Revolucão Russa
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Revolucão Russa

on

  • 14,115 views

A Revolução Russa de 1917.

A Revolução Russa de 1917.

Statistics

Views

Total Views
14,115
Views on SlideShare
5,748
Embed Views
8,367

Actions

Likes
0
Downloads
166
Comments
0

20 Embeds 8,367

http://mestresdahistoria.blogspot.com.br 7089
http://mestresdahistoria.blogspot.com 698
http://mestresdahistoria.blogspot.pt 354
http://mestresdahistoria.blogspot.nl 66
http://gentenahistoria.blogspot.com.br 52
http://mestresdahistoria.blogspot.in 36
http://www.gentenahistoria.blogspot.com.br 25
http://www.google.com.br 14
http://webcache.googleusercontent.com 10
http://mestresdahistoria.blogspot.com.es 6
http://mestresdahistoria.blogspot.it 4
http://mestresdahistoria.blogspot.com.ar 3
http://mestresdahistoria.blogspot.jp 2
https://www.google.com.br 2
http://mestresdahistoria.blogspot.ca 1
http://mestresdahistoria.blogspot.no 1
http://mestresdahistoria.blogspot.fr 1
http://mestresdahistoria.blogspot.co.uk 1
url_unknown 1
http://mestresdahistoria.blogspot.ie 1
More...

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Revolucão Russa Revolucão Russa Presentation Transcript

    • Primeira revolução vitoriosa inspirada no socialismo.
    • 1 - ANTECEDENTES:
    • Absolutismo (Czar Nicolau II).
    • Ausência de liberdades individuais.
    • Igreja Ortodoxa monopolizava o ensino e possuía privilégios.
    • Concentração fundiária (boiardos = nobres proprietários).
    • Camponeses (mujiques) explorados de forma quase feudal .
    • Poucas indústrias (capital estrangeiro da BEL, FRA, ALE e ING).
    CZAR NICOLAU II
    • Regime Czarista
    • Monarquia absolutista;
    • Estrutura agrária;
    • Industrialização: predomínio do capital estrangeiro;
    • Guerra Russo-Japonesa (1905);
    • A EXPLORAÇÃO DO ESTADO CZARISTA:
    • Movimento oposicionista (desde fins do século XIX):
      • Todos clandestinos.
      • Niilistas (anarquistas) – prática de atentados.
      • Populistas Narodiniques – socialismo com base na comunidade rural camponesa (MIR).
      • Partido Socialista-Revolucionário (1901) – composto por camponeses e intelectuais.
      • POSDR – Partido Operário Social Democrata Russo (1898) – formado por intelectuais.
        • Dividido em 1903.
        • MENCHEVIQUES (minoria) – Revolução liberal burguesa aos moldes da Revolução Francesa. Líder: Martov.
        • BOLCHEVIQUES (maioria): Revolução socialista com participação de operários e camponeses, liderada por partido 100% revolucionário e absolutamente disciplinado. Líder: LÊNIN.
      • KADET (1905) – Partido Constitucional Democrata, formado pela burguesia. Politicamente fraco.
    LÊNIN
    • 2 - A REVOLUÇÃO DE 1905: O ENSAIO GERAL
    • RUS X JAP* (posse da Coréia e da Manchúria).
    • Crise de abastecimento, inflação, greves
    • “ Domingo Sangrento” (jan/1905).
      • Massacre de populares pela polícia czarista (OKHRANA).
    • Insurreições em vários pontos do país (camponeses, outras nacionalidades e militares – Encouraçado Potemkin ).
    • Repressão violenta do czar.
    • Manifesto Czarista (outubro) – proposta de regime representativo por meio da DUMA (parlamento).
    • O DOMINGO SANGRENTO E O ENSAIO GERAL:
    3 - Cena do filme “O Encouraçado Potemkin”, de 1925. 1 e 2 - Fotos do chamado “Domingo Sangrento” (jan/1925) 1 2 3
  •  
      • Outubristas – grupo que aceitou a proposta do czar, burgueses em sua maioria.
      • Anos mais tarde, o czar toma medidas restritivas à atuação do parlamento.
    • SOVIETES: conselhos de operários, camponeses e soldados.
    • 3 - A RÚSSIA E A I GUERRA MUNDIAL:
    • Muitos soldados.
    • Táticas antigas.
    • Comando ineficiente.
    • Pouca aparelhagem.
    • Abastecimento precário.
    • Cordão sanitário
    DERROTAS CONSTANTES
    • Czar perde o controle sobre o país: incompetência, burocracia dispendiosa e inoperante.
    • Misticismo causa maior descrédito do czar sobre o povo (Rasputin).
    • Crise econômica.
    • Mais de 5 milhões de mortos (guerra, fome, doenças...).
    • Czar é deposto (fev/1917).
    • 4 - A REVOLUÇÃO DE FEVEREIRO (1917):
    • Revolução menchevique.
    • Fase liberal-burguesa.
    RASPUTIN
    • Governo de coalizão:
      • DUMA (controlada pelo Kadet).
      • Soviete de Petrogrado (controlado pelos Mencheviques e Socialistas-Revolucionários).
    • Liberdades individuais.
    • Redução da jornada de trabalho (10 horas).
    • Liberdade de imprensa.
    • Anistia aos presos e exilados políticos.
    • Fracassos militares.
    • Kerênsky (menchevique) assume o controle da Duma.
    • Lênin retorna do exílio – TESES DE ABRIL
      • “ Paz, terra e pão”.
      • “ Todo o poder aos sovietes”.
    • Formação da Guarda Vermelha ( Trótsky ).
    • Out/1917 – Soviete de Petrogrado, liderado por Trótsky ataca o Palácio de Inverno. Bocheviques tomam o poder.
    TOMADA DO PALÁCIO DE INVERNO. TRÓTSKY
  •  
    • 5 - A REVOLUÇÃO DE OUTUBRO (1917) E O GOVERNO DE LÊNIN (1917 – 1924):
    • Bolcheviques no poder.
    • Lênin no comando do país.
    • Acordo de paz com a ALE ( Brest-Litovski ) – RUS sai da guerra.
      • RUS perde a POL, FIN, LIT, LET e EST.
    • Reforma agrária.
    • Nacionalização de empresas.
    • Sovietes – controle das fábricas.
    • Czar e sua família são fuzilados.
    Propaganda Bolchevique
  •  
    • Guerra civil (1917 – 1921):
      • VERMELHOS (bolcheviques + sovietes + camponeses).*
    • X
      • BRANCOS (mencheviques + latifundiários + Igreja Ortodoxa + czaristas + potências estrangeiras).
    • Comunismo de Guerra : centralização da produção, requisição agrícola forçada, eliminação da economia de mercado.
    • Brancos são derrotados – potências estrangeiras impõe o chamado “cordão sanitário” (isolamento) à RUS.
  •  
    • NEP (Nova Política Econômica) – 1921 – 1928
      • Lênin.
      • Plano de recuperação da economia russa.
      • Introdução de elementos capitalistas (provisórios e parciais), conciliados com base socialista.
      • “ Um passo para trás para dar dois passos para frente”.
      • Pequenas e médias empresas (até 20 funcionários).
    • Comércio livre de produtos agrícolas.
    • Recuperação parcial do país.
    • 1922: país adota o nome de URSS (União das Repúblicas Socialistas Soviéticas).
    • A disputa de poder:
      • 1924 – Lênin morre.
      • TRÓTSKY – Revolução Permanente
    • X
      • STÁLIN – Socialismo em um só país.*
    • 6 - O STALINISMO (1924 – 1953):
    • Ditadura totalitária.
    • Eliminação da oposição.
    • Expurgos, prisões e torturas.
    TRÓTSKY: Assassinado a mando de Stálin no México em 1940.
    • Burocratização estatal.
    • Controle do ensino e comunicações.
    • Culto ao líder (Stálin = “guia genial dos povos”).
    • Propaganda governamental.
    • Russificação de outras nacionalidades.
  • PROPAGANDA STALINISTA: TRÓTSKY: inimigo do Estado STÁLIN: Protetor dos povos
    • Controle da arte ( Realismo Socialista ):
      • Funções didáticas.
      • Incentivo à submissão.
      • Nacionalismo.
      • Mensagens e linguagens populares de fácil assimilação.
    • Cancelamento da NEP (1928).
    • Planificação econômica.
    • Coletivização agrícola.
    • Prioridade industrial (base).
    • Planos Quinquenais (1928):
      • Metas a cada 5 anos.
      • Indústria de base (ênfase).
      • Desenvolvimento industrial
      • URSS: potência mundial
    • SOCIALISMO REAL : modelo stalinista de socialismo baseado na planificação econômica, burocratização e ultra-centralização, adotado mundialmente.