Your SlideShare is downloading. ×
Programação
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×

Saving this for later?

Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime - even offline.

Text the download link to your phone

Standard text messaging rates apply

Programação

1,828
views

Published on

50º Cometa Cenas …

50º Cometa Cenas
Mostra Semestral de Artes Cênicas


0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total Views
1,828
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
8
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. - apresentacao - O COMETA CENAS teve início em 1984, quando ainda não havia sido criado o Instituto de Artes da Universidade de Brasília. Os alunos de Artes Cênicas do Curso de Educação Artística tinham pouco contato com os profissionais de teatro da cidade e apresentavam seus trabalhos apenas entre eles mesmos. Desse isolamento surgiu a necessidade da criação de um evento onde pudessem, publicamente, apresentar seus resultados de disciplinas ou outras experiências artísticas. O COMETA CENAS se configura como um Projeto de Extensão e Ação Contínua (PEAC) e semestralmente conta com apresentações teatrais, leituras dramáticas, exibição de treinamento de atores, sessões de filmes, mostra de ensaios videográficos, palestras, e rodas de bate-papo. Entre o ano de 2004 e 2009, período em que o COMETA CENAS caracteriza-se como PEAC, apresentaram-se 698 trabalhos, contando 400 estréias para um total aproximado de 22.000 espectadores. Tudo isso, sem contar as edições anteriores, por onde passaram diversos outros alunos e professores. Neste ano de 2010, a mostra de Artes Cênicas da UnB, comemora 25 anos, 50 edições e muitas histórias. Portanto, a equipe de produção buscou depoimentos de algumas pessoas que fizeram parte, em algum momento, deste nosso aniversário. Entretanto, devemos considerar, também, outras pessoas de grande importância. São eles os mestres, doutores, artistas, alunos e arte-educadores que estão pelos corredores e salas do prédio de vidro no Instituto de Artes. E isso sem falar nos tantos outros que já passaram por aqui. A todos, os nossos parabéns. Brasília, Agosto de 2010 Equipe Cometa Cenas
  • 2. indice - abertura 04 festa 05 entrevista - joão antônio de lima esteves 06 pós-graduação (en)cena 09 programação 10 quadro de apresentações 14 entrevista - sulian vieira 21 diplomação 24 entrevista - fernando martins 25 créditos 27
  • 3. abertura A 50ª edição do COMETA CENAS vem repleta de atividades, entre exposições, vídeos, performances, exercícios, ensaios, palestras e espetáculos. Ao todo, serão mais de 70 apresentações. A inauguração da mostra será dia 13 de Agosto, no Complexo das Artes, com a abertura da exposição permanente Cometa Cenas 25 Anos e exibição do vídeo Cometa 50, em homenagem aos 25 anos do evento, seguida de uma festa na Concha Acústica do IdA. Confira a partir daqui a programação completa do 50º COMETA CENAS. EXPOSIÇÃO Exposição Permanente Cometa Cenas 25 Anos Vernissage de Abertura: 13/08/2010 - 20h Local: Hall do CACEN Exposição Temporária - 20 a 29/08/2010 Cometa Cenas - O Início por Guilherme Malheiro Local: Corredor Térreo Exposição Temporária- 27/08 a 11/09/2010 Diplomação em Artes Visuais 20 alunos-artístas apresentam seus trabalhos de conclusão de curso. Vernissage de Abertura: 27/08/2010 - 19h Local: Galeria Espaço Piloto VÍDEO Abertura da Mostra - 13/08/2010 - 20h Cometa 50 por Eduardo Dutra e Luana Miguel Local: Hall do CACEN APRESENTAÇÕES As apresentações acontecerão entre 20 de Agosto e 05 de Setembro de 2010. Confira a programação a partir da página 10. Local: Complexo das Artes 04
  • 4. Na noite de inauguração, a equipe Cometa Cenas prepara uma comemoração divertida com muita música e animação. (Suicídio Social) Fernanda Jacob, Guilherme Sampaio, O Núcleo de Trabalho do Ator apresenta Kael Studart, Karinne Ribeiro e Tiago sua charanga. Com Giselle Ando, João Medeiros vem agora lançando as Porto Dias, Natália Vinhal, Nitiel músicas de sua autoria. Fernandes e Paula Sallas. Carol Voigt em sua nova apresentação solo. Jacob and Friends - Foto: Divulgação Dois amigos, uma idéia e a caçamba de uma Strada. + Fechando a noite, em grande estilo, DJ´s Quizzik e Ricco animam a madrugada. 05 Quizzik - Foto: Divulgação Voigt Voz e Violão - Foto: Divulgação
  • 5. entrevista Letícia Medina Especial para o Cometa Cenas. Depoimento de João Antônio de Lima artística porque era onde existiam Esteves, ex-professor e fundador do algumas disciplinas de teatro. Departamento de Artes Cênicas do O curso era dado com muito sacrifício. A Instituto de Artes da Universidade de professora Helena Barcellos que foi a Brasília e idealizador do COMETA CENAS. nossa pioneira, convidava professores Entrevista concedida em 21/07/10. para cursos de extensão para cumprir as disciplinas. Era uma grande dificuldade. E uma das dificuldades era que os alunos só se apresentavam para os próprios colegas dentro das salas de aula. Isso obviamente causava uma ansiedade grande porque você não tinha uma resposta ao seu trabalho. Porque só dentro de sala de aula a gente tem uma resposta muito pequena. [...] Então, eu pensei em fazer umas apresentações ao final do semestre de Arquivo - Rodrigo Dalcin/UnB Agência cenas curtas e que essas apresentações não seriam apenas dos alunos. Convidamos atores da cidade e alunos Cometa Cenas: Como foi o seu da Faculdade de Artes Dulcina de percurso histórico no Cometa Cenas? Moraes. Abrimos essas apresentações, João Antônio: Era por volta de 1984 tanto para atrair mais público - porque ai ainda não existia o Departamento de teríamos uma opção maior de cenas - Artes Cênicas, que eu tive a honra de quanto para ter um comparativo com as ajudar a fundar um pouco mais tarde. cenas produzidas dentro da sala de aula. Nessa época o que existia era a opção Como eram cenas muito curtas eu fiz um Teatro, no curso de Educação Artística jogo de palavras. A história era pedir que do Departamento de Desenho do as pessoas cometessem pequenas Instituto de Arquitetura e Urbanismo. cenas, tivessem essa ousadia de Essa divisão total era exatamente o cometer pequenas cenas. E por serem desejo da Reitoria na época que era cenas rápidas, a palavra Cometa. Então dividir para governar melhor. Então, o tinha aí esse jogo de palavras com reitor dividiu as artes de uma maneira Cometa Cenas, então por isso tem esse radical para que pudesse ter um domínio nome. E foi um sucesso muito grande. maior. [...] E, na verdade, a grande As apresentações eram sempre maioria dos alunos de educação artística rodeadas também do final de semestre desejavam um curso de teatro. Como de outros departamentos. Tinham ainda não existia o bacharelado esses apresentações de música e exposições alunos optavam pelo curso de educação de artes plásticas... Tudo era no mesmo 06
  • 6. prédio, só a música era nossa vizinha Cometa Cenas como o Instituto de Artes [...]. Tudo acontecia no mesmo ambiente pudesse voltar a integrar todos os e uma atividade atraia público para outra departamentos de arte nesse atividade também, então a gente tinha acontecimento de final de semestre. um público extraordinário. Enchíamos a Seria uma coisa extraordinária. nossa salinha Saltimbancos e tínhamos C.C.: Você orientou alguma das apresentações o dia todo. Então, a cada peças, certo? Qual ou quais foram as hora que o espectador chegasse no mais marcantes? Departamento de Desenho podia assistir J.A.: Olha, na verdade o Cometa Cenas uma exposição, ouvir um concerto de sempre me marcou. Eu fui o fundador do música e presenciar essas cenas curtas Cometa Cenas e fui um dos professores no nosso Cometa Cenas. [...] que mais assistiu, sempre tive o prazer Mais tarde, eu estava na Subchefia do de assistir todas as apresentações, Departamento de Desenho. A Chefe era fotografei várias delas, fiz alguns vídeos. a Professora Grace de Freitas, então nós [...] encabeçamos a Fundação do IdA, Nós tivemos a presença de vários Instituto de Artes. Trouxemos a música atores e atrizes da cidade que vinham se que estava em Literatura e apresentar ali, e todos eles comentavam transformamos o Departamento de depois da apresentação da alegria de Desenho em Artes Plásticas e criamos o poder estar se apresentando numa de Artes Cênicas. Começamos a situação dessa, porque era um exercício contratar os primeiros professores, que não acontecia na cidade. Ninguém alguns eram funcionários da tinha esse espaço experimental tão universidade como o Professor Luis grande para se apresentar. Uma das Mendonça [...]. E aí, começamos a ter coisas fundamentais era a ausência de mais contratações e o Departamento de censura, nós não tínhamos uma Artes Cênicas virou uma realidade. seleção, quer dizer, todo mundo que se O Cometa Cenas acompanhou então as inscrevia se apresentava, e não havia artes cênicas na universidade desde nenhuma censura previa, não havia antes do departamento e continua até nenhuma comissão que viesse ali hoje [...]. De início ele era coordenado verificar, como acontecia durante a basicamente pelos professores e aos ditadura. Então, uma coisa muito poucos a gente foi transferindo essa importante para nós era não censurar. organização para os alunos, o que [...] enriqueceu muito o projeto. Uma outra coisa que acontecia de muito interessante na época é que o Instituto C.C.: Considerando a oportunidade era mais orgânico, as linguagens de realizar um caminho experimental, dialogavam com mais intensidade do o quanto o cometa Cenas contribuiu que acontece hoje [...]. Os alunos de para o fazer artístico de Brasília ? fotografia faziam as fotos das J.A.: Eu não sei se somente o Cometa apresentações. Os alunos de música Cenas. Tive a honra de ter a primeira frequentemente participavam das escola de teatro na cidade, nós encenações com música ao vivo, etc. inauguramos a Ensaios Teatro e Dança Então, havia essa integração das artes poucos meses antes da Faculdade de que, para mim, era uma riqueza Artes Dulcina de Moraes onde fui o extraordinária que a gente acabou primeiro chefe de departamento. Eu tive perdendo um pouco e que talvez fosse o a felicidade de estar na gênese de todas grande salto que o Cometa Cenas as experiências de escolas na cidade. E pudesse dar novamente. Não só o sem sombra de dúvidas as escolas 07
  • 7. promoveram um salto de qualidade em UnB?”. Eu acredito que não, uma coisa toda a atividade teatral da cidade, não que nós temos muito importante é a que antes não tivesse qualidade, nós variedade. Porque o que são os tínhamos grandes nomes, produzimos departamentos de artes? Os excelentes trabalhos antes das escolas. Departamentos de Artes são os [...] professores. Náo é uma entidade maior Eu tenho muito prazer de ver hoje em dia do que os seres humano. Então, que a grande maioria do que se produz obviamente o nosso departamento era na cidade de teatro, vídeo e cinema, em muito diferente de hoje. Uma quantidade todas as produções existe a participação enorme de professores foram alunos do de gente ligada as escolas de teatro de departamento. Cada um fez um curso Brasília [...]. diferente […]. Eu estou aposentado, o Hugo Rodas está aposentado. A dinâmica do departamento é muito C.C.: Realmente, uma fase bem grande […]. A gente tem no Cometa experimental de teatro em uma cidade Cenas esse espelho do que é o muito nova, onde as coisas estavam departamento. aflorando, certo? O que têm de muito bom nessas J.A.: Por ser uma cidade jovem tudo apresentações é o fato de não ter esse estava começando. Era uma cidade que compromisso de ser um espetáculo não tinha velhos, hoje nós estamos aqui, pronto, que vai se apresentar para um os velhos, com um prazer enorme de público e vai cobrar ingressos, etc. Você estar nessa cidade que cresce. Mas não tendo esse compromisso pode nesse momento, era uma cidade experimentar mais, errar mais. E poder praticamente de jovens e sem críticos, errar na nossa profissão é não tínhamos gente analisando o que a extraordinário, porque você amplia a sua gente fazia. Por um lado isso não era possibilidade de experimentação, e ver bom, porque você não tinha uma base, depois o resultado com o público […]. A uma comparação. Mas, por outro ciência toda só avança por causa disso. também era uma liberdade Você pode fazer experimentos que extraordinária para criar. A gente não podem resultar em nada, não funcionar, tinha medo de errar [...]. A falta do medo e quando funcionam, aí você tem o novo. de errar era uma atitude muito positiva da nossa parte e isso fez com que o teatro brasiliense fosse muito bem recebido em outras praças com o frescor dessa possibilidade de criação. [...] C.C.: O Cometa expôs resultados na Universidade ao longo de 25 anos. Qual a diferença do que foi produzido no Cometa e do que é produzido em outras Faculdades? J.A.: Há muitos anos atrás tivemos aqui um seminário, a pergunta era: “Existe uma arte candanga?” “Existe uma coisa especial no que é produzido em Brasília?” ou a pergunta: “Existe alguma coisa especial no que é produzido na 08
  • 8. - pos-graduacao (en)cena - - Marcus Mota Especial para o Cometa Cenas. PROJETO DANAIADES O projeto Danaiades é parte integrante da dança, entre outras manifestações, reinterpretam disciplina Criação e Produção Artística, ministra o mito, trazendo para nossos dias cercados de por mim na Pós-Graduação em Arte, linha de violência contra a mulher sons, imagens e pesquisa Processos Composicionais para a Cena. movimentos arquetípicos. A disciplina se apresenta como um espaço de realização e reflexão de obras para a cena . Por Na palestra sobre o mito das Danaiades, procuro meio uma abordagem global da metodologia do apresentar a diversidade de implicações do mito, processo criativo, procura-se tornar que foi apropriado e transformado por autores compreensível as etapas fundamentais de uma como Homero, Píndaro,Eurípides, Aristófanes, montagem, aproximando-o ao da atividade de Apolodoro, Ovídio, entre outros. pesquisa. Para tanto, serão focadas as seguintes etapas: preparação, familiaridade com o objeto Produção e Realização: Laboratório de de pesquisa/criação, discussão/elaboração de um Dramaturgia -LADI e Núcleo de Estudos Clássicos projeto cênico, realização desse projeto cênico, - NEC-UnB. monografia que explicite as opções de montagem. Confira as apresentações do Projeto Para orientar a participação no processo criativo, o Danaiades dentro do COMETA CENAS ponto de partida para todas as atividades de pesquisa e criação reside na adoção de uma obra Terça-feira, 24 de Agosto de 2010. comum como alvo de todas as intervenções: As Suplicantes, de Ésquilo. 13h30 - Palestra - Projeto Danaiades 14h30 - Poros Sensoriais Primeiramente, foram estudadas as fontes 14h30 - Altar Pode Mais que Torre escritas do mito das danaiades, um material 15h00 - Danaiades 2010 riquíssimo e plural, que lida com questões de 15h30 - Danaiades 2010 gênero, sociais, estéticas e raciais. A cena mais típica do mito é o do casamento que se transforma Quarta-feira, 25 de Agosto de 2010. em carnificina: 50 noivas, na noite de núpcias, 13h00 - Uma Mulher matam seus 50 noivos.Temas como a relação 13h30 - Uma Mulher entre sexos, violência e sexualidade, entre outros, foram destacados. Quinta-feira, 26 de Agosto de 2010. 14h30 - As Danadas Depois, foi discutido o método ateniense que 15h30 - 50 Pares de Olhos transformou o mito em uma pluralidade de 19h00 - Danaiade interpretações, como, entre outras em As 19h20 - Invocações suplicantes, de Ésquilo. Nesse tópico vimos 19h40 - Invocações orientação interartística do método ateniense, 20h00 - As Retirantes técnicas de dramaturgia cênico-musical. 20h00 -Synolo Ikétes 20h30 - Amímone Posteriormente, a cada estudante/ artista/ 20h30 - Roda de Fogo pesquisador foi solicitado que, a partir de suas 21h00 - HΦmens vivências e conhecimento, propusesse uma cena 21h00 - Synolo Ikétes de no mínimo 3 minutos, a partir do que foi 21h30 - Danaiade estudados e analisado nas aulas. Cada projeto foi 21h30 - Amímone discutido quanto às escolhas e possibilidades de sua realização. O que hoje se apresenta é o resultado dessas discussões. Instalações, Sábado, 28 de Agosto de 2010. performances, jogos cenico-musicias, video- 16h00 - Invocações 16h30 - Invocações 09
  • 9. Trajetória “X” - Foto: Divulgação/VIOLES/SER/UnB PROGRAMAÇÃO Orientação: Cyntia Carla. Elenco: Adni Rocha, Mari Massi, João Gabriel, de 20 a 29 de Agosto de 2010 Lorena Aloli, Angelina Coutinho, Luciano Czar, Dimas Caltagironi, Paulo Gomes, Luana Tiomi, Sexta-Feira, 20 de Agosto de 2010 Izabela Parise, Wellington Oliveira, Kamilla Nunes, Pedro Ribeiro e Fred Chaves. 18h Classificação: Livre. Espetáculo Local: BSS-59 – 40 pessoas. FALANDO NISSO – COMÉDIA STAND UP - [60min] 21h Sinopse: Comediantes dividem com o público Espetáculo seus medos, dúvidas e reflexões sobre o TRAJETÓRIA “X” - [60min] mundo. Sinopse: Trajetória “X” coloca em cena as Elenco: Diego Borges, Hugo Veiga e Plínio diversas trajetórias sociais de crianças, Perrú. adolescentes e jovens que se encontra em Classificação: 18 anos. situação de exploração sexual, em pleno Local: BSS-59 – 40 Pessoas. centro da capital brasileira. Baseada na pesquisa “A Trajetória Social de Crianças e Adolescentes em Situação de Exploração Sexual na Rodoviária e Setor Comercial Sul” (Brasília, 2008/2009), coordenada pela Profª Dra. Maria Lúcia Leal/UnB. Disciplina: Laboratório Interdisciplinar de Investigação e Ação Artística – LIIAA. Direção: Fernando Villar. Assistência de Direção: Júlia do Vale. Elenco: Ana Paula Monteiro, Angélica Beatriz, Júlia do Vale, Pedro Lima e Rafael Tursi. Projeção: Adni Rocha e Mariana Borges. Falando Nisso - Foto: Isaac Fausto Operação de Luz: Diego Borges. Operação de Som: Rita Cruz. 19h Classificação: 14 anos. Espetáculo Local: Teatro Helena Barcellos – 100 pessoas. EU AMO COMÉDIA ROMÂNTICA - [40min] Sinopse: Último episódio da saga romântica da palhaça Savana pelos corredores do CEN. Sábado, 21 de Agosto de 2010 Elenco: Karinne Ribeiro. Classificação: Livre. 16h30 Local: BSS-51 – 40 Pessoas. Espetáculo KAEL KANTA KAYTANO - [100min] 20h Sinopse: Jacob and Frends viajam por Exercício universos perpendiculares e descobrem seres O QUE VOCÊ FOI QUANDO ERA CRIANÇA? normais, andrógenos como Kaytanos que - [60min] cantam eletro-domésticos. Entre nessa Local Sinopse: O circo acabou, as personagens não você também. procuram mais diversão, buscam a si próprias Direção: Jacob and Friends. e há o momento em que, sem aviso, se Elenco: Fernanda Jacob, João Gabriel, perderão dos seus sonhos. Karinne Ribeiro, Kael Studart, Diego Borges e Disciplina: Interpretação Teatral 3 – Turma B. 10
  • 10. Tiago Medeiros. Sinopse: Tem? Classificação: Livre. Disciplina: Interpretação e Montagem Local: BSS-59 – 40 Pessoas. Orientador: Cecília Borges Elenco: Albert Carneiro, Alonso Bento, Barbara 19h Sant´Anna, Caroline Moraes, Isabela Exercício Monterissi, Lívia Fernandez, Tamara Menezes FAZER O QUÊ? - [40min] e Victor Medeiros. Sinopse: Exercício de improvisação utilizando Classificação: 14 anos. a técnica “teatro esporte”. O público diz o que Local: Teatro Helena Barcellos - 100 Pessoas. fazer, nós faremos, fazer o quê? Direção e Elenco: João Victor Morgado e Hugo Segunda-Feira, 23 de Agosto de 2010 Veiga. Classificação: 12 anos. Local: BSS-51 – 40 pessoas. 20h Espetáculo CON(FAKE)RÊNCIA DO LABORATÓRIO DE PERFORMANCE E TEATRO DO VAZIO - [60min] Sinopse: Palestra feita diante um público sobre diferentes questões literárias, religiosas, cientificas, políticas, teatrais, performáticas e armatetônicas. Entrevista coletiva/ Ação ou efeito de conferir, cotejar. Disciplina: Projeto de Extensão. Orientador: Simone Reis, Giselle Rodrigues e Cyntia Carla. Elenco: Felipe Fernandes, Haila Beatriz, Luara Learth, Mariana Neiva, Natasha Padilha e Paulo Victor Gandra. Classificação: 16 anos. Local: BSS-59 – 40 Pessoas. A Geladeira - Foto: Divulgação 11h Exercício A GELADEIRA - [60min] Sinopse: Uma peça extremamente conservadora. Disciplina: Interpretação Teatral 3 – Turma A. Orientador: Alice Stefânia. Elenco: Marley Ferreira, Marcos Davi, Andrea Macedo, Clarissa Portugal, Haila Beatriz, Júlia Porto, Paulo Victor Gandra, Pedro Lima, Lucas Gomes, Mariana Neiva, Natasha Padilha, Nitiel Fernandes, Pamela Alves, Tatiana Bevilacqua, Luciana Alípaz, Anderson Vargas e Natália Con(fake)rência - Foto: Divulgação Vinhal. 21h Classificação: 16 anos. Espetáculo Local: BSS-51 – 40 pessoas. TRAJETÓRIA “X” - [60min] Local: Teatro Helena Barcellos – 100 Pessoas. 12h Exercício SUÍTE HUUUMMM... - [60min] Domingo, 22 de Agosto de 2010 Sinopse: Um homem é interrogado. Uma família faz uma refeição. Esses são os motes 19h de uma livre criação. Ensaio Aberto Disciplina: Prática de Montagem. TEM AGUÉNS AÍ? - [60min] Orientação: Simone Reis. 11
  • 11. Elenco: Rita Cruz, Cleide Mendes, Caio Lins, Fernanda Alpino, Luara Learth, Bernardo 19h30 Cortes, Diego Borges, Hugo Veiga, Camila Exercício Paula, Wilson Granja e Eros Bittencourt. A GELADEIRA - [60min] Classificação: Livre. Local: BSS-51 – 40 pessoas. Local: BSS-59 – 40 Pessoas. 20h30 14h Ensaio Aberto Exercício NÓDOAS – UM ATO A QUATRO MÃOS - O GATO, UM PINTASSILGO E AS [30min] ESTRELAS - [120min] Disciplina: Direção1 Sinopse: Exercício de produção de sentido por Orientação: Cristiane Sobral. meio da voz e da palavra em performance, a Direção: Daniel Costa, Deise Barros e Claus partir de uma narrativa de Luigi Pirandello. Um Guerra. narrador indaga acerca das relações entre o Elenco: Daniel Costa, Deise Barros, Claus cosmo e o cotidiano de uma vila, deflagrando a Guerra e Marco Aurélio. ignorância humana. Serão 12 apresentações Classificação: Livre. de 10 minutos cada. Local B1-51 – 40 pessoas. Disciplina: Voz e a Palavra na Performance Teatral Contemporânea I. 21h Orientação: César Lignelli. Exercício Elenco: Ana Paula Andrade, Ana Regina Néri, O QUE VOCÊ FOI QUANDO ERA CRIANÇA? Andrea Macedo, Bernardo Cortes, Clarissa - [60min] Pimentel, Haila Beatriz, Hugo Veiga, Julia Local: BSS-59 – 40 pessoas. Porto, Luiz Ferreira, Mariana Neiva, Maria Schramm, Mateus Ciucci, Maysa Carvalho, Natasha Padilha, Nina Dutra, Paulo Gomes, Nitiel Fernandes, Paulo Victor Gandra, Pedro Lima, Stephanie Marques, Tatiana Bevilacqua, Tiago Mundin, Tuanny Araújo, Victor Abrão e Wellington Oliveira. Classificação: Livre. Local: BSS-59 – 40 Pessoas. 17h30 Exercício A BAGATELA - [90min] Sinopse: Exercícios baseados na Obra A Bagatela, de Susan Glaspell. Disciplina: Interpretação Teatral 2. O que Você foi Quando era Criança? - Foto: Diogo Cerrado Orientação: Bidô Galvão. Elenco: Dione Lima, Filipe Daniel, Anahi Terça-Feira, 24 de Agosto de 2010 Nogueira, Carolina Huff, Clarice Cesar, Eric da Costa, Isabella Pina, Júlia Rizzo, Kalil Alencar, 8h Lorena Pires, Luciana Matias, Malena Bonfim, Exercício Renato Miguel, Thaysa Taguatinga, Maysa SISTEMAS - [60min] Carvalho, Rebeca Castelo Branco e Solange Sinopse: Exercícios baseados nos sistemas do de Souza. corpo humano. Classificação: 14 anos. Disciplina: Movimento e Linguagem 2. Local: BSS-59 – 40 Pessoas. Orientação: Soraia Silva. Elenco: Felipe Daniel, Thays Rosa, Anahi 19h Nogueira, Clarisse Dias, Eric Silva, Isabella Exercício Pina, Isadora Diniz, João Victor Ferreira, Júlia OS MALES DO TABACO - [20min] Rizzo, Lorena Pires, Luciana Matias, Luísa Sinopse: Num evento de caridade num Hesketh, Malena Bonfim, Renato Miguel, Tainá voluntário faz uma palestra sobre os males do Baldez, Tiago Mundin, Anderson Vargas, tabaco. Texto de Anthon Tchekhov. Rebeca Castelo Branco e Taynara de Souza. Direção e Atuação: Hugo Veiga. Classificação: Livre. Classificação: Livre. Local: B1-51 – 40 Pessoas. Local: BT-34 – 20 Pessoas. 12
  • 12. 11h Assistente de Cenografia: Lorena Bastos. Espetáculo Duração: Retornello [Tempo total: 180min]. A CLAUDINHA ESTÁ LÁ FORA - [45min] Local: BT-34. Disciplina: Direção 1. Orientação: Cecília Borges. 14h30 Direção: Tamara Menezes. ALTAR PODE MAIS QUE TORRE - [04min] Elenco: Luíz Felipe Fereira e Elisa Carneiro. Sinopse: Projeção de vídeo-dança baseado no Classificação: Livre. mito das Danaiades e texto As Suplicantes, de Local: BSS-51. Ésquilo, que pesquisa a dança contemporânea como linguagem voltada para a câmera. 12h Disciplina: Criação e Realização Artística. Exercício Orientação: Marcus Mota. VÔA VÔA ATELIÊ - [60min] Direção e Elenco: Lina Frazão. Sinopse: Resultado do trabalho desenvolvido a Imagens e Edição: Flávio Franco. partir dos textos de Valere Novarina, estudos Contra-regra: Lívia Frazão. acerca da performance e do pós-dramático. Tempo total de repetição: 180min. Disciplina: Interpretação Teatral 4. Local: Hall do CACEN. Orientação: Simone Reis. Elenco: Pedro Mesquita, Kael Studart, 15h Fernanda Jacob, Karinne Ribeiro, Mariana Exercício Brites, Barbara Sant´Anna, Victor Abrão, Érica DANAIADES 2010 - [10min] Rodrigues, Raíssa Bernd, Stephanie Marques, Sinopse: Imagens sonoro-visuais inspiradas no Rodrigo Oliveira, Luiza Ribeiro, Gustavo mito das Danaiades e nas mulheres Xavier, Mary Leoni, Tuanny Araújo, Julia contemporâneas que assassinaram seus Gunesh e Naira Carneiro. companheiros. Classificação: Livre. Disciplina: Criação e Realização Artística. Local: BSS 59 – 40 Pessoas. Orientação: Marcus Mota. Direção e Elenco: Laura Moreira. 13h Direção Musical e Baixo Acústico: Paula Exercício Zimbres. OS MALES DO TABACO - [20min] Direção de Arte: Sylvana Lobo. Local: BSS-51 – 40 Pessoas. Direção de Vídeo: Carlos Praudi. Local: BSS-59 – 40 pessoas. 13h30 Palestra 15h30 PROJETO AS DANAIDES - [60min] Exercício Sinopse: Palestra que visa explicar o mito das DANAIADES 2010 - [10min] Danaiades, que será apresentado em forma de Local: BSS-59 – 40 pessoas. instalação, vídeo-dança e outras performances ao longo do Cometa Cenas, pelos alunos da 17h30 Pós-Graduação. Em todas as apresentações: A MENOR MULHER DO MUNDO - [45min] Orientação: Marcus Mota. Apoio Técnico: Sinopse: A narrativa de Clarice Lispector Rafael Tursi. apresenta a expedição de um pesquisador Disciplina: Criação e Realização Artística francês que, na África Equatorial, topou com a Palestrante: Marcus Mota. tribo dos menores pigmeus mundo. Esse Classificação: 14 anos. contato, ao ser relatado nos jornais, promove Local: B1-17 – 40 Pessoas. uma série de reflexões nos diferentes lares que chega. 14h30 Disciplina: A Palavra em Performance. Exercício Orientação: Fernando Martins. POROS SENSORIAIS Classificação: 12 anos. Sinopse: Instalação Performance que Local: B1-59 - 40 Pessoas. proporciona percorrer o caminho das Danaiades, permeando os sentidos e 18h30 aguçando seus poros sinestésicos. Exercício Disciplina: Criação e Realização Artística. OS MALES DO TABACO - [20min] Orientação: Marcus Mota. Local: BSS-59 – 40 Pessoas. Direção, Concepção e Elenco: Angélica Souza. Técnico de Som: Glauco Maciel. 19h Operação de Som: Júlia do Vale. Exercício 13
  • 13. Quadro de Apresentações – 50º COMETA CENAS – 20 de Agosto a 05 de Setembro SEX - 20 SÁB - 21 DOM - 22 SEG - 23 TER - 24 QUA - 25 QUI - 26 SEX - 27 SÁB - 28 DOM - 29 8h Sistemas Sistemas Experiência do 9h Movimento 9h30 10h Construindo a 10h30 Cena A Geladeira A Claudinha está Tem Alguéns Aí? 11h lá Fora A Claudinha está 11h30 lá Fora 12h Suite Huuummm Vôa Vôa Ateliê Suite Huuummm 12h30 Fazer o Quê? Os Males do Uma Mulher 13h Tabaco As Danaiades - Uma Mulher 13h30 Palestra O Gato, Um Mãos de Eurídice ABC do Tradição¿ Tradição¿ Pintassilgo e as Preguiçoso 14h Estrelas Poros Sensoriais As Danadas / Altar Pode Mais 14h30 que Torre Danaiade 2010 O Gato, Um LATA Pintassilgo e as 15h Estrelas 15h30 Danaiade 2010 50 ParesdeOlhos 16h Invocações Kael Kanta Invocações 16h30 Kaytano Mãos de Eurídice Dois Mamíferos O Pedido de O Pedido de 17h Fugitivos Casamento Casamento A Bagatela A Menor Mulher 17h30 do Mundo Falando Nisso – Refúgio Refúgio A Menor Mulher Abstrato, o que é 18h Stand Up do Mundo Isso? Os Males do A Bagatela 18h30 Tabaco Eu Amo Comédia Fazer o Quê? Tem Alguéns Aí? Os Males do Fazer o Quê? Danaiade Abstrato, o que é Teatro de Abstrato, o que é 19h Romântica Tabaco Isso? Mentira Isso? 19h30 A Geladeira Invocações O que Você foi Con(fake)rência Vôa Vôa Ateliê Os Males do As Retirantes A Porca faz Anos A Porca faz Anos A Porca faz Anos Quando era Tabaco / 20h Criança? Sýnolo Ikétes Nódoas Nódoas Amímone / 20h30 Roda de Fogo Trajetória X Trajetória X O que Você foi O que Você foi Kika H(|)mens O espetáculo A Porca faz Anos Quando era Quando era / também se apresenta dias 04, 05 e 21h Criança? Criança? Sýnolo Ikétes 06/09, às 20h Corta, Costura e Danaiade Dança / 21h30 Amímone 14 15
  • 14. FAZER O QUÊ? - [40min] Direção e Atuação: Renato Machado. Local: BSS-59 – 40 pessoas. Classificação: 15 anos. Local: BSS-51 – 40 Pessoas. 20h Exercício 15h VÔA VÔA ATELIÊ - [60min] Exercício Local: BSS-51 – 40 Pessoas. O GATO, UM PINTASSILGO E AS ESTRELAS - [120min] 21h Local: BSS-59 – 40 Pessoas. Exercício O QUE VOCÊ FOI QUANDO ERA CRIANÇA? 17h - [60min] Ensaio Aberto Local: BSS-59 – 40 pessoas MÃOS DE EURÍDICE - [50min] Local: BSS-51 – 40 Pessoas. Quarta-Feira, 25 de Agosto de 2010 18h 10h30 Espetáculo Exercício REFÚGIO - [30min] CONSTRUINDO A CENA - [90min] Sinopse: Não existem surpresas na vida. Sinopse: Trabalho final da disciplina. Então, nada como um bom sonho. É isso que Disciplina: Interpretação Teatral 1. não nos deixa loucos, o sonho, o único lugar Orientação: Giselle Rodrigues. onde podemos nos esconder da realidade. Elenco: Amanda Greco, Ana Quintas, Izabele Disciplina: Direção 1. Pimenta, Karen Monteiro, Alexandra Dutra, Orientação: Cecília Borges. Denver Neander , Francisco Filho, Guilherme Texto e Direção: Diego Borges. Zaiden, Jéssica Freitas, Jessica Grehs, Elenco: Isabela Monterissi. Marcela Picanço, Douglas Meneses, Giselle Classificação: 12 anos. Ando, Júlia Lino, Lidiane Carvalho, Lucas Local: Depósito do Teatro – 10 Pessoas. Carvalho, Pricila Leite e Thamires Borges. Classificação: Livre. 18h30 Local: BSS-51 – 40 Pessoas. Exercício A BAGATELA - [90min] 12h Local: BSS-59 – 40 Pessoas. Exercício SUÍTE HUUUMMM... - [60min] 20h Local: BSS-59 – 40 Pessoas. Exercício OS MALES DO TABACO - [20min] 13h Local: BSS-51 – 40 Pessoas. Exercício UMA MULHER - [07min] 20h30 Sinopse: Performance ritualística baseada no Ensaio Aberto mito das Danaiades, focando na relação NÓDOAS – UM ATO A QUATRO MÃOS - simbólica entre as bodas e a morte. [30min] Disciplina: Criação e Realização Artística. Local B1-51. Orientação: Marcus Mota. Direção, Concepção e Elenco: Júlia do Vale. 21h Operação de Som e Luz: Angélica Souza. Exercício Local: BT-34 – 15 Pessoas. KIKA - [20min] Direção: Cleide Mendes. 13h30 Elenco: Bárbara Firmiano, Cleide Mendes e Exercício Rita Cruz. UMA MULHER - [07min] Iluminação e Montagem: Rita Cruz Local: BT-34 – 15 Pessoas. Classificação: 14 anos. Local: BSS-59 – 40 pessoas. 14h Ensaio Aberto 21h30 MÃOS DE EURÍDICE - [50min] Exercício Sinopse: Conta a história de um esposo que CORTA, COSTURA E DANÇA! - [30min] abandona a família em nome de uma aventura Sinopse: Exercício de construção coreográfica e volta arrependido. coletiva inspirada em poemas. 16
  • 15. Disciplina: Movimento e Linguagem 3. Sinopse: Dois palhaços realizam uma Orientação: Soraia Silva. abordagem tragicômica da temática abordada Elenco: Jaqueline Ribeiro, Pedro Ribeiro, na tragédia As Suplicantes, de Ésquilo. Nela Wellington Oliveira, Luana Tiomi, Júlia Mauro, você encontra atores, palhaços, personagens, Raísa Pamplona, Luciano Czar, Ana Regina mito, enredo, estória, gracejo, música, Neri, Laís Bini e Paulo Gomes. improviso, platéia, risos, engasgos e Classificação: Livre. respiração - tudo em prol da criação. Local: BSS-51. Disciplina: Criação e Realização Artística. Orientação: Marcus Mota. Direção: Denis Camargo. Quinta-Feira, 26 de Agosto de 2010 Elenco: Ana Luiza Bellacosta (Palhaça Gelatina) e Gustavo Reinecken (Dr. 8h Sausichão). Exercício Classificação: 10 anos. SISTEMAS - [60min] Local: BSS-51 – 40 Pessoas. Local: B1-51 – 40 Pessoas. 15h30 9h 50 Pares De Olhos - [10min] Exercício Concepção, dramaturgia e atuação: Simone EXPERIÊNCIA DO MOVIMENTO - [90min] Marcelo. Sinopse: Trabalho final da disciplina. Disciplina: Criação e Realização Artística. Disciplina: Movimento e Linguagem 1. Orientação: Marcus Mota. Orientação: Giselle Rodrigues. Classificação: 12 anos. Elenco: Amanda Greco, Ana Quintas, Isabele Local: BSS-51 - 40 Pessoas. Pimenta, Karen Monteiro, Alexandra Caldas, Bruno Lehx, Denver Neander, Francisco Filho, 17h Guilherme Zaiden, Jessica Grehs, Jéssica Ensaio Aberto Freitas, Marcela Picanço, Douglas Menezes, DOIS MAMÍFEROS FUGITIVOS DE UM Giselle Ando, Júlia Lino, Lidianne Carvalho, [AQUÁRIO] ALADO - [60min] Lucas Carvalho, Pricila Leite, Thamires Sinopse: Atenção! Este é um espetáculo Borges, Raquel Varjão, Rosa Schrann, Gu Ying (infl)amável. Ao assisti-lo você estará correndo e Lorena Oliveira. (em) riscos. E lembre-se: você não possui Classificação: Livre. nada. Dois atores tentam se suicidar em cena. Local: BSS-51 – 40 Pessoas. Algo dá errado em seus planos e então embarcam em uma justa-posição de situações 11h30 que confundem suas indignações, biografias, Espetáculo memórias, vida real e delírios. A CLAUDINHA ESTÁ LÁ FORA - [45min] Direção: Paulo Victor Gandra e Natasha Local: BSS-51 – 40 pessoas. Padilha. Elenco: Paulo Victor Gandra, Natasha Padilha, Mariana Neiva e Maysa Carvalho. 12h30 Som e Luz: Tiago Medeiros. Exercício Classificação: 16 anos. FAZER O QUÊ? - [40min] Local: BSS-59 – 40 Pessoas. Local: B1-51 – 40 pessoas. 14h Ensaio Aberto ABC DO PREGUIÇOSO - [30min] Sinopse: Canção de Xangai - conta da preguiça de um matuto que passa a vida sentado e deitado numa rede. Direção: Renato Machado. Elenco: Renato Machado e Leonardo Moreira. Classificação: 18 anos. Local: BSS-59 – 40 Pessoas. 14h30 Exercício Dois Mamíferos Fugitivos de um [Aquário] Alado - Foto: Divulgação AS DANADAS - [10min] 17
  • 16. 18h Exercício Espetáculo SÝNOLO IKÉTES (JOGO DAS REFÚGIO - [30min] SUPLICANTES) – Improviso Holofractal Local: Depósito do Teatro – 10 Pessoas. nº12 - [03 a 30min] Sinopse: A performance, de comprovisação em 19h módulos, coloca em jogo os conflitos entre o Exercício poder masculino e feminino, representando em DANAIADE - [20min] microescala os grandes conflitos sociais, Sinopse: Uma performance sobre a violência e políticos, econômicos e ecológicos. o casamento. Inspirada na tragédia grega As Disciplina: Criação e Realização Artística. Suplicantes, de Ésquilo. Orientação: Marcus Mota. Disciplina: Criação e Realização Artística. Concepção e Direção: Eufrasio Prates. Orientação: Marcus Mota. Direção Coreográfica: Cínthia Nepomuceno. Direção e Sonoplastia: Samuel Cerkvenik. Cenografia: Renata Homem e Alex Sales. Elenco: Anamaria Otto e Paulo Gomes. Figurino e Maquiagem: Renata Homem, Direção de Vídeo: Roustang Carrilho e Samuel Clarice Cabral, Stephane Paula e Laura Cerkvenik. Muradi. Cenografia: Samuel Cerkvenik, Anamaria Otto Compositores convidados: André Gonçalves e Paulo Gomes. (soundscapes) e Marcus Mota (vozes em Dramaturgia: Samuel Cerkvenik e Anamaria grego). Otto. Músicos: Alex Sales e Eufrasio Prates Local: BT-34 – 15 Pessoas. (processamento digital ao vivo), Kai Kundrat (percussão), Masri Mazika (derbak), Geovane 19h20 Santoli e Laura Murai (canto). Exercício Elenco: Masri Mazika, Geovane Santoli, INVOCAÇÕES - [17min] Stephane Paula, Clarice Cabral, Laura Muradi Sinopse: Montagem com dança e música e Larissa Leite. inspirada no mito das Danaiades. Local: B1-59 – 40 pessoas. Disciplina: Criação e Realização Artística. Orientação: Marcus Mota. 20h30 Direção e Trilha Musical: Geraldo Martins Exercício Elenco: Gigliola Mendes e Géssica Fernandes. AMÍMONE - [10min] Cenografia e Contra-Baixo: André Sampaio. Sinopse: Mulher em busca de água Maquiagem e Figurino: Giselle Vilela. éperseguida e agredida. Durante a luta, a Local: BSS-59 – 40 pessoas. mulher consegue matar seu agressor. Ritualísticamente ela se entrega à dor e ao 19h40 prazer envolvendo-se em sangue. Exercício Disciplina: Criação e Realização Artística. INVOCAÇÕES - [17min] Orientação: Marcus Mota. Local: BSS-59 – 40 pessoas. Direção: Samir Andreoli. Elenco: Júlia e Samir Andreoli. 20h Local: Sala BSS-59. Exercício AS RETIRANTES - [12min] 20h30 Sinopse: O senhor de engenho, Salustiano, Exercício tinha três filhos e queria que as três filhas (as RODA DO FOGO: UM GIRO DA GRÉCIA AO retirantes) do cortador de cana, Bastião, se COCO - [10min] casassem com seus filhos. Inconformado com Sinopse: A performance busca evidenciar o a sina das filhas, Bastião foge para o sertão. conflito que vive Hipermnestra durante o precisamente para Juazeiro do Norte-CE, para casamento com Linceu, se ela o mata até a pedir proteção divina ao Padim Ciço. noite de núpcias, pedindo ajuda da deusa Disciplina: Criação e Realização Artística. Ártemis nordestina, ou se ela se entrega ao Orientação: Marcus Mota. fogo da paixão, com a inspiração da deusa Direção: Senhor Q (Francisco Ferreira). Afrodite grega. Elenco: Aglai Bento, Bianca Siqueira, Maria Disciplina: Criação e Realização Artística. Izabel e Wesley Derting. Orientação: Marcus Mota. Figurino e Cenografia: Senhor Q e Aglai Bento. Direção: Clarisse Cabral Local: BSS-51 – 40 pessoas. Elenco: Eufrásio Prates, Laura Murai e Grupo Martinha do Coco. Participação Especial: 20h Grupo Sol da Meia Noite. 18
  • 17. Local: B1-51. 15h LABORATÓRIO DE TEATRO E FORMAS 21h ANIMADAS - LATA - [120min] Exercício Sinopse: Lançamento da Revista e DVD do HΦMENS - [10min] PROEXT. Sinopse: Trecho coreográfico inspirado na Orientação: Izabela Brochado. imagem das relações da mulher com o Elenco: Equipe LATA. sangue. Criação a partir de textos de Michel Classificação: Livre. Foucault e da peça As Suplicantes, de Ésquilo. Local: Hall do CACEN. Disciplina: Criação e Realização Artística. Orientação: Marcus Mota. 17h Concepção e Direção Geral: Cínthia Ensaio Aberto Nepomuceno. O PEDIDO DE CASAMENTO - [60min] Assistência de Direção: Laura Diniz. Sinopse: O vizinho chega à casa do fazendeiro Consultor Musical: Eufrásio Prates. para pedir a mão da filha em casamento. Mas Elenco: Daniela Quínamo, Luíza Brasileiro, desavenças entre as posses das duas famílias Inês Vargas, Gamila, Norma Moreno, Laura dificultarão seu pedido. Diniz, Kaya Veloso, Karla Machado, Déborah Disciplina: Direção 1. Soares, Fernanda Fagundes, Patrícia Oliveira Orientação: Cecília Borges. e Letícia Watanabe. Direção: Caio Lins e Bernardo Cortes. Local: BSS-51 – 40 pessoas. Elenco: Natasha Padilha, Paulo Victor Gandra e Wilson Granja. 21h Classificação: Livre. Exercício Local: BSS-59 – 40 Pessoas. SÝNOLO IKÉTES (JOGO DAS SUPLICANTES) – Improviso Holofractal 18h nº12 - [03 a 30min] Exercício Local: B1-59 – 40 pessoas. A MENOR MULHER DO MUNDO - [45min] Local: B1-59 - 40 pessoas. 21h30 Exercício 19h DANAIADE - [20min] Espetáculo Local: BT-34 – 15 pessoas. ABSTRATO, O QUE É ISSO?! - [60min] Sinopse: Divertido jogo onde a platéia decide a 21h30 trilha sonora e é convidada a contemplar e/ou Exercício questionar a arte, e o que é ela. Claro que não AMÍMONE - [10min] nos contentaremos com a resposta do Sr. Local: Sala BSS-59. Google! Orientação: Carlos Fernírah. Elenco: Bruno Lehx. Sexta-Feira, 27 de Agosto de 2010 Classificação: 12 anos. Local: BSS-51 – 40 Pessoas. 11h Ensaio Aberto TEM AGUÉNS AÍ? - [60min] Local: BSS-59 – 40 Pessoas. 14h Espetáculo TRADIÇÃO¿ - [60min] Disciplina: Curso de Extensão da Faculdade Dulcina de Morais. Abstrato, o que é Isoo? - Foto: Carlos Fernirah Orientação: Silvia Paes. Elenco: Izabele Pimenta, Luiz Shauch, Wilson, 20h Julio Wetzel, Helena Sorrah, Nazaré Vieira, Espetáculo Nadic Branisso, Camille, Karol Oliveira e A PORCA FAZ ANOS - [100min] Cleiton Jesus. Sinopse: Numa cidade fictícia, cinco Classificação: Livre. candidatos disputam a presidência da Local: B1-51 – 40 Pessoas. República, em clima de romance, intriga, discursos e muita música. 19
  • 18. Disciplina: Diplomação em Interpretação Espetáculo Teatral. ABSTRATO, O QUE É ISSO?! - [60min] Orientação: Felícia Johansson. Local: BSS-51 – 40 Pessoas. Elenco: Mariana Mendes, Camila Guerra, Laura Diniz, Fábio Miranda, Fernando 20h Carvalho, Apolo, Kael Studart, Fernando Espetáculo Jacob, Karinne Ribeiro, Tiago Medeiros, Ana A PORCA FAZ ANOS - [100min] Monteiro e Pig Band. Local: Teatro Helena Barcellos – 100 Pessoas. Classificação: 12 anos. Local: Teatro Helena Barcellos - 100 pessoas. Terça, 31 de Agosto de 2010 Sábado, 28 de Agosto de 2010 16h Roda de Bate-Papo 14h COMETA CENAS - RUMOS - [120min] Espetáculo O que temos? O que queremos? Avaliação do TRADIÇÃO¿ - [60min] evento e rumos a seguir para as próximas Local: B1-51 – 40 Pessoas. edições. 16h Exercício Sexta, 03 de Setembro de 2010 INVOCAÇÕES - [17min] Local: BSS-51 – 40 Pessoas. 20h Espetáculo 16h30 A PORCA FAZ ANOS - [100min] Exercício Local: Teatro Helena Barcellos – 100 Pessoas. INVOCAÇÕES - [17min] Local: BSS-51 – 40 Pessoas. Sábado, 04 de Setembro de 2010 17h 20h Ensaio Aberto Espetáculo O PEDIDO DE CASAMENTO - [60min] A PORCA FAZ ANOS - [100min] Local: BSS-59 – 40 Pessoas. Local: Teatro Helena Barcellos – 100 Pessoas. 18h Domingo, 05 de Setembro de 2010 Espetáculo ABSTRATO, O QUE É ISSO?! - [60min] 20h Local: BSS-51 – 40 Pessoas. Espetáculo A PORCA FAZ ANOS - [100min] 19h Local: Teatro Helena Barcellos – 100 Pessoas. Mostra de Vídeo TEATRO DE MENTIRA – FAZ ANOS A PORCA - [60min] Sinopse: Mostra do documentário criado a partir do processo de montagem da peça A Porca Faz Anos, pelo Projeto de Diplomação 1º/2010. -------------------------------------------------------------- Orientação: Felícia Johansson. Classificação: Livre. Local: BSS-59 – 40 Pessoas. 20h Espetáculo A PORCA FAZ ANOS - [100min] Local: Teatro Helena Barcellos – 100 Pessoas. Domingo, 29 de Agosto de 2010 19h 20
  • 19. entrevista Letícia Medina Especial para o Cometa Cenas. Depoimento de Sulian Vieira Pacheco, S.V.: É. E ficava sempre delegado ao Professora do Departamento de Artes CA, e a gente se organizava de uma Cênicas e primeira coordenadora do maneira precária, mas era eficaz na PEAC Ação Contínua Cometa Cenas. época. Entrevista concedida no dia 19 de julho de 2010. C.C.: Eficaz para os alunos do Departamento de Artes Cênicas e para alunos de fora dele também? S.V.: Tinha uma intenção, a princípio nesse momento em que eu participei eu me lembro de algum grupo que trabalhava, que vinha se apresentar no cometa cenas. Foto: Letícia Medina C.C.: Mas sempre da UnB? S.V.: Não, eu me lembro na época que Cometa Cenas: Conte-me sobre o até aquele grupo, eu não sei se era A seu percurso histórico na UnB como Culpa da Mãe, hoje alguns deles são aluna e professora. Os Melhores do Mundo, mas eu me Sulian Vieira: Eu entrei em 1990 na lembro deles terem vindo se UnB, foi a segunda turma de apresentar. Na época, a professora bacharelado que ingressou. Concluí o Felícia também veio apresentar um bacharelado em 95. Enfim, nesses trabalho, ela não era professora ainda anos eu fui de CA; naquela época do quadro. Eu me lembro de algumas também organizava o cometa cenas e pessoas de fora do departamento que nós éramos poucos estudantes. Então, tinham um vinculo ou não que vinham os que frequentavam o curso se apresentar aqui. participavam da maioria dos projetos de extensão que eram desenvolvidos no departamento. Naquele momento, o C.C.: E a sua história no Cometa Cometa Cenas não era um projeto de Cenas. Você se lembra da sua extensão ainda, mas dependia muito primeira apresentação? do desejo dos estudantes. S.V.: Ah, me lembro. C.C.: Portanto havia um consenso C.C.: Qual foi? dos professores e alunos de S.V.: Eu me lembro de um trabalho que apresentar uns aos outros sempre? eu e uma amiga, a gente resolveu fazer fora de disciplinas, enfim, acho que 21
  • 20. todo mundo tem muito desejo, muita extensão a gente pensou muito ansiedade por se apresentar. também na experiência que os estudantes do departamento teriam numa empreitada de produção. Porque C.C.: Não necessariamente não existe nenhuma disciplina no vinculada a uma disciplina, certo? departamento que se dedique a esse S.V.: É. E naquela época, na verdade tema especificamente. Não quer dizer circulavam poucos trabalhos, poucos que o Cometa Cenas supra todas as estudantes no departamento, então necessidades da área de produção em acho que tinha mais espaço. Mas você teatro, mas acredito que seja uma estava me falando da minha trajetória experiência grupal aonde estudantes na UnB e no Cometa Cenas, né? Fora de muitos semestres que não da UnB eu fiz mestrado entre 1998 e necessariamente tenham de ser 1999. Em 2002, eu ingressei como colegas de sala de aula possam fazer professora do quadro na área de Voz e alguma coisa juntos e já se depararem Performance. E aí foi que, em um com as necessidades de dialogo, de determinado momento, eu assumi o consenso grupal para a realização de Cometa Cenas como um Projeto de um objetivo comum. Esse foi um ponto Extensão. muito interessante que a gente chegou junto. Não sei exatamente como está hoje, se C.C.: Quem estava com você nessa as pessoas que continuaram seguiram empreitada de organizar o Cometa algumas direções que nós delineamos Cenas como uma atividade de a partir da quadragésima edição do extensão da Universidade? cometa cenas. Mas a idéia era que, a S.V.: Existiram tentativas, né? Enfim, partir de uma determinada estrutura, aumentou o numero de trabalhos, e a que as pessoas vão cada vez organização cada vez mais complexa. melhorando. Deve estar existindo uma Aí a gente entendeu, o departamento colaboração de cada grupo para o de uma maneira geral, que a gente desenvolvimento de uma logística do precisava se comunicar melhor e evento ao longo do tempo. precisava ter um trabalho constante, porque afinal de conta, era uma atividade que se repetia todo semestre. C.C.: Você participou ou dirigiu Para quê ficar inventando a roda todo alguma das peças, certo? Qual ou semestre e pensar num jeito de realizar quais foram as mais marcantes? as inscrições e dividir as pessoas nos S.V.: Os projetos de Introdução à espaços? Começaram a surgir outras Direção que já naquela época eram demandas técnicas também, de marcantes. Você tem que assumir um iluminação, e ficou mais complicado. lugar de discurso, foi uma experiência E a gente resolveu ampliar o trabalho extremamente importante dentro dessa como um projeto de extensão, que na relação com a platéia. Quem sou eu, verdade corresponde também a uma eu que estava realmente querendo demanda acadêmica, faz parte da falar sobre um determinado tema em nossa necessidade, como um curso de relação a uma determinada platéia. E teatro, apresentar as nossas produções depois, a experiência se remete a ao público. Seria ótimo fazer desta atuação porque mesmo não dirigindo atividade uma atividade de extensão eu assumo um discurso, e para mim foi [...]. importante. Quando nós idealizamos o projeto de 22
  • 21. C.C.: Qual o nome da apresentação que você dirigiu? S.V.: Até então não era tão badalado, mas era Valsa número 6. C.C.: Quem estava no elenco? S.V.: Magda Brandão e Gisele Rosa. C.C.: Você também pôde reavaliar a própria atuação como atriz? S.V.: Sim, era bem claro esse objetivo na disciplina que o professor João Antônio ministrava. Pessoas que estavam estudando teatro como atores tendo uma experiência de direção, se colocando nesse outro lugar [...]. C.C.: Dentro dos 25 anos do Cometa, o quanto o ele contribuiu para o fazer artístico de Brasília ? S.V.: Acho que é um momento interessante de contato, eu tenho a impressão que muitas pessoas, além dos parentes dos estudantes circulam pelo departamento. A gente não fez nenhum tipo de pesquisa específica nesse sentido. Mas eu acredito que talvez seja uma atividade já presente, pelo menos era o desejo da gente quando o transformamos num projeto de ação contínua, que o Cometa Cenas fizesse parte de alguma maneira do calendário da cidade, que isso fosse divulgado de uma maneira mais intensa. 23
  • 22. - diplomacao - - em interpretacao teatral - ‘Carro-Chefe’ das apresentações do COMETA CENAS, o projeto de diplomação é a apresentação mais esperada pelo público. De acordo com a ementa do curso, ele prevê a atuação em uma montagem teatral escolhida pelo aluno, a qual será acompanhada de um estudo critico-teorico. Os projetos de montagem e de estudo critico serão desenvolvidos sob a supervisão de um professor orientador. PROJETO DE DIPLOMAÇÃO 1º/2010 Confira quais foram os últimos dez Projetos de Diplomação em Interpretação Teatral. A PORCA FAZ ANOS - [100min] 2º/2006 Sinopse: Numa cidade fictícia, cinco Páginas Amarelas candidatos disputam a presidência da Orientação: Kênia Dias República, em clima de romance, intriga, discursos e muita música. 3 das 1001 Orientação: Hugo Rodas Orientação: Felícia Johansson. Elenco: Mariana Mendes, Camila Guerra, Laura Diniz, Fábio Miranda, Fernando 1º/2007 Carvalho, Apolo, Kael Studart, Fernando Por Debaixo do Tapete Jacob, Karinne Ribeiro, Tiago Medeiros, Ana Orientação: Hugo Rodas Monteiro e Pig Band. De 27/08/10 a 05/09/10 (Sex a Dom 20h). (Des)Esperar Local: Teatro Helena Barcellos. Orientação: Felícia Johansson Classificação: 12 anos. Solteira, Casada, Viúva, Divorciada Orientação: Rose Gonçalves 2º/2007 Dorotéia Orientação: Hugo Rodas 1º/2008 Ópera de Três Vinténs Orientação: Hugo Rodas 2º/2008 Coração Partido Orientação: Fernando Villar 1º/2009 Macufagia Orientação: Hugo Rodas 2º/2009 Travas Orientação: Fernando Villar 24 A Porca faz Anos - Foto: Divulgação
  • 23. entrevista Letícia Medina Especial para o Cometa Cenas. Depoimento de Fernando Martins, TUCAN, e houve um intento da Professor do Departamento de Artes coordenação - que na época quem Cênicas e ex-bolsista do PEAC Cometa estava coordenando era a professora Cenas. Entrevista concedida no dia 19 Sulian Vieira - de estabelecer um grupo de julho de 2010. onde fosse possível trabalhar a produção do Cometa Cenas. E houve uma junção de oito alunos na época, onde eu fiquei por três anos consecutivos, e esses estudantes começaram a pensar o que seria possível fazer. C.C.: Após a formação do Projeto de Foto: Letícia Medina Extensão, como funcionava a logística? Cometa Cenas: Conte seu percurso F.M.: No início era só pensar, se a histórico na UnB como aluno e gente queria fazer do Cometa Cenas Professor. um Festival de teatro. Se nós Fernando Martins: Eu entrei na UnB queríamos fazer um Festival de teatro a para Educação Artística em 2002. E em gente pensava se cabia pensar dessa 2003 para 2004 não existia forma com exercícios de vários níveis representação do CA. Em 2004, eu e do curso de formação... Então a gente mais três amigos assumimos o CA, disse não, não é um Festival de teatro. mas depois de 2 anos eu me retirei do Tem que ser uma Mostra de Teatro que para assumir, como bolsista o projeto comportaria tanto peças que fossem TUCAN, Teatro Universitário finalizadas numa disciplina quanto Candango. Nele eu fiquei cerca de um exercícios, palestras, mesas redondas ano e meio. E aí, eu me graduei em [...]. Então, era um espaço de 2007 e em 2008 eu ingressei no circulação de experiências. mestrado e já em 2010 eu fiz a seleção Dividimos esses oito estudantes em de professor substituto, e atualmente grupos: um grupo de logística e que estou dando aula como professor teria que organizar toda a operação substituto de Voz e Performance. dessas apresentações. Outro grupo para a captação de recursos. E uma terceira equipe de divulgação, que C.C.: Após o TUCAN, como você ficava responsável pelo contato com ingressou no Cometa Cenas? gráficas, com a assessoria de F.M.: Então houve essa pausa no imprensa. As três equipes estavam muito dependentes entre si [...]. 25
  • 24. Inicialmente eu fiz um manualzinho de até que o prédio fosse pintado [...]. produção do Cometa Cenas, passo a Começamos a pensar, temos que dar passo. Eu lembro que esse um limite. Comunicar o professor da manualzinho foi meu primeiro trabalho disciplina. Esses problemas de porque eu fiquei responsável por listar conduta educação precisam ser o quê cada equipe fez e levantar sanados. Não estamos educando as problemas possíveis e como solucioná- pessoas? Sempre me incomodou o fato los. Isso foi muito enriquecedor, porque de que este trabalho de cena a partir disso, o Cometa Cenas independesse de todo o resto de começou a tomar a cara que a gente educação, bons modos, solidariedade queria e esperava. Houve um intento, [...]. Eu sinto falta do Cometa Cenas conseguimos a doação de 140 cadeiras entrar na pauta de currículo. [...] da Fundação Athos Bulcão para que o público que viesse fosse bem recebido… Em duas edições nós C.C.: Você sentia que o seu trabalho conseguimos fazer tudo impecável. era boicotado de alguma forma? F.M.: Não, não. Boicotado nunca, eu sempre tive muito espaço, e ocupei C.C.: Quais foram as edições? muito espaço. Eu ia além do que eu F.M.: As edições de 2004, 2005. devia ir e além do que eu podia ir. Tínhamos O Rinoceronte e Seis Personagens a Procura de um Autor, como Interpretação 4, em 2004. O C.C.: O Cometa Cenas exerce período que as diplomações eram influência no fazer artístico de Adubo, 2x=1... Essas edições Brasília? conseguimos bons resultados, equipar F.M.: Eu acho que exerce, mas muito com material os banheiros, as salas pouco, só no campo artístico. As limpas e equipadas com cadeiras e as pessoas encaram ele como um lugar cortinas de blackout funcionando. A de experimentação artistica gente fazia um trabalho, porque o quê simplesmente. Se ele fosse encarado acontece? Eu sempre critiquei que o com um evento de formação do artista, intento maior do Cometa Cenas fosse a computando educação oficina, debate, cena, porque para mim é um trabalho gestão e autonomia talvez a gente de educação, porque esse é um produzisse melhor teatro fora daqui. espaço que a gente tem aula diariamente, onde circulam muitas pessoas, e muitas pessoas tem que utilizar. Durante muito tempo a minha participação na equipe virou um protesto. Todo fim de Cometa Cenas a gente juntava os entulhos e fotografava. Houve uma edição em que a gente tirou três conteiners de lixo. Eu lembro de um episódio: uma apresentação inteira era feita com giz e as pessoas desenhavam nas paredes pretas do subsolo. Quando terminou a apresentação o giz não saia nem com pano molhado e isso nunca foi limpo, 26
  • 25. creditos - Equipe Cometa Cenas Coordenação Geral: Cecília Borges e Márcia Duarte Assistente de Coordenação: Rafael Tursi Secretaria: Ana Paula Monteiro e Isumy Kudo Coordenação de Programação: Adni Rocha Coordenação Logística: Ramayana Régis Coordenação de Divulgação: Letícia Medina Coordenação Técnica: Mari Massi Equipe de Apoio: Angelina Rodrigues, Bárbara Firmiano, Diego Borges, Flávio Café, Isabela Parisi, Izabele Pimenta, Karla Gamba, Nitiel Fernandes, Pamela Alves, Paulo Gomes, Plínio Perrú, Rita Cruz e Solange Souza Arte Gráfica: Quizzik Entrevistas: Letícia Medina Diagramação e Edição do Livreto: Rafael Tursi Foto: Jú lia do Va le 27