Projecto SOLIS balanço final 2010

2,016
-1

Published on

Balanço Final do Projecto de desenvolvimento sócio-comunitário SOLIS 2005-2010, Oliveira Azeméis, promovido pela CM OAZ e executado pela Dianova em parceria com 9 entidades concelhias locais. +3.600 pessoas (crianças, jovens, adultos e idosos) beneficiaram das 12 actividades desenvolvidas ao longo dos 6 anos, num investimento de 1,180 milhões de Euros.

Published in: Business
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
2,016
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
34
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide
  • Dia Internacional para a Erradicação da Pobreza OUTUBRO 2008
  • Dia Internacional para a Erradicação da Pobreza OUTUBRO 2008
  • Dia Internacional para a Erradicação da Pobreza OUTUBRO 2008
  • Dia Internacional para a Erradicação da Pobreza OUTUBRO 2008
  • Dia Internacional para a Erradicação da Pobreza OUTUBRO 2008
  • Dia Internacional para a Erradicação da Pobreza OUTUBRO 2008
  • Dia Internacional para a Erradicação da Pobreza OUTUBRO 2008
  • Dia Internacional para a Erradicação da Pobreza OUTUBRO 2008
  • Dia Internacional para a Erradicação da Pobreza OUTUBRO 2008
  • Projecto SOLIS balanço final 2010

    1. 1. PROGRAMA PARA A INCLUSÃO E DESENVOLVIMENTO PROGRIDE Projecto de Desenvolvimento Sócio-Comunitário “SOLIS” Balanço Setembro de 2005 a Agosto de 2010
    2. 2. <ul><li>Nasceu em Setembro de 2005 e termina em Agosto de 2010 </li></ul><ul><li>PROGRAMA PARA A INCLUSÃO E DESENVOLVIMENTO PROGRIDE </li></ul><ul><li>Entidade Promotora: Câmara Municipal de Oliveira de Azeméis </li></ul><ul><li>Entidade Executora: Associação Dianova Portugal </li></ul><ul><li>Entidade Gestora e Financiadora: Instituto da Segurança Social, I.P. </li></ul><ul><li>Financiamento: 1.194.330,85 € </li></ul>
    3. 3. <ul><li>Centro Distrital de Segurança Social de Aveiro; </li></ul><ul><li>Hospital de S. Miguel; </li></ul><ul><li>Centro de Saúde de Oliveira de Azeméis; </li></ul><ul><li>Instituto de Emprego e Formação Profissional – Centro de Formação Profissional de Rio Meão; </li></ul><ul><li>Cruz Vermelha Portuguesa – Núcleo de Cucujães; </li></ul><ul><li>Centro Social Dr.ª Leonilda Aurora da Silva Matos - Fajões; </li></ul><ul><li>Guarda Nacional Republicana; </li></ul><ul><li>Santa Casa da Misericórdia de Oliveira de Azeméis; </li></ul><ul><li>Centro de Apoio Familiar Pinto de Carvalho. </li></ul>ENTIDADES PARCEIRAS PROJECTO DE DESENVOLVIMENTO SÓCIO-COMUNITÁRIO “SOLIS”
    4. 4. PROGRAMA PARA A INCLUSÃO E DESENVOLVIMENTO PROGRIDE <ul><li>Visou o apoio a projectos que combatessem fenómenos graves de exclusão em territórios identificados como prioritários, procurando promover a inclusão social em áreas marginalizadas e degradadas e combater o isolamento, a desertificação e a exclusão em zonas deprimidas. </li></ul><ul><li>O Concelho de Oliveira de Azeméis foi identificado como território de intervenção prioritário, por despacho N.º 24/2005, de 3 de Janeiro. </li></ul>
    5. 5. PROJECTO “SOLIS” PROGRAMA PARA A INCLUSÃO E DESENVOLVIMENTO PROGRIDE <ul><li>Procurou ir ao encontro das necessidades inscritas em Diagnóstico Social do Concelho, visando o desenvolvimento de acções já inscritas em Plano de Desenvolvimento Social, nos quatro eixos de intervenção nele definidos: </li></ul><ul><li>Eixo I: Intervir activa e preventivamente nas disfuncionalidades familiares e situações vulneráveis à pobreza e exclusão social; </li></ul><ul><li>Eixo II: Melhorar a qualidade de vida dos idosos; </li></ul><ul><li>Eixo III: Promover o aumento de equipamentos e serviços de apoio à família e grupos específicos; </li></ul><ul><li>Eixo IV: Melhorar os níveis de educação, formação e informação da população como forma de contribuir para o processo de desenvolvimento social e combate à exclusão social. </li></ul>
    6. 6. <ul><li>Exclusão Social: alojamento de pessoas em situação de carência ou de emergência social – Centro de Alojamento Temporário “Casa Azul”; </li></ul><ul><li>Voluntariado Social: Banco Local de Voluntariado de Oliveira de Azeméis / Projecto “Uma Voz por Um Sorriso” e Projecto “Guardiões da Biblioteca”; </li></ul><ul><li>Violência Doméstica: Serviço de Atendimento Jurídico na Área da Família; </li></ul><ul><li>Terceira Idade: Serviço de Apoio Domiciliário “AjudaLar”; </li></ul><ul><li>Realojamento Social: Gabinete Social da Urbanização Quinta de Lações; </li></ul><ul><li>Reabilitação Habitacional: para melhoria das condições habitacionais de pessoas idosas; </li></ul><ul><li>Deficiência: melhoria das acessibilidades, eliminação das barreiras arquitectónicas em habitações de pessoas portadoras de deficiência; </li></ul><ul><li>Informação na área da saúde: para melhorar os níveis de informação dos beneficiários do projecto, em áreas tão diversificadas como, sexualidade, comportamentos de risco em jovens, alimentação, saúde oral, primeiros socorros, etc.; </li></ul><ul><li>Educação e formação de jovens: para complemento do 9º ano de escolaridade; </li></ul><ul><li>Inserção Profissional: Grupos de procura activa de emprego, cursos de educação extra-escolar/sócio-profissionais e integração no mercado de trabalho de pessoas em situação de desemprego; </li></ul><ul><li>Animação sócio-cultural e recreativa: para fomento dos laços afectivos entre beneficiários e entre estes e a equipa técnica. </li></ul>PROJECTO “SOLIS” PROBLEMÁTICAS / LINHAS DE ACÇÃO
    7. 7. Centro de Alojamento Temporário “CASA AZUL” Eixo I: Intervir activa e preventivamente nas disfuncionalidades familiares e situações vulneráveis à pobreza e exclusão social. É uma instituição destinada ao acolhimento de pessoas de ambos os sexos, vítimas de violência doméstica, sem-abrigo, desalojados e outras situações de emergência ou carência social. SERVIÇOS DISPONIBILIZADOS - Alojamento - Alimentação - Protecção e Segurança - Lavandaria e Rouparia - Acompanhamento Social - Acompanhamento Psicológico - Informação Jurídica - Actividades Ocupacionais - Estudo acompanhado - Procura Activa de Emprego 240 Pedidos de Intervenção Recebidos 176 Utentes integrados na Instituição
    8. 8. Centro de Alojamento Temporário “CASA AZUL” <ul><li>É uma instituição destinada ao acolhimento de pessoas de ambos os sexos em situação de carência/emergência social </li></ul><ul><li>Capacidade: 16 camas + 2 berços </li></ul><ul><li>Ala masculina </li></ul><ul><li>Ala feminina </li></ul><ul><li>Ala juvenil </li></ul><ul><li>Quarto familiar </li></ul>
    9. 9. Alojamento SERVIÇOS Alimentação Lavandaria e Rouparia Acompanhamento Social Acompanhamento psicológico Informação Jurídica Actividades Ocupacionais Estudo Acompanhado Centro de Alojamento Temporário “CASA AZUL”
    10. 10. Recursos Humanos <ul><li>Tempo inteiro: </li></ul><ul><li>1 TSSS (acumula função de director técnico) </li></ul><ul><li>1 Educadora Social </li></ul><ul><li>1 Auxiliar de Serviços Gerais </li></ul><ul><li>3 Monitores/Vigilantes </li></ul><ul><li>Tempo Parcial: </li></ul><ul><li>1 Psicóloga </li></ul><ul><li>1 Jurista </li></ul>Centro de Alojamento Temporário “CASA AZUL”
    11. 11. Objectivos <ul><li>Acolher temporariamente os utentes tendo em vista a protecção da sua integridade física e psicológica; </li></ul><ul><li>Proporcionar aos utentes as condições necessárias à sua educação, saúde e bem-estar integral num ambiente de tranquilidade e segurança; </li></ul><ul><li>Promover a aquisição de competências pessoais, profissionais e sociais por parte dos utentes; </li></ul><ul><li>Proporcionar, através de mecanismos adequados, a reorganização das suas vidas, visando a respectiva reinserção familiar, social e profissional. </li></ul>Centro de Alojamento Temporário “CASA AZUL”
    12. 12. Acompanhamentos Centro de Alojamento Temporário “CASA AZUL” Social Saúde Segurança Social Ensino Formação / Emprego Psicológico Atendimentos Reuniões de Grupo Acomp. Cons. Psiquiatria
    13. 13. Acompanhamentos Centro de Alojamento Temporário “CASA AZUL” Educação Social Espaço Criança Espaço Adulto Comemoração Datas Festivas Jurídico Atendimento Jurídico Encaminhamento Seg. Social / Tribu.
    14. 14. Espaço Criança <ul><li>No Espaço Criança é assegurado o acompanhamento escolar dos seus beneficiários, são desenvolvidos também, ateliers de expressão plástica (pintura, desenho, etc.), acções de sensibilização para temáticas de interesse, comemorações de datas festivas e OTL. </li></ul>Centro de Alojamento Temporário “CASA AZUL”
    15. 15. Espaço Adulto <ul><li>No Espaço Adultos foram desenvolvidas diversas actividades e ateliers que visam o desenvolvimento e promoção de capacidades e competências sociais e pessoais: </li></ul><ul><li>-Ateliers de Trabalhos Ocupacionais; </li></ul><ul><li>-Sessões de Procura Activa de Emprego; </li></ul><ul><li>-Jornal de Parede – “Ajuda Azul”; </li></ul><ul><li>-Dinâmicas de Grupo. </li></ul>Centro de Alojamento Temporário “CASA AZUL”
    16. 16. 2006 - 2010 <ul><li>Foram recebidos 242 pedidos de admissão: </li></ul><ul><ul><li>Violência doméstica – 110 </li></ul></ul><ul><ul><li>Pessoa Desalojada – 76 </li></ul></ul><ul><ul><li>Sem Abrigo – 37 </li></ul></ul><ul><ul><li>Transferência de Instituição – 15 </li></ul></ul><ul><ul><li>Alcoolismo – 1 </li></ul></ul><ul><ul><li>Apoio para noites e fim de semana – 1 </li></ul></ul><ul><ul><li>Decisão Judicial – 1 </li></ul></ul><ul><ul><li>Acompanhamento de situação de saúde – 1 </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>105 Agregados familiares abrangidos </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>176 Utentes integrados na Instituição </li></ul></ul></ul>Centro de Alojamento Temporário “CASA AZUL”
    17. 17. Integrações 13 14 13 13 Centro de Alojamento Temporário “CASA AZUL” 2006 2007 2008 2009 2010 28 41 55 29 23
    18. 18. Integrações Centro de Alojamento Temporário “CASA AZUL” Adultos Crian ç as Masculino Feminino Masculino Feminino 27 79 42 28 TOTAL: 176 Pessoas
    19. 19. RESULTADOS <ul><li>Acompanhamento/encaminhamento para serviços de saúde: 115 Utentes </li></ul><ul><li>Acompanhamento/encaminhamento para estruturas de educação/formação: 39 Utentes </li></ul><ul><li>Encaminhamento para serviços na área do emprego/formação profissional: 31 Utentes </li></ul><ul><li>Integração e acompanhamento em mercado de trabalho: 33 Utentes </li></ul><ul><li>Encaminhamento para os diversos serviços da Segurança Social: 96 Utentes </li></ul><ul><li>Reinserção na comunidade: 39 Utentes </li></ul><ul><li>Reinserção em meio familiar: 13 Utentes </li></ul><ul><li>Encaminhamento para outros equipamentos: 11 Utentes </li></ul><ul><li>Outras saídas: 99 Utentes </li></ul>Centro de Alojamento Temporário “CASA AZUL”
    20. 20. Centro de Alojamento Temporário “CASA AZUL”
    21. 21. Centro de Alojamento Temporário “CASA AZUL”
    22. 22. Banco Local de Voluntariado de Oliveira de Azeméis Eixo I: Intervir activa e preventivamente nas disfuncionalidades familiares e situações vulneráveis à pobreza e exclusão social. Inaugurado em Dezembro de 2005 Objectivos: - Promover o encontro entre a oferta e a procura de Voluntariado; - Sensibilizar os cidadãos e as organizações para o Voluntariado; - Divulgar projectos e oportunidades de Voluntariado; - Contribuir para o aprofundamento do conhecimento do Voluntariado.
    23. 23. Banco Local de Voluntariado de Oliveira de Azeméis Eixo I: Intervir activa e preventivamente nas disfuncionalidades familiares e situações vulneráveis à pobreza e exclusão social. <ul><li>N.º de Voluntários Inscritos no Banco de Voluntariado: 100 voluntários </li></ul><ul><li>N.º de Entidades Inscritas no Banco de Voluntariado: 7 Entidades </li></ul><ul><ul><ul><ul><ul><li>5 IPSS </li></ul></ul></ul></ul></ul><ul><ul><ul><ul><ul><li>1 Junta de Freguesia </li></ul></ul></ul></ul></ul><ul><ul><ul><ul><ul><li>1 ONG </li></ul></ul></ul></ul></ul><ul><li>N.º de Voluntários Integrados em Programas de Voluntariado: 40 voluntários </li></ul><ul><li>Centro Lúdico; Gedaz; Fundação La-Salette; Arqueologia; Eventos da CMOA; Patronato de Santo António do Pinheiro da Bemposta </li></ul><ul><li>N.º de Voluntários Integrados no Projecto “Guardiões da Biblioteca”: 40 voluntários </li></ul>
    24. 24. Banco Local de Voluntariado de Oliveira de Azeméis Eixo I: Intervir activa e preventivamente nas disfuncionalidades familiares e situações vulneráveis à pobreza e exclusão social. Acções de Formação/Sensibilização para o Voluntariado Social Comemoração do Dia Internacional dos Voluntários 150 Voluntários envolvidos Acções de Formação de Voluntários 20 Voluntários formados 2008 2008 2006 2006
    25. 25. Serviço de Apoio Domiciliário “AjudaLar” Eixo II: Melhorar a qualidade de vida dos idosos. Teve por objectivos apoiar a população idosa do concelho na resolução de pequenos problemas e avarias ao nível habitacional, melhorando, assim, a qualidade de vida dos idosos e suprindo problemas de isolamento social e familiar. ÁREAS DE INTERVENÇÃO: PICHELARIA, TROLHARIA, CARPINTARIA E ELECTRICIDADE UTENTES ABRANGIDOS: 185 Intervenções realizadas: 783 intervenções
    26. 26. Serviço de Apoio Domiciliário “AjudaLar” Eixo II: Melhorar a qualidade de vida dos idosos.
    27. 27. Serviço de Apoio Domiciliário “AjudaLar” Eixo II: Melhorar a qualidade de vida dos idosos.
    28. 28. Serviço de Apoio Domiciliário “AjudaLar” Eixo II: Melhorar a qualidade de vida dos idosos.
    29. 29. Serviço de Apoio Domiciliário “AjudaLar” Eixo II: Melhorar a qualidade de vida dos idosos.
    30. 30. Serviço de Apoio Domiciliário “AjudaLar” Eixo II: Melhorar a qualidade de vida dos idosos.
    31. 31. REABILITAÇÃO HABITACIONAL Eixo II: Melhorar a qualidade de vida dos idosos. Esta acção dirigiu-se a famílias com pessoas idosas e/ou portadoras de deficiência, e permitiu a realização de obras de restauro/ adaptação das habitações, contribuindo para a melhoria das condições de habitabilidade. Investimento Global: € 22.450,00
    32. 32. REABILITAÇÃO HABITACIONAL Eixo II: Melhorar a qualidade de vida dos idosos. Casa de Santiago de Riba-Úl 2006 TIPOLOGIA DE INTERVENÇÃO Recuperação e beneficiação da cozinha Construção de uma casa-de-banho Instalação de rede de gás para o exterior da habitação Construção de fossa céptica Valor da Obra: 6.000,00 Euros ANTES… APÓS…
    33. 33. REABILITAÇÃO HABITACIONAL Eixo II: Melhorar a qualidade de vida dos idosos. ANTES… APÓS… Casa de Macinhata da Seixa 2007 TIPOLOGIA DE INTERVENÇÃO Eliminação de barreiras arquitectónicas Melhoria das acessibilidades para pessoa portadora de deficiência Valor da obra: 400,00 Euros
    34. 34. REABILITAÇÃO HABITACIONAL Eixo II: Melhorar a qualidade de vida dos idosos. ANTES… APÓS… Casa de Loureiro 2007 Ampliação e adaptação de WC para cidadão portador de deficiência Construção de nova rede de ligação de esgotos ao WC Valor da obra: 8.000,00 Euros
    35. 35. REABILITAÇÃO HABITACIONAL Eixo II: Melhorar a qualidade de vida dos idosos. ANTES… APÓS… Casa do Pinheiro da Bemposta 2008 Adaptação de WC para cidadão portador de deficiência Colocação de bomba de água para o depósito Instalação de novas ligações de água ao WC e cozinha para fornecimento de água quente Valor da obra: 1.896,00 Euros
    36. 36. REABILITAÇÃO HABITACIONAL Eixo II: Melhorar a qualidade de vida dos idosos. ANTES… APÓS… Casa de S. Martinho da Gândara 2008 Reparação do telhado e cobertura Revisão da rede eléctrica da habitação Instalação de rede de gás para o exterior da habitação Aplicação de portas, janelas e vidros Adaptação da cozinha Reboco e pintura de paredes interiores Valor da Obra: 6.154,00 Euros
    37. 37. Eixo III: Promover o aumento de equipamentos e serviços de apoio à família. Serviço de Atendimento Jurídico na Área da Família <ul><li>Este serviço dirigiu-se a famílias socialmente desfavorecidas e/ou em situação de conflito/ruptura familiar e a vítimas de violência doméstica, e teve como objectivos a prestação de informações jurídicas e encaminhamento na área do direito da família, nomeadamente: </li></ul><ul><li>Relações familiares; </li></ul><ul><li>Relação de parentesco; </li></ul><ul><li>Relação de afinidade; </li></ul><ul><li>Relação de filiação (estabelecimento da filiação – maternidade/paternidade); </li></ul><ul><li>Relação matrimonial (casamento e efeitos pessoais e patrimoniais do casamento); </li></ul><ul><li>Modificação e extinção da relação matrimonial: divórcio/separação judicial de pessoas e bens; </li></ul><ul><li>União de facto; </li></ul><ul><li>Sucessões; </li></ul><ul><li>Violência Doméstica; </li></ul><ul><li>Outros assuntos directamente relacionados com os pontos anteriores. </li></ul>
    38. 38. Eixo III: Promover o aumento de equipamentos e serviços de apoio à família. Serviço de Atendimento Jurídico na Área da Família Resultados 176 Utentes Abrangidos 230 Atendimentos Jurídicos Atendimentos por áreas específicas: Divórcio: 59 Atendimentos Responsabilidades Parentais: 48 atendimentos Violência Doméstica: 46 atendimentos Apoio Judiciário: 42 atendimentos União de facto: 5 atendimentos Partilha: 8 atendimentos Outros assuntos: 22 atendimentos Encaminhamentos efectuados: Segurança Social: 93 utentes Advogado: 20 utentes GNR / Tribunal: 8 utentes Outros: 7 utentes
    39. 39. Eixo III: Promover o aumento de equipamentos e serviços de apoio à família. Serviço de Atendimento Jurídico na Área da Família Contributos no âmbito do Programa Bem Querer da Divisão de Acção Social da CMOA: Atendimentos: 24 Atendimentos Visitas Domiciliárias: 30 visitas Acções de formação ministradas: 2 sessões de formação no âmbito do Curso de Preparação para a Parentalidade Comissão de Protecção de Crianças e Jovens de Oliveira de Azeméis: Integração no ano de 2009 N.º total de processos atribuídos: 30 processos Processos activos: 15 processos Processos arquivados: 14 processos Processos remetidos: 1 processo Reuniões da Comissão Restrita: 38 reuniões Reuniões da comissão Alargada: 2 reuniões Reuniões extraordinárias: 2 reuniões
    40. 40. Eixo III: Promover o aumento de equipamentos e serviços de apoio à família. Serviço de Atendimento Jurídico na Área da Família Comemoração do Dia Internacional para a Eliminação da Violência Contra as Mulheres ANO 2006 Programa de Rádio transmitido na Azeméis FM ANO 2008 Assembleia Municipal Temática Sobre Violência Doméstica
    41. 41. Eixo III: Promover o aumento de equipamentos e serviços de apoio à família. Serviço de Atendimento Jurídico na Área da Família Acções de Informação/Sensibilização Participação no Colóquio “Violência Doméstica – Que Direitos, Que Desafios” 2008 Participação no Colóquio “Violência Doméstica – Um Crime Público” 2009
    42. 42. Eixo III: Promover o aumento de equipamentos e serviços de apoio a grupos específicos. Acções de Apoio ao Realojamento Social na Urbanização Quinta de Lações <ul><li>OBJECTIVOS INICIALMENTE PROPOSTOS: </li></ul><ul><li>Promover a melhoria de competências pessoais, sociais e cívicas; </li></ul><ul><li>Fomentar a melhoria das relações de vizinhança; </li></ul><ul><li>Desenvolver o associativismo; </li></ul><ul><li>Melhorar a auto-imagem do bairro; </li></ul><ul><li>Criar respostas diversificadas de integração social. </li></ul>
    43. 43. Eixo III: Promover o aumento de equipamentos e serviços de apoio a grupos específicos. Acções de Apoio ao Realojamento Social na Urbanização Quinta de Lações DESCRIÇÃO DA ACÇÃO: Esta acção foi desenvolvida no próprio bairro e constou de actividades e intervenções diversificadas: funcionamento de um gabinete de apoio e acompanhamento social, funcionamento de diversos espaços ocupacionais para crianças, jovens e adultos, apoio ao estudo, sessões de procura activa de emprego, acções de informação em diversas áreas, realização de cursos de promoção de competências, acções de apoio ao associativismo e acções de animação sócio-cultural.
    44. 44. Eixo III: Promover o aumento de equipamentos e serviços de apoio a grupos específicos. Acções de Apoio ao Realojamento Social na Urbanização Quinta de Lações ACOMPANHAMENTO SOCIAL Internas Externas Total N.º de Famílias abrangidas 46 15 61 N.º de Pessoas abrangidas 129 50 179 Ano Atendimentos Sociais Visitas Domiciliárias 2006 103 85 2007 117 62 2008 159 148 2009 311 139 2010 278 85 Total 968 519
    45. 45. <ul><li>Encaminhamento para os diversos serviços da Segurança Social: 50 Utentes </li></ul><ul><li>Acompanhamento/encaminhamento para serviços de saúde: 30 Utentes </li></ul><ul><li>Acompanhamento/Encaminhamento para estruturas de Educação/Formação: 60 Utentes </li></ul><ul><li>Encaminhamento para serviços na área do Emprego/Formação Profissional: 35 Utentes </li></ul><ul><li>Integração e acompanhamento em mercado de trabalho: 18 Utentes </li></ul><ul><li>Encaminhamento para Banco de Recursos (alimentação/vestuário): 29 Famílias </li></ul>Eixo III: Promover o aumento de equipamentos e serviços de apoio a grupos específicos. Acções de Apoio ao Realojamento Social na Urbanização Quinta de Lações ACOMPANHAMENTOS / ENCAMINHAMENTOS SOCIAIS
    46. 46. <ul><li>Encaminhamento para CVP – Cucujães, Programa Causa Maior: 19 Utentes </li></ul><ul><li>Encaminhamento para Acção Social/Gabinete da Habitação: 25 Utentes </li></ul><ul><li>Acompanhamento de processos na CPCJ: 9 Processos / 19 Menores </li></ul><ul><li>Encaminhamento para outros serviços: 25 Utentes </li></ul><ul><li>Reinserção no Mercado de Arrendamento Normal: 9 Famílias </li></ul>Eixo III: Promover o aumento de equipamentos e serviços de apoio a grupos específicos. Acções de Apoio ao Realojamento Social na Urbanização Quinta de Lações ACOMPANHAMENTOS / ENCAMINHAMENTOS SOCIAIS (cont.)
    47. 47. ESPAÇO INTER (Infantil e juvenil) Espaço inter-activo e intergeracional, para o conjunto da população jovem, visando melhorias ao nível da integração e promoção de competências. N.º Total de Beneficiários: 60 N.º Beneficiários Activos: 40 “ Apoio ao Realojamento Social na Urbanização Quinta de Lações” Eixo III: Promover o aumento de equipamentos e serviços de apoio a grupos específicos.
    48. 48. ESPAÇO INTER (Adultos) Espaço inter-activo e intergeracional, para o conjunto da população adulta, visando melhorias ao nível da integração e promoção de competências. Saídas Culturais Trabalhos Manuais – Pintura Vidro, Velas e Costura Ginástica Saúde e Alimentação Procura Activo de Emprego N.º Total de Beneficiários: 55 “ Apoio ao Realojamento Social na Urbanização Quinta de Lações” Eixo III: Promover o aumento de equipamentos e serviços de apoio a grupos específicos.
    49. 49. “ Cursos de Educação/Formação de Jovens” 25 JOVENS Terminaram os cursos com aproveitamento, o que lhes permitiu a obtenção de uma qualificação de nível II, correspondente ao 9º ano de escolaridade. Os Cursos de Educação/Formação de jovens foram ministrados pelo Centro de Formação Profissional de Rio Meão, entidade parceira do Projecto SOLIS. Estes cursos, um na área de Práticas/Técnicas Comerciais, outro na área da Acção Educativa, abrangeram jovens em situação de abandono escolar, com mais de 15 anos e com o 6º ano concluído. Eixo IV: Melhorar os níveis de educação e formação da população.
    50. 50. ACÇÕES FORMATIVAS DIVERSIFICADAS Eixo IV: Melhorar os níveis de formação e informação da população. Gestão do Lar Formação Parental Formação em Informática Jardinagem Curso formação sócio-cultural Curso formação sócio-familiar Curso alfabetização Competências básicas 2 Cursos sócio-profissionais Formandos abrangidos: 64
    51. 51. Sexualidade 6 de Junho de 2006 “ Acções de Informação na Área da Saúde” Eixo IV: Melhorar os níveis de formação e informação da população. 25 jovens abrangidos 10 mulheres abrangidas As Acções de Informação na Área da Saúde tiveram como objectivos melhorar os níveis de informação e conhecimento da população relativamente a temáticas relevantes, ajudando a prevenir comportamentos de risco. Estas acções dirigiram-se aos beneficiários do Projecto e à comunidade em geral e foram ministradas por técnicos da área da saúde disponibilizados pelas Entidades Parceiras do Projecto. Consultas de dentição 2009 29 crianças abrangidas Alimentação na Idade Sénior 2 e 9 de Novembro de 2006 96 Idosos abrangidos Cidadania 10 de Novembro de 2006 Primeiros Socorros Junho a Outubro de 2007
    52. 52. Acções de Animação Sócio-Cultural Dia Internacional Contra a Violência Doméstica Realização de iniciativas para assinalar datas comemorativas e festivas Dia Internacional dos Voluntários Dia Internacional das Famílias Dia Europeu do Vizinho Natal S. Martinho Carnaval Halloween
    53. 53. PROJECTO DE DESENVOLVIMENTO SÓCIO-COMUNITÁRIO “SOLIS” Acções de Divulgação do Projecto Boletim Informativo “ Solis em Revista” 2006 Encontro Distrital de Projectos Progride 2006 Sessão Pública de Apresentação do Projecto 2005 Dia Internacional para a Erradicação da Pobreza 2008 Encontro Nacional do Programa Progride 2009 Prémios Novo Norte 2010
    54. 54. PROJECTO DE DESENVOLVIMENTO SÓCIO-COMUNITÁRIO “SOLIS” Pelo sonho é que vamos Pelo sonho é que vamos, comovidos e mudos. Chegamos? Não chegamos? Haja ou não haja frutos, pelo sonho é que vamos. Basta a fé no que temos. Basta a esperança naquilo que talvez não teremos. Basta que a alma demos, com a mesma alegria, ao que desconhecemos e ao que é do dia a dia. Chegamos? Não chegamos? - Partimos. Vamos. Somos. (Sebastião da Gama)
    55. 55. PROJECTO DE DESENVOLVIMENTO SÓCIO-COMUNITÁRIO “SOLIS” Município de Oliveira de Azeméis Divisão de Acção Social Coordenadora do Projecto Dora Brandão Av. Dr. Albino dos Reis Edifício Vista Alegre – 5º Esq. 3720-241 Oliveira de Azeméis Tel./Fax: 256 673 062 E-mail: [email_address] www.cm-oaz.pt Associação Dianova Portugal Comunicação e Relações Institucionais Director Rui Martins Quinta das Lapas 2565-517 Monte Redondo TVD Tel.: 261 324 900 Fax.: 261 312 322 E-mail: [email_address] www.dianova.pt
    1. A particular slide catching your eye?

      Clipping is a handy way to collect important slides you want to go back to later.

    ×