Direitos de Aprendizagem - PNAIC

112,945 views
113,536 views

Published on

http://despactando.blogspot.com.br/

Published in: Education
3 Comments
16 Likes
Statistics
Notes
  • Maria Betania : professora Lagoa da Canoa Al
       Reply 
    Are you sure you want to  Yes  No
    Your message goes here
  • Essas informações possibilitam compreender o que é Pnaic e seus objetivo para poder acompanhar o trabalho pedagògico dos professores.prefeitura de Lagoa Da Canoa Al
       Reply 
    Are you sure you want to  Yes  No
    Your message goes here
  • Essas informações possibilitaram compreender o que é pnaic e seus objetivos para poder acompanhar o trabalho pedagógico dos professores. Prefeitura de Cametá
       Reply 
    Are you sure you want to  Yes  No
    Your message goes here
No Downloads
Views
Total views
112,945
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
63,854
Actions
Shares
0
Downloads
1,235
Comments
3
Likes
16
Embeds 0
No embeds

No notes for slide
  • Inclui todas as referências.
  • Direitos de Aprendizagem - PNAIC

    1. 1. DIREITOS DEAPRENDIZAGEMNO CICLO DEALFABETIZAÇÃO
    2. 2. Institucionalização da escola no Brasil: Anos 70 - 80 – sistema escolar excludente: atendiauma pequena parte da população; Final dos anos 80 até 90 – democratização escolar:acesso e permanência na escola; Anos 90 à atualidade – escola inclusiva: todos têmgarantido o direito à aprendizagem.CONTEXTO HISTÓRICO
    3. 3.  Artigo 22 da LDBN 9394/96: assegurar formaçãoindispensável para o exercício da cidadania (progressono trabalho e estudos); Artigo 32 da LDBN 9394/96: E.F. obrigatório de 9(nove) anos, gratuito na escola pública, iniciando-seaos 6 (seis) anos de idade, tendo o objetivo a formaçãobásica do cidadão.DIREITO À EDUCAÇÃO BÁSICA
    4. 4. METAS E DESAFIOS...2022:Desenvolvimento daEducação Básicaequivalente à médiados países integrantesda Organização para aCooperação e oDesenvolvimentoEconômico (OCDE).PISA: Programa Internacional de Avaliação dos Estudantes(f.e. 15 anos)
    5. 5.  PISA - Avaliação do desempenho nas áreas deLeitura, Matemática e Ciências em situações queexigem reflexão, argumentação, comunicação eresolução de problemas propostos em desafios docontexto social. Resultado 2009: entre 65 países, o Brasil ocupa aposição de número 53 na análise do PISA: 28% dosbrasileiros são considerados analfabetos funcionais e35% dos alunos que chegam ao quinto ano deescolarização não conseguem ler.METAS E DESAFIOS...
    6. 6. Vídeo “Destino Educação: Episódio 6, Canal Futura/SesiNacional (primeiros 8’46”), disponível em:
    7. 7. Sugestões de problematização a partir do vídeo:a)História da institucionalização da escola no Brasil recente(1808, c/vinda da família real) X história nos paísesdesenvolvidos;b)Séc. XX: foco na transição demográfica X universalização daeducação (período da escola excludente);c)Sociedade iletrada X déficit na exigência da qualidade deaprendizagem das crianças;d)Existência de padrões de qualidade de ensino diferenciadosem escolas públicas de acordo com a comunidade local(responsabilidade social dos educadores p/ essa ruptura).
    8. 8.  Artigo 214 da Constituição Federal (1988)– PNE (2011/2020): finalidade de elevar o nível daqualidade do ensino no País; Estudos apontam que 98% das crianças brasileirascom idades entre 7 e doze anos estão matriculadasnas escolas. No entanto, isso não reflete,necessariamente, uma melhora na qualidade doensino no país. Como reverter esse quadro?PROBLEMATIZANDO...
    9. 9. Esquema Prof. Beatriz Nadal – UEPGEDUCAÇÃO DE QUALIDADE:RESPONSABILIDADE SOCIALSOCIEDADEPODERPÚBLICO
    10. 10. “O respeito à autonomia e à dignidadede cada um é um imperativo ético enão um favor que podemos ou nãoconceder uns aos outros.”(FREIRE, 1998, p. 66).EDUCAÇÃO DE QUALIDADE:RESPONSABILIDADE SOCIAL
    11. 11. POLÍTICAS PÚBLICAS E ODIREITO DE APRENDIZAGEM Ampliação do E. F. para 9 anos para garantir que osalunos da rede pública de ensino iniciem o processoformal de alfabetização aos seis anos de idade(Decreto 11.274/2006); A definição dos três primeiros anos do E. F. como operíodo destinado à alfabetização (PNE 2011/2020 –Brasil, 2011); Investimento na formação continuada de professores,por meio da criação da Rede Nacional de Formaçãode Professores e do desenvolvimento de programasde formação continuada (Pró-Letramento, PNAIC).
    12. 12. DIREITO À EDUCAÇÃO BÁSICALDBN 9394/96 - Artigo 32: incisos I ao IV
    13. 13. DIREITO À ALFABETIZAÇÃO
    14. 14. A ESCOLA E O DIREITO DEAPRENDIZAGEM Após o vídeo, discutam em grupo sobre os DIREITOS DE APRENDIZAGEM e aresponsabilidade da ESCOLA:
    15. 15. A ESCOLA E O DIREITO DEAPRENDIZAGEMVídeo Profº HollandDIREITOS DE APRENDIZAGEMDIREITOS DOS ALUNOS DEVERES DO PROFESSOR/ESCOLA
    16. 16. A ESCOLA E O DIREITO DEAPRENDIZAGEMAnalisar as questões do caderno daProvinha Brasil e identificar quais direitos Deaprendizagem são contemplados em cada umadelas.
    17. 17.  Vínculos entre currículo, metodologias e avaliação; Prioridade no planejamento do ensino; Planejamento e orientação das progressões doensino e das aprendizagens dos estudantes; Delimitação dos saberes que devem ser construídospelas crianças ao final de cada ano escolar do ciclo dealfabetização.A ESCOLA E O DIREITO DEAPRENDIZAGEM
    18. 18. DIREITO GERAIS DE APRENDIZAGEM: Compreender e produzir textos orais e escritos dediferentes gêneros;Apreciar e compreender textos do universoliterário e diferenciar seus diversos gêneros;Participar de situações de leitura/escuta eprodução oral e escrita de textos (temas sociaisrelevantes); Produzir e compreender textos orais e escritoscom finalidades voltadas para a reflexão sobrevalores e comportamentos sociais.
    19. 19. APRENDIZAGEM LPANÁLISELINGUÍST.CONSOLIDARINTRODUZIRAPROFUNDAR
    20. 20. DELIMITAÇÃO DE SABERES:LÍNGUA PORTUGUESA1º ano do Ciclo de Alfabetização: Perspectiva do alfabetizar letrando; Apropriação da escrita alfabética; Ampliação das experiências de letramento.
    21. 21. 2º ano do Ciclo de Alfabetização: Leitura e escrita de palavras de diferentes padrõessilábicos; Segmentação de palavras no texto; Utilização de diferentes tipos de letras na leitura dediferentes gêneros textuais; Utilização de diferentes tipos de letras na escrita dediferentes gêneros textuais.DELIMITAÇÃO DE SABERES:LÍNGUA PORTUGUESA
    22. 22. 3º ano do Ciclo de Alfabetização: Leitura e escrita de diferentes gêneros de formaautônoma (sem precisar de ledor ou escriba); Consolidar as correspondências grafofônicas (relaçõesentre letras e fonemas), seja na leitura ou na escrita; Aprendizagem da leitura e de produção de textos,individuais e coletivas, de modo articulado ao eixo deanálise linguística; Aprendizagem da oralidade, sobretudo em situaçõesmais formais, de modo articulado ao eixo de análiselinguística.DELIMITAÇÃO DE SABERES:LÍNGUA PORTUGUESA
    23. 23. “Aos oito anos de idade, os alunos precisam, portanto, tera compreensão do funcionamento do sistema alfabéticode escrita; o domínio das correspondências grafofônicas,mesmo que dominem poucas convenções ortográficasirregulares e poucas regularidades que exijamconhecimentos morfológicos mais complexos; a fluênciade leitura e o domínio de estratégias de compreensão ede produção de textos escritos.”(Caderno de Apresentação do Programa)
    24. 24. Tarefa de Casa:- Comparar os quadros de direitos de aprendizagem - Língua Portuguesae o documento curricular da Rede de Ensino (Diretrizes)- Conhecer o instrumento de avaliação sugerido no Portal.- Conhecer o quadro de acompanhamento de aprendizagem e o quadrode perfil da turma. (comparar com o parecer da escola)
    25. 25. BIBLIOGRAFIA Caderno de Apresentação do Programa Freire, P. Pedagogia da Autonomia: saberesnecessários à prática educativa. São Paulo: Paz eTerra. 7ª ed., 1998.
    26. 26. REFERÊNCIASCUNHA, C. CINTRA, L. Nova gramática do portuguêscontemporâneo. Rio de Janeiro: Lexikon, 2008.DIONISIO, ANGELA PAIVA & ORGANIZADORAS.Gêneros textuais & ensino. Rio de janeiro: Lucerna,2007.FARACO, C. A. Escrita e alfabetização. São Paulo:Contexto, 1994.FERREIRO, EMILIA. Alfabetização em processo. SãoPaulo: Cortez, 2009.FERREIRO, EMILIA. Reflexões sobre alfabetização.São Paulo: Cortez, 2011.
    27. 27. GUIMARÃES, S. R. K.; MALUF, M. R. Aprendizagemda linguagem escrita. São Paulo: Vetor, 2010.LEMLE, M. Guia teórico do alfabetizador. São Paulo:Ática, 2005.MORAIS, ARTHUR GOMES DE. Ortografia: Ensinar eaprender. São Paulo: Ática, 2009.SCLIAR-CABRAL, L. Guia prático de alfabetização.São Paulo: Contexto, 2003.SMOLKA, ANA LUIZA BUSTAMANTE. A alfabetizaçãocomo processo discursivo. São Paulo: Cortez, 2008.

    ×