Conceito de marketing
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Conceito de marketing

on

  • 1,623 views

 

Statistics

Views

Total Views
1,623
Views on SlideShare
1,623
Embed Views
0

Actions

Likes
5
Downloads
41
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Conceito de marketing Conceito de marketing Presentation Transcript

    • CONCEITO DE MARKETING Philip Kotler:  “O ponto de partida para o estudo do marketing reside nas necessidades e desejos humanos.”  “A humanidade precisa de comida, ar, água, roupa e abrigo para sobreviver. Além disso, as pessoas desejam recreação, educação e outros serviços.”  “Marketing é a atividade humana dirigida para a satisfação das necessidades e desejos, através dos processos de troca.”  “Um produto é tudo aquilo capaz de satisfazer a um desejo.”  “O mercado é uma arena para trocas potenciais.” 1
    • DISTINÇÕES ENTRE VENDAS E MARKETING Segundo PHILIP KOTLER:  “O conceito de venda começa com os atuais produtos da empresa e considera sua tarefa utilizar a venda e a promoção para estimular um volume lucrativo de vendas.”  “O conceito de marketing é uma orientação para o cliente, tendo como retaguarda o marketing integrado, dirigido para a realização da satisfação do cliente, como solução para satisfazer aos objetivos da organização.” 2
    • O QUE É MARKETING • Marketing é um processo social por meio do qual pessoas e grupos de pessoas obtêm aquilo de que necessitam e o que desejam com a criação, oferta e livre negociação de produtos e serviços de valor com outros • Mais simplesmente: Marketing fornecimento, com lucratividade, de para o cliente é o valor 3
    • CONCEITOS CENTRAIS DE MARKETING Necessidades Desejos e Demandas Mercados Produtos e Serviços Conceitos Conceitos Centrais de Centrais de Marketing Marketing Valor, Satisfação e Qualidade Troca, Transações e Relacionamentos 4
    • NECESSIDADES, DESEJOS E DEMANDAS É um estado de privação de alguma necessidade básica. São carências por satisfações específicas para atender às necessidades. Os desejos humanos são continuamente moldados e remoldados por forças e instituições sociais, incluindo igrejas, escolas, famílias e empresas. São desejos por produtos específicos, respaldados pela habilidade e disposição de comprálos. Desejos se tornam demandas quando apoiados por poder de compra. 5
    • NECESSIDADES, DESEJOS E DEMANDAS Os profissionais de marketing criam necessidades ou induzem as pessoas a comprar coisas que não desejam?  Os profissionais de marketing não criam necessidades: elas já existiam antes deles  Os especialistas de marketing, junto com outras forças sociais, despertam e influenciam os desejos  Os profissionais de marketing influenciam a demanda ao oferecer o produto apropriado, atraente, adquirível e facilmente disponível aos consumidores-alvo 6
    • PRODUTOS (BENS, SERVIÇOS E IDÉIAS) Produto: É algo que pode ser oferecido para satisfazer a uma necessidade ou desejo  A importância dos produtos físicos não está muito em possuí-los, mas na obtenção dos serviços que proporcionam  Frequentemente os fabricantes cometem o erro de prestar mais atenção a seus produtos físicos do que aos serviços produzidos pelos mesmos  Os fabricantes têm que fornecer uma solução ou atender a uma necessidade, em vez de vender um produto  Os vendedores que concentram seu pensamento no produto físico em vez de nas necessidades dos consumidores sofrem de miopia de marketing 7
    • VALOR, CUSTO E SATISFAÇÃO Valor: É a satisfação das exigências do consumidor ao menor custo possível de aquisição, propriedade e uso  O consumidor sempre analisará alternativas para satisfação das suas necessidades, dentro do seu conjunto de escolha de produtos  Considerando um comportamento racional do consumidor, ele tenderá a maximizar o valor em uma dada compra ou transação, considerando os chamados custos de oportunidade  Portanto, considerará o valor e o preço do produto antes de fazer a escolha 8
    • TROCA E TRANSAÇÕES Troca: É o ato de obter o produto desejado de alguém, oferecendo algo em contrapartida. Para o potencial de troca existir, cinco condições devem ser satisfeitas:  Há pelo menos duas partes envolvidas  Cada parte tem algo que pode ser de valor para a outra  Cada parte tem capacidade de comunicação e entrega  Cada parte é livre para aceitar ou rejeitar a oferta  Cada parte acredita estar em condições de lidar com outra  Frequentemente, a troca é descrita como um processo de criação de valor porque, normalmente, deixa ambas as partes em condições melhores do que antes da mesma ocorrer 9
    • TROCA E TRANSAÇÕES É uma troca de valor entre duas ou mais partes. A transação envolve várias dimensões:  Pelo menos duas coisas de valor  Condições de acordo  Tempo e local de negociação Para efetuar trocas bem-sucedidas, os especialistas de marketing analisam o que cada parte espera dar e receber em uma transação O processo de tentar chegar a um acordo mutuamente aceitável é chamado negociação. A negociação leva ao acordo ou à decisão de não transação 10
    • RELACIONAMENTOS E REDES É a prática da construção de relações satisfatórias a longo prazo com partes chaves - consumidores, fornecedores e distribuidores - para reter sua preferência e negócios a longo prazo. O resultado final do marketing de relacionamento é a construção de um ativo exclusivo da empresa chamado rede de marketing. Uma rede de marketing é formada pela empresa e todos os interessados (stakeholders) que a apoiam: consumidores, funcionários, fornecedores, distribuidores, varejistas, agências de propaganda e outros com quem constrói relacionamentos comerciais mutuamente rentáveis. 11
    • Marketing de Relacionamento    Perder clientes é uma tarefa extremamente fácil, o mercado é muito competitivo e inúmeras empresas estão surgindo com uma mentalidade mais avançada e com cuidado junto ao seu mercado, como um todo. Assim, devemos: Criar sistemas de fidelidade, que é um passo importante para que as empresas possam planejar ações preventivas que auxiliarão em um processo organizacional constante. 12
    • Conceito de Marketing: Atingir metas organizacionais é preciso determinar necessidades e desejos dos mercados-alvo, proporcionando satisfação mais eficaz do que a concorrência; A empresa primeiro identifica o que o cliente deseja e só então planeja a maneira de produzir e distribuir, com lucro, um produto ou serviço; A mentalidade da administração volta-se externamente para o mercado; A administração da empresa reconhece que todas as atividades de influenciar clientes devem ser colocadas sob um controle integrado de marketing. 13
    • CONCEITO SOCIAL DO MARKETING Sustenta que a organização deve determinar as necessidades, desejos e interesses dos MERCADOSALVOS, e então proporcionar aos clientes um valor superior de forma a manter ou melhorar o BEM-ESTAR do cliente e da SOCIEDADE. No conceito de Marketing Societário existe um conflito entre os DESEJOS a curto prazo do consumidor e seu BEM-ESTAR a longo prazo. 14
    • CONCEITO DE MARKETING SOCIETÁRIO Sociedade Sociedade (Bem-estar do homem) (Bem-estar do homem) Conceito de Conceito de Marketing Societário Marketing Societário Consumidores Consumidores (desejos) (desejos) Empresa Empresa (lucros) (lucros) 15
    • DESAFIOS DO MARKETING NO SÉCULO XXI Nova Paisagem do Marketing Marketing sem Fins Lucrativos & Tecnologia da Informaç ão É tica e Responsabilidade Social Desafios Desafios Emergentes Emergentes Globalizaç ão Economia Mundial em Mutaç ão 16