07 secretaria municipal de cultura de araraquara
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

07 secretaria municipal de cultura de araraquara

on

  • 1,205 views

 

Statistics

Views

Total Views
1,205
Slideshare-icon Views on SlideShare
1,205
Embed Views
0

Actions

Likes
0
Downloads
1
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft Word

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    07 secretaria municipal de cultura de araraquara 07 secretaria municipal de cultura de araraquara Document Transcript

    • SECRETARIA MUNICIPAL DE CULTURA O governo Edinho pautou suas ações na área da cultura pela concepção deque a gestão cultural deve contemplar todas as formas de apreender e representaro mundo e articular-se com o desenvolvimento da cidadania. Compreendendo que oacesso aos bens culturais é um importante instrumento na construção daconsciência crítica de cada cidadão e cidadã, na percepção do seu papel social e dasua condição de sujeito produtor de cultura. Nesse sentido, a atual gestão administrativa promoveu políticas públicaspara a criação, produção, circulação, troca e incorporação de bens culturais,buscando democratizar o acesso aos mesmos, descentralizar as ações, construir erevitalizar espaços de manifestação cultural, de modo a difundir uma concepção decultura enquanto inclusão social e direito de cidadania. Ações realizadas na Secretaria de Cultura • Criação da Secretaria Municipal da Cultura (2001) – Anterior a essa data, a Secretaria de Educação abrigava o Departamento de Cultura do Município • Implantação, a partir de 2001, do programa Oficinas Culturais, visando a inclusão social e cultural. Atende mais de 4 mil alunos, oriundos de famílias de baixa renda, particularmente crianças, adolescentes e jovens. • Realização do Carnaval da Paz e Cidadania • Criação do Projeto Choro das Águas • Construção de dois anfiteatros nos Caics • Criação da Escola Municipal de Dança Iracema Nogueira em 2002 (passando para a Secretaria Municipal de Educação no período de 2005-2007) • Criação do Arquivo Público Histórico Prof. Rodolpho Telarolli • Restauração em 2001, do Teatro de Arena Prefeito Benedito de Oliveira (em parceria com o Banco do Brasil), com capacidade para receber 2 mil pessoas • Reforma e Pintura da Biblioteca Municipal Mário de Andrade nos vários serviços que oferece (Sala de Pesquisa, Seção Circulante, Acesso à Internet e eventos)
    • • Aquisição do edifício histórico que abriga a Secretaria Municipal da Cultura e FUNDART – Palacete da Esplanada das Rosas (antiga sede do Clube Araraquarense) • Reforma da Casa da Cultura Luiz Antonio Martinez Correa • Criação do MIS- Museu de Imagem e Som (localizado na Casa da Cultura, que abriga a Pinacoteca Jofre David, Sala Walter Falcosky, Projeto Memória) • Criação do Parque dos Museus (Estação Ferroviária, Museu de Paleontologia, Museu Histórico e Pedagógico Voluntários da Pátria, Museu a Céu Aberto na Rua 5 e MIS) • Criação do Museu da Ferrovia • Criação do Museu de Arqueologia e Paleontologia • Reforma do Museu H.P. Voluntários da Pátria • Reforma do Teatro Municipal de Araraquara e adequação de banheiros e acesso aos portadores de necessidades especiais • Construção do Centro Técnico de Artes e OfíciosProgramas Culturais desenvolvidos Até 2001 não havia programas culturais que pudessem atender a umapolítica pública de cultura de inclusão sócio-cultural, salvo alguns eventos ouprogramas voltados para uma elite cultural, como Leilões de Arte, Salões de ArtesPlásticas, Concurso de Contos Ignácio de Loyola, Projeto de Teatro nas Escolas.Com a gestão do prefeito Edinho Silva (2001-2004/2005-2008) foi formulado eexecutado um programa efetivo de políticas públicas para a cidade de Araraquara:a cultura é um direito de todos e um instrumento importante de inclusão social.OFICINAS CULTURAISPrograma de inclusão social através da arte. Oferece cursos gratuitos nas diversaslinguagens artísticas em alguns pontos espalhados pela cidade. Dentre asatividades desenvolvidas estão dança, música, artes plásticas, artes visuais entreoutrosAtendimento: mais de 3 mil pessoas anualmenteTÉCNICO-ATORO curso teve início em 2001 e já formou 112 alunos. Trata-se de um cursoprofissionalizante. O aluno aprende técnicas de interpretação dramática queabrangem corpo, voz, composição e caracterização do personagem, gestão em
    • produção cultural e história do teatro, o que o capacita a atuar nas diversasmodalidades profissionais de sua área.DRT DE ATOR: Os alunos recebem registro DRT de Ator – Certificado reconhecidoque os habilita a requerer registro na DRT (Delegacia Regional do Trabalho) comoatores. Tal registro é obrigatório para trabalhos em instituições como SESC, SESI,em emissoras de televisão, estúdios de dublagem, ou produtoras de espetáculosprofissionais.Atendimentos: 112 alunosParceria: SENAC AraraquaraPROJETO GURIVisa a formação de orquestras escola, corais e grupos musicais e a socializaçãoatravés da música. Atende crianças e adolescentes de 08 a 18 anos (violão, canto,coral. Foi instituído em 2006Atendimentos: cerca de 150 criançasParceria: Prefeitura e Secretaria de Estado da CulturaOFICINAS DE TEATRO LÉLIA ABRAMOIniciou em 2001Atendimentos: Passaram pelo curso cerca de 500 pessoasParceria: Prefeitura e Secretaria de Estado da CulturaDIVULGAÇÃO DE PRODUÇÕES ARTÍSTICASPrograma voltado para a divulgação de produções artísticas, visando valorizartalentos locais nas áreas de teatro, música, dança e artes visuais.Este programa é formado pelos seguintes projetos implantados na atualadministração • Território da Arte de Araraquara (2002) • Araraquara Rock (2001) – Começou com a inscrição de 15 bandas e hoje recebemos a inscrição de 140 de todo o país • Carnaval da Paz e Cidadania (2001) – 40 mil pessoas nas quatro noites • Projeto Choro das Águas (2001) – cerca de 300 pessoas circulam pelo local • Projeto Residência Teatral – Teatro Wallace (2007) • Semana do Sapateado (2001) • Encontro de Hip Hop. (2001) • Autos de Natal (2001)
    • • Festival de Dança (2002)• Sarau Lítero Musical – atividade mensal (2003)• Movimento Violão – (2003)• Semana Luiz Antonio Martinez Correa (já existente anteriormente) e ampliada, na atual gestão (XXI edição)• Participação no projeto Sessão Zoom, de cinema de arte, em parceria com a Unesp (2001)• Mostra de Teatro Wallace Leal – (2004)• Salão Nacional de Fotografia - (2007)• Jogos Culturais – (2007))• Projeto Curta-Temporada (200