• Share
  • Email
  • Embed
  • Like
  • Save
  • Private Content
Ap carla
 

Ap carla

on

  • 340 views

 

Statistics

Views

Total Views
340
Views on SlideShare
340
Embed Views
0

Actions

Likes
0
Downloads
0
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Ap carla Ap carla Presentation Transcript

    • Sistemas de Arquivos Adaptativos na Computação Ubíqua e Pervasiva Carla Pires e Adenauer Yamin Mestrado em Computação Universidade Federal de Pelotas - UFPEL. 14 de dezembro de 2011
    • Sumário 1 Introdução 2 Arquivos Pervasivos do Usuário Questões a serem tratadas 3 Ambientes de Computação Pervasiva Projeto ISAM Arquitetura ISAM ISAMadapt EXEHDA Projeto GAIA Arquitetura GAIA Projeto Aura Arquitetura Aura Projeto CODA Odyssey Conclusão
    • IntroduçãoIntrodução Conceitos Computação Ubíqua. Computação Pervasiva. Implicação Necessidade de monitoramento; Aplicações se adaptarem ao contexto onde estão inseridas.
    • IntroduçãoIdéia de computação Ubíqua Figura: exemplo extraído do vídeo A Day Made of Glass - Computadores invisíveis e presentes em tudo.
    • IntroduçãoIntrodução A computação pervasiva pressupõe: Que os arquivos do usuário estejam sempre acessíveis, a qualquer momento e em qualquer lugar; Necessidade de compreender o contexto; Aplicações são capazes de se adaptar; Esta capacidade deve ser transparente ao usuário. Nova Classe de sistemas Computacionais - Sistemas Adaptativos ao Contexto
    • Arquivos Pervasivos do UsuárioGerencia de Arquivos Pervasivos do Usuário Necessidades: Acesso facilitado aos arquivos do Usuário; Arquivos e dados do Usuário disponíveis em qualquer lugar, tempo ou Dispositivo. Para garantir este acesso pervasivo aos arquivos, algumas questões precisam ser tratadas!!
    • Arquivos Pervasivos do Usuário Questões a serem tratadasQuestões a serem tratadas Mobilidade Irrestrita do Usuário; Heterogeneidade de Recursos; Necessidade de Compartilhar recursos; Sensibilidade ao Contexto; Adaptação. Considerando estas questões, conclui-se que desenvolver aplicações com tais características é um desafio!!
    • Ambientes de Computação PervasivaAmbientes de Computação Pervasiva Desafio: Algumas linguagens e ferramentas foram propostas par possibilitar o desenvolvimento de aplicações adaptáveis às mudanças de contexto.
    • Ambientes de Computação Pervasiva Projeto ISAMProjeto ISAM Foco do ISAM é o desenvolvimento e execução de aplicações móveis, distribuídas e conscientes ao contexto; A gerência de arquivos é feita com a criação de um Espaço Virtual de Arquivos. Sobre o Espaço Virtual são construídos: Ambiente Virtual do Usuário; Base de Dados Pervasiva.
    • Ambientes de Computação Pervasiva Projeto ISAMArquitetura A Arquitetura do Projeto ISAM disponibiliza: Middleware baseado em Serviços - EXEHDA; Que fornece um ambiente de execução pervasiva ás aplicações; Disponibiliza acesso aos dados através do componente ISAMpe; Possui a linguagem de programação ISAMadpt; Viabiliza a semântica "siga-me".Projeto ISAM - http://www.inf.ufrgs.br/ isam
    • Ambientes de Computação Pervasiva Projeto ISAMISAMadapt Componente da arquitetura ISAM É um ambiente de desenvolvimento de aplicações móveis com comportamento adaptativo para ambientes de computação pervasiva. ISAMadapt executa sobre o EXEHDAGustavo Frainer - Utilizando adaptação consciente da aplicação no acesso a arquivos em um ambiente pervasivo,2007
    • Ambientes de Computação Pervasiva EXEHDAEXEHDA O EXEHDA foi desenvolvido para disponibilizar ambiente pervasivo, ao ISAMpe, e dar suporte a aplicações desenvolvidas no ISAMadapt Orientado a Serviços; Controla o ambiente de execução para aplicações desenvolvidas no ISAMadaptAdenauer Corrêa Yamin - Arquitetura para um Ambiente de Grade Computacional Direcionado as AplicaçõesDistribuídas, Móveis e Conscientes do Contexto da Computação Pervasiva. PhD thesis, UFRGS, 2004
    • Ambientes de Computação Pervasiva Projeto GAIAGAIA Infra-estrutura baseada em Middleware sensível ao contexto; Os dados e tarefas do usuário estão sempre disponíveis, e são mapeados dinamicamente para a localização do usuário; Utiliza o conceito de AVU.
    • Ambientes de Computação Pervasiva Projeto GAIAArquitetura Arquitetura GAIA Kernel, Framework e Aplications; O Kernel é formado por 5 serviços: 1 Event Manager, 2 Context Service, 3 Context FIle System, 4 Repository Service e 5 Presence Service.Manuel Román - Gaia: A middleware infrastructure to enable active spaces. IEEE Pervasive Computing, 2002
    • Ambientes de Computação Pervasiva Projeto AuraAura Fornece uma Arquitetura de gerência para Sistemas Pervasivos; Implementa a idéia de AVU; Foco no Usuário; Atende as necessidades de Adaptação ao Contexto; A idéia principal é o conceito de "Aura"Computacional do Usuário.
    • Ambientes de Computação Pervasiva Projeto AuraAura Arquitetura do Projeto Aura Utiliza modificações de projetos como CODA e Odyssey; Possui ainda um Gerenciador de Tarefas e um Observador de Contexto;David Garlan - Project aura: Toward distraction-free pervasive computing. IEEE Pervasive Computing, 2002
    • Ambientes de Computação Pervasiva Projeto CODACODA CODA é um Sistema Avançado de Armazenamento de Arquivos em Rede; Proporciona acesso constante aos dados ; Cache Local com servidor de dados; Trabalho no modelo Cliente Servidor.Peter J. Braam - The coda distributed file system, 1998
    • Ambientes de Computação Pervasiva OdysseyOdyssey Odyssey é um sistema Cliente Servidor desenvolvido para suportar acesso a informações móveis. suporta aplicações sensíveis ao contexto e adaptação; Cache Local com servidor de dados;Brian D. Noble - Mobile Data Access. PhD thesis,1998
    • Ambientes de Computação Pervasiva ConclusãoConclusão A computação pervasiva é o novo paradigma do século; Grande desafio para os pesquisadores; A grande maioria dos projetos oferecem soluções para problemas específicos;