Your SlideShare is downloading. ×
0
Mercantilismo
Mercantilismo
Mercantilismo
Mercantilismo
Mercantilismo
Mercantilismo
Mercantilismo
Mercantilismo
Mercantilismo
Mercantilismo
Mercantilismo
Mercantilismo
Mercantilismo
Mercantilismo
Mercantilismo
Mercantilismo
Mercantilismo
Mercantilismo
Mercantilismo
Mercantilismo
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Mercantilismo

13,730

Published on

Saiba mais sobre o Mercantilismo.

Saiba mais sobre o Mercantilismo.

Published in: Education
0 Comments
8 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total Views
13,730
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
12
Actions
Shares
0
Downloads
105
Comments
0
Likes
8
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. História MERCANTILISMO COMÉRCIO ELETRÔNICO NO BRASIL QUE FATORES CONTRIBUIRAM PARA O CRESCIMENTO DO COMÉRCIO ELETRÔNICO NO BRASIL, NOS PRIMEIROS ANOS DO SÉCULO XXI? QUAIS AS VANTAGENS E DESVANTAGENS DO COMÉRCIO ELETRÔNICO PARA OS BRASILEIROS?
  • 2. História MERCANTILISMO
    • A EXPANSÃO COMERCIAL (A PARTIR DO SÉCULO XI)
    • ALGUNS FATORES CONTRIBUIRAM PARA A EXPANSÃO DO COMÉRCIO:
            • AS CRUZADAS;
    • O DESENVOLVIMENTO DE NOVAS TÉCNICAS AGRÍCOLAS;
    • ASSOCIAÇÃO DE MERCADORES
    • EM TORNO DAS LIGAS;
    Fonte:www.culturabrasil.org
  • 3. História MERCANTILISMO NESSE NOVO CONTEXTO, OCORREU A RESNASCIMENTO DAS ATIVIDADES COMERCIAIS. O QUE MUDOU NO COTIDIANO EUROPEU APÓS O RENASCIMENTO DO COMÉRCIO? www.historianet.com.br
  • 4. História MERCANTILISMO RENASCIMENO COMERCIAL A VIDA URBANA FOI REATIVADA COM A FORMAÇÃO DOS BURGOS . A MOEDA FOI RESTAURADA COMO VIGOROSO SÍMBOLO DE PODER. SURGIMENTO DE NOVAS FEIRAS, ROTAS COMERCIAIS MARÍTIMAS E TERRESTRES.
  • 5. História MERCANTILISMO Na medida em que o crescimento do mercado exerceu influência desintegradora sobre a estrutura do feudalismo, e preparou o terreno para o crescimento de forças que iam enfraquecê-lo e suplantá-lo, a história dessa influência pode ser em grande parte identificada como o surgimento das cidades, como as organizações corporativas, ao passarem a possuir independência econômica e política em diversos graus. DOBB. Maurice. A evolução do capitalismo.
  • 6. História MERCANTILISMO Quais as principais transformações políticas, econômicas e sociais ocorridas na Europa diante dessa nova realidade? Feudalismo capitalismo SÉCULO XIV
  • 7. História MERCANTILISMO www.historianet.com.br
  • 8. História MERCANTILISMO Para seu fortalecimento, o Estado absolutista precisava dispor de um grande volume de recursos financeiros para a manutenção de um exército permanente e de uma marinha poderosa, o pagamento dos funcionários reais, a conservação do aparelho administrativo e ainda o custeio dos gastos suntuosos da corte e das despesas das guerras no exterior. A obtenção desses recursos financeiros exigiu do Estado absolutista urna nova política econômica, conhecida como mercantilismo . O Mercantilismo é entendido como um conjunto de práticas, adotadas pelo Estado absolutista na época moderna, com o objetivo de obter e preservar as riquezas.
  • 9. História MERCANTILISMO ESTADO ABSOLUTISTA Apoio aos negócios da burguesia O Estado sustenta os nobres pagando-lhes rendas MERCANTILISMO MEIOS OBJETIVOS
    • Barreiras alfandegárias
    • Estímulo à expansão marítima e colonial
    • Aumento da população
    • Incentivo às manufaturas nacionais
    • Reforço do poder do Estado nacional
    • Metalismo: entesouramento de metais preciosos
    • Busca de Balança Comercial Favorável
  • 10. História MERCANTILISMO
    • VISANDO À OBTENÇÃO DOS RECURSOS E RIQUEZAS NECESSÁRIOS À MANUTENÇÃO DO PODER ABSOLUTO, CADA ESTADO PROCUROU AS MEDIDAS QUE MAIS SE AJUSTAVAM ÀS SUAS PECULIARIDADES:
    • ALGUNS CONCENTRARAM-SE NA EXPLORAÇÃO COLONIAL, NA OBTENÇÃO DE METAIS PRECIOSOS;
            • OUTROS, EXPLORARAM AS ATIVIDADES MARÍTIMA E COMERCIAL;
            • E, OUTROS, OPTARAM POR INCENTIVAR A PRODUÇÃO MANUFATUREIRA.
    www.caedweb.com.br www.geocities.com.br ., www.brasilcultura.com.br
  • 11. História MERCANTILISMO APESAR DAS VARIAÇÕES DE ESTADO PARA ESTADO E DE ÉPOCA PARA ÉPOCA, HOUVE UMA SÉRIE DE PRINCÍPIOS COMUNS QUE ORIENTARAM A POLÍTICA MERCANTILISTA: METALISMO O METALISMO BASEAVA-SE NA TESE DE QUE A RIQUEZA DE UM PAÍS DEPENDERIA DE SUA CAPACIDADE DE ACUMULAR METAIS PRECIOSOS. ASSIM, QUANTO MAIS OURO E PRATA POSSUÍSSE O PAÍS, MAIS RICO E PODEROSO SERIA. OS METAIS PRECIOSOS PERMITIRIAM AO GOVERNO COMPRAR ARMAS, CONTRATAR SOLDADOS, CONSTRUIR NAVIOS, PAGAR FUNCIONÁRIOS E CUSTEAR GUERRAS.
  • 12. História MERCANTILISMO OBSERVE O GRÁFICO ABAIXO. POR QUE PODEMOS AFIRMAR QUE A BALANÇA COMERCIAL INGLESA, ENTRE 1700 E 1785 É FAVORÁVEL?
  • 13. História MERCANTILISMO BALANÇA COMERCIAL FAVORÁVEL OS GOVERNANTES ACREDITAVAM QUE DEVIAM EXPORTAR MAIS DO QUE IMPORTAR PARA TER UMA BALANÇA COMERCIAL FAVORÁVEL , ISTO É, UM EXCEDENTE DAS EXPORTAÇÕES SOBRE AS IMPORTAÇÕES. DESTA FORMA, ENTRARIA MAIS MOEDAS DO QUE SAIRIA, DEIXANDO O PAÍS EM BOA SITUAÇÃO FINANCEIRA.
  • 14. História MERCANTILISMO HOJE EM DIA OS GOVERNOS EMPREGAM DIFERENTES ARTIFÍCIOS PARA PROTEGER SEUS PRODUTOS NO MERCADO INTERNACIONAL. MUITAS VEZES ATÉ POR MEIO DE PRÁTICAS CONSIDERADAS ILEGAIS. Leiam o trecho abaixo: Fazendas cobertas de viveiros a perder de vista. Este é o setor que mais cresce no Nordeste. A produção aumenta 50% a cada ano. (...) Ao produtores faturaram US$ 240 milhões no ano passado, com a exportação de 90 mil toneladas. (...) O desempenho brasileiro não agradou aos produtores americanos, que pretendem criar barreiras protecionistas , com uma sobretaxa que pode variar de 40% a 230%. A ameaça põe em risco metade das exportações de camarão do país.(...) Guerra do camarão. Jornal Nacional, 3/1/2004.
  • 15. História MERCANTILISMO PROTECIONISMO O ESTADO RESTRINGIA AS IMPORTAÇÕES IMPONDO PESADAS TAXAS ALFANDEGÁRIAS AOS PRODUTOS ESTRANGEIROS, OU ATÉ MESMO PROIBINDO QUE CERTOS ARTIGOS FOSSEM IMPORTADOS. ESSAS MEDIDAS VISAVAM NÃO APENAS DIMINUIR AS IMPORTAÇÕES, MAS IGUALMENTE PROTEGER A PRODUÇÃO NACIONAL, QUE ERA BASTANTE ESTIMULADA, DA CONCORRÊNCIA ESTRANGEIRA.
  • 16. História MERCANTILISMO INGLATERRA (COMERCIALISMO) FRANÇA (INDUSTRIALISMO) PORTUGAL (BULIONISMO OU METALISMO) ESPANHA ( BULIONISMO) TIPOS DE MERCANTILISMO
  • 17. História MERCANTILISMO COMERCIALISMO O comercialismo originou-se na Inglaterra, cujo desenvolvimento manufatureiro e poderio naval impulsionaram, sobretudo no século XVII, a expansão do comércio exterior. Os navios da marinha mercante distribuíam no mercado mundial os tecidos produzidos pelas manufaturas inglesas, possibilitando ao país o acúmulo de metais preciosos através da manutenção de uma balança comercial favorável. Reproduzimos o trecho de um documento do século XVI que sintetiza a concepção do comercialismo inglês: ‘A única maneira de fazer com que muito ouro seja trazido de outros remos para o tesouro real é conseguir que grande quantidade de nossos produtos seja levada além dos mares, e menor quantidade de seus produtos seja para cá transportada...”.
  • 18. História MERCANTILISMO INDUSTRIALISMO O industrialismo chegou ao apogeu na França com o mercantilismo de Colbert, ministro de Luís XIV. De acordo com as concepções de sua época, Colbert buscou fazer a riqueza da França com a acumulação de metais preciosos obtidos através de uma balança comercial favorável. Para isso, procurou tornar o país economicamente auto-suficiente, proibindo as importações e incentivando as exportações. Sua política econômica consistia em acelerar o desenvolvimento industrial da França através da criação das manufaturas reais, da concessão de monopólios estatais, da subvenção à produção de artigos de luxo, da criação de grandes companhias comerciais, da conquista de colônias e do fomento ao crescimento da marinha mercante. O mercantilismo francês ficou conhecido também como colbertismo.
  • 19. História MERCANTILISMO BULIONISMO Portugal e Espanha defenderam o entesouramento de metais preciosos, prática conhecida como bulionismo. O ouro e a prata eram metais que deixavam uma nação muito rica e poderosa, portanto os governantes faziam de tudo para acumular estes metais. Além do comércio externo, que trazia moedas para a economia interna do país, a exploração de territórios conquistados era incentivada neste período.
  • 20. História MERCANTILISMO Portugal, ao longo dos séculos XVI a XVIII adotou dois modelos mercantilistas.   Antes de explorar o ouro na região de Minas Gerais, Portugal adotou o comercialismo . No século XVIII, após a descoberta do ouro, Portugal adotou o metalismo .   www.klepsidra.net

×