Your SlideShare is downloading. ×
Experiência de meselson e stahl
Experiência de meselson e stahl
Experiência de meselson e stahl
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Experiência de meselson e stahl

2,652

Published on

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
2,652
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
41
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. ESCOLA SECUNDÁRIA DE JAIME MONIZDisciplina: Biologia e Geologia – 11º ano Ano letivo: 2012/2013Unidade 5: Crescimento e renovação celularTema: Replicação do DNANome do aluno:_____________________________________ nº:___ Turma: ___ Data: __/__/__ FICHA DE TRABALHOEXPERIÊNCIA DE MESELSON E STAHLEm 1958, Meselson e Stahl levaram a cabo uma experiência, na qual se pode considerarduas etapas e que se encontram representadas seguidamente.Experiência AA1 – Cultivaram bactérias (Escherichia coli) em meios de cultura diferentes: um contendoum isótopo pesado de azoto (15N) e outro contendo azoto normal (14N).A2 – Extraíram o DNA das bactérias presentes em cada um dos meios de cultura eprocederam à sua centrifugação.A3 – Verificaram que as cadeias de DNA das bactérias cultivadas no meio contendo 15Neram mais densas do que as cadeias de DNA das bactérias que cresceram no meio comazoto normal (14N).Experiência BB1 – Cultivaram E. coli num meio de cultura com 15N.B2 – Após várias gerações de bactérias se terem desenvolvido no meio com azotopesado, foram transferidas para um meio de cultura com azoto normal (14N).Imediatamente após a transferência, foi retirada uma amostra de onde se extraiu o DNAque foi sujeito a centrifugação.B3 - Ao fim de 20 minutos (tempo necessário para que estas bactérias se dividam e deemorigem a uma nova geração), foi retirada uma amostra, extraído o DNA e centrifugado.B4 – Ao fim de 40 minutos, foi retirada uma nova amostra que foi sujeita ao procedimentoanterior (extração e centrifugação do DNA).
  • 2. 1 – Que resultados da experiência permitem afirmar que o DNA das bactérias cultivadasno meio com azoto pesado tinha maior densidade?2 – Por que razão o DNA das bactérias cultivadas no meio com azoto pesado tinha maiordensidade?3 – Em que medida os resultados desta experiência apoiam a hipótese semiconservativa?4 – Que resultados poderá prever relativamente à densidade das moléculas de DNA queuma terceira geração destas bactérias deveria apresentar?
  • 3. PROPOSTA DE SOLUÇÕES1 – Que resultados da experiência permitem afirmar que o DNA das bactérias cultivadas no meiocom azoto pesado tinha maior densidade?O DNA das bactérias cultivadas com azoto pesado é mais denso, porque após sersujeito a centrifugação encontra-se mais próximo da base do tubo (ao contrario doDNA das bactérias que foram cultivadas com azoto normal, que se dispõe maispróximo da superfície).2 – Por que razão o DNA das bactérias cultivadas no meio com azoto pesado tinha maiordensidade?Os nucleótidos utilizados para formar as suas cadeias de DNA incorporaram oazoto disponível no meio (azoto pesado), apresentando, por isso, maior densidade.3 – Em que medida os resultados desta experiência apoiam a hipótese semiconservativa?Os resultados apoiam a hipótese semiconservativa, na medida em que foi obtidauma primeira geração de DNA com densidade intermédia, relativamente àsbactérias cultivadas exclusivamente com 14N ou com 15N.4 – Que resultados poderá prever relativamente à densidade das moléculas de DNA que umaterceira geração destas bactérias deveria apresentar?Na terceira geração, deverá surgir 75% do DNA com o nível de densidadecorrespondente ao 14N e 25% de DNA com densidade intermédia.

×