4   abertura e exposição
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Like this? Share it with your network

Share

4 abertura e exposição

  • 2,316 views
Uploaded on

 

  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
No Downloads

Views

Total Views
2,316
On Slideshare
2,316
From Embeds
0
Number of Embeds
0

Actions

Shares
Downloads
251
Comments
0
Likes
4

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. Fotografia DigitalAbertura e exposição
  • 2. Fotografia Digital Abertura e exposição Ao fotografarmos, permitimos que uma certa quantidade de luz entre através da objetiva atingindo o filme ou o sensor (no caso das câmeras digitais) por um determinado período de tempo. Para conseguirmos uma boa fotografia precisamos controlar esta relação entre quantidade de luz e o tempo que esta luz atinge o filme ou sensor digital
  • 3. Fotografia Digital Abertura e exposição Modo de exposição Automático Trabalha sugerindo o ajuste completo da exposição baseado na leitura e/ou na informação dada pelo fotógrafo faz os ajustes que provavelmente surtirão um melhor efeito.
  • 4. Fotografia Digital Abertura e exposição Automático Retrato Paisagem Macro Sport Noturno s/ flash
  • 5. Fotografia Digital Abertura e exposição A combinação do tamanho da abertura e o tempo que esta abertura permanece aberta é chamada de exposição. Na exposição o tamanho da abertura é determinada pelo diafragma, e o tempo que a luz atinge o filme pela velocidade de obturação
  • 6. Fotografia Digital Abertura e exposição A íris
  • 7. Fotografia Digital Abertura e exposição O diafragma. Conjunto de lâminas sobrepostas As diferentes aberturas do diafragma estão relacionadas com um número-f ou pontos. Sua seqüência é: 1 - 1.4 - 2.8 - 4 - 5.6 - 8 - 11 - 16 - 22 - 32 Quanto maior o número menor a abertura. A passagem de um número-f para outro indica que a luminosidade foi duplicada ou reduzida à metade
  • 8. Fotografia Digital Abertura e exposição f16 f11 f8 f5.6 f4 f2.8 f2 O diafragma e suas aberturas
  • 9. Fotografia Digital Abertura e exposição O obturador A principal função do obturador é controlar o tempo que a luz iluminará o sensor ou filme. Nas câmeras reflex o obturador consiste numa cortina que se abre e fecha por um determinado período de tempo.
  • 10. Fotografia Digital Abertura e exposição Obturador Central ou Concêntrico : Usado nas câmeras reflex de objetiva dupla, situa-se entre as lentes da objetiva, um pouco à frente do diafragma. É formado por um conjunto leve e compacto de lâminas, que se abrem quando o botão de disparo é acionado.
  • 11. Fotografia Digital Abertura e exposição Obturador de plano focal "ou de cortina": Encontrado nas câmeras monoreflex de 35mm, situa-se imediatamente defronte ao filme. É constituído por duas cortinas que se movem uma após a outra, separadas por um espaço regulável. O Obturador de cortina protege o filme contra a exposição à luz, quando as objetivas são trocadas
  • 12. Fotografia Digital Abertura e exposição O obturador de cortina
  • 13. Fotografia Digital Abertura e exposição As unidades de tempo da velocidade de obturação podem ser designadas desde frações de segundo até vários segundos.
  • 14. Fotografia Digital Abertura e exposição Por exemplo, se você regular a velocidade em 1, a luz entrará por um segundo; quando mudar para 2, reduz o tempo para meio segundo. Assim, se você regular a velocidade para 60 (1/60 de segundo), a luz entrará pela metade do tempo que entraria em 30 (1/30 de segundo) e assim sucessivamente.
  • 15. Fotografia Digital Abertura e exposição Medida e ajuste da exposição Para conseguirmos uma correta exposição precisamos escolher corretamente o par Diafragma x Velocidade, e a luz que chega ao filme seja suficiente para que nossa imagem não tenha áreas nem claras nem escura demais. A câmera nos auxilia nesta tarefa já que possui uma célula fotossensível que mede a luminosidade da cena convertendo luz em eletricidade - quanto maior a eletricidade mais luminosa é a cena.
  • 16. Fotografia Digital Abertura e exposição A câmera nos auxilia nesta tarefa já que possui uma célula fotossensível que mede a luminosidade da cena convertendo luz em eletricidade - quanto maior a eletricidade mais luminosa é a cena. A câmera analisa a luminosidade da cena e indica de acordo com esta análise se, para ela, o ajuste utilizado está “correto” ou não.
  • 17. Fotografia Digital Abertura e exposição sistema nikon sistema canon
  • 18. Fotografia Digital Abertura e exposição Em uma imagem a luminosidade pode ter uma variação bastante grande de uma área para a outra. Ajustando a exposição manualmente precisamos decidir que resultado gostaríamos de ter na luminosidade da imagem. Normalmente este ajuste é feito em um meio termo entre as duas áreas extremas de luminosidade da cena.