Revista da Ampla 12
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Revista da Ampla 12

on

  • 366 views

Revista portfólio da agência de publicidade Ampla Comunicação, que possui sede no Recife e filial em Vitória, no Espírito Santo. Na edição de número 12, o tema principal foi empreendedorismo. ...

Revista portfólio da agência de publicidade Ampla Comunicação, que possui sede no Recife e filial em Vitória, no Espírito Santo. Na edição de número 12, o tema principal foi empreendedorismo. Nesta publicação, atuei com jornalista freelancer para escrever as matérias e os perfis de cinco empreendedores.

Statistics

Views

Total Views
366
Views on SlideShare
366
Embed Views
0

Actions

Likes
0
Downloads
3
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Revista da Ampla 12 Revista da Ampla 12 Document Transcript

  • Ampla2012_parte1 ok.indd 1 bruno negris // hugo hoffmann // lucas izoton // marcilio riegert // maurÍcio manzoli // walter De revistaportfóliodaampla ano2011/2012número12 14/05/12 14:54 sá cavalcante
  • IMPRESSIONA: O BRASIL TEM UMA DAS MAIORES CARGAS TRIBUTÁRIAS DO PLANETA E, COMO SE ISSO NÃO BASTASSE, PARA ABRIR UMA EMPRESA AQUI LEVA-SE MAIS DE UM MÊS, TAMANHA É A BUROCRACIA. NO ENTANTO, O EMPREENDEDOR BRASILEIRO, ASSIM COMO UM BESOURO, NÃO FOI FEITO PRA VOAR, MAS VOA. brainstorm Revista-portfólio da Ampla número 12 - Ano 2011/2012 Conheça a história e as dicas de alguns empreendedores do Espírito Santo que viram seus sonhos virarem realidade Projeto editorial, coordenação e gestão de conteúdo: Mappa Conteúdo e Design Realização: Ampla Comunicação O NÚMERO DE EMPREENDEDORES NO PAÍS É UM DOS QUE MAIS CRESCEM Produção gráfica: Washington Freire, Rilvandi Costa e Luiz Felipe NO MUNDO. O SEBRAE ESTIMA QUE 17,5% DA POPULAÇÃO ECONOMICAMENTE Revisão: Consultexto (www.consultexto.com.br) ATIVA, HOJE, SEJA DONA DE ALGUM TIPO DE EMPRESA. O DADO MAIS POSITIVO Impressão: Gráfica Santa Marta (www.graficasantamarta.com.br) EM RELAÇÃO A ESSE NÚMERO É QUE O TIPO DE EMPREENDIMENTO MELHOROU NÃO POR NECESSIDADE, MAS POR PERCEBEREM OPORTUNIDADES DE MERCADO. Agradecimentos: Ademir Viana, Aguinaldo Viriato, André Burgos, André Muhle, Anna Terra, Denise Botelho, Diego Miranda, Humberto Montenegro, Ivana de Souza, Juliana Lisboa, Kadito Rodrigues, Marcelo Ramalho e Maurício Nunes ISSO SIGNIFICA QUE O EMPREENDEDOR NO BRASIL ESTÁ FICANDO MAIS MADURO Presidente do Conselho: Severino Queiroz E, DIGAMOS, “PROFISSIONAL”. POR ISSO, A REVISTA DA AMPLA FOI PROCURAR Presidente-executivo: Severino Queiroz Filho MUITO: DOIS TERÇOS DESSES EMPREENDEDORES ABRIRAM UM NEGÓCIO PRÓPRIO SABER “O QUE FAZ ALGUÉM EMPREENDER, APESAR DE TODAS AS DIFICULDADES E RISCO?”. OUVIMOS HISTÓRIAS, CONSELHOS E PERCEPÇÕES DE QUEM EMPREENDE OU CONVIVE COM OS MAIS DIFERENTES PERFIS DE EMPRESÁRIOS. NO DEBATE QUE REALIZAMOS EM VITÓRIA, CAPITAL DO ESPÍRITO SANTO, ONDE A AMPLA TEM UMA SEGUNDA UNIDADE ALÉM DA DO RECIFE (LEIA MAIS NO ESPECIAL), PUDEMOS CONHECER DO TÍPICO SELF-MADE MAN — QUE, DO NADA, ERGUEU UM IMPÉRIO — AOS JOVENS DA CHAMADA GERAÇÃO Y — QUE SONHAM DOMINAR O MUNDO COM A SUA START-UP, EMPRESA AINDA EM FASE INICIAL E COM FOCO EM INOVAÇÃO. ESTA EDIÇÃO DA REVISTA APRESENTA, AINDA, NOVAS SEÇÕES QUE REVELAM O ESTILO EMPREENDEDOR DA AGÊNCIA E DE SEUS CLIENTES: EM PORTFÓLIO, ABRIMOS DUAS NOVAS PÁGINAS PARA MOSTRAR EXCLUSIVAMENTE OS TRABALHOS Diretoria-executiva: Ana Cristina Queiroz, Vice-presidente-administrativo-financeira // Aguinaldo Viriato, Vice-presidente-executivo // Manuel Cavalcanti, Vice-presidente de Criação // Nilson Samico, Diretor de Mídia // Alessandra Pires, Diretora de Operações E-mail: revista@ampla.com.br Site: www.ampla.com.br Twitter: @ampla_ perfil O perfil dos cinco sonhadores que conseguiram colocar de pé os seus próprios empreendimentos sac Maurício Manzoli: o senso prático de quem tem que tomar decisões complexas à frente da comunicação da Vale capixaba Ação da Natura no aeroporto revela por que Narciso acha feio tudo o que não é espelho especial Parece que foi ontem: os 8 anos da Ampla Ampla Recife/PE R. José Bonifácio, 100 - Torre Recife, PE - CEP: 50710-000 Telefone/Fax: (81) 3227.8700 MAIS RECENTES DA AMPLA DIGITAL E, EM TIMELINE, CONTAMOS UM POUCO DA HISTÓRIA DE SUCESSO DA FERREIRA COSTA, UMA DAS MAIORES MARCAS Uma seleção dos últimos trabalhos da Ampla em publicidade, promo e digital, que estreia sua página exclusiva nesta edição making of Facebook: facebook.com/amplacomunicacao Ampla Vitória/ES Av. Nossa Senhora da Penha, 1.495 - Sl. 602 Ed. Corporate Center - Torre A - Santa Lúcia Vitória, ES - CEP: 29045-401 Telefone/Fax: (27) 3325.2597 portfólio em Vitória do Espírito Santo timeline No lançamento da seção Timeline, a trajetória da Ferreira Costa e a sua parceria de 16 anos com a Ampla short list Uma retrospectiva do que aconteceu na Ampla no último ano DO SETOR VAREJISTA DO NORDESTE. POR FALAR EM TAMANHO, DOIS OUTROS GRANDES CLIENTES DA AMPLA TAMBÉM MARCAM PRESENÇA NAS PÁGINAS SEGUINTES. A VALE, REPRESENTADA PELO SEU GERENTE DE COMUNICAÇÃO REGIONAL, MAURÍCIO MANZOLI, E A NATURA, QUE REVELA O MAKING OF DE UM CASE IDEALIZADO PELA AMPLA PARA DIVULGAR SEU PRODUTO NATURA UNA DE FORMA INUSITADA E SURPREENDENTE. CLARO QUE NENHUMA DESSAS MARCAS gente que faz ESTÃO AQUI POR ACASO. SÃO TODAS EXEMPLO DE EMPRESAS NACIONAIS QUE UM DIA FORAM APENAS UM SONHO. A RIGOR, NÃO ERAM PRA VOAR, MAS VOARAM. R E V I S TA - P O R T FÓ L I O 2011/2012 Ampla2012_parte1 ok.indd 2-3 Capa: ilustração do Estúdio Mola retirada do outdoor da campanha institucional do Shopping Recife Quem fez a revista número 12 de uma das maiores agências do Norte-Nordeste do País R E V I S TA - P O R T FÓ L I O 2011/2012 14/05/12 14:54
  • 4 5 brainstorm empreendedorismo EMPREENDEDORISMO EM POUCAS PALAVRAS “Quais são as fronteiras? Nenhuma. O que impede uma outra empresa surgir para gerar um sistema de busca melhor que o Google? Nada!” “Qual é o seu objetivo? O que quer que seja, quanti�ique isso.” MARCILIO RIEGERT HUGO HOFFMANN a manhã de uma quinta-feira, que não se decidia entre ser ensolarada ou chuvosa, a Ampla Comunicação reuniu alguns convidados e colaboradores para participar da edição do Brainstorm Ampla 2011/2012 (#bsampla). Nessa segunda edição, o bate-papo foi sobre empreendedorismo. Desta vez, o evento aportou em Vitória, onde a Agência está presente desde 2004. O encontro aconteceu na área externa do Jardim Secreto Art Club, na Praia do Canto, num clima bucólico, embaixo das árvores (e quase debaixo de chuva). Nesse cenário, estavam reunidos quatro empresários e o presidente de um banco, pessoas que não só entendem do tema, como vivem no dia a dia os desa�ios, as necessidades, os fracassos e as glórias de um empreendedor. O advogado Bruno Negris foi o primeiro a chegar, junto com o empresário Lucas Izoton. Um é presidente do Banco do Estado do Espírito Santo (Banestes), cliente da Ampla desde 2009, e o outro é dono de empreendimentos que atuam em áreas que vão da moda à hotelaria. Minutos depois, chega o jovem empreendedor Hugo Hoffmann para se integrar ao grupo. Vestindo jeans, camisa polo e tênis, nem dava para descon�iar que o garoto de 22 anos já era professor universitário, dono de um restaurante e de uma consultoria administrativo-�inanceira. Por volta das 9 horas, completaram o time o vice-presidente do Conselho e da holding do Grupo Sá Cavalcante, Walter de Sá Cavalcante, e o CEO do projeto Start You Up e sócio-diretor da Ambitá Consulting and Ventures, Marcilio Riegert. Durante cerca de 1 hora e 50 minutos — com uma pequena pausa para sair do espaço aberto, onde todos estavam reunidos, para um outro coberto, já que a chuva fez questão de comparecer —, os quatro empresários e o presidente do Banestes falaram sobre o que é empreendedorismo, qual deve ser o comportamento de um empreendedor, como ele pode conquistar investidores e até como lidar com o fracasso. A conversa rendeu uma gravação de áudio com 110 minutos, transcritos em mais de 12 mil palavras. Ao contrário do que se pode imaginar, o bate-papo sobre empreendedorismo não se restringiu a números e dinheiro. Em vários momentos, a questão era como transformar os sonhos em metas, ajudar os outros através de seus negócios, investir nas pessoas. Antes mesmo do #bsampla começar, o tema empreendedorismo já estava sendo abordado no blog da Revista da Ampla. O assunto ainda foi debatido no Twitter e na página do Facebook da Agência. A discussão não terminou na manhã daquela quinta-feira. Nas próximas páginas da Revista, você pode acompanhar melhor as dicas, os exemplos e os ensinamentos desses empreendedores. Cada um com a sua visão de negócios e as diferentes formas de buscar o êxito dos empreendimentos que comanda. “Eu bato uma meta e quero outra. Vai ser assim até eu morrer.” “Se você não tiver na sua ideia, no seu negócio, a viabilidade �inanceira, ele já iniciou com a expectativa de um fracasso.” Selecionamos algumas frases ditas no #bsampla que resumem o ponto de vista dos nossos convidados. “Uma coisa que a gente vem percebendo, que é muito interessante, é que não adianta só vir dinheiro. Tem que vir inteligência junto.” “Artista sem marchand morria de fome. Marchand sem artista não fazia negócio nenhum. Artista é inovação. Marchand é gestão.” “Toda chance é de você falhar. Todas as estatísticas mostram que no seu primeiro, segundo e até no seu terceiro negócio ela (a chance) está contra você.” WALTER DE SÁ CAVALCANTE LUCAS IZOTON “Não basta ter uma ideia, não basta ter a vontade.” BRUNO NEGRIS EMPREENDER É Além dos cinco convidados que vieram debater e expor seu ponto de vista sobre o empreendedorismo, a plateia do #bsampla recebeu um grupo especial composto por outros empresários, jornalistas, administradores de empresa e especialistas em marketing... Eles vieram ouvir, fazer perguntas e também dar sua opinião sobre o tema. Leia aqui alguns trechos das respostas que eles deram pra pergunta que fizemos no blog da Revista: “Pra você, o que é ser um empreendedor?”. “O empreendedor é quem realmente coloca a mão na massa para fazer acontecer. É uma pessoa incansável que vê uma oportunidade e faz o que for possível para colocá-la em prática, sem medo de errar. E, se isso acontecer, reinventa a roda e busca outros caminhos para tocar seu negócio.” ANDRÉ FIORINI / AD MI NI STRA DOR DE “Dedicação, determinação e metas. Tem a ver com pessoas que não enxergam limites. Um empreendedor é uma pessoa que aceita trabalhar mais do que os outros, que não conta sua semana pelos dias nem os dias pelas horas, mas pela quantidade de feitos que conseguiu realizar.” NILDA MIRANDA / SUPERVISORA EMPRESAS E UM D O S CO O RD ENA DORES DO DE MARKETING DA REDE TRIBUNA DE START YO U UP COMUNICAÇÃO E RESPONSÁVEL PELA COLUNA PROPAGANDA , PUBLICADA ÀS SEGUNDAS-FEIRAS “É sair na frente, insistir, acreditar quando muitas vezes todos desacreditam.” GUSTAVO LÍRIO / SÓ C I O -D IRETOR O PERAC I O NAL DA FULLT I ME FIL MES, NO JORNAL A TRIBUNA , DE VITÓRIA/ES “Vislumbrar uma boa oportunidade e criar metodologias de desenvolvimento da mesma, sempre com iniciativas inovadoras e buscando total e�iciência.” GUSTAVO COSER / DIRETOR DE MEIO A MBIENTE DA A MBITÁ ASSESSORIA E PROJETOS SOCIOA MBIENTA IS E U M DOS ORGA NIZA DORES DO PROJETO STA RT YOU U P “Quando você nasce com essa força que te empurra a ousar e arriscar com o �irme objetivo de ter retorno, não há cenário desfavorável que te impeça de alcançar a sua meta.” MARGÔ DEVOS / G ERENTE DE MA RK ETING E COM U NICAÇÃO INSTITU CIONA L DO BA NESTES PRO D UTO RA D E VI TÓ RI A/ ES R E V I S TA - P O R T FÓ L I O 2011/2012 Ampla2012_parte1 ok.indd 4-5 R E V I S TA - P O R T FÓ L I O 2011/2012 14/05/12 14:54
  • 6 7 INVESTIDOR NA ÁREA Na década de 1960, o psicólogo americano David McClelland identificou as atitudes que fazem algumas pessoas terem competência empreendedora. Com base nessa pesquisa, a Organização das Nações Unidas (ONU) criou um programa que define as dez Características do Comportamento Empreendedor (CCE): “Quando você vai apresentar (seu negócio) para um investidor, a primeira coisa que ele pergunta é ‘Será que você tem competência o su�iciente para tocar esse processo que você está querendo vender?’” M������� ������� “O objetivo de venture capital é o Google, é o Facebook, é a coisa muito grande. Não é a empresa que o cara vai ter uma �ilial, duas, três. Ou vai virar a maior do mundo, vai tomar conta do negócio, ou não vai.” ������ �� �� ���������� INVESTIDORES: ESCOLHA O SEU “Um empreendedor pode ter um objetivo que não seja nada de empresa, nada de sucesso �inanceiro, mas tem um objetivo e vai traçar o que precisa fazer para conseguir aquele reconhecimento naquela área que ele quer alcançar.” Para cada tipo de empresa, um tipo de investidor. Depois de fazer sucesso e faturar milhões, as empresas ganham uma legião de admiradores, fãs, investidores e acionistas. Mas no começo é preciso encarar muita solidão, muito trabalho e pouco dinheiro. Exemplos não faltam. “Você quer ter o seu próprio negócio, então saiba, garoto, você vai ter que sacri�icar muita coisa. Você vai ter que abrir mão das suas saídas à noite, independentemente do tamanho do seu empreendimento.” ���� �������� Fonte: site da revista Pequenas Empresas, Grandes Negócios. “Investir num negócio que não tem uma viabilidade econômica, o investidor não entra. Sejam anjos ou outro tipo de atividade.” ����� ������ “Eles nem olham muito para um plano de negócios. Eles querem saber: ‘Qual o seu modelo de negócio?’. Isso é muito simples: com dois, três slides, você apresenta como vai ganhar dinheiro.” M������� ������� QUEM QUER DINHEIRO? Pesquisa divulgada pela Deloitte em setembro de 2011 mostra quais foram as principais fontes de recursos das 250 pequenas e médias empresas que mais cresceram no Brasil nos últimos 3 anos. “Quando você trabalha em algo em que você já tem talento acima da média, sabe que aquilo dá resultado e você se destaca, o que acontece? O dinheiro vem automaticamente.” ����� ������ As empresas estão cada vez mais procurando empreendedores. Em vez de você ter uma série de funcionários trabalhando, você tem uma série de microempresários.” ������ �� �� ���������� “Na Ambev, se você não for empreendedor, se você não tiver o comportamento empreendedor, você não vai trabalhar na Ambev.” ���� �������� VEM COMIGO! “Empreendedor acredita em coisas que só ele acredita, então ele dá gás para as pessoas. Ele é muito inovador, se cerca de gente que vê ponto fora da curva e também se cerca de quem tem gestão, porque, se não tiver a gestão, vai tudo por água abaixo.” ����� ������ A cada ano, aumenta o número de dinheiro e investidores estrangeiros querendo investir em negócios no Brasil, segundo os dados mais recentes da Eaesp/FGV (Centro de Estudos em Private Equity e Venture Capital). Fonte: respostas de Yuri Gitahy, especialista em start-ups, para a revista Exame �� ���������� FUNCIONÁRIO S.A. DINHEIRO CHEGANDO VAI ENCARAR? “Você tem que estar em todas as pontas do negócio. Não tem isso de ‘Minha área é essa’. Você vai varrer, limpar, conquistar clientes, vender.” ������ �� SHOW ME THE MONEY “Os países e as regiões onde tem mais empreendedores são os que têm mais qualidade de vida. Por quê? Porque, onde tem empreendedores, existem empresas. Onde tem empresas, tem empregos. Se a empresa é boa, isso vai gerar arrecadação de impostos, que por sua vez serão reinvestidos em saúde, segurança, educação.” ����� ������ “Pensando exatamente no sistema colaborativo, o mais importante é quem tá com você. Porque quem está com você comprou a sua ideia junto com você. Isso em relação a tudo, a sócio e a investidor.” M������� ������� ���� �������� ABERTO 24 HORAS EMPREENDER FAZ BEM NADAR CONTRA A CORRENTE Fonte: revista Info “Empreendedor não é só aquele que tem sua própria empresa. Nós temos empreendedores que trabalham no serviço público, em ONGs, iniciativa privada, mas não são acionistas. Porque o empreendedorismo é um estilo comportamental. O empreendedor é um sonhador. Ele transforma seus sonhos em metas. Ele planeja atingir suas metas. Tem uma boa rede de contatos. Monitora. É extremamente persistente, não desiste.” ����� ������ VOCÊ É EMPREENDEDOR? Fonte: Sebrae e Empretec SONHAR COM METAS “É muito di�ícil você discutir com um empreendedor. Ele tem sua opinião e, se dez pessoas falarem que aquilo vai dar errado, ele bota na cabeça que vai dar certo e, às vezes, ele faz dar certo, até pela teimosia.” ����� ������ FRACASSEI, OBA! Alguns dos mais bem-sucedidos empreendimentos e empreendedores que conhecemos fracassaram em algum momento. As falhas também podem ser um caminho rumo ao sucesso. Fonte: revista Exame PME e Deloitte R E V I S TA - P O R T FÓ L I O 2011/2012 Ampla2012_parte1 ok.indd 6-7 R E V I S TA - P O R T FÓ L I O 2011/2012 14/05/12 14:54
  • 8 9 POR BRUNO NEGRIS Vou citar uma experiência muito clara com os meus �ilhos. Quando os �ilhos começam a nascer, você tem uma tendência de �icar agradando o tempo todo. E ainda mais de querer dar aquilo que você não teve oportunidade de ter. Porque eu vim do interior, vida muito di�ícil, tive que vir para Vitória para estudar. Vim para a capital para tentar ter um crescimento. A expectativa no interior era quase zero. Mas o que é que acontecia com os meus �ilhos? Toda hora eles chegavam e pediam: “Dá um dinheiro para um lanche. Dá um dinheiro para eu ir para o shopping. Dá um dinheiro para eu ir para o cinema”. E você só desembolsando. Um dia eu cheguei para eles e disse o seguinte: “Vamos fazer um check list de tudo o que vocês gastam por mês. Vamos sentar aqui. Ah, então você gasta isso aqui por mês. Então, a partir de agora, eu vou abrir uma conta para vocês só de débito”. Dei um cartão de débito para eles e deposito tanto por mês. “Agora, ao longo dos 30 dias, vocês não me procurem. Isso aqui está combinado, é o que vocês vão gastar.” Foi uma das melhores educações que eu já dei para os meus �ilhos, entre outras. POR LUCAS IZOTON Eu criei uma brincadeira, mas com fundamentos técnicos, psicológicos e até empresariais para ajudar as pessoas. Um miniteste vocacional que você faz sozinho em 20, 30 minutos em casa. É de graça. São quatro perguntinhas extremamente simples e objetivas. Primeiro, escreva tudo o que você gosta de fazer na vida que lhe dá muito prazer. Escreveu? Agora, o seguinte: faça um xis na frente do que você tem mais talento do que a média das pessoas. O que é que os meus amigos dizem que eu faço muito bem? Você descobre que tem um monte de coisa que você gosta de fazer, mas para o qual você não tem talento. Aí, pega somente esses que você já marcou um xis na frente. Terceiro: o que disso aí que você gosta muito pode dar grana? Marca xis. Agora, desses, qual a grande oportunidade que você tem para começar? Resumindo, essas quatro perguntinhas são: primeiro, se você faz aquilo que você gosta muito, você vai trabalhar bastante. Segundo: você tem um talento acima da média, você já vai se destacar. Terceiro: isso dá grana, isso dá resultado �inanceiro. E quarto: você pode começar, é uma oportunidade e tem condições de fazer. POR WALTER DE SÁ CAVALCANTE POR HUGO HOFFMANN PA R A HU GO HO F F M AN N, T UDO CO M EÇO U AO S 1 7 AN O S, VENDE N D O CHU R R ASQ U IN HO NA RUA , PE RTO D O SE U CO L ÉGIO R E V I S TA - P O R T FÓ L I O 2011/2012 Ampla2012_parte1 ok.indd 8-9 Eu estudava no Darwin — um dos colégios mais elitizados de Vitória —, e muitos colegas do colégio chegavam e perguntavam por que eu estava vendendo churrasquinho. Eu dizia que queria ganhar o meu dinheiro e que eu estava ganhando muito mais do que várias pessoas que estavam trabalhando com carteira assinada e com cargos interessantes. Mas isso foi a porta para outro segmento, o setor privado, na venda de imóveis. Nesse setor, os pro�issionais são muito perspicazes, não �icam parados, entendem bem o mercado. E eu estava lá nesse meio porque o gerente da imobiliária era cliente do churrasquinho, gostou do meu atendimento e me chamou para trabalhar lá. Nesse momento, eu ainda estava terminando o Ensino Médio, entrando na faculdade. Foi o momento em que eu percebi o quanto eu precisava não ter só esse desejo, essa vontade de ter sucesso, de ser reconhecido, mas de ter a base que vai me gerar esse pontapé que é o conhecimento acadêmico. Eu comecei o curso de graduação na Univix/FGV. Ali foi o maior pontapé para a minha carreira depois de ter trabalhado na corretagem de imóveis. Tudo está ligado ao começo, ao carrinho de churrasquinho, que foi desencadeando essa série de oportunidades. O lado empreendedor está não só em ter o negócio próprio. Há empreendedores que montam empresas e há empresas que querem empreendedores. POR MARCILIO RIEGERT As start-ups não são só empresas ligadas à tecnologia, são empresas com modelos de negócios inovadores, que pensam em escala desde o início. Óbvio que o mercado que a gente conhece melhor é o de internet, que é o que tem uma estabilidade muito interessante. Vamos dar um exemplo de uma empresa daqui do Espírito Santo: a wine.com.br, empresa de internet de comercialização de vinhos, vai completar 3 anos e já nasceu pensando na escala de atender o Brasil todo. Só que ela já conseguiu acelerar tanto que já é o maior site de venda de vinhos da América Latina. E ela é daqui. Google, Facebook, Adobe, Microsoft começaram com pouquíssimos recursos. São empresas que de alguma forma, desde o início, pensam nisto: como vão suprir uma demanda. Uma das propostas do projeto Start You Up é que, de alguma forma, a gente consiga movimentar esse ecossistema. O Brasil vem nesse processo com o Porto Digital, no Recife, que inclusive é um dos melhores exemplos do processo de empreendedorismo no Brasil. Eu sou meio suspeito para falar, porque eu tive aula com ele (Jack Welch) por um semestre, e o velhinho é genial. Ele é fora da curva mesmo. Mas acho que todo modelo �ica ultrapassado. O interessante no modelo dele foi a revolução que fez na GE, que ainda persiste lá e em todas essas empresas, como Goldman Sachs, Ambev: meritocracia ao extremo, que é aquela coisa de graduar, de dar notas, ou seja, pagar premiações em curvas. Não interessa se você foi bem ou mal. O que interessa é o quanto você foi melhor que os outros. Eu não sei se esses novos gurus estão com um modelo muito diferente, não. Steve Jobs, o pessoal do Google, Zuckerberg, do Facebook, acho que a grande força deles não é tão na gestão. É na inovação. Jack Welch é um gestor. Ele tocava 130 empresas de uma forma que nenhum desses conseguiria tocar. Agora, essa geração Y, que já nasceu na internet, é muito mais colaborativa. É uma competição diferente. Essas pessoas querem crescer ajudando os outros. R E V I S TA - P O R T FÓ L I O 2011/2012 14/05/12 14:54
  • 10 11 perfil walter de sá cavalcante TÁ NO SANGUE ele tem o mesmo nome do pai, trabalha com os irmãos e comanda o grupo que leva o seu sobrenome: sá cavalcante. waltinho, como é chamado pela família e pelos colegas, está à frente de vários empreendimentos familiares que vão de shopping centers a restaurantes. apesar de ser cearense, a história toda começa no maranhão, em 1974, pelas mãos de walter de sá cavalcante, o patriarca. Por conta das empresas, a família já mudou quatro vezes de estado. nos anos 1980, moraram no espírito santo. nos 1990, foram para o rio de Janeiro, onde waltinho vive atualmente com a esposa e suas duas filhas. sua agenda é intensa para exercer a função de vice-presidente da holding. ele cuida da gestão do grupo que, além dos empreendimentos no maranhão, espírito santo e rio de Janeiro, possui negócios em são Paulo. Por isso, cumpre uma jornada de 12 horas de trabalho por dia, seguida de muitas viagens. entre uma pausa e outra, ele curte a família e os amigos e ainda pratica ioga. formado em Direito, decidiu mudar de planos e trilhar os caminhos do pai. fez o mba em business no conceituado massachusetts institute of technology (mit), nos estados unidos. lá, foi aluno do lendário ex-presidente e ceo da general electric, Jack welch. “foi incrível ter um gênio e o executivo mais importante do século passado te dando aula, olho no olho, durante um semestre inteiro, com somente mais vinte alunos”, conta. mesmo respeitando e admirando o “velhinho”, como chama welch, não quer dizer que ele o siga à risca. o vice-presidente do grupo sá cavalcante prefere adicionar mais alguns ingredientes. “acredito muito na meritocracia, e ela em nada conflita com o (modelo) colaborativo”, explica em entrevista por e-mail. aliás, de e-mail em e-mail, waltinho mostra toda sua desenvoltura com a linguagem e a rapidez da internet. suas respostas são cheias de pq, eh, tb, qdo, hj. não é por acaso que atuou na última campanha presidencial brasileira como um dos cabeças da empresa loops — mobilização online, que cuidou da estratégia de comunicação on-line do então candidato José serra. “foi uma oportunidade única de entender a mobilização nessa magnitude bem de dentro”. Pra isso, tirou uma licença do grupo durante o ano da eleição. “estou usando tudo que aprendi aqui no grupo. foi um outro mba”, revela. mas, ao ser questionado se era da geração Y, durante o brainstorm ampla, ele apenas sorriu e soltou “sou um pouquinho mais velho”. R E V I S TA - P O R T FÓ L I O 2011/2012 Ampla2012_parte1 ok.indd 10-11 R E V I S TA - P O R T FÓ L I O 2011/2012 14/05/12 14:54
  • 12 13 perfil hugo hoffmann há 5 anos, hugo hoffmann começou a trabalhar. filho de um funcionário do banco do brasil e de uma funcionária do banco do estado do espírito santo (banestes), estudante do colégio Darwin, um dos mais conceituados de vitória, e morador da mata da Praia, um bairro nobre da cidade, hoffmann não poderia ter feito escolha mais incomum para um jovem com seu perfil e sua idade, na época: 17 anos. em um determinado dia de 2006, ele decidiu pedir dinheiro ao sr. elber mendonça, seu pai, para comprar um carrinho para vender churrasco. contou com a ajuda de dona marta hoffmann para conseguir convencer o marido. montou seu primeiro negócio numa rua perto da sua casa e do colégio, em frente a uma corretora de imóveis. “eu ganhava muito mais do que várias pessoas que estavam trabalhando com carteira assinada e com cargos interessantes”, conta. hoje, aos 22 anos, esse jovem capixaba, nascido em são gabriel da Palha, é um sonhador com os pés no chão. sua habilidade para vendas era tão boa que o gerente da imobiliária, que ficava na mesma calçada, resolveu convidá-lo para ser corretor. “nesse momento, percebi que precisava não só ter vontade de ter sucesso, mas de ter a base, que é o conhecimento acadêmico.” foi, então, cursar administração na univix/fgv. Já cedo, estabeleceu um valor em dinheiro a ser conquistado até os 27 anos. a quantia, ele prefere não revelar. só conta das suas atuais metas. “Quero ter uma atividade que me gere uma renda fixa, ter uma outra mais arriscada que gere um retorno maior e desenvolver um projeto que pode até reduzir muito esse prazo, porém com uma complexidade muito maior”, diz. há pouco mais de 1 ano, hoffmann conquistou uma vaga numa das maiores companhias cervejeiras do mundo, a ambev. após muito estudo e trabalho — abrindo mão da diversão —, o jovem preferiu empreender em algo seu. adquiriu o restaurante canibal espetinhos, no bairro de Jardim camburi, e abriu a rX consultoria, onde atua como consultor administrativo e financeiro. apesar do esforço e da dedicação ao trabalho, hoffmann tem suas horinhas de folga. segundo ele mesmo diz, já passou da fase baladeira. gosta de ir para um bar com os amigos e a um restaurante com a família. “minha intenção é conseguir viajar mais no ano que vem. eu adoro surfar e jogar tênis”, confessa. após conquistar sua meta, aos 27 anos, hoffmann pretende estipular e alcançar outras. “Desenvolverei algo que tenha um impacto social, uma ong relacionada ao empreendedorismo, com foco especificamente nas crianças.” Pra quem começou empurrando um carrinho de churrasquinho, hoffmann quer ir longe. R E V I S TA - P O R T FÓ L I O 2011/2012 Ampla2012_parte1 ok.indd 12-13 R E V I S TA - P O R T FÓ L I O 2011/2012 14/05/12 14:54
  • 14 15 perfil bruno negris os números e a educação têm uma presença marcante na vida do advogado bruno negris, 48 anos. Diretor-presidente do banco do estado do espírito santo (banestes) desde janeiro de 2011, esse capixaba nascido em são mateus percorreu um longo caminho até chegar ao seu atual cargo. na sua cidade natal, ele começou a trabalhar ainda muito jovem, aos 13 anos, no empreendimento do seu pai, albino, e do avô ernesto, uma mercearia do tipo secos e molhados, que vendia de tudo. fez as contas e viu que, para seu crescimento pessoal, precisava ir pra vitória, capital do espírito santo. lá cursou engenharia mecânica e deu aulas de matemática. mais uma vez, calculou: o espírito santo ainda não estava preparado para receber tantos engenheiros assim. Decidiu, então, cursar Direito. mas os números não queriam largar dele. seu currículo não deixa dúvida. além de passar 8 anos em salas de aula de instituições de ensino superior, negris foi auditor fiscal da receita estadual e ocupou a cadeira de secretário de estado da fazenda. interessado na evolução tecnológica, ele também integrou o instituto de tecnologia da informação e comunicação do estado do espírito santo (Prodest). Durante o brainstorm ampla, negris deu uma verdadeira lição sobre empreendedorismo, sobre gestão e sobre o cenário econômico do estado. elencou vários motivos para o espírito santo ter crescido e mudado completamente ao longo dos últimos 9 anos. relembrou os tempos em que era professor. “Dar aulas é uma forma de aprender muito”, conta. uma das melhores aulas que ele já deu na vida foi sobre educação financeira numa escola muito particular, sua casa, para alunos muito especiais, seus filhos (veja no final da seção brainstorm desta edição). Pelos seus cálculos, eles aprenderam. R E V I S TA - P O R T FÓ L I O 2011/2012 Ampla2012_parte1 ok.indd 14-15 R E V I S TA - P O R T FÓ L I O 2011/2012 14/05/12 14:55
  • 16 17 perfil marcilio riegert marcilio riegert, 29 anos, quer ter sucesso profissional, mas não se contenta só com o seu êxito. esse filósofo e mais outros quatro amigos perceberam que o espírito santo tem muito a oferecer e, por isso, fundaram o projeto start You uP com o objetivo de fortalecer o empreendedorismo e a inovação no estado. Paralelamente, ele é sócio-diretor da ambitá consulting and ventures, empresa de monitoramento e desenvolvimento de soluções nas áreas social e ambiental. o empreendedorismo e a inovação movem esse capixaba. sua formação acadêmica, ao contrário do que possa parecer, o levou a isto. entre um livro e outro, riegert se viu aos 17 anos tendo que escolher um curso. visitou a universidade federal do espírito santo (ufes), assistiu a algumas aulas e se encantou com filosofia. Para riegert, a filosofia serviu para construir a base do que mais importa na inovação: o ser humano. em seguida, decidiu cursar uma pós-graduação em história Política. “Precisava entender o arco histórico da cultura e do poder na nossa sociedade, perpassando pelas empresas e pelo investimento social privado”, conta. nessa época, riegert já estava trabalhando numa fundação de um grande grupo empresarial do espírito santo. sua busca agora era por informações sobre a importância e o impacto do investimento social numa comunidade que procurava o desenvolvimento local. R E V I S TA - P O R T FÓ L I O 2011/2012 Ampla2012_parte1 ok.indd 16-17 “foi um aprendizado e tanto, de suma importância para conectar teoria e prática”, diz. a “chama empreendedora brilhou” durante a realização de seu trabalho no consulado alemão. riegert ajudou algumas comunidades na construção de projetos com foco no desenvolvimento sustentável. o desejo de fortalecer o empreendimento no espírito santo só aumentou após uma viagem para participar do encontro econômico brasil-alemanha, em munique, em 2010. “tive a oportunidade e o contato com profissionais e empresas de porte global que tinham como frente a inovação”, revela. a partir de então, riegert começou a se perguntar como poderia ajudar seu estado a crescer de forma inovadora. “o que os empreendedores estão fazendo? tomei a decisão ali. Precisava ajudar, de alguma forma, o brasil e o espírito santo nesse processo de inovação empreendedora.” assim começou o projeto start You up, juntamente com andré fiorini, Diego garcia, gustavo coser e luciana de Paiva. todos trabalhadores da área de inovação e tecnologia. em 2011, o start You up realizou nove workshops. os encontros acontecem sempre na última terça-feira de cada mês. riegert e os outros responsáveis pelo projeto pretendem chegar a mil participantes e cinquenta start-ups cadastradas. R E V I S TA - P O R T FÓ L I O 2011/2012 14/05/12 14:55
  • 18 19 perfil lucas izoton 365 dias para Lucas Izoton aos 10 anos de idade, incentivado pelo avô, ele vendia refresco na feira livre. aos 14, vendia produtos da avon com a mãe. aos 16, fazia artesanato. lucas izoton vieira, 55 anos, nasceu mesmo para empreender. atualmente, esse filho de taxista, pai de duas filhas e “andarilho” praticante é um dos empresários mais bem-sucedidos e atuantes do espírito santo. além de cuidar das empresas que formam o grupo izoton, ocupa uma das vice-presidências da confederação nacional da indústria (cni). com tantas responsabilidades, ele já começa o ano programando seus próximos 365 dias, que podem ser ocupados por uma reunião, em brasília, com a presidente Dilma rousseff, por uma meia-maratona no chile ou por uma palestra como a do brainstorm, para a revista da ampla. nascido na cidade de vila velha, izoton confirma o que diz: o empreendedor é espaçoso. sorridente e expansivo, bom de conversa, foi o que mais falou no evento da agência. Para a plateia formada por empreendedores, jornalistas e publicitários, contou sua trajetória pessoal. “apesar de sermos uma família humilde, a prioridade era que os quatro irmãos tivessem curso superior numa universidade federal”, conta. o primeiro emprego formal veio aos 18 anos. Quando ainda frequentava a universidade federal do espírito santo, chegou a ter quatro empregos ao mesmo tempo. fundou sua primeira empresa em 1980, quase dois anos após se formar em engenharia mecânica. com essa experiência acumulada, começou a dar palestras e escreveu quatro livros. ainda lançou um livro de viagens chamado a Paz no mundo começa Dentro de nós, com fotografias feitas durante uma viagem a Jerusalém. em 1997, percorreu o caminho de santiago de compostela. uma parte a pé e outra de bicicleta, num total de 833 km percorridos em 13 dias. “Decidi fazer o caminho por ter um grande interesse em conhecer a sua história”, explica. “além disso, certamente eu tive uma oportunidade para fazer uma reflexão sobre a minha vida.” conselheiro de entidades como o serviço brasileiro de apoio às micro e Pequenas empresas (sebrae), a agência de Promoção de exportações e investimentos (apex), o serviço social da indústria (sesi), o serviço nacional de aprendizagem industrial(senai) e também consultor e instrutor da organização das nações unidas (onu), izoton ainda se ressente dos poucos momentos que pode se dedicar à família. “a vida é feita de ônus e bônus. na minha administração de tempo, eu me privei de muita coisa”, confessa. “tive o bônus de comprar a bicicleta das minhas filhas. mas eu tive o ônus de não tê-las ensinado a andar de bicicleta.” É o tipo de compromisso que izoton precisa priorizar para os seus próximos 365 dias. R E V I S TA - P O R T FÓ L I O 2011/2012 Ampla2012_parte1 ok.indd 18-19 R E V I S TA - P O R T FÓ L I O 2011/2012 14/05/12 14:55
  • 20 21 sac maurício manzoli portfólio Simples e descomplicado, essas duas palavras resumem o estilo do mineiro Maurício Manzoli. Sendo gerente de Comunicação Regional de uma das maiores mineradoras do mundo, a Vale, no Espírito Santo, podemos imaginar o quanto seu trabalho deve ser complexo. Mas, nas respostas pra enquete desta seção SAC, como cliente da Ampla capixaba, Manzoli revela seu senso prático. Exemplos? Por segurança, levaria uma lanterna pra visitar uma mina. Por ser perto da praia e do aeroporto, escolheria morar em Cubatão, entre as centenas de cidades do mundo que contam hoje com alguma unidade da Vale. Manzoli é casado e pai recente do primeiro filho, Bernardo. Nasceu em Belo Horizonte há 34 anos e formou-se em Publicidade. Fez pós-graduação em Gestão da Comunicação Empresarial e tem um MBA em Gestão de Negócios. Começou a carreira em agências de publicidade e web. Teve sua própria agência digital e atuou como analista em empresas de grande porte. Desde 2004 trabalha na Vale e, apesar dessa bagagem e do cargo que ocupa, o que o faz feliz mesmo é tirar o chinelo e pisar na areia da praia de Camburi, em Vitória, pra passear com o filho. Simples assim. Qual produto você acha que o minério vai produzir no futuro? Com quem você gostaria de dividir sua mesa de trabalho? Pra uma empresa que trabalha com mineração, ser “mineiro” é pré-requisito? Entre os lugares onde a Vale está, qual destes seria a sua opção de destino: Barbados, Cazaquistão, Chile, Zâmbia, Reino Unido, Tailândia, Peru, Omã, Coreia do Sul, Canadá ou Cubatão? não tenho ideia. se tivesse alguma indicação, registraria logo essa patente! como a vale nasceu em itabira/mg, tenho muito orgulho de trabalhar numa empresa que começou em minas, de ser mineiro e ter tantos outros mineiros conosco. mas hoje a vale é uma empresa global, e temos dezenas de nacionalidades na empresa. Quem representa o Brasil lá fora tão bem quanto a Vale? os nossos atletas, que enchem os brasileiros de orgulho e conseguem mobilizar o País. Pra quem já teve uma pequena empresa e agora trabalha numa gigante como a Vale, qual é a maior mudança? mudar o drive de fornecedor para cliente. Ferro, manganês, níquel ou carvão? Por quê? minério de ferro, pois é nosso carro-chefe. com steve Jobs. Pena que ele se foi. cubatão. está perto do guarujá e de congonhas. Poderia voltar rápido para visitar os meus amigos e ainda pegar uma praia com a minha família no final de semana. Ao ser convidado para descer numa mina, você não deixaria de levar: uma lanterna, um iPod, um livro ou uma televisão? levaria a laterna, pois é um equipamento de proteção individual para uma mina subterrânea. segurança em primeiro lugar! Um sonho pessoal, do tamanho da Vale, que você ainda não realizou? Há pouco mais de 2 anos, a Ampla era a primeira agência de Pernambuco a possuir um departamento inteiro de comunicação digital, integrando criação e planejamento. De lá pra cá, a demanda para a área só cresceu, e parte do resultado desse trabalho você confere nas próximas páginas com o primeiro portfólio exclusivo de ações digitais produzidas pela Agência. O núcleo digital da Ampla é comandado pelo diretor de Criação Maurício Nunes e conta com especialistas em diversas áreas. Juntamente com o expertise digital e a maior estrutura do Norte e Nordeste, a Agência oferece a seus clientes a experiência dos seus 36 anos de mercado, levando muito a sério o funcionamento do modelo 360 graus. Segundo Nunes, para os próximos meses, a Ampla Digital pretende crescer ainda mais em áreas específicas. “Nós, que já fazemos diversas ações nas redes sociais, estamos desenvolvendo vários projetos na área de mobile e investindo forte em aplicativos para iPhone, Android e tablets. Além disso, aprimoramos a nossa ferramenta de monitoramento nas redes sociais”, revela. E, para atender às demandas dos clientes, a integração com os outros departamentos da Agência acontece de forma natural, com o on-line e o off-line interagindo o tempo todo. “Profissionais de toda a Ampla podem ser requisitados para executar trabalhos em qualquer área, inclusive na Digital”, conta o presidente da Ampla, Queiroz Filho. “Desenvolvemos tudo no universo digital. Se tiver uma ideia, a gente realiza: sites, hotsites, Facebook, Twitter, YouTube, mobile, links patrocinados...”, garante Nunes. Bom, se alguém ainda tem dúvida se deve investir na área, o diretor de Criação dá o toque. “São mais de 90 milhões de brasileiros com acesso à internet, e, desse número, mais de 30% acessa as redes sociais mais do que e-mail. As empresas têm que se antenar para isso.” Ainda não está apostando? Queirozinho arremata: “É dar um tiro mais do que certeiro no consumidor, pois sabemos de fato quem é ele e onde ele está”. Curta, a seguir, alguns exemplos de como fizemos isso tudo que falamos na prática. conhecer os cinco continentes. ainda faltam três, sem considerar a antártida. Um slogan pra você mesmo. simples, prático e feliz. R E V I S TA - P O R T FÓ L I O 2011/2012 Ampla2012_parte1 ok.indd 20-21 R E V I S TA - P O R T FÓ L I O 2011/2012 14/05/12 14:55
  • 22 23 portfólio digital 1 2 4 7 8 9 5 10 11 3 12 6 13 1 - Aplicativo de Facebook da Moura para o usuário traçar os planos e as metas de 2012. 7 - Estratégia digital de divulgação da campanha do Wafer Mega Recheio Vitarella. 2 - Aplicativo de Facebook que edita um livro com todas as mensagens recebidas e estatísticas do usuário no dia do seu aniversário. 8 - Ação de oportunidade da Vitarella para o Dia do Amigo. 3 - Concurso da Pitú para eleger a fantasia mais criativa do Carnaval de Pernambuco. 4 - Site do Programa CNH Social, do Detran-ES. 5 - Novo site institucional da construtora Queiroz Galvão. 6 - Novo site institucional da FortLev. R E V I S TA - P O R T FÓ L I O 2011/2012 Ampla2012_parte1 ok.indd 22-23 9 - Estratégia de comunicação nas redes sociais para a Unimed Vitória. 10 - Novo site institucional da Pitú. 11 - Estratégia para o processo seletivo do Rapidão Cometa. 12 - Aplicativo para comemorar o Dia dos Pais do Shopping Recife. 13 - Hotsite da Vitarella para homenagear o Dia da Mães. R E V I S TA - P O R T FÓ L I O 2011/2012 14/05/12 14:55
  • 24 25 portfólio publicidade 1 2 3 4 5 6 7 15 16 17 18 19 20 21 1 2 8 9 10 12 13 14 1 Campanha de Natal para a Ferreira Costa | 2 Filme da campanha do Imip para estimular a doação de órgãos | 3 Filme da campanha dos cartões de Natal do Imip | 4 Campanha do Liquida Recife para a CDL | 5 Campanha da Pitú para estimular o consumo consciente | 6 Filme para o lançamento dos edifícios Maria Rebeca e Maria Raquel, da Queiroz Galvão | 7 Campanha para o São João da Capitá | 8 Campanha Moda Verão 2012, do Shopping Recife | 9 Campanha institucional do Shopping Recife | 10 Campanha institucional dos Supermercados Arco-Íris | 11 Filme da campanha Vai Pro JC, do Jornal do Commercio | 12 Filme da campanha para a Cream Cracker Vitarella | 13 Lançamento do Wafer Mega Recheio, da Vitarella | 14 Balanço de Fim de Ano da Ampla | 15 Filme de liquidação para o Shopping Recife | 16 Campanha institucional da Baterias Moura | 17 Filme para a campanha Nossocrédito, do Bandes | 18 Campanha institucional do Banestes | 19 Filme Faixa de Pedestre, para o Detran-ES | 20 Campanha de licenciamento do Detran-ES | 21 Filme Controles Ambientais para a Vale 12 4 11 13 5 14 15 16 17 3 7 6 18 8 19 9 10 20 11 1 Campanha para divulgar os novos sabores da Vitarella Crocks | 2 Série de anúncios institucionais para a Ferreira Costa | 3 Outdoor da Globo Nordeste na entrada de Porto de Galinhas | 4 Campanha institucional do Hospital Memorial São José | 5 Campanha do Imip para estimular a doação de órgãos | 6 Campanha para a Estação Verão no Shopping Recife | 7 Anúncios para o Programa P&D, da Celpe | 8 Campanha institucional da Pitú | 9 Outdoor da campanha para o Programa Viver Unimed | 10 Anúncio de oportunidade para o Dia Mundial de Combate à Aids | 11 Campanha da CNH Social para o Detran-ES | 12 Campanha institucional para o Rapidão Cometa | 13 Campanha institucional do Jornal do Commercio | 14 Série de anúncios em comemoração aos 50 anos do Imip | 15 Anúncio da campanha do Bandes para micro e pequenos empresários | 16 Campanha Do The Trick, para a Street Fashion | 17 Campanha institucional e integrada para o jornal A Gazeta | 18 Anúncio institucional da Ampla assinado pelo bar Caneca Fina | 19 Anúncio institucional da Ampla | 20 Anúncios da promoção De Cara na Folia JC R E V I S TA - P O R T FÓ L I O 2011/2012 Ampla2012_parte1 ok.indd 24-25 R E V I S TA - P O R T FÓ L I O 2011/2012 14/05/12 14:55
  • 26 27 portfólio promoção 2 13 1 11 12 3 4 16 14 15 7 5 6 17 8 9 10 1 Projetos Verão e Inverno com Saúde, do Hospital Santa Joana, que levam atendimento básico de saúde e atividades educativas para as comunidades. | 2 Estande do Shopping Recife para o lançamento da Coleção Verão 2012. | 3 Ação da Fiat na Barraca do Pezão, na praia de Maracaípe. | 4 Estande da Vitarella na Abad Recife. | 5 Ação interativa da Claro no Festival Mada , de Natal. | 6 Ação da Celpe, patrocinadora do Festival Audio Visual Cine PE | 7 Ação desenvolvida para o Detran-ES, com promotores gêmeos lembrando, que no trânsito, somos todos iguais. | 8 Jogo da memória desenvolvido para o Jardim Sensorial, do Parque Botânico da Vale no Espírito Santo. | 9 Convite para o lançamento do Jardim Sensorial. | 10 Convite para a inauguração da Wind Fence, implantada pela Vale no Complexo R E V I S TA - P O R T FÓ L I O 2011/2012 Ampla2012_parte1 ok.indd 26-27 18 19 de Tubarão. | 11 iPad falso da promoção criada pela Ampla para os portais da Globo Nordeste. | 12 Convite de lançamento para o empreendimento Malawi, da Queiroz Galvão, em Muro Alto. | 13 Estande da Queiroz Galvão no Salão Imobiliário do Recife . | 14 Estande da Pitú na Abad Recife. | 15 Catálogo de lançamento do edifício Le Klabin, da Queiroz Galvão, em São Paulo. | 16 Game Forró Band, desenvolvido pela Ampla para a Vitarella no São João. | 17 Decoração natalina da Celpe na Praça Oswaldo Cruz, no Recife. | 18 Planejamento 2011/2014 da Unimed Vitória, que teve como tema as artes plásticas. | 19 Convite para o Projeto Cores da Vale. R E V I S TA - P O R T FÓ L I O 2011/2012 14/05/12 14:56
  • 28 29 making of natura espírito santo especial E quem não gosta de final feliz? O QUE ESPERAR DE UM ESTADO CUJA CAPITAL TEM ESTE NOME? esta história começa com a natura convidando a ampla para um encontro. Pra quem não conhece, a natura é exatamente como a mulher que aparece em suas campanhas: inteligente, envolvente e naturalmente bonita. com um perfil de consumidora muito bem definido, o briefing solicitava uma ativação de marca para a linha de maquiagem natura una. o job entrou na pauta e a diretoria logo dedicou uma equipe “promodigital” exclusivamente para o projeto. e o que aconteceu foi uma love story de verdade. complexa, intensa e tensa em alguns momentos, como todo romance real. Primeiro, ouvimos as mulheres sobre o assunto. entrevistamos, conversamos, filmamos, entendemos finalmente que faz parte da natureza feminina cultuar — e colorir — a própria imagem na frente do espelho, de preferência numa linda penteadeira. mas quando? onde? todas reclamam da falta de tempo para desempenhar tantas funções. cabe à maquiagem, que sempre existe, o intervalinho que sobra, de acordo com a conveniência mesmo. apostamos então em levar a penteadeira para as situações onde a mulher mais precisasse dela. sabe quando tudo o que uma mulher quer é espelho e maquiagem? na hora de sair do avião. o insight foi para o planejamento e arrematou o coração da cliente. Depois do sim oficial, começou o processo de execução. negociações com companhias aéreas, ajustes de orçamento, confecção das penteadeiras e de todo o material necessário, treinamento de promotores e maquiadores, reuniões com a produtora de vídeo e muitos, muitos et ceteras. foram meses de ajustes, desejos, cortes e acertos, como nos preparativos de um belo casamento. finalmente o grande dia aconteceu, simultaneamente em três capitais. os aeroportos de fortaleza, do recife e de salvador aguardavam ansiosos as primeiras convidadas. na saída da aeronave, as passageiras da gol recebiam um espelhinho que anunciava uma surpresa ao retirar a bagagem. antes mesmo de chegarem às esteiras, avistavam a penteadeira natura una com maquiador a postos. mas a melhor expressão delas aconteceu quando, entre as malas, leram seus nomes estampados em belas caixas de presentes. um regalo pessoal e intransferível, contendo um kit só pra elas. a ação aconteceu por 30 dias, durante o mês de dezembro. o resultado? mulheres lindas, cada uma à sua maneira, encantadas com uma experiência de marca verdadeiramente relevante, com a cara da natura. sentimentos facilmente percebidos, tanto nas expressões vistas em seus rostos quanto nos depoimentos espontâneos registrados em vídeo. De um lado, cliente feliz por realizar uma ação, além de tudo inovadora, no nordeste. Do lado de cá, uma ampla ainda mais apaixonada. Pela natura e, principalmente, pelo que faz. imagine que o seu vizinho de baixo é o rio de Janeiro. o do lado é minas gerais. e, logo ali na frente, está são Paulo. esse é o espírito santo. um estado cercado pelos estados mais ricos do brasil. tarefa um tanto difícil se destacar no meio de todos eles — você já deve ter chegado a essa conclusão. talvez por isso o sucesso do espírito santo era uma incógnita até o início dos anos 1980. mais ou menos como aquele primo que ou iria virar um grande empresário ou passaria o resto da vida como estagiário. Para nossa sorte, o espírito santo virou um grande empresário. nos últimos 20 anos, foi um dos estados que mais cresceu dentro do brasil. só para se ter uma ideia, em 2011 o Pib capixaba cresceu 13,3%. enquanto que a média no País não passou dos 7,5%. isso para citar apenas um dos indicadores. foi no meio desse cenário que, em 2004, a ampla chegou ao espírito santo. chegou com coragem de querer fazer diferente e com determinação para se juntar às grandes agências do estado. conquistou clientes públicos e privados de porte nacional e se tornou referência no mercado publicitário. nos últimos 2 anos, a ampla criou um ambiente ainda mais favorável ao seu crescimento. contratou um time de criativos de primeira linha, formou uma equipe conceituada de atendimento, mídia e produção, implantou serviços de inteligência digital exclusivos para seus clientes. e, pegando carona na expansão acelerada da economia capixaba, a ampla multiplicou por quatro a sua operação comercial no espírito santo. e sabe o que isso significou? a ampla consolidou uma carteira de clientes pra lá de invejável e faturou diversos prêmios expressivos. mais do que isso, ganhou respeito, admiração e atraiu os olhares do mercado. ASSISTA AQUI AO VÍDEO DA AÇÃO R E V I S TA - P O R T FÓ L I O 2011/2012 Ampla2012_parte1 ok.indd 28-29 R E V I S TA - P O R T FÓ L I O 2011/2012 14/05/12 14:56
  • 30 31 timeline ferreira costa A Ferreira Costa é uma empresa familiar, genuinamente pernambucana, com 128 anos de atuação no comércio e uma trajetória de sucesso no mercado. E essa história não para por aqui, porque os projetos de expansão da empresa estão saindo do papel com a construção da sua maior loja, em 2012. Aqui, o ditado “Em casa de ferreiro, espeto de pau” não funciona. Veja como tudo começou. recife - imbiribeira fundada em agosto de 1884 pelo imigrante português João ferreira da costa, na cidade de garanhuns, agreste de Pernambuco, a empresa iniciou suas atividades atuando na área de secos e molhados e, posteriormente, na comercialização de ferramentas e implementos agrícolas. ao longo do tempo diversificou sua operação e ampliou sucessivamente o seu mix de produtos incorporando a linha de ferragens e de material de construção, o que viria a ser o foco de seu negócio ao lado do segmento de utilidades para o lar. recife - tamarineira a empresa não parava de crescer, e, em 2008, a loja de garanhuns, que com razão é considerada por todos como um verdadeiro shopping da cidade, dobrou de tamanho, além de contar com uma grande ampliação da área de estoque e um novo centro de distribuição. o mix da loja de garanhuns ainda é maior que o do recife, uma vez que oferece aos seus clientes produtos como perfumaria, confecções, móveis, ferramentas e máquinas para o campo. além desses investimentos em Pernambuco, a empresa deu o seu primeiro passo para fora do estado ao inaugurar uma megaloja em salvador, na bahia. garanhuns em julho de 1989, a ferreira costa iniciou uma nova fase ao inaugurar, em garanhuns, um moderno prédio com sete pavimentos, um marco no desenvolvimento da empresa, que consolidou sua posição de maior varejista do segmento em todo o interior de Pernambuco. sua credibilidade junto ao mercado e aos fornecedores pavimentou o caminho para o passo seguinte, ainda mais ambicioso: abrir uma segunda loja, desta vez no recife, e passar a competir diretamente no principal mercado do estado. Para isso, a empresa inovou mais ainda, ao introduzir no ambiente do varejo nordestino o moderno conceito de home center. surgia assim, em agosto de 1995, o home center ferreira costa com uma ampla loja na imbiribeira, ocupando um terreno de 44 mil m2 e uma área construída de 5 mil m2, num espaço planejado para comercializar milhares de itens das melhores marcas. hoje o número de produtos oferecidos já ultrapassa os 60 mil itens, com mais de 11 mil m2 de loja. salvaDor Para o segundo semestre de 2012, está prevista a inauguração de mais uma loja no recife. a segunda unidade do grupo na capital pernambucana vai funcionar na zona norte da cidade, na tamarineira, e, como prova de que a ferreira costa tem os olhos para o futuro e mantém sua marca de ousadia, essa nova unidade será a maior loja entre todas já construídas. num terreno de 22 mil m2, o prédio, de quatro pavimentos, possui uma área construída de 52 mil m2 e uma bateria de 51 check-outs à disposição do público, com estacionamento para cerca de 600 veículos. F E R R E I R A C O S TA E A M P L A : U M A PA R C E R I A F O R TA L E C I DA A CA DA A N O A parceria entre a Ferreira Costa e a Ampla começou desde quando a empresa tomou a decisão estratégica de abrir a sua loja no Recife. O primeiro trabalho desenvolvido pela Agência foi exatamente a campanha de inauguração, que marcava o lançamento de um novo conceito no negócio de material de construção e utilidades para o lar, o home center. R E V I S TA - P O R T FÓ L I O 2011/2012 Ampla2012_parte1 ok.indd 30-31 O conceito Muito mais pra você, desenvolvido em 2005, que posiciona a empresa na sua comunicação, é um marco na publicidade da Ferreira Costa. Desde então, todas as promoções e mensagens veiculadas na mídia reforçam, através desse conceito, os diferenciais do home center: uma loja completa, com tudo para casa e construção, num ambiente diferenciado, confortável e seguro e que disponibiliza um alto padrão de atendimento, com estacionamento amplo e diversos serviços à disposição dos seus clientes. A Ferreira Costa mantém constante presença semanal na mídia TV, nas rádios e nos jornais, e, a cada mês ou quinzena, uma nova campanha é lançada, ancorada em promoções e num farto leque de material de ponto de venda para divulgar determinada linha de produto e as ofertas que o home center patrocina. A Ferreira Costa é a marca mais lembrada no seu segmento no prêmio Marcas Que Eu Gosto, do Diario de Pernambuco. Também no prêmio JC Recall de Marcas, realizado a partir de pesquisas com o consumidor pelo Jornal do Commercio, a Ferreira Costa está sempre entre as empresas vencedoras há vários anos consecutivos. R E V I S TA - P O R T FÓ L I O 2011/2012 14/05/12 14:56
  • 32 33 shorlist MELHOR AGÊNCIA PARA TRABALHAR A Ampla trabalha feliz porque é criativa e ganha prêmios. E é criativa e ganha prêmios porque trabalha feliz. Esse foi o motivo que levou a Agência a faturar, em 2011, o prêmio Great Place to Work, como uma das quinze melhores empresas para se trabalhar em Pernambuco. Foi a primeira vez que o prêmio foi aplicado no Estado. E a Ampla é a única agência de publicidade entre os vencedores. UNIDOS VENCEREMOS AMPLA.BLOG Que os amplianos adoram produzir conteúdo, você já sabe. E fora da Agência? O que eles andam fazendo? Para três deles, a resposta vem em forma de blogs. No convexo.blogspot.com, de autoria do redator Plínio Uhl, você encontra cinema, quadrinhos e música. Tudo em resenhas mais aprofundadas, misturando opinião e informação. Já o blog da gestora de conteúdo digital Anna Terra começou como uma terapia. O ideiasdefimdesemana.com.br fala de artes e decoração. Atualmente, o blog é parceiro do portal NE10 e sua fan page no Facebook já foi curtida por mais de 3 mil pessoas. Para finalizar, tem o ricotanaoderrete.com, da redatora digital Daniela Vasconcelos. Criado para falar sobre amenidades e coisas de mulher, o blog a motivou a estudar a linguagem e a comunicação na internet. Após quatro anos, o espaço tem de tudo sobre o universo feminino e já foi destaque nacional, sendo hoje parceiro do canal de televisão GNT. Ampla2012_parte1 ok.indd 32-33 O sucesso do Programa de Estágio da Ampla 2012 não ficou restrito ao grande número de inscritos: 173 pessoas para apenas 3 vagas. A campanha criada para divulgar o programa, que foi toda produzida, filmada e editada pelos criativos, mostrou outros talentos pouco comuns dos profissionais da Agência. Os filmes divertiram muita gente nas redes sociais e tiveram milhares de views no YouTube. Quem ainda não viu pode conferir alguns deles no canal da Agência no YouTube: www.youtube.com/amplacomunicacao. ARTE NA PAREDE Imagine uma sala circular, com a parede toda branca, sem quadros e sem janelas. Assim era a sala de atendimento 2 da Ampla. E foi desse cenário árido que surgiu um dos mais inspiradores briefings para a Criação. Entre as muitas ideias que surgiram para deixar o espaço menos inóspito, uma delas foi aproveitar o talento dos diretores de Arte, que, em sua maioria, também são ilustradores. Os desenhos seriam feitos direto na parede, com lápis preto, e tudo seria devidamente registrado por três diferentes câmeras. Uma delas com uma lente que filma em 360 graus. Quer saber o que saiu daí? É só acessar: www.facebook.com/ampla.comunicacao e clicar em “arte na parede”. Bandes lança campanha institucional voltada para micro e pequenos empresários. Detran do Espírito Santo lança a campanha Faixa de Pedestre, com uma linguagem visual inovadora. O projeto Inverno com Saúde, do Hospital Santa Joana, realiza atendimento médico gratuito e ações com foco na responsabilidade socioambiental na cidade de Gravatá-PE. O Detran do Espírito Santo lança campanha para o programa de governo CNH Social. Pela segunda vez consecutiva, a Ampla é eleita Agência do Ano no Prêmio Colunistas Promoção. A Agência também teve o melhor desempenho criativo no Prêmio Colunistas Publicidade N/NE. SET Mais uma vez, brilha no ar a campanha do São João da Capitá, desta vez estrelada por Joelma e Chimbinha, da banda Calypso, e por Wesley Safadão, do Garota Safada. Shopping Recife estreia a campanha anual com filme para o Dia das Mães. Ampla coloca mais um prêmio importante na estante: Agência de Marketing Promocional do Ano - N/NE, no Ampro Globes Award. AGO O Jornal do Commercio inaugura a era do jornalismo colaborativo com a campanha Vai pro JC, que mudou a maneira de escrever a notícia e mobilizou milhares de leitores no jornal e na web. Celpe realiza ação no Cine PE onde os espectadores podiam gravar um vídeo e ter os seus 60 segundos de fama. JUL Ampla conquista a maior conta do Governo do Espírito Santo e também a conta digital da Unimed Vitória. Estreia a campanha Todo Mundo Tem uma História com A Gazeta, que emocionou os capixabas. E também o filme Recompensa, da Cream Cracker Vitarella, que emocionou as famílias nordestinas. JUN ABR Queiroz Galvão lança, de uma só vez, os empreendimentos Maria Carmem, Maria da Glória e Maria Lina, Maria Lara. Todos com recordes de vendas. Ampla lança o novo site da Vitarella, completamente integrado às redes sociais e com vários aplicativos. Mania de Fantasia, da Pitú entra de vez no calendário do Carnaval de Pernambuco e mobiliza milhares de foliões para escolherem a fantasia mais criativa. MAI A sintonia e a integração entre os profissionais da Ampla ficam evidentes até mesmo quando eles estão em cima de um palco. A banda Amplificados, que conta com a participação dos atendimentos Luciana Cruz, nos vocais, e Felipe Ferreira, na guitarra, além do programador André Burgos, no baixo, e do diretor de Arte Athos Bernardo, na bateria. O grupo, que sempre se apresenta nos eventos da Agência, vem recebendo convites para apresentações também em festas do mercado. MAR FEV JAN R E V I S TA - P O R T FÓ L I O 2011/2012 MOSTRE SEU TALENTO PRA GENTE SOM FORA DA CAIXA à dupla de criação responsável pelo trabalho, Sílvia Zanotti e Thauana Moreira, além do produtor gráfico, Luiz Felipe, uma viagem para comemorar o prêmio na capital italiana. Ampla cria campanha com personagens bem-humorados para A Maior Liquidação da Cidade, do Shopping Recife. Unimed Vitória lança o Prêmio A Ideia É Essa para estimular a inovação entre os seus colaboradores. Ter o título de Agência do Ano é o reconhecimento máximo, seja qual for a premiação. Imagine então ter três títulos de Agência do Ano, num período de apenas 12 meses. Esse feito, inédito em Pernambuco, foi resultado do desempenho da Ampla em 2011. As peças e cases criados pela Agência renderam os títulos no Prêmio Pernambuco de Propaganda, no Colunistas Promoção Norte/Nordeste e no Ampro Globes Awards. A Ampla foi ainda a agência mais premiada no Prêmio Colunistas Propaganda N/NE. Após 10 anos, o Liquida Recife volta a tomar conta da cidade com campanha criada pela Ampla. Rapidão Cometa inicia a sua campanha institucional Com o Rapidão é Possível, que gerou resultados em todo o País. E o prêmio Great Place to Work escolhe a Ampla como uma das quinze melhores empresas para se trabalhar em Pernambuco. A única agência entre as escolhidas. Banestes estreia a campanha Conta Jovem, com hotsite e ação integrada com as redes sociais. Globo Nordeste faz o lançamento dos seus novos portais, e a Ampla convida seus apresentadores para a campanha publicitária. Secretaria de Transportes divulga os novos horários e os novos serviços de transporte público do Estado. Shopping Recife desfila a campanha Moda Verão, com grande sucesso entre o público. SEJAM BEM-VINDOS A Ampla recebe de braços abertos seus novos clientes. Em 2011, a Agência abocanhou as contas da Baterias Moura (nacional), da Natura (regional) e do Governo do Espírito Santo. Esta última conquistada com uma estratégia essencialmente voltada para as redes sociais. E falando em on-line, a Agência aumentou o seu quadro de clientes digitais. Agora, a Ampla Digital atende a Unimed Vitória, FortLev, Queiroz Galvão, Vitarella Institucional, Biscoito Treloso, Baterias Moura e Pitú. Fabiana Karla repete o sucesso de 2010 e é a estrela da campanha de 30 anos do Supermercado Arco-Íris. Ampla conquista a conta nacional das Baterias Moura por meio de concorrência. A Agência também conquista o terceiro título de Agência do Ano em 2011, desta vez no Prêmio Pernambuco de Propaganda. Vai pro JC é eleita a Campanha do Ano. DEZ E a equipe da Ampla Espírito Santo foi destaque também no tradicional e concorrido Prêmio Colibri. Com uma medalha de ouro e duas de prata, a Agência teve o terceiro melhor desempenho entre as dezessete finalistas. Já no Prêmio GSA de Criatividade, também no Espírito Santo, a Agência foi a maior vencedora, faturando uma medalha de bronze, uma de ouro e o Grand Prix. Este último também rendeu NUM MESMO ANO, TRÊS VEZES AGÊNCIA DO ANO NOV QUEM TEM TALENTO VAI A ROMA A carreira de Manoel Quitério dos Santos como artista plástico é recente. Depois de deixar a Ampla no começo de 2011, o ex-diretor de Arte decidiu montar um ateliê no centro da cidade, onde pôde dedicar-se integralmente às suas telas e pincéis. Apesar do pouco tempo de estrada, o talento de Manoel, a cada dia, conquista mais e mais admiradores. Seus traços já ilustraram revistas importantes, como a Bravo, e agora podem decorar a casa de qualquer pessoa que esteja disposta a comprar uma de suas obras. OUT Queiroz Filho, presidente da Ampla, Nilson Samico, diretor de Mídia, e Aguinaldo Viriato, vice-presidente-executivo, mostraram que a Ampla é integrada até na hora do reconhecimento. Pela segunda vez, Queiroz Filho foi eleito Publicitário do Ano pelo Colunistas Norte-Nordeste. Já Samico foi o grande homenageado do Prêmio Pernambuco de Propaganda, enquanto Viriato foi escolhido como uma das personalidades mais influentes do Marketing Promocional brasileiro, segundo o respeitado blog Promoview. UM DIRETOR DE ARTE A MENOS. UM ARTISTA A MAIS. Secretaria de Transportes do Governo do Espírito Santo lança o blog inovador para o Fórum de Mobilidade Urbana, com campanha desenvolvida pela Ampla. Secretaria de Turismo faz divulgação nacional das rotas de turismo do Espírito Santo. FortLev faz campanha de lançamento da sua linha de tubos e conexões. Praça de Natal da Celpe ganha repercussão nacional por meio do portal G1. Vitarella faz filme bem-humorado para o novo Wafer Megarrecheio. Natura faz ação de relacionamento nos aeroportos do Nordeste com repercussão imensa nas redes sociais. R E V I S TA - P O R T FÓ L I O 2011/2012 14/05/12 14:56
  • 34 35 gente que faz Kleber de Brito Kleber de brito é sócio da mappa. mora em são Paulo. está casado com ana helena desde 2004. não tem nenhuma citação favorita marcada no facebook e segue manuel cavalcanti (o verdadeiro) no twitter. Dulce Reis Dulce reis trabalha no Diario de Pernambuco. mora no recife. está em um relacionamento sério com walton ribeiro. tem 53 fotos postadas no facebook. segue a Polícia federal (isso é suspeito) e é viciada em camisetas, segundo seu perfil no twitter. Pra curtir, comentar ou compartilhar com Dulce reis: facebook.com/dulceareis Pra curtir, comentar ou compartilhar com Kleber de brito: facebook.com/kleberbrito @kleberdebrito @dulcereis Manuel Cavalcanti manuel cavalcanti é da ampla. estudou na ufPe. nasceu em 75. mora no recife. segue o macgyver (falso) no twitter e curte o sport club do recife no facebook e na vida real. Pra curtir, comentar ou compar tilhar com manuel cavalcanti: Vitor Nogueira vitor nogueira é da Pontual fotografias e filmagens, de vitória do espírito santo. nasceu em 16 de abril. estudou na ufes. tem 411 amigos e interesse pelo climatempo, motocicletas e aventuras, segundo o facebook. facebook.com/manuelcavalcanti @manecavalcanti Andréa Vianna andréa vianna é art director, graphic designer e sócia da mappa. nasceu em uberaba. mora em são Paulo. curte serge gainsbourg e Paul auster no facebook, mas segue rafinha bastos e serguei no twitter. Pra curtir, comentar ou compartilhar com andréa vianna: Pra curtir, comentar ou compartilhar com vitor nogueira: R E V I S TA - P O R T FÓ L I O 2011/2012 Ampla2012_parte1 ok.indd 34-35 facebook.com/deiavianna @deia_vianna http://on.fb.me/hgxghs R E V I S TA - P O R T FÓ L I O 2011/2012 14/05/12 14:57
  • Anúncio Santa Marta Ampla2012_parte1 ok.indd 36 14/05/12 14:57