Your SlideShare is downloading. ×
Apresenta..2[1]
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Apresenta..2[1]

209
views

Published on


0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
209
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
1
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Escola Profissional de Gaia Área de Integração Professor: Miguel Vieira Cátia Almeida nº3 Cátia Carvalho nº4 Joana Pinho nº9
  • 2. Introdução Neste trabalho escolhemoso Rio Douro por ser o rio danossa região e foi realizado nadisciplina de área deintegração a pedido doprofessor Miguel Vieira, neleo grupo vai abordar:As cheias;O leito de cheia;A extracção de inertes;A construção das barragens.
  • 3. O que são a cheias ? Fenómenos naturais extremos e temporários, provocados por precipitações moderadas e permanentes ou por precipitações repentinas e de elevada intensidade. Os caudais dos rios aumentam e, posteriormente, as águas do leito normal transbordam para as margens. As áreas vizinhas aos rios ou cursos de água estão mais sujeitas a inundações.
  • 4. As cheias do rio Douro Existem, em quase todos os invernos, aumento do caudal do rio Douro provocando inundações. Vou então identificar as 3 Cheia de 1739 inundações mais marcantes do rio Cheia de 1909 Douro. Cheia de 1962
  • 5. As cheias de 1739 Esta cheia durou 3 meses e foi muito violenta devido à chuva constante e aos trovões medonhos. Aconteceu tão repentinamente que destruiu tudo onde a água chegou, lojas, arvores, casas, originando mesmo mortes. O povo chegou a pensar que era o fim do mundo.
  • 6. As cheias de 1909 Entre os dias 17 e 25 de Dezembro de 1909 (época natalícia), as águas do Douro subiram o nível e a sua corrente arrastou tudo o que encontrava. Durante a tarde afogaram-se duas barcaças em Gaia, e todo o seu carregamento a bordo.
  • 7. Na régua, o caudal aumentou 23 metros e poucashoras depois do rio começar a subir, os bombeirosjá andavam a prestar auxílios aos moradores ecomerciantes da zona ribeirinha , felizmente não seobservou mortes nesta grande catástrofe, osbombeiros salvaram várias pessoas que seencontravam em apuros devido à água prenderpessoas dentro de casa. As cheias de 1962
  • 8. Implementar sistemas de vigilância, que permitam avisar atempadamente as populações de forma a diminuir os riscos de inundações ; Manter limpos e desobstruídos os leitos dos rios e fazer o desassoreamento;Prevenções Construir barragens para regularizar os caudais dos rios; Fazer uma boa gestão das bacias hidrográficas.
  • 9. Leito de cheias O leito de cheia é uma área envolvente de um rio que está sujeita a inundação em época de cheia.
  • 10. Extração de inertesA extração de inertes é onome dados aos mineraise outras substâncias quesão transportadas pelorio.Funciona como umaatividade comercial e emcada ano há possibilidadede se extrair 200 milmetros cúbicos de areia.
  • 11. Construções deBarragens O Rio Douro tem 15 barragens situando-se as seguintes em Portugal: Miranda, Picote, Bemposta, Pocinho, Valeira, Régua, Carrapatelo e Crestuma-Lever. Criaram-se grandes albufeiras de águas tranquilas, que incentivam a navegação turística e recreativa e a pesca desportiva. Tirando os períodos de grandes cheias, diz-se que o rio ficou controlado definitivamente.
  • 12. Albufeira BarragemForte acumulação desedimentos Fraca acumulação de sedimentos Leito rochoso
  • 13. Curiosidades -É um dos maiores rios da Península Ibérica tendo 927 km de comprimento -As suas margens são belas e produzem vinho do porto -A bacia hidrográfica Portuguesa do Douro tem uma superfície de 18.643 km² e sua área total que é de 97.603 km².
  • 14. Conclusão Com este trabalho,adquirimos bastanteconhecimento sobre o RioDouro e tudo o que acontececom ele, como sempre,ganhamos cultura geral etivemos muito gosto emtrabalhar este tema.
  • 15. Bibliografia http://portuense.blogspot.com/2004/12/cheias-no-douro.html http://escolamoinhosfrazao.blogspot.com/2008/02/rio-minho-nascente-espanha-nos-montes.html http://freguesias.esoterica.pt/santa_marinha/efemerides.htm http://grupo.us.es/ciberico/archivos_acrobat/porto2diasdasilva.pd´´ http://escritosdodouro.blogspot.com/2009/03/cheia-do-rio-douro-de-1962.html http://snirh.pt/junior/concurso2008/escolas/ColegioCEBES/SJ4987fccd4dab0.pdf http://pt.wikipedia.org/wiki/Rio_Douro#Barragens_no_rio_Douro
  • 16. Fim!

×