meio ambiente. Sugerimos aos educadores que leiam o texto para seus alunos e realizem atividades práticascomo: encenações, desenhos, pinturas, jogos, produções de textos. O próprio conteúdo sinaliza pararealização de tais propostas sem grandes problemas operacionais, enfatizando e despertando osalunos a consciência preservacionista, interferência positiva na natureza e avaliar a ação humananos problemas de desmatamento e seus efeitos no meio ambiente, trabalhando as expectativas e asfrustrações.
  5. 5. Paulinho, um menino muito esperto que morava emBrasília, estava de férias e ia visitar sua avó noestado do Amazonas. Já fazia muito tempo que Paulino não via sua vovozinha
  6. 6. Mas ele lembrava que a casa dela ficava num local muito bonito,cercado de muitas árvores grandes, com grossos troncos emuitas folhas bem verdinhas e que, às vezes, não se conseguia ver o seu topo, de tão altas que eram.
  7. 7. Paulinho estava tão ansioso para rever aquela floresta que durante a noitesonhava que erao Tarzan e quepulava de árvore emárvore, balançandoem cipós e brincandocom os macaquinhosque estavam nelas.
  8. 8. O dia da viagem finalmente chegou.A alegria de Paulinho era tanta que contagiava a todos no avião.Ele não via a hora de rever sua vovó e aquelas belas árvores.
  9. 9. Mas, ao chegar na casa da sua avó a decepção foi muito grande.Todas asárvores da região foramcortadas para que sua madeirafosse vendida e no lugar delas foram construídascasas e mais casas.
  10. 10. O quintal da vovó Maria, que antes era grande, espaçoso e cheiode flores dos mais diversos tiposagora virou um quintal bem pequeno no qual mal cabiam alguns jarrosde plantas. Os macaquinhos, borboletas, pássaros e outros animais quemoram na floresta também sumiram.
  11. 11. Paulinho, Como eleem sua imensa poderia realizartristeza, começou seu sonho de sera chorar e perguntar o Tarzan seonde estava a floresta balançando em cipós?que existia ali? O que havia feito com suas lindas árvores e animais?
  12. 12. A tristeza do menino foi tanta que seus pais resolveram viajar para um pouco mais longe, onde ainda havia floresta, mas descobriram que afloresta estava cada vez menor e mais distante e tambémficaram muito preocupados com aquela situação.
  13. 13. Então, foramprocurando porpessoas que comoeles estavampreocupadas coma diminuiçãoda floresta
  14. 14. E foi no meio dessa busca que Paulinho e seus pais encontraram uma cabana no alto de um morro próximo a cidade.Um local onde se via o recente desmatamento epequenas construções, mas a cabana que lhes chamoua atenção, por parecer uma moradia de índios.
  15. 15. Nessa cabana morava um senhor de cabelos muito brancos, pele meio avermelhada e um ar de sabedoria que somente um pajé poderia apresentar.Ele e Paulinho O Pajé lhe faloulogo ficaram sobre aamigos, e juntos, importânciacomeçaram a da naturezaconversar.
  16. 16. E que as árvores são seres vivos como as criançase da mesma forma merecem viver e crescer, as arvores devem ser respeitadas e protegidas assim como as crianças e que não se deve derrubar mais árvores e sim cultiva-las
  17. 17. Por último, o Pagé lhe deu depresente algumas sementes deuma árvore especial e pediu queele as plantasse e cuidasse delas.Assim ele o fez.
  18. 18. E desta árvorenasceram diversassementes que damesma forma elefez distribuir entre seus amigos, paraque eles pudessem plantá-las. Todos juntos cuidando da vida do nosso planeta. Cuidando da natureza. Cuidando das nossas crianças.
  19. 19. A esperança e a disposição demonstradas por um velho índio e um jovemmenino branco foram suficientes para que muitas pessoas da região sesentissem interessados em contribuir para que uma nova floresta fosse plantada e todos queriam fazer parte dessa história e dessa vida que recomeçava.
  20. 20. Ops! A história não acabou, Paulinho cresceu e foi visitar novamente o Pagé e lhe perguntou qual era o segredo daquela semente.
  21. 21. BONDADE BONDADE L I D A R I E DA SO DEBONDADE PRESERVAÇÃOO Pagé respondeu e os frutos são a“aquela semente é de bondade. Mas elauma árvore especial que RESPEITO sempre precisa detêm raízes na um terreno especialresponsabilidade pra nascer”o tronco é de respeito, o Pagé afirmou.os galhos são desolidariedade RESPONSABILIDADE
  22. 22. Paulinho logo peguntou. O Pagé respondeuQue terreno apontando para oé este Pagé? peito de Paulinhoesta semente precisoude ser plantada no coração O teu coração.do homem, a terra mais fértilque existe na face da terra.
  23. 23. Sobre o Autor Paulo César é Mestre em Educação, especialista em: Educação Ambiental, Psicopedagogia,Educação Sexual, Orientação Educacional, Graduado em Biologia pela universidade Unoeste SãoPaulo, em Pedagogia pela universidade Católica de Brasília, em Educação Física pela FALBE.Professor da Secretaria de Educação e do Ensino Superior.Contato:paulluscesar@yahoo.com.br
  24. 24. ÍCONE Editora e GráficaQNB-02 lote 39 - CEP: 72115-020 - Taguatinga- DF Fone: (61) 3563.5048 www.iconecv.com.br editora@iconecv.com.br

×