Your SlideShare is downloading. ×
www.CentroApoio.com - Biologia - Evolução - Vídeo Aula
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

www.CentroApoio.com - Biologia - Evolução - Vídeo Aula

9,346

Published on

www.CentroApoio.com - Biologia - Evolução - Vídeo Aula …

www.CentroApoio.com - Biologia - Evolução - Vídeo Aula

Veja o vídeo referente a esse material em nosso site : www.CentroApoio.com

Visite também nosso blog : www.aulasdebiologiaapoio.blogspot.com

Published in: Education
0 Comments
13 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total Views
9,346
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
0
Comments
0
Likes
13
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1.  
  • 2. Mudanças e transformações nos seres vivos transmitidas por gerações ao longo do tempo . Evolução não é Magia nem metamorfose!!!! EVOLUÇÃO DOS SERES VIVOS
  • 3. Os argumentos evolucionistas são: PALEONTOLÓGICOS Descoberta de formas fósseis , contraria a ideia da imutabilidade das espécies;
  • 4. ANATOMIA COMPARADA Diferentes espécies apresentam estruturas semelhantes ou membros com a mesma função, assim como órgãos vestigiais .
  • 5. EMBRIOLOGIA COMPARADA Quanto maior é o grau de semelhança entre os embriões dos animais, maior o grau de parentesco ou filogenia
  • 6. CITOLÓGICOS Observamos características diferentes a nível macroscópico , se analisarmos o mundo vivo a nível microscópico , não há grandes diferenças entre os seres vivos.
  • 7. Diferenças biogeográficas ocorreram devido à deriva dos continentes , a qual separou indivíduos da mesma espécie , que evoluiram dando origem a diferentes espécies , cada uma adaptada ao ambiente onde viveram . BIOGEOGRAFICOS
  • 8. BIOQUIMICOS Quanto mais semelhante for a sua constituição química, maior o grau de parentesco ou filogenia que pode ser estabelecido.
      • Os seres vivos são constituídos principalmente pelas biomoléculas: lípidos, prótidos e glícidos, ácidos nucleicos...
      • Existência de DNA e RNA e sua intervenção na síntese proteica
      • Universalidade do código genético
      • O fato de existirem 20 aminoácidos nos seres vivos
  • 9. 1. Que evidências contribuíram para reforçar a idéia de transformação das espécies em detrimento do fixismo no início do Século XIX?
  • 10. 1. Que evidências contribuíram para reforçar a idéia de transformação das espécies em detrimento do fixismo no início do Século XIX?
  • 11. A existência de formas intermediárias entre as espécies e as semelhanças entre os grupos, o que indicava um possível ancestral comum. Resposta:
  • 12. Principais teoria evolucionistas , destaca-se: Teoria de Lamarck Teoria de Darwin Teoria Neodarwinista ou Teoria Sintética da Evolução
  • 13. O principio evolutivo estaria baseado em duas Leis fundamentais. Lei do uso ou desuso: o uso de determinadas partes do corpo do organismo faz com que estas se desenvolvam , e o desuso faz com que se atrofiem . Lei da transmissão dos caracteres adquiridos : alterações provocadas em determinadas características do organismo, pelo uso e desuso , são transmitidas aos descendentes . Jean-Baptiste Lamarck ( 1744-1829 ) ADAPTAÇÃO AO MEIO
  • 14. As girafas teriam, a princípio, pescoços curtos e viveriam em ambientes onde a vegetação rasteira era relativamente escassa . A necessidade de esticar o pescoço para alcançar a folhagem no alto da árvore aumentou o tamanho do pescoço da girafa, ao longo das gerações ADAPTAÇÃO AO MEIO
  • 15. 2. Enuncie as duas leis de Lamarck e critique-as
  • 16. 2. Enuncie as duas leis de Lamarck e critique-as
  • 17. Resposta: Lei do Uso e do desuso: os órgãos que são utilizados se desenvolvem e os que não são se atrofiam; critica: é verdadeira apenas dentro dos limites da norma de reação. Lei da transmissão de caracteres adquiridos: as características passa dos pais para os filhos; crítica: apenas as modificações nos genes passam dos pais para os filhos.
  • 18. Organismos mais adaptados ao meio têm maiores chances de sobrevivência do que os menos adaptados, deixando maior número de descendentes . Os organismos mais adaptados são selecionados para aquele ambiente . Charles Darwin ( 1809-1882 )
  • 19. Assim , ao longo das gerações, a atuação da seleção natural sobre os indivíduos mantém ou melhora o grau de adaptação destes ao meio . 1º. Os indivíduos de uma mesma espécie apresentam variações em todos os caracteres, não sendo, portanto, idênticos entre si . 2º. Todo organismo tem grande capacidade de reprodução , produzindo muitos descendentes . Entretanto, apenas alguns dos descendentes chegam à idade adulta . 3º. O número de indivíduos de uma espécie é mantido mais ou menos constante ao longo das gerações . 4º. Organismos com variações favoráveis ás condições do ambiente onde vivem têm maiores chances de sobreviver e deixar descendentes , quando comparados aos organismos com variações menos favoráveis Resumindo
  • 20. 3. Que crítica pode ser feita ao Darwinismo?
  • 21. 3. Que crítica pode ser feita ao Darwinismo?
  • 22. Darwin não sabia como explicar como surgem as variações e como elas são transmitidas Resposta:
  • 23. Os dentilhões de Darwin - Estudados no arquipélago Galápagos Ancestral comum
  • 24.  
  • 25.  
  • 26.
    • (Mack-SP) Bactérias superpoderosas – Até meados de 2004, cerca de 40% das variedades da bactéria Streptococcus pneumoniae, causadora de pneumonia,sinusite e até meninguite, estarão resistentes aos dois antibióticos mais comuns: a penicilina e a eritromicia. O alerta é da Escola de Saúde Pública de Harvard. O desenvolvimento de germes superpoderosaé consequência do uso abusivo dos remédios.(Época,17/32003)
    • O texto acima se aplica à teoria evolucionista original de:
  • 27.
    • a) Darwin, que diz que os indivíduos diferenciados por mutação são selecionados, prevalecendo os mais resistentes.
    • b) Darwin, que diz que os indivíduos são selecionados, prevalecendo os mais resistentes.
    • c) ) Darwin, que diz que as características adquiridas pelo uso são transmitidas aos seus descendentes.
    • d) Lamarck, que diz que os indivíduos diferenciados por mutação são selecionados,prevalecendo os mais resistentes.
    • e) Lamarck, que diz que as características adquiridas pelo uso são transmitidas aos seus descentes.
  • 28. Macroevolução : há aparecimento de novas espécies. EVOLUÇÃO Microevolução : ocorrem modificações das composições gênicas em uma determinada população A barreira geográfica impede o intercruzamento e interrompe o fluxo gênico entre populações. Quando não entrecruzarem , por mecanismos que impeçam a fecundação, a gestação ou que produzam descendentes estéreis, teremos duas novas espécies. MACROEVOLUÇÃO E ESPECIAÇÃO
  • 29. Divisão de uma espécie em duas reprodutivamente isoladas. ESPECIAÇÃO
  • 30. O padrão mais comum de especiação é conhecido como especiação geográfica ou especiação alopátrica .
  • 31. Mecanismo pré-copulatório Mecanismo pós-copulatório impede cruzamento inter-específico reduz o sucesso do cruzamento inter-específico Pré-zigóticos Cópula sem fertilização Pós-zigóticos - Fertilização com morte do zigoto (incompatibilidade de cariótipos, etc.) - O zigoto produz uma F 1 de híbridos inviáveis ou com viabilidade reduzida (inviabilidade do híbrido). - Os zigotos dos híbridos da F 1 são completamente viáveis, mas parcial ou completamente estéreis ou ainda produzem uma F 2 deficiente (esterilidade do híbrido). Parceiros em potencial não se encontram (isolamento sazonal ou de hábitat) Parceiros em potencial encontram-se, mas não copulam (isolamento etológico) A cópula é tentada, mas não há transferência de espermatozóides (isolamento mecânico). Isolamento reprodutivo
  • 32. ATENÇÃO!!! Mecanismo Industrial Antes da Revolução Industrial os troncos das árvores eram recobertos por líquens que conferiam as mariposas uma cor acinzentada . Com a industrialização o aumento de resíduos poluentes gasosos, ocasionou a morte dos líquens e os troncos das árvores passaram a ficar escurecidos , com o excesso de fuligem.
  • 33. Baseado em Darwin + Noções atuais de genética A Teoria sintética da evolução ou Neodarwinismo
  • 34. De acordo com a síntese moderna, a variação genética em populações surge aleatoriamente através de mutação (atualmente sabemos que isto pode acontecer devido a erros na replicação do DNA) e recombinação genética consiste primariamente em modificações na freqüência dos alelos entre gerações resultando deriva genética , seleção natural e oscilação genética .
  • 35.
      • Os fatores evolutivos que atuam sobre o conjunto gênico da população podem ser reunidos duas categorias:
        • Fatores que tendem a aumentar a variabilidade genética da população: mutação gênica, mutação cromossônica, recombinação;
  • 36. Fatores que atuam sobre a variabilidade genética já estabelecida : seleção natural, migração e oscilação genética .
      • A integração desses fatores associada ao isolamento geográfico pode levar, ao longo do tempo , ao desenvolvimento de mecanismos de isolamento reprodutivo , quando, então, surgem novas espécies.
  • 37. 5 - ( PUC-MG) O esquema a seguir mostra a relação entre seleção e variabilidade genética.
  • 38.
    • Sobre esse assunto, é correto afirmar,exceto:
    • a) A seleção natural tende a aumentar a variabilidade genética, pois apenas alguns genótipos serão selecionados
    • b) Quanto mais intensa for a seleção natural sobre uma determinada população,menor será sua variabilidade.
    • c) Mesmo que o ambiente não se altere, a seleção natural atua permanentemente como fator estabilizador de fenótipos mais bem adaptados.
    • d) A evolução é o resultado da atuação da seleção natural sobre a variabilidade genética de uma população.
  • 39. 5 - ( PUC-MG) O esquema a seguir mostra a relação entre seleção e variabilidade genética.
  • 40.
    • a) A seleção natural tende a aumentar a variabilidade genética, pois apenas alguns genótipos serão selecionados
    • b) Quanto mais intensa for a seleção natural sobre uma determinada população,menor será sua variabilidade.
    • c) Mesmo que o ambiente não se altere, a seleção natural atua permanentemente como fator estabilizador de fenótipos mais bem adaptados.
    • d) A evolução é o resultado da atuação da seleção natural sobre a variabilidade genética de uma população.
    • Sobre esse assunto, é correto afirmar,exceto:

×