Your SlideShare is downloading. ×
Débora+ra..
Débora+ra..
Débora+ra..
Débora+ra..
Débora+ra..
Débora+ra..
Débora+ra..
Débora+ra..
Débora+ra..
Débora+ra..
Débora+ra..
Débora+ra..
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Débora+ra..

138

Published on

Published in: Education, Technology
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
138
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
0
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Internet<br /> Tecnologias da informação e comunicação <br /> <br /> Aluno: Débora Ramalho 9ºA Nº12<br /> Professor: Marco Antunes<br /> Poceirão, 22 Março de 2010<br />Índice<br />História da internet<br />A Internet nasceu em 1969, nos Estados Unidos. Interligava originalmente laboratórios de pesquisa e se chamava ARPAnet (ARPA: Advanced Research Projects Agency). <br />Era uma rede do Departamento de Defesa norte-americano. Era o auge da Guerra Fria, e os cientistas queriam uma rede que continuasse de pé em caso de um bombardeio. Surgiu então o conceito central da Internet: é uma rede em que todos os pontos se equivalem e não há um comando central. Assim, se B deixa de funcionar, A e C continuam a poder se comunicar. <br />O nome Internet propriamente dito surgiu bem mais tarde, quando a tecnologia da ARPAnet passou a ser usada para conectar universidades e laboratórios, primeiro nos EUA e depois em outros países. <br />Por isso, não há um único centro que " governa" a Internet. Hoje ela é um conjunto de mais de 40 mil redes no mundo inteiro. O que essas redes têm em comum é o protocolo TCP/IP (Transmission Control Protocol/Internet Protocol), que permite que elas se comuniquem umas com as outras. Esse protocolo é a língua comum dos computadores que integram a Internet. <br />Durante cerca de duas décadas a Internet ficou restrita ao ambiente acadêmico e científico. Em 87 pela primeira vez foi liberado seu uso comercial nos EUA. <br />Mas foi em 92 que a rede virou moda. Começaram a aparecer nos EUA várias empresas provedoras de acesso à Internet. Centenas de milhares de pessoas começaram a pôr informações na Internet, que se tornou uma mania mundial. <br />No Brasil foi liberada a exploração comercial da Internet em 95. Hoje o Comitê Gestor da Internet avalia o número de usuários no país em um milhão (dados de novembro/97). <br />O que é a internet?<br />A internet é um aglomerado de redes à escala mundial, que é utilizada por milhões de computadores, e que estão interligados pelo TCP/IP e que permite acesso a todo o tipo de informações e transferência de dados. <br />A internet tem uma ampla variedade de recursos e serviços, temos como exemplo a possibilidade de pagar as contas do fim do mês por este meio. Tem documentos interligados por hiperligações da World Wide Web (www), e a infra-estrutura que suporta o correio electrónico, comunicação instantânea e compartilhamento de arquivos.<br />Serviços<br />A internet tem vindo a inovar desde os últimos anos, oferecendo cada vez mais serviços aos seus utilizadores, como por exemplo:<br />E-mail – é um serviço que tem a função de enviar e receber mensagens ou anexar arquivos entre usuários.<br />Chat – é um serviço que permite que duas ou mais pessoas possam conversar em tempo real, os chats oferecem a possibilidade de transferir arquivos, e falar e ouvir com outras pessoas.<br />Acesso Remoto - permite que outra pessoa entre no seu computador e faça alterações de qualquer parte do mundo<br />Fornecedores<br />Se for uma ligação doméstica, a exigência em termos de velocidade da ligação é menor do que se falarmos em bancos, universidades, bibliotecas, etc.<br />Modem ou Linha RDIS – Em termos de custos corresponde a uma chamada telefónica. A velocidade de transmissão varia entre os 56 Kbits/s para as linhas analógicas e os 64 Kbits/s para as ligações RDIS.<br />Modem ou cabo ADSL – Esta situação permite uma ligação permanente. Em termos de custos existem várias opções. A velocidade de transmissão varia entre os 640 Kbits/s para as ligações para cabo e os 512 ou 1024 Kbits/s para as ligações ADSL.<br />Os fornecedores são quem fornece a internet para os utilizadores, em Portugal existem diversas como a Sapo, Meo, Clix etc.<br />

×