Your SlideShare is downloading. ×
  • Like
  • Save
Mandela   texto preferido
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×

Now you can save presentations on your phone or tablet

Available for both IPhone and Android

Text the download link to your phone

Standard text messaging rates apply

Mandela texto preferido

  • 1,056 views
Published

Escolha justificada do melhor e do pior texto criativo em torno de Mandela

Escolha justificada do melhor e do pior texto criativo em torno de Mandela

Published in Education
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
No Downloads

Views

Total Views
1,056
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2

Actions

Shares
Downloads
0
Comments
0
Likes
1

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. Imagina o dia em que esta foto foi tirada.
    • A partir da imagem, deves redigir um texto:
    •  
    • Com introdução, desenvolvimento e conclusão
    • Com um máximo de 30 linhas
    •  
    • Com base na imagem
    • Com alusões à descriminação racial
    http://blog.1001actus.com/files/nelson-mandela.jpg , 30-9-2011. Qual o melhor e o pior texto?
  • 2.
    • Os alunos de 8º ano depois de lerem os textos criativos elegeram justificando o melhor e o pior texto.
  • 3. bvg
    • Acho que o melhor texto é o de bvg, porque o autor do texto conseguiu introduzir de uma maneira original as alusões à discriminação racial, através de um museu/associação «Todos diferentes mas iguais». Nelson Mandela, que vai inaugurar esse museu, discursa um texto muito bem escrito e pensado, que é eficaz. O texto está muito bem estruturado e reflete bem a imagem, pois Nelson Mandela está a ser fotografado à saída do museu, emocionado pela exposição, que lhe recorda momentos que vividos no passado. ( mimi )
    • A composição que li com maior agrado foi a de BVG. É uma composição com muita imaginação. O autor mostra ter conhecimentos sobre o assunto e sobe dar uma imagem muito real de Nelson Mandela. Apresenta também um bom nível vocabular. ( sailing )
  • 4. edou
    • Não gostei muito do texto do edou. O texto está um pouco confuso. Não é porque Nelson Mandela foge que tudo se vai resolver. Que depois apareça no jornal que SALVOU O MUNDO é um bocadinho estranho, Nelson Mandela não salvou o mundo só porque já não há racismo. ( bubu1998 )
    • A história de edou foi a melhor porque ela conta a vontade de um homem que quer sair da prisão para eliminar o racismo, por isso foi a que preferi. ( ninguém )
    • Acho que o texto de edou é o melhor texto porque gostai do estilo da escrita. Eu acho este testo original porque possui duas comparações : uma no momento em que Nelson Mandela esta na prisão -” como um pássaro na gaiola”- e outra quando sai de prisão - “como um pássaro em liberdade”- que descrevem bem a situação. Gostei muito do desfecho e penso que é o melhor texto para nos fazer sentir a luta do Nelson Mandela. ( brazzzil )
    • A composição de que mais gostei foi a de edou porque acho que ele conseguiu criar muito bem um texto a partir da imagem dada. Também aprecio a maneira como ele escreveu o diálogo entre Nelson Mandela e o guarda. Ele mostrou como os pretos no século XX podiam ser tratados como animais e sem nenhum respeito. ( bibi )
    • Achei o texto de edou o melhor , porque fez bem sentir ao leitor a injustiça que reina em relação aos negros. Mostrou de certa forma a crueldade dos brancos racistas e dos tratamentos dos negros considerados como animais. ( ricard )
  • 5. mimi
    • O meu texto preferido é o de mimi, porque apresenta a saída de prisão de Nelson Mandela. Descreve uma pessoa calma, sossegada, sentida e introvertida, apesar de toda a alegria, de toda a festa e de toda a exaltação à sua volta. Há uma multidão de pessoas a celebrar a sua libertação mas ele parece imperturbável. Tive muito gosto em ler esse texto que lembra um momento inesquecível da história da África do Sul e também da humanidade. ( evita )
    • Gostei muito do trabalho de mimi pois respeitou todos os tópicos e a sua ideia foi muito original pois muitas pessoas escreveram sobre o dia em que ele saiu da prisão mas quase todos eles como se fossem espectadores ao contrário de Mimi. É um texto bem organizado que seguiu uma ideia sem que a autora se baralhasse. ( bvg )
  • 6. magalhães
    • Na minha opinião, a composição mais original é a de Magalhães pois a ideia de escrever um diário de um jornalista foi muito bem imaginada e pensada. Parabéns ao escritor! ( edou )
    • Achei o texto de magalhães original por o ter escrito sob a forma de diário. Foi o único que teve a ideia colocar Gandhi na história. Gostei muito da piada da linha 16 «Decidi não ultrapassar (muito) a trigésima linha como me aconselhou o meu editor». Achei muito engraçado porque essa regra foi-nos imposta pela professora antes de criarmos estes textos. ( tété98 )
    • Acho que o pior texto é o de magalhães, porque não respeita muito bem o tema da composição. De facto, o diário que fez prolonga-se sobre mais do que um dia, sabendo que se devia imaginar o dia em que foi tirada a foto... O seu diário refere-se à criação de uma associação «Assomandela» contra a discriminação racial. Descreve a evolução dessa associação entre 12 de junho e 6 de agosto de 2016. É um texto muito original, refletido, mas não nos indica nada sobre o dia e as circunstâncias em que foi tirada a foto, só tem uma referência a um sorriso no fim, que nos leva a subentender que Nelson Mandela foi fotografado nesse momento. Achei o texto muito confuso. ( mimi )
  • 7. evita
    • O que me espantou bastante no texto de evita, foi o fato dela fazer falar e dar uma verdadeira importância e personalidade à família (imaginária) de Nelson Mandela. Gostei da emoção na voz dos familiares do ex-presidante sul-africano e acho que a relação texto-foto foi bem respeitada porque podemos imaginá-lo facilmente na situação da imagem. O texto é original, mas penso que o termo de “lutador” não é apropriado. Eu teria utilizado “pacificador”... ( magalhães )
  • 8. brazzzil
  • 9. ninguém
    • O texto de que mais gostei foi o de ninguém porque acho que descreve bem como deve ter sido o dia em que Nelson Mandela saiu da prisão e os negros puderam celebrar o acontecimento muito esperado. Como diz ninguém foi “ um dia de glória para a África do Sul” visto que poderia agora assinar os papéis para acabar com o apartheid. O texto tem algo de especial que os outros não têm: é o facto de ninguém encarnar o posto de jornalista e dizer de certo modo tudo o que acontece no preciso momento; “ Esperem, esperem... estão a dizer-lhe que vai ser presidente!!”. O texto até tem um ar cómico. (mata8)
  • 10. pai natal
  • 11. smile
    • Para mim, o melhor texto foi o de smile (10). O texto refere-se a uma família que venera Nelson Mandela pelo que ele fez. Vê-se que o Miguel se interessa mesmo muito pelo racismo, e explica ao pai que quer ser como o Nelson Mandela quando for maior. Nas últimas frases do texto, apercebemo-nos que o Miguel realizou o seu sonho como Nelson Mandela, o que emociona muito, por isso é o melhor. ( bubu1998 )
    • Não gostei do texto da smile pois acho que a ideia está original mas confusa pois fala dos pais, depois da foto e no fim do avô. Se a autora tivesse seguido outro tipo de texto ou se falasse primeiro na foto, se fosse um pouco mais organizado e claro, seria um bom texto. Também o considero muito comprido.  ( bvg )
    • O texto de que menos gostei foi o de smile porque acho o início um bocado precipitado. Penso que dá demasiado destaque ao facto da criança adorar Nelson Mandela e acho que ele deveria diminuir essa admiração porque o filho não o conhece. ( bibi )
  • 12. xana
  • 13. ricard
    • Penso que ricard contou exatamente a história de Nelson Mandela. Eu coloquei essa composição no último lugar porque não há história baseada na imagem, o ricard foi menos criativo que os outros. ( tété98 )
  • 14. tété98
    • Adorei a história sobre Nelson Mandela escrita por tété98 porque de todas as histórias foi esta a mais original. Original por causa do acidente do menino ao cair na via férrea e da frase que fez com que todos mudassem de ideias sobre o racismo. ( xana )
  • 15. bubu1998
  • 16. bibi
    • Acho que o texto de bibi é o pior texto porque é muito banal, não fala bem da fotografia que lhe serviu de base. Além disso, neste texto, Nelson Mandela não vive um momento de glória, presente na maioria dos outros textos. Penso que este texto tem falta de originalidade. ( brazzzil )
    • A composição que menos apreciei foi a de bibi. Está confusa, não soube estruturar bem as suas ideias e há alguns erros de frases mal estruturadas. ( sailing )
  • 17. mata8
    • O texto de mata8 não é um dos melhores porque ele não imagina um texto, ele só explica a fotografia. ( ninguém )
  • 18. sailing
    • Não gostei muito do texto de sailing, porque é um texto que conta umas cenas violentas e agressivas. A situação não parece muito real porque Nelson Mandela é uma personalidade e é pouco provável que ele ande só e perdido em Paris. ( evita )
    • A composição inferior a todas as outras é a de sailing. O escritor não soube bem relacionar a foto com o texto. Para além disso, podia ter tornado o texto mais criativo. Isso daria mais interesse ao leitor. ( edou )
    • A história que menos apreciei foi a história de sailing. Penso que é um pouco irrealista e exagerado o que é contado nesta história. Em Paris, seria muito improvável os autocarros não pararem só pelo fato de uma pessoa de cor querer entrar. ( xana )
    • Não gostei muito do texto de sailing porque há certas informações inúteis e não o achei muito imaginativo. O assunto que escolheu não foi muito atraente mesmo se criou um provérbio que resume bem a situação na última frase. ( ricard )
    • No texto de "sailing", há várias coisas de que não gostei . O conjunto do texto é globalmente estranho e não gostei muito do final. Também podia ter pensado que atualmente, em França, o apartheid não existe e que qualquer forma de segregação é ilegal. Por isso, um condutor de autocarro talvez  não arrisque insultar qualquer pessoa, sobretudo se reconhecesse o Nelson Mandela. Também há vários  erros no texto e a última frase deixou-me pensativo: “ A nossa liberdade acaba quando a dos outros começa.”  ( magalhães )
  • 19.
    • Trabalhos realizados pela turma de 8º ano
    • da SP do LI, novembro de 2011