Monitores De  Visita2010  R I O
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Like this? Share it with your network

Share
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
    Be the first to like this
No Downloads

Views

Total Views
939
On Slideshare
938
From Embeds
1
Number of Embeds
1

Actions

Shares
Downloads
1
Comments
0
Likes
0

Embeds 1

http://www.slideshare.net 1

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. Retrospectiva 2009 Parabéns à Equipe CSM!
  • 2. Unidades do Colégio Santa Mônica Cachambi São Gonçalo Maré Taquara Bonsucesso
  • 3. Quantitativo de Matrículas 2008/2009 Fonte: Comparativo Diário Matrícula 1777 São Gonçalo Bonsucesso Taquara Cachambi Resultado: Março/2009 Total Geral 6.469 Alunos
  • 4. Quantitativo de Matrículas 2008/2009 Fonte: Comparativo Diário Matrícula 1.301 ALUNOS 1.302 ALUNOS 1.744 ALUNOS 1.864 ALUNOS 1.581 ALUNOS 1.644 ALUNOS 1.621 ALUNOS 1.659 ALUNOS Resultado: Março/2009 2,34% São Gonçalo 0,08% Bonsucesso 3,98% Cachambi 6,88% Taquara Total Geral 2008 – 6.247 Alunos 2009 – 6.469 Alunos
  • 5. Quantitativo de Matrícula Fonte: SAE Data da apuração: 28/09/2009 Data da apuração: 31/12/2008 77,95% 516 1.824 2.340 TAQ 93,19% 85,89% 80,52% Taxa de Ocupação 1.226 119 269 322 Vagas Ociosas 6.420 1.628 1.637 1.331 Vagas Ocupadas 7.646 1.747 1.906 1.653 Vagas Oferecidas TOTAL SG CACH BONS VAGAS 2008 86,04% 313 1.929 2.242 TAQ 95,86% 87,15% 82,51% Taxa de Ocupação 917 72 250 282 Vagas Ociosas 6.620 1.666 1.695 1.330 Vagas Ocupadas 7.537 1.738 1.945 1.612 Vagas Oferecidas TOTAL SG CACH BONS VAGAS 2009
  • 6. CAMPANHA DE MATRÍCULA 2010 Primeira Parte
  • 7. Campanha 2010
  • 8. Quem conhece aprova.
    • Escolher uma instituição de ensino para deixar o seu bem mais precioso durante boa parte do dia não é uma tarefa fácil. Para termos uma relação entre familiares e escola saudável e duradoura, é preciso que, além de bons professores e de uma boa estrutura física, a escola tenha tradição e construa um planejamento capaz de estimular o desenvolvimento humano nas suas diferentes dimensões.
    • É prioridade do Colégio Santa Mônica oferecer melhores condições aos nossos alunos através do desenvolvimento de suas potencialidades, crescimento como pessoas responsáveis visando à integridade e ao respeito pelo próximo.
    • Ensinar é a nossa principal função, por isso não medimos esforços. Desafiamos, cobramos e orientamos nossos alunos. Nosso objetivo é torná-los capazes de fazer as melhores opções de vida com segurança, conhecimento e consciência.
    • Apoiamos-nos numa proposta educacional pautada na conciliação dos valores tradicionais do ensino com metodologias modernas. Acompanhamos os avanços das concepções educacionais. Portanto, a partir delas, planejamos, aplicamos e avaliamos a nossa prática pedagógica, fazendo da nossa trajetória um processo permanente de aprendizagem e formação.
  • 9. Ensino e atendimento de qualidade
    • Altos índices de aprovação no vestibular.
    • Professores qualificados.
    • Material didático selecionado entre os melhores disponíveis no mercado editorial.
    • Salas de aula climatizadas.
    • Segurança interna e externa.
    • Monitoramento interno com câmeras.
  • 10. Ensino e atendimento de qualidade
    • Biblioteca.
    • Laboratório de informática.
    • Funcionários capacitados.
    • Atendimento individualizado às famílias.
    • Escola integral (Rio).
    • Projetos temáticos interdisciplinares.
  • 11. Programa Esportivo e Cultural
    • Extraclasse gratuito do maternal ao 5º ano (1 modalidade).
    • Educação Física curricular de qualidade.
    • Piscina aquecida.
    • Ginásio poliesportivo.
    • Participação em campeonatos estaduais, nacionais e internacionais.
    • Futsal para os pais e hidroginástica para avós (gratuito).
    • Heptacampeão do Intercolegial: 1999, 2001, 2002, 2004, 2006, 2007 e 2008.
  • 12.
    • Olimpíada Interunidades – Intersam.
    • Equipes esportivas e Cia. de Teatro.
    • Festivais culturais: poesia, grafitagem, bandas musicais e danças.
    • Atividades do Extraclasse abertas à comunidade.
    Programa Esportivo e Cultural
  • 13. Quem conhece aprova. Ronnymaxwell Silva Gomes de Santana - 1ª lugar UFRJ em Eng. de Petróleo (unidade Cachambi)
  • 14. Aprovações nos vestibulares entre 2005 e 2009. Ensino e atendimento de qualidade UFRJ = 277 UERJ = 204 UFF = 170 OUTRAS PÚBLICAS = 36 UNIRIO = 75 PUC = 58 RURAL = 82 CEFET = 33 TOTAL = 935 Em 2009 = 241 aprovações.
  • 15. Evolução nos resultados do vestibular 19% 22% 20% 21% 18%
  • 16. Outros Benefícios
    • Anuidade 20% desconto;
    • Transporte Escolar;
    • Connect – Imersão total no Inglês;
    • Wizard;
    • Projeto Amparo;
    • Material Escolar e Uniformes;
    • Descontos e Bolsas;
    • Escola Integral;
    • Convênio Escola;
    • Convênio Empresa.
  • 17.
    • Convênio Empresa.
    • Convênio Pedagógico com Escolas.
    • Contato com Cláudia Moreira.
    • E-mail: claudiamoreira@colegiosantamonica.com.br ou
    • Telefone: 2114-2000 ramal 2026.
    Outros Benefícios
  • 18.
    • Clube do ex-aluno
    • Contato com Francisco Eduardo Lima.
    • E-mail: exaluno@colegiosantamonica.com.br ou
    • Telefone: 2114-2000 ramal 2017.
    Outros Benefícios
  • 19. Mural da Comunidade
    • Contato com Francisco Eduardo Lima.
    • E-mail: francisco@colegiosantamonica.com.br ou
    • Telefone: 2114-2000 ramal 2017.
  • 20. Matrículas para 2009
  • 21. Segunda Parte
    • Proposta Pedagógica
  • 22. Quem Somos
    • O Colégio Santa Mônica sempre esteve voltado para um ensino de qualidade e uma aprendizagem significativa e transformadora. Sua ação educativa acompanha os avanços tecnológicos e científicos, estando voltada para um mundo em constantes e aceleradas transformações, que exigem a formação integral do ser humano. A prática educativa do Colégio pauta-se nos ideais e fins da educação.
    • Sendo o colégio formado por um grupo de escolas mantidas pela mesma entidade, seus ordenamentos básicos da estrutura e do funcionamento são comuns a todas as unidades do Colégio Santa Mônica.
  • 23. Visão do Colégio
    • Histórico
    • O Colégio possui um trabalho voltado para a educação desde a sua fundação em 1937. Sua ação educativa, afinada com a Legislação Educacional vigente, sempre priorizou um ensino de qualidade.
  • 24. Visão do Colégio
    • Caracterização dos cursos ministrados
    • Atualmente o Colégio mantém em regime de externato e semi-internato, de frequência mista, e em dois turnos, os seguintes cursos:
    • 1 – Educação Infantil (maternal ao Jardim III);
    • 2 – Ensino Fundamental (do 1 º ao 9 º ano);
    • 3 - Ensino Médio Seriado, formação geral (1º ano, 3º ano e pré-vestibular).
  • 25. Integração Escola x Pais x Comunidade
    • Existe integração entre o Colégio e os pais através de eventos culturais e pedagógicos realizados no interior das Unidades tais como: Festa Junina, Dia dos Pais, Dia das Mães, Dia do Amigo, Feira da Cultura, Intersam (Olimpíada Interna), Festival de Verão e Projeto Interdisciplinar.
    • A Direção sempre se faz presente, bem como professores, coordenadores, funcionários, alunos e responsáveis.
  • 26. Conselho Gestor
  • 27. Superintendência
  • 28. Recursos Humanos Equipe Técnico-Pedagógica
    • Diretor de Unidade – Lidera o processo pedagógico e administrativo da unidade escolar, zelando pelo bom andamento dos diversos processos que acontecem na rotina da escola.
    • SOE – Serviço de Orientação Educacional – Composto por profissionais que visam alicerçar os professores, alunos e direção para que a organização escolar tenha um desempenho positivo;
    • PRs – Composto por professores especializados para atuarem nos diversos níveis de Educação Básica; Professores devidamente habilitados;
    • Serviço de Coordenação – Composto por professores e especialistas em educação, responsáveis pelo planejamento, organização e controle da proposta pedagógica e do planejamento curricular de um segmento específico.
  • 29. Equipe administrativo-operacional
    • Secretaria;
    • Secretaria Extraclasse;
    • Administração;
    • Inspetoria interna e externa;
    • Escola Integral;
    • Departamento Pessoal;
    • Dcmec;
    • Financeiro;
    • Bazar;
    • Cantina;
    • Telefonia;
    • Auxiliar de sala de aula;
    • Contabilidade;
    • Coordenação;
    • SOE
    • Ouvidoria;
    • Manutenção;
    • Editoração;
    • Cozinha;
    • Enfermaria;
    • Sistemas;
    • Compras;
    • Recepção;
    • Vigilância;
    • Biblioteca;
    • Portaria.
  • 30. Organização Pedagógica e Curricular
    • Objetivos, currículos, fundamentação, finalidades, áreas de conhecimentos, metodologias, avaliação, carga horária, recuperação, frequência, dependência, transferência, adaptações e turmas regulares e especiais .
    Obs.: Qualquer esclarecimento sobre as temáticas acima descritas, deve-se direcionar à coordenação no final da apresentação física da escola.
  • 31. Missão da Instituição
    • Educar para o futuro, da creche ao vestibular, visando a formação global do aluno, através de ações pautadas na ética e na sensibilidade, objetivando formar cidadãos conscientes, críticos, inovadores, capazes de contribuir significativamente para a sociedade.
  • 32. Apresentando a Escola Terceira Parte
  • 33. Apresentação Pessoal
    • Todos nós gostamos de ser bem recebidos nos locais onde vamos. Quando esse lugar será a segunda casa (escola) de nossos maiores tesouros (filhos e dependentes), a atenção fica redobrada, o olhar fica aguçado como de uma águia e o ouvido pode escutar ruídos a quilômetros de distância.
    • Quando nos apresentamos bem, demonstramos respeito próprio, apreço e deferência ao próximo.
  • 34. Cultura organizacional burocrática versus responsiva Fonte: Deevy (1995). Orientação para o processo do negócio; Mentalidade limitada ao departamento; Compromisso com a empresa; Compromisso com o próprio grupo; Age como empresário; Dependência psicológica; Foco no mercado/cliente; Foco para dentro da organização; Foco no compromisso; Foco no controle; Orientação para equipes; O indivíduo como herói; Centrado no emprego. Centrado a gerência. Cultura responsiva Cultura burocrática
  • 35. Perfil do Apresentador
    • Fala pausadamente e respeita a intimidade do visitante;
    • Não transforma o atendimento em um monólogo;
    • Guarda o nome das pessoas que está atendendo;
    • É atencioso, paciente e discreto;
    • Tem a sensibilidade de adequar o atendimento ao perfil do visitante;
    • Sabe relacionar o local visitado com assuntos pertinentes;
    • Valoriza quando necessário e não entra em assuntos desgastantes e desagradáveis;
    • Não dá informações e nem responde questões que não domina e que não tem certeza;
    • Aproveita os momentos ociosos para reestabelecer contatos.
  • 36. Perfil da Escola Visitada
    • Recebe e acolhe o cliente ainda fora do ambiente escolar;
    • Procura manter um ambiente agradável e cordial;
    • Preocupa-se em abrir os setores antecipadamente para que o visitante não fique esperando;
    • Evita ao máximo situações delicadas na frente dos visitantes;
    • Mantém-se limpa e organizada;
    • Reconhece o apresentador e o visitante da escola como as pessoas mais importantes naquele momento para o grupo;
    • Pega diariamente um “Feed Back” com o monitor de visitas para o aprimoramento do processo.
  • 37. Roteiro
    • Recepção e acolhimento do visitante;
    • Pesquisa sobre a faixa etária do(s) possível(eis) cliente(s);
    • Demonstração das instalações;
    • Encaminhamento à coordenação caso a família julgue necessário ou tenha disponibilidade de tempo para um aprofundamento maior da parte pedagógica;
    • Pausa em frente ao cavalete de aprovados salientando os índices crescentes de aprovação do CSM em universidades públicas;
    • Encaminhamento à secretaria para verificação de valores e maiores detalhes sobre outros serviços.
  • 38. Cadastro de visitantes
    • O monitor de visita deve:
    • Controlar o preenchimento de todos os cadernos (telefonia, secretaria e monitoria);
    • Toda pessoa que procura a escola por telefone, virtualmente ou pessoalmente é aberto um processo que deve ter início meio e fim;
    • Tudo que for lançado no caderno deve ser passado para o sistema posteriormente;
    • O secretário juntamente com o diretor fiscalizará o andamento dos cadastros de visitantes;
    • O contato virtual a partir de agora será encaminhado pelo superintendente ao secretário com cópia para o diretor de unidade. O monitor de visita deverá averiguar se o contato virtual foi realmente atendido.
  • 39. Vá além…
    • 1. Seja paciente
    • Nem sempre é fácil conciliar opiniões diversas, afinal "cada cabeça uma sentença". Por isso é importante que seja paciente. Procure expor os seus pontos de vista com moderação e procure ouvir o que os outros têm a dizer. Respeite sempre os outros, mesmo que não esteja de acordo com as suas opiniões.
    • 2. Aceite as idéias dos outros
    • Às vezes é difícil aceitar idéias novas ou admitir que não temos razão; mas é importante saber reconhecer que a idéia de um colega pode ser melhor do que a nossa. Afinal de contas, mais importante do que o nosso orgulho, é o objetivo comum que o grupo pretende alcançar.
  • 40.
    • 3. Não critique os colegas
    • Às vezes podem surgir conflitos entre os colegas de grupo; é muito importante não deixar que isso interfira no trabalho em equipe . Avalie as idéias do colega, independentemente daquilo que achar dele. Critique as idéias, nunca a pessoa.
    • 4. Saiba dividir
    • Ao trabalhar em equipe , é importante dividir tarefas. Não parta do princípio que é o único que pode e sabe realizar uma determinada tarefa. Compartilhar responsabilidades e informação é fundamental.
    Vá além…
  • 41.
    • 5. Trabalhe
    • Não é por trabalhar em equipe que deve esquecer suas obrigações. Dividir tarefas é uma coisa, deixar de trabalhar é outra completamente diferente.
    • 6. Seja participativo e solidário
    • Procure dar o seu melhor e procure ajudar os seus colegas, sempre que seja necessário. Da mesma forma, não deverá sentir-se constrangido quando necessitar pedir ajuda.
    • 7. Dialogue
    • Ao sentir-se desconfortável com alguma situação ou função que lhe tenha sido atribuída, é importante que explique o problema, para que seja possível alcançar uma solução de compromisso, que agrade a todos.
    Vá além…
  • 42.
    • 8. Planeje
    • Quando várias pessoas trabalham em conjunto, é natural que surja uma tendência para se dispersarem; o planejamento e a organização são ferramentas importantes para que o trabalho em equipe seja eficiente e eficaz. É importante fazer o balanço entre as metas a que o grupo se propôs e o que conseguiu alcançar no tempo previsto.
    • 9. Evite cair no "pensamento de grupo"
    • Quando todas as barreiras já foram ultrapassadas, e um grupo é muito coeso e homogêneo, existe a possibilidade de se tornar resistente a mudanças e a opiniões discordantes. É importante que o grupo ouça opiniões externas e que aceite a idéia de que pode errar.
    • 10. Aproveite o trabalho em equipe
    • Afinal o trabalho de equipe , acaba por ser uma oportunidade de conviver mais perto de seus colegas, e também de aprender com eles.
    Vá além…
  • 43.
    • “ Nunca seja um escravo dos padrões que plantaram em você.”
    • “ A vida é uma grande universidade, mas pouco ensina a quem não sabe ser aluno.”
    • Augusto Cury.
    Mensagem Final
  • 44. Muito Obrigado
    • Diretor Geral do DCMEC(Departamento de Comunicação, Marketing,Esporte e Cultura)
    • Docente da Universidade Castelo Branco.
    • Diretor Presidente da Parthenon Eventos.
    • CREF 1 – 172-G/RJ
    • Diretor – Reg. Nº 67229
    • www.colegiosantamonica.com.br
    • [email_address]
    • [email_address]