Apr mot introducao

1,497 views

Published on

0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
1,497
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
700
Actions
Shares
0
Downloads
68
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Apr mot introducao

  1. 1. APRENDIZAGEM MOTORA (AM)APRENDIZAGEM MOTORA (AM) INTRODUÇÃOINTRODUÇÃO
  2. 2. ENERGIA E INFORMAÇÃOENERGIA E INFORMAÇÃO O IMPORTANTE É O JEITO E NÃO A FORÇAO IMPORTANTE É O JEITO E NÃO A FORÇA
  3. 3. ENERGIA E INFORMAÇÃOENERGIA E INFORMAÇÃO Cavalo: sistema muscularCavalo: sistema muscular Cavaleiro: SNCCavaleiro: SNC
  4. 4. ENERGIA E INFORMAÇÃOENERGIA E INFORMAÇÃO Impulsão para o saltoImpulsão para o salto Saltar no tempo corretoSaltar no tempo correto
  5. 5. ENERGIA INFORMAÇÃOENERGIA INFORMAÇÃO • Sistema muscularSistema muscular • CondicionamentoCondicionamento físicofísico • ForçaForça • MáximoMáximo • Sistema nervosoSistema nervoso centralcentral • Habilidade motoraHabilidade motora • ControleControle • ÓtimoÓtimo Tani (2002)Tani (2002)
  6. 6. AM – CAMPO DE ESTUDOAM – CAMPO DE ESTUDO GRANDE ÁREA: Educação FísicaGRANDE ÁREA: Educação Física ÁREA: Comportamento MotorÁREA: Comportamento Motor NÍVEL DE ANÁLISE PRINCIPAL: ComportamentalNÍVEL DE ANÁLISE PRINCIPAL: Comportamental OBJETO DE ESTUDO: Habilidade MotoraOBJETO DE ESTUDO: Habilidade Motora DEFINIÇÃO: Área que estuda processos eDEFINIÇÃO: Área que estuda processos e mecanismos envolvidos na aquisição de habilidadesmecanismos envolvidos na aquisição de habilidades motoras e os fatores que influenciam a aquisiçãomotoras e os fatores que influenciam a aquisição delasdelas
  7. 7. AM E EFSAM E EFS APRENDIZAGEM MOTORA OBJETO DE ESTUDO PRODUÇÃO DE CONHECIMENTO HABILIDADES MOTORAS EFS CONTEÚDO DE ENSINO APLICAÇÃO DE CONHECIMENTO
  8. 8. am - FENÔMENOam - FENÔMENO • Estado internoEstado interno • Resultado de processos de organização eResultado de processos de organização e solução de problemas motorassolução de problemas motoras • Mudança relativamente permanenteMudança relativamente permanente • Alcançado com prática e experiênciaAlcançado com prática e experiência • Denota eficiência na execução de movimentosDenota eficiência na execução de movimentos para alcançar uma meta desejadapara alcançar uma meta desejada • Deduzida por meio do desempenho observávelDeduzida por meio do desempenho observável
  9. 9. HABILIDADE MOTORAHABILIDADE MOTORA 1) GRAU DE PROFICIÊNCIA1) GRAU DE PROFICIÊNCIA • Nível de desempenho; quão bem a ação é executadaNível de desempenho; quão bem a ação é executada • AAção complexa e intencional que envolveção complexa e intencional que envolve mecanismos (perceptivo, decisório e efetor) que,mecanismos (perceptivo, decisório e efetor) que, mediante o processo de aprendizagem, tornou-semediante o processo de aprendizagem, tornou-se organizada e coordenada de tal forma a alcançarorganizada e coordenada de tal forma a alcançar objetivos predeterminados com máxima certeza eobjetivos predeterminados com máxima certeza e mínimo dispêndio de energia (Guthrie, 1952; Whiting,mínimo dispêndio de energia (Guthrie, 1952; Whiting, 1975)1975)
  10. 10. HABILIDADE MOTORAHABILIDADE MOTORA 2) TAREFA MOTORA2) TAREFA MOTORA • Padrão de movimentoPadrão de movimento peculiar que permite atingirpeculiar que permite atingir a meta desejadaa meta desejada • Passíveis de classificaçãoPassíveis de classificação (ambiente, precisão, etc.)(ambiente, precisão, etc.)
  11. 11. CLASSIFICAÇÃO DECLASSIFICAÇÃO DE HABILIDADES MOTORASHABILIDADES MOTORAS Critério: AmbienteCritério: Ambiente FECHADA • ambiente instável, imprevisível • depende de evento externo anterior • variações ambientais são determinantes • impossível prever condições ambientais durante a execução • capacidade de adaptação é fundamental p/ o sucesso ABERTA • ambiente estável, previsível • sem pressão de tempo ou necessidade de ajustes repentinos • variações ambientais não são determinantes • previsão das condições do ambiente durante a execução • consistência é fundamental p/ o sucesso
  12. 12. FECHADA • diversificar o padrão de movimento • realizar variação e não enfatizar detalhes • estimular: 1) capacidade de julgamento dos eventos ambientais; 2) tomada de decisão sobre ajustes no movimento ABERTA • fixar o padrão de movimento • não é necessário realizar variação • permite maior instrução sobre especificações técnicas do movimento ImplicaçõesImplicações
  13. 13. RECONHECENDO O TERRENORECONHECENDO O TERRENO
  14. 14. RECONHECENDO O TERRENORECONHECENDO O TERRENO Fornecimento de informaçãoFornecimento de informação OK, eu quero que você se prepare para golpearOK, eu quero que você se prepare para golpear mais cedo, faça o balanço de baixo para cima,mais cedo, faça o balanço de baixo para cima, mantenha o pulso firme, gire seu quadril, façamantenha o pulso firme, gire seu quadril, faça contato na parte da frente, flexione seus joelhoscontato na parte da frente, flexione seus joelhos e mantenha o olho na bola. E lembre-se dee mantenha o olho na bola. E lembre-se de permanecer relaxado!permanecer relaxado! ?!?!?!?!?!?!?!?!?!?!?!?!??!?!?!?!?!?!?!?!?!?!?!?!?
  15. 15. RECONHECENDO O TERRENORECONHECENDO O TERRENO • Como você aprendeu a driblar?Como você aprendeu a driblar? • Que tipos de experiências práticasQue tipos de experiências práticas funcionaram?funcionaram? • Que tipo de informação você recebeuQue tipo de informação você recebeu durante o processo?durante o processo? • Lembra-se no início quando você driblavaLembra-se no início quando você driblava com uma das mãos e algumas vezes perdiacom uma das mãos e algumas vezes perdia o controle da bola?o controle da bola?
  16. 16. RECONHECENDO O TERRENORECONHECENDO O TERRENO • Habilidade motora é inata?Habilidade motora é inata? • Habilidade motora é um domHabilidade motora é um dom divino?divino? • Já nascemos com habilidade?Já nascemos com habilidade? • Capacidade X HabilidadeCapacidade X Habilidade
  17. 17. AM – A QUEM INTERESSAAM – A QUEM INTERESSA • Pessoas que desejam aperfeiçoar aPessoas que desejam aperfeiçoar a experiência de movimentoexperiência de movimento • Pesquisadores que investigamPesquisadores que investigam cientificamente a área e contribuemcientificamente a área e contribuem com estudos acadêmicoscom estudos acadêmicos • Indivíduos que, na práticaIndivíduos que, na prática profissional, buscam auxiliar outrasprofissional, buscam auxiliar outras pessoas na aquisição de habilidadepessoas na aquisição de habilidade motoramotora
  18. 18. Formulando As Perguntas CertasFormulando As Perguntas Certas Quem? Aprendiz Onde? Ambiente Qual? Tarefa Desempenho Habilidoso

×