Your SlideShare is downloading. ×
Composições do 5º F
Composições do 5º F
Composições do 5º F
Composições do 5º F
Composições do 5º F
Composições do 5º F
Composições do 5º F
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Composições do 5º F

1,264

Published on

Published in: Education
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
1,264
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
10
Actions
Shares
0
Downloads
1
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. A longa caminhada Estava um dia frio de Natal, Joana continuava sentada nobanco do seu quarto a olhar para os seus presentes: um livro comdesenhos, caixa de tintas, uma boneca e uma bola; era tudo o quequeria. Olhava para aqueles presentes e sentia-se mal, pois ela tinhatantos presentes e sabia que havia um menino, que era seu amigo, quenão, tal como dizia a Gertrudes. Queria levar-lhe os seus presentes, então pensou: Vou levar agora os presentes ao Manuel. Saiu do seu quarto e pegou numa mala grande de viagem emeteu todos os seus presentes lá. Todos menos a boneca, pois ele erarapaz. Desceu as escadas e entrou no salão. Saiu pelo portão. Comotinha algum medo levou a sua cadela, chamada Pantufa. Continuou aandar… viu uma casa e pela janela espreitou. Era uma família a comerpão e a beber água. Reparou que não tinham árvore, não tinhampresentes… e ela bateu á porta e deu o seu livro. Continuou e entrou no pinhal. A cadela só ladrava! O caminho era escuro e os pinheiros eramaltos e verdes, um pouco assustadores. Passado um pouco estava cansada, mas viu uma luz no horizonte.Correu e lá estava o curral e o Manuel com a sua mãe e o seu pai,ambos vestidos de farrapos cozidos; e os dois animais atrás a dormirenquanto deitavam o seu bafo para o Manuel. A casa dele era de palha seca, quatro troncos altos e castanhos.Ela disse muito feliz: Bom Natal, espero que gostes destes presentes que te tragonesta mala! Érica Martins, nº6, Turma 5ºF Uma ideia do meu Natal
  • 2. Gostaria que o meu Natal fosse divertido, acolhedor echeio de alegria como o do ano passado. Até podia ser melhor. Queria que, este ano, fossem os meus tios, primos,padrinhos, avós que infelizmente já não estão cá, mas seestivessem não o podiam perder. Preferia que o Natal fossecomo planeio, sempre com a minha irmã, mas nem sempre éassim. Como todos devem saber o país está em crise, por isso,não vou ter o pinheirinho a rebentar de prendas. Tudo o que eugostaria de receber já informei os meus familiares, agora nãosei se vou recebê-los. Gostava que este Natal fosse o MELHOR de sempre, masnem tudo o que desejamos ou queremos se concretiza. Este Natal, como se costumas dizer vai ser um “FelizNatal” Joana Santos, 5º F
  • 3. O meu natal iluminado Vamos lá ver… Eu gostaria que o meu natal fosseiluminado, cheio de luzes à volta da casa, um pai natal num trenócom duas renas, dançarino e que cantasse. Gostaria de fazer o Natal com os meus amigos,com os meusfamiliares, com os animais,com os professores e com aquelesque já estão no céu. Por falar em céu,o Natal também podia serno céu com anjo, 25 árvores todas iluminadas, com o Pai Natal eas prendas nas costas. O Natal é o nascimento de Jesus e todos nós gostámos dereceber presentes,aqueles que mais queríamos. Gostava que todos pudessem partilhar os seus presentes. O Natal está a chegar vamos de férias com as prendinhasatrás de nós. Joana Leal, 5ºF Feliz Natal e bom Ano Novo!!! Fim!!! O Natal Preferido
  • 4. Eu gostava que o natal fosse em minha casa. Que tivesse muitas coisas como: a árvore de Natalgrande com bolas e luzes de todas as cores, um presépio,um pai natal de chocolate dos enormes e um calendário. Gostaria de ter a família toda reunida e que, na noitede Natal tivessem todos felizes e a conversar. Queria que o jantar tivesse quatro partes: as entradas,a sopa, a comida, que era peru e a sobremesa que eramousse e rabanadas. As bebidas eram: água para ascrianças e uma bebida especial para os adultos. Se estivessem todas as pessoas da minha família, amaior parte dos presentes tinham de ficar na sala. No dia de Natal era uma festa, à noite, às12h00,lançavam-se três foguetes de cor vermelho, verde,amarelo e gritávamos todos com grande voz:” FelizNatal”!!!!!!! E depois iam todos brincar. E assim era o meu Natal preferido. FIM Ricardo Cortinhas A CASA DO MANUEL.
  • 5. No pinhal onde morava o Manuel e na sua casa estavamuito escuro. Nessa noite de natal, Manuel pensava: Ah, quem me deraestar a comer um peru recheado, mas moro nesta casa cheia depalha feita de madeira e cheira mal está tanto frio. Mas foi deus que escolheu o meu destino. -Disse Manuel -Mãe, finalmente chegaste. Feliz natal. Para ti também, meu querido. Então foram dormir na palha fria. Mas Manuel nãoconseguia parar de pensar que a Joana estava a divertir-se masde repente ouve: Manuel, abre, sou eu, a Joana. Olá, Joana. Toma, estes presentes. Desculpa, mas tenho que meir embora. Depois Manuel, todo contente, já dormiu uma noite melhore descansada. Beatriz Loureiro, 5ºF O meu Natal sonhado
  • 6. Eu acho que o meu Natal vai ser divertido eacho que vou receber muitas prendas! No Natal, vou acordar às 7:00 e vou para acama dos meus pais saltar e gritar: É Natal, vamos abrir as prendas! Depois dereceber as prendas vou experimentar logo comoé! Acabo de experimentar e vou ver se aminha bota de Natal tem mais prendas. Depoisvou tomar o pequeno-almoço, passado algumashoras iria para a casa dos meus avós paternos,iria mais contente porque iria receber mais àmeia-noite. O meu avô iria vestir de Pai Natalpara dar os presentes aos meninos. Depoisiríamos para casa dormir. No dia a seguir, iria para casa da minha avómaterna, receber mais prendas, iria depoisbrincar com os meus primos. Gostava que fosseassim o meu Natal. João Cunha, 5ºF O Natal de Joana
  • 7. Joana vestiu-se, pegou nos seus presentes, meteu-osdentro de um saco, abriu a janela e saltou.Joana caminhou até casa do Manuel e, antes de bater à porta,meteu a barba do pai natal e o gorro.Foi até à porta, mas estava tudo muito silencioso e escuro.Joana foi perto de onde Manuel dormia, atirou uma pedrinha eele assustado disse: Quem esta aí?! Sou a Joana! Abre a porta por favor! Ele foi abrir e perguntou-lhe: O que estás aqui a fazer? Vim dar-te os meus presentes de natal, tambémmereces. Começou-lhe a cair uma lágrima e disse: Nunca recebi uma prenda na minha vida. Ela disse muito contente: Há sempre uma primeira vez. E tu ficas sem presentes para me dar a mim? Não te preocupes comigo.Se eu pedir aos meus pais,eles dão-me mais presentes, pois eu sou rica e tu não, mas nãoimporta ter dinheiro para uma amizade ser verdadeira.A minha opinião sobre o texto que escrevi: Com este textoaprendemos que o dinheiro faz falta, mas não é tudo.Pois as verdadeiras amizades são mais importantes quepresentes e dinheiro!! Mariana Marques, 5ºF

×