Modali colet fut

1,191 views
1,099 views

Published on

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
1,191
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
756
Actions
Shares
0
Downloads
10
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Modali colet fut

  1. 1. Modalidades Esportivas Coletivas FUTEBOL E FUTSAL Alessandro H. Nicolai Ré REGRAS BÁSICASFutsal (maiores detalhes em futsal.com.br): quadra, número jogadores, goleiro, substituições, lateral, escanteio, etc.Futebol (maiores detalhes em pt.fifa.com): campo, número jogadores, goleiro (bola atrasada), substituições, impedimento, etc. 1
  2. 2. Quais as características ideais em um atleta de alto nível?• Capacidades motoras condicionais Resistência aeróbia: importante para a recuperação entre os períodos de alta intensidade do jogo Velocidade/Potência muscular: fundamental para situações de elevada velocidade de deslocamento, saltos, etc.• Capacidades motoras coordenativas: importante para a execução das habilidades motoras específicas (fundamentos), organização e controle de movimentos (equilíbrio, agilidade, etc.)• Conhecimento cognitivo: inteligência de jogo, criatividade, p posicionamento tático adequado q• Controle emocional adequadoNA PRÁTICA É POSSÍVEL SEGMENTAR CADA UMA DESSAS CARACTERÍSTICAS?...OU ELAS INTERAGEM, INFLUENCIANDO-SE MUTUAMENTE? Futebol e futsal: uma visão geral Game-play Tatical demands Physical / technical demands(adaptado de Sheppard & Young, 2006) 2
  3. 3. Processo de aquisição de habilidades motoras (conceitos básicos)• O que é habilidade motora? Coordenação de movimentos corporais, para atingir determinado objetivo.• A execução de habilidades motoras relaciona-se com:a) as capacidades motoras coordenativas;b) as capacidades motoras condicionais;c) o conhecimento cognitivo. Red Bull – free style Interferência de aspectos cognitivos• Entendimento da informação• Parte integrante da ação habilidosa Desafio cognitivo 3
  4. 4. Características do Indivíduo (funcionais e estruturais) Força Coordenação Resistência Velocidade Características do AmbienteCaracterísticas da Tarefa HM fundamentais Estratégias de ensino-aprendizagem de habilidades motoras Prática randômica (aleatória) Regras rígidas, uma Jogos reais única HM Jogos reduzidos (regras adaptadas) r Prática Prática constante variada Uma única HM, sem Regras rígidas, variação diversas HM Prática em bloco (Williams & Hodges, 2005) 4
  5. 5. INTERFERÊNCIA DO PROCESSO DE MATURAÇÃO BIOLÓGICA • O processo de maturação biológica interfere no desempenho motor? Estágio ADULTO Estágio NÃO ADULTO (maturação biológica) (maturação biológica) Sem domínio da modalidade Bom nível de desempenho FÍSICO FÍSICO TÉCNICO TÉCNICO - Jogos reduzidos TÁTICO TÁTICO -Jogos formais e - Fundamentos com pouca - Jogos com regra (desenvolvimento - Jogos diversificados - Jogos com regra adaptados com variação e baixo desafio formal e jogos físico de modo com ênfase na formal e jogoselevada intensidade cognitivo (analítico) adaptados indireto) percepção espaço- adaptados de esforço - Jogos adaptados (baixa - Treino de - Jogos com temporal - Jogadas ensaiadas-- Treino específico complexidade) fundamentos com regras formais - Jogos com regra - Ênfase nosde força e potência - Estímulos motores elevada formal e adaptados sistemas de jogo diversificados (várias variabilidade modalidades) 5
  6. 6. Indicadores de prática em jogos (estatística de jogos) Categorias Sub-13 e Sub-15 (federados) – contatos com a bola por jogo (Ré, 2007, 2008) FUTSAL FUTEBOL 6
  7. 7. Fidedignidade e validade dos testes (Ré, 2007)Teste chute (veloc saída bola com precisão) p % chutes certos em 5 jogos Teste de passe e passes no jogo (Ré, 2007) Teste passe (contatar alvo em 30”) e % passes certos em cinco jogos 7
  8. 8. Dribles no jogo e teste de zigue-zague os% drib certos em cinco jogo bles Histórico de treinamento de atletas de alto nível: relações com o treinamento de não atletas adolescentes e adultos (NÃO SERÁ COBRADO EM PROVA) 8
  9. 9. Quantidade de prática em jogadores de futebol dos 8 aos 18 anos de idade (a) amador (universitário) (b) profissionais (Ward, 2002)Idade (desvio - padrão) de jogadores dediferentes níveis competitivos (Abernethy et al.,2005) A exposição PRECOCE ao esporte é importante? 9
  10. 10. Capacidades motoras condicionais: treinamento durante os jogos Futebol (Castagna et al., 2003) Futsal (Alvarez et al., 2008) Entre 8,1 e 13 km.h-1Distância percorrida Caminhando costas Correndo de costas Entre 13,1 e 18 km.h-1 Abaixo 8 km.h-1 Acima 18 km.h-1 Total acima 13 km.h-1 Futebol - Tempo (% do melhor tempo - sprint) em 5 sprints de 30m com 25” de intervalo (Bangsbo et al., 2006) – Avaliação da fadiga e intensidade esforço 10
  11. 11. Futebol feminino (Krustrup et al., 2005) Intensidade de esforço em adolescentes no futsal (Castagna et al., 2007) <70% FC máx. 70 a 85% FC máx. >85% FC máx.Respostas da FC em função do espaço de jogo, número de jogadores e reforço(motivação) do técnico (Rampini et al., 2007) Jogos sem goleiro e com tamanho do gol reduzido. Todos deveriam estar no meio campo de ataque para valer o gol 11
  12. 12. Distribuição da FC durante jogos de futsal (Alvarez, 2008) Futebol e promoção da saúde 12
  13. 13. 13

×